SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 34
REVOLUÇÃO CUBANA de 1959
1
2
A Cana de Açúcar e o
Tabaco são produtos
básicos da economia
cubana.
REVOLUÇÃO CUBANA
3
REVOLUÇÃO CUBANA
José Julián Martí Pérez (1853-1895) →
grande herói da Independência Cubana.
REVOLUÇÃO CUBANA
• A República de Cuba é atualmente o
único Estado Socialista das Américas.
• Cuba foi uma colônia espanhola até
1898, quando houve a guerra entre
Espanha e EUA.
• 1902 → Cuba teve sua independência
finalmente reconhecida pela Espanha
→ após essa data passou mais trinta e
um anos como protetorado americano.
4
5
REPRESENTAÇÃO DA EXPLOSÃO DO MAINE EM HAVANA
REVOLUÇÃO CUBANA
• Após a explosão do USS Maine no Porto
de Havana: intervenção americana.
• Tratado de Paris → fim da dominação
espanhola na ilha e Cuba torna-se uma
“protetorado americano” → artifício
para disfarçar o status político de
colônia.
• Os produtos cubanos deveriam ser
exportados para os EUA, que os
reexportariam caso não fossem
necessários no seu mercado interno.
6
REVOLUÇÃO CUBANA DE
• 1902 → Primeira Constituição Cubana
• Emenda Platt → reserva o direito dos
EUA intervirem sempre que julgarem que
seus interesses econômicos estejam
ameaçados e valerá até 1933 com a
ascensão de Fulgêncio Batista.
• Todos os governantes de Cuba eram
dependentes dos EUA e aliados dessa
política de subserviência aos interesses
americanos.
7
REVOLUÇÃO CUBANA DE
8
REVOLUÇÃO CUBANA
• Fulgêncio Batista chegou
ao poder em 1933 →
Revolta dos Sargentos.
• Favoreceu os negócios
americanos e mantinha
estreitas relações com a
máfia dos EUA.
• Em 1934, a Emenda Platt
é suspensa como parte
da “política de boa
vizinhança” de Roosevelt.
9
REVOLUÇÃO CUBANA
• Fulgêncio Batista controlou
as forças armadas entre
1933-40, quando elegeu-se
presidente.
• 1940-44 → a constituição
de 1940 é considerada
avançada para a época.
• Depois disso, vai morar nos
EUA, retorna em 1952 →
derrotado nas eleições, dá
novo golpe de Estado.
• Enquanto a população
sofria com graves
problemas sociais, o luxo
e a riqueza marcavam os
night clubs, bordéis e
cassinos destinados a
uma minoria privilegiada
e aos estrangeiros.
• Nesse cenário
organizou-se a guerrilha
que derrubaria Batista do
poder. 10
REVOLUÇÃO CUBANA
• O Quartel De Moncada que Fidel Castro
tentou tomar de assalto em 26 de julho de
1953, antes de tornar-se guerrilheiro.
11
• Sob a liderança de Fidel Castro, Camilo
Cienfuegos e Ernesto “Che” Guevara,
um grupo de aproximadamente 80
homens, vindos do México, no iate
Granma, retorna à ilha e é quase
massacrado.
• Entre 1956 e 1959, o grupo (M-26/07)
conseguiu vencer e conquistar várias
cidades do território cubano.
• Unindo vários grupos de oposição ao
regime de Batista, conseguiram tomar o
poder prometendo respeito à
constituição de 1940, fim de qualquer
ingerência estrangeira, reforma agrária,
aceleração da industrialização e
geração de empregos. 12
REVOLUÇÃO CUBANA
As mulheres
foram ativas na
Revolução
Cubana. Haydée
Santamaría (*que já
estava em Sierra
Maestra quando Fidel e
os demais chegaram*),
Melba Hernandez,
Celia Sanchez e
Vilma Espin. 13
Entrada em Havana e Discurso de Fidel
Castro. Uma foto para a eternidade.
14
REVOLUÇÃO CUBANA
• O governo revolucionário defendia a
realização de uma reforma agrária e o
controle estatal sob as indústrias do país.
• 15/04/1959 → Fidel visita os EUA →
apesar de a Casa Branca ter reconhecido
o novo regime 6 dias após a tomada de
poder, Eisenhower não o recebe.
• 05/07/1960 → o governo anunciou que
todas as empresas americanas em Cuba
seriam nacionalizadas sem indenização
→ os EUA reduzem a cota de importação
de açúcar em 95%.
15
REVOLUÇÃO CUBANA DE
• Fidel Castro é carregado em Nova York
durante sua visita em 21/04/1959.
16
REVOLUÇÃO CUBANA
• Sem apoio, o governo cubano se
aproxima da URSS → Fidel e Khrushchev
na ONU em 1960.
17
REVOLUÇÃO CUBANA
18
Simone Beauvoir e Jean-Paul Sartre visitam
Cuba em 1960 para expressar o seu apoio à
Revolução.
REVOLUÇÃO CUBANA
• Em 3 de janeiro de 1961, o governo de
John Kennedy, rompeu as ligações
diplomáticas com o país.
• 16 de Abril de 1961 → Castro declara
Cuba um Estado socialista.
• Em 17 de abril de 1961 → tentativa de
contragolpe, patrocinada pelos EUA → a
invasão da Baía dos Porcos (La Batalla
de Girón).
•Em 7 de Fevereiro de 1962, o governo
Kennedy inicia o embargo econômico
total contra a Cuba, além de diversas
ações de sabotagem. 19
REVOLUÇÃO CUBANA
• Discursando em um
desfile de 1º de Maio
em Havana, Fidel disse
que "a revolução não
tem tempo para
eleições".
• "Não há governo mais
democrático na
América Latina do que o
governo
revolucionário",
acrescentou ele.
20
REVOLUÇÃO CUBANA
• Em 1962, na
Conferência de Punta del
Este, no Uruguai, Cuba foi
excluída da OEA.
•Com exceção do México,
todos os países
romperam relações
diplomáticas e
comerciais com Cuba,
sob o pretexto de que
Cuba estava exportando
sua revolução para toda a
América Latina.
•O retorno para a OEA se
deu em 2009. 21
REVOLUÇÃO CUBANA
• O episódio conhecido como a Crise dos
Mísseis de Cuba, ocorrido em outubro
de 1962, foi um dos momentos de maior
tensão da Guerra Fria.
• Os soviéticos, em resposta a
instalação de mísseis nucleares na
Turquia em 1961, instalou mísseis
nucleares em Cuba.
• Kennedy exigiu a retirada dos misseis e
ameaçou iniciar uma guerra com a
URSS → Os soviéticos exigem
compromisso dos EUA de não tentar
invadir Cuba em troca da retirada dos
mísseis.
22
REVOLUÇÃO CUBANA
23
Base de mísseis soviéticos que estava
sendo montada em Cuba.
REVOLUÇÃO CUBANA
• CASTRO → “Olhe, em Cuba há presos
políticos. Inclusive há alguns milhares.
Não vou lhe dizer que há três presos.
Deve haver uns 2 000 ou 3 000 presos
políticos. Em certo momento houve em
Cuba uns 15 000 presos políticos. Ou
mais – posso lhe dizer que houve um
pouco mais de 15 000, em 1961, logo
após a tentativa de invasão da Baía dos
Porcos. A cada mês ocorriam dezenas de
desembarques clandestinos de armas em
Cuba.” (entrevista para Veja7/1977).
24
REVOLUÇÃO CUBANA
• O Governo Cubano passou a defender
a insurreição armada na América
Latina, treinando guerrilheiros
estrangeiros em seu território.
• Em julho-agosto de 1967, fundou-se
em Havana a Organização Latino-
Americana de Solidariedade (OLAS),
cujo lema era: "O dever de todo
revolucionário é fazer a revolução".
• Che Guevara abandonou o governo em
1965 seguindo para o Congo com 100
guerrilheiros. Morreu na Bolívia em
1967. 25
REVOLUÇÃO CUBANA
• 04/11/1975 → Começou um
envio maciço de tropas
cubanas para Angola.
•14/08/1987-23/03/1988 →
Batalha de Cuito Cuanavale
→ sul-africanos expulsos de
Angola, precipitação do fim
do Apartheid e da
independência da Namíbia.
•Tropas cubanas se fizeram
presentes em vários países
como Congo, Etiópia, e em
nações da América Latina. 26
REVOLUÇÃO CUBANA
• 31/10/1980 → O êxodo em massa de
cubanos para os EUA, conhecido como
“Êxodo de Mariel” → Os cubanos
começaram a seguir para os EUA no dia
15 de abril, quando, depois de uma
desaceleração da economia do país, o
governo anunciou que quem quisesse
poderia partir → 125 mil cubanos
atravessaram para a Flórida, vários deles
eram criminosos comuns → o êxodo se
mostrou um problema para o presidente
americano Jimmy Carter.
27
REVOLUÇÃO CUBANA
28
As sanções
econômicas
à ilha, as
quais foram
condenadas
por várias
vezes pela
Assembleia
Geral da
ONU
REVOLUÇÃO CUBANA
• Cuba aprofundou sua dependência com
as nações socialistas e sustentou sua
economia por meio dos auxílios e acordos
firmados com a URSS.
• O país destacou-se nas áreas de
educação e na saúde e tem um dos
melhores IDH da América Latina.
• A partir da década de 1990, o desmonte
da URSS exigiu a reformulação da política
econômica do país → sob o comando de
Raúl Castro, a ilha vem passando por
reformas políticas e econômicas de futuro
incerto. 29
REVOLUÇÃO CUBANA
• Graças a intermediação do Papa
Francisco, Cube e EUA retomaram
relações diplomáticas em 17/12/2014. As
embaixadas foram reabertas em 2015,
mas o embargo econômico continua. 30
• Em 16 de junho de 2017, o presidente
norte-americano Donald Trump anunciou
a revisão do acordo com Cuba apontando
para aumento de restrições, sem que se
apresentasse nada de definitivo em
relação às relações bilaterais. 31
Hill Photo Illustration/Garrett Evans
32
Che Guevara e sua foto icônica (Guerrillero heroico de
Alberto Korda - 1960) apropriada e reapropriada ao longo
desses 50 anos.
33
ERNESTO CHE
GUEVARA
Repórter da BBC: Alguma mensagem
em especial? Quais as suas metas
como burocrata do governo cubano? As
suas armas estão no chão?
Che: Nunca deitei as minhas armas.
Não sou um burocrata e não penso em
rendição. Burocracia é rendição. A
revolução é permanente. Enquanto
houver uma criança faminta, um pai de
família sedento, um povo expropriado e
um caudilho de calças curtas... Não
morrerei atrás de uma mesa com pilhas
de papéis. Penso na selva, na luta, nas
trilhas. Morro com o dedo no gatilho.
Idéias são mais fortes que governos.
REVOLUÇÃO CUBANA
34
LINKS ÚTEIS:
• Cronologia da Revolução Cubana – BBC –
http://www.bbc.co.uk/portuguese/reporterbbc/story/2008/
12/081231_cuba_cronologiasemflash.shtml
• Fidel Castro: Cuba's leader visits New York –
http://www.nydailynews.com/news/fidel-castro-new-york-
gallery-1.48730?pmSlide=1.1187563
• Cuba: de 1906 à Actualidade – http://zasilva-
cuba.blogspot.com.br/2008/01/uma-perspectiva-
cronolgica-sobre-ilha.html
• Mulheres na Revolução Cubana –
http://cubaninsider.blogspot.com.br/2011/08/celia-
sanchez-fidel-castro-at-work.html,
http://cartasdesdemacondo.blogspot.com.br/2014/01/los-
amores-de-haydee-santamaria-entre.html.
REVOLUÇÃO CUBANA

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ditaduras na america latina
Ditaduras na america latinaDitaduras na america latina
Ditaduras na america latina
Isabel Aguiar
 
Guerra Fria (2)- China e Cuba
Guerra Fria (2)- China e CubaGuerra Fria (2)- China e Cuba
Guerra Fria (2)- China e Cuba
Paulo Alexandre
 

Mais procurados (20)

Independência da américa espanhola
Independência da américa espanholaIndependência da américa espanhola
Independência da américa espanhola
 
Revoltas na República Velha
Revoltas na República VelhaRevoltas na República Velha
Revoltas na República Velha
 
Segunda revolucao industrial
Segunda revolucao industrialSegunda revolucao industrial
Segunda revolucao industrial
 
Ditaduras na america latina
Ditaduras na america latinaDitaduras na america latina
Ditaduras na america latina
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
 
3° ano - Guerra Fria
3° ano - Guerra Fria3° ano - Guerra Fria
3° ano - Guerra Fria
 
Primeiro Reinado (1822-1831)
Primeiro Reinado (1822-1831)Primeiro Reinado (1822-1831)
Primeiro Reinado (1822-1831)
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
 
Guerra Fria (2)- China e Cuba
Guerra Fria (2)- China e CubaGuerra Fria (2)- China e Cuba
Guerra Fria (2)- China e Cuba
 
Descolonizaçao da África e da Ásia
Descolonizaçao da  África e da ÁsiaDescolonizaçao da  África e da Ásia
Descolonizaçao da África e da Ásia
 
República Oligárquica
República OligárquicaRepública Oligárquica
República Oligárquica
 
2° ano - Processos de Independência na América
2° ano - Processos de Independência na América2° ano - Processos de Independência na América
2° ano - Processos de Independência na América
 
Guerra fria
Guerra friaGuerra fria
Guerra fria
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
 
O Populismo; A República Liberal; Período Democrático. (1946 – 1964)
O Populismo; A República Liberal; Período Democrático. (1946 – 1964)O Populismo; A República Liberal; Período Democrático. (1946 – 1964)
O Populismo; A República Liberal; Período Democrático. (1946 – 1964)
 
Fim da União Soviética
Fim da União SoviéticaFim da União Soviética
Fim da União Soviética
 
3º ano - Brasil de 1945 a 1964.
3º ano - Brasil de 1945 a 1964.3º ano - Brasil de 1945 a 1964.
3º ano - Brasil de 1945 a 1964.
 
Juscelino kubitschek
Juscelino kubitschekJuscelino kubitschek
Juscelino kubitschek
 
Revolução cubana
Revolução cubanaRevolução cubana
Revolução cubana
 
República Populista (1946-1964)
República Populista (1946-1964)República Populista (1946-1964)
República Populista (1946-1964)
 

Semelhante a Revolução Cubana

A Revolução Cubana
A Revolução CubanaA Revolução Cubana
A Revolução Cubana
Robert Plant
 
Slide-cuba pre e pos fidel castro
Slide-cuba pre e pos fidel  castro Slide-cuba pre e pos fidel  castro
Slide-cuba pre e pos fidel castro
daianespereira
 
Aula 3 - Júlio Cortázar
Aula 3 - Júlio CortázarAula 3 - Júlio Cortázar
Aula 3 - Júlio Cortázar
isadoravivacqua
 
A revolução cubana
A revolução cubanaA revolução cubana
A revolução cubana
historiando
 
A revolução cubana
A revolução cubanaA revolução cubana
A revolução cubana
historiando
 

Semelhante a Revolução Cubana (20)

Revolução Cubana
Revolução CubanaRevolução Cubana
Revolução Cubana
 
A Revolução Cubana
A Revolução CubanaA Revolução Cubana
A Revolução Cubana
 
Revolução cubana
Revolução cubanaRevolução cubana
Revolução cubana
 
Revolução cubana
Revolução cubanaRevolução cubana
Revolução cubana
 
Slide-cuba pre e pos fidel castro
Slide-cuba pre e pos fidel  castro Slide-cuba pre e pos fidel  castro
Slide-cuba pre e pos fidel castro
 
Revolução cubana 1959
Revolução cubana   1959Revolução cubana   1959
Revolução cubana 1959
 
Socialimo em cuba - Mateus Duarte
Socialimo em cuba - Mateus DuarteSocialimo em cuba - Mateus Duarte
Socialimo em cuba - Mateus Duarte
 
Genoma cuba ontem e hoje
Genoma   cuba ontem e hojeGenoma   cuba ontem e hoje
Genoma cuba ontem e hoje
 
Cubarevolucao
CubarevolucaoCubarevolucao
Cubarevolucao
 
Aula 3 - Júlio Cortázar
Aula 3 - Júlio CortázarAula 3 - Júlio Cortázar
Aula 3 - Júlio Cortázar
 
A revolução cubana
A revolução cubanaA revolução cubana
A revolução cubana
 
364 abcd socialismo real em cuba
364 abcd socialismo real em cuba364 abcd socialismo real em cuba
364 abcd socialismo real em cuba
 
Revolução cubana
Revolução cubanaRevolução cubana
Revolução cubana
 
A revolução cubana
A revolução cubanaA revolução cubana
A revolução cubana
 
Revolução Cubana
Revolução CubanaRevolução Cubana
Revolução Cubana
 
Revolução cubana (of)
Revolução cubana (of)Revolução cubana (of)
Revolução cubana (of)
 
A revolução cubana
A revolução cubanaA revolução cubana
A revolução cubana
 
A revolução cubana
A revolução cubanaA revolução cubana
A revolução cubana
 
Revolução cubana
Revolução cubanaRevolução cubana
Revolução cubana
 
Revolução cubana
Revolução cubanaRevolução cubana
Revolução cubana
 

Mais de Valéria Shoujofan

Mais de Valéria Shoujofan (20)

Segundo Reinando: Escravidão e Imigração
Segundo Reinando: Escravidão e ImigraçãoSegundo Reinando: Escravidão e Imigração
Segundo Reinando: Escravidão e Imigração
 
Entre Negociações, Reiterações e Transgressões.pptx
Entre Negociações, Reiterações e Transgressões.pptxEntre Negociações, Reiterações e Transgressões.pptx
Entre Negociações, Reiterações e Transgressões.pptx
 
Revolução Americana
Revolução AmericanaRevolução Americana
Revolução Americana
 
Iluminismo e Déspotas Esclarecidos
Iluminismo e Déspotas EsclarecidosIluminismo e Déspotas Esclarecidos
Iluminismo e Déspotas Esclarecidos
 
Primeira e Segunda Revolução Industrial
Primeira e Segunda Revolução IndustrialPrimeira e Segunda Revolução Industrial
Primeira e Segunda Revolução Industrial
 
Absolutismo Monárquico e a Crítica dos Contratualistas
Absolutismo Monárquico e a Crítica dos ContratualistasAbsolutismo Monárquico e a Crítica dos Contratualistas
Absolutismo Monárquico e a Crítica dos Contratualistas
 
Inglaterra: Revolução Científica e Revolução Agrícola
Inglaterra: Revolução Científica e Revolução AgrícolaInglaterra: Revolução Científica e Revolução Agrícola
Inglaterra: Revolução Científica e Revolução Agrícola
 
Reformas Religiosas (novo)
Reformas Religiosas (novo)Reformas Religiosas (novo)
Reformas Religiosas (novo)
 
Revoluções Inglesas - século XVII
Revoluções Inglesas - século XVIIRevoluções Inglesas - século XVII
Revoluções Inglesas - século XVII
 
CONSTRUÇÃO DO MUNDO MODERNO (XIV-XVII): ÁFRICA ATLÂNTICA
CONSTRUÇÃO DO MUNDO MODERNO (XIV-XVII): ÁFRICA ATLÂNTICACONSTRUÇÃO DO MUNDO MODERNO (XIV-XVII): ÁFRICA ATLÂNTICA
CONSTRUÇÃO DO MUNDO MODERNO (XIV-XVII): ÁFRICA ATLÂNTICA
 
Conquista e Colonização das Américas (1º ano)
Conquista e Colonização das Américas (1º ano)Conquista e Colonização das Américas (1º ano)
Conquista e Colonização das Américas (1º ano)
 
Revoltas Emancipacionistas
Revoltas EmancipacionistasRevoltas Emancipacionistas
Revoltas Emancipacionistas
 
Período Joanino (1808-1821)
Período Joanino (1808-1821)Período Joanino (1808-1821)
Período Joanino (1808-1821)
 
Independência do Brasil e Primeiro Reinado
Independência do Brasil e Primeiro ReinadoIndependência do Brasil e Primeiro Reinado
Independência do Brasil e Primeiro Reinado
 
Renascimento Urbano e Comercial e Cruzadas
Renascimento Urbano e Comercial e CruzadasRenascimento Urbano e Comercial e Cruzadas
Renascimento Urbano e Comercial e Cruzadas
 
Sistema feudal - Igreja Católica - Parte 2
Sistema feudal - Igreja Católica - Parte 2Sistema feudal - Igreja Católica - Parte 2
Sistema feudal - Igreja Católica - Parte 2
 
Sociedade feudal - Parte 1
Sociedade feudal - Parte 1Sociedade feudal - Parte 1
Sociedade feudal - Parte 1
 
Formação das Monarquias Nacionais e Absolutismo
Formação das Monarquias Nacionais e AbsolutismoFormação das Monarquias Nacionais e Absolutismo
Formação das Monarquias Nacionais e Absolutismo
 
Reformas religiosas do Século XVI
Reformas religiosas do Século XVIReformas religiosas do Século XVI
Reformas religiosas do Século XVI
 
Renascimento Cultural
Renascimento CulturalRenascimento Cultural
Renascimento Cultural
 

Revolução Cubana

  • 2. 2 A Cana de Açúcar e o Tabaco são produtos básicos da economia cubana. REVOLUÇÃO CUBANA
  • 3. 3 REVOLUÇÃO CUBANA José Julián Martí Pérez (1853-1895) → grande herói da Independência Cubana.
  • 4. REVOLUÇÃO CUBANA • A República de Cuba é atualmente o único Estado Socialista das Américas. • Cuba foi uma colônia espanhola até 1898, quando houve a guerra entre Espanha e EUA. • 1902 → Cuba teve sua independência finalmente reconhecida pela Espanha → após essa data passou mais trinta e um anos como protetorado americano. 4
  • 5. 5 REPRESENTAÇÃO DA EXPLOSÃO DO MAINE EM HAVANA REVOLUÇÃO CUBANA
  • 6. • Após a explosão do USS Maine no Porto de Havana: intervenção americana. • Tratado de Paris → fim da dominação espanhola na ilha e Cuba torna-se uma “protetorado americano” → artifício para disfarçar o status político de colônia. • Os produtos cubanos deveriam ser exportados para os EUA, que os reexportariam caso não fossem necessários no seu mercado interno. 6 REVOLUÇÃO CUBANA DE
  • 7. • 1902 → Primeira Constituição Cubana • Emenda Platt → reserva o direito dos EUA intervirem sempre que julgarem que seus interesses econômicos estejam ameaçados e valerá até 1933 com a ascensão de Fulgêncio Batista. • Todos os governantes de Cuba eram dependentes dos EUA e aliados dessa política de subserviência aos interesses americanos. 7 REVOLUÇÃO CUBANA DE
  • 8. 8 REVOLUÇÃO CUBANA • Fulgêncio Batista chegou ao poder em 1933 → Revolta dos Sargentos. • Favoreceu os negócios americanos e mantinha estreitas relações com a máfia dos EUA. • Em 1934, a Emenda Platt é suspensa como parte da “política de boa vizinhança” de Roosevelt.
  • 9. 9 REVOLUÇÃO CUBANA • Fulgêncio Batista controlou as forças armadas entre 1933-40, quando elegeu-se presidente. • 1940-44 → a constituição de 1940 é considerada avançada para a época. • Depois disso, vai morar nos EUA, retorna em 1952 → derrotado nas eleições, dá novo golpe de Estado.
  • 10. • Enquanto a população sofria com graves problemas sociais, o luxo e a riqueza marcavam os night clubs, bordéis e cassinos destinados a uma minoria privilegiada e aos estrangeiros. • Nesse cenário organizou-se a guerrilha que derrubaria Batista do poder. 10 REVOLUÇÃO CUBANA
  • 11. • O Quartel De Moncada que Fidel Castro tentou tomar de assalto em 26 de julho de 1953, antes de tornar-se guerrilheiro. 11
  • 12. • Sob a liderança de Fidel Castro, Camilo Cienfuegos e Ernesto “Che” Guevara, um grupo de aproximadamente 80 homens, vindos do México, no iate Granma, retorna à ilha e é quase massacrado. • Entre 1956 e 1959, o grupo (M-26/07) conseguiu vencer e conquistar várias cidades do território cubano. • Unindo vários grupos de oposição ao regime de Batista, conseguiram tomar o poder prometendo respeito à constituição de 1940, fim de qualquer ingerência estrangeira, reforma agrária, aceleração da industrialização e geração de empregos. 12 REVOLUÇÃO CUBANA
  • 13. As mulheres foram ativas na Revolução Cubana. Haydée Santamaría (*que já estava em Sierra Maestra quando Fidel e os demais chegaram*), Melba Hernandez, Celia Sanchez e Vilma Espin. 13
  • 14. Entrada em Havana e Discurso de Fidel Castro. Uma foto para a eternidade. 14 REVOLUÇÃO CUBANA
  • 15. • O governo revolucionário defendia a realização de uma reforma agrária e o controle estatal sob as indústrias do país. • 15/04/1959 → Fidel visita os EUA → apesar de a Casa Branca ter reconhecido o novo regime 6 dias após a tomada de poder, Eisenhower não o recebe. • 05/07/1960 → o governo anunciou que todas as empresas americanas em Cuba seriam nacionalizadas sem indenização → os EUA reduzem a cota de importação de açúcar em 95%. 15 REVOLUÇÃO CUBANA DE
  • 16. • Fidel Castro é carregado em Nova York durante sua visita em 21/04/1959. 16 REVOLUÇÃO CUBANA
  • 17. • Sem apoio, o governo cubano se aproxima da URSS → Fidel e Khrushchev na ONU em 1960. 17 REVOLUÇÃO CUBANA
  • 18. 18 Simone Beauvoir e Jean-Paul Sartre visitam Cuba em 1960 para expressar o seu apoio à Revolução. REVOLUÇÃO CUBANA
  • 19. • Em 3 de janeiro de 1961, o governo de John Kennedy, rompeu as ligações diplomáticas com o país. • 16 de Abril de 1961 → Castro declara Cuba um Estado socialista. • Em 17 de abril de 1961 → tentativa de contragolpe, patrocinada pelos EUA → a invasão da Baía dos Porcos (La Batalla de Girón). •Em 7 de Fevereiro de 1962, o governo Kennedy inicia o embargo econômico total contra a Cuba, além de diversas ações de sabotagem. 19 REVOLUÇÃO CUBANA
  • 20. • Discursando em um desfile de 1º de Maio em Havana, Fidel disse que "a revolução não tem tempo para eleições". • "Não há governo mais democrático na América Latina do que o governo revolucionário", acrescentou ele. 20 REVOLUÇÃO CUBANA
  • 21. • Em 1962, na Conferência de Punta del Este, no Uruguai, Cuba foi excluída da OEA. •Com exceção do México, todos os países romperam relações diplomáticas e comerciais com Cuba, sob o pretexto de que Cuba estava exportando sua revolução para toda a América Latina. •O retorno para a OEA se deu em 2009. 21 REVOLUÇÃO CUBANA
  • 22. • O episódio conhecido como a Crise dos Mísseis de Cuba, ocorrido em outubro de 1962, foi um dos momentos de maior tensão da Guerra Fria. • Os soviéticos, em resposta a instalação de mísseis nucleares na Turquia em 1961, instalou mísseis nucleares em Cuba. • Kennedy exigiu a retirada dos misseis e ameaçou iniciar uma guerra com a URSS → Os soviéticos exigem compromisso dos EUA de não tentar invadir Cuba em troca da retirada dos mísseis. 22 REVOLUÇÃO CUBANA
  • 23. 23 Base de mísseis soviéticos que estava sendo montada em Cuba. REVOLUÇÃO CUBANA
  • 24. • CASTRO → “Olhe, em Cuba há presos políticos. Inclusive há alguns milhares. Não vou lhe dizer que há três presos. Deve haver uns 2 000 ou 3 000 presos políticos. Em certo momento houve em Cuba uns 15 000 presos políticos. Ou mais – posso lhe dizer que houve um pouco mais de 15 000, em 1961, logo após a tentativa de invasão da Baía dos Porcos. A cada mês ocorriam dezenas de desembarques clandestinos de armas em Cuba.” (entrevista para Veja7/1977). 24 REVOLUÇÃO CUBANA
  • 25. • O Governo Cubano passou a defender a insurreição armada na América Latina, treinando guerrilheiros estrangeiros em seu território. • Em julho-agosto de 1967, fundou-se em Havana a Organização Latino- Americana de Solidariedade (OLAS), cujo lema era: "O dever de todo revolucionário é fazer a revolução". • Che Guevara abandonou o governo em 1965 seguindo para o Congo com 100 guerrilheiros. Morreu na Bolívia em 1967. 25 REVOLUÇÃO CUBANA
  • 26. • 04/11/1975 → Começou um envio maciço de tropas cubanas para Angola. •14/08/1987-23/03/1988 → Batalha de Cuito Cuanavale → sul-africanos expulsos de Angola, precipitação do fim do Apartheid e da independência da Namíbia. •Tropas cubanas se fizeram presentes em vários países como Congo, Etiópia, e em nações da América Latina. 26 REVOLUÇÃO CUBANA
  • 27. • 31/10/1980 → O êxodo em massa de cubanos para os EUA, conhecido como “Êxodo de Mariel” → Os cubanos começaram a seguir para os EUA no dia 15 de abril, quando, depois de uma desaceleração da economia do país, o governo anunciou que quem quisesse poderia partir → 125 mil cubanos atravessaram para a Flórida, vários deles eram criminosos comuns → o êxodo se mostrou um problema para o presidente americano Jimmy Carter. 27 REVOLUÇÃO CUBANA
  • 28. 28 As sanções econômicas à ilha, as quais foram condenadas por várias vezes pela Assembleia Geral da ONU REVOLUÇÃO CUBANA
  • 29. • Cuba aprofundou sua dependência com as nações socialistas e sustentou sua economia por meio dos auxílios e acordos firmados com a URSS. • O país destacou-se nas áreas de educação e na saúde e tem um dos melhores IDH da América Latina. • A partir da década de 1990, o desmonte da URSS exigiu a reformulação da política econômica do país → sob o comando de Raúl Castro, a ilha vem passando por reformas políticas e econômicas de futuro incerto. 29 REVOLUÇÃO CUBANA
  • 30. • Graças a intermediação do Papa Francisco, Cube e EUA retomaram relações diplomáticas em 17/12/2014. As embaixadas foram reabertas em 2015, mas o embargo econômico continua. 30
  • 31. • Em 16 de junho de 2017, o presidente norte-americano Donald Trump anunciou a revisão do acordo com Cuba apontando para aumento de restrições, sem que se apresentasse nada de definitivo em relação às relações bilaterais. 31 Hill Photo Illustration/Garrett Evans
  • 32. 32 Che Guevara e sua foto icônica (Guerrillero heroico de Alberto Korda - 1960) apropriada e reapropriada ao longo desses 50 anos.
  • 33. 33 ERNESTO CHE GUEVARA Repórter da BBC: Alguma mensagem em especial? Quais as suas metas como burocrata do governo cubano? As suas armas estão no chão? Che: Nunca deitei as minhas armas. Não sou um burocrata e não penso em rendição. Burocracia é rendição. A revolução é permanente. Enquanto houver uma criança faminta, um pai de família sedento, um povo expropriado e um caudilho de calças curtas... Não morrerei atrás de uma mesa com pilhas de papéis. Penso na selva, na luta, nas trilhas. Morro com o dedo no gatilho. Idéias são mais fortes que governos. REVOLUÇÃO CUBANA
  • 34. 34 LINKS ÚTEIS: • Cronologia da Revolução Cubana – BBC – http://www.bbc.co.uk/portuguese/reporterbbc/story/2008/ 12/081231_cuba_cronologiasemflash.shtml • Fidel Castro: Cuba's leader visits New York – http://www.nydailynews.com/news/fidel-castro-new-york- gallery-1.48730?pmSlide=1.1187563 • Cuba: de 1906 à Actualidade – http://zasilva- cuba.blogspot.com.br/2008/01/uma-perspectiva- cronolgica-sobre-ilha.html • Mulheres na Revolução Cubana – http://cubaninsider.blogspot.com.br/2011/08/celia- sanchez-fidel-castro-at-work.html, http://cartasdesdemacondo.blogspot.com.br/2014/01/los- amores-de-haydee-santamaria-entre.html. REVOLUÇÃO CUBANA