SlideShare uma empresa Scribd logo
ECOLOGIA
É a ciência que estuda como os seres vivos
   se relacionam entre si e com o meio
                 ambiente
NÍVEIS DE ORGANIZAÇÃO DA VIDA

Célula
                                   o População     Conjunto de seres de
           Tecido                    mesma espécie que vivem em uma
Órgãos                               mesma área e mantem relações entre
                  Sistemas           si.

   Populações
                     Comunidades   o Comunidade       Conjunto de
                                     populações que habitam a mesma
                                     área e mantêm entre si diversas
                                     relações.
                Ecossistemas
ECOSSISTEMA


   COMUNIDADE   +        AMBIENTE

• Floresta          • Luz
• Lago              • Solo
                    • Água
• Aquário           • Ar
                    • Temperatura
BIOSFERA
                                           8 Km acima da
Conjunto de regiões                         superfície da
                                               terra
do planeta que         Estende - se
                                           11 Km abaixo da
sustentam a vida de                           superfície

modo permanente
                                           Habitat
 É o lugar em que a espécie é encontrada
NICHO ECOLÓGICO
                         Alimentação
É “ modo de vida”
ou papel ecológico que
a espécie desempenha        Reprodução



                         Mecanismos de
                         defesa/ataque à outros seres
HIPÓTESE DE GAIA
Proposta criada em 1970, cujo nome é inspirado na
deusa da mitologia grega, deusa essa que personifica a
Terra. Essa hipótese propõem que a terra teria que
se autorregular e os seres vivos que afetassem
negativamente a terra seriam eliminados.
CADEIAS E TEIAS ALIMENTARES
• Matéria: é cíclica, não se esgota graças à ação dos decompositores




• Energia: é acíclico, é transformada em trabalho celular e
  perde-se na forma de calor
    SOL          ENERGIA      PLANTAS       ANIMAIS     DECOMPOSITORES
CADEIA ALIMENTAR
                   Bactérias Quimiossintetizantes
PRODUTORES
                   Algas
                   Plantas

 Consumidores      Animais Herbívoros
                   Animais Carnívoros
Decompositores   Reciclam a matéria orgânica


  Matéria Orgânica         Inorgânica
Consumidor   Consumidor   Consumidor
Produtor
            Primário    Secundário    Terciário
TEIA ALIMENTAR
• É um conjunto de
  cadeias interligadas

• Um único animal pode
  assumir diferentes
  níveis tróficos
• Fitoplâncton           Algas Microscópicas
                         Vivem flutuando na água

• Zooplâncton            São Heterótrofos
                         Protozoários, Moluscos,
                          Larvas, Anelídeos
• Animais Detritívoros         Alimentam-se de matéria orgânica morta
                               ( Folhas caídas, carcaças, fezes )
PIRÂMEDES ECOLÓGICAS
É a representação dos níveis tróficos usando retângulos
   Pirâmide de Número
 • Indica o numero de seres em cada nível trófico
 • Pode ser invertida
                               50 Pássaros

                             700 Gafanhotos

                             5000 pés de capim
Pirâmide de Biomassa
• Indica a quantidade de matéria orgânica presente no corpo dos seres
  vivos
• Considera-se o peso “ seco” ( sem h2o )
• Pode ser invertida

                             Adolescente 47 kg

                              1 T de Bezerros

                                8 T de Alfafa
Pirâmide de Energia
• Indica a produtividade de um ecossistema
• Considera-se o fator “ Tempo”
• NUNCA PODERA SER INVERTIDA!

                          Peixes – 40Kcal/m² - ano



                        Zooplâncton – 590Kcal/m² - ano




                      Fitoplâncton – 36.380Kcal/m² - ano
POLUIÇÃO E DESEQUILIBRIO NAS CADEIAS ALIMENTARES
• Os seres vivos estão ligados entre si por cadeias alimentares
• A poluição ou a morte de uma espécie pode afetar outros
• Poluição é o acréscimo ao ambiente de produtos que ameacem a saúde
  ou sobrevivência dos seres
DESEQUILÍBRIO NA CADEIA ALIMENTAR
A eliminação de uma espécie pode ter efeitos negativos sobre outros espécies
MAGNIFICAÇÃO TRÓFICA

É o acúmulo de poluentes nos seres da cadeia
       Produtos                     Podem ser decompostos
    Biodegradáveis                  por microrganismos




                                                    Esgoto Doméstico
Produtos         São acumulativos no
Não Biodegradáveis   ambiente/seres




                     Chumbo
Poluentes     São degradados de
persistentes   forma lenta




               Sacos Plásticos
Sucessão Ecológica

• Nenhum ecossistema é permanente, todos sofrem
  modificações sendo elas abruptas ou graduais

• Os seres mais simples são substituídos pelos mais
  complexos
Fases de uma sucessão:

              Pioneiros
• São os primeiros seres a se instalarem no
                   ambiente

 • São mais resistentes e com mais produção
                    líquida
                                                Musgos
 • Criam condições favoráveis para instalação
        de outros seres mais complexos
Intermediários
     • Surgem após os pioneiros

      • Porte um pouco maior

• Apresentam menos reprodução líquida   Arbustos
Clímax
    • É a comunidade mais desenvolvida

• Há mais biodiversidade e nichos ecológicos

  • Ecossistema estável e mais duradouro
                                               Floresta Amazônica
      • Há pequena produção líquida
O que acontece numa sucessão ecológica?


                           Produção Líquida

     Diminui
                       Taxa de Reprodução
Biodiversidade
              Biomassa
              Taxa de Fotossíntese

Aumenta     Complexidade
             Nichos ecológicos
          Homeostase

           Produção Bruta
Tipos de Sucessão Ecológica:

Primária: ocorre em locais nunca antes habitados

         Liquens                Arbustos



                     Musgos                 Árvores
Secundária: ocorre em locais que já foram povoados
FIM!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Conceitos em ecologia e ecossistemas
Conceitos em ecologia e ecossistemasConceitos em ecologia e ecossistemas
Conceitos em ecologia e ecossistemas
Marcos Santos
 
Ecologia 3º ano
Ecologia 3º anoEcologia 3º ano
Ecologia 3º ano
Renata Magalhães
 
Ecologia
EcologiaEcologia
Ecologia
FRANCISCO COSTA
 
Ecologia 2012 1.0
Ecologia 2012 1.0Ecologia 2012 1.0
Ecologia 2012 1.0
rnogueira
 
Especialidade de bactérias
Especialidade de bactériasEspecialidade de bactérias
Especialidade de bactérias
Ed Wilson Santos
 
Aula ecologia.
Aula ecologia.Aula ecologia.
Aula ecologia.
Gov. Estado do Paraná
 
Especialidade [DESBRAVADORES] ecologia
Especialidade [DESBRAVADORES] ecologiaEspecialidade [DESBRAVADORES] ecologia
Especialidade [DESBRAVADORES] ecologia
Ronaldo Santana
 
Ecologia e Ecossitemas - Biologia-Francílio Oliveira
Ecologia e Ecossitemas - Biologia-Francílio OliveiraEcologia e Ecossitemas - Biologia-Francílio Oliveira
Ecologia e Ecossitemas - Biologia-Francílio Oliveira
Francílio Sousa
 
Aula de ecologia curso completo
Aula de ecologia   curso completoAula de ecologia   curso completo
Aula de ecologia curso completo
Nelson Costa
 
Ecologia
EcologiaEcologia
Aula de ecologia curso completo
Aula de ecologia   curso completoAula de ecologia   curso completo
Aula de ecologia curso completo
Marcionedes De Souza
 
Aula 1 ecologia conceitos fundamentaisok
Aula 1 ecologia conceitos fundamentaisokAula 1 ecologia conceitos fundamentaisok
Aula 1 ecologia conceitos fundamentaisok
luanarodriguessh
 
Dinâmica dos ecossistemas
Dinâmica dos ecossistemasDinâmica dos ecossistemas
Dinâmica dos ecossistemas
inessalgado
 
Conceitos em Ecologia e Ecossitemas
Conceitos em Ecologia e EcossitemasConceitos em Ecologia e Ecossitemas
Conceitos em Ecologia e Ecossitemas
Antonio Fernandes
 
Aula 2 biodiversidade
Aula 2   biodiversidadeAula 2   biodiversidade
Aula 2 biodiversidade
Natália Michelan
 
Aula de ecologia 01
Aula de ecologia 01Aula de ecologia 01
Aula de ecologia 01
Ilsoflavio
 
Fatores ecológicos 15032010
Fatores ecológicos 15032010Fatores ecológicos 15032010
Fatores ecológicos 15032010
guest900530
 
Ecologia geral
Ecologia geralEcologia geral
Ecologia geral
terceirob
 
Apostila de ecologia
Apostila de ecologiaApostila de ecologia
Apostila de ecologia
Paulo Lobo
 
Aula ecologia
Aula ecologiaAula ecologia
Aula ecologia
Michele Moreira
 

Mais procurados (20)

Conceitos em ecologia e ecossistemas
Conceitos em ecologia e ecossistemasConceitos em ecologia e ecossistemas
Conceitos em ecologia e ecossistemas
 
Ecologia 3º ano
Ecologia 3º anoEcologia 3º ano
Ecologia 3º ano
 
Ecologia
EcologiaEcologia
Ecologia
 
Ecologia 2012 1.0
Ecologia 2012 1.0Ecologia 2012 1.0
Ecologia 2012 1.0
 
Especialidade de bactérias
Especialidade de bactériasEspecialidade de bactérias
Especialidade de bactérias
 
Aula ecologia.
Aula ecologia.Aula ecologia.
Aula ecologia.
 
Especialidade [DESBRAVADORES] ecologia
Especialidade [DESBRAVADORES] ecologiaEspecialidade [DESBRAVADORES] ecologia
Especialidade [DESBRAVADORES] ecologia
 
Ecologia e Ecossitemas - Biologia-Francílio Oliveira
Ecologia e Ecossitemas - Biologia-Francílio OliveiraEcologia e Ecossitemas - Biologia-Francílio Oliveira
Ecologia e Ecossitemas - Biologia-Francílio Oliveira
 
Aula de ecologia curso completo
Aula de ecologia   curso completoAula de ecologia   curso completo
Aula de ecologia curso completo
 
Ecologia
EcologiaEcologia
Ecologia
 
Aula de ecologia curso completo
Aula de ecologia   curso completoAula de ecologia   curso completo
Aula de ecologia curso completo
 
Aula 1 ecologia conceitos fundamentaisok
Aula 1 ecologia conceitos fundamentaisokAula 1 ecologia conceitos fundamentaisok
Aula 1 ecologia conceitos fundamentaisok
 
Dinâmica dos ecossistemas
Dinâmica dos ecossistemasDinâmica dos ecossistemas
Dinâmica dos ecossistemas
 
Conceitos em Ecologia e Ecossitemas
Conceitos em Ecologia e EcossitemasConceitos em Ecologia e Ecossitemas
Conceitos em Ecologia e Ecossitemas
 
Aula 2 biodiversidade
Aula 2   biodiversidadeAula 2   biodiversidade
Aula 2 biodiversidade
 
Aula de ecologia 01
Aula de ecologia 01Aula de ecologia 01
Aula de ecologia 01
 
Fatores ecológicos 15032010
Fatores ecológicos 15032010Fatores ecológicos 15032010
Fatores ecológicos 15032010
 
Ecologia geral
Ecologia geralEcologia geral
Ecologia geral
 
Apostila de ecologia
Apostila de ecologiaApostila de ecologia
Apostila de ecologia
 
Aula ecologia
Aula ecologiaAula ecologia
Aula ecologia
 

Semelhante a Ecologia

aula ecologia fluxo de energia nos ecossistemas.
aula ecologia fluxo de energia nos ecossistemas.aula ecologia fluxo de energia nos ecossistemas.
aula ecologia fluxo de energia nos ecossistemas.
Allef B. Santos
 
Ecologia power point
Ecologia   power pointEcologia   power point
Ecologia power point
Suely namaste
 
Conceitos em-ecologia-e-ecossitemas
Conceitos em-ecologia-e-ecossitemasConceitos em-ecologia-e-ecossitemas
Conceitos em-ecologia-e-ecossitemas
Renata Lemos Garcia
 
Dinâmica dos ecossistemas
Dinâmica dos ecossistemasDinâmica dos ecossistemas
Dinâmica dos ecossistemas
Leonardo Alves
 
Ecologia socorro
Ecologia socorroEcologia socorro
Ecologia socorro
Flávia Fernandes
 
Capítulo 3 a diversidade da vida
Capítulo 3 a diversidade da vidaCapítulo 3 a diversidade da vida
Capítulo 3 a diversidade da vida
Sarah Lemes
 
ECOLOGIA conceitos.pptx
ECOLOGIA conceitos.pptxECOLOGIA conceitos.pptx
ECOLOGIA conceitos.pptx
profguerinoguerino
 
Ecossistema
EcossistemaEcossistema
Ecossistema
N C
 
001706774.pdf
001706774.pdf001706774.pdf
001706774.pdf
rickriordan
 
Resumos 8 ano
Resumos 8 anoResumos 8 ano
Resumos 8 ano
Franc Knap Junior
 
Relaçoes ecologicas165464616416516451.pptx
Relaçoes ecologicas165464616416516451.pptxRelaçoes ecologicas165464616416516451.pptx
Relaçoes ecologicas165464616416516451.pptx
andrenespoli3
 
6a SéRie Ecologia
6a SéRie   Ecologia6a SéRie   Ecologia
6a SéRie Ecologia
SESI 422 - Americana
 
Fluxo de Energia
Fluxo de EnergiaFluxo de Energia
Fluxo de Energia
Turma Olímpica
 
Capítulo 01 ecologia
Capítulo 01   ecologiaCapítulo 01   ecologia
Capítulo 01 ecologia
Igor Brant
 
Ecologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologia
Ecologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologiaEcologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologia
Ecologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologia
alessandraoliveira324
 
Slide: Por favor, não defendam a natureza! Biologia. PARTE 1.
Slide: Por favor, não defendam a natureza! Biologia. PARTE 1.Slide: Por favor, não defendam a natureza! Biologia. PARTE 1.
Slide: Por favor, não defendam a natureza! Biologia. PARTE 1.
agendab
 
Biologia Esquadrão do Conhecimento VIP 2013
Biologia Esquadrão do Conhecimento VIP 2013Biologia Esquadrão do Conhecimento VIP 2013
Biologia Esquadrão do Conhecimento VIP 2013
Esquadrão Do Conhecimento
 
1 biodiversidade
1   biodiversidade1   biodiversidade
1 biodiversidade
margaridabt
 
Slide sobre fotores abioticos, bioticos e relacoes ecologicas
Slide sobre fotores abioticos, bioticos e relacoes ecologicasSlide sobre fotores abioticos, bioticos e relacoes ecologicas
Slide sobre fotores abioticos, bioticos e relacoes ecologicas
Grazi! !!
 
Ecologia Cida
Ecologia CidaEcologia Cida
Ecologia Cida
guest81df6e
 

Semelhante a Ecologia (20)

aula ecologia fluxo de energia nos ecossistemas.
aula ecologia fluxo de energia nos ecossistemas.aula ecologia fluxo de energia nos ecossistemas.
aula ecologia fluxo de energia nos ecossistemas.
 
Ecologia power point
Ecologia   power pointEcologia   power point
Ecologia power point
 
Conceitos em-ecologia-e-ecossitemas
Conceitos em-ecologia-e-ecossitemasConceitos em-ecologia-e-ecossitemas
Conceitos em-ecologia-e-ecossitemas
 
Dinâmica dos ecossistemas
Dinâmica dos ecossistemasDinâmica dos ecossistemas
Dinâmica dos ecossistemas
 
Ecologia socorro
Ecologia socorroEcologia socorro
Ecologia socorro
 
Capítulo 3 a diversidade da vida
Capítulo 3 a diversidade da vidaCapítulo 3 a diversidade da vida
Capítulo 3 a diversidade da vida
 
ECOLOGIA conceitos.pptx
ECOLOGIA conceitos.pptxECOLOGIA conceitos.pptx
ECOLOGIA conceitos.pptx
 
Ecossistema
EcossistemaEcossistema
Ecossistema
 
001706774.pdf
001706774.pdf001706774.pdf
001706774.pdf
 
Resumos 8 ano
Resumos 8 anoResumos 8 ano
Resumos 8 ano
 
Relaçoes ecologicas165464616416516451.pptx
Relaçoes ecologicas165464616416516451.pptxRelaçoes ecologicas165464616416516451.pptx
Relaçoes ecologicas165464616416516451.pptx
 
6a SéRie Ecologia
6a SéRie   Ecologia6a SéRie   Ecologia
6a SéRie Ecologia
 
Fluxo de Energia
Fluxo de EnergiaFluxo de Energia
Fluxo de Energia
 
Capítulo 01 ecologia
Capítulo 01   ecologiaCapítulo 01   ecologia
Capítulo 01 ecologia
 
Ecologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologia
Ecologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologiaEcologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologia
Ecologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologia
 
Slide: Por favor, não defendam a natureza! Biologia. PARTE 1.
Slide: Por favor, não defendam a natureza! Biologia. PARTE 1.Slide: Por favor, não defendam a natureza! Biologia. PARTE 1.
Slide: Por favor, não defendam a natureza! Biologia. PARTE 1.
 
Biologia Esquadrão do Conhecimento VIP 2013
Biologia Esquadrão do Conhecimento VIP 2013Biologia Esquadrão do Conhecimento VIP 2013
Biologia Esquadrão do Conhecimento VIP 2013
 
1 biodiversidade
1   biodiversidade1   biodiversidade
1 biodiversidade
 
Slide sobre fotores abioticos, bioticos e relacoes ecologicas
Slide sobre fotores abioticos, bioticos e relacoes ecologicasSlide sobre fotores abioticos, bioticos e relacoes ecologicas
Slide sobre fotores abioticos, bioticos e relacoes ecologicas
 
Ecologia Cida
Ecologia CidaEcologia Cida
Ecologia Cida
 

Último

Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
AlineOliveira625820
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdfCurativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
BiancaCristina75
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
Manuais Formação
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
SidneySilva523387
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
MatheusSousa716350
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
nunesly
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
CarlosJean21
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
katbrochier1
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
JoanaFigueira11
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
TiagoLouro8
 

Último (20)

Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdfCurativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
 

Ecologia

  • 2. É a ciência que estuda como os seres vivos se relacionam entre si e com o meio ambiente
  • 3. NÍVEIS DE ORGANIZAÇÃO DA VIDA Célula o População Conjunto de seres de Tecido mesma espécie que vivem em uma Órgãos mesma área e mantem relações entre Sistemas si. Populações Comunidades o Comunidade Conjunto de populações que habitam a mesma área e mantêm entre si diversas relações. Ecossistemas
  • 4. ECOSSISTEMA COMUNIDADE + AMBIENTE • Floresta • Luz • Lago • Solo • Água • Aquário • Ar • Temperatura
  • 5. BIOSFERA 8 Km acima da Conjunto de regiões superfície da terra do planeta que Estende - se 11 Km abaixo da sustentam a vida de superfície modo permanente Habitat É o lugar em que a espécie é encontrada
  • 6. NICHO ECOLÓGICO Alimentação É “ modo de vida” ou papel ecológico que a espécie desempenha Reprodução Mecanismos de defesa/ataque à outros seres
  • 7. HIPÓTESE DE GAIA Proposta criada em 1970, cujo nome é inspirado na deusa da mitologia grega, deusa essa que personifica a Terra. Essa hipótese propõem que a terra teria que se autorregular e os seres vivos que afetassem negativamente a terra seriam eliminados.
  • 8. CADEIAS E TEIAS ALIMENTARES • Matéria: é cíclica, não se esgota graças à ação dos decompositores • Energia: é acíclico, é transformada em trabalho celular e perde-se na forma de calor SOL ENERGIA PLANTAS ANIMAIS DECOMPOSITORES
  • 9. CADEIA ALIMENTAR Bactérias Quimiossintetizantes PRODUTORES Algas Plantas Consumidores Animais Herbívoros Animais Carnívoros
  • 10. Decompositores Reciclam a matéria orgânica Matéria Orgânica Inorgânica
  • 11. Consumidor Consumidor Consumidor Produtor Primário Secundário Terciário
  • 12. TEIA ALIMENTAR • É um conjunto de cadeias interligadas • Um único animal pode assumir diferentes níveis tróficos
  • 13. • Fitoplâncton Algas Microscópicas Vivem flutuando na água • Zooplâncton São Heterótrofos Protozoários, Moluscos, Larvas, Anelídeos • Animais Detritívoros Alimentam-se de matéria orgânica morta ( Folhas caídas, carcaças, fezes )
  • 14. PIRÂMEDES ECOLÓGICAS É a representação dos níveis tróficos usando retângulos Pirâmide de Número • Indica o numero de seres em cada nível trófico • Pode ser invertida 50 Pássaros 700 Gafanhotos 5000 pés de capim
  • 15. Pirâmide de Biomassa • Indica a quantidade de matéria orgânica presente no corpo dos seres vivos • Considera-se o peso “ seco” ( sem h2o ) • Pode ser invertida Adolescente 47 kg 1 T de Bezerros 8 T de Alfafa
  • 16. Pirâmide de Energia • Indica a produtividade de um ecossistema • Considera-se o fator “ Tempo” • NUNCA PODERA SER INVERTIDA! Peixes – 40Kcal/m² - ano Zooplâncton – 590Kcal/m² - ano Fitoplâncton – 36.380Kcal/m² - ano
  • 17. POLUIÇÃO E DESEQUILIBRIO NAS CADEIAS ALIMENTARES • Os seres vivos estão ligados entre si por cadeias alimentares • A poluição ou a morte de uma espécie pode afetar outros • Poluição é o acréscimo ao ambiente de produtos que ameacem a saúde ou sobrevivência dos seres
  • 18. DESEQUILÍBRIO NA CADEIA ALIMENTAR A eliminação de uma espécie pode ter efeitos negativos sobre outros espécies
  • 19. MAGNIFICAÇÃO TRÓFICA É o acúmulo de poluentes nos seres da cadeia Produtos Podem ser decompostos Biodegradáveis por microrganismos Esgoto Doméstico
  • 20. Produtos São acumulativos no Não Biodegradáveis ambiente/seres Chumbo
  • 21. Poluentes São degradados de persistentes forma lenta Sacos Plásticos
  • 22. Sucessão Ecológica • Nenhum ecossistema é permanente, todos sofrem modificações sendo elas abruptas ou graduais • Os seres mais simples são substituídos pelos mais complexos
  • 23.
  • 24. Fases de uma sucessão: Pioneiros • São os primeiros seres a se instalarem no ambiente • São mais resistentes e com mais produção líquida Musgos • Criam condições favoráveis para instalação de outros seres mais complexos
  • 25. Intermediários • Surgem após os pioneiros • Porte um pouco maior • Apresentam menos reprodução líquida Arbustos
  • 26. Clímax • É a comunidade mais desenvolvida • Há mais biodiversidade e nichos ecológicos • Ecossistema estável e mais duradouro Floresta Amazônica • Há pequena produção líquida
  • 27. O que acontece numa sucessão ecológica? Produção Líquida Diminui Taxa de Reprodução
  • 28. Biodiversidade Biomassa Taxa de Fotossíntese Aumenta Complexidade Nichos ecológicos Homeostase Produção Bruta
  • 29. Tipos de Sucessão Ecológica: Primária: ocorre em locais nunca antes habitados Liquens Arbustos Musgos Árvores
  • 30. Secundária: ocorre em locais que já foram povoados
  • 31. FIM!