ESARH - construção e gestão do conhecimento

1.308 visualizações

Publicada em

Apresentação que discute novos modelos de aprendizagem no contexto da colaboração em massa.

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.308
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
31
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
39
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

ESARH - construção e gestão do conhecimento

  1. 1. Construção & Gestão do Conhecimento Dr. José Cláudio C. Terra
  2. 2. Contexto da Colaboração em larga escala 2
  3. 3. MIT OpenCourseWare (OCW)  OCW Consortium é composto por mais de 100 universidades no mundo inteiro  Já existem mais de 2000 cursos disponíveis  O site recebe cerca de 1 milhão de visitas mensais com o crescimento de 56% ao ano  O OCW já foi citado em mais de 300 artigos em veículos como Forbes e CNN
  4. 4. MIT World  Site com 428 palestras online gratuitas dos principais pensadores e lideres empresariais da atualidade  São lançados mais de 75 vídeos por ano de palestras realizadas em todas as 5 escolas do MIT  Algumas das palestrantes disponíveis: Michael Dell, Bill Gates, Jack Welch, Steve Wozniak, Thomas Friedman
  5. 5. Resultado Tangível 6
  6. 6. Gestão 2.0 Sadia usa rede colaborativa São Paulo - Como gerir e transmitir o Um dos recursos da ferramenta é o conhecimento técnico em uma canal de "perguntas tecnológicas", para gerir conhecimento empresa que compõe um grupo de onde os empregados podem postar perguntas de diferentes áreas do mais de 100 mil colaboradores? Este Plataforma online ajuda a reunir, organizar é o desafio que a Sadia tem enfrentado conhecimento. As postagens são nos últimos anos. classificadas e organizadas de acordo e registrar informações que eram com o assunto e, em seguida, são perdidas com o tempo Até o final de 2007, a companhia não enviadas aos especialistas mais tinha nenhuma ferramenta que indicados da empresa. As respostas são 29/04/2010, Luciana Carvalho postadas na mesma plataforma e o organizasse e disseminasse as informações técnicas entre os fórum é encerrado só quando o autor funcionários. "Se o empregado saísse da da pergunta se sentir satisfeito com a empresa, aquele conhecimento explicação. adquirido era perdido", explica o consultor da Sadia, Ioanis Desde dezembro de 2007, o Sarantopoulos, que apresentou o case Observatório de Tecnologia durante o evento Gestão 2.0, registrou 1.427 respostas para 307 promovido hoje (29) pelo TerraForum, perguntas tecnológicas. Ao todo, a em São Paulo. ferramenta reúne 1.800 usuários e engloba 49 comunidades que A companhia encontrou a solução no tratam de diferentes temas, como Observatório de Tecnologia, rede tecnologia e meio ambiente. Segundo colaborativa online criada para gerir Sarantopoulos, a ferramenta conhecimento e inovação produzidos na possibilitou maior interação entre empresa. Por meio dele, funcionários de funcionários e parceiros, além de unidades distantes puderam estreitar o aumentar a proposição de projetos contato e trocar informações com mais inovadores e estimular o debate sobre facilidade. as propostas.
  7. 7. Você acha possível...
  8. 8. ...receber mais de 5000 idéias em menos de 1 ano de todo o mundo com propostas para melhorar seus produtos e serviços?
  9. 9. Dell IdeaStorm  Site onde qualquer pessoa pode:  Mandar idéias (5.090 idéias)  Comentar as idéias (20.541 comentários)  Votar nas mais interessante (354.122 votos)  A Dell estuda como e quando implementar as idéias mais votadas  Utilizado para discutir conceitos inovadores com o consumidor (“Ter duas opções de Atendimento - Geeks ou Iniciantes”)
  10. 10. ...uma empresa mexicana tomar a decisão se internacionalizar, utilizar as melhores práticas do mundo e saltar da 20ª posição para 2ª posição mundial em um espaço de 10 anos?
  11. 11. Origem de algumas melhores práticas na Cemex Espanha, início da década de 90 • Sistemas métricos e processos de orçamento Estados Unidos, 2001 modernizados • Manutenção de caminhões e substituição de peças • Controles mais rígidos e informações melhores para com mais eficiência negociações financeiras • Novos procedimentos de treinamento em • Tecnologia e ferramentas de gerenciamento de fábricas segurança industrial • Uso de coque de petróleo em fornos para cimento Bahamas, meados dos anos 90 México, anos 80 até o presente • Construção de paletes para • Gerenciamento de frota e cimento eficiência logística América do Sul, meados • Previsão de fluxo de caixa dos anos 90 até o presente Ásia, final da década de 90 consistente e gerenciamento • Auditoria e supervisão • Rede de TI e padrões de produtividade de pagamentos e cobranças novos após testes de aplicação nas contábil mais modernizada e • Plataforma de TI padronizada freqüentemente atualizada Filipinas, Taiwan e Cingapura para gerenciamento da • Cultura mais forte de distribuição serviços ao consumidor • Rede de distribuição da licenciada Construrama Fonte: Relatório Anual da Cemex, 2002, in: Ghemawat, Redefinindo Estratégia Global, 2007
  12. 12. ...desenvolver um dos produtos mais inovadores dos últimos tempos estando aberto para idéias de pessoas externas e colaborando com muitas outras empresas
  13. 13. Case Ipod - Apple  Objeto de desejo Vendas do iPhone 3G atingem 1 milhão de unidades no fim de semana  segunda-feira, 14 de julho de 2008 A Apple afirmou nesta segunda-feira (14/7) que esse foi o número de aparelhos vendidos de sexta-feira a domingo, isso, mesmo com os danos causados em decorrência dos problemas com ativação do aparelho nos Estados Unidos
  14. 14. Case Ipod - Apple O desenvolvedor independente Tony Fadell desenvolve a solução iPod/iTunes em 8 semanas A empresa contrata o empreendedor para criar e liderar uma equipe de 35 pessoas da Philips, IDEO, General Magic, Apple, Connectix e Web TV. A empresa desenvolve a interface com o usuário e design A PortalPlayer oferece a plataforma e produz, junto com a Apple, um reference design. A empresa também gerencia o desenvolvimento do design técnico do produto Tudo foi realizado em 6 meses Fonte: Henry Chesbrough, Industrial Technology Research Institute Conference, October 12, 2007
  15. 15. ... utilizar o conhecimento de pesquisadores, universidades e instituições de pesquisa do mundo inteiro para resolver grandes desafios científicos?
  16. 16. Innocentive  Site onde empresas enviam grandes desafios científicos (Química, Ciências Aplicadas e Ciências da Vida)  Algumas empresas participantes: Basf, DuPont, Eli Lilly e Sygenta  Existem desafios com premio de até US$ 1 milhão  80 desafios já foram solucionados desde 2001  Mais de 70,000 Pesquisadores em mais de 170 países  Parceria com mais de 50 Universidades do mundo inteiro
  17. 17. ... Mobilizar apaixonados por carro para desenvolver o carro do futuro
  18. 18. ... Receber conceitos inovadores do melhores estudantes das melhores universidades do país
  19. 19. ... Envolver toda uma organização – em um Mercado de Ideias – estimulando-os a debater e investir em projetos inovadores
  20. 20. Contexto dos indivíduos 25
  21. 21. Indicadores: perspectiva internacional Fonte: U.S. Bureau of Labour Statistics 1999, in: Richard Florida, “The Rise of the Creative Class, Basic Books, 2002, pags. 77, 328-330 26
  22. 22. Indicadores: perspectiva internacional • Profissionais de TI e • Médicos Criativos Categorias Ocupacionais – E.U.A. (1999) matemáticos • Artes, design, esportes (30%) Salário – • Engenheiros e arquitetos • Entretenimento e mídia US$ 49 mil • Ocupações Gerenciais • Educação e treinamento • Advogados Trabalhadores • Construção • Manufatura (26%) • Extração • Transporte Salário – US$ 28 mil • Manutenção • Logística •Serviços de saúde •Vendas de baixo valor Serviços (43,4%) •Alimentação •Serviço social Salário – •Limpeza •Segurança US$ 22 mil •Serviços pessoais •Atividades administrativas Agricultura • Agricultura • Atividades florestais (0,6%) • Pecuária Salário – US$ 18 mil • Pesca Fonte: U.S. Bureau of Labour Statistics 1999, in: Richard Florida, “The Rise of the Creative Class, Basic Books, 2002, pags. 77, 328-330 27
  23. 23. Indicadores: perspectiva internacional Fonte: Gartner, in: “Building a Knowledge and Decision Superior Force, Colonel Timothy E. Eayre, USA, DCIO, U.S. Joint Staff, KM World 2002, Santa Clara-CA, October 29-31, 2002 28
  24. 24. O trabalhador do conhecimento • Equilibrar vida pessoal e profissional. • Economizar tempo e evitar atividades de • Equilibrar trabalho individual e em grupo. baixo valor. • Acessar vários aplicativos distintos no dia. • Trabalhar em qualquer lugar.
  25. 25. O trabalhador do conhecimento • Aprender continuamente. • Colaborar dentro e fora da sua área e de sua • Ter acesso a fontes de conhecimento. empresa. • Ser supreendido positivamente. • Autonomia e gerenciamento sua própria carreira.
  26. 26. O trabalhador do conhecimento • Saber o que e em quem confiar • Gerenciar excesso de informação • Publicar informações e compartilhar conhecimentos para públicos escolhidos
  27. 27. O trabalhador do conhecimento • Desenvolver uma identidade própria. • Ser ouvido e reconhecido.
  28. 28. O trabalhador do conhecimento Identidade e reconhecimento Gerenciamento de informação Aprendizado Produtividade
  29. 29. Evolução da organização do trabalho propósito pertencimento vínculo duração Comercializar um Função das relações Estrutura produto ou prestar um hierárquicas das Descrições de cargo e Até a próxima hierárquica objetivos coletivas reorganização serviço organizações Entregar resultados Relacionamentos Processos importantes para a fornecimento - cliente Contratos Ciclos dos processos organização Equipes de Realizar um tarefa Segundo alocação por Metas e objetivos do Até que o projeto projeto específica superior hierárquico projeto esteja finalizado Colaborar na Novo membro é Paixão, compromisso Enquanto persistir o Comunidades contrução de selecionado por seus e identificação com a interesse pela de prática conhecimento, futuros pares prática do grupo manutenção do grupo apredizado e troca Gerar resultados por Confiança, propósito meio da combinação Enquanto houver Enquanto objetivos Redes de recursos e relação ganha-ganha coletivo e conduta comuns perdurarem habilidades comuns
  30. 30. Contexto do trabalho 35
  31. 31. Estrutura DE: ambientes e sistemas (relativamente) isolados
  32. 32. Estrutura PARA: ambientes que propiciem compartilhamento de conhecimento e criatividade.
  33. 33. Pessoas DE: profissionais com focos específicos
  34. 34. Pessoas Pessoas PARA: profissionais dispostos a ousar, criar, inovar e multitácitos.
  35. 35. Ferramentas de Gestão DE: ferramentas de gestão não colaborativas e integradas.
  36. 36. Mudanças fundamentais nos desafios gerenciais (I) Conhecimento para Recursos físicos para Produção criar produtos criar produtos tangíveis intangíveis Fluxo de Produção Sequencial Caótico Posses dos Meios Empresa Empresa e indivíduos de Produção Fonte de Poder Nível hierárquico Nível de conhecimento 41
  37. 37. Mudanças fundamentais nos desafios gerenciais (II) Pessoas Geradores de custos Geradores de receitas Distribuição de Centradas nos Centradas no indivíduo Recompensas indivíduos e grupo Papel da Gerência Supervisionar Apoiar “Soft” – baseada em Forma de Controle “Hard” cultura e valores Ferramenta para Informação Instrumento de communicação Controle Recurso para todos 42
  38. 38. Contexto das Ferramentas 43
  39. 39. Ferramentas
  40. 40. Contexto dos Comportamentos 46
  41. 41. Níveis de intensidade de cooperação/colaboração • Não coopera, causa interrupções e problemas • Neutro, passivo, não participa ou não é membro de nenhuma equipe • Coopera, participa com boa vontade ,é um bom team player e faz sua parte nos trabalhos • Partilha informação, mantém as pessoas informadas e atualizadas sobre os processos, compartilha toda informação relevante ou útil • Expressa expectativas positivas sobre os outros, fala dos membros do time em termos positivos e mostra respeito pela inteligência dos demais • Solicita inputs e, genuinamente, valoriza as contribuições e expertise dos demais, aprende com os outros, solicita idéias e opiniões • Dá poder aos outros através de reconhecimento público e encorajamento • Constrói a equipe, promove um bom clima, bom moral e cooperação, protege e promove a reputação do grupo frente aos não participantes • Resolve conflitos pela exposição dos mesmos e facilita uma resolução benéfica para cada um deles, sem esconder ou evitar o problema
  42. 42. PRÉ-REQUISITOS PARA A COLABORAÇÃO BEM-SUCEDIDA • Cultura que reforçe e reconheça a cooperação e o compartilhamento • Liderança que reconheça a interdependência e não resultados individuais • Visão compartilhada dos objetivos, diretrizes e desafios • Confiança entre colaboradores e na organização • Autonomia no desempenho de tarefas e projetos • Convivência e espaço/oportunidades para contato pessoal • Capacidade de contribuição individual (técnica e de relacionamento) • Trabalho em equipes permanentes ou não, formais ou não • Incentivos e programas de remuneração que privilegiem grupos e áreas • Portais ou outros sistemas de suporte ao compartilhamento
  43. 43. Reflexão final 49
  44. 44. Questões Fundamentais.... 1. Intangível 6. Organização Formal x 2. Produtividade do Organização Informal Trabalhador do 7. Sponsors, not managers Conhecimento 8. Treinar x Aprender 3. Métricas: CP x LP; 9. Cargos x Competências x Quantitativa x Qualitativa Identidade 4. Controle x Confiança 10. Indivíduo x Coletivo 5. Gestão de TI x Gestão da Informação x Gestão do Conhecimento
  45. 45. Sua organização é um solo árido ou fértil para a Construção do Conhecimento em Larga Escala?
  46. 46. Livros relacionados publicados por consultores TerraForum Slide 52
  47. 47. Jose Claudio Terra jcterra@terraforum.com.br 11-3088-6021 www.slideshare.net/jcterra www.terraforum.com.br BRASIL SÃO PAULO - Rua Francisco Leitão, 469, cj1704 - Jd. América - São Paulo - SP - CEP 05414-020 - Tel / Fax: +55 (11) 3088-6021 CURITIBA - Praça General Osório, 45, cj305 - Centro - Curitiba - PR - CEP 80020-010 - Tel: +55 (41) 3233-8891 RIO DE JANEIRO - Av. Rio Branco, 1 – 12º. Andar - Sl 30 - Centro - Rio de Janeiro - RJ – CEP 20090-003 - Tel: +55 (21) 2588-8288 CANADÁ TORONTO - 117 Melrose Ave - ON - M5M1Y8 - Tel: +1 905-919-2301

×