SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 44
Componentes do Grupo: 
Alana Almeida - 13/0099376 
Eduardo Nepomuceno – 13/0059609 
Luísa Doca – 12/0127075
Família do Carbono 
C, Si, Ge, Sn e Pb
Grupo 14, Família 4A
Introdução 
 CARBONO 
 SILÍCIO 
 GERMÂNIO 
 ESTANHO 
 CHUMBO
CARBONO
Principais Propriedades 
 Símbolo: C 
 Grupo: Ametal 
 Número atômico: 06 
 Massa Atômica: 12,011 
 Ponto de fusão e ebulição: Dependerá da forma alotrópica 
 Densidade: Dependerá da forma alotrópica 
 Estados de oxidação: -2, +2, +4 
 Configuração eletrônica: 1s2 2s2 2p2
Estados Alotrópicos 
Diamante x Grafite Fulereno - C60 Nanotubos Nanoespumas
Aplicações 
Gás Natural 
Petróleo 
Carvão
Hidrocarbonetos 
 Radicais Livres derivados de Hidrocarbonetos
Isótopos 
 O carbono-14 é um radioisótopo com uma meia-vida de 5715 anos que se 
emprega de forma extensiva na datação de materiais orgânicos.
Óxidos de Carbono 
 Monóxido de Carbono (CO) 
 Dióxido de Carbono (CO2)
Impacto Ambiental 
Efeito Estufa, Ciclo do Carbono
Efeito Estufa 

Ciclo do Carbono
SILÍCIO
Principais Propriedades 
 Símbolo: Si 
 Número atômico: 14 
 Grupo: Metaloides 
 Massa Atômica: 28,086 
 Estado: Sólido a 25°C (298K) 
 Ponto de fusão: 1.414º C (1687 K) e Ponto de ebulição: 2.900º C (3173 K) 
 Densidade: 2,33 g/cm3 
 Estados de oxidação: +4 
 Configuração eletrônica: 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6
Ametista, 
variedade cristalina do quartzo 
Cristobalita 
Tridimita 
Asbestos/ 
Amianto
Aplicações 
Transistores para chips 
Células solares 
Ligas de aços, latões e bronzes 
Tijolos 
Silicones
Obtenção do Silício 
 Sílica de alta pureza em fornos de arco elétrico 
SiO2 (s)+ C(s) Si (l) + CO2 (g) 
 Triclorosilano (HSiCl3), o Tetracloreto de silício (SiCl4) e o Silnao (SiH4)
Precauções 
Afeta principalmente os mineiros
GERMÂNIO 
Pedaço de 12 gramas de germânio policristalino.
Principais Propriedade 
 Símbolo: Ge 
 Número atômico: 32 
 Grupo: Metaloides 
 Massa Atômica: 72.61 
 Estado: Sólido a 25°C (298K) 
 Ponto de fusão: 938.3°C (1211.4K)e Ponto de ebulição: 2820°C (3093K) 
 Densidade: 5.323 g /cm3 
 Estados de oxidação: +4 
 Configuração eletrônica: [Ar] 3d10 4s2 4p2
Aplicações 
Amplificadores de guitarras elétricas 
Radares 
Espectroscópios
Obtenção de Germânio 
 Os únicos minerais rentáveis para a extração do germânio são 
a germanita (69% de germânio) e ranierita (7-8% do elemento). 
 A forma mais comum de obtenção de germânio metálico é através da 
extração via fusão fracionada ou pela remoção de via cloreto (GeCl4) 
GeCl4 + 2H2O GeO2 + 4HCl (hidrólise)
Propriedades Químicas 
-2),Dióxido de germânio (GeO2) e Monóxido de germânio (GeO) 
Germanatos (GeO3
Impactos Ambientais
ESTANHO
Principais Propriedades 
 Símbolo: Sn 
 Grupo: Metal 
 Número atômico: 50 
 Massa Atômica: 118,7 
 Ponto de fusão : 232,65 °C (505,8 K) e de ebulição: 2.601,85 °C(2875 K) 
 Estado: Sólido a 25°C 
 Densidade: 7310 kg/m³ 
 Estados de oxidação: -4, +2, +4 
 Configuração eletrônica: [Kr] 4d10 5s² 5p²
Alótropos 
 Estanho alfa ou forma “cinzenta”: estrutura cristalina cúbica, como Si 
ou Ge, em baixas temperaturas. 
 Estanho beta ou forma “branca”: estrutura cristalina tetragonal, 
quando aquecido acima de 13,2 °C.
Propriedades Químicas 
 SnO (monóxido de estanho) é anfótero como SnO2 (dióxido de estanho). 
 Não possui uma série estável de hidretos, só tetrahidertos (SnH4 ). 
 O íon estanoso( Sn2+ )é um ácido moderadamente forte, e também 
apresenta tendência de formar complexos com ânions. Por exemplo, na 
presença de íons cloreto, se formam complexos SnCl+, SnCl, SnCl- e 
2 3 
SnCl4 
2- . 
 O dióxido de estanho, SnO2 dissolve-se em base para formar íon titanatos, 
Sn(OH)6 
-2 , e em ácidos halogenídricos formando complexos do tipo SnCl6 
-2
Aplicações 
Folhas de Flandres 
Ligas de estanho 
Cloreto de estanho
Obtenção 
 Minério: O principal minério do estanho é a cassiterita (óxido de estanho) 
(SnO2), 
 Metal: Sn – extração do estanho metal a partir da redução do 
óxido de estanho (mineral) com o C ou CO. 
 SnO2 (s) + C (s) Sn (l) + CO2 (g) 
 SnO2 (s) + 2CO (g) Sn (l) + 2CO2 (g)
Precauções
CHUMBO
Principais Propriedades 
 Símbolo: Pb 
 Grupo: Metal 
 Número atômico: 82 
 Massa Atômica: 201,2 
 Ponto de fusão : 327,46 °C (600,61K) e ebulição: 1748,85 °C(2022 K) 
 Estado: Sólido a 25°C 
 Densidade: 11340 kg/m³ 
 Estados de oxidação: +2, +4 
 Configuração eletrônica: [Xe] 4f14 5d10 6s2 6p2
Propriedades Químicas 
 O monóxido de chumbo (PbO) é anfótero, já o dióxido de chumbo 
(PbO2)é bom oxidante, mas suas propriedades ácido-base não são bem 
conhecidas. 
 Quando o Pb 2+ é tratado com álcalis, precipita primeiro o Pb(OH)2, que 
depois se dissolve no excesso no excesso da base, formando Pb(OH)3 
-3. 
 Pb+2 também forma complexos com íons haletos (PbX2), são 
moderadamente insolúveis, porém dissolvem-se na presença de excesso 
de íons haleto para formar complexos como PbCl- e PbI- . 
3 
3
Aplicações 
Bateria de chumbo- ácida 
Ligas metálicas de chumbo 
Silicatos de chumbo para a 
fabricação de vidros 
Nitreto de chumbo, Pb(N3)2
Obtenção de Chumbo 
Minérios: 
Galena 
Cerusita Anglesita 
 Metal: Pb - É obtido a partir da transformação do mineral em óxidos 
através de “ustulação oxidante” e a redução com o CO ou C. 
 PbS (s) + 3/2 O2 (g) → PbO (s) + SO2 (g) (etapa 1) 
 PbO (s)+ CO (g) → Pb (l) + CO2 (g) (etapa 2)
Precauções 
 Perturbação da biossíntese da hemoglobina e anemia; 
 Aumento da pressão sanguínea; 
 Danos aos rins; 
 Abortos; 
 Alterações no sistema nervoso; 
 Danos ao cérebro; 
 Diminuição da fertilidade do homem através de danos ao esperma; 
 Diminuição da aprendizagem em crianças; 
 Modificações no comportamento das crianças, como agressão, 
impulsividade e hipersensibilidade.
Impactos Ambientais
Bibliografia: 
 http://www.infoescola.com/elementos-quimicos/silicio/ 
 http://www.brasilescola.com/quimica/silicio.htm 
 http://www.artigonal.com/quimica-artigos/estudo-das-propriedades-da-familia-do-carbono- 
1006516.html 
 http://www.ebah.com.br/content/ABAAABasYAA/relatorio-experimental-grupo-carbono 
 http://pt.wikipedia.org/wiki/Carbono 
 http://pt.slideshare.net/gpsfxy/germnio 
 http://web.ccead.puc-rio.br/condigital/mvsl/Sala%20de%20Leitura/conteudos/SL_os_metais.pdf 
 http://www.ebah.com.br/content/ABAAAA2iIAE/trabalho-sobre-estanho

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

8 oxidacao reducao
8  oxidacao reducao8  oxidacao reducao
8 oxidacao reducao
 
Titanio Eng. metalurgica e de materiais UENF
Titanio Eng. metalurgica e de materiais UENFTitanio Eng. metalurgica e de materiais UENF
Titanio Eng. metalurgica e de materiais UENF
 
Síntese do sulfato de tetra-aminocobre (II) mono-hidratado
Síntese do sulfato de tetra-aminocobre (II) mono-hidratadoSíntese do sulfato de tetra-aminocobre (II) mono-hidratado
Síntese do sulfato de tetra-aminocobre (II) mono-hidratado
 
Eletroquimica
EletroquimicaEletroquimica
Eletroquimica
 
2 minerais
2  minerais2  minerais
2 minerais
 
Processo de obtenção de aço e ferro fundido
Processo de obtenção de aço e ferro fundidoProcesso de obtenção de aço e ferro fundido
Processo de obtenção de aço e ferro fundido
 
Compostos de coordenação
Compostos de coordenaçãoCompostos de coordenação
Compostos de coordenação
 
Aluminio
Aluminio Aluminio
Aluminio
 
Simetria molecular e grupo de ponto[1]
Simetria molecular e grupo de ponto[1]Simetria molecular e grupo de ponto[1]
Simetria molecular e grupo de ponto[1]
 
Tabela periódica
Tabela periódicaTabela periódica
Tabela periódica
 
Halogênios
HalogêniosHalogênios
Halogênios
 
Complexos aula 1 (1)
Complexos aula 1 (1)Complexos aula 1 (1)
Complexos aula 1 (1)
 
Síntese do trioxalatocromato (iii) de potássio
Síntese do trioxalatocromato (iii) de potássioSíntese do trioxalatocromato (iii) de potássio
Síntese do trioxalatocromato (iii) de potássio
 
Aula 4 ferro
Aula 4   ferroAula 4   ferro
Aula 4 ferro
 
Eletroquímica
EletroquímicaEletroquímica
Eletroquímica
 
Aula sobre tcc estágio a docência mestrado
Aula sobre tcc estágio a docência mestradoAula sobre tcc estágio a docência mestrado
Aula sobre tcc estágio a docência mestrado
 
AçO
AçOAçO
AçO
 
Materiais metálicos
Materiais metálicosMateriais metálicos
Materiais metálicos
 
Reaçoes quimicas
Reaçoes quimicasReaçoes quimicas
Reaçoes quimicas
 
Óxidos
Óxidos Óxidos
Óxidos
 

Destaque

CARACTERISTICAS DO CARBONO
CARACTERISTICAS DO CARBONOCARACTERISTICAS DO CARBONO
CARACTERISTICAS DO CARBONOMarcos França
 
Compostos carbono
Compostos carbonoCompostos carbono
Compostos carbonocbarroso
 
Germânio_Elemento Químico
Germânio_Elemento QuímicoGermânio_Elemento Químico
Germânio_Elemento QuímicoSabrina Medeiros
 
Química Inorgânica - Estudo da família do Nitrogênio e Calcogênios
Química Inorgânica - Estudo da família do Nitrogênio e CalcogêniosQuímica Inorgânica - Estudo da família do Nitrogênio e Calcogênios
Química Inorgânica - Estudo da família do Nitrogênio e CalcogêniosLucas Valente
 
www.CentroApoio.com - Vídeo Aulas - Quimica - Exercícios Resolvidos - Proprie...
www.CentroApoio.com - Vídeo Aulas - Quimica - Exercícios Resolvidos - Proprie...www.CentroApoio.com - Vídeo Aulas - Quimica - Exercícios Resolvidos - Proprie...
www.CentroApoio.com - Vídeo Aulas - Quimica - Exercícios Resolvidos - Proprie...Vídeo Aulas Apoio
 
Sandrogreco Aula 3 Estrutura EletrôNica E Tabela PerióDica Quim. Geral
Sandrogreco Aula 3   Estrutura EletrôNica E Tabela PerióDica   Quim. GeralSandrogreco Aula 3   Estrutura EletrôNica E Tabela PerióDica   Quim. Geral
Sandrogreco Aula 3 Estrutura EletrôNica E Tabela PerióDica Quim. GeralProfª Cristiana Passinato
 
BioGeo11-consolidacao magmas
BioGeo11-consolidacao magmasBioGeo11-consolidacao magmas
BioGeo11-consolidacao magmasRita Rainho
 
9 nov presentación ciencias
9 nov presentación ciencias9 nov presentación ciencias
9 nov presentación cienciasAna Robles
 
Calcogênios blog
Calcogênios blogCalcogênios blog
Calcogênios blogmazinha4
 
Familias da Tabela Periódica
Familias da Tabela PeriódicaFamilias da Tabela Periódica
Familias da Tabela PeriódicaTabela Periódica
 
A evolução da tabela periódica
A evolução da tabela periódicaA evolução da tabela periódica
A evolução da tabela periódicaBeatrizMarques25
 

Destaque (20)

CARACTERISTICAS DO CARBONO
CARACTERISTICAS DO CARBONOCARACTERISTICAS DO CARBONO
CARACTERISTICAS DO CARBONO
 
Calcogênios família 6 a - química
Calcogênios   família 6 a - químicaCalcogênios   família 6 a - química
Calcogênios família 6 a - química
 
Compostos carbono
Compostos carbonoCompostos carbono
Compostos carbono
 
Germânio_Elemento Químico
Germânio_Elemento QuímicoGermânio_Elemento Químico
Germânio_Elemento Químico
 
Química Inorgânica - Estudo da família do Nitrogênio e Calcogênios
Química Inorgânica - Estudo da família do Nitrogênio e CalcogêniosQuímica Inorgânica - Estudo da família do Nitrogênio e Calcogênios
Química Inorgânica - Estudo da família do Nitrogênio e Calcogênios
 
www.CentroApoio.com - Vídeo Aulas - Quimica - Exercícios Resolvidos - Proprie...
www.CentroApoio.com - Vídeo Aulas - Quimica - Exercícios Resolvidos - Proprie...www.CentroApoio.com - Vídeo Aulas - Quimica - Exercícios Resolvidos - Proprie...
www.CentroApoio.com - Vídeo Aulas - Quimica - Exercícios Resolvidos - Proprie...
 
Sandrogreco Aula 3 Estrutura EletrôNica E Tabela PerióDica Quim. Geral
Sandrogreco Aula 3   Estrutura EletrôNica E Tabela PerióDica   Quim. GeralSandrogreco Aula 3   Estrutura EletrôNica E Tabela PerióDica   Quim. Geral
Sandrogreco Aula 3 Estrutura EletrôNica E Tabela PerióDica Quim. Geral
 
Introdução a Quimica orgânica
Introdução a Quimica orgânicaIntrodução a Quimica orgânica
Introdução a Quimica orgânica
 
Aula1
Aula1Aula1
Aula1
 
Mapa exposicao silica_brasil
Mapa exposicao silica_brasilMapa exposicao silica_brasil
Mapa exposicao silica_brasil
 
Rênio e boro 1
Rênio e boro 1Rênio e boro 1
Rênio e boro 1
 
Nanotecnologia do carbono
Nanotecnologia do carbonoNanotecnologia do carbono
Nanotecnologia do carbono
 
BioGeo11-consolidacao magmas
BioGeo11-consolidacao magmasBioGeo11-consolidacao magmas
BioGeo11-consolidacao magmas
 
9 nov presentación ciencias
9 nov presentación ciencias9 nov presentación ciencias
9 nov presentación ciencias
 
Calcogênios blog
Calcogênios blogCalcogênios blog
Calcogênios blog
 
Familias da Tabela Periódica
Familias da Tabela PeriódicaFamilias da Tabela Periódica
Familias da Tabela Periódica
 
A evolução da tabela periódica
A evolução da tabela periódicaA evolução da tabela periódica
A evolução da tabela periódica
 
Familia 5 a
Familia 5 aFamilia 5 a
Familia 5 a
 
fullerenos
 fullerenos fullerenos
fullerenos
 
Tabela Periódica
Tabela PeriódicaTabela Periódica
Tabela Periódica
 

Semelhante a Família do Carbono (4A ou 14)

Trabalho de inorgânica power pont 97 a 2003
Trabalho de inorgânica power pont 97 a 2003Trabalho de inorgânica power pont 97 a 2003
Trabalho de inorgânica power pont 97 a 2003edenilson m meneguel
 
Familia d..
Familia d..Familia d..
Familia d..AConsula
 
APOSTILA DE QUÍMICA INORGÂNICA
APOSTILA DE QUÍMICA INORGÂNICAAPOSTILA DE QUÍMICA INORGÂNICA
APOSTILA DE QUÍMICA INORGÂNICAprimaquim
 
ELEMENTOS DO BLOCO 13.pptx.................mmmmmm...m
ELEMENTOS DO BLOCO 13.pptx.................mmmmmm...mELEMENTOS DO BLOCO 13.pptx.................mmmmmm...m
ELEMENTOS DO BLOCO 13.pptx.................mmmmmm...m202210082
 
Relatório práticas inorgânicas
Relatório práticas inorgânicas Relatório práticas inorgânicas
Relatório práticas inorgânicas Kleber Moreira
 
82216475-Grupo-2-Os-Metais-Alcalinos-Terrosos.ppt
82216475-Grupo-2-Os-Metais-Alcalinos-Terrosos.ppt82216475-Grupo-2-Os-Metais-Alcalinos-Terrosos.ppt
82216475-Grupo-2-Os-Metais-Alcalinos-Terrosos.pptAndré Luis Della Volpe
 
Aula 9 - Metais - Aluminotermia. Conceitos e Definição
Aula 9 - Metais - Aluminotermia. Conceitos e DefiniçãoAula 9 - Metais - Aluminotermia. Conceitos e Definição
Aula 9 - Metais - Aluminotermia. Conceitos e Definiçãorodrigoedhilberto
 
Eletroquimica - aula de pilhas e baterias
Eletroquimica - aula de pilhas e bateriasEletroquimica - aula de pilhas e baterias
Eletroquimica - aula de pilhas e bateriasCamila Ortulan
 
Exerc n3-1ºs-1-elementos químicos
Exerc n3-1ºs-1-elementos químicosExerc n3-1ºs-1-elementos químicos
Exerc n3-1ºs-1-elementos químicosRenata Martins
 

Semelhante a Família do Carbono (4A ou 14) (20)

Trabalho de inorgânica power pont 97 a 2003
Trabalho de inorgânica power pont 97 a 2003Trabalho de inorgânica power pont 97 a 2003
Trabalho de inorgânica power pont 97 a 2003
 
Quimica descritiva
Quimica descritivaQuimica descritiva
Quimica descritiva
 
Familia d..
Familia d..Familia d..
Familia d..
 
APOSTILA DE QUÍMICA INORGÂNICA
APOSTILA DE QUÍMICA INORGÂNICAAPOSTILA DE QUÍMICA INORGÂNICA
APOSTILA DE QUÍMICA INORGÂNICA
 
Aula cations e anions via umida
Aula cations e anions via umidaAula cations e anions via umida
Aula cations e anions via umida
 
ELEMENTOS DO BLOCO 13.pptx.................mmmmmm...m
ELEMENTOS DO BLOCO 13.pptx.................mmmmmm...mELEMENTOS DO BLOCO 13.pptx.................mmmmmm...m
ELEMENTOS DO BLOCO 13.pptx.................mmmmmm...m
 
Resumo sal oxidos
Resumo sal oxidosResumo sal oxidos
Resumo sal oxidos
 
Relatório práticas inorgânicas
Relatório práticas inorgânicas Relatório práticas inorgânicas
Relatório práticas inorgânicas
 
82216475-Grupo-2-Os-Metais-Alcalinos-Terrosos.ppt
82216475-Grupo-2-Os-Metais-Alcalinos-Terrosos.ppt82216475-Grupo-2-Os-Metais-Alcalinos-Terrosos.ppt
82216475-Grupo-2-Os-Metais-Alcalinos-Terrosos.ppt
 
Aula 9 - Metais - Aluminotermia. Conceitos e Definição
Aula 9 - Metais - Aluminotermia. Conceitos e DefiniçãoAula 9 - Metais - Aluminotermia. Conceitos e Definição
Aula 9 - Metais - Aluminotermia. Conceitos e Definição
 
íNdice
íNdiceíNdice
íNdice
 
Eletroquimica - aula de pilhas e baterias
Eletroquimica - aula de pilhas e bateriasEletroquimica - aula de pilhas e baterias
Eletroquimica - aula de pilhas e baterias
 
Exerc n3-1ºs-1-elementos químicos
Exerc n3-1ºs-1-elementos químicosExerc n3-1ºs-1-elementos químicos
Exerc n3-1ºs-1-elementos químicos
 
3 FunçòEs Inorganicas
3 FunçòEs Inorganicas3 FunçòEs Inorganicas
3 FunçòEs Inorganicas
 
Aula cations e anions via umida
Aula cations e anions via umidaAula cations e anions via umida
Aula cations e anions via umida
 
Germânio
GermânioGermânio
Germânio
 
óXidos
óXidosóXidos
óXidos
 
Aula sobre óxidos
Aula sobre óxidosAula sobre óxidos
Aula sobre óxidos
 
Aula sobre óxidos
Aula sobre óxidosAula sobre óxidos
Aula sobre óxidos
 
Aula sobre óxidos
Aula sobre óxidosAula sobre óxidos
Aula sobre óxidos
 

Família do Carbono (4A ou 14)

  • 1. Componentes do Grupo: Alana Almeida - 13/0099376 Eduardo Nepomuceno – 13/0059609 Luísa Doca – 12/0127075
  • 2. Família do Carbono C, Si, Ge, Sn e Pb
  • 4. Introdução  CARBONO  SILÍCIO  GERMÂNIO  ESTANHO  CHUMBO
  • 6. Principais Propriedades  Símbolo: C  Grupo: Ametal  Número atômico: 06  Massa Atômica: 12,011  Ponto de fusão e ebulição: Dependerá da forma alotrópica  Densidade: Dependerá da forma alotrópica  Estados de oxidação: -2, +2, +4  Configuração eletrônica: 1s2 2s2 2p2
  • 7. Estados Alotrópicos Diamante x Grafite Fulereno - C60 Nanotubos Nanoespumas
  • 8.
  • 9. Aplicações Gás Natural Petróleo Carvão
  • 10. Hidrocarbonetos  Radicais Livres derivados de Hidrocarbonetos
  • 11. Isótopos  O carbono-14 é um radioisótopo com uma meia-vida de 5715 anos que se emprega de forma extensiva na datação de materiais orgânicos.
  • 12. Óxidos de Carbono  Monóxido de Carbono (CO)  Dióxido de Carbono (CO2)
  • 13. Impacto Ambiental Efeito Estufa, Ciclo do Carbono
  • 15.
  • 18. Principais Propriedades  Símbolo: Si  Número atômico: 14  Grupo: Metaloides  Massa Atômica: 28,086  Estado: Sólido a 25°C (298K)  Ponto de fusão: 1.414º C (1687 K) e Ponto de ebulição: 2.900º C (3173 K)  Densidade: 2,33 g/cm3  Estados de oxidação: +4  Configuração eletrônica: 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6
  • 19. Ametista, variedade cristalina do quartzo Cristobalita Tridimita Asbestos/ Amianto
  • 20. Aplicações Transistores para chips Células solares Ligas de aços, latões e bronzes Tijolos Silicones
  • 21. Obtenção do Silício  Sílica de alta pureza em fornos de arco elétrico SiO2 (s)+ C(s) Si (l) + CO2 (g)  Triclorosilano (HSiCl3), o Tetracloreto de silício (SiCl4) e o Silnao (SiH4)
  • 23. GERMÂNIO Pedaço de 12 gramas de germânio policristalino.
  • 24. Principais Propriedade  Símbolo: Ge  Número atômico: 32  Grupo: Metaloides  Massa Atômica: 72.61  Estado: Sólido a 25°C (298K)  Ponto de fusão: 938.3°C (1211.4K)e Ponto de ebulição: 2820°C (3093K)  Densidade: 5.323 g /cm3  Estados de oxidação: +4  Configuração eletrônica: [Ar] 3d10 4s2 4p2
  • 25. Aplicações Amplificadores de guitarras elétricas Radares Espectroscópios
  • 26. Obtenção de Germânio  Os únicos minerais rentáveis para a extração do germânio são a germanita (69% de germânio) e ranierita (7-8% do elemento).  A forma mais comum de obtenção de germânio metálico é através da extração via fusão fracionada ou pela remoção de via cloreto (GeCl4) GeCl4 + 2H2O GeO2 + 4HCl (hidrólise)
  • 27. Propriedades Químicas -2),Dióxido de germânio (GeO2) e Monóxido de germânio (GeO) Germanatos (GeO3
  • 30. Principais Propriedades  Símbolo: Sn  Grupo: Metal  Número atômico: 50  Massa Atômica: 118,7  Ponto de fusão : 232,65 °C (505,8 K) e de ebulição: 2.601,85 °C(2875 K)  Estado: Sólido a 25°C  Densidade: 7310 kg/m³  Estados de oxidação: -4, +2, +4  Configuração eletrônica: [Kr] 4d10 5s² 5p²
  • 31. Alótropos  Estanho alfa ou forma “cinzenta”: estrutura cristalina cúbica, como Si ou Ge, em baixas temperaturas.  Estanho beta ou forma “branca”: estrutura cristalina tetragonal, quando aquecido acima de 13,2 °C.
  • 32. Propriedades Químicas  SnO (monóxido de estanho) é anfótero como SnO2 (dióxido de estanho).  Não possui uma série estável de hidretos, só tetrahidertos (SnH4 ).  O íon estanoso( Sn2+ )é um ácido moderadamente forte, e também apresenta tendência de formar complexos com ânions. Por exemplo, na presença de íons cloreto, se formam complexos SnCl+, SnCl, SnCl- e 2 3 SnCl4 2- .  O dióxido de estanho, SnO2 dissolve-se em base para formar íon titanatos, Sn(OH)6 -2 , e em ácidos halogenídricos formando complexos do tipo SnCl6 -2
  • 33. Aplicações Folhas de Flandres Ligas de estanho Cloreto de estanho
  • 34. Obtenção  Minério: O principal minério do estanho é a cassiterita (óxido de estanho) (SnO2),  Metal: Sn – extração do estanho metal a partir da redução do óxido de estanho (mineral) com o C ou CO.  SnO2 (s) + C (s) Sn (l) + CO2 (g)  SnO2 (s) + 2CO (g) Sn (l) + 2CO2 (g)
  • 37. Principais Propriedades  Símbolo: Pb  Grupo: Metal  Número atômico: 82  Massa Atômica: 201,2  Ponto de fusão : 327,46 °C (600,61K) e ebulição: 1748,85 °C(2022 K)  Estado: Sólido a 25°C  Densidade: 11340 kg/m³  Estados de oxidação: +2, +4  Configuração eletrônica: [Xe] 4f14 5d10 6s2 6p2
  • 38. Propriedades Químicas  O monóxido de chumbo (PbO) é anfótero, já o dióxido de chumbo (PbO2)é bom oxidante, mas suas propriedades ácido-base não são bem conhecidas.  Quando o Pb 2+ é tratado com álcalis, precipita primeiro o Pb(OH)2, que depois se dissolve no excesso no excesso da base, formando Pb(OH)3 -3.  Pb+2 também forma complexos com íons haletos (PbX2), são moderadamente insolúveis, porém dissolvem-se na presença de excesso de íons haleto para formar complexos como PbCl- e PbI- . 3 3
  • 39. Aplicações Bateria de chumbo- ácida Ligas metálicas de chumbo Silicatos de chumbo para a fabricação de vidros Nitreto de chumbo, Pb(N3)2
  • 40. Obtenção de Chumbo Minérios: Galena Cerusita Anglesita  Metal: Pb - É obtido a partir da transformação do mineral em óxidos através de “ustulação oxidante” e a redução com o CO ou C.  PbS (s) + 3/2 O2 (g) → PbO (s) + SO2 (g) (etapa 1)  PbO (s)+ CO (g) → Pb (l) + CO2 (g) (etapa 2)
  • 41. Precauções  Perturbação da biossíntese da hemoglobina e anemia;  Aumento da pressão sanguínea;  Danos aos rins;  Abortos;  Alterações no sistema nervoso;  Danos ao cérebro;  Diminuição da fertilidade do homem através de danos ao esperma;  Diminuição da aprendizagem em crianças;  Modificações no comportamento das crianças, como agressão, impulsividade e hipersensibilidade.
  • 42.
  • 44. Bibliografia:  http://www.infoescola.com/elementos-quimicos/silicio/  http://www.brasilescola.com/quimica/silicio.htm  http://www.artigonal.com/quimica-artigos/estudo-das-propriedades-da-familia-do-carbono- 1006516.html  http://www.ebah.com.br/content/ABAAABasYAA/relatorio-experimental-grupo-carbono  http://pt.wikipedia.org/wiki/Carbono  http://pt.slideshare.net/gpsfxy/germnio  http://web.ccead.puc-rio.br/condigital/mvsl/Sala%20de%20Leitura/conteudos/SL_os_metais.pdf  http://www.ebah.com.br/content/ABAAAA2iIAE/trabalho-sobre-estanho