SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 17
Profª Cristiane Bassani Medeiros
Mudanças de estado físico
Estados físicos da matéria
As fases ou estados físicos da matéria são:
Mudanças de estado físico
Fusão
Passagem, provocada por um aquecimento, do estado sólido para o
estado líquido.
O aquecimento provoca a elevação da temperatura da substância até
ao seu ponto de fusão.
A temperatura não aumenta enquanto está acontecendo a fusão, isto
é, somente depois que toda a substância passar para o estado líquido
é que a temperatura volta a aumentar.
No caso da água o ponto de fusão é de 0ºC. Assim, o bloco de gelo
permanecerá a 0ºC até todo ele derreter para só depois sua
temperatura começar a se elevar para 1ºC, 2ºC etc.
Fusão
Solidificação
Passagem do estado líquido para o estado sólido, através de
arrefecimento (resfriamento);
Quando a substância líquida inicia a solidificação, a temperatura fica
inalterada até que a totalidade esteja no estado sólido, e só depois a
temperatura continua a baixar;
No caso da água o ponto de solidificação é de 0ºC;
Assim, a água permanecerá a 0ºC até que toda ela congele para só
depois sua temperatura começar a diminuir para –1ºC, – 2ºC etc.
Solidificação
Vaporização
Passagem do estado líquido para o estado gasoso, por aquecimento;
Lentamente: evaporação (roupa no varal);
Rapidamente: ebulição (água fervendo);
Durante a ebulição a temperatura da substância permanece
inalterada, só voltando a aumentar quando toda a substância estiver
no estado gasoso;
No caso da água o ponto de ebulição é de 100ºC. Assim toda a
água permanecerá a 100ºC até toda ela tenha evaporado para
somente depois sua temperatura começar a aumentar para 101ºC,
102ºC etc.
Vaporização
Condensação
Passagem do estado gasoso para o estado líquido, devido ao um
arrefecimento (resfriamento);
Quando a substância gasosa inicia a condensação, a temperatura fica
inalterada até que a totalidade esteja no estado líquido, e só depois a
temperatura continua a baixar.
Condensação
Sublimação
Passagem direta de uma substância do estado sólido para o estado
gasoso, por aquecimento, ou do estado gasoso para o estado
sólido, por resfriamento. Ex. Gelo seco, naftalina.
Água
Água
Oxigênio
1 – Os dados listados nas tabelas a seguir foram obtidos com base
em medidas de temperaturas realizadas durante o aquecimento de
dois materiais sólidos distintos, A e B.
a) No seu caderno, represente os gráficos de variação de
temperatura dos materiais A e B em função do tempo de
aquecimento.
Aquecimento do material A
Tempo (min) Temperatura (ºC)
0 – 4
1 – 3
2 – 2
4 – 1
8 – 1
10 – 1
12 1
14 9
16 21
18 42
20 63
22 82
24 95
26 95,5
28 95,5
30 95,5
32 97
34 102
Aquecimento do material B
Tempo (min) Temperatura (ºC)
0 – 5,5
1 – 1,5
2 – 1
3 1
4 3
5 13
6 23
7 35
8 43
9 53
10 63
11 73
12 83
13 93
14 96
15 99
16 110
17 120

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

Matéria e energia (Aula 1 e 2)
Matéria e energia (Aula 1 e 2) Matéria e energia (Aula 1 e 2)
Matéria e energia (Aula 1 e 2)
 
Estados físicos da matéria
Estados físicos da matériaEstados físicos da matéria
Estados físicos da matéria
 
Caracteristicas gerais dos seres vivos
Caracteristicas gerais dos seres vivosCaracteristicas gerais dos seres vivos
Caracteristicas gerais dos seres vivos
 
Mudança de estado
Mudança de estadoMudança de estado
Mudança de estado
 
Transformações químicas
Transformações químicasTransformações químicas
Transformações químicas
 
Misturas 6º ano
Misturas 6º anoMisturas 6º ano
Misturas 6º ano
 
Substância e mistura 9º ano
Substância e mistura 9º anoSubstância e mistura 9º ano
Substância e mistura 9º ano
 
Densidade
DensidadeDensidade
Densidade
 
Aula 1 Elementos SubstâNcias E Misturas2
Aula 1   Elementos SubstâNcias E Misturas2Aula 1   Elementos SubstâNcias E Misturas2
Aula 1 Elementos SubstâNcias E Misturas2
 
Separação de Misturas
Separação de MisturasSeparação de Misturas
Separação de Misturas
 
9 ano propriedades da matéria
9 ano propriedades da matéria9 ano propriedades da matéria
9 ano propriedades da matéria
 
Escalas termométricas
Escalas termométricasEscalas termométricas
Escalas termométricas
 
Propriedades da matéria
Propriedades da matériaPropriedades da matéria
Propriedades da matéria
 
A estrutura da terra 6o ano
A estrutura da terra 6o anoA estrutura da terra 6o ano
A estrutura da terra 6o ano
 
Introdução a química
Introdução a químicaIntrodução a química
Introdução a química
 
Estados físicos da matéria prof Ivanise Meyer
Estados físicos da matéria prof Ivanise MeyerEstados físicos da matéria prof Ivanise Meyer
Estados físicos da matéria prof Ivanise Meyer
 
Leis De Newton
Leis De NewtonLeis De Newton
Leis De Newton
 
Modelos atômicos ( 9 ano)
Modelos atômicos ( 9 ano)Modelos atômicos ( 9 ano)
Modelos atômicos ( 9 ano)
 
Slides eletrostatica
Slides eletrostaticaSlides eletrostatica
Slides eletrostatica
 
01. substâncias e misturas
01. substâncias e misturas01. substâncias e misturas
01. substâncias e misturas
 

Semelhante a 9 ano mudanças de estado físico

Gráfico de mudança de estado físico
Gráfico de mudança de estado físicoGráfico de mudança de estado físico
Gráfico de mudança de estado físicocarine bonifacio
 
Mudança de estado
Mudança de estadoMudança de estado
Mudança de estadoRildo Borges
 
Mudança de estado
Mudança de estadoMudança de estado
Mudança de estadoRildo Borges
 
Mudanças de fase 03
Mudanças de fase 03Mudanças de fase 03
Mudanças de fase 03fisicaatual
 
13 Calorimetria
13 Calorimetria13 Calorimetria
13 CalorimetriaEletrons
 
Fisica 1EM 2BIM
Fisica 1EM 2BIM Fisica 1EM 2BIM
Fisica 1EM 2BIM Alice MLK
 
As mudanças dos estados físicos da água
As mudanças dos estados físicos da água As mudanças dos estados físicos da água
As mudanças dos estados físicos da água Mary Alvarenga
 
Termometria apostila
Termometria apostilaTermometria apostila
Termometria apostilantebrusque
 
UFVJM – Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri
UFVJM – Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e MucuriUFVJM – Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri
UFVJM – Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucurimarianafolgado
 
AULA - MUDANÇAS DE ESTADO FÍSICO DAS SUBSTÂNCIAS.pptx
AULA - MUDANÇAS DE ESTADO FÍSICO DAS SUBSTÂNCIAS.pptxAULA - MUDANÇAS DE ESTADO FÍSICO DAS SUBSTÂNCIAS.pptx
AULA - MUDANÇAS DE ESTADO FÍSICO DAS SUBSTÂNCIAS.pptxRaulCsar8
 
ProprIEDADES FisicasQuimicasSubstancias.pdf
ProprIEDADES FisicasQuimicasSubstancias.pdfProprIEDADES FisicasQuimicasSubstancias.pdf
ProprIEDADES FisicasQuimicasSubstancias.pdfPriscilaKitzinger
 
UFVJM - Líquidos e Mudanças de Estado
UFVJM - Líquidos e Mudanças de EstadoUFVJM - Líquidos e Mudanças de Estado
UFVJM - Líquidos e Mudanças de Estadomarianafolgado
 

Semelhante a 9 ano mudanças de estado físico (20)

Mudança de fase (2017)
Mudança de fase (2017)Mudança de fase (2017)
Mudança de fase (2017)
 
Gráfico de mudança de estado físico
Gráfico de mudança de estado físicoGráfico de mudança de estado físico
Gráfico de mudança de estado físico
 
Aula 13 calorimetria
Aula 13   calorimetriaAula 13   calorimetria
Aula 13 calorimetria
 
Mudança de fase
Mudança de faseMudança de fase
Mudança de fase
 
Mudança de estado
Mudança de estadoMudança de estado
Mudança de estado
 
Mudança de estado
Mudança de estadoMudança de estado
Mudança de estado
 
calor latente.pptx
calor latente.pptxcalor latente.pptx
calor latente.pptx
 
Calorimetria 2
Calorimetria 2Calorimetria 2
Calorimetria 2
 
Mudanças de fase 03
Mudanças de fase 03Mudanças de fase 03
Mudanças de fase 03
 
13 Calorimetria
13 Calorimetria13 Calorimetria
13 Calorimetria
 
Calorimetria 2
Calorimetria 2Calorimetria 2
Calorimetria 2
 
Calorimetria
CalorimetriaCalorimetria
Calorimetria
 
Calorimetria
CalorimetriaCalorimetria
Calorimetria
 
Fisica 1EM 2BIM
Fisica 1EM 2BIM Fisica 1EM 2BIM
Fisica 1EM 2BIM
 
As mudanças dos estados físicos da água
As mudanças dos estados físicos da água As mudanças dos estados físicos da água
As mudanças dos estados físicos da água
 
Termometria apostila
Termometria apostilaTermometria apostila
Termometria apostila
 
UFVJM – Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri
UFVJM – Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e MucuriUFVJM – Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri
UFVJM – Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri
 
AULA - MUDANÇAS DE ESTADO FÍSICO DAS SUBSTÂNCIAS.pptx
AULA - MUDANÇAS DE ESTADO FÍSICO DAS SUBSTÂNCIAS.pptxAULA - MUDANÇAS DE ESTADO FÍSICO DAS SUBSTÂNCIAS.pptx
AULA - MUDANÇAS DE ESTADO FÍSICO DAS SUBSTÂNCIAS.pptx
 
ProprIEDADES FisicasQuimicasSubstancias.pdf
ProprIEDADES FisicasQuimicasSubstancias.pdfProprIEDADES FisicasQuimicasSubstancias.pdf
ProprIEDADES FisicasQuimicasSubstancias.pdf
 
UFVJM - Líquidos e Mudanças de Estado
UFVJM - Líquidos e Mudanças de EstadoUFVJM - Líquidos e Mudanças de Estado
UFVJM - Líquidos e Mudanças de Estado
 

Mais de crisbassanimedeiros

Mais de crisbassanimedeiros (15)

8 ano sistema digestório
8 ano sistema digestório8 ano sistema digestório
8 ano sistema digestório
 
8 ano principais tipos de tecidos
8 ano principais tipos de tecidos8 ano principais tipos de tecidos
8 ano principais tipos de tecidos
 
8 ano células
8 ano células8 ano células
8 ano células
 
9 ano leis de newton
9 ano leis de newton9 ano leis de newton
9 ano leis de newton
 
8 ano sistema reprodutor masculino e feminino
8 ano sistema reprodutor masculino e feminino8 ano sistema reprodutor masculino e feminino
8 ano sistema reprodutor masculino e feminino
 
8 ano principais tipos de tecidos
8 ano principais tipos de tecidos8 ano principais tipos de tecidos
8 ano principais tipos de tecidos
 
7 ano relações ecológicas seres vivos e o sol
7 ano relações ecológicas seres vivos e o sol7 ano relações ecológicas seres vivos e o sol
7 ano relações ecológicas seres vivos e o sol
 
7 ano invertebrados
7 ano invertebrados7 ano invertebrados
7 ano invertebrados
 
7 ano classificação dos seres vivos
7 ano classificação dos seres vivos7 ano classificação dos seres vivos
7 ano classificação dos seres vivos
 
7 ano classificação das plantas
7 ano classificação das plantas7 ano classificação das plantas
7 ano classificação das plantas
 
6 ano atmosfera
6 ano atmosfera6 ano atmosfera
6 ano atmosfera
 
6 ano o universo e o sistema solar
6 ano o universo e o sistema solar6 ano o universo e o sistema solar
6 ano o universo e o sistema solar
 
3 ano relações ecológicas
3 ano relações ecológicas3 ano relações ecológicas
3 ano relações ecológicas
 
2 ano cordados peixes_anfíbios
2 ano cordados peixes_anfíbios2 ano cordados peixes_anfíbios
2 ano cordados peixes_anfíbios
 
1 ano desenvolvimento embrionário e anexos embrionários
1 ano desenvolvimento embrionário e anexos embrionários1 ano desenvolvimento embrionário e anexos embrionários
1 ano desenvolvimento embrionário e anexos embrionários
 

Último

Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSPedroMatos469278
 
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaCentro Jacques Delors
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Pauloririg29454
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxCarolineWaitman
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...WelitaDiaz1
 
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfMissa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfFbioFerreira207918
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leiteprofesfrancleite
 
Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioWyngDaFelyzitahLamba
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMary Alvarenga
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfKelly Mendes
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptxnelsontobontrujillo
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Centro Jacques Delors
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...Eró Cunha
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfGisellySobral
 
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfManuais Formação
 

Último (20)

Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfMissa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
 
Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundario
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
 

9 ano mudanças de estado físico

  • 1. Profª Cristiane Bassani Medeiros Mudanças de estado físico
  • 2. Estados físicos da matéria As fases ou estados físicos da matéria são:
  • 4. Fusão Passagem, provocada por um aquecimento, do estado sólido para o estado líquido. O aquecimento provoca a elevação da temperatura da substância até ao seu ponto de fusão. A temperatura não aumenta enquanto está acontecendo a fusão, isto é, somente depois que toda a substância passar para o estado líquido é que a temperatura volta a aumentar. No caso da água o ponto de fusão é de 0ºC. Assim, o bloco de gelo permanecerá a 0ºC até todo ele derreter para só depois sua temperatura começar a se elevar para 1ºC, 2ºC etc.
  • 6. Solidificação Passagem do estado líquido para o estado sólido, através de arrefecimento (resfriamento); Quando a substância líquida inicia a solidificação, a temperatura fica inalterada até que a totalidade esteja no estado sólido, e só depois a temperatura continua a baixar; No caso da água o ponto de solidificação é de 0ºC; Assim, a água permanecerá a 0ºC até que toda ela congele para só depois sua temperatura começar a diminuir para –1ºC, – 2ºC etc.
  • 8. Vaporização Passagem do estado líquido para o estado gasoso, por aquecimento; Lentamente: evaporação (roupa no varal); Rapidamente: ebulição (água fervendo); Durante a ebulição a temperatura da substância permanece inalterada, só voltando a aumentar quando toda a substância estiver no estado gasoso; No caso da água o ponto de ebulição é de 100ºC. Assim toda a água permanecerá a 100ºC até toda ela tenha evaporado para somente depois sua temperatura começar a aumentar para 101ºC, 102ºC etc.
  • 10. Condensação Passagem do estado gasoso para o estado líquido, devido ao um arrefecimento (resfriamento); Quando a substância gasosa inicia a condensação, a temperatura fica inalterada até que a totalidade esteja no estado líquido, e só depois a temperatura continua a baixar.
  • 12. Sublimação Passagem direta de uma substância do estado sólido para o estado gasoso, por aquecimento, ou do estado gasoso para o estado sólido, por resfriamento. Ex. Gelo seco, naftalina.
  • 13. Água
  • 14. Água
  • 16. 1 – Os dados listados nas tabelas a seguir foram obtidos com base em medidas de temperaturas realizadas durante o aquecimento de dois materiais sólidos distintos, A e B. a) No seu caderno, represente os gráficos de variação de temperatura dos materiais A e B em função do tempo de aquecimento.
  • 17. Aquecimento do material A Tempo (min) Temperatura (ºC) 0 – 4 1 – 3 2 – 2 4 – 1 8 – 1 10 – 1 12 1 14 9 16 21 18 42 20 63 22 82 24 95 26 95,5 28 95,5 30 95,5 32 97 34 102 Aquecimento do material B Tempo (min) Temperatura (ºC) 0 – 5,5 1 – 1,5 2 – 1 3 1 4 3 5 13 6 23 7 35 8 43 9 53 10 63 11 73 12 83 13 93 14 96 15 99 16 110 17 120