Coaching eng port

658 visualizações

Publicada em

Conceitos de coaching
concepts of coaching

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
658
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Coaching eng port

  1. 1. COACHING INNOVATION BRASIL Prof. Paulo Antônio A Almeida
  2. 2. Distribuição da psicopatologia em geral Aconselhamento Clinica Psiquiatria População Coaching Alta Psicopatologgia Alto Bem Estar Curva Normal Coaching trabalha com a população não clinica
  3. 3. Muitas “Marcas” de Coaching
  4. 4. Evite fórmulas mágicas Evitar mágica e pseudociências Otimismo cínico Evidências
  5. 5. CONCEITO CONCEPT Fonte: (Grant, 2003 p. 147
  6. 6. Processo sistemático systematic process Fonte: (Grant, 2003 p. 147
  7. 7. Orientado para resultados results-oriented Fonte: (Grant, 2003 p. 147
  8. 8. alvo-dirigido Dirigid-target Fonte: (Grant, 2003 p. 147
  9. 9. uma pessoa facilita a mudança em outro indivíduo ou grupo a person facilitates change in another individual or group Fonte: (Grant, 2003 p. 147
  10. 10. fomento a auto-aprendizagem e crescimento pessoal do coachee fostering self-learning and personal growth of the coachee Fonte: (Grant, 2003 p. 147
  11. 11. Raízes do coaching Roots of coaching
  12. 12. ACONSELHAMENTO DE EXECUTIVOS PROGRAMAS DE LIDERANÇA E DE PROMOÇÃO INNER GAME – JOGO INTERIOR CULTURA DE COACHING PROGRAMAS ACADÊMICOS E PESQUISAS EM COACHING EMERGENCIA DO COACHING HISTÓRIA DO COACHING
  13. 13. INTERCONEXÕES ENTRE COACHING E AS DISCIPLINAS RAIZ
  14. 14. INFLLUENCIAS DO COACHING GERAÇÃO ORIGGINAL PRIMEIRA GERAÇÃO SEGUNDA GERAÇÃO HISTÓRIA DO COACHING
  15. 15. LIDERANÇA LEADERSHIP
  16. 16. INOVAÇÃO INNOVATION
  17. 17. Schumpeter (1997), Drucker (1992), Gundling (2000), e Van de Ven (2000).
  18. 18. FUNDAÇÃO GETÚLIO VARGAS FUNDAÇÃO DOM CABRAL FUNDAÇÃO JOÃO PINHEIRO CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA MINNESOTA UNIVERSITY
  19. 19. Inovação é Ideia + Ação = Resultado. Gundling (2000)
  20. 20. Innovation is Ideia + Action = Result. Gundling (2000)
  21. 21. INOVAÇÃO organizac(T)ional INNOVATION
  22. 22. NESTA (UK) National Endowrment for Science, Technology and the Arts
  23. 23. NESTA Nesta is an innovation charity with a mission to help people and organisations bring great ideas to life.
  24. 24. NESTA “ INOVAÇÃO É uma mudança associada com a criação e adoção de ideias que são novas para o mundo, novas para a região ou novas para a organização governamental ou para o terceiro setor (ONGs)”.
  25. 25. NESTA “INNOVATION is a associated with the creation and adoption of ideas that are new to the world, new to the area or new to the governmental organization or third sector (NGOs) ".
  26. 26. O desenvolvimento de uma inovação Inovação baseada na invenção Adotando uma inovação Inovação baseada na difusão Nova para o mundo Inovações pioneiras e adaptações transnacionais aprendizagem Trans-nacional Nova para o setor público Adaptar uma inovação para utilizar no setor público ou privado Transpondo uma inovação de um setor para outro Nova para a região/local Adaptar uma inovação trabalhar localmente / regionalmente difusão espacial de um inovação Nova para esta organização Adaptar uma inovação para atender necessidades ou circunstâncias específicas organizacionais adoção Imitativa
  27. 27. The development of an innovation Based innovation invention Adopting an innovation Innovation diffusion-based New to the world pioneering innovations and adaptations transnational Trans-national learning New to the sector Adapting an innovation for use in the public sector or in public services Applying an innovation of the private sector New to the region Adapting an innovation work locally / regionally spatial diffusion of a innovation New to this organization Adapting an innovation for meet specific needs or circumstances organizational adoption Imitative
  28. 28. CONCEITOS DA LITERATURA MIRP – MINNESOTA INNOVATION RESEARCH PROGRAM Ideias Uma invenção operacionalizada Reinvenção, proliferação, reimplementação, descarte e término Pessoas Um empreendedor fixo com uma equipe de pessoas durante o tempo todo Conjunto de empreendedores que se engajam e desengajam em várias regras organizacionais ao longo do tempo Transações Uma rede fixa de pessoas trabalhando em uma ideia Uma rede de stakeholders que se expande e se contrai divergindo e convergindo em ideias Contexto Ambiente promovendo oportunidades e restringindo o processo de inovação. Um processo de inovação constrangido pelo ambiente e ao mesmo tempo criando ambientes interconectados Resultados Uma nova orientação e ordem estável Um resultado final indeterminado com múltiplas avaliações e novos negócios, integrando a nova e velha ordem PROCESSOS Um caminho simples progressivo de estágios e fases. Progressões divergentes que vão do simples ao múltiplo, ao mesmo tempo em caminhos paralelos e convergentes alguns dos quais estão relacionados e cumulativos e outros não
  29. 29. CONCEPTS OF LITERATURE MIRP – MINNESOTA INNOVATION RESEARCH PROGRAM Ideias A operationalized invention Reinvention, proliferation, redeployment, disposal and termination People A fixed entrepreneur with a team of people all the time Set of entrepreneurs who engage and disengage in various organizational rules over time Transactions A fixed network of people working on an idea A network of stakeholders that expands and contracts diverging and converging ideas Context Environment promoting opportunities and restricting the innovation process. An innovation process constrained by the environment while creating interconnected environments Results A new orientation and stable order An indeterminate outcome with multiple evaluations and new businesses, integrating new and old order Processs A simple way of progressive stages and phases. Divergent progressions ranging from simple to multiple, simultaneously in parallel and converging paths some of which are related and cumulative and not others
  30. 30. fatores impulsionadores de um ambiente inovador driving factors of an innovative environment
  31. 31. Ambiente Interno • 1.Padronização de Procedimentos • 2.Recursos Financeiros • 3.Liderança • 4.Autonomia • 5.Relacionamento • 6.Tecnologia da informação • 7.Métricas de inovação Ambiente Externo • 8.Interdependência de Recursos Externos • 9.Formalização • 10.Efetividade Social. Fatores que influenciam o ambiente de inovação organizacional
  32. 32. Internal enviroment • 1. Standardization procedures • 2. Financian Resources • 3. Leadership • 4. Self Empowerment • 5. Relationship • 6. Information technology • 7. Innovation Index External Enviroment • 8. Interdependence of External Resources • 9.Formalization • 10. Social effectiveness. driving factors of an innovative environment
  33. 33. paulo.almeida@prof.una.br www.marketing500.com.br

×