Arte Fenícia

2.977 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.977
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
45
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Arte Fenícia

  1. 1. FeníciosTRABALHO DE ARTES
  2. 2. LOCALIZAÇÃO GEOGRÁFICA Os fenícios originalmente costumavam habitar a região que hoje denominamos Líbano. Porém este povo colonizou diversas regiões do Mediterrâneo e até mesmo a região Amazônica.O transporte marítimo era feito por galés, barcos que associam velas e remos.
  3. 3. MAPA DAS ROTAS MEDITERRÂNEAS FENÍCIAS
  4. 4. UMA GALÉ
  5. 5. OS FENÍCIOS A Fenícia era um aglomerado de pequenas cidades-estados, cada uma governada por seu próprio rei e sua elite. O governo fenício era caracterizado pela Talassocracia, onde o poder era centralizado em torno de suas conquistas marítimas.
  6. 6.  Em termos de língua e religião, pouco separa os fenícios das outras culturas da região de Canaã. Como canaanitas, sua única diferença eram seus notáveis feitos marítimos. A Fenícia foi um dos primeiros exemplos de uma "economia-mundial" cercada por impérios. O ponto alto da cultura fenícia e de seu poder marítimo costuma ser datado como o período que vai de 1200 a 800 a.C.
  7. 7.  O termo fenícia vem do grego “púrpura”, devido a popularidade da Púrpura de Tiro. As moedas também começaram a ser utilizadas por essa civilização. O principal material utilizado pelos fenícios, tanto para a produção artística quanto para construção, era o cedro do Líbano, hoje quase extinto, que está presente na bandeira libanesa.
  8. 8. A BANDEIRA LIBANESA E O CEDRO
  9. 9. HISTÓRIA Diversos dos importantes centros urbanos fenícios, no entanto, haviam sido fundados muito antes disso: Biblos, Tiro, Sídon, Simira, Arwad e Beirute. As sociedades fenícias estavam fundamentada em três bases de poder: o rei; o templo e seus sacerdotes; e o conselho de anciãos. Biblos foi a primeira cidade a se tornar um centro predominante, a partir de onde os fenícios saíram para dominar as rotas comerciais dos mares Mediterrâneo e Vermelho.
  10. 10.  Foi nesta cidade que a primeira inscrição no alfabeto fenício foi encontrada, no sarcófago de Ahiram (c. 1200 a.C.). Posteriormente, Tiro tornou-se a cidade mais poderosa; um de seus reis, o sacerdote Itobaal I (887-856 a.C.) estendeu seu domínio sobre a Fenícia até a cidade de Beirute, e conquistou parte da ilha de Chipre. Cartago foi fundada pelos fenícios; de acordo com Veleio Patérculo, sua fundação ocorreu 65 anos antes da fundação de Roma.
  11. 11.  O conjunto de cidades-reino que formavam a Fenícia passou a ser conhecido por estrangeiros, e até mesmo pelos próprios fenícios, como Sidônia (Sidonia) ou Tíria (Tyria); os fenícios e cananeus eram chamados de sidônios ou tírios, à medida que uma cidade fenícia sucedeu a outra no poder.
  12. 12.  Ciro, o Grande, rei da Pérsia, conquistou a Fenícia em 539 a.C. e dividiram-na em quatro reinos vassalos. Estes reinos prosperaram, e forneceram frotas navais para os reis persas. A influência fenícia, no entanto, passou a diminuir depois da conquista; é provável que boa parte da população fenícia tenha migrado para Cartago e outras colônias depois do domínio persa
  13. 13.  Alexandre, o Grande conquistou Tiro em 332 a.C.. Alexandre foi excepcionalmente cruel com a cidade, executando 2000 de seus principais cidadãos, embora tenha mantido o rei no poder. Em seguida tomou posse das outras cidades de maneira pacífica. A ascensão da Grécia helenística gradualmente tomou o lugar dos resquícios do antigo domínio fenício sobre as rotas comerciais do leste do Mediterrâneo.
  14. 14.  A cultura fenícia acabou por desaparecer totalmente em sua pátria de origem, embora Cartago tenha continuado a florescer no Norte da África, até a eventual destruição pelas tropas romanas em 146 a.C., no fim das Guerras Púnicas.
  15. 15. ARCO TRIUNFAL, TIRO
  16. 16. MOEDA FENÍCIA (UM BARCO E O LEVIATÃ)
  17. 17. A ARTE A arte fenícia não tem as características exclusivas que a distinguem de seus contemporâneos; isto se deve por ter sido altamente influenciada por culturas artísticas estrangeiras, principalmente o Egito, Grécia e Assíria.
  18. 18.  Os fenícios que estudavam às margens do Nilo e do Eufrates conquistavam uma ampla experiência artística, e acabavam por desenvolver sua própria arte na forma de um amálgama de modelos e perspectivas internacionais.
  19. 19. CERÂMICA FENÍCIA
  20. 20.  Os fenícios se tornaram conhecidos pelos seus alto-relevo e talhas em madeira e marfim. Essas obras geralmente eram de pequenas dimensões, apesar de obras maiores, como o sarcófago de Ahiram, rei de Biblos. Os artesãos também inventaram o vidro, modelando-o em copos.
  21. 21. SARCÓFAGO DE AHIRAM
  22. 22. PEDAÇO DE PRATO USADO NA ILHA DEMOGADOR
  23. 23.  Os fenícios também inventaram a Púrpura, que era um corante da cor roxa, extraído de moluscos. Era um produto muito caro e exclusivo, sendo usado pelas altas classes de todo o Mundo Antigo para o tingimento de tecidos.
  24. 24. LÃ TECIDA COM PÚRPURA DE TIRO E CONCHADE ONDE É EXTRAÍDO O MATERIAL
  25. 25. O ALFABETO FENÍCIO Para fazer a contabilidade e agilizar o comércio, os fenícios inventaram o alfabeto fonético, mais conveniente do que os hieróglifos egípcios ou a escrita cuneiforme mesopotâmica. Esse alfabeto foi disseminado pelas costas mediterrâneas, sendo utilizado como base para os alfabetos grego e latino.
  26. 26. O ALFABETO FENÍCIO SIMPIFICADO

×