Construção do Social 2

3.495 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.495
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
145
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Construção do Social 2

  1. 1. O SUJEITO HISTÓRICO-SOCIALA CONSTRUÇÃO DO SOCIAL 2 Área de Integração, 2011 Jorge Barbosa
  2. 2. Sumário  A Estratificação Social  A Mudança Social: Acontecimentos Histórtico-Políticos  Tolerância e Intolerância na Sociedade ContemporâneaPage  2
  3. 3. Organização Social na Grécia Antiga
  4. 4. Estratificação Social Problema: Porque ocupa cada Homem posições sociais diferentes? As sociedades organizam-se todas do mesmo modo? Conseguirá o Homem viver sem hierarquização?Page  4
  5. 5. Estratificação Social A Grécia Antiga • É o berço da democracia ocidental • Praticava o esclavagismoPage  5
  6. 6. Estratificação Social Na Grécia Antiga •  Só um sexto da população tinha direitos de cidadania: •  A democracia, isto é, a participação nas decisões da cidade, não se aplicava aos escravos, às mulheres e aos estrangeiros.Page  6
  7. 7. Estratificação Social Excluídos da participação nas decisões da cidade: •  Os estrangeiros (ou metecos): •  Não podiam possuir terras •  Não participavam na administração da cidade •  Dedicavam-se sobretudo ao comércio e artesanato •  Pagavam impostos (de residência) •  Cumpriam serviço militarPage  7
  8. 8. Estratificação Social Excluídos da participação nas decisões da cidade: •  As Mulheres: •  Viviam na dependência dos homens •  Do pai, primeiro; •  Depois de casadas, do marido •  Dedicavam-se às lides domésticas e à educação dos filhos •  Não tinham direito a participar nas decisões da cidadePage  8
  9. 9. Estratificação Social Excluídos da participação nas decisões da cidade: •  Os Escravos: •  Não tinham liberdade nem direitos políticos •  Executavam: •  serviços domésticos •  E trabalhos mais pesados •  Não tinham direito a participar nas decisões da cidade •  Em Atenas, eram protegidos contra os maus- tratos.Page  9
  10. 10. Estratificação Social Segundo Aristóteles (filósofo ateniense): •  O Homem é um ser político e social: •  É-lhe natural viver e organizar-se em sociedade •  Também é natural a hierarquização das relações •  Homem/mulher •  Senhor/escravo •  Os seres humanos não são naturalmente iguais, e a diferença entre eles deve ser preservadaPage  10
  11. 11. Estratificação Social Segundo Aristóteles (filósofo ateniense): •  Quem não é igual não pode ser tratado de modo igual: •  O Homem que nasce escravo deve viver e morrer como escravo •  O Homem nascido livre deve viver e morrer como homem livre.Page  11
  12. 12. Organização Social na IdadeMédia e até ao Século XVIII
  13. 13. Estratificação Social Até ao século XVIII, a sociedade europeia dividia-se em três estados ou ordens: •  A nobreza que se dedicava: •  Às armas •  Ao domínio dos seus terrenos •  O Povo que se dedicava: •  Às actividades produtivas (agricultura e artesanato) O Rei era a figura •  Ao comércio suprema da nobreza •  O Clero que se dedicava: e, muitas vezes, o seu •  Ao serviços religioso poder foi considerado •  Ao ensino absoluto e de direito •  À caridade divino.Page  13
  14. 14. Estratificação Social Cada ordem ou estado possuía: •  Símbolos e sinais distintivos: •  Roupa •  Alimentação •  Participação em acontecimentos comunitários •  A Igreja tinha uma situação privilegiada: •  Exercia uma grande influência: •  Espiritual •  Cultural •  Social e •  Económica •  A Igreja possuía ainda: •  Leis e tribunais próprios •  E Dependia do poder papalPage  14
  15. 15. Estratificação Social •  Os membros da Igreja: •  Não pagavam impostos •  Estavam dispensados do serviço militar: •  A Igreja possuía um grande poder económico, resultante: •  Das suas inúmeras propriedades •  E da isenção dos impostos •  Dentro da Igreja os seus membros tinham estatutos sociais diferentes: •  Os bispos e arcebispos eram oriundos da nobreza; •  Os párocos eram oriundo do povo.Page  15
  16. 16. Estratificação Social A nobreza: •  Detinha os cargos políticos e militares mais importantes •  Possuía grandes extensões de terra •  Cobravam rendas pelos seus direito senhoriais: •  Na nobreza, havia algumas distinções quanto à origem dos seus membros: •  Nobreza de sangue por herança familiar; •  Nobreza de mérito por feitos em prole do reino •  Nobreza nomeada pelo rei, que normalmente exercia cargos de: •  Administração do reino •  MagistraturaPage  16
  17. 17. Estratificação Social O Povo era a maioria da população: •  Trabalhava no campo •  Pagava impostos ou rendas •  Compreendia vários estratos: •  O camponês, o pequeno proprietário de terras e artesão, o operário, o criado, o lacaio •  Num nível médio: negociantes, fabricantes, professores, funcionários, médicos •  Num nível mais elevado: a burguesia citadina com funções de: •  Administração •  E Magistratura •  Os burgueses, nível mais elevado do povo, podiam por vezes aceder à nobreza.Page  17
  18. 18. Não se esqueça dosExercícios Área de Integração

×