SlideShare uma empresa Scribd logo
OFICINA DE ANIMAÇÃO   Profª Alessandra Pólo de Oliveira MT Tânia Cristina Medeiros Cardoso
Introdução Identificação Escola Municipal Profª Márcia Francesconi Pereira Atividade desenvolvida com a EJA: Fase VII e VIII Faixa etária: 15 a 66 anos Língua Portuguesa Oficina de animação _ StopMotion Outubro_Novembro_Dezembro/2009
Introdução Atividade desenvolvida através de oficina de animação com a técnica  Stop Motion  pela professora de Língua Portuguesa Alessandra Oliveira Pólo em parceria com o laboratório de informática educativa.
2. Planejamento Com o auxílio do notebook, foi exibido aos professores o DVD da oficina “Animando a Escola” ministrada no NTM_Cabo Frio no início desse ano pela tutora Lilian Trindade. A professora Alessandra foi bastante receptiva para criação de animações com a técnica de StopMotion e então foi iniciado a parceria. Com material coletado na Internet, foi confeccionada  uma pequena apostila falando um pouco sobre o que é uma animação e as principais técnicas de animação para entregar a professora.
2. Planejamento A professora selecionou temas para produção das animações: fome no Brasil (desperdício, desigualdade), diferença de classe social, preconceito racial,  preconceito de idades, preconceito religioso, gentileza com idosos, vícios (drogas, álcool,...), exploração infantil,  violência contra a mulher, práticas de esportes, código de trânsito, inclusão social, família, educação e saúde.
2. Planejamento Os temas selecionados pela professora Alessandra foram apenas sugestionados e os grupos discutiram entre si para decidirem se optariam por algum desses temas ou se escolheriam outros.  A direção da escola se prontificou a fornecer as massas de modelar para a confecção das personagens da animação e de também adquirir um tripé para facilitar nas fotografias.
Objetivos A EJA apresenta alunos de diversas realidades e idades, que estão em sua maioria inseridos no mercado de trabalho. Trabalhando com essa diversidade, muitas vezes nos deparamos em sala de aula com educandos cansados, desestimulados e com baixa estima.  Pensando nessa problemática, a atividade de produção de uma animação desde a elaboração do roteiro até a manipulação das personagens, tem como objetivo maior estimular a criatividade e a descoberta pelo prazer no processo de criação e no trabalho coletivo.
Objetivos Produzir o roteiro da animação; Construir as personagens da animação; Fotografar as personagens quadro a quadro, gerando a ideia de movimento; Exportar as fotografias para o Movie Maker; Editar as fotografias em formato de filme, estipulando o tempo de exibição de cada uma e inserindo intervenções sonoras (músicas e ruídos); Finalizar e socializar o filme.
Metodologia Introdução  Motivando os alunos : Exibição do DVD “Animando a Escola”; Apresentação dos possíveis temas para produção da animação; Exibição do pps  Howfortunateweare . pps (África) ; Exibição do pps  Segredos para uma boa vida .
Metodologia Desenvolvimento  Divisão dos grupos e escolhas dos temas; Produção do roteiro da animação; Produção das personagens e cenário da animação; Fotografias das personagens em seqüência para criação dos movimentos;  Uso da sala de informática para produção da animação utilizando o Movie Maker, editando as fotos e inserindo sonorização; Edição de um DVD juntando todas as animações para apresentação para as turmas  e upload do filme no YouTube.
Metodologia 3.  Recursos materiais    Máquina fotográfica;  Tripé; Massa de modelar; Cenários diversos; Computador; Internet.
 
Resultados O envolvimento das turmas na execução do projeto foi muito positivo. Todos os alunos, desde os mais jovens aos mais idosos, demonstraram em ações grande satisfação em realizar a proposta, remetendo-nos a reflexão da grande necessidade de elaboração de atividades diferenciadas que estimulem a veia criativa e a participação colaborativa junto aos seus pares.
Resultados A maior dificuldade encontrada foi para produção das personagens da animação, pois ao confeccionar os bonecos em 3D, a massa de modelar ficou muito mole, dificultando o trabalho e a movimentação dessas personagens de modo a fotografar seqüencialmente os quadros.  Como solução, fotografamos o quadro a quadro, mesmo aparecendo as mãos dos alunos, pois acreditamos que diante de um envolvimento tão grande dos mesmos durante o processo, não poderíamos deixar que essa etapa fosse adiada, mesmo que com isso o produto final ficasse comprometido .
Resultados Outro grande problema é a administração do tempo para que cada uma dessas animações seja produzida, já que o ano letivo da EJA se concentra em seis meses e o processo de edição acaba sendo bastante vagaroso. Infelizmente, ainda não foi encontrada uma solução para isso e talvez esse seja um dos fatores que  acabem desestimulando o professor na busca da parceria do laboratório de informática educativa para o planejamento de suas aulas.
Avaliação Os alunos foram avaliados pelo grau de envolvimento nas etapas da atividade através da observação direta da professora de Língua Portuguesa e apontamentos da multiplicadora tecnológica; Foram vivenciados momentos de trabalho cooperativo e interativo dos alunos e a discussão de temas atuais na nossa sociedade, onde os educandos tiveram oportunidade de se expressarem pela escrita, verbalmente e pelo prazeroso exercício da imaginação, além de mais adiante terem oportunidade de entrar em contato com recursos oferecidos pelo computador e da Web 2.0;  O envolvimento aluno, professora e multiplicadora tecnológica foi constante e a troca de ideias foi fundamental para produção do conhecimento coletivo.  
Conclusões Com a apresentação superficial dos princípios estruturais necessários para realização de uma animação StopMotion, os alunos tiveram a oportunidade de produzir a escrita de um roteiro, modelagem, manipulação das personagens, fotografar sequencialmente o roteiro que planejaram  e contato com o computador para finalização do trabalho. Apesar dos problemas enfrentados, foi muito prazeroso propiciar aos educandos essa possibilidade de produzir conhecimento, pois nos dias atuais é impossível negar a importância da inserção das tecnologias no planejamento das atividades escolares.    
Webgrafia           http://www. smashingmagazine . com/2008/12/31/50-incredible-stop-motion-videos /             http://www. curiosando .com. br/01/2009/top -10- animacoes-stop-motion /             http:// bloganimazonando . blogspot . com/2009/02/o-que-seria-animacao . html             http://pt. wikipedia . org/wiki/Categoria :T%C3%A9cnicas_de_anima%C3%A7%C3%A3o             http:// sites . google . com/site/stopmotioniseitaperuna/home2

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Usando TIC e Projetos de Aprendizagem
Usando   TIC e Projetos de AprendizagemUsando   TIC e Projetos de Aprendizagem
Usando TIC e Projetos de Aprendizagem
Bernardete Motter
 
Atividade final
Atividade finalAtividade final
Atividade final
stopmotion1
 
Projeto_Tecnologias Educacionais_Michelle Siquet_2014.pdf
Projeto_Tecnologias Educacionais_Michelle Siquet_2014.pdfProjeto_Tecnologias Educacionais_Michelle Siquet_2014.pdf
Projeto_Tecnologias Educacionais_Michelle Siquet_2014.pdf
micsquize
 
Agradabilidade sc
Agradabilidade scAgradabilidade sc
Agradabilidade sc
Ana Claudia Xavier
 
Introdução à educação digital
Introdução à educação digitalIntrodução à educação digital
Introdução à educação digital
miracy
 
Aula TDE dia 26 de Março
Aula TDE dia 26 de MarçoAula TDE dia 26 de Março
Aula TDE dia 26 de Março
nairafabieli
 
Formação de Professores na Modalidade Semipresencial: a experiência do Colégi...
Formação de Professores na Modalidade Semipresencial: a experiência do Colégi...Formação de Professores na Modalidade Semipresencial: a experiência do Colégi...
Formação de Professores na Modalidade Semipresencial: a experiência do Colégi...
Joao Mattar
 
Produzindo video na escola
Produzindo video na escolaProduzindo video na escola
Produzindo video na escola
Cesar Martins
 
O vídeo na sala de aula - José Manuel Moran
O vídeo na sala de aula - José Manuel MoranO vídeo na sala de aula - José Manuel Moran
O vídeo na sala de aula - José Manuel Moran
Charlies Ponciano
 
Seminário tecnoeduc
Seminário tecnoeducSeminário tecnoeduc
Seminário tecnoeduc
jbatista_rs
 
Manual de Boas Práticas do Geekie Lab - ebook
Manual de Boas Práticas do Geekie Lab - ebookManual de Boas Práticas do Geekie Lab - ebook
Manual de Boas Práticas do Geekie Lab - ebook
Elizabeth Fantauzzi
 
Tecnologias digitais e educação
Tecnologias  digitais  e educaçãoTecnologias  digitais  e educação
Tecnologias digitais e educação
simonefatima
 
Publicarte One
Publicarte OnePublicarte One
Introdução ao Ensino em Ambiente Virtual
Introdução ao Ensino em Ambiente VirtualIntrodução ao Ensino em Ambiente Virtual
Introdução ao Ensino em Ambiente Virtual
rosemaralopes
 
Programação de computadores no pré-escolar: uma retrospetiva pessoal
Programação de computadores no pré-escolar: uma retrospetiva pessoalProgramação de computadores no pré-escolar: uma retrospetiva pessoal
Programação de computadores no pré-escolar: uma retrospetiva pessoal
Leonel Morgado
 
Projeto escolar tic,s
Projeto escolar tic,sProjeto escolar tic,s
Projeto escolar tic,s
leilareny
 

Mais procurados (16)

Usando TIC e Projetos de Aprendizagem
Usando   TIC e Projetos de AprendizagemUsando   TIC e Projetos de Aprendizagem
Usando TIC e Projetos de Aprendizagem
 
Atividade final
Atividade finalAtividade final
Atividade final
 
Projeto_Tecnologias Educacionais_Michelle Siquet_2014.pdf
Projeto_Tecnologias Educacionais_Michelle Siquet_2014.pdfProjeto_Tecnologias Educacionais_Michelle Siquet_2014.pdf
Projeto_Tecnologias Educacionais_Michelle Siquet_2014.pdf
 
Agradabilidade sc
Agradabilidade scAgradabilidade sc
Agradabilidade sc
 
Introdução à educação digital
Introdução à educação digitalIntrodução à educação digital
Introdução à educação digital
 
Aula TDE dia 26 de Março
Aula TDE dia 26 de MarçoAula TDE dia 26 de Março
Aula TDE dia 26 de Março
 
Formação de Professores na Modalidade Semipresencial: a experiência do Colégi...
Formação de Professores na Modalidade Semipresencial: a experiência do Colégi...Formação de Professores na Modalidade Semipresencial: a experiência do Colégi...
Formação de Professores na Modalidade Semipresencial: a experiência do Colégi...
 
Produzindo video na escola
Produzindo video na escolaProduzindo video na escola
Produzindo video na escola
 
O vídeo na sala de aula - José Manuel Moran
O vídeo na sala de aula - José Manuel MoranO vídeo na sala de aula - José Manuel Moran
O vídeo na sala de aula - José Manuel Moran
 
Seminário tecnoeduc
Seminário tecnoeducSeminário tecnoeduc
Seminário tecnoeduc
 
Manual de Boas Práticas do Geekie Lab - ebook
Manual de Boas Práticas do Geekie Lab - ebookManual de Boas Práticas do Geekie Lab - ebook
Manual de Boas Práticas do Geekie Lab - ebook
 
Tecnologias digitais e educação
Tecnologias  digitais  e educaçãoTecnologias  digitais  e educação
Tecnologias digitais e educação
 
Publicarte One
Publicarte OnePublicarte One
Publicarte One
 
Introdução ao Ensino em Ambiente Virtual
Introdução ao Ensino em Ambiente VirtualIntrodução ao Ensino em Ambiente Virtual
Introdução ao Ensino em Ambiente Virtual
 
Programação de computadores no pré-escolar: uma retrospetiva pessoal
Programação de computadores no pré-escolar: uma retrospetiva pessoalProgramação de computadores no pré-escolar: uma retrospetiva pessoal
Programação de computadores no pré-escolar: uma retrospetiva pessoal
 
Projeto escolar tic,s
Projeto escolar tic,sProjeto escolar tic,s
Projeto escolar tic,s
 

Destaque

Relatorio Taniamedeiros
Relatorio TaniamedeirosRelatorio Taniamedeiros
Relatorio Taniamedeiros
Tânia Cardoso
 
Tarefa Semana 8 Grupo Transformadores
Tarefa Semana 8  Grupo TransformadoresTarefa Semana 8  Grupo Transformadores
Tarefa Semana 8 Grupo Transformadores
Tânia Cardoso
 
Ativ2
Ativ2Ativ2
Apostila cecilia
Apostila ceciliaApostila cecilia
Apostila cecilia
Davyson1
 
Fig Geom Espaciais Lante
Fig Geom Espaciais LanteFig Geom Espaciais Lante
Fig Geom Espaciais Lante
Tânia Cardoso
 
Teste 5ª
Teste 5ªTeste 5ª
Teste 5ª
guestbf5561
 
Prova
ProvaProva
Volume de sólidos I
Volume de sólidos IVolume de sólidos I
Volume de sólidos I
CIEP 456 - E.M. Milcah de Sousa
 
Aulas de matematica financeira (diagramas de fluxo de caixa)
Aulas de matematica financeira (diagramas de fluxo de caixa)Aulas de matematica financeira (diagramas de fluxo de caixa)
Aulas de matematica financeira (diagramas de fluxo de caixa)
Adriano Bruni
 
Soma dos ângulos internos de um triângulo gabarito
Soma dos ângulos internos de um triângulo gabaritoSoma dos ângulos internos de um triângulo gabarito
Soma dos ângulos internos de um triângulo gabarito
CIEP 456 - E.M. Milcah de Sousa
 

Destaque (10)

Relatorio Taniamedeiros
Relatorio TaniamedeirosRelatorio Taniamedeiros
Relatorio Taniamedeiros
 
Tarefa Semana 8 Grupo Transformadores
Tarefa Semana 8  Grupo TransformadoresTarefa Semana 8  Grupo Transformadores
Tarefa Semana 8 Grupo Transformadores
 
Ativ2
Ativ2Ativ2
Ativ2
 
Apostila cecilia
Apostila ceciliaApostila cecilia
Apostila cecilia
 
Fig Geom Espaciais Lante
Fig Geom Espaciais LanteFig Geom Espaciais Lante
Fig Geom Espaciais Lante
 
Teste 5ª
Teste 5ªTeste 5ª
Teste 5ª
 
Prova
ProvaProva
Prova
 
Volume de sólidos I
Volume de sólidos IVolume de sólidos I
Volume de sólidos I
 
Aulas de matematica financeira (diagramas de fluxo de caixa)
Aulas de matematica financeira (diagramas de fluxo de caixa)Aulas de matematica financeira (diagramas de fluxo de caixa)
Aulas de matematica financeira (diagramas de fluxo de caixa)
 
Soma dos ângulos internos de um triângulo gabarito
Soma dos ângulos internos de um triângulo gabaritoSoma dos ângulos internos de um triângulo gabarito
Soma dos ângulos internos de um triângulo gabarito
 

Semelhante a Relatorio Taniamedeiros

Portifolio ana 2011
Portifolio ana 2011Portifolio ana 2011
Portifolio ana 2011
Ana Paula Pires
 
Aprender em rede na cultura digital
Aprender em rede na cultura digitalAprender em rede na cultura digital
Aprender em rede na cultura digital
Jonilde Lima
 
Plano Anual De Trabalho 2010
Plano Anual De Trabalho 2010Plano Anual De Trabalho 2010
Plano Anual De Trabalho 2010
hc12
 
Dinalva versaofinal
Dinalva versaofinalDinalva versaofinal
Dinalva versaofinal
Valéria da Costa
 
Ativ09 elisa dias
Ativ09 elisa diasAtiv09 elisa dias
Ativ09 elisa dias
Elisa.Dias
 
Publicarte One
Publicarte OnePublicarte One
Animação Stop Motion
Animação Stop MotionAnimação Stop Motion
Animação Stop Motion
Maria Isaltina Santana
 
Projeto multimídia
Projeto multimídiaProjeto multimídia
Projeto multimídia
Maria De Lourdes Barros
 
Proposta oficina webfólio AVA 2013 Phaolla Torres
Proposta oficina webfólio AVA 2013 Phaolla TorresProposta oficina webfólio AVA 2013 Phaolla Torres
Proposta oficina webfólio AVA 2013 Phaolla Torres
phaolla
 
Projeto de ensino - Um pitch de sucesso
Projeto de ensino - Um pitch de sucessoProjeto de ensino - Um pitch de sucesso
Projeto de ensino - Um pitch de sucesso
Marcos Felipe Silva
 
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
guest883617
 
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
guest826e3
 
Projeto abraço solidário
Projeto abraço solidárioProjeto abraço solidário
Projeto abraço solidário
bernadetebergamo
 
Movie maker
Movie makerMovie maker
O Vídeo Digital Como Recurso Multimídia Integrado Ao Contexto Escolar
O Vídeo Digital Como Recurso Multimídia Integrado Ao Contexto EscolarO Vídeo Digital Como Recurso Multimídia Integrado Ao Contexto Escolar
O Vídeo Digital Como Recurso Multimídia Integrado Ao Contexto Escolar
Lúcia Serafim
 
Aula de artes para o ensino médio
Aula de artes para o ensino médioAula de artes para o ensino médio
Aula de artes para o ensino médio
Wagna Ferreirra Soares Amancio
 
Apresentação projeto historia em quadrinhos cristhian e vicente
Apresentação projeto historia em quadrinhos cristhian e vicenteApresentação projeto historia em quadrinhos cristhian e vicente
Apresentação projeto historia em quadrinhos cristhian e vicente
Cristhian55
 
Slides eproinfo
Slides eproinfoSlides eproinfo
Slides eproinfo
aragaoeliana
 
Projeto Fatos e Fotos um Novo Olhar
Projeto Fatos e Fotos um Novo OlharProjeto Fatos e Fotos um Novo Olhar
Projeto Fatos e Fotos um Novo Olhar
Valquiria Bauer
 
Unidade 7
Unidade 7Unidade 7

Semelhante a Relatorio Taniamedeiros (20)

Portifolio ana 2011
Portifolio ana 2011Portifolio ana 2011
Portifolio ana 2011
 
Aprender em rede na cultura digital
Aprender em rede na cultura digitalAprender em rede na cultura digital
Aprender em rede na cultura digital
 
Plano Anual De Trabalho 2010
Plano Anual De Trabalho 2010Plano Anual De Trabalho 2010
Plano Anual De Trabalho 2010
 
Dinalva versaofinal
Dinalva versaofinalDinalva versaofinal
Dinalva versaofinal
 
Ativ09 elisa dias
Ativ09 elisa diasAtiv09 elisa dias
Ativ09 elisa dias
 
Publicarte One
Publicarte OnePublicarte One
Publicarte One
 
Animação Stop Motion
Animação Stop MotionAnimação Stop Motion
Animação Stop Motion
 
Projeto multimídia
Projeto multimídiaProjeto multimídia
Projeto multimídia
 
Proposta oficina webfólio AVA 2013 Phaolla Torres
Proposta oficina webfólio AVA 2013 Phaolla TorresProposta oficina webfólio AVA 2013 Phaolla Torres
Proposta oficina webfólio AVA 2013 Phaolla Torres
 
Projeto de ensino - Um pitch de sucesso
Projeto de ensino - Um pitch de sucessoProjeto de ensino - Um pitch de sucesso
Projeto de ensino - Um pitch de sucesso
 
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
 
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
 
Projeto abraço solidário
Projeto abraço solidárioProjeto abraço solidário
Projeto abraço solidário
 
Movie maker
Movie makerMovie maker
Movie maker
 
O Vídeo Digital Como Recurso Multimídia Integrado Ao Contexto Escolar
O Vídeo Digital Como Recurso Multimídia Integrado Ao Contexto EscolarO Vídeo Digital Como Recurso Multimídia Integrado Ao Contexto Escolar
O Vídeo Digital Como Recurso Multimídia Integrado Ao Contexto Escolar
 
Aula de artes para o ensino médio
Aula de artes para o ensino médioAula de artes para o ensino médio
Aula de artes para o ensino médio
 
Apresentação projeto historia em quadrinhos cristhian e vicente
Apresentação projeto historia em quadrinhos cristhian e vicenteApresentação projeto historia em quadrinhos cristhian e vicente
Apresentação projeto historia em quadrinhos cristhian e vicente
 
Slides eproinfo
Slides eproinfoSlides eproinfo
Slides eproinfo
 
Projeto Fatos e Fotos um Novo Olhar
Projeto Fatos e Fotos um Novo OlharProjeto Fatos e Fotos um Novo Olhar
Projeto Fatos e Fotos um Novo Olhar
 
Unidade 7
Unidade 7Unidade 7
Unidade 7
 

Último

Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Falcão Brasil
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
AntHropológicas Visual PPGA-UFPE
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
orquestrasinfonicaam
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 

Último (20)

Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 

Relatorio Taniamedeiros

  • 1. OFICINA DE ANIMAÇÃO Profª Alessandra Pólo de Oliveira MT Tânia Cristina Medeiros Cardoso
  • 2. Introdução Identificação Escola Municipal Profª Márcia Francesconi Pereira Atividade desenvolvida com a EJA: Fase VII e VIII Faixa etária: 15 a 66 anos Língua Portuguesa Oficina de animação _ StopMotion Outubro_Novembro_Dezembro/2009
  • 3. Introdução Atividade desenvolvida através de oficina de animação com a técnica Stop Motion pela professora de Língua Portuguesa Alessandra Oliveira Pólo em parceria com o laboratório de informática educativa.
  • 4. 2. Planejamento Com o auxílio do notebook, foi exibido aos professores o DVD da oficina “Animando a Escola” ministrada no NTM_Cabo Frio no início desse ano pela tutora Lilian Trindade. A professora Alessandra foi bastante receptiva para criação de animações com a técnica de StopMotion e então foi iniciado a parceria. Com material coletado na Internet, foi confeccionada uma pequena apostila falando um pouco sobre o que é uma animação e as principais técnicas de animação para entregar a professora.
  • 5. 2. Planejamento A professora selecionou temas para produção das animações: fome no Brasil (desperdício, desigualdade), diferença de classe social, preconceito racial, preconceito de idades, preconceito religioso, gentileza com idosos, vícios (drogas, álcool,...), exploração infantil, violência contra a mulher, práticas de esportes, código de trânsito, inclusão social, família, educação e saúde.
  • 6. 2. Planejamento Os temas selecionados pela professora Alessandra foram apenas sugestionados e os grupos discutiram entre si para decidirem se optariam por algum desses temas ou se escolheriam outros. A direção da escola se prontificou a fornecer as massas de modelar para a confecção das personagens da animação e de também adquirir um tripé para facilitar nas fotografias.
  • 7. Objetivos A EJA apresenta alunos de diversas realidades e idades, que estão em sua maioria inseridos no mercado de trabalho. Trabalhando com essa diversidade, muitas vezes nos deparamos em sala de aula com educandos cansados, desestimulados e com baixa estima. Pensando nessa problemática, a atividade de produção de uma animação desde a elaboração do roteiro até a manipulação das personagens, tem como objetivo maior estimular a criatividade e a descoberta pelo prazer no processo de criação e no trabalho coletivo.
  • 8. Objetivos Produzir o roteiro da animação; Construir as personagens da animação; Fotografar as personagens quadro a quadro, gerando a ideia de movimento; Exportar as fotografias para o Movie Maker; Editar as fotografias em formato de filme, estipulando o tempo de exibição de cada uma e inserindo intervenções sonoras (músicas e ruídos); Finalizar e socializar o filme.
  • 9. Metodologia Introdução Motivando os alunos : Exibição do DVD “Animando a Escola”; Apresentação dos possíveis temas para produção da animação; Exibição do pps Howfortunateweare . pps (África) ; Exibição do pps Segredos para uma boa vida .
  • 10. Metodologia Desenvolvimento Divisão dos grupos e escolhas dos temas; Produção do roteiro da animação; Produção das personagens e cenário da animação; Fotografias das personagens em seqüência para criação dos movimentos; Uso da sala de informática para produção da animação utilizando o Movie Maker, editando as fotos e inserindo sonorização; Edição de um DVD juntando todas as animações para apresentação para as turmas e upload do filme no YouTube.
  • 11. Metodologia 3. Recursos materiais   Máquina fotográfica;  Tripé; Massa de modelar; Cenários diversos; Computador; Internet.
  • 12.  
  • 13. Resultados O envolvimento das turmas na execução do projeto foi muito positivo. Todos os alunos, desde os mais jovens aos mais idosos, demonstraram em ações grande satisfação em realizar a proposta, remetendo-nos a reflexão da grande necessidade de elaboração de atividades diferenciadas que estimulem a veia criativa e a participação colaborativa junto aos seus pares.
  • 14. Resultados A maior dificuldade encontrada foi para produção das personagens da animação, pois ao confeccionar os bonecos em 3D, a massa de modelar ficou muito mole, dificultando o trabalho e a movimentação dessas personagens de modo a fotografar seqüencialmente os quadros. Como solução, fotografamos o quadro a quadro, mesmo aparecendo as mãos dos alunos, pois acreditamos que diante de um envolvimento tão grande dos mesmos durante o processo, não poderíamos deixar que essa etapa fosse adiada, mesmo que com isso o produto final ficasse comprometido .
  • 15. Resultados Outro grande problema é a administração do tempo para que cada uma dessas animações seja produzida, já que o ano letivo da EJA se concentra em seis meses e o processo de edição acaba sendo bastante vagaroso. Infelizmente, ainda não foi encontrada uma solução para isso e talvez esse seja um dos fatores que acabem desestimulando o professor na busca da parceria do laboratório de informática educativa para o planejamento de suas aulas.
  • 16. Avaliação Os alunos foram avaliados pelo grau de envolvimento nas etapas da atividade através da observação direta da professora de Língua Portuguesa e apontamentos da multiplicadora tecnológica; Foram vivenciados momentos de trabalho cooperativo e interativo dos alunos e a discussão de temas atuais na nossa sociedade, onde os educandos tiveram oportunidade de se expressarem pela escrita, verbalmente e pelo prazeroso exercício da imaginação, além de mais adiante terem oportunidade de entrar em contato com recursos oferecidos pelo computador e da Web 2.0; O envolvimento aluno, professora e multiplicadora tecnológica foi constante e a troca de ideias foi fundamental para produção do conhecimento coletivo.  
  • 17. Conclusões Com a apresentação superficial dos princípios estruturais necessários para realização de uma animação StopMotion, os alunos tiveram a oportunidade de produzir a escrita de um roteiro, modelagem, manipulação das personagens, fotografar sequencialmente o roteiro que planejaram e contato com o computador para finalização do trabalho. Apesar dos problemas enfrentados, foi muito prazeroso propiciar aos educandos essa possibilidade de produzir conhecimento, pois nos dias atuais é impossível negar a importância da inserção das tecnologias no planejamento das atividades escolares.  
  • 18. Webgrafia          http://www. smashingmagazine . com/2008/12/31/50-incredible-stop-motion-videos /          http://www. curiosando .com. br/01/2009/top -10- animacoes-stop-motion /          http:// bloganimazonando . blogspot . com/2009/02/o-que-seria-animacao . html          http://pt. wikipedia . org/wiki/Categoria :T%C3%A9cnicas_de_anima%C3%A7%C3%A3o          http:// sites . google . com/site/stopmotioniseitaperuna/home2