Eugenio De Andrade

2.451 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Diversão e humor
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.451
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
26
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Eugenio De Andrade

  1. 1. EUGÉNIO DE ANDRADE Um poeta Português
  2. 2. Poeta português <ul><li>A sua poesia caracteriza-se pela importância dada à palavra </li></ul><ul><li>quer rítmico </li></ul><ul><li>quer no seu valor imagético </li></ul>
  3. 3. Sendo a musicalidade um dos aspectos mais marcantes da poética de … Eugénio de Andrade <ul><li>aproximando-a do lirismo primitivo da poesia galaico-portuguesa </li></ul>
  4. 4. O tema central da sua poesia é a figuração do Homem <ul><li>não apenas do eu individual, integrado num colectivo </li></ul><ul><li>com o qual se harmoniza (terra, campo, natureza - lugar de encontro) </li></ul><ul><li>ou luta (cidade - lugar de opressão, de conflito, de morte, contra os quais se levanta a escrita combativa). </li></ul>
  5. 5. A figuração do tempo é, assim, igualmente essencial na poesia de… <ul><li>paralelismo entre as idades do homem e as estações do ano </li></ul><ul><li>pela consciência da aproximação da morte ( assumido sobretudo a partir de Limiar dos Pássaros ) </li></ul><ul><li>contra o qual só o refúgio na reconstituição do passado feliz ou a assunção do envelhecimento </li></ul><ul><li>a escrita, surge como superação possível </li></ul>EUGÉNIO DE ANDRADE
  6. 6. A sua poesia caracteriza-se pela presença dos temas do erotismo e da natureza <ul><li>seus poemas, geralmente curtos </li></ul><ul><li>mas de grande densidade </li></ul><ul><li>e aparentemente simples </li></ul><ul><li>privilegiam a evocação da energia física </li></ul><ul><li>material, a plenitude da vida e dos sentidos </li></ul>
  7. 7. Foi galardoado com o Prémio de Poesia da Associação Portuguesa de Escritores <ul><li>atribuído a O Outro Nome da Terra ,1988 </li></ul><ul><li>e com o Prémio de Poesia Jean Malrieu, por Branco no Branco , 1984 </li></ul><ul><li>Recebeu ainda, em 1996, o Prémio Europeu de Poesia </li></ul><ul><li>Foi criada, no Porto, uma fundação com o seu nome. </li></ul>
  8. 8. IDENTIFICAÇÃO: <ul><li>Carlos Seixas </li></ul><ul><li>Cursos E.F.A – Secundário </li></ul><ul><li>Área: CLC, UC 2 Ambiente e sustentabilidade. </li></ul><ul><li>Escola secundária Gama Barros </li></ul><ul><li>Clique aqui: </li></ul>

×