Estratégia de Inovação = Portfólio de Projetos

1.391 visualizações

Publicada em

Palestra no 8o Painel de Projetos da ESPM - Porto Alegre - 26/07/2012.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.391
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
8
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
49
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Estratégia de Inovação = Portfólio de Projetos

  1. 1. ESTRATÉGIA DE INOVAÇÃO = PORTFÓLIO DE PROJETOS José Ignácio JAEGER Neto, MSc, PMP | ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  2. 2. INOVAÇÃOA é essencial para a competitividade e para odesenvolvimento econômico (PORTER; STERN, 2001). PROJETOSPara realizar melhorias contínuas e radicais, torna-se necessáriogerenciar, ao longo do tempo, um grande número dedos mais variados tipos (KERZNER, 2002). PORTFÓLIOAs empresas buscam atingir suas estratégias através dodesenvolvimento de inúmeros projetos (PMI, 2008), mas é atravésdo que uma empresa expressa a suacapacidade de inovar. ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  3. 3. O QUE É INOVAÇÃOEmbora o termo seja notoriamente abrangente eexistam múltiplas definições, de uma forma simples, ele pode serdefinido como ... a exploração bem sucedida de novas ideias. ADAMS, BESSANT e PHELPS (2006) ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  4. 4. O QUE É INOVAÇÃOINOVAÇÃO e a implementação de um(bem ou serviço) novo ou significativamentemelhorado, ou um , ou um novo , ou um novo nas práticas denegócios, na organização do local de trabalho ounas relações externas. MANUAL DE OSLO (OCDE, 2005) ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  5. 5. QUANDO OCORRE A INOVAÇÃO INOVAÇÃO É UMA INVENÇÃO QUE DEU RESULTADO, isto é, uma ideia que foi implementada e que OBTEVEACEITAÇÃO do mercado ou que TROUXE RESULTADOS para os responsáveis pela sua difusão. ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  6. 6. QUANDO OCORRE A INOVAÇÃO A só acontece, quando um produto novo ou melhorado é introduzido no mercado, ou, quando novos processos, métodos de marketing e métodos organizacionais são efetivamente utilizados nas operações das empresas. MANUAL DE OSLO (OCDE, 2005) ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  7. 7. O QUE É UMPORTFÓLIO Um é uma coleção de projetos, deprogramas e de outros trabalhos relacionados que sãoagrupados para facilitar uma gestão eficaz para cumpriros das empresas (PMI, 2008). É a PONTE, que liga as estratégias organizacionais com as iniciativas dos projetos. ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  8. 8. GESTÃO DE PROJETOSQuanto maior a necessidade de orientação estratégica de umaorganização, maior a importância da implementação deINICIATIVAS ESTRATÉGICAS. A é o instrumento de maior impacto na implementação efetiva de ESTRATÉGIAS. ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  9. 9. INICIATIVAS ESTRATÉGICASPara maximizar a implementação da estratégia é necessárioobter o manejo efetivo de um PORTFÓLIO DE PROJETOS. As são o conjunto de ações de impacto direto no POSICIONAMENTO COMPETITIVO da organização. ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  10. 10. ESTES SÃO OS NOSSOS PROJETOS E AGORA?NRO NOME DURAÇÃO CUSTO QTD HORAS DIRETORIA VAR. YP01 Implantação Sistema de ERP 18 meses 1.200.000 20.000 A ...P02 Migração para Plataforma X 9 meses 900.000 30.000 B ...P03 Arrecadação On-line 12 meses 3.000.000 40.000 C ...P04 Reestruturação Organizacional 6 meses 80.000 1.000 A ...P05 Certificação Digital 8 meses 450.000 5.000 C ...P06 Atualização Servidores 4 meses 180.000 2.000 B ...P07 Inclusão Digital 22 meses 300.000 1.500 C ...P08 Workflow 14 meses 700.000 6.000 C ...P08 Geoprocessamento 32 meses 250.000 4.000 B ...P09 Compras Eletrônicas 9 meses 1.500.000 12.000 A ...P99 ... ... ... ... ... ... ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  11. 11. QUAL A MELHOR ESCOLHA?OPÇÃO 1: Fazer certo o projeto errado?OPÇÃO 2: Fazer errado o projeto certo? "Certamente não há nada tão inútil quanto fazer com grande eficiência algo que nunca deveria ser feito". PETER DRUCKER ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  12. 12. GESTÃO DO PORTFÓLIO DE PROJETOS ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  13. 13. PORTFÓLIO EQUILIBRADOCriar uma carteira de projetos EQUILIBRADA, entremelhorias e inovações ,éomelhor caminho para o SUCESSO. NO ENTANTO, AS EMPRESAS ENFRENTAM UM DILEMA: Concentrar-se em pequenas melhorias nos produtos, que geram crescimento imediato, mas levam à diminuição dos retornos, ou implantar inovações radicais, que possuem valor de longo prazo, porém de menor impacto no curto prazo? HSM MANAGEMENT (2005) ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  14. 14. GESTÃO DE PORTFÓLIOE O POTENCIAL DE INOVAÇÃO Para que se possa medir o POTENCIAL de inovação deum PORTFÓLIO, é preciso analisar o perfil dos projetosrealizados, ressaltando os tipos, os gastos e o conjunto de projetos. ZAWISLAK (2008)Deve-se estabelecer uma relação entre cada PROJETO e o TIPO DE INOVAÇÃO envolvida, que estabelecem diferentes níveis de riscos e retorno. GRAHAM E ENGLUND (2004) ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  15. 15. GESTÃO DE PORTFÓLIOE O POTENCIAL DE INOVAÇÃO Uma das principais competências numa eficaz é equilibrar a composição do e a sua orientação para as competências e capacidades da TECNOLOGIA e dos MERCADOS da organização. TIDD, BESSANT E PAVITT (2008) ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  16. 16. PROJETOSPOR TIPO DE INOVAÇÃO A é considerada de acordo com a descontinuidade de MERCADO e de TECNOLOGIA. GRAHAM e ENGLUND (2004) ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  17. 17. EXEMPLO ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  18. 18. TRANSFORMANDO IDEIAS EM INOVAÇÕESA transformação de empode ser caracterizada pelas decisões deinvestimentos no PORTFÓLIO corrente de em uma organização, onde a gestãode portfólio exerce um papel importante nosprocessos de avaliação, seleção, priorização ebalanceamento. ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  19. 19. TRANSFORMANDO IDEIAS EM INOVAÇÕESESSES PROCESSOS SOFREM INFLUÊNCIA: do , onde as oportunidades possibilitam a empresa desenvolver produtos para um mercado novo ou já conhecido, seja ele um público externo representado pelos seus clientes, ou um público interno representado pelos usuários da própria organização ( ); e da , em que as oportunidades envolvem a utilização de uma tecnologia atual e já conhecida ou utilizada na empresa, ou uma nova tecnologia que assim necessita um maior esforço de aquisição do conhecimento para a sua utilização, seja ela desenvolvida internamente ou adotada de outras organizações ( ). ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  20. 20. TRANSFORMANDO IDEIAS EM INOVAÇÕES ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012
  21. 21. José Ignácio JAEGER Neto, MSc, PMP | ESPM | 8º PAINEL DE PROJETOS| 2012

×