SlideShare uma empresa Scribd logo

A civilização egipcia

1 de 41
Baixar para ler offline
A
Civilização
  Egípcia
A civilização egipcia
A civilização egipcia
A Agricultura e a
Pecuária
A Caça e a Pesca
O
Artesanat
    o
Anúncio

Recomendados

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

Arte Egípcia
Arte Egípcia Arte Egípcia
Arte Egípcia
 
O egito antigo
O egito antigoO egito antigo
O egito antigo
 
Os Fenícios (6º Ano - 2016)
Os Fenícios (6º Ano - 2016)Os Fenícios (6º Ano - 2016)
Os Fenícios (6º Ano - 2016)
 
Civilização Grega
Civilização GregaCivilização Grega
Civilização Grega
 
Arte Egípcia
Arte EgípciaArte Egípcia
Arte Egípcia
 
Paleolítico e Neolítico
Paleolítico e NeolíticoPaleolítico e Neolítico
Paleolítico e Neolítico
 
Módulo 1 pintura e cerâmica grega regular
Módulo 1   pintura e cerâmica grega regularMódulo 1   pintura e cerâmica grega regular
Módulo 1 pintura e cerâmica grega regular
 
Antiguidade Clássica: Grécia e Roma
Antiguidade Clássica: Grécia e RomaAntiguidade Clássica: Grécia e Roma
Antiguidade Clássica: Grécia e Roma
 
Egito slide
Egito slideEgito slide
Egito slide
 
Civilização Maia
Civilização MaiaCivilização Maia
Civilização Maia
 
Sociedade romana
Sociedade romanaSociedade romana
Sociedade romana
 
O império romano
O império romanoO império romano
O império romano
 
13 o império romano
13   o império romano13   o império romano
13 o império romano
 
Egito antigo
Egito antigoEgito antigo
Egito antigo
 
Arquitetura Egipcia
Arquitetura EgipciaArquitetura Egipcia
Arquitetura Egipcia
 
1° ano E.M. - Antigo Egito
1° ano E.M. -  Antigo Egito1° ano E.M. -  Antigo Egito
1° ano E.M. - Antigo Egito
 
Barbaros
BarbarosBarbaros
Barbaros
 
Egípcios
 Egípcios Egípcios
Egípcios
 
Cultura Romana
Cultura RomanaCultura Romana
Cultura Romana
 
O Império Romano
O Império RomanoO Império Romano
O Império Romano
 

Destaque

Civilização Egípcia
Civilização EgípciaCivilização Egípcia
Civilização EgípciaJorge Almeida
 
A civilização egípcia
A civilização egípciaA civilização egípcia
A civilização egípciaVítor Santos
 
Antigo Egito - A religião egípcia
Antigo Egito - A religião egípciaAntigo Egito - A religião egípcia
Antigo Egito - A religião egípciaCarlos Pinheiro
 
A antiga civilização egípcia
A antiga civilização egípciaA antiga civilização egípcia
A antiga civilização egípciaRainha Maga
 
As maravilhas do antigo Egito
As maravilhas do antigo EgitoAs maravilhas do antigo Egito
As maravilhas do antigo Egitoluiscontente
 
06 império egípcio
06   império egípcio06   império egípcio
06 império egípcioCarla Freitas
 
A civilizaçao egípcia
A civilizaçao egípciaA civilizaçao egípcia
A civilizaçao egípciazetodje
 
A Civilizacao Egipcia Geografia
A Civilizacao Egipcia GeografiaA Civilizacao Egipcia Geografia
A Civilizacao Egipcia GeografiaSílvia Mendonça
 
Civilização egipcía
Civilização egipcíaCivilização egipcía
Civilização egipcíaTeresa Maia
 
A civilização egípcia
A civilização egípciaA civilização egípcia
A civilização egípciaRamiro Bicca
 
Egito antigo - Colégio Piaget - 6º Ano
Egito antigo - Colégio Piaget - 6º AnoEgito antigo - Colégio Piaget - 6º Ano
Egito antigo - Colégio Piaget - 6º AnoLeticia Ribeiro
 

Destaque (20)

Civilização egipcia
Civilização egipciaCivilização egipcia
Civilização egipcia
 
Civilização egípcia
Civilização egípciaCivilização egípcia
Civilização egípcia
 
Civilização Egípcia
Civilização EgípciaCivilização Egípcia
Civilização Egípcia
 
A civilização egípcia
A civilização egípciaA civilização egípcia
A civilização egípcia
 
Antigo Egito - A religião egípcia
Antigo Egito - A religião egípciaAntigo Egito - A religião egípcia
Antigo Egito - A religião egípcia
 
A antiga civilização egípcia
A antiga civilização egípciaA antiga civilização egípcia
A antiga civilização egípcia
 
As maravilhas do antigo Egito
As maravilhas do antigo EgitoAs maravilhas do antigo Egito
As maravilhas do antigo Egito
 
Egitoantigo
EgitoantigoEgitoantigo
Egitoantigo
 
06 império egípcio
06   império egípcio06   império egípcio
06 império egípcio
 
E mail
E mailE mail
E mail
 
Antiguidade oriental
Antiguidade orientalAntiguidade oriental
Antiguidade oriental
 
A civilizaçao egípcia
A civilizaçao egípciaA civilizaçao egípcia
A civilizaçao egípcia
 
A Civilizacao Egipcia Geografia
A Civilizacao Egipcia GeografiaA Civilizacao Egipcia Geografia
A Civilizacao Egipcia Geografia
 
Civilização egipcía
Civilização egipcíaCivilização egipcía
Civilização egipcía
 
A civilização egípcia
A civilização egípciaA civilização egípcia
A civilização egípcia
 
O EGITO ANTIGO
O EGITO ANTIGOO EGITO ANTIGO
O EGITO ANTIGO
 
ELIAS, UM HOMEM DE FOGO
ELIAS, UM HOMEM DE FOGOELIAS, UM HOMEM DE FOGO
ELIAS, UM HOMEM DE FOGO
 
Egito antigo - Colégio Piaget - 6º Ano
Egito antigo - Colégio Piaget - 6º AnoEgito antigo - Colégio Piaget - 6º Ano
Egito antigo - Colégio Piaget - 6º Ano
 
Oegitoantigo
OegitoantigoOegitoantigo
Oegitoantigo
 
Roma antiga
Roma antigaRoma antiga
Roma antiga
 

Semelhante a A civilização egipcia (20)

O Egito antigo
O Egito antigoO Egito antigo
O Egito antigo
 
07 cultura no egito
07   cultura no egito07   cultura no egito
07 cultura no egito
 
2 arte egito 2020
2 arte egito 20202 arte egito 2020
2 arte egito 2020
 
O Egipto
O EgiptoO Egipto
O Egipto
 
O Antigo Egipto
O Antigo EgiptoO Antigo Egipto
O Antigo Egipto
 
Trabalho de historia
Trabalho de historiaTrabalho de historia
Trabalho de historia
 
Arte egipicia 1° ano
Arte egipicia 1° anoArte egipicia 1° ano
Arte egipicia 1° ano
 
O Egito Antigo
O  Egito AntigoO  Egito Antigo
O Egito Antigo
 
ARTE EGÍPCIA
ARTE EGÍPCIAARTE EGÍPCIA
ARTE EGÍPCIA
 
Arte egípcia,1
Arte egípcia,1Arte egípcia,1
Arte egípcia,1
 
Egipto
EgiptoEgipto
Egipto
 
Aula 03 o egito
Aula 03   o egitoAula 03   o egito
Aula 03 o egito
 
Egt
EgtEgt
Egt
 
Faraós
FaraósFaraós
Faraós
 
Aula 4 o antigo egito
Aula 4   o antigo egitoAula 4   o antigo egito
Aula 4 o antigo egito
 
O Egito - by Léon Denis - 1889
O Egito - by Léon Denis - 1889O Egito - by Léon Denis - 1889
O Egito - by Léon Denis - 1889
 
História - Mesopotâmia
História - MesopotâmiaHistória - Mesopotâmia
História - Mesopotâmia
 
Arte egípcia
Arte egípciaArte egípcia
Arte egípcia
 
Civilizações Antigas
Civilizações AntigasCivilizações Antigas
Civilizações Antigas
 
História do antigo Egito
História do antigo EgitoHistória do antigo Egito
História do antigo Egito
 

Mais de Carla Freitas

Mais de Carla Freitas (20)

11 ha m6 u1
11 ha m6 u111 ha m6 u1
11 ha m6 u1
 
11 Ha M5 u3
11 Ha M5 u311 Ha M5 u3
11 Ha M5 u3
 
11 Ha M5 u5 1
11 Ha M5 u5 111 Ha M5 u5 1
11 Ha M5 u5 1
 
Módulo 8 - Romantismo
Módulo 8 - RomantismoMódulo 8 - Romantismo
Módulo 8 - Romantismo
 
Módulo 8 - Arte em Portugal nos finais do século XIX
Módulo 8 - Arte em Portugal nos finais do século XIXMódulo 8 - Arte em Portugal nos finais do século XIX
Módulo 8 - Arte em Portugal nos finais do século XIX
 
Módulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismo
Módulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismoMódulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismo
Módulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismo
 
Módulo 8 - Naturalismo e Realismo
Módulo 8 - Naturalismo e RealismoMódulo 8 - Naturalismo e Realismo
Módulo 8 - Naturalismo e Realismo
 
11 ha m5 u4
11 ha m5 u411 ha m5 u4
11 ha m5 u4
 
11 ha m5 u2
11 ha m5 u211 ha m5 u2
11 ha m5 u2
 
11 ha m4 u3 3
11 ha m4 u3 311 ha m4 u3 3
11 ha m4 u3 3
 
11 ha m5 u1
11 ha m5 u111 ha m5 u1
11 ha m5 u1
 
11 ha m4 u4 3
11 ha m4 u4 311 ha m4 u4 3
11 ha m4 u4 3
 
11 ha m4 u4 2
11 ha m4 u4 211 ha m4 u4 2
11 ha m4 u4 2
 
11 ha m4 u4 1
11 ha m4 u4 111 ha m4 u4 1
11 ha m4 u4 1
 
11 ha m4 u3 2
11 ha m4 u3 211 ha m4 u3 2
11 ha m4 u3 2
 
11 ha m4 u3 1
11 ha m4 u3 111 ha m4 u3 1
11 ha m4 u3 1
 
11 ha m4 u2 2
11 ha m4 u2 211 ha m4 u2 2
11 ha m4 u2 2
 
11 ha m4 u2 1
11 ha m4 u2 111 ha m4 u2 1
11 ha m4 u2 1
 
11 ha m4 u1
11 ha m4 u111 ha m4 u1
11 ha m4 u1
 
11 ha m4 u2 3
11 ha m4 u2 311 ha m4 u2 3
11 ha m4 u2 3
 

Último

2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...excellenceeducaciona
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...azulassessoriaacadem3
 
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdfAtividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdfRuannSolza
 
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...excellenceeducaciona
 
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...excellenceeducaciona
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...azulassessoriaacadem3
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...azulassessoriaacadem3
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...excellenceeducaciona
 
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...excellenceeducaciona
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...azulassessoriaacadem3
 
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...azulassessoriaacadem3
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba InicialTeresaCosta92
 
CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docxCRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docxJean Carlos Nunes Paixão
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...azulassessoriaacadem3
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...azulassessoriaacadem3
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...azulassessoriaacadem3
 
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...azulassessoriaacadem3
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...excellenceeducaciona
 
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...azulassessoriaacadem3
 

Último (20)

2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
 
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdfAtividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
 
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
 
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
 
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
 
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
 
CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docxCRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
 
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
 
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
 
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoriaAtividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
 

A civilização egipcia

  • 4. A Agricultura e a Pecuária
  • 5. A Caça e a Pesca
  • 7. O comércio e o Transporte
  • 8. A Economia • Agricultura: era a principal actividade, dependia do Nilo e cultivavam sobretudo cereais, vinha e árvores de fruto. • Pecuária: criavam sobretudo gado bovino • Caça aos patos • Pesca • Artesanato: de madeira, metais e pedra
  • 9. Faraó E Sua Família
  • 16. Quando termina a parte mais importante do seu trabalho, sente os braços esgotados e descansa; como está acocorado desde o nascer ao pôr-do- sol, doem-lhe os joelhos e a espinha. O barbeiro barbeia até à noite; só quando come se encosta aos cotovelos para descansar. Vai de rua em rua, em busca de fregueses; mói os braços para se sustentar [...]. O pedreiro tem sempre a doença à espreita, porque está exposto às intempéries, construíndo penosamente as casas, agarrado aos capitéis em forma de lótus.[...] O tintureiro, com os dedos a cheirar a peixe podre e os olhos cansados, não deixa parar as mãos nem por um momento[...]. O sapateiro é muito infeliz; mendiga permanentemente [...]. O lavadeiro lava a roupa no cais; é vizinho dos crocodilos.
  • 18. A Sociedade • Era uma sociedade hierarquizada, com escalões de direitos e deveres definidos. • Era uma sociedade fechada sem mobilidade social. • Grupos privilegiados: Nobres, Sacerdotes, Escribas e Guerreiros. • Grupos não privilegiados:
  • 20. O Faraó, um rei-Deus "Volta a tua face para mim, ó Sol nascente que iluminas o mundo com a tua beleza, disco resplandescente entre os homens, que afastas do Egipto as trevas [...]. Quando repousas no teu palácio, ouves o que se diz em toda a parte, pois tens milhões de ouvidos. Os teus olhos brilham mais do que as estrelas do céu[...]. Se se fala, mesmo que seja com a boca encostada à parede de uma casa, as palavras chegam aos teus ouvidos. Se se faz qualquer coisa em segredo, os teus olhos veêm tudo, ó rei, senhor generoso, que a todos dás o sopro da vida."
  • 22. O Poder • Monarquia Teocrática: o faraó tinha poder terreno e divino, logo a sua vontade não podia ser posta em causa. • O Faraó era considerado um deus-vivo. • Tinha poder absoluto pois tudo lhe pertencia; controlava a economia; a sociedade, era
  • 24. Tríade Sagrada • Hórus – Deus-Falcão (Filho) • Osíris – Deus do reino dos mortos (Pai) • Isís – Deusa da magia e casamento (Mãe)
  • 25. Ma Hap at i Sobe Bast Seth
  • 27. Tribunal de Osíris Quando morria o defunto tinha de se apresentar no tribunal de Osíris para ser julgado, aí o seu coração era pesado numa balança com a pena de Maat, se fosse mais pesado era devorado por um
  • 29. Vasos canopos Processo de Mumificaçã o
  • 30. A Religião • Eram politeístas: acreditavam em vários deuses • Os deuses eram antropozoomórficos: tinham forma de Homem e de animal. • O principal deus era o Sol: Amon-Rá. • Hórus, Osíris e Isis, a tríade egípcia, estavam entre os deuses mais importantes. • Anúbis, presidia às mumificações. • Mumificavam os corpos pois acreditavam que para ter vida eterna o corpo tinha de ser preservado. • Também adoravam animais como bois, gatos, escaravelhos, escorpiões, cobr as, etc.
  • 31. Art e
  • 32. Phila e Karna Luxor
  • 33. As mastabas Mastaba por detrás da pirâmide de
  • 34. Pirâmides Pirâmide de degraus Pirâmide inclinada Complexo de Gizé com a pirâmide de Q
  • 35. Túmulo KV34 de Tutmósis III, em Luxor Sepultura colectiva no Oásis de Bahariya - situado a cerca
  • 37. Máscara Funerária de Tutankhamon Nefertiti Mikerinos e mulher
  • 39. A Arte Arquitectura • Monumental • Feita para a eternidade • De pedra no caso dos templos e túmulos Escultura • Colossal, no caso de esculturas associadas a edifícios. • Lei da Frontalidade, são feitas para ser vistas de frente. • Normalmente são representados de pé ou sentados, com posições rigidas e os braços ao longo do corpo ou cruzados sobre o peito. Pintura • Hierarquizada, quanto maior a importância maior o tamanho. • As mulheres são pintadas em tons ocre ou amarelado e os homens em tons avermelhados.
  • 40. As Ciências • Matemática (cálculo de campos e construção) • Astronomia (ligada ao estudo dos astros para calcular o tempo e adivinhar o futuro) • Medicina (Devido ao bom conhecimento do A Literatura corpo humano) • Anatomia (Devido à mumificação) • Orações • Poesias • Mitologia • Feitos dos faraós
  • 41. FIM