SlideShare uma empresa Scribd logo
CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS
HISTÓRIA
www.sejaetico.com.br
Próximo
Caderno 5 » Capítulo 1
LIBERALISMO E
REVOLUÇÕES
CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS
www.sejaetico.com.br
Próximo
Caderno 5 » Capítulo 1
A Inglaterra das revoluções política e industrial
Índice
3www.sejaetico.com.br
PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Clique sobre tema desejado.
Inglaterra pré-revolucionária
Revoluções inglesas
Revolução Industrial
www.sejaetico.com.br 4
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Inglaterra pré-revolucionária
Reino Unido e ilhas britânicas
www.sejaetico.com.br 5
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Inglaterra pré-revolucionária
Inglaterra pré-revolucionária
• Forte atuação do Estado
• Crescimento econômico
• Henrique VIII
• Elizabeth I
• Corporações de ofício
• Conflitos sociais: gentry, yeomen,
camponeses, desempregados,
artesãos
• Guerra Civil Inglesa
• Petição de Direitos
• Revolução Puritana
• República de Cromwell
• Revolução Gloriosa
• Declaração de Direitos
1603
Dinastia
Tudor
Dinastia
Stuart
1640
Revolução
Puritana
Guerra
das Duas
Rosas
Guerra
dos Cem
Anos
Revoluções inglesas
Século XVII
www.sejaetico.com.br 6
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Revoluções inglesas
Tudor
HENRIQUE VIII:
•Criação da Igreja anglicana
•Fortalecimento do poder real
ELIZABETH I:
•Crescimento econômico
•Indústria naval
•Potência naval e econômica
Stuart
JAIME I:
•Direito divino dos reis
•Perseguição religiosa
•Colonização da Irlanda e da América do Norte
CARLOS I:
•Petição de Direitos
CARLOSII:
•Disputas políticas: tories x wighs.
•Política antirrevolucionária.
JAIME II
GUILHERME DE ORANGE:
•Monarquia parlamentar
www.sejaetico.com.br 7
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Revoluções inglesas
Elizabeth I Henrique VIII
www.sejaetico.com.br 8
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Revoluções inglesas
Inglaterra durante a Revolução Puritana
www.sejaetico.com.br 9
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Revoluções inglesas
CAVALEIROS CABEÇAS REDONDAS
• Rei
• Católicos ingleses e
irlandeses anglicanos
• Nobreza feudal
• Parlamento
• Protestantes puritanos
• Baixa nobreza
• Burguesia mercantil
• Artesãos e camponeses
x
Revolução Puritana
www.sejaetico.com.br 10
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Revoluções inglesas
Revolução
Gloriosa
1688
República de
Cromwell
1649
Declaração de
Direitos
1689
www.sejaetico.com.br 11
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Revoluções inglesas
www.sejaetico.com.br 12
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Revoluções inglesas Oliver Cromwell
República de Cromwell
• Commonwealth
• Atos de navegação
• Guerra: Inglaterra e Holanda
• Lorde protetor da república
(vitalício e hereditário)
www.sejaetico.com.br 13
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Revoluções inglesas
Declaração de direitos
• Garantia de liberdade individual
• Direito à propriedade privada
• Eleições parlamentares regulares.
• Exército nacional permanente.
• Divisão do poder político: legislativo – executivo – judiciário
• Liberdade de culto aos protestantes
www.sejaetico.com.br 14
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Revolução Industrial
x
Meios de produção
Instrumentos de trabalho
Força de trabalho
Revolução
Industrial
Consolidação do sistema capitalista
Burguesia Proletariado
www.sejaetico.com.br 15
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Revolução Industrial
Energia mecânicaEnergia humana
Oficinas
artesanais
Fábricas
www.sejaetico.com.br 16
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Revolução Industrial
Condições para a Revolução
Industrial
• Acumulação primitiva de
capitais
• Existência de mão de obra
• Locais para instalação das
fábricas
• Disponibilidade de matérias-
-primas – carvão – ferro
• Mercados consumidores
As inovações tecnológicas
• Lançadeira volante
• Spinning Jenny
• Máquina a vapor
• Fiandeira hidráulica.
• Mula (mule)
• Tear mecânico
• Desencaroçador mecânico
www.sejaetico.com.br 17
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Revolução Industrial
www.sejaetico.com.br 18
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Revolução Industrial
Expansão industrial na Inglaterra
www.sejaetico.com.br 19
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Revolução Industrial
Expansão da Revolução Industrial
1ª. Revolução
Industrial
• Inglaterra
• 1760-1850
• Energia a vapor
• Produção de
ferro e carvão
• Indústria têxtil
2ª. Revolução
Industrial
• Europa – Ásia –
América
• 1850-1900
• Indústria de
bens de
produção
• Motor de
combustão
• Derivados do
petróleo
• Aço
• Telégrafo
• Indústrias
químicas e
farmacológicas
3ª. Revolução
Industrial
• 1900-1960
• Fordismo e
taylorismo
• Engenharia
genética
• Descoberta da
energia nuclear
• Consumo de
massa
4ª. Revolução
Industrial
• Pós-1960
• Cibernética
• Fibras: ópticas e
de carbono
www.sejaetico.com.br 20
Início PróximoVoltarInício
HISTÓRIA » CADERNO 5 » CAPÍTULO 1
Revolução Industrial
Consequências da Revolução Industrial inglesa
• Migração do campo para as cidades
• Precarização do trabalho
• Aumento dos subúrbios
• Automatização do trabalho
• Exploração da mão de obra infantil e feminina
• Desemprego
• Movimentos operários

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Rev industrial
Rev industrialRev industrial
Rev industrial
Janayna Lira
 
Independencia america inglesa eua
Independencia america inglesa euaIndependencia america inglesa eua
Independencia america inglesa eua
Edvaldo Lopes
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrial
Viegas Fernandes da Costa
 
História- 8ºano
História- 8ºanoHistória- 8ºano
História- 8ºano
Zé Mário
 
1ª GUERRA E CRISE DE 1929.
1ª GUERRA E CRISE DE 1929.1ª GUERRA E CRISE DE 1929.
1ª GUERRA E CRISE DE 1929.
Grazi Oliveira
 
Das Revoluções Inglesa à Revolução Industrial
Das Revoluções Inglesa à Revolução IndustrialDas Revoluções Inglesa à Revolução Industrial
Das Revoluções Inglesa à Revolução Industrial
Douglas Barraqui
 
G1 a revolução agricola e arranque industrial
G1 a revolução agricola e arranque industrialG1 a revolução agricola e arranque industrial
G1 a revolução agricola e arranque industrial
Vítor Santos
 
Revoluções inglesas
Revoluções inglesasRevoluções inglesas
Revoluções inglesas
Edenilson Morais
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
2° ano EM - Revolução Industrial.
2° ano EM - Revolução Industrial.2° ano EM - Revolução Industrial.
2° ano EM - Revolução Industrial.
Daniel Alves Bronstrup
 
Aulas finais ps II
Aulas finais ps IIAulas finais ps II
Aulas finais ps II
Carlos Glufke
 
ERA DA REVOLUÇÕES - REVOLUÇÃO INDUSTRIAL
ERA DA REVOLUÇÕES - REVOLUÇÃO INDUSTRIALERA DA REVOLUÇÕES - REVOLUÇÃO INDUSTRIAL
ERA DA REVOLUÇÕES - REVOLUÇÃO INDUSTRIAL
Diego Bian Filo Moreira
 
Segunda Revolução Industrial
Segunda Revolução IndustrialSegunda Revolução Industrial
Segunda Revolução Industrial
Francisco Neto
 
Revolução inglesa industrial
Revolução inglesa industrialRevolução inglesa industrial
Revolução inglesa industrial
Simone Borges
 
Revisão Enem 2017
Revisão Enem 2017Revisão Enem 2017
Revisão Enem 2017
fernandacarolinestang
 
Slides revolução industrial
Slides revolução industrialSlides revolução industrial
Slides revolução industrial
Julia Selistre
 
Iluminismo
IluminismoIluminismo
Iluminismo
Edvaldo Lopes
 
A revolução industrial
A revolução industrialA revolução industrial
A revolução industrial
Francisco José Almeida Sobral
 
revolução industrial
revolução industrialrevolução industrial
revolução industrial
Ana Batista
 
Revolucão Industrial
Revolucão IndustrialRevolucão Industrial
Revolucão Industrial
eiprofessor
 

Mais procurados (20)

Rev industrial
Rev industrialRev industrial
Rev industrial
 
Independencia america inglesa eua
Independencia america inglesa euaIndependencia america inglesa eua
Independencia america inglesa eua
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrial
 
História- 8ºano
História- 8ºanoHistória- 8ºano
História- 8ºano
 
1ª GUERRA E CRISE DE 1929.
1ª GUERRA E CRISE DE 1929.1ª GUERRA E CRISE DE 1929.
1ª GUERRA E CRISE DE 1929.
 
Das Revoluções Inglesa à Revolução Industrial
Das Revoluções Inglesa à Revolução IndustrialDas Revoluções Inglesa à Revolução Industrial
Das Revoluções Inglesa à Revolução Industrial
 
G1 a revolução agricola e arranque industrial
G1 a revolução agricola e arranque industrialG1 a revolução agricola e arranque industrial
G1 a revolução agricola e arranque industrial
 
Revoluções inglesas
Revoluções inglesasRevoluções inglesas
Revoluções inglesas
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrial
 
2° ano EM - Revolução Industrial.
2° ano EM - Revolução Industrial.2° ano EM - Revolução Industrial.
2° ano EM - Revolução Industrial.
 
Aulas finais ps II
Aulas finais ps IIAulas finais ps II
Aulas finais ps II
 
ERA DA REVOLUÇÕES - REVOLUÇÃO INDUSTRIAL
ERA DA REVOLUÇÕES - REVOLUÇÃO INDUSTRIALERA DA REVOLUÇÕES - REVOLUÇÃO INDUSTRIAL
ERA DA REVOLUÇÕES - REVOLUÇÃO INDUSTRIAL
 
Segunda Revolução Industrial
Segunda Revolução IndustrialSegunda Revolução Industrial
Segunda Revolução Industrial
 
Revolução inglesa industrial
Revolução inglesa industrialRevolução inglesa industrial
Revolução inglesa industrial
 
Revisão Enem 2017
Revisão Enem 2017Revisão Enem 2017
Revisão Enem 2017
 
Slides revolução industrial
Slides revolução industrialSlides revolução industrial
Slides revolução industrial
 
Iluminismo
IluminismoIluminismo
Iluminismo
 
A revolução industrial
A revolução industrialA revolução industrial
A revolução industrial
 
revolução industrial
revolução industrialrevolução industrial
revolução industrial
 
Revolucão Industrial
Revolucão IndustrialRevolucão Industrial
Revolucão Industrial
 

Destaque

As Revoluções Inglesas do Século XVII - Prof. Medeiros
As Revoluções Inglesas do Século XVII - Prof. MedeirosAs Revoluções Inglesas do Século XVII - Prof. Medeiros
As Revoluções Inglesas do Século XVII - Prof. Medeiros
João Medeiros
 
A revolução inglesa
A revolução inglesaA revolução inglesa
A revolução inglesa
Janayna Lira
 
Resumo revoluçoes inglesas
Resumo   revoluçoes inglesasResumo   revoluçoes inglesas
Resumo revoluçoes inglesas
Claudenilson da Silva
 
Revolução inglesa 2º. ano
Revolução inglesa   2º. anoRevolução inglesa   2º. ano
Revolução inglesa 2º. ano
Fatima Freitas
 
A Revolução Inglesa
A Revolução InglesaA Revolução Inglesa
A Revolução Inglesa
Paulo Alexandre
 
Revolução inglesa 8 ano
Revolução inglesa   8 anoRevolução inglesa   8 ano
Revolução inglesa 8 ano
Alcidon Cunha
 
[c7s] Revolução Inglesa
[c7s] Revolução Inglesa[c7s] Revolução Inglesa
[c7s] Revolução Inglesa
7 de Setembro
 
Revolucao Inglesa
Revolucao InglesaRevolucao Inglesa
Revolucao Inglesa
LianaSuzuki
 
Revolução inglesa
Revolução inglesaRevolução inglesa
Revolução inglesa
martinha10
 
A revolução inglesa
A revolução inglesaA revolução inglesa
A revolução inglesa
Luiz Antonio Souza
 
Revolução Inglesa
Revolução InglesaRevolução Inglesa
Revolução Inglesa
Stefânia Balestero
 
Reforma religiosa.moderna
Reforma religiosa.modernaReforma religiosa.moderna
Reforma religiosa.moderna
Edvaldo Lopes
 
Revolução Inglesa
Revolução InglesaRevolução Inglesa
Revolução Inglesa
Guilherme Drumond
 
O Fim do Antigo Regime, Revolução Francesa e Era Napoleônica.
O Fim do Antigo Regime, Revolução Francesa e Era Napoleônica.O Fim do Antigo Regime, Revolução Francesa e Era Napoleônica.
O Fim do Antigo Regime, Revolução Francesa e Era Napoleônica.
João Medeiros
 
Civilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e Persas
Civilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e PersasCivilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e Persas
Civilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e Persas
Edvaldo Lopes
 
Primeira Revolução Industrial - Inglaterra - Século XVIII - Prof. Medeiros
Primeira Revolução Industrial - Inglaterra - Século XVIII - Prof. MedeirosPrimeira Revolução Industrial - Inglaterra - Século XVIII - Prof. Medeiros
Primeira Revolução Industrial - Inglaterra - Século XVIII - Prof. Medeiros
João Medeiros
 
QUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIO
QUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIOQUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIO
QUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIO
Isabel Aguiar
 
2 reinado historia do brasil
2 reinado historia do brasil2 reinado historia do brasil
2 reinado historia do brasil
Edvaldo Lopes
 
Processo emancipatório da américa portuguesa das revoltas ao 1 reinado
Processo emancipatório da américa portuguesa das revoltas ao 1 reinadoProcesso emancipatório da américa portuguesa das revoltas ao 1 reinado
Processo emancipatório da américa portuguesa das revoltas ao 1 reinado
Edvaldo Lopes
 
Formacao monarquias absolutismo mercantilismo.moderna
Formacao monarquias absolutismo mercantilismo.modernaFormacao monarquias absolutismo mercantilismo.moderna
Formacao monarquias absolutismo mercantilismo.moderna
Edvaldo Lopes
 

Destaque (20)

As Revoluções Inglesas do Século XVII - Prof. Medeiros
As Revoluções Inglesas do Século XVII - Prof. MedeirosAs Revoluções Inglesas do Século XVII - Prof. Medeiros
As Revoluções Inglesas do Século XVII - Prof. Medeiros
 
A revolução inglesa
A revolução inglesaA revolução inglesa
A revolução inglesa
 
Resumo revoluçoes inglesas
Resumo   revoluçoes inglesasResumo   revoluçoes inglesas
Resumo revoluçoes inglesas
 
Revolução inglesa 2º. ano
Revolução inglesa   2º. anoRevolução inglesa   2º. ano
Revolução inglesa 2º. ano
 
A Revolução Inglesa
A Revolução InglesaA Revolução Inglesa
A Revolução Inglesa
 
Revolução inglesa 8 ano
Revolução inglesa   8 anoRevolução inglesa   8 ano
Revolução inglesa 8 ano
 
[c7s] Revolução Inglesa
[c7s] Revolução Inglesa[c7s] Revolução Inglesa
[c7s] Revolução Inglesa
 
Revolucao Inglesa
Revolucao InglesaRevolucao Inglesa
Revolucao Inglesa
 
Revolução inglesa
Revolução inglesaRevolução inglesa
Revolução inglesa
 
A revolução inglesa
A revolução inglesaA revolução inglesa
A revolução inglesa
 
Revolução Inglesa
Revolução InglesaRevolução Inglesa
Revolução Inglesa
 
Reforma religiosa.moderna
Reforma religiosa.modernaReforma religiosa.moderna
Reforma religiosa.moderna
 
Revolução Inglesa
Revolução InglesaRevolução Inglesa
Revolução Inglesa
 
O Fim do Antigo Regime, Revolução Francesa e Era Napoleônica.
O Fim do Antigo Regime, Revolução Francesa e Era Napoleônica.O Fim do Antigo Regime, Revolução Francesa e Era Napoleônica.
O Fim do Antigo Regime, Revolução Francesa e Era Napoleônica.
 
Civilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e Persas
Civilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e PersasCivilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e Persas
Civilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e Persas
 
Primeira Revolução Industrial - Inglaterra - Século XVIII - Prof. Medeiros
Primeira Revolução Industrial - Inglaterra - Século XVIII - Prof. MedeirosPrimeira Revolução Industrial - Inglaterra - Século XVIII - Prof. Medeiros
Primeira Revolução Industrial - Inglaterra - Século XVIII - Prof. Medeiros
 
QUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIO
QUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIOQUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIO
QUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIO
 
2 reinado historia do brasil
2 reinado historia do brasil2 reinado historia do brasil
2 reinado historia do brasil
 
Processo emancipatório da américa portuguesa das revoltas ao 1 reinado
Processo emancipatório da américa portuguesa das revoltas ao 1 reinadoProcesso emancipatório da américa portuguesa das revoltas ao 1 reinado
Processo emancipatório da américa portuguesa das revoltas ao 1 reinado
 
Formacao monarquias absolutismo mercantilismo.moderna
Formacao monarquias absolutismo mercantilismo.modernaFormacao monarquias absolutismo mercantilismo.moderna
Formacao monarquias absolutismo mercantilismo.moderna
 

Semelhante a Revolucoes inglesas e revolucao industrial

Republica da espada e oligarquica historia do brasil
Republica da espada e oligarquica historia do brasilRepublica da espada e oligarquica historia do brasil
Republica da espada e oligarquica historia do brasil
Edvaldo Lopes
 
Regencia historia do brasil
Regencia historia do brasilRegencia historia do brasil
Regencia historia do brasil
Edvaldo Lopes
 
Revoluções Inglesas; Iluminismo; Revolução Industrial; Independência América ...
Revoluções Inglesas; Iluminismo; Revolução Industrial; Independência América ...Revoluções Inglesas; Iluminismo; Revolução Industrial; Independência América ...
Revoluções Inglesas; Iluminismo; Revolução Industrial; Independência América ...
Edvaldo Lopes
 
Revoluções: Agrícola, Industrial e Liberais
Revoluções: Agrícola, Industrial e LiberaisRevoluções: Agrícola, Industrial e Liberais
Revoluções: Agrícola, Industrial e Liberais
inessalgado
 
Aula revolução industrial
Aula revolução industrialAula revolução industrial
Aula revolução industrial
Marcos Azevedo
 
História Geral - Idade Moderna - Iluminismo, Despotismo Esclarecido, Revoluçã...
História Geral - Idade Moderna - Iluminismo, Despotismo Esclarecido, Revoluçã...História Geral - Idade Moderna - Iluminismo, Despotismo Esclarecido, Revoluçã...
História Geral - Idade Moderna - Iluminismo, Despotismo Esclarecido, Revoluçã...
Marco Aurélio Gondim
 
A Cultura do Salão: tempo, espaço e local
A Cultura do Salão: tempo, espaço e localA Cultura do Salão: tempo, espaço e local
A Cultura do Salão: tempo, espaço e local
Hca Faro
 
Revolução Industrial
Revolução IndustrialRevolução Industrial
Revolução Industrial
Allan Almeida de Araújo
 
Crise 1929
Crise 1929Crise 1929
Crise 1929
Edvaldo Lopes
 
Revolucao industrial
Revolucao industrialRevolucao industrial
Revolucao industrial
GabrielaLimaPereira
 
Apontamentos 9º Ano
Apontamentos 9º AnoApontamentos 9º Ano
Apontamentos 9º Ano
ricardorodrigues23091988
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrial
Edenilson Morais
 
aula1-9ano-110218190153-phpapp01.pdf
aula1-9ano-110218190153-phpapp01.pdfaula1-9ano-110218190153-phpapp01.pdf
aula1-9ano-110218190153-phpapp01.pdf
ian25101995
 
Liberalismo, socialismo, nacionalismo
Liberalismo, socialismo, nacionalismoLiberalismo, socialismo, nacionalismo
Liberalismo, socialismo, nacionalismo
Denis Gasco
 
Industrialização - Revoluções.ppt
Industrialização - Revoluções.pptIndustrialização - Revoluções.ppt
Industrialização - Revoluções.ppt
Igor da Silva
 
Live int 07mai
Live int 07maiLive int 07mai
Live int 07mai
CarlosNazar1
 
HSC-ILUMINISMO-REVOLUCOES-INDUST-E-BURGUESAS.pptx
HSC-ILUMINISMO-REVOLUCOES-INDUST-E-BURGUESAS.pptxHSC-ILUMINISMO-REVOLUCOES-INDUST-E-BURGUESAS.pptx
HSC-ILUMINISMO-REVOLUCOES-INDUST-E-BURGUESAS.pptx
BENILDEDENAZARELAMEI
 
Mineracao america portuguesa
Mineracao america portuguesaMineracao america portuguesa
Mineracao america portuguesa
Edvaldo Lopes
 
Slide revoluçao industrial - 1a fase
Slide revoluçao industrial - 1a faseSlide revoluçao industrial - 1a fase
Slide revoluçao industrial - 1a fase
Educador Lamarão
 
Revolução Industrial
Revolução IndustrialRevolução Industrial
Revolução Industrial
Alessandro Ferreira
 

Semelhante a Revolucoes inglesas e revolucao industrial (20)

Republica da espada e oligarquica historia do brasil
Republica da espada e oligarquica historia do brasilRepublica da espada e oligarquica historia do brasil
Republica da espada e oligarquica historia do brasil
 
Regencia historia do brasil
Regencia historia do brasilRegencia historia do brasil
Regencia historia do brasil
 
Revoluções Inglesas; Iluminismo; Revolução Industrial; Independência América ...
Revoluções Inglesas; Iluminismo; Revolução Industrial; Independência América ...Revoluções Inglesas; Iluminismo; Revolução Industrial; Independência América ...
Revoluções Inglesas; Iluminismo; Revolução Industrial; Independência América ...
 
Revoluções: Agrícola, Industrial e Liberais
Revoluções: Agrícola, Industrial e LiberaisRevoluções: Agrícola, Industrial e Liberais
Revoluções: Agrícola, Industrial e Liberais
 
Aula revolução industrial
Aula revolução industrialAula revolução industrial
Aula revolução industrial
 
História Geral - Idade Moderna - Iluminismo, Despotismo Esclarecido, Revoluçã...
História Geral - Idade Moderna - Iluminismo, Despotismo Esclarecido, Revoluçã...História Geral - Idade Moderna - Iluminismo, Despotismo Esclarecido, Revoluçã...
História Geral - Idade Moderna - Iluminismo, Despotismo Esclarecido, Revoluçã...
 
A Cultura do Salão: tempo, espaço e local
A Cultura do Salão: tempo, espaço e localA Cultura do Salão: tempo, espaço e local
A Cultura do Salão: tempo, espaço e local
 
Revolução Industrial
Revolução IndustrialRevolução Industrial
Revolução Industrial
 
Crise 1929
Crise 1929Crise 1929
Crise 1929
 
Revolucao industrial
Revolucao industrialRevolucao industrial
Revolucao industrial
 
Apontamentos 9º Ano
Apontamentos 9º AnoApontamentos 9º Ano
Apontamentos 9º Ano
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrial
 
aula1-9ano-110218190153-phpapp01.pdf
aula1-9ano-110218190153-phpapp01.pdfaula1-9ano-110218190153-phpapp01.pdf
aula1-9ano-110218190153-phpapp01.pdf
 
Liberalismo, socialismo, nacionalismo
Liberalismo, socialismo, nacionalismoLiberalismo, socialismo, nacionalismo
Liberalismo, socialismo, nacionalismo
 
Industrialização - Revoluções.ppt
Industrialização - Revoluções.pptIndustrialização - Revoluções.ppt
Industrialização - Revoluções.ppt
 
Live int 07mai
Live int 07maiLive int 07mai
Live int 07mai
 
HSC-ILUMINISMO-REVOLUCOES-INDUST-E-BURGUESAS.pptx
HSC-ILUMINISMO-REVOLUCOES-INDUST-E-BURGUESAS.pptxHSC-ILUMINISMO-REVOLUCOES-INDUST-E-BURGUESAS.pptx
HSC-ILUMINISMO-REVOLUCOES-INDUST-E-BURGUESAS.pptx
 
Mineracao america portuguesa
Mineracao america portuguesaMineracao america portuguesa
Mineracao america portuguesa
 
Slide revoluçao industrial - 1a fase
Slide revoluçao industrial - 1a faseSlide revoluçao industrial - 1a fase
Slide revoluçao industrial - 1a fase
 
Revolução Industrial
Revolução IndustrialRevolução Industrial
Revolução Industrial
 

Mais de Edvaldo Lopes

Renascimento cultural.moderna
Renascimento cultural.modernaRenascimento cultural.moderna
Renascimento cultural.moderna
Edvaldo Lopes
 
Expansao maritima e comercial.moderna
Expansao maritima e comercial.modernaExpansao maritima e comercial.moderna
Expansao maritima e comercial.moderna
Edvaldo Lopes
 
Ditadura militar brasil crise do populismo a itamar franco nova republica
Ditadura militar brasil crise do populismo a itamar franco nova republicaDitadura militar brasil crise do populismo a itamar franco nova republica
Ditadura militar brasil crise do populismo a itamar franco nova republica
Edvaldo Lopes
 
America século xx eua mexico cuba chile
America século xx eua mexico cuba chileAmerica século xx eua mexico cuba chile
America século xx eua mexico cuba chile
Edvaldo Lopes
 
Independência da América Latina: Haiti, colônias espanholas e portuguesa
Independência da América Latina: Haiti, colônias espanholas e portuguesaIndependência da América Latina: Haiti, colônias espanholas e portuguesa
Independência da América Latina: Haiti, colônias espanholas e portuguesa
Edvaldo Lopes
 
Segunda guerra mundial
Segunda guerra mundial Segunda guerra mundial
Segunda guerra mundial
Edvaldo Lopes
 
Periodo entre ditaduras populismo brasil
Periodo entre ditaduras populismo brasilPeriodo entre ditaduras populismo brasil
Periodo entre ditaduras populismo brasil
Edvaldo Lopes
 
Civilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e Persas
Civilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e PersasCivilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e Persas
Civilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e Persas
Edvaldo Lopes
 
Revolucao russa 1917
Revolucao russa 1917Revolucao russa 1917
Revolucao russa 1917
Edvaldo Lopes
 
1 guerra mundial 2014
1 guerra mundial 20141 guerra mundial 2014
1 guerra mundial 2014
Edvaldo Lopes
 
2 reinado historia do brasil
2 reinado historia do brasil2 reinado historia do brasil
2 reinado historia do brasil
Edvaldo Lopes
 
Colonizacao america portuguesa acucar escravidao
Colonizacao america portuguesa acucar escravidaoColonizacao america portuguesa acucar escravidao
Colonizacao america portuguesa acucar escravidao
Edvaldo Lopes
 
H.Brasil: Revolução 1930 e Era Vargas
H.Brasil: Revolução 1930 e Era VargasH.Brasil: Revolução 1930 e Era Vargas
H.Brasil: Revolução 1930 e Era Vargas
Edvaldo Lopes
 
Oriente Médio e Revolução Cubana
Oriente Médio e  Revolução CubanaOriente Médio e  Revolução Cubana
Oriente Médio e Revolução Cubana
Edvaldo Lopes
 

Mais de Edvaldo Lopes (14)

Renascimento cultural.moderna
Renascimento cultural.modernaRenascimento cultural.moderna
Renascimento cultural.moderna
 
Expansao maritima e comercial.moderna
Expansao maritima e comercial.modernaExpansao maritima e comercial.moderna
Expansao maritima e comercial.moderna
 
Ditadura militar brasil crise do populismo a itamar franco nova republica
Ditadura militar brasil crise do populismo a itamar franco nova republicaDitadura militar brasil crise do populismo a itamar franco nova republica
Ditadura militar brasil crise do populismo a itamar franco nova republica
 
America século xx eua mexico cuba chile
America século xx eua mexico cuba chileAmerica século xx eua mexico cuba chile
America século xx eua mexico cuba chile
 
Independência da América Latina: Haiti, colônias espanholas e portuguesa
Independência da América Latina: Haiti, colônias espanholas e portuguesaIndependência da América Latina: Haiti, colônias espanholas e portuguesa
Independência da América Latina: Haiti, colônias espanholas e portuguesa
 
Segunda guerra mundial
Segunda guerra mundial Segunda guerra mundial
Segunda guerra mundial
 
Periodo entre ditaduras populismo brasil
Periodo entre ditaduras populismo brasilPeriodo entre ditaduras populismo brasil
Periodo entre ditaduras populismo brasil
 
Civilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e Persas
Civilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e PersasCivilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e Persas
Civilizações antigas - Mesopotâmia; Egito; Hebreus; Fenícios e Persas
 
Revolucao russa 1917
Revolucao russa 1917Revolucao russa 1917
Revolucao russa 1917
 
1 guerra mundial 2014
1 guerra mundial 20141 guerra mundial 2014
1 guerra mundial 2014
 
2 reinado historia do brasil
2 reinado historia do brasil2 reinado historia do brasil
2 reinado historia do brasil
 
Colonizacao america portuguesa acucar escravidao
Colonizacao america portuguesa acucar escravidaoColonizacao america portuguesa acucar escravidao
Colonizacao america portuguesa acucar escravidao
 
H.Brasil: Revolução 1930 e Era Vargas
H.Brasil: Revolução 1930 e Era VargasH.Brasil: Revolução 1930 e Era Vargas
H.Brasil: Revolução 1930 e Era Vargas
 
Oriente Médio e Revolução Cubana
Oriente Médio e  Revolução CubanaOriente Médio e  Revolução Cubana
Oriente Médio e Revolução Cubana
 

Último

Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
katbrochier1
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.pptESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
maria-oliveira
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
JohnnyLima16
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....pptA Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
WilianeBarbosa2
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
MatheusSousa716350
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
erssstcontato
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
Trabalho de Geografia industrialização.pdf
Trabalho de Geografia industrialização.pdfTrabalho de Geografia industrialização.pdf
Trabalho de Geografia industrialização.pdf
erico paulo rocha guedes
 

Último (20)

Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.pptESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....pptA Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
Trabalho de Geografia industrialização.pdf
Trabalho de Geografia industrialização.pdfTrabalho de Geografia industrialização.pdf
Trabalho de Geografia industrialização.pdf
 

Revolucoes inglesas e revolucao industrial

Notas do Editor

  1. Explicar a formação da Inglaterra. Destacar o Reino Unido após a Guerra dos Cem Anos e das Duas Rosas.
  2. Explicar cada etapa dos governos.
  3. Comentar o governo de Elizabeth I e de Henrique VIII.
  4. Apontar as rivalidades entre os grupos.
  5. Explicar o significado da Revolução Gloriosa.
  6. Comentar a importância do Parlamento após a Revolução Gloriosa.
  7. Destacar os atos de navegação e seu significado econômico.
  8. Identificar os avanços do documento.
  9. Apontar as contradições entre burguesia e proletariado.
  10. Comentar sobre os avanços técnicos e a nova organização do trabalho.
  11. Identificar avanços.
  12. Provocar discussões a partir do trecho do filme.