SlideShare uma empresa Scribd logo
PROJETO: Cultura, Literatura e Criatividade: Do erudito ao popular – CLIC
COORDENADORA DA ÁREA DE LETRAS: Magliana Rodrigues da Silva
ESCOLA PARTICIPANTE: E.E.E. Fundamental e Médio Professor Raul Córdula
SUPERVISORA DA ESCOLA: Diana Nunes Ramalho
LICENCIANDOS EM LETRAS: Ana Daniele Félix da Silva
Eloiza de Oliveira Chaves
Lígia Albuquerque Queiroz
Monalisa Barboza Santos
Nathalia Isis Oliveira
DRAMATIZAÇÃO: Entrevista a algumas personagens dos contos maravilhosos
Personagens: Bela, cinderela e chapeuzinho
I ATO
No centro da sala, estará um livro e as personagens fingiram sair do livro.
II ATO
Bela: Finalmente, acoooooooooordei!
Cinderela: E eu finalmente consegui usar um sapato mais confortável do que o
“sapatinho de cristal”! Apertava muuuuito!
Chapeuzinho: Pior do que passar a vida dormindo, passar a vida sendo maltratada pela
madrasta e as irmãs postiças é toda vez que vou visitar a vovó ser atacada por um lobo
sem noção, babaca e que não respeita a liberdade de ir e vir na floresta.
Bela: É verdade chapeuzinho! Precisamos ser respeitadas.
Cinderela: Mais que isso... Sou muito feliz com o príncipe, mas todos nunca param pra
pensar nas coisas que passei. Minha madrasta me mandava limpar tudo... o chão, o
banheiro, todo o castelo. As minhas irmãs, que deveriam ser minhas amigas, me
tratavam como escravas. Havia uma competição, e isso nunca foi justo!
Bela: Eu passo a história toda dormindo, mas sei que sou acordada com um beijo...
Chapeuzinho: Precisamos unir nossas forças e mudar nossas histórias.
Cinderela: Na minha história a minha madrasta passaria a fazer as atividades domésticas
também. Nada de trabalho escravo! Cada uma iria cumprir o seu papel. Direitos iguais.
Bela: Já eu!? Queria participar mais das situações na minha história... não ser tão
apática!
Chapeuzinho: E eu!? Não ser atacada por lobo idiota! As outras princesas já
conseguiram conquistar muito espaço. A Mulan mesmo, me mandou um whats outro
dia dizendo que conseguiu o respeito de todos da sua cidade depois de se posicionar
como guerreira, determinada e que pode exercer várias funções na sociedade.
Bela: A Mulan arrasa! Vamos fazer história!
Cinderela: E cada vez mais ter voz e vez!!
As três: Comemoram!! (Uhuuuuuuuuulll)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A descoberta sinistra: Quem sou eu?
A descoberta sinistra: Quem sou eu?A descoberta sinistra: Quem sou eu?
A descoberta sinistra: Quem sou eu?
Clara Pely Massari
 
História desculpa ....
História desculpa ....História desculpa ....
História desculpa ....
Maria Das Dores Oliveira
 
Francisco e o lobo
Francisco e o loboFrancisco e o lobo
Francisco e o lobo
Anjovison .
 
Semana da leitura_Calvário 1
Semana da leitura_Calvário 1Semana da leitura_Calvário 1
Semana da leitura_Calvário 1
Biblioteca Escolar Sobreira
 
A Atracção do Halloween
A Atracção do HalloweenA Atracção do Halloween
A Atracção do Halloween
isapalma
 
Resgate feira do livro rotermund atualizado completo
Resgate feira do livro rotermund atualizado completoResgate feira do livro rotermund atualizado completo
Resgate feira do livro rotermund atualizado completo
Estado do RS
 
A menina que sorria a dormir[1]
A menina que sorria a dormir[1]A menina que sorria a dormir[1]
A menina que sorria a dormir[1]
Ana Arminda Moreira
 
História atrapalhada verbos
História atrapalhada   verbosHistória atrapalhada   verbos
História atrapalhada verbos
estudante
 
Valores: São Francisco e o lobo de Gúbio
Valores:  São Francisco e o lobo de GúbioValores:  São Francisco e o lobo de Gúbio
Valores: São Francisco e o lobo de Gúbio
Adilson P Motta Motta
 

Mais procurados (9)

A descoberta sinistra: Quem sou eu?
A descoberta sinistra: Quem sou eu?A descoberta sinistra: Quem sou eu?
A descoberta sinistra: Quem sou eu?
 
História desculpa ....
História desculpa ....História desculpa ....
História desculpa ....
 
Francisco e o lobo
Francisco e o loboFrancisco e o lobo
Francisco e o lobo
 
Semana da leitura_Calvário 1
Semana da leitura_Calvário 1Semana da leitura_Calvário 1
Semana da leitura_Calvário 1
 
A Atracção do Halloween
A Atracção do HalloweenA Atracção do Halloween
A Atracção do Halloween
 
Resgate feira do livro rotermund atualizado completo
Resgate feira do livro rotermund atualizado completoResgate feira do livro rotermund atualizado completo
Resgate feira do livro rotermund atualizado completo
 
A menina que sorria a dormir[1]
A menina que sorria a dormir[1]A menina que sorria a dormir[1]
A menina que sorria a dormir[1]
 
História atrapalhada verbos
História atrapalhada   verbosHistória atrapalhada   verbos
História atrapalhada verbos
 
Valores: São Francisco e o lobo de Gúbio
Valores:  São Francisco e o lobo de GúbioValores:  São Francisco e o lobo de Gúbio
Valores: São Francisco e o lobo de Gúbio
 

Destaque

Sequência - Literatura marginal
Sequência - Literatura marginalSequência - Literatura marginal
Sequência - Literatura marginal
Pibid-Letras Córdula
 
Módulo: As várias faces do amor
Módulo: As várias faces do amorMódulo: As várias faces do amor
Módulo: As várias faces do amor
Pibid-Letras Córdula
 
Roteiros de discussão 2015.1
Roteiros de discussão   2015.1Roteiros de discussão   2015.1
Roteiros de discussão 2015.1
Renally Arruda
 
Módulo - Literatura marginal
Módulo - Literatura marginalMódulo - Literatura marginal
Módulo - Literatura marginal
Pibid-Letras Córdula
 
Módulo avulso - A arte de Adultecer
Módulo avulso - A arte de AdultecerMódulo avulso - A arte de Adultecer
Módulo avulso - A arte de Adultecer
Pibid-Letras Córdula
 
Sequência 16 as fases da vida - relação entre família e sociedade
Sequência 16   as fases da vida - relação entre família e sociedadeSequência 16   as fases da vida - relação entre família e sociedade
Sequência 16 as fases da vida - relação entre família e sociedade
Pibid-Letras Córdula
 
Módulo avulso - Literatura marginal
Módulo avulso - Literatura marginalMódulo avulso - Literatura marginal
Módulo avulso - Literatura marginal
Pibid-Letras Córdula
 
Módulo 17: A arte de Adultecer
Módulo 17: A arte de AdultecerMódulo 17: A arte de Adultecer
Módulo 17: A arte de Adultecer
Pibid-Letras Córdula
 
Sequência didática Identidade feminina (versão final)
Sequência didática   Identidade feminina (versão final)Sequência didática   Identidade feminina (versão final)
Sequência didática Identidade feminina (versão final)
Pibid-Letras Córdula
 
SD AS FASES DA VIDA
SD AS FASES DA VIDASD AS FASES DA VIDA
SD AS FASES DA VIDA
Pibid-Letras Córdula
 
Sequência - As várias faces do amor
Sequência - As várias faces do amorSequência - As várias faces do amor
Sequência - As várias faces do amor
Pibid-Letras Córdula
 
Módulo 16 as fases da vida: relação entre família e sociedade
Módulo 16   as fases da vida: relação entre família e sociedadeMódulo 16   as fases da vida: relação entre família e sociedade
Módulo 16 as fases da vida: relação entre família e sociedade
Pibid-Letras Córdula
 
Módulo 19 - IDENTIDADE FEMININA: ATUAÇÃO E REPRESENTAÇÃO DA MULHER
Módulo 19 - IDENTIDADE FEMININA: ATUAÇÃO E REPRESENTAÇÃO DA MULHERMódulo 19 - IDENTIDADE FEMININA: ATUAÇÃO E REPRESENTAÇÃO DA MULHER
Módulo 19 - IDENTIDADE FEMININA: ATUAÇÃO E REPRESENTAÇÃO DA MULHER
Pibid-Letras Córdula
 
Sequência Didática - A arte de Adultecer 2016.1
Sequência Didática - A arte de Adultecer 2016.1Sequência Didática - A arte de Adultecer 2016.1
Sequência Didática - A arte de Adultecer 2016.1
Pibid-Letras Córdula
 

Destaque (14)

Sequência - Literatura marginal
Sequência - Literatura marginalSequência - Literatura marginal
Sequência - Literatura marginal
 
Módulo: As várias faces do amor
Módulo: As várias faces do amorMódulo: As várias faces do amor
Módulo: As várias faces do amor
 
Roteiros de discussão 2015.1
Roteiros de discussão   2015.1Roteiros de discussão   2015.1
Roteiros de discussão 2015.1
 
Módulo - Literatura marginal
Módulo - Literatura marginalMódulo - Literatura marginal
Módulo - Literatura marginal
 
Módulo avulso - A arte de Adultecer
Módulo avulso - A arte de AdultecerMódulo avulso - A arte de Adultecer
Módulo avulso - A arte de Adultecer
 
Sequência 16 as fases da vida - relação entre família e sociedade
Sequência 16   as fases da vida - relação entre família e sociedadeSequência 16   as fases da vida - relação entre família e sociedade
Sequência 16 as fases da vida - relação entre família e sociedade
 
Módulo avulso - Literatura marginal
Módulo avulso - Literatura marginalMódulo avulso - Literatura marginal
Módulo avulso - Literatura marginal
 
Módulo 17: A arte de Adultecer
Módulo 17: A arte de AdultecerMódulo 17: A arte de Adultecer
Módulo 17: A arte de Adultecer
 
Sequência didática Identidade feminina (versão final)
Sequência didática   Identidade feminina (versão final)Sequência didática   Identidade feminina (versão final)
Sequência didática Identidade feminina (versão final)
 
SD AS FASES DA VIDA
SD AS FASES DA VIDASD AS FASES DA VIDA
SD AS FASES DA VIDA
 
Sequência - As várias faces do amor
Sequência - As várias faces do amorSequência - As várias faces do amor
Sequência - As várias faces do amor
 
Módulo 16 as fases da vida: relação entre família e sociedade
Módulo 16   as fases da vida: relação entre família e sociedadeMódulo 16   as fases da vida: relação entre família e sociedade
Módulo 16 as fases da vida: relação entre família e sociedade
 
Módulo 19 - IDENTIDADE FEMININA: ATUAÇÃO E REPRESENTAÇÃO DA MULHER
Módulo 19 - IDENTIDADE FEMININA: ATUAÇÃO E REPRESENTAÇÃO DA MULHERMódulo 19 - IDENTIDADE FEMININA: ATUAÇÃO E REPRESENTAÇÃO DA MULHER
Módulo 19 - IDENTIDADE FEMININA: ATUAÇÃO E REPRESENTAÇÃO DA MULHER
 
Sequência Didática - A arte de Adultecer 2016.1
Sequência Didática - A arte de Adultecer 2016.1Sequência Didática - A arte de Adultecer 2016.1
Sequência Didática - A arte de Adultecer 2016.1
 

Semelhante a Dramatização clic entrevista a algumas personagens dos contos maravilhosos-

Revista literatas edição 9
Revista literatas   edição 9Revista literatas   edição 9
Revista literatas edição 9
Eng. Marcelo Soriano
 
Histórias que a 5ª D conta
Histórias que a 5ª D conta  Histórias que a 5ª D conta
Histórias que a 5ª D conta
enir.ester
 
literatura infantil
literatura infantilliteratura infantil
literatura infantil
JAVE DE OLIVEIRA SILVA
 
Blog
BlogBlog
Diário de uma totó
Diário de uma totóDiário de uma totó
Diário de uma totó
margaridafonseca63
 
Ficha de leitura sobre felicidade clandestina
Ficha de leitura sobre felicidade clandestinaFicha de leitura sobre felicidade clandestina
Ficha de leitura sobre felicidade clandestina
Duda Pequena
 
Revist'A Barata - 03
Revist'A Barata - 03Revist'A Barata - 03
Revist'A Barata - 03
Luiz Carlos Barata Cichetto
 
Trabalho de Marcus Vinicius Rodrigues dos Reis
Trabalho de Marcus Vinicius Rodrigues dos ReisTrabalho de Marcus Vinicius Rodrigues dos Reis
Trabalho de Marcus Vinicius Rodrigues dos Reis
Marcus Rodrigues
 
Lasanha Assassina
Lasanha AssassinaLasanha Assassina
A poderosa 7ªm2
A poderosa 7ªm2A poderosa 7ªm2
A poderosa 7ªm2
Sarah Fantin
 
Autobiografia de um bichorro 4ºa
Autobiografia de um bichorro   4ºaAutobiografia de um bichorro   4ºa
Autobiografia de um bichorro 4ºa
rosimeirea
 
O jornalista-assassino-lous-rondon-arial12-letter-margin1
O jornalista-assassino-lous-rondon-arial12-letter-margin1O jornalista-assassino-lous-rondon-arial12-letter-margin1
O jornalista-assassino-lous-rondon-arial12-letter-margin1
lousrondon
 
Roteiro_Circo_1NA
Roteiro_Circo_1NARoteiro_Circo_1NA
Roteiro_Circo_1NA
Fernanda Ferreira Jacomel
 
Isadora Miranda 8 c
Isadora Miranda   8 cIsadora Miranda   8 c
Isadora Miranda 8 c
Blairvll
 
Projeto integralizador menina bonita
Projeto integralizador menina bonitaProjeto integralizador menina bonita
Projeto integralizador menina bonita
Diulha Colombo
 
Entrevista: Descobrindo os segredos do livro Diário da Mãe-Corvo
Entrevista: Descobrindo os segredos do livro Diário da Mãe-CorvoEntrevista: Descobrindo os segredos do livro Diário da Mãe-Corvo
Entrevista: Descobrindo os segredos do livro Diário da Mãe-Corvo
Raquel Alves
 
Ficha de leitura
Ficha de leituraFicha de leitura
Ficha de leitura
Laura Cardoso
 
Raphael Montes - Dias Perfeitos.pdf
Raphael Montes - Dias Perfeitos.pdfRaphael Montes - Dias Perfeitos.pdf
Raphael Montes - Dias Perfeitos.pdf
paulaoliveira424
 
A bolsa amarela
A bolsa amarelaA bolsa amarela
A bolsa amarela
gi_76
 
As Crónicas de Nárnia
As Crónicas de NárniaAs Crónicas de Nárnia
As Crónicas de Nárnia
marilize2
 

Semelhante a Dramatização clic entrevista a algumas personagens dos contos maravilhosos- (20)

Revista literatas edição 9
Revista literatas   edição 9Revista literatas   edição 9
Revista literatas edição 9
 
Histórias que a 5ª D conta
Histórias que a 5ª D conta  Histórias que a 5ª D conta
Histórias que a 5ª D conta
 
literatura infantil
literatura infantilliteratura infantil
literatura infantil
 
Blog
BlogBlog
Blog
 
Diário de uma totó
Diário de uma totóDiário de uma totó
Diário de uma totó
 
Ficha de leitura sobre felicidade clandestina
Ficha de leitura sobre felicidade clandestinaFicha de leitura sobre felicidade clandestina
Ficha de leitura sobre felicidade clandestina
 
Revist'A Barata - 03
Revist'A Barata - 03Revist'A Barata - 03
Revist'A Barata - 03
 
Trabalho de Marcus Vinicius Rodrigues dos Reis
Trabalho de Marcus Vinicius Rodrigues dos ReisTrabalho de Marcus Vinicius Rodrigues dos Reis
Trabalho de Marcus Vinicius Rodrigues dos Reis
 
Lasanha Assassina
Lasanha AssassinaLasanha Assassina
Lasanha Assassina
 
A poderosa 7ªm2
A poderosa 7ªm2A poderosa 7ªm2
A poderosa 7ªm2
 
Autobiografia de um bichorro 4ºa
Autobiografia de um bichorro   4ºaAutobiografia de um bichorro   4ºa
Autobiografia de um bichorro 4ºa
 
O jornalista-assassino-lous-rondon-arial12-letter-margin1
O jornalista-assassino-lous-rondon-arial12-letter-margin1O jornalista-assassino-lous-rondon-arial12-letter-margin1
O jornalista-assassino-lous-rondon-arial12-letter-margin1
 
Roteiro_Circo_1NA
Roteiro_Circo_1NARoteiro_Circo_1NA
Roteiro_Circo_1NA
 
Isadora Miranda 8 c
Isadora Miranda   8 cIsadora Miranda   8 c
Isadora Miranda 8 c
 
Projeto integralizador menina bonita
Projeto integralizador menina bonitaProjeto integralizador menina bonita
Projeto integralizador menina bonita
 
Entrevista: Descobrindo os segredos do livro Diário da Mãe-Corvo
Entrevista: Descobrindo os segredos do livro Diário da Mãe-CorvoEntrevista: Descobrindo os segredos do livro Diário da Mãe-Corvo
Entrevista: Descobrindo os segredos do livro Diário da Mãe-Corvo
 
Ficha de leitura
Ficha de leituraFicha de leitura
Ficha de leitura
 
Raphael Montes - Dias Perfeitos.pdf
Raphael Montes - Dias Perfeitos.pdfRaphael Montes - Dias Perfeitos.pdf
Raphael Montes - Dias Perfeitos.pdf
 
A bolsa amarela
A bolsa amarelaA bolsa amarela
A bolsa amarela
 
As Crónicas de Nárnia
As Crónicas de NárniaAs Crónicas de Nárnia
As Crónicas de Nárnia
 

Mais de Pibid-Letras Córdula

Clic cordel
Clic cordelClic cordel
Slide entre a espada e a rosa
Slide entre a espada e a rosaSlide entre a espada e a rosa
Slide entre a espada e a rosa
Pibid-Letras Córdula
 
Paisagens do Nordeste brasileiro
Paisagens do Nordeste brasileiroPaisagens do Nordeste brasileiro
Paisagens do Nordeste brasileiro
Pibid-Letras Córdula
 
Características gerais do texto dramático
Características gerais do texto dramáticoCaracterísticas gerais do texto dramático
Características gerais do texto dramático
Pibid-Letras Córdula
 
Módulo Didático: Luz, CLIC e Ação: A Reciprocidade Cultural entre a Literatur...
Módulo Didático: Luz, CLIC e Ação: A Reciprocidade Cultural entre a Literatur...Módulo Didático: Luz, CLIC e Ação: A Reciprocidade Cultural entre a Literatur...
Módulo Didático: Luz, CLIC e Ação: A Reciprocidade Cultural entre a Literatur...
Pibid-Letras Córdula
 
Módulo Didático: Ôxente! Isso aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatura ...
Módulo Didático: Ôxente! Isso aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatura ...Módulo Didático: Ôxente! Isso aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatura ...
Módulo Didático: Ôxente! Isso aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatura ...
Pibid-Letras Córdula
 
Sequência Didática: Luz, CLIC e Ação: a reciprocidade cultural entre a Litera...
Sequência Didática: Luz, CLIC e Ação: a reciprocidade cultural entre a Litera...Sequência Didática: Luz, CLIC e Ação: a reciprocidade cultural entre a Litera...
Sequência Didática: Luz, CLIC e Ação: a reciprocidade cultural entre a Litera...
Pibid-Letras Córdula
 
Sequência Didática: Ôxente! Isso Aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatu...
Sequência Didática: Ôxente! Isso Aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatu...Sequência Didática: Ôxente! Isso Aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatu...
Sequência Didática: Ôxente! Isso Aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatu...
Pibid-Letras Córdula
 
Florbela Espanca (DADOS BIOGRÁFICOS)
Florbela Espanca  (DADOS BIOGRÁFICOS)Florbela Espanca  (DADOS BIOGRÁFICOS)
Florbela Espanca (DADOS BIOGRÁFICOS)
Pibid-Letras Córdula
 
SLIDES CONTOS ATUALIZADOS
SLIDES CONTOS ATUALIZADOSSLIDES CONTOS ATUALIZADOS
SLIDES CONTOS ATUALIZADOS
Pibid-Letras Córdula
 
Elementos da narrativa 2016.2
Elementos da narrativa 2016.2Elementos da narrativa 2016.2
Elementos da narrativa 2016.2
Pibid-Letras Córdula
 
Artigo de opinião - Aspectos gerais
Artigo de opinião - Aspectos geraisArtigo de opinião - Aspectos gerais
Artigo de opinião - Aspectos gerais
Pibid-Letras Córdula
 
Slide - Profissões antigas
Slide - Profissões antigas Slide - Profissões antigas
Slide - Profissões antigas
Pibid-Letras Córdula
 
Artigo de opinião - SLIDE
Artigo de opinião - SLIDEArtigo de opinião - SLIDE
Artigo de opinião - SLIDE
Pibid-Letras Córdula
 
AS FASES DA VIDA - TIPOS DE VIOLÊNCIA
AS FASES DA VIDA - TIPOS DE VIOLÊNCIAAS FASES DA VIDA - TIPOS DE VIOLÊNCIA
AS FASES DA VIDA - TIPOS DE VIOLÊNCIA
Pibid-Letras Córdula
 
FASES DA VIDA - TIPOS DE FAMÍLIA
FASES DA VIDA - TIPOS DE FAMÍLIAFASES DA VIDA - TIPOS DE FAMÍLIA
FASES DA VIDA - TIPOS DE FAMÍLIA
Pibid-Letras Córdula
 
FASES - CHARGE
FASES - CHARGEFASES - CHARGE
FASES - CHARGE
Pibid-Letras Córdula
 
FASES DA VIDA - CASAMENTO
FASES DA VIDA - CASAMENTOFASES DA VIDA - CASAMENTO
FASES DA VIDA - CASAMENTO
Pibid-Letras Córdula
 
AS FASES DA VIDA - ADOÇÃO
AS FASES DA VIDA - ADOÇÃOAS FASES DA VIDA - ADOÇÃO
AS FASES DA VIDA - ADOÇÃO
Pibid-Letras Córdula
 
Negro às margens - Literatura marginal
Negro às margens  - Literatura marginalNegro às margens  - Literatura marginal
Negro às margens - Literatura marginal
Pibid-Letras Córdula
 

Mais de Pibid-Letras Córdula (20)

Clic cordel
Clic cordelClic cordel
Clic cordel
 
Slide entre a espada e a rosa
Slide entre a espada e a rosaSlide entre a espada e a rosa
Slide entre a espada e a rosa
 
Paisagens do Nordeste brasileiro
Paisagens do Nordeste brasileiroPaisagens do Nordeste brasileiro
Paisagens do Nordeste brasileiro
 
Características gerais do texto dramático
Características gerais do texto dramáticoCaracterísticas gerais do texto dramático
Características gerais do texto dramático
 
Módulo Didático: Luz, CLIC e Ação: A Reciprocidade Cultural entre a Literatur...
Módulo Didático: Luz, CLIC e Ação: A Reciprocidade Cultural entre a Literatur...Módulo Didático: Luz, CLIC e Ação: A Reciprocidade Cultural entre a Literatur...
Módulo Didático: Luz, CLIC e Ação: A Reciprocidade Cultural entre a Literatur...
 
Módulo Didático: Ôxente! Isso aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatura ...
Módulo Didático: Ôxente! Isso aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatura ...Módulo Didático: Ôxente! Isso aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatura ...
Módulo Didático: Ôxente! Isso aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatura ...
 
Sequência Didática: Luz, CLIC e Ação: a reciprocidade cultural entre a Litera...
Sequência Didática: Luz, CLIC e Ação: a reciprocidade cultural entre a Litera...Sequência Didática: Luz, CLIC e Ação: a reciprocidade cultural entre a Litera...
Sequência Didática: Luz, CLIC e Ação: a reciprocidade cultural entre a Litera...
 
Sequência Didática: Ôxente! Isso Aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatu...
Sequência Didática: Ôxente! Isso Aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatu...Sequência Didática: Ôxente! Isso Aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatu...
Sequência Didática: Ôxente! Isso Aqui é Nordeste: Um passeio entre a Literatu...
 
Florbela Espanca (DADOS BIOGRÁFICOS)
Florbela Espanca  (DADOS BIOGRÁFICOS)Florbela Espanca  (DADOS BIOGRÁFICOS)
Florbela Espanca (DADOS BIOGRÁFICOS)
 
SLIDES CONTOS ATUALIZADOS
SLIDES CONTOS ATUALIZADOSSLIDES CONTOS ATUALIZADOS
SLIDES CONTOS ATUALIZADOS
 
Elementos da narrativa 2016.2
Elementos da narrativa 2016.2Elementos da narrativa 2016.2
Elementos da narrativa 2016.2
 
Artigo de opinião - Aspectos gerais
Artigo de opinião - Aspectos geraisArtigo de opinião - Aspectos gerais
Artigo de opinião - Aspectos gerais
 
Slide - Profissões antigas
Slide - Profissões antigas Slide - Profissões antigas
Slide - Profissões antigas
 
Artigo de opinião - SLIDE
Artigo de opinião - SLIDEArtigo de opinião - SLIDE
Artigo de opinião - SLIDE
 
AS FASES DA VIDA - TIPOS DE VIOLÊNCIA
AS FASES DA VIDA - TIPOS DE VIOLÊNCIAAS FASES DA VIDA - TIPOS DE VIOLÊNCIA
AS FASES DA VIDA - TIPOS DE VIOLÊNCIA
 
FASES DA VIDA - TIPOS DE FAMÍLIA
FASES DA VIDA - TIPOS DE FAMÍLIAFASES DA VIDA - TIPOS DE FAMÍLIA
FASES DA VIDA - TIPOS DE FAMÍLIA
 
FASES - CHARGE
FASES - CHARGEFASES - CHARGE
FASES - CHARGE
 
FASES DA VIDA - CASAMENTO
FASES DA VIDA - CASAMENTOFASES DA VIDA - CASAMENTO
FASES DA VIDA - CASAMENTO
 
AS FASES DA VIDA - ADOÇÃO
AS FASES DA VIDA - ADOÇÃOAS FASES DA VIDA - ADOÇÃO
AS FASES DA VIDA - ADOÇÃO
 
Negro às margens - Literatura marginal
Negro às margens  - Literatura marginalNegro às margens  - Literatura marginal
Negro às margens - Literatura marginal
 

Último

A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
ReinaldoSouza57
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
cmeioctaciliabetesch
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Centro Jacques Delors
 
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptxForças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Danielle Fernandes Amaro dos Santos
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdfEgito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
sthefanydesr
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
profesfrancleite
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
AdrianoMontagna1
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
DeuzinhaAzevedo
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
DanielCastro80471
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 

Último (20)

A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
 
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptxForças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdfEgito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 

Dramatização clic entrevista a algumas personagens dos contos maravilhosos-

  • 1. PROJETO: Cultura, Literatura e Criatividade: Do erudito ao popular – CLIC COORDENADORA DA ÁREA DE LETRAS: Magliana Rodrigues da Silva ESCOLA PARTICIPANTE: E.E.E. Fundamental e Médio Professor Raul Córdula SUPERVISORA DA ESCOLA: Diana Nunes Ramalho LICENCIANDOS EM LETRAS: Ana Daniele Félix da Silva Eloiza de Oliveira Chaves Lígia Albuquerque Queiroz Monalisa Barboza Santos Nathalia Isis Oliveira DRAMATIZAÇÃO: Entrevista a algumas personagens dos contos maravilhosos Personagens: Bela, cinderela e chapeuzinho I ATO No centro da sala, estará um livro e as personagens fingiram sair do livro. II ATO Bela: Finalmente, acoooooooooordei! Cinderela: E eu finalmente consegui usar um sapato mais confortável do que o “sapatinho de cristal”! Apertava muuuuito! Chapeuzinho: Pior do que passar a vida dormindo, passar a vida sendo maltratada pela madrasta e as irmãs postiças é toda vez que vou visitar a vovó ser atacada por um lobo sem noção, babaca e que não respeita a liberdade de ir e vir na floresta.
  • 2. Bela: É verdade chapeuzinho! Precisamos ser respeitadas. Cinderela: Mais que isso... Sou muito feliz com o príncipe, mas todos nunca param pra pensar nas coisas que passei. Minha madrasta me mandava limpar tudo... o chão, o banheiro, todo o castelo. As minhas irmãs, que deveriam ser minhas amigas, me tratavam como escravas. Havia uma competição, e isso nunca foi justo! Bela: Eu passo a história toda dormindo, mas sei que sou acordada com um beijo... Chapeuzinho: Precisamos unir nossas forças e mudar nossas histórias. Cinderela: Na minha história a minha madrasta passaria a fazer as atividades domésticas também. Nada de trabalho escravo! Cada uma iria cumprir o seu papel. Direitos iguais. Bela: Já eu!? Queria participar mais das situações na minha história... não ser tão apática! Chapeuzinho: E eu!? Não ser atacada por lobo idiota! As outras princesas já conseguiram conquistar muito espaço. A Mulan mesmo, me mandou um whats outro dia dizendo que conseguiu o respeito de todos da sua cidade depois de se posicionar como guerreira, determinada e que pode exercer várias funções na sociedade. Bela: A Mulan arrasa! Vamos fazer história! Cinderela: E cada vez mais ter voz e vez!! As três: Comemoram!! (Uhuuuuuuuuulll)