SlideShare uma empresa Scribd logo
Citaçõese Referências
Bibliográficas
De acordo com:
Norma APA - American Psychological Association (6ª ed.)
Em qualquer tipo de trabalho escolar que realizamos devemos,
sempre, identificar as obras e os autores em que nos baseámos
para o fazer, não só porque não devemos assumir como nosso
aquilo que é da autoria de outro (plágio) mas também porque
acrescenta credibilidade ao texto. Para além de mostrarem as
pesquisas que realizámos, as referências bibliográficas
permitirão a quem lê e avalia o nosso trabalho, localizar,
confirmar e analisar a fonte de onde foi extraída a informação.
Para o fazer existem várias normas. A normaAPA (6.ª edição) é
uma das mais utilizadas e a que vamos usar neste guia.
Se não citamos as
fontes de onde
retiramos a
informação que
estamos a usar,
estamos a fazer
Plágio, o que significa
que estamos a
apropriarmo-nos de
um bem que é de
outro.
Plagiar = Roubar
Alguns conceitos
– transcrição de excerto de texto de uma publicação, que julgas
pertinente no âmbito da expressão das tuas ideias e argumentos.
O sistema de citação é o sistema autor-data, sendo que os
elementos devem ter a seguinte ordem:
- apelido do autor, ano de publicação do documento e
tratando-se de uma citação direta os números das páginas
citadas;
- a informação é colocada entre parênteses curvos.
Bibliografia
- lista de referências bibliográficas segundo uma certa ordem
(normalmente alfabética) que contém elementos descritivos de
documentos, de forma a permitir a sua identificação.
Referência
bibliográfica
– conjunto padronizado de elementos descritivos retirados de uma
publicação/documento, que permitem a sua identificação ou parte dela.
Citação
Citações
 Citação indireta Há transmissão da ideia do autor utilizando palavras
próprias;
 Citação direta Reproduz exatamente o texto original ou seja, usamos
as palavras do autor
Citação de citação Transmissão da ideia de um autor sem ter acesso ao
texto original.
3formas de realizar citações em texto:
Citação indireta
Citarumautorsemotranscrever A complexidade, a fluidez, a interatividade, a diversificação,
a imprevisibilidade caraterizam o ambiente de informação
do nosso século. (Todd, 2011)
Barros e Dupret (2004) consideram que a criação de espaços
que mantenham as crianças fora da violência urbana, bem
alimentadas e cuidadas atende às necessidades da mãe
trabalhadora.
Citações
Apropriamo-nos da
ideia do autor
Exemplos:
Citação Direta
A citação direta breve deve ser incorporada no texto e colocada
entre aspas duplas.
Exemplo:
De acordo com Pinto (2008) a nova reforma só surgirá em 1982, agora no
contexto “da emergente sociedade da informação” (p. 29).
A citação direta extensa deve ser feita em espaço próprio, numa nova linha
e com recuo na margem esquerda e direita de cerca de 1,25cm. Não se
colocam aspas.
Exemplo:
Transcrição do texto do
autor. Pode ser breve
(menos de 40 palavras) ou
extensa(40 ou mais
palavras).
É obrigatório a indicação
das páginas: pp. para mais de
uma página e p. para uma
página.
Citações
A partir da especificidade do jornalismo, Eco (1998, p. 14)
questiona:
O que é um jornal, se não um produto formado
de um número fixo de páginas, obrigado a sair
uma vez por dia, e no qual as coisas ditas não
serão mais unicamente determinadas pelas
coisas a dizer (segundo uma necessidade
absolutamente interior), mas pelo facto de que,
uma vez por dia, se deverá dizer o tanto
necessário para preencher tantas páginas?
Citação de citação
Ocorre quando não se tem
acesso ao texto original.
Procura-se ter presente que a vida social não só é variada
como profunda, tendo “muitos estratos de significado”
(Berger, 1966, citado por Woods, 1996, p. 53).
(Neste caso só se teve acesso ao texto de Woods)
Citações
Referências
Bibliográficas
A ordem dos elementos, a pontuação e a utilização de maiúsculas e minúsculas obedecem
a regras, que assumem formas diferenciadas consoante o tipo e o suporte do documento.
O título e complemento de título são sempre em itálico.
Quando não é possível determinar a data coloca-se (s/d)
Quando não é possível determinar o editor coloca-se (s/e)
Quando não é possível determinar o autor, a entrada do documento
faz-se pelo título
Não se refere o número de edição no caso de ser a 1ª edição
Na bibliografia a 2ª linha e as restantes avançam no documento
Algumas notas a ter em conta:
Autor, título, data de edição, editor, local de edição
Elementos básicos
Quando existirem sete ou mais autores, deve ser colocado o nome do primeiro
autor, seguido de et al., que é a abreviatura da expressão latina “et alli” que
significa “outros”.
Mateus, M. H. et al. (2003). Gramática da língua portuguesa. Lisboa:
Caminho.
Monografias impressas
Apelido, A. (data da publicação). Título: complemento de
título. Edição. Local de publicação: Editora.
Um autor
Dois a seis autores
Sete ou mais autores
Giddens, A. (2011). Sociologia (6.ª ed.). Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian
Silva, A. M., & Ribeiro, F. (2010). Recursos de informação: Serviços e utilizadores.
Lisboa: Universidade Aberta.
Monografias impressas
Apelido, A. (data da publicação). Título: complemento de
título. Edição. Local de publicação: Editora.
Quando o autor é uma
coletividade
Instituto Nacional de Estatística. (2002). Atlas das cidades e de Portugal:
2002. Lisboa: Autor.
(Sempre que o editor seja o mesmo que o autor, após o local de edição e dos dois pontos,
deverá colocar-se “Autor”.)
Quando o autor é uma
instituição governamental
Portugal. Ministério da Educação. (2010). A reforma educativa. Lisboa:
Autor.
( Quando se trata de uma Instituição que pertença ao Governo ou Ministério, entra pelo país)
Quando não é possível
determinar o autor
Dicionário de Sociologia. (1979). Porto: Porto Editora.
(Quando não se sabe quem é o autor, a entrada faz-se pelo título).
Apelido, A. (data de publicação). Título da parte:
Complemento de título da parte. Em A. Apelido (função),
Título: Complemento de título (Edição, paginação da parte).
Local de publicação: Editora.
Alves, F. (2001). A família e a doença mental. Em L. Ferreira (Org.),
Acção social na área da família (pp. 205-216). Lisboa: Universidade
Aberta.
Reis, C. (1981). Análise estilística. Em Técnicas de análise textual (3.ª
ed. rev., pp. 145-238).Coimbra: Almedina
Partes de Monografias impressas
Contribuição numa
obra de autoria
coletiva
Capítulo da obra de
um só autor
Autor(es), A. (data).Título do artigo. Título da publicação
periódica, volume (n.º), páginas.
Publicações Periódicas
Jornais e revistas
Garcia, F. (2012, 3 de janeiro). No ano novo, em busca de velhos
preços. Diário Económico, pp. 4–5.
Galha, L. (2017, 28 de setembro). Mais perto de uma cura para o
cancro. Sábado, 700, pp 35-40.
Barbosa, D., Abrantes, L., Filipe, M. & Monteiro, J. (2017, 26 de
outubro). Na era da Quimiofobia. Visão, 1286, pp 42-45.
Documentos na web
Os documentos publicados online seguem em geral as
mesmas regras das publicações impressas, acrescentando-se
o URL ou o DOI
O URL é o endereço eletrónico
onde o documento está
localizado.
A hiperligação deve ser
removida e não se deve colocar
ponto final no fim.
É antecedido da expressão
“Disponível em” ou “Recuperado
de” ou outra similar
O DOI (Digital object
identifier) é um número
internacional que identifica
qualquer documento digital
numa rede como a Internet.
Nagib, L. (2002). O cinema da retomada: depoimentos de 90 cineastas dos anos 90. S. Paulo:
Editora 34. Disponível em http:// books.google.pt/books
Nagib, L. (2002). O cinema da retomada: depoimentos de 90 cineastas dos anos 90. S. Paulo:
Editora 34. doi:10.1037/1065 ‐ 9293.59.4.286
Documento com URL
Documento com Doi
Autor. (Data de publicação). Título . URL do documento
Documentos na web
Regra geral
Costa, A. (2011). EngenhariaCivil. Recuperado de http://www.ipq.pt
Gomes, D. & Silva H. (2012). A construção de pontes. Obtido em
http://www.lnec.pt
Livros Online
Sítios web Agência Portuguesa do Ambiente. (s/d). Licenciamento das utilizações dos recursos
hídricos. Disponível em
http://www.apambiente.pt/index.php?ref=17&subref=826
INE. (2014). Portal do Instituto Nacional de Estatística. Disponível em
http://www.ine.pt/
A APA 6th não prevê a tipologia de
documento – Site/PáginaWeb. Os exemplos
foram baseados no template genérico para
documentos provenientes da Internet.
Em sites pessoais , devido à possibilidade de
mudança surge, por vezes, a data da
consulta antes do URL (consultado em 2013,
maio, 12) em …URL
Seguranet . Navegar em segurança. (s/d). Disponível em: http://seguranet.pt
Inês Telles Jewelry. (s/d). Consultado em 2017, setembro, 15. Disponível em
https://www.inestelles.com/collections
Documentos na web
Autor, inicial do nome. (ano, mês, dia).Título do artigo. Título
da revista, volume (fasciculo), páginas. Recuperado de URL ou
doi
Artigo de Revista ou
Jornal online
Nogueira, M.C. (2017, outubro,19).As moedas digitais. Visão. Recuperado de:
http://visao.sapo.pt/opiniao/silnciodafraude/2017-10-19-As-moedas-digitais
Oliveira, J. (2017, outubro, 17). Uma rua no centro deViseu onde vale a pena
passar e parar. Evasões. Disponível em: https://www.evasoes.pt/ar-livre/rua-
bem-no-centro-viseu-passar-parar/
(Estes elementos nem sempre estão disponíveis online)
Ordem vai apoiar doentes no acesso à inovação terapêutica e tecnológica. (2017,
outubro, 24). JN. Obtido de https://www.jn.pt/inovacao/interior/criadas-
nanoparticulas-inteligentes-que-matam-celulas-cancerigenas-8869222.html
(sem autor)
(com autor)
Kurzgesagt (2015, setembro, 17). The European Refugee Crisis and Syria Explained
[ficheiro de vídeo]. Disponível em:
https://www.youtube.com/watch?v=RvOnXh3NN9w
Vídeo alojado noYoutube
Biblioteca da ESFA (2017, outubro, 18). Encontro Nacional de Jovens da Amnistia
Internacional [web log post]. Recuperado de
http://esfabib.blogspot.pt/2017/10/encontro-nacional-de-jovens-da-
amnistia.html
Apelido, Inicial do nome do autor. (Ano, Mês Dia).Título
[Tipologia/formato*]. Recuperado de URL ou doi
Outros formatos
O tipo de formato deverá ser indicado [ entre parêntesis retos] nos casos de tipologias
menos comuns como “posts” em blogues, programas deTV, mensagens em redes
sociais…
Blogue
RTP1 .Programa Linha da Frente XIX. (2017,outubro, 26) Gota de água [episódio
televisivo]. Disponível em: https://www.rtp.pt/play/p3032/linha-da-frente
Documentos na web
Programa deTV
Criar a lista das
referências
bibliográficas
A lista de referências bibliográficas deve:
• ser organizada por ordem alfabética do Apelido do primeiro autor ;
• deve figurar no final do documento que se encontra a redigir;
• conter apenas os documentos citados ao longo do texto, sendo que todas
as entradas de citações no texto devem corresponder a uma referência
bibliográfica;
• a primeira letra doTítulo e Complemento do título deve ser capitalizada
A consistência é importante na elaboração da lista de referências
bibliográficas, sendo que a informação e o detalhe dos dados de cada uma
das referências bibliográficas deve ser uniforme. (ex: se utilizamos a
expressão “disponível em” em vez de “recuperado de” ou outra semelhante,
devemos usá-la em todas as entradas)
Bibliografia
Silva, G., Bernardo, I.(2016)O aprendiz de investigador. Respeitar os
direitos de autor: citações e referências bibliográficas. Ensino
secundário. Obtido de:
http://www.aelimadefaria.pt/aprendizrecursos/LI_ES_Direitos_auto
r_Guia.pdf
Universidade de Aveiro (2015).Citar e referenciar: estilo bibliográfico
APA 6th. Obtido de: www.ua.pt/file/36608

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apresentação referências bibliográficas
Apresentação referências bibliográficasApresentação referências bibliográficas
Apresentação referências bibliográficas
Luiz Alberto Gomes Barbosa Neto
 
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slideSlide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
Vera Moreira Matos
 
Como fazer citações e referências bibliográficas
Como fazer citações e referências bibliográficasComo fazer citações e referências bibliográficas
Como fazer citações e referências bibliográficas
André Constantino da Silva
 
Normas da abnt referência
Normas da abnt   referênciaNormas da abnt   referência
Normas da abnt referência
Viviane Dantas Martins
 
Aula 3 /Proordem
Aula 3 /Proordem Aula 3 /Proordem
Aula 3 /Proordem
Rosineia Oliveira dos Santos
 
Aula 14 março 02 andreucci
Aula 14 março 02 andreucciAula 14 março 02 andreucci
Aula 14 março 02 andreucci
Ronilson de Souza Luiz
 
Citações
CitaçõesCitações
Citações
Humberto Vidal
 
Referência bibliográfica
Referência bibliográficaReferência bibliográfica
Referência bibliográfica
Raquel Silva
 
Citações e referências
Citações  e referênciasCitações  e referências
Citações e referências
Déa Pereira
 
Citar e referir
Citar e referirCitar e referir
Citar e referir
Mariadesousa69
 
Exemplos de Referências Bilbiográficas
Exemplos de Referências BilbiográficasExemplos de Referências Bilbiográficas
Exemplos de Referências Bilbiográficas
Jomari
 
Np 405
Np 405Np 405
Np 405
Artur Dagge
 
13 citações
13 citações13 citações
13 citações
Joao Balbi
 
Como fazer citações
Como fazer citaçõesComo fazer citações
Como fazer citações
Biblioteca ESPM Rio
 
Referencias bibliograficas
Referencias bibliograficasReferencias bibliograficas
Referencias bibliograficas
Rogger Wins
 
Como elaborar uma bibliografia
Como elaborar uma bibliografiaComo elaborar uma bibliografia
Como elaborar uma bibliografia
amelasa
 
Abnt -normas
Abnt  -normasAbnt  -normas
Abnt -normas
Barbarafelix
 
Aula 2 /Proordem
Aula 2  /Proordem Aula 2  /Proordem
Aula 2 /Proordem
Rosineia Oliveira dos Santos
 
Como fazer uma bibliografia
Como fazer uma bibliografiaComo fazer uma bibliografia
Como fazer uma bibliografia
Biblioteca Escolar
 
Como citar
Como citar Como citar

Mais procurados (20)

Apresentação referências bibliográficas
Apresentação referências bibliográficasApresentação referências bibliográficas
Apresentação referências bibliográficas
 
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slideSlide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
 
Como fazer citações e referências bibliográficas
Como fazer citações e referências bibliográficasComo fazer citações e referências bibliográficas
Como fazer citações e referências bibliográficas
 
Normas da abnt referência
Normas da abnt   referênciaNormas da abnt   referência
Normas da abnt referência
 
Aula 3 /Proordem
Aula 3 /Proordem Aula 3 /Proordem
Aula 3 /Proordem
 
Aula 14 março 02 andreucci
Aula 14 março 02 andreucciAula 14 março 02 andreucci
Aula 14 março 02 andreucci
 
Citações
CitaçõesCitações
Citações
 
Referência bibliográfica
Referência bibliográficaReferência bibliográfica
Referência bibliográfica
 
Citações e referências
Citações  e referênciasCitações  e referências
Citações e referências
 
Citar e referir
Citar e referirCitar e referir
Citar e referir
 
Exemplos de Referências Bilbiográficas
Exemplos de Referências BilbiográficasExemplos de Referências Bilbiográficas
Exemplos de Referências Bilbiográficas
 
Np 405
Np 405Np 405
Np 405
 
13 citações
13 citações13 citações
13 citações
 
Como fazer citações
Como fazer citaçõesComo fazer citações
Como fazer citações
 
Referencias bibliograficas
Referencias bibliograficasReferencias bibliograficas
Referencias bibliograficas
 
Como elaborar uma bibliografia
Como elaborar uma bibliografiaComo elaborar uma bibliografia
Como elaborar uma bibliografia
 
Abnt -normas
Abnt  -normasAbnt  -normas
Abnt -normas
 
Aula 2 /Proordem
Aula 2  /Proordem Aula 2  /Proordem
Aula 2 /Proordem
 
Como fazer uma bibliografia
Como fazer uma bibliografiaComo fazer uma bibliografia
Como fazer uma bibliografia
 
Como citar
Como citar Como citar
Como citar
 

Semelhante a Referencias bibliograficas apa6

V Grupo A-Normas APA 7ed.pptx
V Grupo A-Normas APA 7ed.pptxV Grupo A-Normas APA 7ed.pptx
V Grupo A-Normas APA 7ed.pptx
EugrencioJooMaposse
 
Referências bibliográficas e citações
Referências bibliográficas e citaçõesReferências bibliográficas e citações
Referências bibliográficas e citações
Biblioteca Escola Secundária
 
NORMAS PARA PRODUCAO E PUBLICACAO UNIROVUMA - CAPACITACAO DOCENTE II SEMESTRE...
NORMAS PARA PRODUCAO E PUBLICACAO UNIROVUMA - CAPACITACAO DOCENTE II SEMESTRE...NORMAS PARA PRODUCAO E PUBLICACAO UNIROVUMA - CAPACITACAO DOCENTE II SEMESTRE...
NORMAS PARA PRODUCAO E PUBLICACAO UNIROVUMA - CAPACITACAO DOCENTE II SEMESTRE...
LuisCSIssufo
 
Apa 1º-ciclo
Apa 1º-cicloApa 1º-ciclo
Apa 1º-ciclo
lvarela
 
O aprendiz de investigador: Respeitar os direitos de autor. Referências bibli...
O aprendiz de investigador: Respeitar os direitos de autor. Referências bibli...O aprendiz de investigador: Respeitar os direitos de autor. Referências bibli...
O aprendiz de investigador: Respeitar os direitos de autor. Referências bibli...
ProjetoLiteracias
 
Como fazer citações bibliográficas?
Como fazer citações bibliográficas?Como fazer citações bibliográficas?
Como fazer citações bibliográficas?
sousamendes
 
Lit_inf plágio_versão 2
Lit_inf plágio_versão 2Lit_inf plágio_versão 2
Lit_inf plágio_versão 2
Julieta Silva
 
Como fazer citações bibliográficas
Como fazer citações bibliográficasComo fazer citações bibliográficas
Como fazer citações bibliográficas
carlamltavares
 
Citações - Metodologia Cientifica
 Citações - Metodologia Cientifica Citações - Metodologia Cientifica
Citações - Metodologia Cientifica
Brendel Luis
 
Treinamento de Normalização Bibliográfica
Treinamento de Normalização BibliográficaTreinamento de Normalização Bibliográfica
Treinamento de Normalização Bibliográfica
mssuzuki
 
Referências e citações em formato vancuver
Referências e citações em formato vancuverReferências e citações em formato vancuver
Referências e citações em formato vancuver
Fernanda Maciel
 
Como fazer as referências bibliográficas
Como fazer as referências bibliográficasComo fazer as referências bibliográficas
Como fazer as referências bibliográficas
Lucília Lopes
 
#4# apa workshop de doutoramento__27 e 28 novembro 2015.ppt
#4# apa workshop de doutoramento__27 e 28 novembro 2015.ppt#4# apa workshop de doutoramento__27 e 28 novembro 2015.ppt
#4# apa workshop de doutoramento__27 e 28 novembro 2015.ppt
Carlos Lopes
 
Citações e referências
Citações e referênciasCitações e referências
Citações e referênciasTânia Stoffel
 
ORIENTAÇÃO NA PREPARAÇÃO DOS TRABALHOS ACADÊMICOS
ORIENTAÇÃO NA PREPARAÇÃO DOS TRABALHOS ACADÊMICOSORIENTAÇÃO NA PREPARAÇÃO DOS TRABALHOS ACADÊMICOS
ORIENTAÇÃO NA PREPARAÇÃO DOS TRABALHOS ACADÊMICOS
Biblioteca FE
 
Regras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silva
Regras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silvaRegras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silva
Regras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silva
opasquim
 
Regras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silva
Regras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silvaRegras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silva
Regras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silva
opasquim
 
11 abnt
11 abnt11 abnt
11 abnt
Joao Balbi
 
Ferramentas de pesquisa de informacao cientifica e gestores de referencias bi...
Ferramentas de pesquisa de informacao cientifica e gestores de referencias bi...Ferramentas de pesquisa de informacao cientifica e gestores de referencias bi...
Ferramentas de pesquisa de informacao cientifica e gestores de referencias bi...
MiguelMonteiro599253
 
Artigo cientifico
Artigo cientificoArtigo cientifico
Artigo cientifico
ProfFernandaBraga
 

Semelhante a Referencias bibliograficas apa6 (20)

V Grupo A-Normas APA 7ed.pptx
V Grupo A-Normas APA 7ed.pptxV Grupo A-Normas APA 7ed.pptx
V Grupo A-Normas APA 7ed.pptx
 
Referências bibliográficas e citações
Referências bibliográficas e citaçõesReferências bibliográficas e citações
Referências bibliográficas e citações
 
NORMAS PARA PRODUCAO E PUBLICACAO UNIROVUMA - CAPACITACAO DOCENTE II SEMESTRE...
NORMAS PARA PRODUCAO E PUBLICACAO UNIROVUMA - CAPACITACAO DOCENTE II SEMESTRE...NORMAS PARA PRODUCAO E PUBLICACAO UNIROVUMA - CAPACITACAO DOCENTE II SEMESTRE...
NORMAS PARA PRODUCAO E PUBLICACAO UNIROVUMA - CAPACITACAO DOCENTE II SEMESTRE...
 
Apa 1º-ciclo
Apa 1º-cicloApa 1º-ciclo
Apa 1º-ciclo
 
O aprendiz de investigador: Respeitar os direitos de autor. Referências bibli...
O aprendiz de investigador: Respeitar os direitos de autor. Referências bibli...O aprendiz de investigador: Respeitar os direitos de autor. Referências bibli...
O aprendiz de investigador: Respeitar os direitos de autor. Referências bibli...
 
Como fazer citações bibliográficas?
Como fazer citações bibliográficas?Como fazer citações bibliográficas?
Como fazer citações bibliográficas?
 
Lit_inf plágio_versão 2
Lit_inf plágio_versão 2Lit_inf plágio_versão 2
Lit_inf plágio_versão 2
 
Como fazer citações bibliográficas
Como fazer citações bibliográficasComo fazer citações bibliográficas
Como fazer citações bibliográficas
 
Citações - Metodologia Cientifica
 Citações - Metodologia Cientifica Citações - Metodologia Cientifica
Citações - Metodologia Cientifica
 
Treinamento de Normalização Bibliográfica
Treinamento de Normalização BibliográficaTreinamento de Normalização Bibliográfica
Treinamento de Normalização Bibliográfica
 
Referências e citações em formato vancuver
Referências e citações em formato vancuverReferências e citações em formato vancuver
Referências e citações em formato vancuver
 
Como fazer as referências bibliográficas
Como fazer as referências bibliográficasComo fazer as referências bibliográficas
Como fazer as referências bibliográficas
 
#4# apa workshop de doutoramento__27 e 28 novembro 2015.ppt
#4# apa workshop de doutoramento__27 e 28 novembro 2015.ppt#4# apa workshop de doutoramento__27 e 28 novembro 2015.ppt
#4# apa workshop de doutoramento__27 e 28 novembro 2015.ppt
 
Citações e referências
Citações e referênciasCitações e referências
Citações e referências
 
ORIENTAÇÃO NA PREPARAÇÃO DOS TRABALHOS ACADÊMICOS
ORIENTAÇÃO NA PREPARAÇÃO DOS TRABALHOS ACADÊMICOSORIENTAÇÃO NA PREPARAÇÃO DOS TRABALHOS ACADÊMICOS
ORIENTAÇÃO NA PREPARAÇÃO DOS TRABALHOS ACADÊMICOS
 
Regras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silva
Regras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silvaRegras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silva
Regras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silva
 
Regras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silva
Regras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silvaRegras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silva
Regras abnt 2012 o pasquim sp . j.t. silva
 
11 abnt
11 abnt11 abnt
11 abnt
 
Ferramentas de pesquisa de informacao cientifica e gestores de referencias bi...
Ferramentas de pesquisa de informacao cientifica e gestores de referencias bi...Ferramentas de pesquisa de informacao cientifica e gestores de referencias bi...
Ferramentas de pesquisa de informacao cientifica e gestores de referencias bi...
 
Artigo cientifico
Artigo cientificoArtigo cientifico
Artigo cientifico
 

Mais de Beacarol

2253075.pdf - 7844- gestão de equipas.pdf
2253075.pdf - 7844- gestão de equipas.pdf2253075.pdf - 7844- gestão de equipas.pdf
2253075.pdf - 7844- gestão de equipas.pdf
Beacarol
 
2164299.pdf_file- reclamações.pdf
2164299.pdf_file- reclamações.pdf2164299.pdf_file- reclamações.pdf
2164299.pdf_file- reclamações.pdf
Beacarol
 
UE_funcionamento.pdf
UE_funcionamento.pdfUE_funcionamento.pdf
UE_funcionamento.pdf
Beacarol
 
referencial_dimensao_europeia.pdf
referencial_dimensao_europeia.pdfreferencial_dimensao_europeia.pdf
referencial_dimensao_europeia.pdf
Beacarol
 
paises_da_ue.pdf
paises_da_ue.pdfpaises_da_ue.pdf
paises_da_ue.pdf
Beacarol
 
ficamos todos a ganhar.pdf
ficamos todos a ganhar.pdfficamos todos a ganhar.pdf
ficamos todos a ganhar.pdf
Beacarol
 
Europa_revista_do_conhecimento_para_jovens.pdf
Europa_revista_do_conhecimento_para_jovens.pdfEuropa_revista_do_conhecimento_para_jovens.pdf
Europa_revista_do_conhecimento_para_jovens.pdf
Beacarol
 
Manual TV ufcd 0388 - Prospeção comercial, preparação e planeamento da venda ...
Manual TV ufcd 0388 - Prospeção comercial, preparação e planeamento da venda ...Manual TV ufcd 0388 - Prospeção comercial, preparação e planeamento da venda ...
Manual TV ufcd 0388 - Prospeção comercial, preparação e planeamento da venda ...
Beacarol
 
mapas_conceptuais.pdf
mapas_conceptuais.pdfmapas_conceptuais.pdf
mapas_conceptuais.pdf
Beacarol
 
O que é um problema.pdf
O que é um problema.pdfO que é um problema.pdf
O que é um problema.pdf
Beacarol
 
como se faz uma reflexão crítica.pdf
como se faz uma reflexão crítica.pdfcomo se faz uma reflexão crítica.pdf
como se faz uma reflexão crítica.pdf
Beacarol
 
E-BOOK_SUSTENTABILIDADE.pdf
E-BOOK_SUSTENTABILIDADE.pdfE-BOOK_SUSTENTABILIDADE.pdf
E-BOOK_SUSTENTABILIDADE.pdf
Beacarol
 
CadernoPresseSecundario_conhecimentoValorizacaoCorpo.pdf
CadernoPresseSecundario_conhecimentoValorizacaoCorpo.pdfCadernoPresseSecundario_conhecimentoValorizacaoCorpo.pdf
CadernoPresseSecundario_conhecimentoValorizacaoCorpo.pdf
Beacarol
 
AF_CIG_FactSheet.pdf
AF_CIG_FactSheet.pdfAF_CIG_FactSheet.pdf
AF_CIG_FactSheet.pdf
Beacarol
 
4_3ciclo_contra_a_corrupcao.pdf
4_3ciclo_contra_a_corrupcao.pdf4_3ciclo_contra_a_corrupcao.pdf
4_3ciclo_contra_a_corrupcao.pdf
Beacarol
 
25mais1.pdf
25mais1.pdf25mais1.pdf
25mais1.pdf
Beacarol
 
Manual_TMK_ufcd_0429- Serviços – princípios básicos.doc
Manual_TMK_ufcd_0429- Serviços – princípios básicos.docManual_TMK_ufcd_0429- Serviços – princípios básicos.doc
Manual_TMK_ufcd_0429- Serviços – princípios básicos.doc
Beacarol
 
Quiz_sobre_discriminacao.ppt
Quiz_sobre_discriminacao.pptQuiz_sobre_discriminacao.ppt
Quiz_sobre_discriminacao.ppt
Beacarol
 
4_-_Atividade_A_relacao_entre_os_problemas_globais_11-18.pdf
4_-_Atividade_A_relacao_entre_os_problemas_globais_11-18.pdf4_-_Atividade_A_relacao_entre_os_problemas_globais_11-18.pdf
4_-_Atividade_A_relacao_entre_os_problemas_globais_11-18.pdf
Beacarol
 
publ_bullying_nao_.pdf
publ_bullying_nao_.pdfpubl_bullying_nao_.pdf
publ_bullying_nao_.pdf
Beacarol
 

Mais de Beacarol (20)

2253075.pdf - 7844- gestão de equipas.pdf
2253075.pdf - 7844- gestão de equipas.pdf2253075.pdf - 7844- gestão de equipas.pdf
2253075.pdf - 7844- gestão de equipas.pdf
 
2164299.pdf_file- reclamações.pdf
2164299.pdf_file- reclamações.pdf2164299.pdf_file- reclamações.pdf
2164299.pdf_file- reclamações.pdf
 
UE_funcionamento.pdf
UE_funcionamento.pdfUE_funcionamento.pdf
UE_funcionamento.pdf
 
referencial_dimensao_europeia.pdf
referencial_dimensao_europeia.pdfreferencial_dimensao_europeia.pdf
referencial_dimensao_europeia.pdf
 
paises_da_ue.pdf
paises_da_ue.pdfpaises_da_ue.pdf
paises_da_ue.pdf
 
ficamos todos a ganhar.pdf
ficamos todos a ganhar.pdfficamos todos a ganhar.pdf
ficamos todos a ganhar.pdf
 
Europa_revista_do_conhecimento_para_jovens.pdf
Europa_revista_do_conhecimento_para_jovens.pdfEuropa_revista_do_conhecimento_para_jovens.pdf
Europa_revista_do_conhecimento_para_jovens.pdf
 
Manual TV ufcd 0388 - Prospeção comercial, preparação e planeamento da venda ...
Manual TV ufcd 0388 - Prospeção comercial, preparação e planeamento da venda ...Manual TV ufcd 0388 - Prospeção comercial, preparação e planeamento da venda ...
Manual TV ufcd 0388 - Prospeção comercial, preparação e planeamento da venda ...
 
mapas_conceptuais.pdf
mapas_conceptuais.pdfmapas_conceptuais.pdf
mapas_conceptuais.pdf
 
O que é um problema.pdf
O que é um problema.pdfO que é um problema.pdf
O que é um problema.pdf
 
como se faz uma reflexão crítica.pdf
como se faz uma reflexão crítica.pdfcomo se faz uma reflexão crítica.pdf
como se faz uma reflexão crítica.pdf
 
E-BOOK_SUSTENTABILIDADE.pdf
E-BOOK_SUSTENTABILIDADE.pdfE-BOOK_SUSTENTABILIDADE.pdf
E-BOOK_SUSTENTABILIDADE.pdf
 
CadernoPresseSecundario_conhecimentoValorizacaoCorpo.pdf
CadernoPresseSecundario_conhecimentoValorizacaoCorpo.pdfCadernoPresseSecundario_conhecimentoValorizacaoCorpo.pdf
CadernoPresseSecundario_conhecimentoValorizacaoCorpo.pdf
 
AF_CIG_FactSheet.pdf
AF_CIG_FactSheet.pdfAF_CIG_FactSheet.pdf
AF_CIG_FactSheet.pdf
 
4_3ciclo_contra_a_corrupcao.pdf
4_3ciclo_contra_a_corrupcao.pdf4_3ciclo_contra_a_corrupcao.pdf
4_3ciclo_contra_a_corrupcao.pdf
 
25mais1.pdf
25mais1.pdf25mais1.pdf
25mais1.pdf
 
Manual_TMK_ufcd_0429- Serviços – princípios básicos.doc
Manual_TMK_ufcd_0429- Serviços – princípios básicos.docManual_TMK_ufcd_0429- Serviços – princípios básicos.doc
Manual_TMK_ufcd_0429- Serviços – princípios básicos.doc
 
Quiz_sobre_discriminacao.ppt
Quiz_sobre_discriminacao.pptQuiz_sobre_discriminacao.ppt
Quiz_sobre_discriminacao.ppt
 
4_-_Atividade_A_relacao_entre_os_problemas_globais_11-18.pdf
4_-_Atividade_A_relacao_entre_os_problemas_globais_11-18.pdf4_-_Atividade_A_relacao_entre_os_problemas_globais_11-18.pdf
4_-_Atividade_A_relacao_entre_os_problemas_globais_11-18.pdf
 
publ_bullying_nao_.pdf
publ_bullying_nao_.pdfpubl_bullying_nao_.pdf
publ_bullying_nao_.pdf
 

Último

A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
AntonioLobosco3
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
erssstcontato
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
pamellaaraujo10
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
vinibolado86
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
JoanaFigueira11
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
MarceloMonteiro213738
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 

Referencias bibliograficas apa6

  • 1. Citaçõese Referências Bibliográficas De acordo com: Norma APA - American Psychological Association (6ª ed.)
  • 2. Em qualquer tipo de trabalho escolar que realizamos devemos, sempre, identificar as obras e os autores em que nos baseámos para o fazer, não só porque não devemos assumir como nosso aquilo que é da autoria de outro (plágio) mas também porque acrescenta credibilidade ao texto. Para além de mostrarem as pesquisas que realizámos, as referências bibliográficas permitirão a quem lê e avalia o nosso trabalho, localizar, confirmar e analisar a fonte de onde foi extraída a informação. Para o fazer existem várias normas. A normaAPA (6.ª edição) é uma das mais utilizadas e a que vamos usar neste guia. Se não citamos as fontes de onde retiramos a informação que estamos a usar, estamos a fazer Plágio, o que significa que estamos a apropriarmo-nos de um bem que é de outro. Plagiar = Roubar
  • 3. Alguns conceitos – transcrição de excerto de texto de uma publicação, que julgas pertinente no âmbito da expressão das tuas ideias e argumentos. O sistema de citação é o sistema autor-data, sendo que os elementos devem ter a seguinte ordem: - apelido do autor, ano de publicação do documento e tratando-se de uma citação direta os números das páginas citadas; - a informação é colocada entre parênteses curvos. Bibliografia - lista de referências bibliográficas segundo uma certa ordem (normalmente alfabética) que contém elementos descritivos de documentos, de forma a permitir a sua identificação. Referência bibliográfica – conjunto padronizado de elementos descritivos retirados de uma publicação/documento, que permitem a sua identificação ou parte dela. Citação
  • 4. Citações  Citação indireta Há transmissão da ideia do autor utilizando palavras próprias;  Citação direta Reproduz exatamente o texto original ou seja, usamos as palavras do autor Citação de citação Transmissão da ideia de um autor sem ter acesso ao texto original. 3formas de realizar citações em texto:
  • 5. Citação indireta Citarumautorsemotranscrever A complexidade, a fluidez, a interatividade, a diversificação, a imprevisibilidade caraterizam o ambiente de informação do nosso século. (Todd, 2011) Barros e Dupret (2004) consideram que a criação de espaços que mantenham as crianças fora da violência urbana, bem alimentadas e cuidadas atende às necessidades da mãe trabalhadora. Citações Apropriamo-nos da ideia do autor Exemplos:
  • 6. Citação Direta A citação direta breve deve ser incorporada no texto e colocada entre aspas duplas. Exemplo: De acordo com Pinto (2008) a nova reforma só surgirá em 1982, agora no contexto “da emergente sociedade da informação” (p. 29). A citação direta extensa deve ser feita em espaço próprio, numa nova linha e com recuo na margem esquerda e direita de cerca de 1,25cm. Não se colocam aspas. Exemplo: Transcrição do texto do autor. Pode ser breve (menos de 40 palavras) ou extensa(40 ou mais palavras). É obrigatório a indicação das páginas: pp. para mais de uma página e p. para uma página. Citações A partir da especificidade do jornalismo, Eco (1998, p. 14) questiona: O que é um jornal, se não um produto formado de um número fixo de páginas, obrigado a sair uma vez por dia, e no qual as coisas ditas não serão mais unicamente determinadas pelas coisas a dizer (segundo uma necessidade absolutamente interior), mas pelo facto de que, uma vez por dia, se deverá dizer o tanto necessário para preencher tantas páginas?
  • 7. Citação de citação Ocorre quando não se tem acesso ao texto original. Procura-se ter presente que a vida social não só é variada como profunda, tendo “muitos estratos de significado” (Berger, 1966, citado por Woods, 1996, p. 53). (Neste caso só se teve acesso ao texto de Woods) Citações
  • 8. Referências Bibliográficas A ordem dos elementos, a pontuação e a utilização de maiúsculas e minúsculas obedecem a regras, que assumem formas diferenciadas consoante o tipo e o suporte do documento. O título e complemento de título são sempre em itálico. Quando não é possível determinar a data coloca-se (s/d) Quando não é possível determinar o editor coloca-se (s/e) Quando não é possível determinar o autor, a entrada do documento faz-se pelo título Não se refere o número de edição no caso de ser a 1ª edição Na bibliografia a 2ª linha e as restantes avançam no documento Algumas notas a ter em conta: Autor, título, data de edição, editor, local de edição Elementos básicos
  • 9. Quando existirem sete ou mais autores, deve ser colocado o nome do primeiro autor, seguido de et al., que é a abreviatura da expressão latina “et alli” que significa “outros”. Mateus, M. H. et al. (2003). Gramática da língua portuguesa. Lisboa: Caminho. Monografias impressas Apelido, A. (data da publicação). Título: complemento de título. Edição. Local de publicação: Editora. Um autor Dois a seis autores Sete ou mais autores Giddens, A. (2011). Sociologia (6.ª ed.). Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian Silva, A. M., & Ribeiro, F. (2010). Recursos de informação: Serviços e utilizadores. Lisboa: Universidade Aberta.
  • 10. Monografias impressas Apelido, A. (data da publicação). Título: complemento de título. Edição. Local de publicação: Editora. Quando o autor é uma coletividade Instituto Nacional de Estatística. (2002). Atlas das cidades e de Portugal: 2002. Lisboa: Autor. (Sempre que o editor seja o mesmo que o autor, após o local de edição e dos dois pontos, deverá colocar-se “Autor”.) Quando o autor é uma instituição governamental Portugal. Ministério da Educação. (2010). A reforma educativa. Lisboa: Autor. ( Quando se trata de uma Instituição que pertença ao Governo ou Ministério, entra pelo país) Quando não é possível determinar o autor Dicionário de Sociologia. (1979). Porto: Porto Editora. (Quando não se sabe quem é o autor, a entrada faz-se pelo título).
  • 11. Apelido, A. (data de publicação). Título da parte: Complemento de título da parte. Em A. Apelido (função), Título: Complemento de título (Edição, paginação da parte). Local de publicação: Editora. Alves, F. (2001). A família e a doença mental. Em L. Ferreira (Org.), Acção social na área da família (pp. 205-216). Lisboa: Universidade Aberta. Reis, C. (1981). Análise estilística. Em Técnicas de análise textual (3.ª ed. rev., pp. 145-238).Coimbra: Almedina Partes de Monografias impressas Contribuição numa obra de autoria coletiva Capítulo da obra de um só autor
  • 12. Autor(es), A. (data).Título do artigo. Título da publicação periódica, volume (n.º), páginas. Publicações Periódicas Jornais e revistas Garcia, F. (2012, 3 de janeiro). No ano novo, em busca de velhos preços. Diário Económico, pp. 4–5. Galha, L. (2017, 28 de setembro). Mais perto de uma cura para o cancro. Sábado, 700, pp 35-40. Barbosa, D., Abrantes, L., Filipe, M. & Monteiro, J. (2017, 26 de outubro). Na era da Quimiofobia. Visão, 1286, pp 42-45.
  • 13. Documentos na web Os documentos publicados online seguem em geral as mesmas regras das publicações impressas, acrescentando-se o URL ou o DOI O URL é o endereço eletrónico onde o documento está localizado. A hiperligação deve ser removida e não se deve colocar ponto final no fim. É antecedido da expressão “Disponível em” ou “Recuperado de” ou outra similar O DOI (Digital object identifier) é um número internacional que identifica qualquer documento digital numa rede como a Internet. Nagib, L. (2002). O cinema da retomada: depoimentos de 90 cineastas dos anos 90. S. Paulo: Editora 34. Disponível em http:// books.google.pt/books Nagib, L. (2002). O cinema da retomada: depoimentos de 90 cineastas dos anos 90. S. Paulo: Editora 34. doi:10.1037/1065 ‐ 9293.59.4.286 Documento com URL Documento com Doi
  • 14. Autor. (Data de publicação). Título . URL do documento Documentos na web Regra geral Costa, A. (2011). EngenhariaCivil. Recuperado de http://www.ipq.pt Gomes, D. & Silva H. (2012). A construção de pontes. Obtido em http://www.lnec.pt Livros Online Sítios web Agência Portuguesa do Ambiente. (s/d). Licenciamento das utilizações dos recursos hídricos. Disponível em http://www.apambiente.pt/index.php?ref=17&subref=826 INE. (2014). Portal do Instituto Nacional de Estatística. Disponível em http://www.ine.pt/ A APA 6th não prevê a tipologia de documento – Site/PáginaWeb. Os exemplos foram baseados no template genérico para documentos provenientes da Internet. Em sites pessoais , devido à possibilidade de mudança surge, por vezes, a data da consulta antes do URL (consultado em 2013, maio, 12) em …URL Seguranet . Navegar em segurança. (s/d). Disponível em: http://seguranet.pt Inês Telles Jewelry. (s/d). Consultado em 2017, setembro, 15. Disponível em https://www.inestelles.com/collections
  • 15. Documentos na web Autor, inicial do nome. (ano, mês, dia).Título do artigo. Título da revista, volume (fasciculo), páginas. Recuperado de URL ou doi Artigo de Revista ou Jornal online Nogueira, M.C. (2017, outubro,19).As moedas digitais. Visão. Recuperado de: http://visao.sapo.pt/opiniao/silnciodafraude/2017-10-19-As-moedas-digitais Oliveira, J. (2017, outubro, 17). Uma rua no centro deViseu onde vale a pena passar e parar. Evasões. Disponível em: https://www.evasoes.pt/ar-livre/rua- bem-no-centro-viseu-passar-parar/ (Estes elementos nem sempre estão disponíveis online) Ordem vai apoiar doentes no acesso à inovação terapêutica e tecnológica. (2017, outubro, 24). JN. Obtido de https://www.jn.pt/inovacao/interior/criadas- nanoparticulas-inteligentes-que-matam-celulas-cancerigenas-8869222.html (sem autor) (com autor)
  • 16. Kurzgesagt (2015, setembro, 17). The European Refugee Crisis and Syria Explained [ficheiro de vídeo]. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=RvOnXh3NN9w Vídeo alojado noYoutube Biblioteca da ESFA (2017, outubro, 18). Encontro Nacional de Jovens da Amnistia Internacional [web log post]. Recuperado de http://esfabib.blogspot.pt/2017/10/encontro-nacional-de-jovens-da- amnistia.html Apelido, Inicial do nome do autor. (Ano, Mês Dia).Título [Tipologia/formato*]. Recuperado de URL ou doi Outros formatos O tipo de formato deverá ser indicado [ entre parêntesis retos] nos casos de tipologias menos comuns como “posts” em blogues, programas deTV, mensagens em redes sociais… Blogue RTP1 .Programa Linha da Frente XIX. (2017,outubro, 26) Gota de água [episódio televisivo]. Disponível em: https://www.rtp.pt/play/p3032/linha-da-frente Documentos na web Programa deTV
  • 17. Criar a lista das referências bibliográficas A lista de referências bibliográficas deve: • ser organizada por ordem alfabética do Apelido do primeiro autor ; • deve figurar no final do documento que se encontra a redigir; • conter apenas os documentos citados ao longo do texto, sendo que todas as entradas de citações no texto devem corresponder a uma referência bibliográfica; • a primeira letra doTítulo e Complemento do título deve ser capitalizada A consistência é importante na elaboração da lista de referências bibliográficas, sendo que a informação e o detalhe dos dados de cada uma das referências bibliográficas deve ser uniforme. (ex: se utilizamos a expressão “disponível em” em vez de “recuperado de” ou outra semelhante, devemos usá-la em todas as entradas)
  • 18. Bibliografia Silva, G., Bernardo, I.(2016)O aprendiz de investigador. Respeitar os direitos de autor: citações e referências bibliográficas. Ensino secundário. Obtido de: http://www.aelimadefaria.pt/aprendizrecursos/LI_ES_Direitos_auto r_Guia.pdf Universidade de Aveiro (2015).Citar e referenciar: estilo bibliográfico APA 6th. Obtido de: www.ua.pt/file/36608