SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 8
TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO
REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO
1
TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO
(LIVRE E ESCLARECIDO)
Operação: Mastoplastia Redutora + Mastopexia
(Redução Mamária + Levantamento)
Paciente:
Locais a serem tratados:
A paciente foi informada de modo claro e ostensivo
(insistente e detalhado) dos riscos/complicações e cuidados pós-
operatórios da operação, como se segue:
A anestesia está a cargo do Médico Anestesiologista e tem
seus riscos inerentes (alergias/reações medicamentosas, choque
anafilático, hipertermia maligna...) indo desde problemas leves até
reações mais graves, inclusive, raros casos, com o óbito (morte). O ato
anestésico pode, raramente, nos casos de anestesia na espinha, levar a
infecções, dores de cabeça que podem ser intensas, no pós -operatório
(tratadas com medidas específicas), transtornos no ritmo cardíaco e
pressão arterial, e também, em raríssimos casos, a paralisia dos
membros. Cumpre dizer que os riscos comentados acima, existem
independentes da cirurgia proposta, ou seja, são comuns a qualquer
operação.
TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO
REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO
2
Foi informada de que a operação de mama pode ocasionar,
desde leves a intensas equimoses (roxos) e também leves a intensos
edemas (inchaços) – não é comum intensos roxos ou inchaços, mas
podem ocorrer, e sua duração é variável de dias até semanas. É certo
que as mamas vão desinchando com o tempo e que, esse processo só
se encerra definitivamente com  06 a 08 meses, mas o “grosso” do
inchaço cede com 06 a 08 semanas. Foi informada de que a operação da
mama pode ser feita por muitas e muitas técnicas (dezenas e dezenas) e
que o cirurgião escolhe aquela a qual está mais habituado e/ou a que a
seu ver leva ao melhor resultado para cada caso em particular. O tipo
de cicatriz na operação da mama pode ser desde periareolar (em volta
da aréola – parte roxa que envolve o bico da mama) apenas, ou
periareolar + vertical (no meio da mama) ou periareolar + vertical +
prolongamento lateral horizontal no sulcomamário (forma de L) ou
mesmo periareolar + vertical + prolongamento lateral e prolongamento
medial (em forma de T “de cabeça para baixo” ou “T invertido”). O
desenho e o comprimento final da cicatriz vão depender do tamanho
da mama, da situação da pele (se flácida e/ou com estrias ou pele forte
sem estrias e com boa elasticidade ou os numerosos tipos
intermediários), do grau de queda (ptose) e até mesmo se a mama é mais
ou menos dura (glandular – por dentro) ou se é mais ou menos mole
(gordurosa – por dentro).
O que é o comum, são cicatrizes em T invertido de tamanho
médio (ultrapassam de maneira moderada as bordas lateral e medial de
cada mama). Mas, pode ocorrer que, durante a operação o cirurgião
TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO
REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO
3
seja obrigado a fazer cicatrizes maiores, se estiver havendo sobra maior
da pele em função da subida da mama. Em casos mais raros, as
cicatrizes poderão encontrar-se no meio do tórax, emendando-se e/ou
dirigir-se até a linha axilar posterior nas laterais (próximo das
axilas).
Foi informada de que a qualidade final das cicatrizes vai
depender muito de sua pele, do seu organismo, onde o determinismo
genético, condições hormonais e até mesmo emocionais/psíquicos, rigor
nos cuidados de pós-operatório, atenção aos retornos, ganho ou não de
peso, doenças e etc... irão influir. Assim, poderá ter cicatrizes de
excelente qualidade (fininha e cor da pele) até cicatrizes boas, médias ou
de má qualidade (quelóides, hipertrofias ou alargamentos). A
pigmentação ou cor das cicatrizes poderá ser desde a tonalidade da pele
ou mesmo mais escuras, mais claras ou roxas/avermelhadas, estas
últimas melhorando com o tempo. Cicatrizes hipertróficas poderão
receber tratamento com infiltração intralesional de corticóide (um pouco
dolorosas) por duas ou mais etapas e/ou compressão e/ou “retoque”
cirúrgico. Alargamentos mais importantes também poderão ser
“retocados” cirurgicamente. Manchas nas cicatrizes poderão receber
tratamento com cremes despigmentantes ou outras medidas. Quelóides
deverão ter tratamento a parte (retirada + radioterapia...) O certo é que,
de um modo geral, as cicatrizes irão melhorando com o tempo de modo
mais evidente até um ano e meio após a operação e de modo mais
sutil, por toda a vida. Foi informada de que não poderemos retocar
TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO
REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO
4
cicatriz com menos de 3 a 6 meses – é contra-indicado, de modo
geral.
Foi informada de que a obtenção da forma da mama vai
depender de vários fatores como a situação da pele (se flácida e/ou com
estrias ou pele forte sem estrias e com boa elasticidade ou os
numerosos tipos intermediários), da situação do tecido mamário (se
mais glandular ou durinho, ou se mais gorduroso ou mole e seus
numerosos estados intermediários). A forma da mama também depende
da largura do tórax, da largura da base da mama, do grau de resposta do
seu organismo à operação e, o que é mais importante, de como era a
mama antes de ser operada – ou seja, nós conseguimos melhorar a
forma da mama, mas existem limites que não podemos quantificar com
exatidão. Foi informada de que, naturalmente, as mamas quase nunca ou
nunca são iguaiszinhas (normalmente a direita é um pouco maior e mais
baixa), bem como a forma e a altura das aréolas/bicos. Assim, não
iremos conseguir mamas rigorosamente parecidas .
Foi informada de que a duração do resultado da operação,
ou seja, o tempo em que permanecerá firme, durinha, empinada, vai
depender muito do seu organismo (determinismo genético, condições
hormonais, até mesmo emocionais/psíquicos, rigor nos cuidados pós -
operatórios, atenção aos retornos, ganho ou não de peso,
emagrecimentos, doenças em geral...). Em média, pode-se admitir em 5
anos de duração, mas sabe-se de casos em que em menos de 1 ano já
houve considerável ptose (queda), o que não é, absolutamente o
comum. O que é comum em praticamente 100% dos casos é a chamada
TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO
REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO
5
báscula, ou seja, o assentamento da mama por volta dos 6 meses,
quando ela desce um pouco e se acomoda – esvazia um pouco o pólo
superior e enche mais o polo inferior, dando o aspecto mais natural de
mama. Quando a báscula ocorre, então os mamilos (bicos), que poderão
estar “olhando” um pouco mais baixo, vão agora assumir posição
também mais natural, centrando-se (olhando para frente ou um pouco
para cima). Assim, não adianta querer forma totalmente natural nos
primeiros meses – as mamas vão ganhando essa naturalidade até por
volta do 6º ao 8º mês.
Foi informada de que a sensibilidade das aréolas e dos
bicos das mamas poderá ficar prejudicada de modo passageiro
(dormência passageira) ou em raros casos, definitiva. Por que? Pelo ato
operatório esticar e/ou inchar os nervos que inervam as aréolas/bicos ou
mesmo, por variação da anatomia do paciente, estarem no caminho dos
cortes e descolamentos indispensáveis para a operação. Isto é real,
mas é raro. O que é comum é dormência que vai melhorando com o
passar dos meses.
Foi informada de que a operação poderá levar a perda parcial
ou total da capacidade de produzir leite, o que ocorre mais quando se
tira mais tecido mamário, todavia pode ocorrer até mesmo numa simples
suspensão, sem retirada – a falta de leite depois, seria coincidência? A
paciente não daria leite mesmo sem a operação? Não se sabe ao certo e
até o momento não há como se fazer qualquer previsão.
Foi informada do risco de hematomas, pouco comum, ou
seja, coleção de sangue, interna, que, às vezes, poderá ter que ser
TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO
REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO
6
drenada com aspiração por seringa + agulha, uma ou mais vezes, no
consultório. Foi informada do risco também pouco comum de necroses
parciais nas costuras com feridas locais e abertura/soltura de pontos –
que deverão ser tratados com muitos curativos, no consultório, com ou
sem necessidade de resuturas (costuras) e retoques da cicatriz no futuro
(no mínimo 3 meses após). Foi informada do risco de infecção, que é
pouco comum, mas pode ocorrer indo desde casos leves até a raríssima
e gravíssima infecção que leva até a perda total da(s) mama(s), o que
repetindo, é raríssima.
Foi informada que deverá fazer repouso, maior com os
braços, principalmente por período de  3 meses, para preservar a
forma e as cicatrizes de danos e que, também, não deverá deitar-se de
bruços (decúbito ventral) até  4 meses.
Foi informada de que poderão ocorrer dores nas mamas no
pós-operatório e que, essas dores poderão durar semanas e até mesmo,
meses, o que é raro. Há relatos de dores por vários anos, o que é mais
raro ainda, mas pode ocorrer (motivo ignorado...).
Está ciente de que será feito estudo histopatológico dos
tecidos retirados das mamas e que deverá levá -los para exame e me
trazer o resultado, pessoalmente.
Foi informada de que deverá seguir, com o máximo de
rigor e zelo a todas as orientações de pós – operatório algumas das
quais não descritas aqui (serão dadas ao longo do tratamento)
para o bom andamento da sua operação e a otimização dos
TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO
REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO
7
resultados. Foi informada de que deverá fazer tantos retornos
quantos eu julgar necessários, que deverão ocorrer até 1 ano e meio
da operação, ou seja, sob hipótese alguma, não dou alta definitiva
antes desse período.
A paciente e/ou seus responsáveis confirmam que não
omitiram ou esqueceram qualquer informação sobre sua condição de
saúde, uso de medicamentos/drogas ou eventuais reações conhecidas a
medicações ou operações (inclusive a nível familiar). Refere(m) estar
sadia, bem como descartada qualquer possibilidade de estar grávida,
mesmo em fase inicial.
Foi claramente informado, esclarecido e compreendido
que não foi feita qualquer promessa de resultado ou de perfeição, e
sim, que tudo faremos para o melhor resultado possível, dentro das
limitações, das possibilidades e respostas do seu organismo.
Tendo ouvido, lido e entendido “muito claramente” todas as
informações acima e concordado com tudo, autorizo o Dr. Brunno
Rosique Lara e sua equipe, a operar a minha pessoa. Assim, dou ciência
e assino abaixo.
Observações importantes:
TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO
REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO
8
Dou ciência, concordo e assino abaixo:
Paciente:
Acompanhante/responsável:
Data:

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Consentimento informado para redução mamária e levantamento

Termo de Consentimento de Blefaroplastia.doc
Termo de Consentimento de Blefaroplastia.docTermo de Consentimento de Blefaroplastia.doc
Termo de Consentimento de Blefaroplastia.docBrunno Rosique
 
Aula sobre cirurgia plástica de Dermolipectomia abdominal
Aula sobre cirurgia plástica  de Dermolipectomia abdominalAula sobre cirurgia plástica  de Dermolipectomia abdominal
Aula sobre cirurgia plástica de Dermolipectomia abdominalLuiz Philipe Vana
 
Acupunturaestéticamóduloivblzdeaco
AcupunturaestéticamóduloivblzdeacoAcupunturaestéticamóduloivblzdeaco
AcupunturaestéticamóduloivblzdeacoFisio Júnias
 
metodos contraceptivos
metodos contraceptivosmetodos contraceptivos
metodos contraceptivosAdrianaDriks
 
metodoscontraceptivos-111017103521-phpapp02 (1).pdf
metodoscontraceptivos-111017103521-phpapp02 (1).pdfmetodoscontraceptivos-111017103521-phpapp02 (1).pdf
metodoscontraceptivos-111017103521-phpapp02 (1).pdfSamara165561
 
Cefai mastoplastia e mastopexia
Cefai mastoplastia e mastopexiaCefai mastoplastia e mastopexia
Cefai mastoplastia e mastopexiaconexaocefai
 
Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01
Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01
Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01Dra Daliana Silva
 
Anotacoes de enfermagem_em_curativos
Anotacoes de enfermagem_em_curativosAnotacoes de enfermagem_em_curativos
Anotacoes de enfermagem_em_curativosHeberth Macedo
 
dicas de ser ter saúde (5)
dicas de ser ter saúde (5)dicas de ser ter saúde (5)
dicas de ser ter saúde (5)hygormacdo
 
Fiz Mini Abdôminoplastia A 3 Meses É Normal O Estômago Ficar Exagerado?
Fiz Mini Abdôminoplastia A 3 Meses É Normal O Estômago Ficar Exagerado?Fiz Mini Abdôminoplastia A 3 Meses É Normal O Estômago Ficar Exagerado?
Fiz Mini Abdôminoplastia A 3 Meses É Normal O Estômago Ficar Exagerado?secondsun9
 
Trabalho da sueli anatomia das mamas
Trabalho da sueli anatomia das mamasTrabalho da sueli anatomia das mamas
Trabalho da sueli anatomia das mamasNalvinha Marques
 

Semelhante a Consentimento informado para redução mamária e levantamento (20)

Termo de Consentimento de Blefaroplastia.doc
Termo de Consentimento de Blefaroplastia.docTermo de Consentimento de Blefaroplastia.doc
Termo de Consentimento de Blefaroplastia.doc
 
Aula sobre cirurgia plástica de Dermolipectomia abdominal
Aula sobre cirurgia plástica  de Dermolipectomia abdominalAula sobre cirurgia plástica  de Dermolipectomia abdominal
Aula sobre cirurgia plástica de Dermolipectomia abdominal
 
Trabalho
TrabalhoTrabalho
Trabalho
 
Asistencia clinica ao parto vaginal
Asistencia clinica ao parto  vaginalAsistencia clinica ao parto  vaginal
Asistencia clinica ao parto vaginal
 
Acupunturaestéticamóduloivblzdeaco
AcupunturaestéticamóduloivblzdeacoAcupunturaestéticamóduloivblzdeaco
Acupunturaestéticamóduloivblzdeaco
 
Tireoidectomia
TireoidectomiaTireoidectomia
Tireoidectomia
 
metodos contraceptivos
metodos contraceptivosmetodos contraceptivos
metodos contraceptivos
 
metodoscontraceptivos-111017103521-phpapp02 (1).pdf
metodoscontraceptivos-111017103521-phpapp02 (1).pdfmetodoscontraceptivos-111017103521-phpapp02 (1).pdf
metodoscontraceptivos-111017103521-phpapp02 (1).pdf
 
Ginecomastia
Ginecomastia Ginecomastia
Ginecomastia
 
Cefai mastoplastia e mastopexia
Cefai mastoplastia e mastopexiaCefai mastoplastia e mastopexia
Cefai mastoplastia e mastopexia
 
Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01
Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01
Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01
 
Acupuntura estética modulo 4
Acupuntura estética modulo 4Acupuntura estética modulo 4
Acupuntura estética modulo 4
 
Apostila para estud1
Apostila para estud1Apostila para estud1
Apostila para estud1
 
Abdominoplastias
AbdominoplastiasAbdominoplastias
Abdominoplastias
 
Anotacoes de enfermagem_em_curativos
Anotacoes de enfermagem_em_curativosAnotacoes de enfermagem_em_curativos
Anotacoes de enfermagem_em_curativos
 
GINECOMASTIA, OBESIDADE TORÁCICA
GINECOMASTIA, OBESIDADE TORÁCICAGINECOMASTIA, OBESIDADE TORÁCICA
GINECOMASTIA, OBESIDADE TORÁCICA
 
dicas de ser ter saúde (5)
dicas de ser ter saúde (5)dicas de ser ter saúde (5)
dicas de ser ter saúde (5)
 
1cfcc06f2e548a376d28e848c819ad12
1cfcc06f2e548a376d28e848c819ad121cfcc06f2e548a376d28e848c819ad12
1cfcc06f2e548a376d28e848c819ad12
 
Fiz Mini Abdôminoplastia A 3 Meses É Normal O Estômago Ficar Exagerado?
Fiz Mini Abdôminoplastia A 3 Meses É Normal O Estômago Ficar Exagerado?Fiz Mini Abdôminoplastia A 3 Meses É Normal O Estômago Ficar Exagerado?
Fiz Mini Abdôminoplastia A 3 Meses É Normal O Estômago Ficar Exagerado?
 
Trabalho da sueli anatomia das mamas
Trabalho da sueli anatomia das mamasTrabalho da sueli anatomia das mamas
Trabalho da sueli anatomia das mamas
 

Mais de Brunno Rosique

Mais de Brunno Rosique (20)

Anestesia Ambulatorial
Anestesia Ambulatorial Anestesia Ambulatorial
Anestesia Ambulatorial
 
Onfaloplastia.pdf
Onfaloplastia.pdfOnfaloplastia.pdf
Onfaloplastia.pdf
 
Tumores cutâneos.ppt
Tumores cutâneos.pptTumores cutâneos.ppt
Tumores cutâneos.ppt
 
Lipoabdominoplastia
Lipoabdominoplastia Lipoabdominoplastia
Lipoabdominoplastia
 
Abdominoplastia.doc
Abdominoplastia.docAbdominoplastia.doc
Abdominoplastia.doc
 
ABDOMINOPLASTY.ppt
ABDOMINOPLASTY.pptABDOMINOPLASTY.ppt
ABDOMINOPLASTY.ppt
 
Abdominoplastia
 Abdominoplastia  Abdominoplastia
Abdominoplastia
 
Lipoabdominoplastia - Técnica Saldanha
Lipoabdominoplastia - Técnica SaldanhaLipoabdominoplastia - Técnica Saldanha
Lipoabdominoplastia - Técnica Saldanha
 
Excisão Fusiforme.PDF
Excisão Fusiforme.PDFExcisão Fusiforme.PDF
Excisão Fusiforme.PDF
 
CBC com Margem.pdf
CBC com Margem.pdfCBC com Margem.pdf
CBC com Margem.pdf
 
Guia de Neoplasia de Pele
Guia de Neoplasia de Pele Guia de Neoplasia de Pele
Guia de Neoplasia de Pele
 
CARCINOMA BASOCELULAR .ppt
CARCINOMA BASOCELULAR .pptCARCINOMA BASOCELULAR .ppt
CARCINOMA BASOCELULAR .ppt
 
Queimaduras - atendimento.doc
Queimaduras - atendimento.docQueimaduras - atendimento.doc
Queimaduras - atendimento.doc
 
Queimaduras- Tratamento .doc
Queimaduras- Tratamento .docQueimaduras- Tratamento .doc
Queimaduras- Tratamento .doc
 
Queimaduras.doc
Queimaduras.docQueimaduras.doc
Queimaduras.doc
 
Queimadura Química.ppt
Queimadura Química.pptQueimadura Química.ppt
Queimadura Química.ppt
 
Lesões elétricas.doc
Lesões elétricas.docLesões elétricas.doc
Lesões elétricas.doc
 
Prova 2004 Cirurgia Plástica
Prova 2004 Cirurgia Plástica Prova 2004 Cirurgia Plástica
Prova 2004 Cirurgia Plástica
 
Prova 2005 Cirurgia Plástica
Prova 2005 Cirurgia Plástica Prova 2005 Cirurgia Plástica
Prova 2005 Cirurgia Plástica
 
Prova Cirurgia Plástica
Prova Cirurgia Plástica Prova Cirurgia Plástica
Prova Cirurgia Plástica
 

Último

O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdf
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdfO mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdf
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdfNelmo Pinto
 
Primeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e AnatomiaPrimeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e AnatomiaCristianodaRosa5
 
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃOeMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃOMayaraDayube
 
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfSistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfGustavoWallaceAlvesd
 
Anatomopatologico HU UFGD sobre CA gástrico
Anatomopatologico HU UFGD sobre CA gástricoAnatomopatologico HU UFGD sobre CA gástrico
Anatomopatologico HU UFGD sobre CA gástricoMarianaAnglicaMirand
 
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.ppt
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.pptPSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.ppt
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.pptAlberto205764
 
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICASAULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICASArtthurPereira2
 
ParasitosesDeformaResumida.finalissima.ppt
ParasitosesDeformaResumida.finalissima.pptParasitosesDeformaResumida.finalissima.ppt
ParasitosesDeformaResumida.finalissima.pptAlberto205764
 
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery  after surgery in neurosurgeryEnhanced recovery  after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery after surgery in neurosurgeryCarlos D A Bersot
 

Último (10)

O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdf
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdfO mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdf
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdf
 
Primeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e AnatomiaPrimeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
 
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃOeMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
 
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfSistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
 
Anatomopatologico HU UFGD sobre CA gástrico
Anatomopatologico HU UFGD sobre CA gástricoAnatomopatologico HU UFGD sobre CA gástrico
Anatomopatologico HU UFGD sobre CA gástrico
 
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.ppt
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.pptPSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.ppt
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.ppt
 
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICASAULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
 
ParasitosesDeformaResumida.finalissima.ppt
ParasitosesDeformaResumida.finalissima.pptParasitosesDeformaResumida.finalissima.ppt
ParasitosesDeformaResumida.finalissima.ppt
 
Aplicativo aleitamento: apoio na palma das mãos
Aplicativo aleitamento: apoio na palma das mãosAplicativo aleitamento: apoio na palma das mãos
Aplicativo aleitamento: apoio na palma das mãos
 
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery  after surgery in neurosurgeryEnhanced recovery  after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
 

Consentimento informado para redução mamária e levantamento

  • 1. TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO 1 TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO (LIVRE E ESCLARECIDO) Operação: Mastoplastia Redutora + Mastopexia (Redução Mamária + Levantamento) Paciente: Locais a serem tratados: A paciente foi informada de modo claro e ostensivo (insistente e detalhado) dos riscos/complicações e cuidados pós- operatórios da operação, como se segue: A anestesia está a cargo do Médico Anestesiologista e tem seus riscos inerentes (alergias/reações medicamentosas, choque anafilático, hipertermia maligna...) indo desde problemas leves até reações mais graves, inclusive, raros casos, com o óbito (morte). O ato anestésico pode, raramente, nos casos de anestesia na espinha, levar a infecções, dores de cabeça que podem ser intensas, no pós -operatório (tratadas com medidas específicas), transtornos no ritmo cardíaco e pressão arterial, e também, em raríssimos casos, a paralisia dos membros. Cumpre dizer que os riscos comentados acima, existem independentes da cirurgia proposta, ou seja, são comuns a qualquer operação.
  • 2. TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO 2 Foi informada de que a operação de mama pode ocasionar, desde leves a intensas equimoses (roxos) e também leves a intensos edemas (inchaços) – não é comum intensos roxos ou inchaços, mas podem ocorrer, e sua duração é variável de dias até semanas. É certo que as mamas vão desinchando com o tempo e que, esse processo só se encerra definitivamente com  06 a 08 meses, mas o “grosso” do inchaço cede com 06 a 08 semanas. Foi informada de que a operação da mama pode ser feita por muitas e muitas técnicas (dezenas e dezenas) e que o cirurgião escolhe aquela a qual está mais habituado e/ou a que a seu ver leva ao melhor resultado para cada caso em particular. O tipo de cicatriz na operação da mama pode ser desde periareolar (em volta da aréola – parte roxa que envolve o bico da mama) apenas, ou periareolar + vertical (no meio da mama) ou periareolar + vertical + prolongamento lateral horizontal no sulcomamário (forma de L) ou mesmo periareolar + vertical + prolongamento lateral e prolongamento medial (em forma de T “de cabeça para baixo” ou “T invertido”). O desenho e o comprimento final da cicatriz vão depender do tamanho da mama, da situação da pele (se flácida e/ou com estrias ou pele forte sem estrias e com boa elasticidade ou os numerosos tipos intermediários), do grau de queda (ptose) e até mesmo se a mama é mais ou menos dura (glandular – por dentro) ou se é mais ou menos mole (gordurosa – por dentro). O que é o comum, são cicatrizes em T invertido de tamanho médio (ultrapassam de maneira moderada as bordas lateral e medial de cada mama). Mas, pode ocorrer que, durante a operação o cirurgião
  • 3. TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO 3 seja obrigado a fazer cicatrizes maiores, se estiver havendo sobra maior da pele em função da subida da mama. Em casos mais raros, as cicatrizes poderão encontrar-se no meio do tórax, emendando-se e/ou dirigir-se até a linha axilar posterior nas laterais (próximo das axilas). Foi informada de que a qualidade final das cicatrizes vai depender muito de sua pele, do seu organismo, onde o determinismo genético, condições hormonais e até mesmo emocionais/psíquicos, rigor nos cuidados de pós-operatório, atenção aos retornos, ganho ou não de peso, doenças e etc... irão influir. Assim, poderá ter cicatrizes de excelente qualidade (fininha e cor da pele) até cicatrizes boas, médias ou de má qualidade (quelóides, hipertrofias ou alargamentos). A pigmentação ou cor das cicatrizes poderá ser desde a tonalidade da pele ou mesmo mais escuras, mais claras ou roxas/avermelhadas, estas últimas melhorando com o tempo. Cicatrizes hipertróficas poderão receber tratamento com infiltração intralesional de corticóide (um pouco dolorosas) por duas ou mais etapas e/ou compressão e/ou “retoque” cirúrgico. Alargamentos mais importantes também poderão ser “retocados” cirurgicamente. Manchas nas cicatrizes poderão receber tratamento com cremes despigmentantes ou outras medidas. Quelóides deverão ter tratamento a parte (retirada + radioterapia...) O certo é que, de um modo geral, as cicatrizes irão melhorando com o tempo de modo mais evidente até um ano e meio após a operação e de modo mais sutil, por toda a vida. Foi informada de que não poderemos retocar
  • 4. TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO 4 cicatriz com menos de 3 a 6 meses – é contra-indicado, de modo geral. Foi informada de que a obtenção da forma da mama vai depender de vários fatores como a situação da pele (se flácida e/ou com estrias ou pele forte sem estrias e com boa elasticidade ou os numerosos tipos intermediários), da situação do tecido mamário (se mais glandular ou durinho, ou se mais gorduroso ou mole e seus numerosos estados intermediários). A forma da mama também depende da largura do tórax, da largura da base da mama, do grau de resposta do seu organismo à operação e, o que é mais importante, de como era a mama antes de ser operada – ou seja, nós conseguimos melhorar a forma da mama, mas existem limites que não podemos quantificar com exatidão. Foi informada de que, naturalmente, as mamas quase nunca ou nunca são iguaiszinhas (normalmente a direita é um pouco maior e mais baixa), bem como a forma e a altura das aréolas/bicos. Assim, não iremos conseguir mamas rigorosamente parecidas . Foi informada de que a duração do resultado da operação, ou seja, o tempo em que permanecerá firme, durinha, empinada, vai depender muito do seu organismo (determinismo genético, condições hormonais, até mesmo emocionais/psíquicos, rigor nos cuidados pós - operatórios, atenção aos retornos, ganho ou não de peso, emagrecimentos, doenças em geral...). Em média, pode-se admitir em 5 anos de duração, mas sabe-se de casos em que em menos de 1 ano já houve considerável ptose (queda), o que não é, absolutamente o comum. O que é comum em praticamente 100% dos casos é a chamada
  • 5. TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO 5 báscula, ou seja, o assentamento da mama por volta dos 6 meses, quando ela desce um pouco e se acomoda – esvazia um pouco o pólo superior e enche mais o polo inferior, dando o aspecto mais natural de mama. Quando a báscula ocorre, então os mamilos (bicos), que poderão estar “olhando” um pouco mais baixo, vão agora assumir posição também mais natural, centrando-se (olhando para frente ou um pouco para cima). Assim, não adianta querer forma totalmente natural nos primeiros meses – as mamas vão ganhando essa naturalidade até por volta do 6º ao 8º mês. Foi informada de que a sensibilidade das aréolas e dos bicos das mamas poderá ficar prejudicada de modo passageiro (dormência passageira) ou em raros casos, definitiva. Por que? Pelo ato operatório esticar e/ou inchar os nervos que inervam as aréolas/bicos ou mesmo, por variação da anatomia do paciente, estarem no caminho dos cortes e descolamentos indispensáveis para a operação. Isto é real, mas é raro. O que é comum é dormência que vai melhorando com o passar dos meses. Foi informada de que a operação poderá levar a perda parcial ou total da capacidade de produzir leite, o que ocorre mais quando se tira mais tecido mamário, todavia pode ocorrer até mesmo numa simples suspensão, sem retirada – a falta de leite depois, seria coincidência? A paciente não daria leite mesmo sem a operação? Não se sabe ao certo e até o momento não há como se fazer qualquer previsão. Foi informada do risco de hematomas, pouco comum, ou seja, coleção de sangue, interna, que, às vezes, poderá ter que ser
  • 6. TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO 6 drenada com aspiração por seringa + agulha, uma ou mais vezes, no consultório. Foi informada do risco também pouco comum de necroses parciais nas costuras com feridas locais e abertura/soltura de pontos – que deverão ser tratados com muitos curativos, no consultório, com ou sem necessidade de resuturas (costuras) e retoques da cicatriz no futuro (no mínimo 3 meses após). Foi informada do risco de infecção, que é pouco comum, mas pode ocorrer indo desde casos leves até a raríssima e gravíssima infecção que leva até a perda total da(s) mama(s), o que repetindo, é raríssima. Foi informada que deverá fazer repouso, maior com os braços, principalmente por período de  3 meses, para preservar a forma e as cicatrizes de danos e que, também, não deverá deitar-se de bruços (decúbito ventral) até  4 meses. Foi informada de que poderão ocorrer dores nas mamas no pós-operatório e que, essas dores poderão durar semanas e até mesmo, meses, o que é raro. Há relatos de dores por vários anos, o que é mais raro ainda, mas pode ocorrer (motivo ignorado...). Está ciente de que será feito estudo histopatológico dos tecidos retirados das mamas e que deverá levá -los para exame e me trazer o resultado, pessoalmente. Foi informada de que deverá seguir, com o máximo de rigor e zelo a todas as orientações de pós – operatório algumas das quais não descritas aqui (serão dadas ao longo do tratamento) para o bom andamento da sua operação e a otimização dos
  • 7. TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO 7 resultados. Foi informada de que deverá fazer tantos retornos quantos eu julgar necessários, que deverão ocorrer até 1 ano e meio da operação, ou seja, sob hipótese alguma, não dou alta definitiva antes desse período. A paciente e/ou seus responsáveis confirmam que não omitiram ou esqueceram qualquer informação sobre sua condição de saúde, uso de medicamentos/drogas ou eventuais reações conhecidas a medicações ou operações (inclusive a nível familiar). Refere(m) estar sadia, bem como descartada qualquer possibilidade de estar grávida, mesmo em fase inicial. Foi claramente informado, esclarecido e compreendido que não foi feita qualquer promessa de resultado ou de perfeição, e sim, que tudo faremos para o melhor resultado possível, dentro das limitações, das possibilidades e respostas do seu organismo. Tendo ouvido, lido e entendido “muito claramente” todas as informações acima e concordado com tudo, autorizo o Dr. Brunno Rosique Lara e sua equipe, a operar a minha pessoa. Assim, dou ciência e assino abaixo. Observações importantes:
  • 8. TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO REDUÇÃO MAMÁRIA + LEVANTAMENTO 8 Dou ciência, concordo e assino abaixo: Paciente: Acompanhante/responsável: Data: