EQUIPE
• Anna Beatriz
• Glaucia Barbosa
• Jéssica Cristina
• Patricia Sacardo
• Thayne Moura
... Primeiras
técnicas
Informar características dos
produtos
simplicidade da tecnologia
inexistência de meios de comunicaç...
DESENVOLVIMENTO
INDUSTRIAL
PERSUASÃO = FERRAMENTA
INDISPENSÁVEL PARA A EFICIÊNCIA DA
MÍDI
ACONCORRÊNC
IA
CONSUM
O
MUDANÇ
A...
P S I C O L O G I A S É C .
X XDesenvolvia-se como ciência
ExPlicar O “NOVO HOMEM”
Matrizes
Disciplina
res
Behaviorismo >
...
BEHAVIORISMO
1913 – John Watson
“Certa parte do
comportamento é, pois,
eliciada por estímulos, e
é especialmente precisa
nossa previsão desse
comportament...
PUBLICIDADE
COMPORTAMENTO
• A Promoção de vendas
• Intervalos fixos
É notável a importância
destes para a Publicidade,
no sentido de persuadir um
público-alvo e diminuir o
índice de extinção...
GESTALT
ALEMANHA - 1870
Max Wertheimer, Wolfgang
Köhler e Kurt Koffka
processo psicológico da percepção
humana e as condiç...
PRIMEIRO
CONSISTE NA IDEIA DE QUE O TODO É
PERCEBIDO DE MANEIRA DISTINTA
DA SOMA DAS PARTES
SEGUNDO
TRATA DOS PROCESSOS DE
ASSOCIAÇÃO NO CAMPO
ESTIMULATÓRIO
TERCEIRO
AFIRMA A NECESSIDADE DE COMPLETAR
UM ESTÍMULO EM ABERTO
PERCEPÇ
ÃO
FATORES
DE
ESTÍMUL
O
FATORES
PESSOAI
S
GERAÇÃO DE
ESTÍMULOS
MÍDIA
TELEVISI
VA
DEFINIÇÕES
PSICOLOG
IA
PUBLICID
ADE
PROPAGAN
DA
faz parte do nosso cotidiano. Como
brasileiros, temos modos e razões de
consumir distintos dos habitantes de
outros países...
Conhecer o consumidor e seu
comportamento
Detectar oportunidades e ameaças
aos negócios
Fatores que são avaliados :
Fator cultural, social,
pessoal, psicológico e
motivação
Motivação e atenção
ESTRAÉGIAS DA
PUBLICIDADE E
PROPAGANDA
AIDA (Atenção – Interesse –
Desejo – Ação)
• Saber da existência do produto ou serviço.
(Atenção)
• Estar interessado o suficiente para prestar
atenção nas caracterí...
PSICOLOGIA DAS CORES
 Branco
 Azul
 Preto
 Cinza
 Laranja
• Amarelo
• Verde
• Vermelho
• Roxo
• Marrom
• Rosa
CONSEQUÊNCIAS
DO USO DA
PSICOLOGIA
CONSEQUÊNCIAS
Técnicas de persuasão
Aumento do Consumo
Benefícios FinanceirosProblemas sociais e ambien
DESEJO de gastar
provocações de consumo
do sistema capitalista
venceram o bom senso
O consumo desenfreado é
um distúrbio d...
CONCLUSÃO
Reconhecer e entender o desejo
e sentimento do consumidor
Fidelização
Não cria necessidades e sim
estimulam
OBRIGADA PELA ATENÇÃO!
Psicologia na Publicidade e Propaganda
Psicologia na Publicidade e Propaganda
Psicologia na Publicidade e Propaganda
Psicologia na Publicidade e Propaganda
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Psicologia na Publicidade e Propaganda

3.970 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.970
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
79
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Psicologia na Publicidade e Propaganda

  1. 1. EQUIPE • Anna Beatriz • Glaucia Barbosa • Jéssica Cristina • Patricia Sacardo • Thayne Moura
  2. 2. ... Primeiras técnicas Informar características dos produtos simplicidade da tecnologia inexistência de meios de comunicação massivos eficazes Estudo do consumidor / Persuasão
  3. 3. DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL PERSUASÃO = FERRAMENTA INDISPENSÁVEL PARA A EFICIÊNCIA DA MÍDI ACONCORRÊNC IA CONSUM O MUDANÇ AS AUMENTAR VISIBILIDADE DO PRODUTO SALIENTAR AS QUALIDADES REAVALIAÇÃ O DAS ESTRATÉGI AS
  4. 4. P S I C O L O G I A S É C . X XDesenvolvia-se como ciência ExPlicar O “NOVO HOMEM” Matrizes Disciplina res Behaviorismo > previsibilidade do comportamento humano Gestalt > importância da percepção e da subjetividade
  5. 5. BEHAVIORISMO 1913 – John Watson
  6. 6. “Certa parte do comportamento é, pois, eliciada por estímulos, e é especialmente precisa nossa previsão desse comportamento.”
  7. 7. PUBLICIDADE COMPORTAMENTO • A Promoção de vendas • Intervalos fixos
  8. 8. É notável a importância destes para a Publicidade, no sentido de persuadir um público-alvo e diminuir o índice de extinção dos comportamentos
  9. 9. GESTALT ALEMANHA - 1870 Max Wertheimer, Wolfgang Köhler e Kurt Koffka processo psicológico da percepção humana e as condições sob as quais os estímulos são recebidos PERCEPÇÃO assimilação de um
  10. 10. PRIMEIRO CONSISTE NA IDEIA DE QUE O TODO É PERCEBIDO DE MANEIRA DISTINTA DA SOMA DAS PARTES
  11. 11. SEGUNDO TRATA DOS PROCESSOS DE ASSOCIAÇÃO NO CAMPO ESTIMULATÓRIO
  12. 12. TERCEIRO AFIRMA A NECESSIDADE DE COMPLETAR UM ESTÍMULO EM ABERTO
  13. 13. PERCEPÇ ÃO FATORES DE ESTÍMUL O FATORES PESSOAI S GERAÇÃO DE ESTÍMULOS MÍDIA TELEVISI VA
  14. 14. DEFINIÇÕES PSICOLOG IA PUBLICID ADE PROPAGAN DA
  15. 15. faz parte do nosso cotidiano. Como brasileiros, temos modos e razões de consumir distintos dos habitantes de outros países. Por isso não deixa de ser importantes as formas de comportamento do consumidor brasileiro, é pensar sobre como vivemos, como nos relacionamos com nossa família e com nossos amigos, como fazemos escolhas e tomamos decisões no dia-a-dia.
  16. 16. Conhecer o consumidor e seu comportamento Detectar oportunidades e ameaças aos negócios
  17. 17. Fatores que são avaliados : Fator cultural, social, pessoal, psicológico e motivação Motivação e atenção
  18. 18. ESTRAÉGIAS DA PUBLICIDADE E PROPAGANDA AIDA (Atenção – Interesse – Desejo – Ação)
  19. 19. • Saber da existência do produto ou serviço. (Atenção) • Estar interessado o suficiente para prestar atenção nas características, especificações e benefícios do produto. (Interesse) • Ter um desejo de obter os benefícios que o produto oferece. (Desejo) • Comprar o produto. (Ação)
  20. 20. PSICOLOGIA DAS CORES  Branco  Azul  Preto  Cinza  Laranja
  21. 21. • Amarelo • Verde • Vermelho • Roxo • Marrom • Rosa
  22. 22. CONSEQUÊNCIAS DO USO DA PSICOLOGIA
  23. 23. CONSEQUÊNCIAS Técnicas de persuasão Aumento do Consumo Benefícios FinanceirosProblemas sociais e ambien
  24. 24. DESEJO de gastar provocações de consumo do sistema capitalista venceram o bom senso O consumo desenfreado é um distúrbio de comportamento. (Olga Inês
  25. 25. CONCLUSÃO Reconhecer e entender o desejo e sentimento do consumidor Fidelização Não cria necessidades e sim estimulam
  26. 26. OBRIGADA PELA ATENÇÃO!

×