Breves Instruções de Uso da Planilha Excel para análise de Dados

                                                        ...
Ícone
                                                                                       gráficos




                ...
Figura 05 – 3a etapa da geração do gráfico – Opções de gráfico.

       Ao clicar em avançar, aparecerá em sua tela a 4a e...
Figura 07 – O gráfico gerado a partir dos dados da queda do elefante.

         Gerado o gráfico, começa a etapa de anális...
Figura 09 – Escolha do tipo – tendência/tipo de regressão




      Figura 10 – Opção de escolha em exibir equação no gráf...
Figura 11 – Gráfico final com a equação.
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Instruções Básicas para uso do Excel no Ensino de Física

7.868 visualizações

Publicada em

Breve descrição e orientação de como podemos utilizar o Excel em atividades de medidas de queda de um corpo, familiarizando o estudante com a ferramenta.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
7.868
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
20
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
104
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Instruções Básicas para uso do Excel no Ensino de Física

  1. 1. Breves Instruções de Uso da Planilha Excel para análise de Dados Desenvolvido pelo professor Valmir Heckler Disponível em: http://profvalmir.blogspot.com/ A partir dos dados obtidos de forma experimental em estudos da mecânica básica, podemos desenvolver os gráficos na planilha Excel, permitindo uma análise qualitativa e quantitativa mais eficaz do referido fenômeno físico em análise. Usaremos abaixo o exemplo utilizado para simular a queda de um corpo, o da simulação do elefante que cai em queda livre (movimento idealizado), disponibilizado no link: http://www.schulphysik.de/java/physlet/applets/fall2.html Ao observar a simulação, você terá os dados da posição do elefante em função do tempo de queda, conforme visualizado na figura 01. Figura 01 – Representação da queda do elefante, indicando posição (y) x tempo (t) Para facilitar a aquisição dos dados, você deverá optar em clicar com auxílio do mouse em Pause, parando a simulação, para continuar clique novamente em Pause. Os dados deverão ser organizados em forma de tabela, exemplo figura 02. t (s) y (m) 0 34 0,6 32,5 0,9 29,7 1,3 25,5 1,7 19,5 2,1 12,8 2,6 0,4 Figura 02 – Tabela de dados da queda do elefante. Com os dados organizados em forma de tabela na planilha Excel, selecione os mesmos com auxilio do mouse, permitindo gerar o gráfico, clicando no ícone gráficos, após irá abrir o assistente de gráficos mostrando as etapas de construção do gráfico, optar em gráfico de dispersão e no subtipo de gráfico assinalado em negrito conforme figura 03.
  2. 2. Ícone gráficos Ícone Figura 03 – Escolha do tipo de gráfico para interpretação e análise dos dados. Avançar Ao clicar no ícone avançar (figura 03), irá aparecer na tela de seu computador a 2a etapa já com a versão do gráfico conforme a figura 04, mostrando o intervalo de dados, opte em avançar. Figura 04 – 2a etapa da geração do gráfico – origem dos dados. Agora você já está na 3a etapa da construção do gráfico, onde você terá a possibilidade em digitar o título do gráfico, indicar os nomes e as unidades dos valores dos eixos x e y, conforme exemplo da figura 05, bem como optar ou não em ter legenda no gráfico, etc.
  3. 3. Figura 05 – 3a etapa da geração do gráfico – Opções de gráfico. Ao clicar em avançar, aparecerá em sua tela a 4a etapa, onde você pode escolher o local e ou arquivo em que deva ser gerado o gráfico conforme figura 06. Figura 06 – 4a etapa da geração do gráfico – local do gráfico. Para gerar o seu gráfico, clique com o mouse em concluir, devendo aparecer em sua tela do computador o gráfico, conforme figura 07.
  4. 4. Figura 07 – O gráfico gerado a partir dos dados da queda do elefante. Gerado o gráfico, começa a etapa de análise e interpretação dos dados e do fenômeno físico, com auxílio do mouse clique em cima da linha azul que liga os pontos e em seguida clique com o botão direito do mouse em cima da mesma linha azul, abrindo uma janela que permite a opção adicionar linha de tendência, conforme figura 08. Linha azul Linha de tendência Figura 08 – Adicionando a linha de tendência no gráfico. Ao clicar em adicionar linha de tendência, irá abrir o opção de escola, do tipo – tendência/tipo de regressão, com estamos trabalhando com equação de 20 grau, clique em polinomial de ordem 2, conforme a figura 09. Na mesma tela, aparece o item opções, clique nele, e aí terás a oportunidade de escolher em exibir equação no gráfico, conforme demonstrado na figura 10.
  5. 5. Figura 09 – Escolha do tipo – tendência/tipo de regressão Figura 10 – Opção de escolha em exibir equação no gráfico. Após clique em ok, estarás gerando o gráfico e sua equação para a análise e interpretação, conforme figura 11.
  6. 6. Figura 11 – Gráfico final com a equação.

×