SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 18
O Império
Egípcio
3200 a. C. até séc. I
a.C.
História 7º Ano
Professora : Carla Freitas
Contexto Geográfico
Nordeste do
continente africano.
Banhado a norte pelo
mar Mediterrâneo e a
Este pelo mar
Vermelho
Rodeado de desertos:
este o deserto da
Arábia e o Sinai , a
oeste o deserto Líbio.
Clima quente e seco
Atravessado pelo rio
NILO
ƒ Civilização
estende-se ao
longo das
margens férteis
do rio
ƒ Cheias na época
mais quente do
ano, entre julho e
setembro
ƒ Construção de
diques e represas
para manter a
água longe das
habitações e para
a suster para os
restantes meses.
ƒ Construção de
canais para irrigar
Egito,
um dom do Nilo
Agricultura e
Pecuária
Atividade
Económicas
Caça e Pesca
Artesanato Comércio
Economia
• Agricultura: era a principal
actividade, dependia do Nilo e
cultivavam sobretudo cereais, vinha e
árvores de fruto.
• Colhiam o papiro nas margens do
Nilo.
• Pecuária: criavam sobretudo gado
bovino
• Caça e Pesca no Nilo
• Artesanato: de
Pirâmide Social
• Sociedade
estratificada
• Grupos
privilegiados
e não
privilegiados
• 90% da
população
era composta
Privilegi
ados
Não
Privilegi
ados
Topo da Pirâmide Social
Faraó e
família
Nobres
Grupos Privilegiados
Sacerdotes
Escribas
Quando termina a parte mais importante do seu
trabalho, sente os braços esgotados e descansa;
como está acocorado desde o nascer ao pôr-do-
sol, doem-lhe os joelhos e a espinha.
O barbeiro barbeia até à noite; só quando come se
encosta aos cotovelos para descansar. Vai de rua
em rua, em busca de fregueses; mói os braços para
se sustentar [...].
O pedreiro tem sempre a doença à espreita,
porque está exposto às intempéries, construíndo
penosamente as casas, agarrado aos capitéis em
forma de lótus.[...]
O tintureiro, com os dedos a cheirar a peixe podre
e os olhos cansados, não deixa parar as mãos nem
por um momento[...].
O sapateiro é muito infeliz; mendiga
permanentemente [...].
O lavadeiro lava a roupa no cais; é vizinho dos
crocodilos.
Grupos Não Privilegiados
Camponeses
Artesãos
Escravos
A Sociedade
• Era uma sociedade estratificada, com estratos
sociais com direitos e deveres definidos.
• Era uma sociedade fechada sem mobilidade
social.
• Grupos privilegiados:
 Nobres – Principais cargos administrativos e militares
(vizir e governadores)
 Sacerdotes – Administravam o culto e os vastos
territórios e riquezas dos templos
 Escribas – Dominavam o sistema de escrita
• Grupos não privilegiados:
 Artesãos – Praticavam diversos ofícios e trabalhavam
nas oficinas dos templos e palácios.
 Camponeses – 90% da população que trabalhava nos
campos, servindo ainda como soldados e funcionários
O
Deus-Faraó
"Volta a tua face para mim, ó Sol
nascente que iluminas o mundo
com a tua beleza, disco
resplandescente entre os homens,
que afastas do Egipto as trevas [...].
Quando repousas no teu palácio,
ouves o que se diz em toda a parte,
pois tens milhões de ouvidos.
Os teus olhos brilham mais do que
as estrelas do céu[...]. Se se fala,
mesmo que seja com a boca
encostada à parede de uma casa, as
palavras chegam aos teus ouvidos.
Se se faz qualquer coisa em
segredo, os teus olhos veêm tudo,
ó rei, senhor generoso, que a
Poder Absoluto e
Sacralizado
• Poder Sacralizado: o faraó era descendente dos deuses e
um deus, logo a sua vontade não podia ser posta em causa.
• Monarquia de poder absoluto;
 Todos os territórios e riquezas lhe pertenciam;
 Controlava a sociedade pois decidia quem ocupava os
cargos;
 Sumo-sacerdote;
 Chefe-supremo do exército
 Escriba – Grupo que aprendia a escrita e que se dedicava a
esse ofício.
 Estratificada – Sociedade dividida em estratos ou camadas
sobrepostas.
 Privilegiado – (privum, privado e legem, lei) Pessoa que goza
de regalias ou de direitos específicos, ou seja, de privilégios.
 Monarquia – (monos, um e arquia, governo) Regime político
em que o governo está concentrado nas mãos de uma única
pessoa, o monarca. Normalmente esse poder é hereditário.
 Poder sacralizado – Poder proveniente dos deuses e por isso
não pode ser posto em causa.
 Poder absoluto – Poder sobre tudo e sobre todos, concentra
nas suas mãos todos os poderes.
Conceitos a reter
Metas – O que deves saber desta
matéria
1. Localizar no tempo o Egito.
2. Localizar no espaço o Egito.
3. Explicar a importância do Nilo para o Egito.
4. Explicar de que forma os egípcios aproveitaram as
águas das cheias.
5. Caracterizar a economia egípcia.
6. Enumerar actividades económicas e produtos
egípcios.
7. Caracterizar a sociedade egípcia.
8. Distinguir grupos privilegiados e não privilegiados.
9. Enumerar as funções do faraó.
10.Justificar o poder absoluto e sacralizado do faraó
06   império egípcio

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Modelo grego parte 1
Modelo grego parte 1Modelo grego parte 1
Modelo grego parte 1cattonia
 
A civilização egípcia
A civilização egípciaA civilização egípcia
A civilização egípciaVítor Santos
 
05 primeiras civilizações
05   primeiras civilizações05   primeiras civilizações
05 primeiras civilizaçõesCarla Freitas
 
O Império Romano
O Império RomanoO Império Romano
O Império RomanoHCA_10I
 
Ficha formativa roma
Ficha formativa romaFicha formativa roma
Ficha formativa romaAna Barreiros
 
Teste de História 10ºano - Grécia Antiga
Teste de História 10ºano - Grécia AntigaTeste de História 10ºano - Grécia Antiga
Teste de História 10ºano - Grécia AntigaZé Mário
 
23 os descobrimentos
23  os descobrimentos23  os descobrimentos
23 os descobrimentosCarla Freitas
 
Exame mod 2 - 2.ª versão - proposta de correção
Exame mod 2  - 2.ª versão - proposta de correçãoExame mod 2  - 2.ª versão - proposta de correção
Exame mod 2 - 2.ª versão - proposta de correçãoteresagoncalves
 
10 atenas no século v
10   atenas no século v10   atenas no século v
10 atenas no século vCarla Freitas
 
O modelo ateniense a democracia
O modelo ateniense  a democraciaO modelo ateniense  a democracia
O modelo ateniense a democraciaCarla Teixeira
 
Resumos História - O Modelo Ateniense
Resumos História - O Modelo AtenienseResumos História - O Modelo Ateniense
Resumos História - O Modelo AtenienseLojinha da Flor
 
Atividades económicas nos séculos XIII e XIV
Atividades económicas nos séculos XIII e XIVAtividades económicas nos séculos XIII e XIV
Atividades económicas nos séculos XIII e XIVCátia Botelho
 
Módulo 2 contexto histórico regular
Módulo 2   contexto histórico regularMódulo 2   contexto histórico regular
Módulo 2 contexto histórico regularCarla Freitas
 

Mais procurados (20)

Romanização
RomanizaçãoRomanização
Romanização
 
Modelo grego parte 1
Modelo grego parte 1Modelo grego parte 1
Modelo grego parte 1
 
A civilização egípcia
A civilização egípciaA civilização egípcia
A civilização egípcia
 
05 primeiras civilizações
05   primeiras civilizações05   primeiras civilizações
05 primeiras civilizações
 
O Império Romano
O Império RomanoO Império Romano
O Império Romano
 
Ficha formativa roma
Ficha formativa romaFicha formativa roma
Ficha formativa roma
 
Teste de História 10ºano - Grécia Antiga
Teste de História 10ºano - Grécia AntigaTeste de História 10ºano - Grécia Antiga
Teste de História 10ºano - Grécia Antiga
 
A grécia
A gréciaA grécia
A grécia
 
A cultura do senado
A cultura do senadoA cultura do senado
A cultura do senado
 
11 cultura grega
11   cultura grega11   cultura grega
11 cultura grega
 
Egipto
EgiptoEgipto
Egipto
 
Grécia antiga
Grécia antigaGrécia antiga
Grécia antiga
 
Ficha história
Ficha históriaFicha história
Ficha história
 
23 os descobrimentos
23  os descobrimentos23  os descobrimentos
23 os descobrimentos
 
Exame mod 2 - 2.ª versão - proposta de correção
Exame mod 2  - 2.ª versão - proposta de correçãoExame mod 2  - 2.ª versão - proposta de correção
Exame mod 2 - 2.ª versão - proposta de correção
 
10 atenas no século v
10   atenas no século v10   atenas no século v
10 atenas no século v
 
O modelo ateniense a democracia
O modelo ateniense  a democraciaO modelo ateniense  a democracia
O modelo ateniense a democracia
 
Resumos História - O Modelo Ateniense
Resumos História - O Modelo AtenienseResumos História - O Modelo Ateniense
Resumos História - O Modelo Ateniense
 
Atividades económicas nos séculos XIII e XIV
Atividades económicas nos séculos XIII e XIVAtividades económicas nos séculos XIII e XIV
Atividades económicas nos séculos XIII e XIV
 
Módulo 2 contexto histórico regular
Módulo 2   contexto histórico regularMódulo 2   contexto histórico regular
Módulo 2 contexto histórico regular
 

Destaque

As maravilhas do antigo Egito
As maravilhas do antigo EgitoAs maravilhas do antigo Egito
As maravilhas do antigo Egitoluiscontente
 
As primeiras civilizações e o caso egipcío.
As primeiras civilizações e o caso egipcío.As primeiras civilizações e o caso egipcío.
As primeiras civilizações e o caso egipcío.João Pereira
 
Egito Para O Terceiro Ano
Egito Para O Terceiro AnoEgito Para O Terceiro Ano
Egito Para O Terceiro AnoFabio Santos
 
Egito Antigo KA23
Egito Antigo KA23Egito Antigo KA23
Egito Antigo KA23jssrs1313
 
Egito Antigo - 1º Ano
Egito Antigo - 1º AnoEgito Antigo - 1º Ano
Egito Antigo - 1º AnoPrivada
 
Antigo Egito
Antigo EgitoAntigo Egito
Antigo Egitoblog-eic
 
Antigo império egípcio/história do antigo império/ Dica Enem
Antigo império egípcio/história do antigo império/ Dica EnemAntigo império egípcio/história do antigo império/ Dica Enem
Antigo império egípcio/história do antigo império/ Dica EnemJoemille Leal
 
A civilização egipcia
A civilização egipciaA civilização egipcia
A civilização egipciaCarla Freitas
 
A civilização egípcia – a religião e a
A civilização egípcia – a religião e aA civilização egípcia – a religião e a
A civilização egípcia – a religião e aCarla Silva
 
Civilização Egípcia
Civilização EgípciaCivilização Egípcia
Civilização EgípciaJorge Almeida
 
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedade
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedadeEgito Antigo: Nilo, economia e sociedade
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedadeCarlos Pinheiro
 

Destaque (18)

As maravilhas do antigo Egito
As maravilhas do antigo EgitoAs maravilhas do antigo Egito
As maravilhas do antigo Egito
 
As primeiras civilizações e o caso egipcío.
As primeiras civilizações e o caso egipcío.As primeiras civilizações e o caso egipcío.
As primeiras civilizações e o caso egipcío.
 
Egito
EgitoEgito
Egito
 
Egito Para O Terceiro Ano
Egito Para O Terceiro AnoEgito Para O Terceiro Ano
Egito Para O Terceiro Ano
 
Egito Antigo KA23
Egito Antigo KA23Egito Antigo KA23
Egito Antigo KA23
 
Grécia
GréciaGrécia
Grécia
 
Egito Antigo - 1º Ano
Egito Antigo - 1º AnoEgito Antigo - 1º Ano
Egito Antigo - 1º Ano
 
egito
 egito egito
egito
 
Antigo Egito
Antigo EgitoAntigo Egito
Antigo Egito
 
Antigo império egípcio/história do antigo império/ Dica Enem
Antigo império egípcio/história do antigo império/ Dica EnemAntigo império egípcio/história do antigo império/ Dica Enem
Antigo império egípcio/história do antigo império/ Dica Enem
 
A civilização egipcia
A civilização egipciaA civilização egipcia
A civilização egipcia
 
A civilização egípcia – a religião e a
A civilização egípcia – a religião e aA civilização egípcia – a religião e a
A civilização egípcia – a religião e a
 
Antigo egito alexandre
Antigo egito alexandreAntigo egito alexandre
Antigo egito alexandre
 
Egipto
EgiptoEgipto
Egipto
 
Religião egipcia
Religião egipciaReligião egipcia
Religião egipcia
 
Civilização Egípcia
Civilização EgípciaCivilização Egípcia
Civilização Egípcia
 
Aula 4 o antigo egito
Aula 4   o antigo egitoAula 4   o antigo egito
Aula 4 o antigo egito
 
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedade
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedadeEgito Antigo: Nilo, economia e sociedade
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedade
 

Semelhante a 06 império egípcio

Civilização Egípcia
Civilização EgípciaCivilização Egípcia
Civilização EgípciaAndreBalanca
 
Egito Antigo - 6º Ano (2018)
Egito Antigo - 6º Ano (2018)Egito Antigo - 6º Ano (2018)
Egito Antigo - 6º Ano (2018)Nefer19
 
Egito apresntação dia 26 1º ano
Egito apresntação dia 26 1º anoEgito apresntação dia 26 1º ano
Egito apresntação dia 26 1º anohermes2974
 
A sociedade egípcia
A sociedade egípciaA sociedade egípcia
A sociedade egípciaCarlos Vieira
 
Ficha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoesFicha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoesAna Barreiros
 
Antiguidade Oriental
Antiguidade OrientalAntiguidade Oriental
Antiguidade Orientaleiprofessor
 
As primeiras civilizações egipto
As primeiras civilizações   egiptoAs primeiras civilizações   egipto
As primeiras civilizações egiptoNuno Faustino
 
www.reforcoescolarapoio.com.br - História - O Egito Antigo
www.reforcoescolarapoio.com.br - História -  O Egito Antigowww.reforcoescolarapoio.com.br - História -  O Egito Antigo
www.reforcoescolarapoio.com.br - História - O Egito AntigoCarmem Lopes
 
www.AulasDeHistoriaApoio.com - História - O Egito Antigo
www.AulasDeHistoriaApoio.com  - História -  O Egito Antigowww.AulasDeHistoriaApoio.com  - História -  O Egito Antigo
www.AulasDeHistoriaApoio.com - História - O Egito AntigoAulasDeHistoriaApoio
 
www.AulasParticulares.Info - História - O Egito Antigo
www.AulasParticulares.Info - História -  O Egito Antigowww.AulasParticulares.Info - História -  O Egito Antigo
www.AulasParticulares.Info - História - O Egito AntigoAulasParticularesInfo
 
www.aulaparticularonline.net.br - História - O Egito Antigo
www.aulaparticularonline.net.br - História -  O Egito Antigowww.aulaparticularonline.net.br - História -  O Egito Antigo
www.aulaparticularonline.net.br - História - O Egito AntigoLucia Silveira
 
Reinos e Sociedades africanas.pptx
Reinos e Sociedades africanas.pptxReinos e Sociedades africanas.pptx
Reinos e Sociedades africanas.pptxAltairBonini2
 
Aula 1 hist em
Aula 1   hist emAula 1   hist em
Aula 1 hist emWalney M.F
 

Semelhante a 06 império egípcio (20)

Egito antigo
Egito antigo Egito antigo
Egito antigo
 
Civilização Egípcia
Civilização EgípciaCivilização Egípcia
Civilização Egípcia
 
Egitoantigo 1993
Egitoantigo 1993Egitoantigo 1993
Egitoantigo 1993
 
Egito Antigo - 6º Ano (2018)
Egito Antigo - 6º Ano (2018)Egito Antigo - 6º Ano (2018)
Egito Antigo - 6º Ano (2018)
 
áFrica antiga
áFrica antigaáFrica antiga
áFrica antiga
 
O egito antigo
O egito antigoO egito antigo
O egito antigo
 
Egito apresntação dia 26 1º ano
Egito apresntação dia 26 1º anoEgito apresntação dia 26 1º ano
Egito apresntação dia 26 1º ano
 
Antiguidade oriental
Antiguidade orientalAntiguidade oriental
Antiguidade oriental
 
A sociedade egípcia
A sociedade egípciaA sociedade egípcia
A sociedade egípcia
 
Ficha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoesFicha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoes
 
Antiguidade Oriental
Antiguidade OrientalAntiguidade Oriental
Antiguidade Oriental
 
As primeiras civilizações egipto
As primeiras civilizações   egiptoAs primeiras civilizações   egipto
As primeiras civilizações egipto
 
www.reforcoescolarapoio.com.br - História - O Egito Antigo
www.reforcoescolarapoio.com.br - História -  O Egito Antigowww.reforcoescolarapoio.com.br - História -  O Egito Antigo
www.reforcoescolarapoio.com.br - História - O Egito Antigo
 
www.AulasDeHistoriaApoio.com - História - O Egito Antigo
www.AulasDeHistoriaApoio.com  - História -  O Egito Antigowww.AulasDeHistoriaApoio.com  - História -  O Egito Antigo
www.AulasDeHistoriaApoio.com - História - O Egito Antigo
 
www.AulasParticulares.Info - História - O Egito Antigo
www.AulasParticulares.Info - História -  O Egito Antigowww.AulasParticulares.Info - História -  O Egito Antigo
www.AulasParticulares.Info - História - O Egito Antigo
 
www.aulaparticularonline.net.br - História - O Egito Antigo
www.aulaparticularonline.net.br - História -  O Egito Antigowww.aulaparticularonline.net.br - História -  O Egito Antigo
www.aulaparticularonline.net.br - História - O Egito Antigo
 
Reinos e Sociedades africanas.pptx
Reinos e Sociedades africanas.pptxReinos e Sociedades africanas.pptx
Reinos e Sociedades africanas.pptx
 
02 egito antigo
02   egito antigo02   egito antigo
02 egito antigo
 
Aula 1 hist em
Aula 1   hist emAula 1   hist em
Aula 1 hist em
 
ANTIGUIDADE ORIENTAL
ANTIGUIDADE ORIENTALANTIGUIDADE ORIENTAL
ANTIGUIDADE ORIENTAL
 

Mais de Carla Freitas

Mais de Carla Freitas (20)

11 ha m6 u1
11 ha m6 u111 ha m6 u1
11 ha m6 u1
 
11 Ha M5 u3
11 Ha M5 u311 Ha M5 u3
11 Ha M5 u3
 
11 Ha M5 u5 1
11 Ha M5 u5 111 Ha M5 u5 1
11 Ha M5 u5 1
 
Módulo 8 - Romantismo
Módulo 8 - RomantismoMódulo 8 - Romantismo
Módulo 8 - Romantismo
 
Módulo 8 - Arte em Portugal nos finais do século XIX
Módulo 8 - Arte em Portugal nos finais do século XIXMódulo 8 - Arte em Portugal nos finais do século XIX
Módulo 8 - Arte em Portugal nos finais do século XIX
 
Módulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismo
Módulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismoMódulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismo
Módulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismo
 
Módulo 8 - Naturalismo e Realismo
Módulo 8 - Naturalismo e RealismoMódulo 8 - Naturalismo e Realismo
Módulo 8 - Naturalismo e Realismo
 
11 ha m5 u4
11 ha m5 u411 ha m5 u4
11 ha m5 u4
 
11 ha m5 u2
11 ha m5 u211 ha m5 u2
11 ha m5 u2
 
11 ha m4 u3 3
11 ha m4 u3 311 ha m4 u3 3
11 ha m4 u3 3
 
11 ha m5 u1
11 ha m5 u111 ha m5 u1
11 ha m5 u1
 
11 ha m4 u4 3
11 ha m4 u4 311 ha m4 u4 3
11 ha m4 u4 3
 
11 ha m4 u4 2
11 ha m4 u4 211 ha m4 u4 2
11 ha m4 u4 2
 
11 ha m4 u4 1
11 ha m4 u4 111 ha m4 u4 1
11 ha m4 u4 1
 
11 ha m4 u3 2
11 ha m4 u3 211 ha m4 u3 2
11 ha m4 u3 2
 
11 ha m4 u3 1
11 ha m4 u3 111 ha m4 u3 1
11 ha m4 u3 1
 
11 ha m4 u2 2
11 ha m4 u2 211 ha m4 u2 2
11 ha m4 u2 2
 
11 ha m4 u2 1
11 ha m4 u2 111 ha m4 u2 1
11 ha m4 u2 1
 
11 ha m4 u1
11 ha m4 u111 ha m4 u1
11 ha m4 u1
 
11 ha m4 u2 3
11 ha m4 u2 311 ha m4 u2 3
11 ha m4 u2 3
 

06 império egípcio

  • 1. O Império Egípcio 3200 a. C. até séc. I a.C. História 7º Ano Professora : Carla Freitas
  • 2. Contexto Geográfico Nordeste do continente africano. Banhado a norte pelo mar Mediterrâneo e a Este pelo mar Vermelho Rodeado de desertos: este o deserto da Arábia e o Sinai , a oeste o deserto Líbio. Clima quente e seco Atravessado pelo rio NILO
  • 3.
  • 4. ƒ Civilização estende-se ao longo das margens férteis do rio ƒ Cheias na época mais quente do ano, entre julho e setembro ƒ Construção de diques e represas para manter a água longe das habitações e para a suster para os restantes meses. ƒ Construção de canais para irrigar Egito, um dom do Nilo
  • 6. Economia • Agricultura: era a principal actividade, dependia do Nilo e cultivavam sobretudo cereais, vinha e árvores de fruto. • Colhiam o papiro nas margens do Nilo. • Pecuária: criavam sobretudo gado bovino • Caça e Pesca no Nilo • Artesanato: de
  • 7. Pirâmide Social • Sociedade estratificada • Grupos privilegiados e não privilegiados • 90% da população era composta Privilegi ados Não Privilegi ados
  • 8. Topo da Pirâmide Social Faraó e família
  • 10. Quando termina a parte mais importante do seu trabalho, sente os braços esgotados e descansa; como está acocorado desde o nascer ao pôr-do- sol, doem-lhe os joelhos e a espinha. O barbeiro barbeia até à noite; só quando come se encosta aos cotovelos para descansar. Vai de rua em rua, em busca de fregueses; mói os braços para se sustentar [...]. O pedreiro tem sempre a doença à espreita, porque está exposto às intempéries, construíndo penosamente as casas, agarrado aos capitéis em forma de lótus.[...] O tintureiro, com os dedos a cheirar a peixe podre e os olhos cansados, não deixa parar as mãos nem por um momento[...]. O sapateiro é muito infeliz; mendiga permanentemente [...]. O lavadeiro lava a roupa no cais; é vizinho dos crocodilos.
  • 12. A Sociedade • Era uma sociedade estratificada, com estratos sociais com direitos e deveres definidos. • Era uma sociedade fechada sem mobilidade social. • Grupos privilegiados:  Nobres – Principais cargos administrativos e militares (vizir e governadores)  Sacerdotes – Administravam o culto e os vastos territórios e riquezas dos templos  Escribas – Dominavam o sistema de escrita • Grupos não privilegiados:  Artesãos – Praticavam diversos ofícios e trabalhavam nas oficinas dos templos e palácios.  Camponeses – 90% da população que trabalhava nos campos, servindo ainda como soldados e funcionários
  • 14. "Volta a tua face para mim, ó Sol nascente que iluminas o mundo com a tua beleza, disco resplandescente entre os homens, que afastas do Egipto as trevas [...]. Quando repousas no teu palácio, ouves o que se diz em toda a parte, pois tens milhões de ouvidos. Os teus olhos brilham mais do que as estrelas do céu[...]. Se se fala, mesmo que seja com a boca encostada à parede de uma casa, as palavras chegam aos teus ouvidos. Se se faz qualquer coisa em segredo, os teus olhos veêm tudo, ó rei, senhor generoso, que a
  • 15. Poder Absoluto e Sacralizado • Poder Sacralizado: o faraó era descendente dos deuses e um deus, logo a sua vontade não podia ser posta em causa. • Monarquia de poder absoluto;  Todos os territórios e riquezas lhe pertenciam;  Controlava a sociedade pois decidia quem ocupava os cargos;  Sumo-sacerdote;  Chefe-supremo do exército
  • 16.  Escriba – Grupo que aprendia a escrita e que se dedicava a esse ofício.  Estratificada – Sociedade dividida em estratos ou camadas sobrepostas.  Privilegiado – (privum, privado e legem, lei) Pessoa que goza de regalias ou de direitos específicos, ou seja, de privilégios.  Monarquia – (monos, um e arquia, governo) Regime político em que o governo está concentrado nas mãos de uma única pessoa, o monarca. Normalmente esse poder é hereditário.  Poder sacralizado – Poder proveniente dos deuses e por isso não pode ser posto em causa.  Poder absoluto – Poder sobre tudo e sobre todos, concentra nas suas mãos todos os poderes. Conceitos a reter
  • 17. Metas – O que deves saber desta matéria 1. Localizar no tempo o Egito. 2. Localizar no espaço o Egito. 3. Explicar a importância do Nilo para o Egito. 4. Explicar de que forma os egípcios aproveitaram as águas das cheias. 5. Caracterizar a economia egípcia. 6. Enumerar actividades económicas e produtos egípcios. 7. Caracterizar a sociedade egípcia. 8. Distinguir grupos privilegiados e não privilegiados. 9. Enumerar as funções do faraó. 10.Justificar o poder absoluto e sacralizado do faraó