Virada Educação
2015
NÃO CAIBO MAIS NAS ROUPAS QUE CABIA ANTES
Assim deve ser a dinâmica do conhecimento "ESTARMOS
PRONTOS/AS PARA AS MUDANÇAS....
 Deveríamos ter um "corpinho" resiliente diante do tsunami da robotização e das
mesmices das repetições de fórmulas didát...
Vamos Avaliar as Variáveis que influenciam a qualidade
do atendimento Educacional em nossa Escola.
Definiremos coletivame...
Organização do Trabalho Escolar
 Deve ser compreendida como um conceito econômico que se refere à
divisão do trabalho na ...
Processo de Ensino e Aprendizagem
 Um dos processos mais complexos e fascinantes do pensamento humano é o do ensino-
apre...
Processo de Gestão Escolar
 O termo processo gestão educacional tem origem nas mudanças ocorridas nas
relações da adminis...
Desempenho Educacional
 Desempenho é cumprimento de obrigação ou de promessa, execução;
maneira como atua ou se comporta ...
 Iniciativas governamentais inspiradas na cultura do desempenho: 1. SAEB – Sistema
Nacional de Avaliação da Educação Bási...
Relações Interpessoais
 O que são relações interpessoais?
 As relações interpessoais surgem quando iniciamos o processo de autoconhecimento,
es...
Convivência Democrática
 Refere-se à Convivência Democrática onde todos os envolvidos:
professores, diretores, equipe ped...
Educação Integral
 Em sentido restrito, refere-se à organização escolar na qual o tempo de
permanência dos estudantes se ...
Após diálogos com toda Comunidade
Escolar a escola elegerá algumas questões
prioritária que para norteará nossas ações e
p...
Obrigada!!
Lara Luisa S.G. Franco-EEB.
Referências:
 Grupo Gestrado UFMG;
 Documento Nortedor Virada Educação 2015,SEE-MG.
Virada Educação 2  Sugestão
Virada Educação 2  Sugestão
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Virada Educação 2 Sugestão

3.618 visualizações

Publicada em

sugestão

Publicada em: Educação
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.618
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
86
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Virada Educação 2 Sugestão

  1. 1. Virada Educação 2015
  2. 2. NÃO CAIBO MAIS NAS ROUPAS QUE CABIA ANTES Assim deve ser a dinâmica do conhecimento "ESTARMOS PRONTOS/AS PARA AS MUDANÇAS. Entretanto, há profissionais que insistem em continuar com as mesmas roupas, usando números que não servem mais, modelitos antigos, recorrendo a uma avaliação ansiogênica (AMBRÓSIO, 2013) etc. 
  3. 3.  Deveríamos ter um "corpinho" resiliente diante do tsunami da robotização e das mesmices das repetições de fórmulas didáticas que não provocam a metacognição, autoconhecimento, automonitoramento e que, ás vezes, desestimulam a criatividade. Os profissionais que resistem à mudança (ficam isolados em suas torres de marfins) e estas torres são espaços/territórios de difíceis interlocução. (AMBROSIO 2015.)
  4. 4. Vamos Avaliar as Variáveis que influenciam a qualidade do atendimento Educacional em nossa Escola. Definiremos coletivamente, os nosso Desafios e as nossas Potencialidades.
  5. 5. Organização do Trabalho Escolar  Deve ser compreendida como um conceito econômico que se refere à divisão do trabalho na escola. Pode ser definida como a forma que o trabalho do professor e demais trabalhadores da escola é organizada buscando atingir os objetivos da escola ou do sistema. Assim, a organização do trabalho escolar refere-se à forma como as atividades estão discriminadas, como os tempos estão divididos, os ritmos determinados, a distribuição das tarefas e competências, as relações de hierarquia que refletem relações de poder, entre outras características inerentes à forma como o trabalho é organizado. Outras características da organização escolar interferem na organização do trabalho escolar, tais como: os períodos e turnos de trabalho, as estratégias curriculares, como se observa, por exemplo, as diferenças entre as escolas de tempo integral e as escolas de tempo parcial.
  6. 6. Processo de Ensino e Aprendizagem  Um dos processos mais complexos e fascinantes do pensamento humano é o do ensino- aprendizagem.  O saber/conteúdo deve mudar segundo o aluno/aprendiz, seu desenvolvimento e habilidades. Daí a importância do papel do mediador, de saber como apresentar o conteúdo para que ele faça sentido para o aprendiz.  Ainda para Freire, no processo pedagógico, alunos e professores devem assumir seus papeis conscientemente – não são apenas sujeitos do “ensinar” e do “aprender”, e sim, seres humanos com histórias e trajetórias únicas. Para o educador, no processo de ensino-aprendizagem é preciso reconhecer o Outro (professor e aluno) em toda sua complexidade, em suas esferas biológicas, sociais, culturais, afetivas, linguísticas entre outras.  O ensino-aprendizagem promove o diálogo entre o conteúdo curricular (formal) e os conteúdos únicos (vivências, história, individualidade) tanto do professor quanto do estudante.
  7. 7. Processo de Gestão Escolar  O termo processo gestão educacional tem origem nas mudanças ocorridas nas relações da administração pública (aparato de Estado) com a sociedade.  Nas últimas décadas do século XX, ao(s) gestor(es) escolar(es) – responsável(is) pela coordenação e articulação de ações intraunidades escolares e destas com órgãos de direção dos sistemas de ensino e com entidades e grupos sociais diversos – atribuiu-se capacidades de interpretar, articular e operacionalizar demandas locais com os objetivos políticos mais amplos estabelecidos pelos governos eleitos.  Novas funções, atribuições e competências lhes são requeridas em paralelo e/ou contraposição às funções tradicionais. o conceito de gestão associado à ideia de participação de pessoas analisando situações, decidindo sobre seu encaminhamento e agindo sobre elas em conjunto. O êxito da organização escolar dependeria da ação conjunta de seus componentes pelo trabalho associado, mediante reciprocidade que criaria um ‘todo’ orientado por uma vontade coletiva (Luck, 2000, 15).
  8. 8. Desempenho Educacional  Desempenho é cumprimento de obrigação ou de promessa, execução; maneira como atua ou se comporta alguém ou algo avaliada em termo de eficiência, de rendimento; atuação desejada ou observada de um indivíduo ou grupo na execução de uma tarefa, cujos resultados são posteriormente analisados para avaliar a necessidade de modificação ou melhoria (...).; performance, atuação. (HOUAISS, 2001, p. 978) .  A cultura do desempenho defendem a neutralidade da escolarização argumentando que um bom desempenho escolar permitirá aos futuros cidadãos posicionarem-se politicamente em favor desta ou de outra sociedade. Na verdade, a pedagogia do desempenho universaliza as exigências do mercado e exclui junto aos educadores o debate filosófico sobre o sentido da educação.
  9. 9.  Iniciativas governamentais inspiradas na cultura do desempenho: 1. SAEB – Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica; 2. ENEM – Exame Nacional do Ensino Médio, 3. PROVA BRASIL – avaliação censitária das 5º e 9º anos do Ensino Fundamental; 4. PROVINHA BRASIL – avaliação diagnóstica aplicada aos alunos matriculados no segundo ano do ensino fundamental, iniciada em 2008; 5. PRALOFA: Programa de Avaliação da Alfabetização; 6.PROEB: Programa de Avaliação da Rede Pública de Educação Básica; 7.PAAE: Programa de Avaliação da Aprendizagem Escolar; entre outras.  Avaliações Internas dadas bimestralmente.  Como está o desenvolvimento Educacional dentro da nossa escola?
  10. 10. Relações Interpessoais
  11. 11.  O que são relações interpessoais?  As relações interpessoais surgem quando iniciamos o processo de autoconhecimento, estudando nossos sentimentos e nossos conflitos internos, podemos modificar o ambiente de trabalho, nosso mundo exterior e resolver conflitos e problemas que enfrentamos no dia-a-dia, seja na empresa, no ambiente organizacional ou em família.  O processo das relações interpessoais é fundamental no desenvolvimento profissional.  Como estão as Relações Interpessoais dentro da escola?  Professor X Aluno  Professor X Professor  Aluno X Aluno  Direção X Professor  Direção x Aluno
  12. 12. Convivência Democrática  Refere-se à Convivência Democrática onde todos os envolvidos: professores, diretores, equipe pedagógica, funcionários, pais e alunos. Convivem Democraticamente e se respeitando a diversidade e opinião de cada um. .
  13. 13. Educação Integral  Em sentido restrito, refere-se à organização escolar na qual o tempo de permanência dos estudantes se amplia para além do turno escolar, também denominada, em alguns países, como jornada escolar completa. Em sentido amplo, abrange o debate da educação integral - consideradas as necessidades formativas nos campos cognitivo, estético, ético, lúdico, físico- motor, espiritual, entre outros - no qual a categoria “tempo escolar” reveste-se de relevante significado tanto em relação a sua ampliação, quanto em relação à necessidade de sua reinvenção no cotidiano escolar.  Nessa perspectiva foi instituindo o Programa Mais Educação com a finalidade de contribuir para a melhoria da aprendizagem por meio da ampliação do tempo de permanência de crianças, adolescentes e jovens matriculados em escola básica, mediante oferta de educação básica em tempo integral. O Programa Mais Educação constitui-se como ação indutora para a ampliação da jornada escolar e a organização curricular na perspectiva da Educação Integral.
  14. 14. Após diálogos com toda Comunidade Escolar a escola elegerá algumas questões prioritária que para norteará nossas ações e projetos educacionais.
  15. 15. Obrigada!! Lara Luisa S.G. Franco-EEB.
  16. 16. Referências:  Grupo Gestrado UFMG;  Documento Nortedor Virada Educação 2015,SEE-MG.

×