SlideShare uma empresa Scribd logo
ETICA APLICADA




                 PROF. MARCELO BOIA
UMA REFLEXÃO SOBRE A ÉTICA
APLICADA.

O conceito “Ética Aplicada” surgiu
nos anos 60 do séc. XX, por
analogia com outras disciplinas,
como a física aplicada, a sociologia
aplicada,    etc.   e    pretendeu,
sobretudo, dar uma resposta às
incertezas relativamente ao futuro
das próximas gerações humanas
provocadas pelo desenvolvimento
tecnocientífico.
Os     desastres      ecológicos,   a
manipulação genética, a energia
nuclear, etc., criaram preocupações
relativamente à perversão das
características únicas e essenciais
do homem e relativamente aos
efeitos remotos, cumulativos e
irreversíveis      da     intervenção
tecnológica sobre a natureza.
Além disso, depois da queda do muro de Berlim
(1989),    acelera-se     o     fenómeno      da
globalização,   com    os    novos     problemas
económicos, políticos, sociais e culturais.
Mudou a natureza do capital: apareceram os
fluxos financeiros internacionais, com as
multinacionais. Mudou a natureza do trabalho-
antes, os fatores de produção eram três: o
Trabalho, o Capital e a Terra; -hoje, a produção
tornou-se mais intensiva no conhecimento. O
saber constitui um fator de diferenciação no
trabalho. O que vale é o trabalho qualificado e
criativo. Mudou o papel do Estado. Com a
globalização, o Estado tem de saber conciliar o
nacional e o internacional e criar condições
estruturais de competitividade em escala
global.
Etica aplicada
O QUE É MORAL E ÉTICA?
O ser humano, diferentemente dos
animais,                     segue
regras,   princípios,  valores   e
normas. Podemos definir, então, a
moral como esse conjunto de
valores que rege a vida dos
indivíduos em sociedade. Não há
sociedade humana sem algum tipo
de preceito que orienta a vida das
pessoas.
Etica aplicada
Quando chamamos alguém de imoral, queremos
dizer que, às vezes, a pessoa até acredita nos
valores morais, mas, em algum momento, o
transgride. Por exemplo, uma pessoa pode
acreditar na fidelidade, mas se conhece alguém
interessante e "trai" o seu companheiro(a), ela
cometeu um ato imoral. Posso acreditar que
roubar seja errado e pautar as minhas ações na
honestidade, entretanto, por uma questão de
vida ou morte, posso abrir mão da honestidade
e matar a fome dos meus filhos, através de
algum ato "condenável": furtar uma fruta ou
qualquer outro alimento.
Evidentemente, posso cometer atos leves
ou pesados como o "chumbo". As
perguntas são: a minha consciência me
acusará? Eu terei paz? O que fiz foi justo?
Veja que não estamos nos referindo às
leis feitas pelos homens, ou seja, não se
trata de uma questão jurídica. Como
exemplo, podemos citar o salário de um
político no Brasil. Pode até ser legal, mas
será moral, num país onde a maioria do
povo ganha salários miseráveis? Pois é...
Etica aplicada
O amoral é alguém que não tem
nenhum compromisso com os valores
morais. Não segue uma regra; não
tem consciência moral; não sente
culpa, remorso ou arrependimento. É
capaz de enganar, manipular e até
assassinar pessoas, para satisfazer
desejos egoístas. São os chamados
psicopatas e outros adjetivos pouco
"nobres".
A ética, quase sempre, é confundida com a
moral. A palavra ética vem do grego (ethos) e
significa costumes. A palavra moral vem do
latim ("mores", "morus") e tem o sentido de
costumes também. A ética é a morada do
homem. Ela nos tira do estado de natureza
bruto e nos dar um verniz de cultura. Percebe-
se que ambas têm raízes comuns. De um ponto
de vista prático, podemos até usá-las com o
mesmo significado, todavia, filosoficamente, a
ética serve para designar a parte da Filosofia
que faz uma reflexão teórica a respeito dos
fundamentos da moral. Ela é também chamada
de Filosofia moral. Ela busca refletir e teorizar
sobre o que é o "certo e o errado"; o que é o
"justo e injusto"; o que é "permitido e proibido".
Em suma, busca os fundamentos sobre o conjunto
das ações humanas. Assim, uma pessoa pode agir
uma vida inteira moralmente, mas nunca agir
eticamente. A ética pressupõe o questionamento
sobre todos os nossos atos e procura dar-lhes um
significado. O agir ético exige a autonomia do
sujeito. Enquanto a moral é o agir de forma
heterônoma, ou seja, os valores vêm de fora, pois
são dados pela sociedade ou cultura em que
vivemos, e não são questionados, a ética é
autônoma, pois ao questionar, refletir e teorizar
sobre os fundamentos da moral, agora eu mesmo
posso aceitá-los ou rejeitá-los e, até mesmo,
preconizar outras formas de pensar, sentir e agir,
mas de forma consciente e livre.
Agir eticamente não é fácil. Exige
coragem e disposição para enfrentar os
obstáculos da moral constituída. Neste
sentido, é a partir do constituído ( a
moral ) que prescrevemos novos valores
constituintes. O indivíduo deve ser livre
para agir eticamente. O fundamento não
pode ser divino, porque senão a ética
passa a ser um meio sobrenatural para
resolver    dilemas    da    consciência
humana.
Agir eticamente, é agir com a própria
consciência e assumir a responsabilidade
pelos próprios atos. O interessante é que o
que hoje pode ser considerado imoral e
antiético, amanhã poderá ser perfeitamente
aceito como um valor ético. Como exemplo,
podemos defender o direito de que todo
padre poderia casar-se e constituir uma
família. Talvez os escândalos de pedofilia
diminuíssem bastante. Seria quase que o
apocalipse, entretanto, com o passar do
tempo tornar-se-ia um fato banal. Daí o
fundamento tão somente humano...
Eis um dos maiores dilemas humanos: o
fardo de carregar a liberdade tal qual
uma praga que nos assombra; liberdade
de fazer escolhas o tempo todo. Os
animais não se preocupam com isso, já
são programados biologicamente; o
homem, infelizmente ou felizmente, não
sei, precisa escolher e assumir os seus
atos. Como já dizia Caetano Veloso:
"Cada um sabe a delícia e a dor de ser o
que é".
FONTE:http://marcoaureliofilosofia.blogspot.com


CONTEÚDO                  RELACIONADO    AO
MODULO 11                 CAPITULO 1: ÉTICA
APLICADA.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Democracia
DemocraciaDemocracia
Ética moral e valores
Ética moral e valoresÉtica moral e valores
Ética moral e valores
Patrícia Éderson Dias
 
apresentação sobre ética
apresentação sobre ética apresentação sobre ética
apresentação sobre ética
Silvio Mmax
 
Cultura
CulturaCultura
Cultura
Jhonatan Max
 
Ciências e valores
Ciências e valoresCiências e valores
Ciências e valores
Pedro Gervásio
 
Introdução à Sociologia
Introdução à SociologiaIntrodução à Sociologia
Introdução à Sociologia
Alison Nunes
 
Desigualdades sociais
Desigualdades sociaisDesigualdades sociais
Desigualdades sociais
Bernardo Matos
 
Racionalismo x Empirismo
Racionalismo x EmpirismoRacionalismo x Empirismo
Racionalismo x Empirismo
Leonardo Leitão
 
Aristóteles
AristótelesAristóteles
Aristóteles
julia marcondes
 
Filosofia Grécia
Filosofia GréciaFilosofia Grécia
Filosofia Grécia
Luci Bonini
 
ORIGEM DA FILOSOFIA
ORIGEM DA FILOSOFIA ORIGEM DA FILOSOFIA
ORIGEM DA FILOSOFIA
Silmara Vedoveli
 
Filosofia da Arte: Arte e estética
Filosofia da Arte: Arte e estéticaFilosofia da Arte: Arte e estética
Filosofia da Arte: Arte e estética
Raphael Lanzillotte
 
Filosofia
Filosofia Filosofia
Filosofia
Erica Frau
 
Filosofia Ocidental e Oriental
Filosofia Ocidental e OrientalFilosofia Ocidental e Oriental
Filosofia Ocidental e Oriental
José Mario da Silva
 
5 filosofia e ciencia
5 filosofia e ciencia 5 filosofia e ciencia
5 filosofia e ciencia
Erica Frau
 
Valores
ValoresValores
Etica e liberdade
Etica e liberdadeEtica e liberdade
Etica e liberdade
Jonathan Araújo
 
Ciência, tecnologia e sociedade
Ciência, tecnologia e sociedadeCiência, tecnologia e sociedade
Ciência, tecnologia e sociedade
Cláudia Moura
 
Trabalho e Sociedade
Trabalho e SociedadeTrabalho e Sociedade
Trabalho e Sociedade
Portal do Vestibulando
 
Introdução à filosofia
Introdução à filosofiaIntrodução à filosofia
Introdução à filosofia
José Aristides Silva Gamito
 

Mais procurados (20)

Democracia
DemocraciaDemocracia
Democracia
 
Ética moral e valores
Ética moral e valoresÉtica moral e valores
Ética moral e valores
 
apresentação sobre ética
apresentação sobre ética apresentação sobre ética
apresentação sobre ética
 
Cultura
CulturaCultura
Cultura
 
Ciências e valores
Ciências e valoresCiências e valores
Ciências e valores
 
Introdução à Sociologia
Introdução à SociologiaIntrodução à Sociologia
Introdução à Sociologia
 
Desigualdades sociais
Desigualdades sociaisDesigualdades sociais
Desigualdades sociais
 
Racionalismo x Empirismo
Racionalismo x EmpirismoRacionalismo x Empirismo
Racionalismo x Empirismo
 
Aristóteles
AristótelesAristóteles
Aristóteles
 
Filosofia Grécia
Filosofia GréciaFilosofia Grécia
Filosofia Grécia
 
ORIGEM DA FILOSOFIA
ORIGEM DA FILOSOFIA ORIGEM DA FILOSOFIA
ORIGEM DA FILOSOFIA
 
Filosofia da Arte: Arte e estética
Filosofia da Arte: Arte e estéticaFilosofia da Arte: Arte e estética
Filosofia da Arte: Arte e estética
 
Filosofia
Filosofia Filosofia
Filosofia
 
Filosofia Ocidental e Oriental
Filosofia Ocidental e OrientalFilosofia Ocidental e Oriental
Filosofia Ocidental e Oriental
 
5 filosofia e ciencia
5 filosofia e ciencia 5 filosofia e ciencia
5 filosofia e ciencia
 
Valores
ValoresValores
Valores
 
Etica e liberdade
Etica e liberdadeEtica e liberdade
Etica e liberdade
 
Ciência, tecnologia e sociedade
Ciência, tecnologia e sociedadeCiência, tecnologia e sociedade
Ciência, tecnologia e sociedade
 
Trabalho e Sociedade
Trabalho e SociedadeTrabalho e Sociedade
Trabalho e Sociedade
 
Introdução à filosofia
Introdução à filosofiaIntrodução à filosofia
Introdução à filosofia
 

Destaque

Etica Aplicada
Etica AplicadaEtica Aplicada
ETICA APLICADA
ETICA APLICADAETICA APLICADA
ETICA APLICADA
mariaeb
 
La ética aplicada en nuestra vida personal y profesional
La ética aplicada en nuestra vida personal y profesionalLa ética aplicada en nuestra vida personal y profesional
La ética aplicada en nuestra vida personal y profesional
angehg63
 
Ética general
Ética generalÉtica general
Ética general
Yvonee *
 
Diferença entre moral e ética
Diferença entre moral e éticaDiferença entre moral e ética
Diferença entre moral e ética
Karla Carioca
 
Etica aplicada en las empresas colombianas
Etica aplicada en las empresas colombianasEtica aplicada en las empresas colombianas
Etica aplicada en las empresas colombianas
linam_604
 
ética na internet
ética na internetética na internet
ética na internet
candidacbertao
 
Ramas de la ética
Ramas de la éticaRamas de la ética
Ramas de la ética
Keyla Chico
 
Moral e ética
Moral e éticaMoral e ética
Moral e ética
Marcela Marangon Ribeiro
 
Ética Moral e Valores.
Ética Moral e Valores.Ética Moral e Valores.
Ética Moral e Valores.
Secretaria da Educação
 
Peter singer etica pratica
Peter singer   etica praticaPeter singer   etica pratica
Peter singer etica pratica
Lilian Perin Fernandes
 
Etica antropocentrica
Etica antropocentricaEtica antropocentrica
Etica antropocentrica
Polly Souto
 
Juizos de realidade e valor
Juizos de realidade e valorJuizos de realidade e valor
Juizos de realidade e valor
Thiagojbk
 
Filosofia 10ºa
Filosofia 10ºaFilosofia 10ºa
Filosofia 10ºa
Rui Neto
 
Ramas de la ética
Ramas de la éticaRamas de la ética
Ramas de la ética
esther beltra
 
BIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOS
BIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOSBIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOS
BIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOS
Oyara Mello
 
Filosofia 4
Filosofia 4Filosofia 4
La etica y el ser humano
La etica y el ser humanoLa etica y el ser humano
La etica y el ser humano
deysiyans
 
éTica empírica
éTica empíricaéTica empírica
éTica empírica
Claudia Andrea Giraldo
 
1 pluralidad axiológica expo eq rosalba
1 pluralidad axiológica expo eq rosalba1 pluralidad axiológica expo eq rosalba
1 pluralidad axiológica expo eq rosalba
Mariana Ubaldo
 

Destaque (20)

Etica Aplicada
Etica AplicadaEtica Aplicada
Etica Aplicada
 
ETICA APLICADA
ETICA APLICADAETICA APLICADA
ETICA APLICADA
 
La ética aplicada en nuestra vida personal y profesional
La ética aplicada en nuestra vida personal y profesionalLa ética aplicada en nuestra vida personal y profesional
La ética aplicada en nuestra vida personal y profesional
 
Ética general
Ética generalÉtica general
Ética general
 
Diferença entre moral e ética
Diferença entre moral e éticaDiferença entre moral e ética
Diferença entre moral e ética
 
Etica aplicada en las empresas colombianas
Etica aplicada en las empresas colombianasEtica aplicada en las empresas colombianas
Etica aplicada en las empresas colombianas
 
ética na internet
ética na internetética na internet
ética na internet
 
Ramas de la ética
Ramas de la éticaRamas de la ética
Ramas de la ética
 
Moral e ética
Moral e éticaMoral e ética
Moral e ética
 
Ética Moral e Valores.
Ética Moral e Valores.Ética Moral e Valores.
Ética Moral e Valores.
 
Peter singer etica pratica
Peter singer   etica praticaPeter singer   etica pratica
Peter singer etica pratica
 
Etica antropocentrica
Etica antropocentricaEtica antropocentrica
Etica antropocentrica
 
Juizos de realidade e valor
Juizos de realidade e valorJuizos de realidade e valor
Juizos de realidade e valor
 
Filosofia 10ºa
Filosofia 10ºaFilosofia 10ºa
Filosofia 10ºa
 
Ramas de la ética
Ramas de la éticaRamas de la ética
Ramas de la ética
 
BIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOS
BIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOSBIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOS
BIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOS
 
Filosofia 4
Filosofia 4Filosofia 4
Filosofia 4
 
La etica y el ser humano
La etica y el ser humanoLa etica y el ser humano
La etica y el ser humano
 
éTica empírica
éTica empíricaéTica empírica
éTica empírica
 
1 pluralidad axiológica expo eq rosalba
1 pluralidad axiológica expo eq rosalba1 pluralidad axiológica expo eq rosalba
1 pluralidad axiológica expo eq rosalba
 

Semelhante a Etica aplicada

Mesa redonda ética e cidadania
Mesa redonda   ética e cidadaniaMesa redonda   ética e cidadania
Mesa redonda ética e cidadania
Canício Scherer
 
Texto 1 -_o_que_é_ética
Texto 1 -_o_que_é_éticaTexto 1 -_o_que_é_ética
Texto 1 -_o_que_é_ética
vanessaemarcelo
 
O que é ética
O que é éticaO que é ética
O que é ética
Katia Lopes
 
Ética
Ética Ética
ÉTICA E AÇÃO MORAL - 3 ANO
ÉTICA  E AÇÃO MORAL - 3 ANOÉTICA  E AÇÃO MORAL - 3 ANO
ÉTICA E AÇÃO MORAL - 3 ANO
Diego Bian Filo Moreira
 
Modelos de bioética.ppt
Modelos de bioética.pptModelos de bioética.ppt
Modelos de bioética.ppt
EveraldoCescon1
 
Ética e Cidadania 2º semestre - mackenzie 2012
Ética e Cidadania   2º semestre - mackenzie 2012Ética e Cidadania   2º semestre - mackenzie 2012
Ética e Cidadania 2º semestre - mackenzie 2012
Fábio Peres
 
Texto25 P7
Texto25 P7Texto25 P7
Texto25 P7
renatotf
 
01. ética, moral e valores
01. ética, moral e valores01. ética, moral e valores
01. ética, moral e valores
Rosenira Dantas II
 
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humana
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humanaBioética, vulnerabilidade e dignidade humana
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humana
Família Cristã
 
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humana
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humanaBioética, vulnerabilidade e dignidade humana
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humana
Família Cristã
 
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humana
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humanaBioética, vulnerabilidade e dignidade humana
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humana
Família Cristã
 
éTica cristã 2010.2 puc-rio
éTica cristã 2010.2 puc-rioéTica cristã 2010.2 puc-rio
éTica cristã 2010.2 puc-rio
Edson Theodoro Froes
 
Ética: Ciência prática de uma teoria das virtudes. Excerto do livro "redescob...
Ética: Ciência prática de uma teoria das virtudes. Excerto do livro "redescob...Ética: Ciência prática de uma teoria das virtudes. Excerto do livro "redescob...
Ética: Ciência prática de uma teoria das virtudes. Excerto do livro "redescob...
Monika Picanço
 
èTica profissional ii
èTica profissional iièTica profissional ii
èTica profissional ii
Sheila Cristino
 
38 etcid
38 etcid38 etcid
38 etcid
Eurides Soares
 
Etica
EticaEtica
Etica
Erica Frau
 
Apostila 08 a ética na contabilidade
Apostila 08   a ética na contabilidadeApostila 08   a ética na contabilidade
Apostila 08 a ética na contabilidade
zeramento contabil
 
aula01_etica_e_moral_breve_historico_da_etica.pptx
aula01_etica_e_moral_breve_historico_da_etica.pptxaula01_etica_e_moral_breve_historico_da_etica.pptx
aula01_etica_e_moral_breve_historico_da_etica.pptx
Rita256453
 
SLIDES - TEMPOS HISTÓRICOS - ÉTICA.ppt
SLIDES - TEMPOS HISTÓRICOS - ÉTICA.pptSLIDES - TEMPOS HISTÓRICOS - ÉTICA.ppt
SLIDES - TEMPOS HISTÓRICOS - ÉTICA.ppt
JessicaAntunes25
 

Semelhante a Etica aplicada (20)

Mesa redonda ética e cidadania
Mesa redonda   ética e cidadaniaMesa redonda   ética e cidadania
Mesa redonda ética e cidadania
 
Texto 1 -_o_que_é_ética
Texto 1 -_o_que_é_éticaTexto 1 -_o_que_é_ética
Texto 1 -_o_que_é_ética
 
O que é ética
O que é éticaO que é ética
O que é ética
 
Ética
Ética Ética
Ética
 
ÉTICA E AÇÃO MORAL - 3 ANO
ÉTICA  E AÇÃO MORAL - 3 ANOÉTICA  E AÇÃO MORAL - 3 ANO
ÉTICA E AÇÃO MORAL - 3 ANO
 
Modelos de bioética.ppt
Modelos de bioética.pptModelos de bioética.ppt
Modelos de bioética.ppt
 
Ética e Cidadania 2º semestre - mackenzie 2012
Ética e Cidadania   2º semestre - mackenzie 2012Ética e Cidadania   2º semestre - mackenzie 2012
Ética e Cidadania 2º semestre - mackenzie 2012
 
Texto25 P7
Texto25 P7Texto25 P7
Texto25 P7
 
01. ética, moral e valores
01. ética, moral e valores01. ética, moral e valores
01. ética, moral e valores
 
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humana
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humanaBioética, vulnerabilidade e dignidade humana
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humana
 
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humana
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humanaBioética, vulnerabilidade e dignidade humana
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humana
 
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humana
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humanaBioética, vulnerabilidade e dignidade humana
Bioética, vulnerabilidade e dignidade humana
 
éTica cristã 2010.2 puc-rio
éTica cristã 2010.2 puc-rioéTica cristã 2010.2 puc-rio
éTica cristã 2010.2 puc-rio
 
Ética: Ciência prática de uma teoria das virtudes. Excerto do livro "redescob...
Ética: Ciência prática de uma teoria das virtudes. Excerto do livro "redescob...Ética: Ciência prática de uma teoria das virtudes. Excerto do livro "redescob...
Ética: Ciência prática de uma teoria das virtudes. Excerto do livro "redescob...
 
èTica profissional ii
èTica profissional iièTica profissional ii
èTica profissional ii
 
38 etcid
38 etcid38 etcid
38 etcid
 
Etica
EticaEtica
Etica
 
Apostila 08 a ética na contabilidade
Apostila 08   a ética na contabilidadeApostila 08   a ética na contabilidade
Apostila 08 a ética na contabilidade
 
aula01_etica_e_moral_breve_historico_da_etica.pptx
aula01_etica_e_moral_breve_historico_da_etica.pptxaula01_etica_e_moral_breve_historico_da_etica.pptx
aula01_etica_e_moral_breve_historico_da_etica.pptx
 
SLIDES - TEMPOS HISTÓRICOS - ÉTICA.ppt
SLIDES - TEMPOS HISTÓRICOS - ÉTICA.pptSLIDES - TEMPOS HISTÓRICOS - ÉTICA.ppt
SLIDES - TEMPOS HISTÓRICOS - ÉTICA.ppt
 

Mais de Marcelo Ferreira Boia

Hebreus fenicios e persas
Hebreus fenicios e persasHebreus fenicios e persas
Hebreus fenicios e persas
Marcelo Ferreira Boia
 
Africa antes-dos-europeus
Africa antes-dos-europeusAfrica antes-dos-europeus
Africa antes-dos-europeus
Marcelo Ferreira Boia
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrial
Marcelo Ferreira Boia
 
Revolução francesa
Revolução francesaRevolução francesa
Revolução francesa
Marcelo Ferreira Boia
 
Era Vargas 1
Era Vargas 1Era Vargas 1
Era Vargas 1
Marcelo Ferreira Boia
 
Era Vargas
Era Vargas Era Vargas
O nazi fascismo
O nazi fascismo O nazi fascismo
O nazi fascismo
Marcelo Ferreira Boia
 
O nazi fascismo
O nazi fascismo O nazi fascismo
O nazi fascismo
Marcelo Ferreira Boia
 
Crise de 1929 oficial
Crise de 1929 oficial Crise de 1929 oficial
Crise de 1929 oficial
Marcelo Ferreira Boia
 
O que é conhecimento
O que é conhecimentoO que é conhecimento
O que é conhecimento
Marcelo Ferreira Boia
 
Brasil colonia 2
Brasil colonia 2 Brasil colonia 2
Brasil colonia 2
Marcelo Ferreira Boia
 
Processo de colonização do brasil
Processo de colonização do brasilProcesso de colonização do brasil
Processo de colonização do brasil
Marcelo Ferreira Boia
 
Brasil colnia 2
Brasil colnia 2 Brasil colnia 2
Brasil colnia 2
Marcelo Ferreira Boia
 
America espanhola
America espanhola America espanhola
America espanhola
Marcelo Ferreira Boia
 
America espanhola (1)
America espanhola (1)America espanhola (1)
America espanhola (1)
Marcelo Ferreira Boia
 
Reformas religiosas
Reformas religiosas Reformas religiosas
Reformas religiosas
Marcelo Ferreira Boia
 
Renascimento cultural
Renascimento culturalRenascimento cultural
Renascimento cultural
Marcelo Ferreira Boia
 
A formacao das monarquias nacionais
A formacao das monarquias nacionais A formacao das monarquias nacionais
A formacao das monarquias nacionais
Marcelo Ferreira Boia
 
Primeira guerra-mundial
Primeira guerra-mundialPrimeira guerra-mundial
Primeira guerra-mundial
Marcelo Ferreira Boia
 
Mesopotamia
MesopotamiaMesopotamia

Mais de Marcelo Ferreira Boia (20)

Hebreus fenicios e persas
Hebreus fenicios e persasHebreus fenicios e persas
Hebreus fenicios e persas
 
Africa antes-dos-europeus
Africa antes-dos-europeusAfrica antes-dos-europeus
Africa antes-dos-europeus
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrial
 
Revolução francesa
Revolução francesaRevolução francesa
Revolução francesa
 
Era Vargas 1
Era Vargas 1Era Vargas 1
Era Vargas 1
 
Era Vargas
Era Vargas Era Vargas
Era Vargas
 
O nazi fascismo
O nazi fascismo O nazi fascismo
O nazi fascismo
 
O nazi fascismo
O nazi fascismo O nazi fascismo
O nazi fascismo
 
Crise de 1929 oficial
Crise de 1929 oficial Crise de 1929 oficial
Crise de 1929 oficial
 
O que é conhecimento
O que é conhecimentoO que é conhecimento
O que é conhecimento
 
Brasil colonia 2
Brasil colonia 2 Brasil colonia 2
Brasil colonia 2
 
Processo de colonização do brasil
Processo de colonização do brasilProcesso de colonização do brasil
Processo de colonização do brasil
 
Brasil colnia 2
Brasil colnia 2 Brasil colnia 2
Brasil colnia 2
 
America espanhola
America espanhola America espanhola
America espanhola
 
America espanhola (1)
America espanhola (1)America espanhola (1)
America espanhola (1)
 
Reformas religiosas
Reformas religiosas Reformas religiosas
Reformas religiosas
 
Renascimento cultural
Renascimento culturalRenascimento cultural
Renascimento cultural
 
A formacao das monarquias nacionais
A formacao das monarquias nacionais A formacao das monarquias nacionais
A formacao das monarquias nacionais
 
Primeira guerra-mundial
Primeira guerra-mundialPrimeira guerra-mundial
Primeira guerra-mundial
 
Mesopotamia
MesopotamiaMesopotamia
Mesopotamia
 

Etica aplicada

  • 1. ETICA APLICADA PROF. MARCELO BOIA
  • 2. UMA REFLEXÃO SOBRE A ÉTICA APLICADA. O conceito “Ética Aplicada” surgiu nos anos 60 do séc. XX, por analogia com outras disciplinas, como a física aplicada, a sociologia aplicada, etc. e pretendeu, sobretudo, dar uma resposta às incertezas relativamente ao futuro das próximas gerações humanas provocadas pelo desenvolvimento tecnocientífico.
  • 3. Os desastres ecológicos, a manipulação genética, a energia nuclear, etc., criaram preocupações relativamente à perversão das características únicas e essenciais do homem e relativamente aos efeitos remotos, cumulativos e irreversíveis da intervenção tecnológica sobre a natureza.
  • 4. Além disso, depois da queda do muro de Berlim (1989), acelera-se o fenómeno da globalização, com os novos problemas económicos, políticos, sociais e culturais. Mudou a natureza do capital: apareceram os fluxos financeiros internacionais, com as multinacionais. Mudou a natureza do trabalho- antes, os fatores de produção eram três: o Trabalho, o Capital e a Terra; -hoje, a produção tornou-se mais intensiva no conhecimento. O saber constitui um fator de diferenciação no trabalho. O que vale é o trabalho qualificado e criativo. Mudou o papel do Estado. Com a globalização, o Estado tem de saber conciliar o nacional e o internacional e criar condições estruturais de competitividade em escala global.
  • 6. O QUE É MORAL E ÉTICA? O ser humano, diferentemente dos animais, segue regras, princípios, valores e normas. Podemos definir, então, a moral como esse conjunto de valores que rege a vida dos indivíduos em sociedade. Não há sociedade humana sem algum tipo de preceito que orienta a vida das pessoas.
  • 8. Quando chamamos alguém de imoral, queremos dizer que, às vezes, a pessoa até acredita nos valores morais, mas, em algum momento, o transgride. Por exemplo, uma pessoa pode acreditar na fidelidade, mas se conhece alguém interessante e "trai" o seu companheiro(a), ela cometeu um ato imoral. Posso acreditar que roubar seja errado e pautar as minhas ações na honestidade, entretanto, por uma questão de vida ou morte, posso abrir mão da honestidade e matar a fome dos meus filhos, através de algum ato "condenável": furtar uma fruta ou qualquer outro alimento.
  • 9. Evidentemente, posso cometer atos leves ou pesados como o "chumbo". As perguntas são: a minha consciência me acusará? Eu terei paz? O que fiz foi justo? Veja que não estamos nos referindo às leis feitas pelos homens, ou seja, não se trata de uma questão jurídica. Como exemplo, podemos citar o salário de um político no Brasil. Pode até ser legal, mas será moral, num país onde a maioria do povo ganha salários miseráveis? Pois é...
  • 11. O amoral é alguém que não tem nenhum compromisso com os valores morais. Não segue uma regra; não tem consciência moral; não sente culpa, remorso ou arrependimento. É capaz de enganar, manipular e até assassinar pessoas, para satisfazer desejos egoístas. São os chamados psicopatas e outros adjetivos pouco "nobres".
  • 12. A ética, quase sempre, é confundida com a moral. A palavra ética vem do grego (ethos) e significa costumes. A palavra moral vem do latim ("mores", "morus") e tem o sentido de costumes também. A ética é a morada do homem. Ela nos tira do estado de natureza bruto e nos dar um verniz de cultura. Percebe- se que ambas têm raízes comuns. De um ponto de vista prático, podemos até usá-las com o mesmo significado, todavia, filosoficamente, a ética serve para designar a parte da Filosofia que faz uma reflexão teórica a respeito dos fundamentos da moral. Ela é também chamada de Filosofia moral. Ela busca refletir e teorizar sobre o que é o "certo e o errado"; o que é o "justo e injusto"; o que é "permitido e proibido".
  • 13. Em suma, busca os fundamentos sobre o conjunto das ações humanas. Assim, uma pessoa pode agir uma vida inteira moralmente, mas nunca agir eticamente. A ética pressupõe o questionamento sobre todos os nossos atos e procura dar-lhes um significado. O agir ético exige a autonomia do sujeito. Enquanto a moral é o agir de forma heterônoma, ou seja, os valores vêm de fora, pois são dados pela sociedade ou cultura em que vivemos, e não são questionados, a ética é autônoma, pois ao questionar, refletir e teorizar sobre os fundamentos da moral, agora eu mesmo posso aceitá-los ou rejeitá-los e, até mesmo, preconizar outras formas de pensar, sentir e agir, mas de forma consciente e livre.
  • 14. Agir eticamente não é fácil. Exige coragem e disposição para enfrentar os obstáculos da moral constituída. Neste sentido, é a partir do constituído ( a moral ) que prescrevemos novos valores constituintes. O indivíduo deve ser livre para agir eticamente. O fundamento não pode ser divino, porque senão a ética passa a ser um meio sobrenatural para resolver dilemas da consciência humana.
  • 15. Agir eticamente, é agir com a própria consciência e assumir a responsabilidade pelos próprios atos. O interessante é que o que hoje pode ser considerado imoral e antiético, amanhã poderá ser perfeitamente aceito como um valor ético. Como exemplo, podemos defender o direito de que todo padre poderia casar-se e constituir uma família. Talvez os escândalos de pedofilia diminuíssem bastante. Seria quase que o apocalipse, entretanto, com o passar do tempo tornar-se-ia um fato banal. Daí o fundamento tão somente humano...
  • 16. Eis um dos maiores dilemas humanos: o fardo de carregar a liberdade tal qual uma praga que nos assombra; liberdade de fazer escolhas o tempo todo. Os animais não se preocupam com isso, já são programados biologicamente; o homem, infelizmente ou felizmente, não sei, precisa escolher e assumir os seus atos. Como já dizia Caetano Veloso: "Cada um sabe a delícia e a dor de ser o que é".
  • 17. FONTE:http://marcoaureliofilosofia.blogspot.com CONTEÚDO RELACIONADO AO MODULO 11 CAPITULO 1: ÉTICA APLICADA.