SlideShare uma empresa Scribd logo
Trabalhar com projetos Mas, afinal,  o que é “projeto”?  Fonte: Cardápio de Projetos do Programa Salto para o Futuro
Entendendo a ideia de projeto A palavra projeto tem sido muito utilizada em várias áreas de atuação profissional.  Nas escolas, falar em projeto pedagógico já se tornou moda há algum tempo.  Mas, afinal, o que é um projeto?
Qual das afirmações a seguir você acha mais correta? Projeto é intenção, pretensão, sonho:  “Meu projeto é comprar uma casa” . Projeto é doutrina, filosofia, diretriz:  “Meu projeto de país é muito diferente” . Projeto é idéia ou concepção de produto ou serviço:  “Estes dois carros são projetos muito semelhantes” . Projeto é esboço ou proposta:  “Todos têm o direito de apresentar um projeto de lei ao Congresso”. Projeto é desenho para orientar construção:  “Já aprovei e pedi ao arquiteto que detalhasse o projeto”.
… Projeto é empreendimento com investimento:  “A Prefeitura vai construir novo projeto habitacional” . Projeto é atividade organizada com o objetivo de resolver um problema:  “Precisamos iniciar o projeto de desenvolvimento de um novo motor, menos poluente”. Projeto é um tipo de organização temporária, criada para realizar uma atividade finita:  “Aquele pessoal é a equipe do projeto do novo motor”.
Acertou! Todas as definições são corretas e abrangem significados do termo projeto.  Neste texto, interessam os dois últimos, que definem projeto do ponto de vista do gerenciamento e administração.  Projeto é atividade organizada, que tem por objetivo resolver um problema.
Projetos são diferentes de atividades funcionais. Atividades funcionais são regulares (repetem-se sempre do mesmo modo, com pequenas variações) e são também “intermináveis”, ou seja, não têm perspectiva de serem finalizadas. Já os projetos têm as seguintes características: Objetivo definido em função de um problema, cuja solução é o critério para definir seu grau de sucesso. Em geral, são realizados em função de uma necessidade específica, um problema. São finitos: têm começo e término programados. Solucionado o problema, o projeto termina. São “irregulares”, ou seja, fogem da rotina.
Os projetos no espaço escolar Em uma escola, os projetos podem ser utilizados em vários aspectos diferentes do trabalho. Pode-se desenvolver projetos em trabalhos da administração escolar, em ações de apoio ao trabalho pedagógico e em outros aspectos do funcionamento escolar que não envolvem o ensino diretamente.  Já os projetos didáticos têm por meta principal o ensino de alguns conteúdos predeterminados e neles a participação dos alunos é, evidentemente, indispensável.
Características dos projetos didáticos Quando os educadores planejam uma unidade didática, pensando em como os conteúdos podem ser trabalhados com os alunos, as propostas de ensino podem ser organizadas de duas formas básicas: 1.  Uma unidade didática simples, ou 2. Uma unidade didática organizada como projeto. Uma  unidade didática  é “um conjunto ordenado de atividades, estruturadas e articuladas para a consecução de um objetivo educativo em relação a um conteúdo concreto.” (Ver  Construtivismo na Sala de Aula , Cesar Coll e outros, editora Ática, 1996, capítulo 6:  Os enfoques didáticos ).
O planejamento da unidade didática deve conter sempre Uma  definição clara dos conteúdos  a serem ensinados e seus respectivos objetivos educativos, isto é, o enfoque e a profundidade com que o processo de aprendizagem deve ocorrer. (Um  objetivo  em educação é sempre um processo de crescimento pessoal que se pretende proporcionar ao aluno por meio do ensino.) Uma  seqüência ordenada de atividades  que serão propostas aos alunos com o propósito de atingir os objetivos relacionados acima. Uma  avaliação permanente  das propostas de ensino e dos processos de aprendizagem que ocorrem durante todo o desenvolvimento da unidade. Tanto na unidade didática simples, quanto nos projetos, o educador deve sempre considerar algumas preocupações relacionadas à concepção construtivista de aprendizagem escolar (Ver  Construtivismo na Sala de Aula , Cesar Coll e outros, editora Ática, 1996, capítulo 1: Os professores e a concepção construtivista), tais como:
… Para agir, o professor deve considerar o  estado inicial de seus estudantes , a partir do qual ele construirá situações de ensino com o propósito de desencadear nos alunos um processo cognitivo e afetivo que envolva os conteúdos escolhidos, de modo a provocar aprendizagens significativas relacionadas a esses conteúdos. O estado inicial dos alunos é definido pelos conhecimentos anteriores que eles possuem sobre os conteúdos envolvidos em cada proposta de ensino. Conhecimentos esses que serão a base a partir da qual os alunos poderão fazer relações e construir significados para aquilo que estão aprendendo.
… Para que haja desenvolvimento integral do cidadão, é preciso que os alunos  aprendam também o que é  aprender . Esta preocupação deve se refletir na prática pedagógica através de aprendizagens que permitam realizar reflexões de natureza metacognitiva, isto é, aquelas que tratam de explicar o que se está fazendo para aprender e por quê.
Diferença Mas, o que DIFERENCIA uma unidade didática simples, de uma unidade didática desenvolvida por projeto? A principal resposta a essa questão é: em um projeto há  uma idéia , uma possibilidade de realização, uma  meta , um querer que orienta e dá sentido às ações que se realizam com a intenção de transformar a meta (o sonho) em realidade. Num projeto há sempre um futuro que pode tornar compreensível e dar sentido a todo o esforço de busca de informações e construção de novos conhecimentos.
Conhecer e compreender  Nesse sentido, em uma unidade didática desenvolvida por projeto, todos os alunos devem conhecer e compreender qual é a idéia que está sendo posta em prática,  todos devem conhecer e compreender a meta:   fazer um livro; preparar uma campanha de esclarecimento; organizar um passeio ecológico.
Meta Esse  conhecimento inicial da meta  que dá origem ao projeto é fundamental para que os alunos possam compreender as decisões que vão sendo tomadas durante a realização do mesmo.  Durante o desenrolar do projeto, deve-se estabelecer uma cumplicidade de propósitos entre os alunos e destes com o(s) professor(es), provocando o surgimento de um  ambiente de trabalho criativo , no qual cada indivíduo pode contribuir com suas aptidões, ou estar disposto a enfrentar o esforço de aprender algo novo e que se mostrou necessário em função do próprio projeto.
Objetivos educacionais O trabalho com projetos pode dar conta de alguns objetivos educacionais com maior profundidade, em particular  o desenvolvimento da autonomia intelectual, o aprender a aprender, o desenvolvimento da organização individual e coletiva, bem como a capacidade de tomar decisões e fazer escolhas com o propósito de realizar pequenos ou grandes projetos pessoais .
Cuidados O projeto precisa estar bem definido, ou seja, alunos e professores devem ter uma idéia bem clara daquilo que se vai fazer, a meta: um objeto (livro, maquete, desenho, cartaz, escultura) ou uma ação (passeio, campanha, seminário,  show  musical). É a idéia básica do projeto (a meta, o sonho) que determina e justifica as fases do projeto. Essas fases podem envolver  estudo, pesquisa, construção, ensaio, e todas a ações que forem necessárias para a realização do projeto.
Para ser um projeto Nesse sentido, costuma-se dizer que, para ser um projeto, o desenvolvimento do trabalho na sala de aula deve ter a participação dos alunos em algumas decisões, para que eles aprendam também a analisar situações, tomar decisões e ter a experiência de pôr em prática o que foi planejado. Dizendo de outro modo: no desenvolvimento de um projeto, as decisões devem ser partilhadas entre professor e alunos. Mesmo as decisões que são tomadas previamente pelo professor devem ser explicadas e justificadas, ou seja partilhadas com os alunos, tendo como referência a realização do projeto. É sempre importante que os professores comentem com seus alunos as semelhanças e diferenças que existem entre o projeto desenvolvido na escola pelos alunos, e o mesmo tipo de projeto quando é desenvolvido em situações reais, naquilo que podemos chamar “mundo real”. 
Fontes Este texto foi retirado da apresentação da série Cardápio de Projetos do programa Salto para o Futuro, da TV Escola  http://www.tvebrasil.com.br/salto/boletins2002/cp/texto1.htm O texto original foi adaptado do texto  Gestão de projetos , presente no livro  Gestão da Escola , do Programa de Melhoria do Desempenho da Rede Municipal de Ensino de São Paulo; iniciativa da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo, em convênio com a Fundação Instituto de Administração da Universidade de São Paulo, 1999.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Pedagogia de projetos
Pedagogia de projetosPedagogia de projetos
Pedagogia de projetos
Júlia Eugênia Gonçalves
 
Pedagogia de projetos
Pedagogia de projetosPedagogia de projetos
Pedagogia de projetos
Cinara Aline
 
Aprendizagem baseada em projetos
Aprendizagem baseada em projetosAprendizagem baseada em projetos
Aprendizagem baseada em projetos
Profa Karen Borges
 
Pedagogiade projetos
Pedagogiade projetosPedagogiade projetos
Pedagogiade projetos
afermartins
 
Desenvolvimento De Projetos
Desenvolvimento De ProjetosDesenvolvimento De Projetos
Desenvolvimento De Projetos
guest0b1a25
 
Trabalhando Com Projeto
Trabalhando Com ProjetoTrabalhando Com Projeto
Trabalhando Com Projeto
guest62ad7b
 
Apresentação pp nilbo raquel nomoves
Apresentação pp nilbo raquel nomovesApresentação pp nilbo raquel nomoves
Apresentação pp nilbo raquel nomoves
Raquel Salcedo Gomes
 
Aprendizagem Por Projetos
Aprendizagem Por ProjetosAprendizagem Por Projetos
Aprendizagem Por Projetos
Auxiliadora Vasconcelos
 
ELABORAÇÃO DE PROJETOS
ELABORAÇÃO DE PROJETOSELABORAÇÃO DE PROJETOS
ELABORAÇÃO DE PROJETOS
proinfoundimeparaiba
 
Pedagogiadeprojetos Ppt
Pedagogiadeprojetos PptPedagogiadeprojetos Ppt
Pedagogiadeprojetos Ppt
roquematoso
 
Pedagogiadeprojetos Ppt
Pedagogiadeprojetos PptPedagogiadeprojetos Ppt
Pedagogiadeprojetos Ppt
roquematoso
 
2º encontro presencial
2º encontro presencial2º encontro presencial
2º encontro presencial
anamariadis
 
Aprendizagem baseada em projetos
Aprendizagem baseada em projetosAprendizagem baseada em projetos
Aprendizagem baseada em projetos
Diego Leal
 
Texto18
Texto18Texto18
Projeto didático interdisciplinar na escola indígena ororubá slideshare
Projeto didático interdisciplinar na escola indígena ororubá slideshareProjeto didático interdisciplinar na escola indígena ororubá slideshare
Projeto didático interdisciplinar na escola indígena ororubá slideshare
Tiago Maciel
 
Pedagogia de projetos
Pedagogia de projetosPedagogia de projetos
Pedagogia de projetos
cinthyamoita
 
Projetos Pedagógicos
Projetos PedagógicosProjetos Pedagógicos
Projetos Pedagógicos
Claudia Dutra
 
Projeto novatec nas escolas info ii
Projeto novatec nas escolas info iiProjeto novatec nas escolas info ii
Projeto novatec nas escolas info ii
CidaLoth
 
Abp Aprendizagem Baseada em Projetos resumo
Abp Aprendizagem Baseada em Projetos resumoAbp Aprendizagem Baseada em Projetos resumo
Abp Aprendizagem Baseada em Projetos resumo
Daniel Boppré
 

Mais procurados (19)

Pedagogia de projetos
Pedagogia de projetosPedagogia de projetos
Pedagogia de projetos
 
Pedagogia de projetos
Pedagogia de projetosPedagogia de projetos
Pedagogia de projetos
 
Aprendizagem baseada em projetos
Aprendizagem baseada em projetosAprendizagem baseada em projetos
Aprendizagem baseada em projetos
 
Pedagogiade projetos
Pedagogiade projetosPedagogiade projetos
Pedagogiade projetos
 
Desenvolvimento De Projetos
Desenvolvimento De ProjetosDesenvolvimento De Projetos
Desenvolvimento De Projetos
 
Trabalhando Com Projeto
Trabalhando Com ProjetoTrabalhando Com Projeto
Trabalhando Com Projeto
 
Apresentação pp nilbo raquel nomoves
Apresentação pp nilbo raquel nomovesApresentação pp nilbo raquel nomoves
Apresentação pp nilbo raquel nomoves
 
Aprendizagem Por Projetos
Aprendizagem Por ProjetosAprendizagem Por Projetos
Aprendizagem Por Projetos
 
ELABORAÇÃO DE PROJETOS
ELABORAÇÃO DE PROJETOSELABORAÇÃO DE PROJETOS
ELABORAÇÃO DE PROJETOS
 
Pedagogiadeprojetos Ppt
Pedagogiadeprojetos PptPedagogiadeprojetos Ppt
Pedagogiadeprojetos Ppt
 
Pedagogiadeprojetos Ppt
Pedagogiadeprojetos PptPedagogiadeprojetos Ppt
Pedagogiadeprojetos Ppt
 
2º encontro presencial
2º encontro presencial2º encontro presencial
2º encontro presencial
 
Aprendizagem baseada em projetos
Aprendizagem baseada em projetosAprendizagem baseada em projetos
Aprendizagem baseada em projetos
 
Texto18
Texto18Texto18
Texto18
 
Projeto didático interdisciplinar na escola indígena ororubá slideshare
Projeto didático interdisciplinar na escola indígena ororubá slideshareProjeto didático interdisciplinar na escola indígena ororubá slideshare
Projeto didático interdisciplinar na escola indígena ororubá slideshare
 
Pedagogia de projetos
Pedagogia de projetosPedagogia de projetos
Pedagogia de projetos
 
Projetos Pedagógicos
Projetos PedagógicosProjetos Pedagógicos
Projetos Pedagógicos
 
Projeto novatec nas escolas info ii
Projeto novatec nas escolas info iiProjeto novatec nas escolas info ii
Projeto novatec nas escolas info ii
 
Abp Aprendizagem Baseada em Projetos resumo
Abp Aprendizagem Baseada em Projetos resumoAbp Aprendizagem Baseada em Projetos resumo
Abp Aprendizagem Baseada em Projetos resumo
 

Destaque

O Que é Projeto?
 O Que é Projeto? O Que é Projeto?
O Que é Projeto?
estreladocevi
 
O que são projetos?
O que são projetos?O que são projetos?
O que são projetos?
SONIA BERTOCCHI
 
Trabalhar com projetos em sala de aula
Trabalhar com projetos em sala de aulaTrabalhar com projetos em sala de aula
Trabalhar com projetos em sala de aula
Greisomar
 
Orientações para projetos na rede municipal de ensino de Piratuba
Orientações para projetos na rede municipal de ensino de PiratubaOrientações para projetos na rede municipal de ensino de Piratuba
Orientações para projetos na rede municipal de ensino de Piratuba
Claudia Jung
 
Os projetos didáticos
Os projetos didáticosOs projetos didáticos
Os projetos didáticos
marisa liotti
 
Modelo projeto didático rose
Modelo projeto didático  roseModelo projeto didático  rose
Modelo projeto didático rose
Janete Garcia de Freitas
 
Roteiro para escrever projetos
Roteiro para escrever projetosRoteiro para escrever projetos
Palestra Motivacional Ensino Médio
Palestra Motivacional Ensino MédioPalestra Motivacional Ensino Médio
Palestra Motivacional Ensino Médio
angelavbecker
 
Apostila Completa - Elaboração de Projetos
Apostila Completa - Elaboração de ProjetosApostila Completa - Elaboração de Projetos
Apostila Completa - Elaboração de Projetos
Portal Voluntários Online
 
Motivação em sala de aula
Motivação em sala de aulaMotivação em sala de aula
Motivação em sala de aula
Roselene Rocha
 
Brincadeiras para Sala de Aula
Brincadeiras para Sala de AulaBrincadeiras para Sala de Aula
Brincadeiras para Sala de Aula
Instituto SOS Professor
 
Como Elaborar Projetos Sociais
Como Elaborar Projetos SociaisComo Elaborar Projetos Sociais
Como Elaborar Projetos Sociais
afp.leite
 

Destaque (12)

O Que é Projeto?
 O Que é Projeto? O Que é Projeto?
O Que é Projeto?
 
O que são projetos?
O que são projetos?O que são projetos?
O que são projetos?
 
Trabalhar com projetos em sala de aula
Trabalhar com projetos em sala de aulaTrabalhar com projetos em sala de aula
Trabalhar com projetos em sala de aula
 
Orientações para projetos na rede municipal de ensino de Piratuba
Orientações para projetos na rede municipal de ensino de PiratubaOrientações para projetos na rede municipal de ensino de Piratuba
Orientações para projetos na rede municipal de ensino de Piratuba
 
Os projetos didáticos
Os projetos didáticosOs projetos didáticos
Os projetos didáticos
 
Modelo projeto didático rose
Modelo projeto didático  roseModelo projeto didático  rose
Modelo projeto didático rose
 
Roteiro para escrever projetos
Roteiro para escrever projetosRoteiro para escrever projetos
Roteiro para escrever projetos
 
Palestra Motivacional Ensino Médio
Palestra Motivacional Ensino MédioPalestra Motivacional Ensino Médio
Palestra Motivacional Ensino Médio
 
Apostila Completa - Elaboração de Projetos
Apostila Completa - Elaboração de ProjetosApostila Completa - Elaboração de Projetos
Apostila Completa - Elaboração de Projetos
 
Motivação em sala de aula
Motivação em sala de aulaMotivação em sala de aula
Motivação em sala de aula
 
Brincadeiras para Sala de Aula
Brincadeiras para Sala de AulaBrincadeiras para Sala de Aula
Brincadeiras para Sala de Aula
 
Como Elaborar Projetos Sociais
Como Elaborar Projetos SociaisComo Elaborar Projetos Sociais
Como Elaborar Projetos Sociais
 

Semelhante a O que é projeto

PROJETO PEDAGOGICO
PROJETO PEDAGOGICOPROJETO PEDAGOGICO
PROJETO PEDAGOGICO
guest04f18b
 
Pedagogiade projetos
Pedagogiade projetosPedagogiade projetos
Pedagogiade projetos
afermartins
 
Pedagogia de Projetos
Pedagogia de ProjetosPedagogia de Projetos
Pedagogia de Projetos
Clezinha
 
Os projetos didáticos
Os projetos didáticosOs projetos didáticos
Os projetos didáticos
sorente
 
9. as formas de planejar do professor
9. as formas de planejar do professor9. as formas de planejar do professor
9. as formas de planejar do professor
Claudio Lima
 
Pedagogia De Projetos Curso
Pedagogia De Projetos CursoPedagogia De Projetos Curso
Pedagogia De Projetos Curso
Nadia Nair Costa Peres
 
As formas de planejar do professor
As formas de planejar do professorAs formas de planejar do professor
As formas de planejar do professor
Liz de Oliveira Mendes Francisco
 
Projetos
ProjetosProjetos
Gestão do Projeto Educativo - Pedagogia.pdf
Gestão do Projeto Educativo - Pedagogia.pdfGestão do Projeto Educativo - Pedagogia.pdf
Gestão do Projeto Educativo - Pedagogia.pdf
HELENO FAVACHO
 
Capacitação 6º ao 9ºano
Capacitação 6º ao 9ºanoCapacitação 6º ao 9ºano
Capacitação 6º ao 9ºano
assessoriapedagogica
 
Trab projetos
Trab projetosTrab projetos
Projeto (1)
Projeto (1)Projeto (1)
Projetos didáticos
Projetos didáticosProjetos didáticos
Projetos didáticos
Taty Nunes da Rocha
 
Manha.ppt
 Manha.ppt Manha.ppt
Manha.ppt
Marcia pereira
 
Projeto didático
Projeto didáticoProjeto didático
Projeto didático
Tatiana Schiavon
 
Unidade 6 projetos
Unidade 6   projetosUnidade 6   projetos
Unidade 6 projetos
Elia Rejany
 
Tics metprojetos
Tics metprojetosTics metprojetos
Tics metprojetos
Silvia Dotta
 
Planejamento e trabalho docente
Planejamento e  trabalho docentePlanejamento e  trabalho docente
Planejamento e trabalho docente
ifbauab
 
III encontro presencial
III encontro presencialIII encontro presencial
III encontro presencial
anamariadis
 
Planejamento e execução do currículo
Planejamento e execução do currículoPlanejamento e execução do currículo
Planejamento e execução do currículo
Thiago Cellin Duarte
 

Semelhante a O que é projeto (20)

PROJETO PEDAGOGICO
PROJETO PEDAGOGICOPROJETO PEDAGOGICO
PROJETO PEDAGOGICO
 
Pedagogiade projetos
Pedagogiade projetosPedagogiade projetos
Pedagogiade projetos
 
Pedagogia de Projetos
Pedagogia de ProjetosPedagogia de Projetos
Pedagogia de Projetos
 
Os projetos didáticos
Os projetos didáticosOs projetos didáticos
Os projetos didáticos
 
9. as formas de planejar do professor
9. as formas de planejar do professor9. as formas de planejar do professor
9. as formas de planejar do professor
 
Pedagogia De Projetos Curso
Pedagogia De Projetos CursoPedagogia De Projetos Curso
Pedagogia De Projetos Curso
 
As formas de planejar do professor
As formas de planejar do professorAs formas de planejar do professor
As formas de planejar do professor
 
Projetos
ProjetosProjetos
Projetos
 
Gestão do Projeto Educativo - Pedagogia.pdf
Gestão do Projeto Educativo - Pedagogia.pdfGestão do Projeto Educativo - Pedagogia.pdf
Gestão do Projeto Educativo - Pedagogia.pdf
 
Capacitação 6º ao 9ºano
Capacitação 6º ao 9ºanoCapacitação 6º ao 9ºano
Capacitação 6º ao 9ºano
 
Trab projetos
Trab projetosTrab projetos
Trab projetos
 
Projeto (1)
Projeto (1)Projeto (1)
Projeto (1)
 
Projetos didáticos
Projetos didáticosProjetos didáticos
Projetos didáticos
 
Manha.ppt
 Manha.ppt Manha.ppt
Manha.ppt
 
Projeto didático
Projeto didáticoProjeto didático
Projeto didático
 
Unidade 6 projetos
Unidade 6   projetosUnidade 6   projetos
Unidade 6 projetos
 
Tics metprojetos
Tics metprojetosTics metprojetos
Tics metprojetos
 
Planejamento e trabalho docente
Planejamento e  trabalho docentePlanejamento e  trabalho docente
Planejamento e trabalho docente
 
III encontro presencial
III encontro presencialIII encontro presencial
III encontro presencial
 
Planejamento e execução do currículo
Planejamento e execução do currículoPlanejamento e execução do currículo
Planejamento e execução do currículo
 

Mais de Teka Pitta

Como fazer um power point curso
Como fazer um power point cursoComo fazer um power point curso
Como fazer um power point curso
Teka Pitta
 
Familia
FamiliaFamilia
Familia
Teka Pitta
 
Atividade de hq
Atividade de hqAtividade de hq
Atividade de hq
Teka Pitta
 
Atividade com graficos1
Atividade com graficos1Atividade com graficos1
Atividade com graficos1
Teka Pitta
 
Como fazer um power point curso
Como fazer um power point cursoComo fazer um power point curso
Como fazer um power point curso
Teka Pitta
 
Atividades com bilhete1
Atividades com bilhete1Atividades com bilhete1
Atividades com bilhete1
Teka Pitta
 
Texto interpretação 2 ano
Texto interpretação 2 anoTexto interpretação 2 ano
Texto interpretação 2 ano
Teka Pitta
 
1º encontro - 2011 positivo
1º encontro -  2011 positivo1º encontro -  2011 positivo
1º encontro - 2011 positivo
Teka Pitta
 
Reconhecimento letra inicial
Reconhecimento letra inicialReconhecimento letra inicial
Reconhecimento letra inicial
Teka Pitta
 
A escola também é sua
A escola também é suaA escola também é sua
A escola também é sua
Teka Pitta
 
7 encontro
7 encontro7 encontro
7 encontro
Teka Pitta
 
6o. Encontro
6o. Encontro6o. Encontro
6o. Encontro
Teka Pitta
 
Projetomagali
ProjetomagaliProjetomagali
Projetomagali
Teka Pitta
 
Projetoluciene
ProjetolucieneProjetoluciene
Projetoluciene
Teka Pitta
 
5º encontro
5º encontro5º encontro
5º encontro
Teka Pitta
 
5 encontro[1]
5 encontro[1]5 encontro[1]
5 encontro[1]
Teka Pitta
 
Reunião 3 de setembro
Reunião 3 de setembroReunião 3 de setembro
Reunião 3 de setembro
Teka Pitta
 
3encontrob
3encontrob3encontrob
3encontrob
Teka Pitta
 

Mais de Teka Pitta (20)

Como fazer um power point curso
Como fazer um power point cursoComo fazer um power point curso
Como fazer um power point curso
 
Familia
FamiliaFamilia
Familia
 
Atividade de hq
Atividade de hqAtividade de hq
Atividade de hq
 
Atividade com graficos1
Atividade com graficos1Atividade com graficos1
Atividade com graficos1
 
Como fazer um power point curso
Como fazer um power point cursoComo fazer um power point curso
Como fazer um power point curso
 
Atividades com bilhete1
Atividades com bilhete1Atividades com bilhete1
Atividades com bilhete1
 
Texto interpretação 2 ano
Texto interpretação 2 anoTexto interpretação 2 ano
Texto interpretação 2 ano
 
1º encontro - 2011 positivo
1º encontro -  2011 positivo1º encontro -  2011 positivo
1º encontro - 2011 positivo
 
Reconhecimento letra inicial
Reconhecimento letra inicialReconhecimento letra inicial
Reconhecimento letra inicial
 
A escola também é sua
A escola também é suaA escola também é sua
A escola também é sua
 
7 encontro
7 encontro7 encontro
7 encontro
 
6o. Encontro
6o. Encontro6o. Encontro
6o. Encontro
 
Projetosuzy
ProjetosuzyProjetosuzy
Projetosuzy
 
Projetomagali
ProjetomagaliProjetomagali
Projetomagali
 
Projetoluciene
ProjetolucieneProjetoluciene
Projetoluciene
 
Projetojoelma
ProjetojoelmaProjetojoelma
Projetojoelma
 
5º encontro
5º encontro5º encontro
5º encontro
 
5 encontro[1]
5 encontro[1]5 encontro[1]
5 encontro[1]
 
Reunião 3 de setembro
Reunião 3 de setembroReunião 3 de setembro
Reunião 3 de setembro
 
3encontrob
3encontrob3encontrob
3encontrob
 

Último

Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
antonio carlos
 
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p..._jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
marcos oliveira
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Falcão Brasil
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
jetroescola
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
marcos oliveira
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
AngelicaCostaMeirele2
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 

Último (20)

Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
 
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p..._jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 

O que é projeto

  • 1. Trabalhar com projetos Mas, afinal, o que é “projeto”? Fonte: Cardápio de Projetos do Programa Salto para o Futuro
  • 2. Entendendo a ideia de projeto A palavra projeto tem sido muito utilizada em várias áreas de atuação profissional. Nas escolas, falar em projeto pedagógico já se tornou moda há algum tempo. Mas, afinal, o que é um projeto?
  • 3. Qual das afirmações a seguir você acha mais correta? Projeto é intenção, pretensão, sonho: “Meu projeto é comprar uma casa” . Projeto é doutrina, filosofia, diretriz: “Meu projeto de país é muito diferente” . Projeto é idéia ou concepção de produto ou serviço: “Estes dois carros são projetos muito semelhantes” . Projeto é esboço ou proposta: “Todos têm o direito de apresentar um projeto de lei ao Congresso”. Projeto é desenho para orientar construção: “Já aprovei e pedi ao arquiteto que detalhasse o projeto”.
  • 4. … Projeto é empreendimento com investimento: “A Prefeitura vai construir novo projeto habitacional” . Projeto é atividade organizada com o objetivo de resolver um problema: “Precisamos iniciar o projeto de desenvolvimento de um novo motor, menos poluente”. Projeto é um tipo de organização temporária, criada para realizar uma atividade finita: “Aquele pessoal é a equipe do projeto do novo motor”.
  • 5. Acertou! Todas as definições são corretas e abrangem significados do termo projeto. Neste texto, interessam os dois últimos, que definem projeto do ponto de vista do gerenciamento e administração. Projeto é atividade organizada, que tem por objetivo resolver um problema.
  • 6. Projetos são diferentes de atividades funcionais. Atividades funcionais são regulares (repetem-se sempre do mesmo modo, com pequenas variações) e são também “intermináveis”, ou seja, não têm perspectiva de serem finalizadas. Já os projetos têm as seguintes características: Objetivo definido em função de um problema, cuja solução é o critério para definir seu grau de sucesso. Em geral, são realizados em função de uma necessidade específica, um problema. São finitos: têm começo e término programados. Solucionado o problema, o projeto termina. São “irregulares”, ou seja, fogem da rotina.
  • 7. Os projetos no espaço escolar Em uma escola, os projetos podem ser utilizados em vários aspectos diferentes do trabalho. Pode-se desenvolver projetos em trabalhos da administração escolar, em ações de apoio ao trabalho pedagógico e em outros aspectos do funcionamento escolar que não envolvem o ensino diretamente. Já os projetos didáticos têm por meta principal o ensino de alguns conteúdos predeterminados e neles a participação dos alunos é, evidentemente, indispensável.
  • 8. Características dos projetos didáticos Quando os educadores planejam uma unidade didática, pensando em como os conteúdos podem ser trabalhados com os alunos, as propostas de ensino podem ser organizadas de duas formas básicas: 1.  Uma unidade didática simples, ou 2. Uma unidade didática organizada como projeto. Uma unidade didática é “um conjunto ordenado de atividades, estruturadas e articuladas para a consecução de um objetivo educativo em relação a um conteúdo concreto.” (Ver Construtivismo na Sala de Aula , Cesar Coll e outros, editora Ática, 1996, capítulo 6: Os enfoques didáticos ).
  • 9. O planejamento da unidade didática deve conter sempre Uma definição clara dos conteúdos a serem ensinados e seus respectivos objetivos educativos, isto é, o enfoque e a profundidade com que o processo de aprendizagem deve ocorrer. (Um objetivo em educação é sempre um processo de crescimento pessoal que se pretende proporcionar ao aluno por meio do ensino.) Uma seqüência ordenada de atividades que serão propostas aos alunos com o propósito de atingir os objetivos relacionados acima. Uma avaliação permanente das propostas de ensino e dos processos de aprendizagem que ocorrem durante todo o desenvolvimento da unidade. Tanto na unidade didática simples, quanto nos projetos, o educador deve sempre considerar algumas preocupações relacionadas à concepção construtivista de aprendizagem escolar (Ver Construtivismo na Sala de Aula , Cesar Coll e outros, editora Ática, 1996, capítulo 1: Os professores e a concepção construtivista), tais como:
  • 10. … Para agir, o professor deve considerar o estado inicial de seus estudantes , a partir do qual ele construirá situações de ensino com o propósito de desencadear nos alunos um processo cognitivo e afetivo que envolva os conteúdos escolhidos, de modo a provocar aprendizagens significativas relacionadas a esses conteúdos. O estado inicial dos alunos é definido pelos conhecimentos anteriores que eles possuem sobre os conteúdos envolvidos em cada proposta de ensino. Conhecimentos esses que serão a base a partir da qual os alunos poderão fazer relações e construir significados para aquilo que estão aprendendo.
  • 11. … Para que haja desenvolvimento integral do cidadão, é preciso que os alunos aprendam também o que é aprender . Esta preocupação deve se refletir na prática pedagógica através de aprendizagens que permitam realizar reflexões de natureza metacognitiva, isto é, aquelas que tratam de explicar o que se está fazendo para aprender e por quê.
  • 12. Diferença Mas, o que DIFERENCIA uma unidade didática simples, de uma unidade didática desenvolvida por projeto? A principal resposta a essa questão é: em um projeto há uma idéia , uma possibilidade de realização, uma meta , um querer que orienta e dá sentido às ações que se realizam com a intenção de transformar a meta (o sonho) em realidade. Num projeto há sempre um futuro que pode tornar compreensível e dar sentido a todo o esforço de busca de informações e construção de novos conhecimentos.
  • 13. Conhecer e compreender Nesse sentido, em uma unidade didática desenvolvida por projeto, todos os alunos devem conhecer e compreender qual é a idéia que está sendo posta em prática, todos devem conhecer e compreender a meta: fazer um livro; preparar uma campanha de esclarecimento; organizar um passeio ecológico.
  • 14. Meta Esse conhecimento inicial da meta que dá origem ao projeto é fundamental para que os alunos possam compreender as decisões que vão sendo tomadas durante a realização do mesmo. Durante o desenrolar do projeto, deve-se estabelecer uma cumplicidade de propósitos entre os alunos e destes com o(s) professor(es), provocando o surgimento de um ambiente de trabalho criativo , no qual cada indivíduo pode contribuir com suas aptidões, ou estar disposto a enfrentar o esforço de aprender algo novo e que se mostrou necessário em função do próprio projeto.
  • 15. Objetivos educacionais O trabalho com projetos pode dar conta de alguns objetivos educacionais com maior profundidade, em particular o desenvolvimento da autonomia intelectual, o aprender a aprender, o desenvolvimento da organização individual e coletiva, bem como a capacidade de tomar decisões e fazer escolhas com o propósito de realizar pequenos ou grandes projetos pessoais .
  • 16. Cuidados O projeto precisa estar bem definido, ou seja, alunos e professores devem ter uma idéia bem clara daquilo que se vai fazer, a meta: um objeto (livro, maquete, desenho, cartaz, escultura) ou uma ação (passeio, campanha, seminário, show musical). É a idéia básica do projeto (a meta, o sonho) que determina e justifica as fases do projeto. Essas fases podem envolver estudo, pesquisa, construção, ensaio, e todas a ações que forem necessárias para a realização do projeto.
  • 17. Para ser um projeto Nesse sentido, costuma-se dizer que, para ser um projeto, o desenvolvimento do trabalho na sala de aula deve ter a participação dos alunos em algumas decisões, para que eles aprendam também a analisar situações, tomar decisões e ter a experiência de pôr em prática o que foi planejado. Dizendo de outro modo: no desenvolvimento de um projeto, as decisões devem ser partilhadas entre professor e alunos. Mesmo as decisões que são tomadas previamente pelo professor devem ser explicadas e justificadas, ou seja partilhadas com os alunos, tendo como referência a realização do projeto. É sempre importante que os professores comentem com seus alunos as semelhanças e diferenças que existem entre o projeto desenvolvido na escola pelos alunos, e o mesmo tipo de projeto quando é desenvolvido em situações reais, naquilo que podemos chamar “mundo real”. 
  • 18. Fontes Este texto foi retirado da apresentação da série Cardápio de Projetos do programa Salto para o Futuro, da TV Escola http://www.tvebrasil.com.br/salto/boletins2002/cp/texto1.htm O texto original foi adaptado do texto Gestão de projetos , presente no livro Gestão da Escola , do Programa de Melhoria do Desempenho da Rede Municipal de Ensino de São Paulo; iniciativa da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo, em convênio com a Fundação Instituto de Administração da Universidade de São Paulo, 1999.