SlideShare uma empresa Scribd logo
Anamnese Núcleo de Educação Física

                   Nome:
       Dados
                   Data Nascimento:
      Pessoais
                   Sexo:

                Endereço:
                Telefones:
       Dados
                E-mail:
     Cadastrais
                ESF de Referência:
                ACS:

                   Profissão:
     Dados de
                   Horas de trabalho diário:
     Trabalho
                   Turno:

                                   Dados de Saúde
           PERGUNTA                          ESPECIFICAÇÃO
     Realizou consulta
     clínica nos últimos 6
     meses para prática de
     atividade física?
     Sente dor no peito,
     tontura ou falta de ar
     durante o esforço?
                                                 ( ) Sim   ( )Não
          Faz uso de
                            Tipo:
         medicamentos?
                            Dosagem diária:
                            Sexo:
                            Idade:
                            Hereditariedade:
     Presença de fatores de Colesterol:
           risco para       Hipertensão:
      desenvolvimento de    Diabetes:
     doença cardiovascular Obesidade:
                            Tabagismo (quantidade diária):
                            Bebida de álcool:
                            Sedentarismo:
                            Qual?
     Presença de doenças Tempo?
                            Tratamento:

Jorge Luiz dos Santos de Souza CREF 02/RS 7731                      1
Realizou ou irá realizar alguma cirurgia?
            Cirurgias           Qual (tipo)?
                                Quando?
       Limitações ósteo-        Lesões ou fraturas prévias?
           articulares          Local:
      Limitações músculo-       Lesões prévias?
           articulares          Local:
                                Está grávida?
                                Tempo de gestação:
      Gravidez/Gestações        Tempo da última Gravidez:
                                Nº de Gestações:
                                Nº de Filhos:
                                Qualidade do sono:
                                Horas de sono por noite:
              Sono
                                Presença de apneia (ronco):
                                Insônia:

                          Prática de Exercício Físico
                            Já praticou atividade física regular?
                            Qual?
       Experiência Prévia   Duração:
                            Frequência:
                            Está parado(a) a quanto tempo:
                            Pratica alguma atividade física?
                            Qual?
       Experiência atual
                            Há quanto tempo:
                            Frequência:
                            Qual o objetivo com a prática regular de
                            exercício físico?
           Objetivos

                                Que tipo de exercícios que mais gosta?

          Preferências
                                Que tipo de exercícios que não gosta?


                                Dias da semana:
        Tempo disponível        Turno:
                                Horas:

                                     Observações




Jorge Luiz dos Santos de Souza CREF 02/RS 7731                              2
Questionário de Prontidão para Atividade Física (Q-PAF)



    Nº                      Questão                          Resposta


       Seu médico já mencionou alguma vez que
       você possui um problema do coração e lhe
    01                                                  ( ) Sim     ( ) Não
       recomendou que só fizesse atividade física
       sob supervisão médica?


         Você sente dor no tórax quando realiza
    02                                                  ( ) Sim     ( ) Não
         atividade física?


         Você sentiu dor no tórax quando estava
    03                                                  ( ) Sim     ( ) Não
         realizando atividade física no último mês?


         Já perdeu o equilíbrio por causa de tonturas
    04                                                  ( ) Sim     ( ) Não
         ou alguma vez perdeu a consciência?


       Possui algum problema ósseo ou articular
    05 que poderia ser agravado com a prática de        ( ) Sim     ( ) Não
       atividade física?


       Seu médico está prescrevendo uso de
    06 medicamentos para sua pressão arterial ou        ( ) Sim     ( ) Não
       coração?


         Conhece alguma outra razão pela qual você
    07                                                  ( ) Sim     ( ) Não
         não deveria praticar atividade física


    Obs: Se houver ao menos uma resposta SIM é recomendável uma
    avaliação médica antes de iniciar a prática de exercícios físicos




Jorge Luiz dos Santos de Souza CREF 02/RS 7731                            3
Questionário de Avaliação de Limitação da Mobilidade



                 Item                              Grau de Limitação
                                          ( )Não tem dificuldade
  Normalmente tem dificuldade pra
                                          ( )Tem pequena dificuldade
    sentar, tomar banho ou ir ao
                                          ( )Tem grande dificuldade
              banheiro?
                                          ( )Não consegue

  Normalmente tem dificuldade pra         ( )Não tem dificuldade
  correr, levantar objetos pesados,       ( )Tem pequena dificuldade
praticar esportes ou realizar trabalhos   ( )Tem grande dificuldade
              pesados?                    ( )Não consegue

                                          ( )Não tem dificuldade
 Normalmente tem dificuldade para
                                          ( )Tem pequena dificuldade
empurrar mesa ou realizar consertos
                                          ( )Tem grande dificuldade
          domésticos?
                                          ( ) Não consegue

                                          ( )Não tem dificuldade
  Normalmente tem dificuldade para        ( )Tem pequena dificuldade
      subir ladeira ou escada?            ( )Tem grande dificuldade
                                          ( )Não consegue

                                          ( )Não tem dificuldade
 Normalmente tem dificuldade para         ( )Tem pequena dificuldade
abaixar-se, ajoelhar-se ou curvar-se?     ( )Tem grande dificuldade
                                          ( )Não consegue

                                          ( )Não tem dificuldade
 Normalmente tem dificuldade para         ( )Tem pequena dificuldade
 andar mais do que um quilômetro?         ( )Tem grande dificuldade
                                          ( )Não consegue

                                          ( )Não tem dificuldade
  Normalmente tem dificuldade para        ( )Tem pequena dificuldade
    andar cerca de cem metros?            ( )Tem grande dificuldade
                                          ( )Não consegue




Jorge Luiz dos Santos de Souza CREF 02/RS 7731                         4
Nome:

Idade:                  Data teste:                     ESF:



                              Medidas e Avalições

                            Massa Corporal:
                            Estatura:
                            Massa Gorda:
                            % Gordura
                            Massa Magra:
       Antropometria
                            % Massa Magra:
                            Circunferência
                            Abdominal:
                            Circunferência de
                            pescoço:
                            Pressão arterial:
      Respostas             FC de repouso:
  Cardiovasculares de       FCmáx estimada:
        repouso             FC basal:
                            FC de reserva:
                            Tempo total do teste:
                            Distância Total:
                            Velocidade máxima:
                            VO2 Máx (ml.kg-1min-1):
                            FC repouso pré-teste:
                            FC máxima:
     Respostas de           FC pós-teste 1’:
    desempenho e            FC pós-teste 2’:
 cardiorrespiratórias ao    FC pós-teste 3’:
   Teste de Esforço         FC pós-teste:
         Máximo             Lac. repouso:
                            Velocidade no LLac:
                            Lac Máximo:
                            Lac Recuperação:
                            SSE máx:
                            P.A. pré-teste:
                            P.A. pós-teste:
                            Interrupção do teste por:
Obs:




Jorge Luiz dos Santos de Souza CREF 02/RS 7731                 5
Tabelas de Referência



               Variável                                               Índice
        % gordura Masculino:                                        12 a 15%
         % Gordura Feminino:                                        20 a 25%
           Equação Usada                                          Petroski 1995
  Circunferência Abdômen Feminino:                      80cm risco aumentado 88cm muito
                                                                   aumentado
  Circunferência Abdômen Maculino:                       94cm risco aumentado 103 muito
                                                                   aumentado
          FCR=FCmax-FCbasal                            FC basal: mensurada 3 a 4 min após
                                                            acordar (ainda na cama)


             TABELAS COM OS ÍNDICES DO CONSUMO DE OXIGÊNIO
                 População                                          Volume de Oxigênio

Classificação                                   Vo2 Absoluto (litro/min)      Vo2 Relativo (ml/kg/min)
    Cardíacos gravemente enfermos                      1 (l/mim)                    16 a 18 (ml/kg/min)
  Cardíacos moderadamente enfermos                   1 a 2 (l/mim)                  18 a 22 (ml/kg/min)
   Sedentários baixa capacidade física              2,1 a 3,3 (l /mim)              23 a 29 (ml/kg/min)
  Sedentários média capacidade física              2,1 a 3,3 (l /mim)               30 a 39 (ml/kg/min)
             Ativos treinados                      maior 3,4 (l /mim)            maior 40 (ml/kg/min)
            Atletas de alto nível                      6 (l /mim)                      80 (ml/kg/min)

                                                     Fonte: Yazbek & Battistella, 1994




                     Nível de Aptidão Física do American Heart Association - AHA
                               Para Mulheres - Vo2 max em ml(kg.min)
    Idade          Muito Fraca        Fraca              Regular              Boa              Excelente
20 – 29                - 24           24 - 30             31 - 37            38 - 48              > 49
30 – 39                - 20           20 - 27             28 - 33            34 - 44              > 45
40 – 49                - 17           17 - 23             24 - 30            31 - 41              > 42
50 – 59                - 15           15 - 20             21 - 27            28 - 37              > 38
60 – 69                - 13           13 - 17             18 - 23            24 - 34              > 35
                     Nível de Aptidão Física do American Heart Association - AHA
                               Para Homens - Vo2 max em ml(kg.min)
    Idade          Muito Fraca        Fraca              Regular              Boa              Excelente
20 – 29                 -25           25 - 33             34 - 42            43 - 52              > 53
30 – 39                 -23           23 - 30             31 - 38            39 - 48              > 49
40 – 49                 -20           20 - 26             27 - 35            36 - 44              > 45
50 – 59                 -18           18 - 24             25 - 33            34 - 42              > 43
60 – 69                 -16           16 - 12             23 - 30            31 - 40              > 41




Jorge Luiz dos Santos de Souza CREF 02/RS 7731                                                             6

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Avaliação global de e. física 6º ano junho
Avaliação global de e. física 6º ano junhoAvaliação global de e. física 6º ano junho
Avaliação global de e. física 6º ano junho
Moesio Alves
 
Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...
Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...
Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...
inclusao.eficiente
 
1º Ano E.M
1º Ano E.M1º Ano E.M
1º Ano E.M
labuique
 
Hidroginastica aula
Hidroginastica aulaHidroginastica aula
Hidroginastica aula
natanael
 
Lutas
LutasLutas
Avaliação de educação física 9º ano
Avaliação de educação física 9º anoAvaliação de educação física 9º ano
Manual de goniometria
Manual de goniometriaManual de goniometria
Manual de goniometria
Raíssa Moraes
 
Conteúdos das aulas de educação física
Conteúdos das aulas de educação físicaConteúdos das aulas de educação física
Conteúdos das aulas de educação física
FRANCISCO MAGNO CARNEIRO
 
Avaliação de Educação Física - 1º Ano do Ensino Fundamental 1 - 2º BIMESTRE
Avaliação de Educação Física - 1º  Ano do Ensino Fundamental 1 - 2º BIMESTREAvaliação de Educação Física - 1º  Ano do Ensino Fundamental 1 - 2º BIMESTRE
Avaliação de Educação Física - 1º Ano do Ensino Fundamental 1 - 2º BIMESTRE
Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino
 
Protocolos avaliacao-postural
Protocolos avaliacao-posturalProtocolos avaliacao-postural
Protocolos avaliacao-postural
Nuno Amaro
 
Slides ginástica
Slides ginásticaSlides ginástica
Slides ginástica
Ana Lucia Costa
 
PROVA DE EDUCAÇÃO FÍSICA 3º ANO
PROVA DE EDUCAÇÃO FÍSICA 3º ANOPROVA DE EDUCAÇÃO FÍSICA 3º ANO
PROVA DE EDUCAÇÃO FÍSICA 3º ANO
ananiasdoamaral
 
Atletismo
AtletismoAtletismo
Atividade física adaptada
Atividade física adaptadaAtividade física adaptada
Atividade física adaptada
Annalethycia Siqueira
 
Benefícios relacionados à atividade física
Benefícios relacionados à atividade físicaBenefícios relacionados à atividade física
Benefícios relacionados à atividade física
Romero Vitor
 
Avaliação Neuromuscular
Avaliação NeuromuscularAvaliação Neuromuscular
Avaliação Neuromuscular
Amarildo César
 
Atividade de diagnóstico ed. física 2012
Atividade de diagnóstico ed. física 2012Atividade de diagnóstico ed. física 2012
Atividade de diagnóstico ed. física 2012
josivaldopassos
 
Apresentação Atividade Física Adaptada
Apresentação Atividade Física AdaptadaApresentação Atividade Física Adaptada
Apresentação Atividade Física Adaptada
Juliana Silva
 
Fichade avaliação geriatria
Fichade avaliação geriatriaFichade avaliação geriatria
Fichade avaliação geriatria
Lindalva Araujo
 
Relatório de aula de educação física
Relatório de aula de educação físicaRelatório de aula de educação física
Relatório de aula de educação física
BeatrizMarques25
 

Mais procurados (20)

Avaliação global de e. física 6º ano junho
Avaliação global de e. física 6º ano junhoAvaliação global de e. física 6º ano junho
Avaliação global de e. física 6º ano junho
 
Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...
Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...
Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...
 
1º Ano E.M
1º Ano E.M1º Ano E.M
1º Ano E.M
 
Hidroginastica aula
Hidroginastica aulaHidroginastica aula
Hidroginastica aula
 
Lutas
LutasLutas
Lutas
 
Avaliação de educação física 9º ano
Avaliação de educação física 9º anoAvaliação de educação física 9º ano
Avaliação de educação física 9º ano
 
Manual de goniometria
Manual de goniometriaManual de goniometria
Manual de goniometria
 
Conteúdos das aulas de educação física
Conteúdos das aulas de educação físicaConteúdos das aulas de educação física
Conteúdos das aulas de educação física
 
Avaliação de Educação Física - 1º Ano do Ensino Fundamental 1 - 2º BIMESTRE
Avaliação de Educação Física - 1º  Ano do Ensino Fundamental 1 - 2º BIMESTREAvaliação de Educação Física - 1º  Ano do Ensino Fundamental 1 - 2º BIMESTRE
Avaliação de Educação Física - 1º Ano do Ensino Fundamental 1 - 2º BIMESTRE
 
Protocolos avaliacao-postural
Protocolos avaliacao-posturalProtocolos avaliacao-postural
Protocolos avaliacao-postural
 
Slides ginástica
Slides ginásticaSlides ginástica
Slides ginástica
 
PROVA DE EDUCAÇÃO FÍSICA 3º ANO
PROVA DE EDUCAÇÃO FÍSICA 3º ANOPROVA DE EDUCAÇÃO FÍSICA 3º ANO
PROVA DE EDUCAÇÃO FÍSICA 3º ANO
 
Atletismo
AtletismoAtletismo
Atletismo
 
Atividade física adaptada
Atividade física adaptadaAtividade física adaptada
Atividade física adaptada
 
Benefícios relacionados à atividade física
Benefícios relacionados à atividade físicaBenefícios relacionados à atividade física
Benefícios relacionados à atividade física
 
Avaliação Neuromuscular
Avaliação NeuromuscularAvaliação Neuromuscular
Avaliação Neuromuscular
 
Atividade de diagnóstico ed. física 2012
Atividade de diagnóstico ed. física 2012Atividade de diagnóstico ed. física 2012
Atividade de diagnóstico ed. física 2012
 
Apresentação Atividade Física Adaptada
Apresentação Atividade Física AdaptadaApresentação Atividade Física Adaptada
Apresentação Atividade Física Adaptada
 
Fichade avaliação geriatria
Fichade avaliação geriatriaFichade avaliação geriatria
Fichade avaliação geriatria
 
Relatório de aula de educação física
Relatório de aula de educação físicaRelatório de aula de educação física
Relatório de aula de educação física
 

Semelhante a Anamnese núcleo de educação física

palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica-110617174131-phpapp01-convertid...
palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica-110617174131-phpapp01-convertid...palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica-110617174131-phpapp01-convertid...
palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica-110617174131-phpapp01-convertid...
CoachClaumerson
 
Palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica 110617174131-phpapp01
Palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica 110617174131-phpapp01Palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica 110617174131-phpapp01
Palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica 110617174131-phpapp01
Daniel Aparecido
 
Palestra importância da prática da atividade física (ica)
Palestra  importância da prática da atividade física (ica) Palestra  importância da prática da atividade física (ica)
Palestra importância da prática da atividade física (ica)
Felippe Toledo
 
Imagem Pessoal SENAC
Imagem Pessoal SENACImagem Pessoal SENAC
Imagem Pessoal SENAC
Denise Carceroni
 
Slide Blog Tay
Slide Blog TaySlide Blog Tay
Slide Blog Tay
TaianyeHenrique Olive
 
dicas-qualidade-de-vida-professor.pdf
dicas-qualidade-de-vida-professor.pdfdicas-qualidade-de-vida-professor.pdf
dicas-qualidade-de-vida-professor.pdf
HeleniceGonalves1
 
Pratique esporte
Pratique esportePratique esporte
Pratique esporte
Humberto Marketing
 
Sedentarismo
SedentarismoSedentarismo
Vivomaissaudavel com.br
Vivomaissaudavel com.brVivomaissaudavel com.br
Vivomaissaudavel com.br
Ricardo Jorge Araújo Sousa Peres
 
Aimportnciadaatividadefsicaparaasade 100104081043-phpapp01 22222
Aimportnciadaatividadefsicaparaasade 100104081043-phpapp01 22222Aimportnciadaatividadefsicaparaasade 100104081043-phpapp01 22222
Aimportnciadaatividadefsicaparaasade 100104081043-phpapp01 22222
MaryAgrestte
 
Desporto para-o-lazer
Desporto para-o-lazerDesporto para-o-lazer
Desporto para-o-lazer
Leonardo Pedro
 
11º seminário da eja
11º seminário da eja11º seminário da eja
11º seminário da eja
Sônia Marques
 
Area De Projecto Inqueeritos
Area De Projecto   InqueeritosArea De Projecto   Inqueeritos
Area De Projecto Inqueeritos
guestf5b016
 
QUESTIONARIO FADIGA, Cansaço e estresse mental no trabalho
QUESTIONARIO FADIGA, Cansaço e estresse mental no trabalhoQUESTIONARIO FADIGA, Cansaço e estresse mental no trabalho
QUESTIONARIO FADIGA, Cansaço e estresse mental no trabalho
Carla Aparecida
 
Anamnese+nutricional
Anamnese+nutricionalAnamnese+nutricional
Anamnese+nutricional
Ana Paula Justino
 
Quis Qualidade De Vida
Quis Qualidade De VidaQuis Qualidade De Vida
Quis Qualidade De Vida
pedro ivo empic
 
Exame De Suficiencia Para Obtencao Do Titulo De Especialista Em Medicina De F...
Exame De Suficiencia Para Obtencao Do Titulo De Especialista Em Medicina De F...Exame De Suficiencia Para Obtencao Do Titulo De Especialista Em Medicina De F...
Exame De Suficiencia Para Obtencao Do Titulo De Especialista Em Medicina De F...
AnnaCarolina242437
 
Atividade física x obesidade
Atividade física x obesidadeAtividade física x obesidade
Atividade física x obesidade
Ketlin Stringhini
 
Dr Marcelo Gonçalves Sade, Curitiba, Joinville, Osteopatia,
Dr Marcelo Gonçalves Sade, Curitiba, Joinville, Osteopatia, Dr Marcelo Gonçalves Sade, Curitiba, Joinville, Osteopatia,
Dr Marcelo Gonçalves Sade, Curitiba, Joinville, Osteopatia,
Ademir Lara
 
Medicinachinesa Jin ji du li
Medicinachinesa Jin ji du liMedicinachinesa Jin ji du li
Medicinachinesa Jin ji du li
Angela Maria Mazzucco
 

Semelhante a Anamnese núcleo de educação física (20)

palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica-110617174131-phpapp01-convertid...
palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica-110617174131-phpapp01-convertid...palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica-110617174131-phpapp01-convertid...
palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica-110617174131-phpapp01-convertid...
 
Palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica 110617174131-phpapp01
Palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica 110617174131-phpapp01Palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica 110617174131-phpapp01
Palestraimportnciadaprticadaatividadefsicaica 110617174131-phpapp01
 
Palestra importância da prática da atividade física (ica)
Palestra  importância da prática da atividade física (ica) Palestra  importância da prática da atividade física (ica)
Palestra importância da prática da atividade física (ica)
 
Imagem Pessoal SENAC
Imagem Pessoal SENACImagem Pessoal SENAC
Imagem Pessoal SENAC
 
Slide Blog Tay
Slide Blog TaySlide Blog Tay
Slide Blog Tay
 
dicas-qualidade-de-vida-professor.pdf
dicas-qualidade-de-vida-professor.pdfdicas-qualidade-de-vida-professor.pdf
dicas-qualidade-de-vida-professor.pdf
 
Pratique esporte
Pratique esportePratique esporte
Pratique esporte
 
Sedentarismo
SedentarismoSedentarismo
Sedentarismo
 
Vivomaissaudavel com.br
Vivomaissaudavel com.brVivomaissaudavel com.br
Vivomaissaudavel com.br
 
Aimportnciadaatividadefsicaparaasade 100104081043-phpapp01 22222
Aimportnciadaatividadefsicaparaasade 100104081043-phpapp01 22222Aimportnciadaatividadefsicaparaasade 100104081043-phpapp01 22222
Aimportnciadaatividadefsicaparaasade 100104081043-phpapp01 22222
 
Desporto para-o-lazer
Desporto para-o-lazerDesporto para-o-lazer
Desporto para-o-lazer
 
11º seminário da eja
11º seminário da eja11º seminário da eja
11º seminário da eja
 
Area De Projecto Inqueeritos
Area De Projecto   InqueeritosArea De Projecto   Inqueeritos
Area De Projecto Inqueeritos
 
QUESTIONARIO FADIGA, Cansaço e estresse mental no trabalho
QUESTIONARIO FADIGA, Cansaço e estresse mental no trabalhoQUESTIONARIO FADIGA, Cansaço e estresse mental no trabalho
QUESTIONARIO FADIGA, Cansaço e estresse mental no trabalho
 
Anamnese+nutricional
Anamnese+nutricionalAnamnese+nutricional
Anamnese+nutricional
 
Quis Qualidade De Vida
Quis Qualidade De VidaQuis Qualidade De Vida
Quis Qualidade De Vida
 
Exame De Suficiencia Para Obtencao Do Titulo De Especialista Em Medicina De F...
Exame De Suficiencia Para Obtencao Do Titulo De Especialista Em Medicina De F...Exame De Suficiencia Para Obtencao Do Titulo De Especialista Em Medicina De F...
Exame De Suficiencia Para Obtencao Do Titulo De Especialista Em Medicina De F...
 
Atividade física x obesidade
Atividade física x obesidadeAtividade física x obesidade
Atividade física x obesidade
 
Dr Marcelo Gonçalves Sade, Curitiba, Joinville, Osteopatia,
Dr Marcelo Gonçalves Sade, Curitiba, Joinville, Osteopatia, Dr Marcelo Gonçalves Sade, Curitiba, Joinville, Osteopatia,
Dr Marcelo Gonçalves Sade, Curitiba, Joinville, Osteopatia,
 
Medicinachinesa Jin ji du li
Medicinachinesa Jin ji du liMedicinachinesa Jin ji du li
Medicinachinesa Jin ji du li
 

Mais de jorge luiz dos santos de souza

Comunicação Não Violenta e Escuta Qualificada
Comunicação Não Violenta e Escuta QualificadaComunicação Não Violenta e Escuta Qualificada
Comunicação Não Violenta e Escuta Qualificada
jorge luiz dos santos de souza
 
NAAF Campus Vacaria
NAAF Campus VacariaNAAF Campus Vacaria
NAAF Campus Vacaria
jorge luiz dos santos de souza
 
Projeto Escuta!
Projeto Escuta!Projeto Escuta!
Princípios da Administração Pública
Princípios da Administração PúblicaPrincípios da Administração Pública
Princípios da Administração Pública
jorge luiz dos santos de souza
 
Comunicação Não Violenta
Comunicação Não ViolentaComunicação Não Violenta
Comunicação Não Violenta
jorge luiz dos santos de souza
 
Outubro rosa e novembro azul 2018
Outubro rosa e novembro azul 2018Outubro rosa e novembro azul 2018
Outubro rosa e novembro azul 2018
jorge luiz dos santos de souza
 
Cuidado de Si & Saúde Neurofisiológica
Cuidado de Si & Saúde NeurofisiológicaCuidado de Si & Saúde Neurofisiológica
Cuidado de Si & Saúde Neurofisiológica
jorge luiz dos santos de souza
 
EDUCAÇÃO, AÇÕES AFIRMATIVAS E OS DIREITOS HUMANOS
EDUCAÇÃO, AÇÕES AFIRMATIVAS E OS DIREITOS HUMANOS EDUCAÇÃO, AÇÕES AFIRMATIVAS E OS DIREITOS HUMANOS
EDUCAÇÃO, AÇÕES AFIRMATIVAS E OS DIREITOS HUMANOS
jorge luiz dos santos de souza
 
Relato de Experiência: Apresentação de Palestra no Curso de Introdução à Vida...
Relato de Experiência: Apresentação de Palestra no Curso de Introdução à Vida...Relato de Experiência: Apresentação de Palestra no Curso de Introdução à Vida...
Relato de Experiência: Apresentação de Palestra no Curso de Introdução à Vida...
jorge luiz dos santos de souza
 
MÉDICOS DÁ ARTE: BLOG COMO FERRAMENTA DE DIVULGAÇÃO E PROMOTOR DOS PROCESSOS ...
MÉDICOS DÁ ARTE: BLOG COMO FERRAMENTA DE DIVULGAÇÃO E PROMOTOR DOS PROCESSOS ...MÉDICOS DÁ ARTE: BLOG COMO FERRAMENTA DE DIVULGAÇÃO E PROMOTOR DOS PROCESSOS ...
MÉDICOS DÁ ARTE: BLOG COMO FERRAMENTA DE DIVULGAÇÃO E PROMOTOR DOS PROCESSOS ...
jorge luiz dos santos de souza
 
REIKI NO CAMPUS: UMA EXPERIENCIA COM TERAPIAS COMPLEMENTARES NO CURSO DE MEDI...
REIKI NO CAMPUS: UMA EXPERIENCIA COM TERAPIAS COMPLEMENTARES NO CURSO DE MEDI...REIKI NO CAMPUS: UMA EXPERIENCIA COM TERAPIAS COMPLEMENTARES NO CURSO DE MEDI...
REIKI NO CAMPUS: UMA EXPERIENCIA COM TERAPIAS COMPLEMENTARES NO CURSO DE MEDI...
jorge luiz dos santos de souza
 
PROJETO ATITUDES QUE SALVAM VIDAS NA VISÃO DE SEUS INTEGRANTES: RELATOS BASEA...
PROJETO ATITUDES QUE SALVAM VIDAS NA VISÃO DE SEUS INTEGRANTES: RELATOS BASEA...PROJETO ATITUDES QUE SALVAM VIDAS NA VISÃO DE SEUS INTEGRANTES: RELATOS BASEA...
PROJETO ATITUDES QUE SALVAM VIDAS NA VISÃO DE SEUS INTEGRANTES: RELATOS BASEA...
jorge luiz dos santos de souza
 
INTRODUÇÃO À VIDA ACADÊMICA: APRESENTANDO A UNIVERSIDADE E SUAS POSSIBILIDADE...
INTRODUÇÃO À VIDA ACADÊMICA: APRESENTANDO A UNIVERSIDADE E SUAS POSSIBILIDADE...INTRODUÇÃO À VIDA ACADÊMICA: APRESENTANDO A UNIVERSIDADE E SUAS POSSIBILIDADE...
INTRODUÇÃO À VIDA ACADÊMICA: APRESENTANDO A UNIVERSIDADE E SUAS POSSIBILIDADE...
jorge luiz dos santos de souza
 
EDUCAÇÃO E OS DIREITOS HUMANOS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL
EDUCAÇÃO E OS DIREITOS HUMANOS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SULEDUCAÇÃO E OS DIREITOS HUMANOS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL
EDUCAÇÃO E OS DIREITOS HUMANOS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL
jorge luiz dos santos de souza
 
COMUNIDADES QUILOMBOLAS DO RIO GRANDE DO SUL: HISTÓRIA, CULTURA, SABERES E PR...
COMUNIDADES QUILOMBOLAS DO RIO GRANDE DO SUL: HISTÓRIA, CULTURA, SABERES E PR...COMUNIDADES QUILOMBOLAS DO RIO GRANDE DO SUL: HISTÓRIA, CULTURA, SABERES E PR...
COMUNIDADES QUILOMBOLAS DO RIO GRANDE DO SUL: HISTÓRIA, CULTURA, SABERES E PR...
jorge luiz dos santos de souza
 
Bem estar e qualidade de vida para profissionais da saúde
Bem estar e qualidade de vida para profissionais da saúdeBem estar e qualidade de vida para profissionais da saúde
Bem estar e qualidade de vida para profissionais da saúde
jorge luiz dos santos de souza
 
Perímetros corporais trabalho cds-ufsc
Perímetros corporais trabalho cds-ufscPerímetros corporais trabalho cds-ufsc
Perímetros corporais trabalho cds-ufsc
jorge luiz dos santos de souza
 
Educação Física Especial
Educação Física EspecialEducação Física Especial
Educação Física Especial
jorge luiz dos santos de souza
 
O Nado golfinho
O Nado golfinhoO Nado golfinho
Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003
Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003
Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003
jorge luiz dos santos de souza
 

Mais de jorge luiz dos santos de souza (20)

Comunicação Não Violenta e Escuta Qualificada
Comunicação Não Violenta e Escuta QualificadaComunicação Não Violenta e Escuta Qualificada
Comunicação Não Violenta e Escuta Qualificada
 
NAAF Campus Vacaria
NAAF Campus VacariaNAAF Campus Vacaria
NAAF Campus Vacaria
 
Projeto Escuta!
Projeto Escuta!Projeto Escuta!
Projeto Escuta!
 
Princípios da Administração Pública
Princípios da Administração PúblicaPrincípios da Administração Pública
Princípios da Administração Pública
 
Comunicação Não Violenta
Comunicação Não ViolentaComunicação Não Violenta
Comunicação Não Violenta
 
Outubro rosa e novembro azul 2018
Outubro rosa e novembro azul 2018Outubro rosa e novembro azul 2018
Outubro rosa e novembro azul 2018
 
Cuidado de Si & Saúde Neurofisiológica
Cuidado de Si & Saúde NeurofisiológicaCuidado de Si & Saúde Neurofisiológica
Cuidado de Si & Saúde Neurofisiológica
 
EDUCAÇÃO, AÇÕES AFIRMATIVAS E OS DIREITOS HUMANOS
EDUCAÇÃO, AÇÕES AFIRMATIVAS E OS DIREITOS HUMANOS EDUCAÇÃO, AÇÕES AFIRMATIVAS E OS DIREITOS HUMANOS
EDUCAÇÃO, AÇÕES AFIRMATIVAS E OS DIREITOS HUMANOS
 
Relato de Experiência: Apresentação de Palestra no Curso de Introdução à Vida...
Relato de Experiência: Apresentação de Palestra no Curso de Introdução à Vida...Relato de Experiência: Apresentação de Palestra no Curso de Introdução à Vida...
Relato de Experiência: Apresentação de Palestra no Curso de Introdução à Vida...
 
MÉDICOS DÁ ARTE: BLOG COMO FERRAMENTA DE DIVULGAÇÃO E PROMOTOR DOS PROCESSOS ...
MÉDICOS DÁ ARTE: BLOG COMO FERRAMENTA DE DIVULGAÇÃO E PROMOTOR DOS PROCESSOS ...MÉDICOS DÁ ARTE: BLOG COMO FERRAMENTA DE DIVULGAÇÃO E PROMOTOR DOS PROCESSOS ...
MÉDICOS DÁ ARTE: BLOG COMO FERRAMENTA DE DIVULGAÇÃO E PROMOTOR DOS PROCESSOS ...
 
REIKI NO CAMPUS: UMA EXPERIENCIA COM TERAPIAS COMPLEMENTARES NO CURSO DE MEDI...
REIKI NO CAMPUS: UMA EXPERIENCIA COM TERAPIAS COMPLEMENTARES NO CURSO DE MEDI...REIKI NO CAMPUS: UMA EXPERIENCIA COM TERAPIAS COMPLEMENTARES NO CURSO DE MEDI...
REIKI NO CAMPUS: UMA EXPERIENCIA COM TERAPIAS COMPLEMENTARES NO CURSO DE MEDI...
 
PROJETO ATITUDES QUE SALVAM VIDAS NA VISÃO DE SEUS INTEGRANTES: RELATOS BASEA...
PROJETO ATITUDES QUE SALVAM VIDAS NA VISÃO DE SEUS INTEGRANTES: RELATOS BASEA...PROJETO ATITUDES QUE SALVAM VIDAS NA VISÃO DE SEUS INTEGRANTES: RELATOS BASEA...
PROJETO ATITUDES QUE SALVAM VIDAS NA VISÃO DE SEUS INTEGRANTES: RELATOS BASEA...
 
INTRODUÇÃO À VIDA ACADÊMICA: APRESENTANDO A UNIVERSIDADE E SUAS POSSIBILIDADE...
INTRODUÇÃO À VIDA ACADÊMICA: APRESENTANDO A UNIVERSIDADE E SUAS POSSIBILIDADE...INTRODUÇÃO À VIDA ACADÊMICA: APRESENTANDO A UNIVERSIDADE E SUAS POSSIBILIDADE...
INTRODUÇÃO À VIDA ACADÊMICA: APRESENTANDO A UNIVERSIDADE E SUAS POSSIBILIDADE...
 
EDUCAÇÃO E OS DIREITOS HUMANOS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL
EDUCAÇÃO E OS DIREITOS HUMANOS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SULEDUCAÇÃO E OS DIREITOS HUMANOS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL
EDUCAÇÃO E OS DIREITOS HUMANOS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL
 
COMUNIDADES QUILOMBOLAS DO RIO GRANDE DO SUL: HISTÓRIA, CULTURA, SABERES E PR...
COMUNIDADES QUILOMBOLAS DO RIO GRANDE DO SUL: HISTÓRIA, CULTURA, SABERES E PR...COMUNIDADES QUILOMBOLAS DO RIO GRANDE DO SUL: HISTÓRIA, CULTURA, SABERES E PR...
COMUNIDADES QUILOMBOLAS DO RIO GRANDE DO SUL: HISTÓRIA, CULTURA, SABERES E PR...
 
Bem estar e qualidade de vida para profissionais da saúde
Bem estar e qualidade de vida para profissionais da saúdeBem estar e qualidade de vida para profissionais da saúde
Bem estar e qualidade de vida para profissionais da saúde
 
Perímetros corporais trabalho cds-ufsc
Perímetros corporais trabalho cds-ufscPerímetros corporais trabalho cds-ufsc
Perímetros corporais trabalho cds-ufsc
 
Educação Física Especial
Educação Física EspecialEducação Física Especial
Educação Física Especial
 
O Nado golfinho
O Nado golfinhoO Nado golfinho
O Nado golfinho
 
Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003
Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003
Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003
 

Anamnese núcleo de educação física

  • 1. Anamnese Núcleo de Educação Física Nome: Dados Data Nascimento: Pessoais Sexo: Endereço: Telefones: Dados E-mail: Cadastrais ESF de Referência: ACS: Profissão: Dados de Horas de trabalho diário: Trabalho Turno: Dados de Saúde PERGUNTA ESPECIFICAÇÃO Realizou consulta clínica nos últimos 6 meses para prática de atividade física? Sente dor no peito, tontura ou falta de ar durante o esforço? ( ) Sim ( )Não Faz uso de Tipo: medicamentos? Dosagem diária: Sexo: Idade: Hereditariedade: Presença de fatores de Colesterol: risco para Hipertensão: desenvolvimento de Diabetes: doença cardiovascular Obesidade: Tabagismo (quantidade diária): Bebida de álcool: Sedentarismo: Qual? Presença de doenças Tempo? Tratamento: Jorge Luiz dos Santos de Souza CREF 02/RS 7731 1
  • 2. Realizou ou irá realizar alguma cirurgia? Cirurgias Qual (tipo)? Quando? Limitações ósteo- Lesões ou fraturas prévias? articulares Local: Limitações músculo- Lesões prévias? articulares Local: Está grávida? Tempo de gestação: Gravidez/Gestações Tempo da última Gravidez: Nº de Gestações: Nº de Filhos: Qualidade do sono: Horas de sono por noite: Sono Presença de apneia (ronco): Insônia: Prática de Exercício Físico Já praticou atividade física regular? Qual? Experiência Prévia Duração: Frequência: Está parado(a) a quanto tempo: Pratica alguma atividade física? Qual? Experiência atual Há quanto tempo: Frequência: Qual o objetivo com a prática regular de exercício físico? Objetivos Que tipo de exercícios que mais gosta? Preferências Que tipo de exercícios que não gosta? Dias da semana: Tempo disponível Turno: Horas: Observações Jorge Luiz dos Santos de Souza CREF 02/RS 7731 2
  • 3. Questionário de Prontidão para Atividade Física (Q-PAF) Nº Questão Resposta Seu médico já mencionou alguma vez que você possui um problema do coração e lhe 01 ( ) Sim ( ) Não recomendou que só fizesse atividade física sob supervisão médica? Você sente dor no tórax quando realiza 02 ( ) Sim ( ) Não atividade física? Você sentiu dor no tórax quando estava 03 ( ) Sim ( ) Não realizando atividade física no último mês? Já perdeu o equilíbrio por causa de tonturas 04 ( ) Sim ( ) Não ou alguma vez perdeu a consciência? Possui algum problema ósseo ou articular 05 que poderia ser agravado com a prática de ( ) Sim ( ) Não atividade física? Seu médico está prescrevendo uso de 06 medicamentos para sua pressão arterial ou ( ) Sim ( ) Não coração? Conhece alguma outra razão pela qual você 07 ( ) Sim ( ) Não não deveria praticar atividade física Obs: Se houver ao menos uma resposta SIM é recomendável uma avaliação médica antes de iniciar a prática de exercícios físicos Jorge Luiz dos Santos de Souza CREF 02/RS 7731 3
  • 4. Questionário de Avaliação de Limitação da Mobilidade Item Grau de Limitação ( )Não tem dificuldade Normalmente tem dificuldade pra ( )Tem pequena dificuldade sentar, tomar banho ou ir ao ( )Tem grande dificuldade banheiro? ( )Não consegue Normalmente tem dificuldade pra ( )Não tem dificuldade correr, levantar objetos pesados, ( )Tem pequena dificuldade praticar esportes ou realizar trabalhos ( )Tem grande dificuldade pesados? ( )Não consegue ( )Não tem dificuldade Normalmente tem dificuldade para ( )Tem pequena dificuldade empurrar mesa ou realizar consertos ( )Tem grande dificuldade domésticos? ( ) Não consegue ( )Não tem dificuldade Normalmente tem dificuldade para ( )Tem pequena dificuldade subir ladeira ou escada? ( )Tem grande dificuldade ( )Não consegue ( )Não tem dificuldade Normalmente tem dificuldade para ( )Tem pequena dificuldade abaixar-se, ajoelhar-se ou curvar-se? ( )Tem grande dificuldade ( )Não consegue ( )Não tem dificuldade Normalmente tem dificuldade para ( )Tem pequena dificuldade andar mais do que um quilômetro? ( )Tem grande dificuldade ( )Não consegue ( )Não tem dificuldade Normalmente tem dificuldade para ( )Tem pequena dificuldade andar cerca de cem metros? ( )Tem grande dificuldade ( )Não consegue Jorge Luiz dos Santos de Souza CREF 02/RS 7731 4
  • 5. Nome: Idade: Data teste: ESF: Medidas e Avalições Massa Corporal: Estatura: Massa Gorda: % Gordura Massa Magra: Antropometria % Massa Magra: Circunferência Abdominal: Circunferência de pescoço: Pressão arterial: Respostas FC de repouso: Cardiovasculares de FCmáx estimada: repouso FC basal: FC de reserva: Tempo total do teste: Distância Total: Velocidade máxima: VO2 Máx (ml.kg-1min-1): FC repouso pré-teste: FC máxima: Respostas de FC pós-teste 1’: desempenho e FC pós-teste 2’: cardiorrespiratórias ao FC pós-teste 3’: Teste de Esforço FC pós-teste: Máximo Lac. repouso: Velocidade no LLac: Lac Máximo: Lac Recuperação: SSE máx: P.A. pré-teste: P.A. pós-teste: Interrupção do teste por: Obs: Jorge Luiz dos Santos de Souza CREF 02/RS 7731 5
  • 6. Tabelas de Referência Variável Índice % gordura Masculino: 12 a 15% % Gordura Feminino: 20 a 25% Equação Usada Petroski 1995 Circunferência Abdômen Feminino: 80cm risco aumentado 88cm muito aumentado Circunferência Abdômen Maculino: 94cm risco aumentado 103 muito aumentado FCR=FCmax-FCbasal FC basal: mensurada 3 a 4 min após acordar (ainda na cama) TABELAS COM OS ÍNDICES DO CONSUMO DE OXIGÊNIO População Volume de Oxigênio Classificação Vo2 Absoluto (litro/min) Vo2 Relativo (ml/kg/min) Cardíacos gravemente enfermos 1 (l/mim) 16 a 18 (ml/kg/min) Cardíacos moderadamente enfermos 1 a 2 (l/mim) 18 a 22 (ml/kg/min) Sedentários baixa capacidade física 2,1 a 3,3 (l /mim) 23 a 29 (ml/kg/min) Sedentários média capacidade física 2,1 a 3,3 (l /mim) 30 a 39 (ml/kg/min) Ativos treinados maior 3,4 (l /mim) maior 40 (ml/kg/min) Atletas de alto nível 6 (l /mim) 80 (ml/kg/min) Fonte: Yazbek & Battistella, 1994 Nível de Aptidão Física do American Heart Association - AHA Para Mulheres - Vo2 max em ml(kg.min) Idade Muito Fraca Fraca Regular Boa Excelente 20 – 29 - 24 24 - 30 31 - 37 38 - 48 > 49 30 – 39 - 20 20 - 27 28 - 33 34 - 44 > 45 40 – 49 - 17 17 - 23 24 - 30 31 - 41 > 42 50 – 59 - 15 15 - 20 21 - 27 28 - 37 > 38 60 – 69 - 13 13 - 17 18 - 23 24 - 34 > 35 Nível de Aptidão Física do American Heart Association - AHA Para Homens - Vo2 max em ml(kg.min) Idade Muito Fraca Fraca Regular Boa Excelente 20 – 29 -25 25 - 33 34 - 42 43 - 52 > 53 30 – 39 -23 23 - 30 31 - 38 39 - 48 > 49 40 – 49 -20 20 - 26 27 - 35 36 - 44 > 45 50 – 59 -18 18 - 24 25 - 33 34 - 42 > 43 60 – 69 -16 16 - 12 23 - 30 31 - 40 > 41 Jorge Luiz dos Santos de Souza CREF 02/RS 7731 6