SlideShare uma empresa Scribd logo
Se não sabes, aprende;
se já sabes, ensina.
Confúcio
A cultura forma sábios;
a educação, homens.
Louis Bonald
A vida deve ser uma constante educação.
Gustave Flaubert

Não é no silêncio que os homens se fazem,
mas na palavra, no trabalho, na ação-
reflexão
Paulo Freire
É no problema da educação que assenta o
grande segredo do aperfeiçoamento da
humanidade.
Immanuel Kant
             Cinco pontos importantes que
               definem um bom professor
   Educação                  http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/
Se não sabes, aprende;
           se já sabes, ensina.
           Confúcio


            Cinco pontos
           importantes que
           definem um bom
            PROFESSOR

Educação            http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/
Se não sabes, aprende;
             se já sabes, ensina.
             Confúcio

                  1- Conhecimento
Dizem-me que, para instruir, é necessário conhecer aqueles
que se instruem. Talvez. Mas bem mais importante é, sem
dúvida, conhecer bem aquilo que se ensina (1986, p. 55). Alain
tinha razão. O trabalho do professor consiste na construção de
práticas docentes que conduzam os alunos à aprendizagem.
Como escreveu Gaston Bachelard, em 1934, «é preciso
substituir o aborrecimento de viver pela alegria de pensar» (cf.
Gil, 1993).


  Educação            http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/
A cultura forma sábios;
              a educação, homens.
              Louis Bonald


        2- A     Cultura Profissional
Ser professor é compreender os sentidos da instituição escolar,
integrar-se numa profissão, aprender com os colegas mais
experientes. É na escola e no diálogo com os outros
professores que se aprende a profissão. O registro das práticas,
a reflexão sobre o trabalho e o exercício da avaliação são
elementos centrais para o aperfeiçoamento e a inovação.



  Educação            http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/
A vida deve ser uma constante
             educação.
             Gustave Flaubert


             3- O Tato Pedagógico.
No tato pedagógico, cabe essa capacidade de relação e de
comunicação sem a qual não se cumpre o ato de educar. E
também essa serenidade de quem é capaz de se dar ao respeito,
conquistando os alunos para o trabalho escolar. Saber conduzir
alguém para a outra margem, o conhecimento, não está ao
alcance de todos. No ensino, as dimensões profissionais
cruzam-se sempre, inevitavelmente, com as dimensões pessoais.


  Educação             http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/
Não é no silêncio que os homens se fazem,
             mas na palavra, no trabalho, na ação-
             reflexão
             Paulo Freire

          4- O Trabalho em Equipe.
Os novos modos de profissionalidade docente implicam um
reforço das dimensões coletivas e colaborativas, do trabalho em
equipe, da intervenção conjunta nos projetos educativos de
escola. O exercício profissional organiza-se, cada vez mais, em
torno de «comunidades de prática», no interior de cada escola,
mas também no contexto de movimentos pedagógicos que nos
ligam a dinâmicas que vão para além das fronteiras
organizacionais.


  Educação                 http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/
É no problema da educação que assenta o
           grande segredo do aperfeiçoamento da
           humanidade.
           Immanuel Kant

           5- O Compromisso Social.
Educar é conseguir que a criança ultrapasse as
fronteiras que, tantas vezes, lhe foram traçadas como
destino pelo nascimento, pela família ou pela
sociedade. Hoje, a realidade da escola obriga-nos a ir
além da escola. Comunicar com o público, intervir no
espaço público da educação, faz parte do profissional
docente.

  Educação                http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/
"O aprender se concentra em dois pilares: a
           própria pessoa, como agente, e a escola, como
           lugar de crescimento profissional permanente"




                    António Nóvoa
                 Universidad de Lisboa.
                   Lisboa. Portugal.

Educação              http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Práticas em Supervisão Escolar
Práticas em Supervisão EscolarPráticas em Supervisão Escolar
Práticas em Supervisão Escolar
delicia2
 
Formação docente
Formação docenteFormação docente
Formação docente
Maria Cristina Bortolozo
 
Planejamento e ação docente 2
Planejamento e ação docente 2Planejamento e ação docente 2
Planejamento e ação docente 2
Joao Balbi
 
A atuação do pedagogo em espaços não escolares
A atuação do pedagogo em espaços não escolaresA atuação do pedagogo em espaços não escolares
A atuação do pedagogo em espaços não escolares
Elizangela Quintela Miranda Costa
 
Formação de Professores construída dentro da profissão . 5 pontos importantes...
Formação de Professores construída dentro da profissão . 5 pontos importantes...Formação de Professores construída dentro da profissão . 5 pontos importantes...
Formação de Professores construída dentro da profissão . 5 pontos importantes...
Seduc MT
 
Resumo livro terezinha rios - compreender e ensinar
Resumo livro   terezinha rios - compreender e ensinarResumo livro   terezinha rios - compreender e ensinar
Resumo livro terezinha rios - compreender e ensinar
Soares Junior
 
RESUMO :declaração de Jomtien
RESUMO :declaração de JomtienRESUMO :declaração de Jomtien
RESUMO :declaração de Jomtien
♥Marcinhatinelli♥
 
A organização Escola
A organização EscolaA organização Escola
A organização Escola
viviprof
 
Educação inclusiva
Educação inclusivaEducação inclusiva
Educação inclusiva
Almeida Emilene Santos
 
As relações interativas em sala de aula
As relações interativas em sala de aulaAs relações interativas em sala de aula
As relações interativas em sala de aula
pedagogia para licenciados
 
Formação de professor
Formação de professorFormação de professor
Formação de professor
carmemlima
 
Gestão da Sala de Aula
Gestão da Sala de Aula Gestão da Sala de Aula
Gestão da Sala de Aula
Grasiela Dourado
 
Organização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógicoOrganização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógico
Renata Peruce
 
FORMAÇÃO CONTINUADA
FORMAÇÃO CONTINUADAFORMAÇÃO CONTINUADA
FORMAÇÃO CONTINUADA
lucavao2010
 
ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...
ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...
ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...
Joselaine
 
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicasSlides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
Marily Oliveira
 
Gestão democrática na escola pública
Gestão democrática na escola públicaGestão democrática na escola pública
Gestão democrática na escola pública
Ulisses Vakirtzis
 
BNCC na prática
BNCC na práticaBNCC na prática
BNCC na prática
Grasiela Dourado
 
O Professor e a Inclusão: A Formação e os desafios à prática docente
O Professor e a Inclusão: A Formação e os desafios à prática docente O Professor e a Inclusão: A Formação e os desafios à prática docente
O Professor e a Inclusão: A Formação e os desafios à prática docente
Anaí Peña
 
Apresentação do Projeto Inclusão Eficiente
Apresentação do Projeto Inclusão EficienteApresentação do Projeto Inclusão Eficiente
Apresentação do Projeto Inclusão Eficiente
inclusao.eficiente
 

Mais procurados (20)

Práticas em Supervisão Escolar
Práticas em Supervisão EscolarPráticas em Supervisão Escolar
Práticas em Supervisão Escolar
 
Formação docente
Formação docenteFormação docente
Formação docente
 
Planejamento e ação docente 2
Planejamento e ação docente 2Planejamento e ação docente 2
Planejamento e ação docente 2
 
A atuação do pedagogo em espaços não escolares
A atuação do pedagogo em espaços não escolaresA atuação do pedagogo em espaços não escolares
A atuação do pedagogo em espaços não escolares
 
Formação de Professores construída dentro da profissão . 5 pontos importantes...
Formação de Professores construída dentro da profissão . 5 pontos importantes...Formação de Professores construída dentro da profissão . 5 pontos importantes...
Formação de Professores construída dentro da profissão . 5 pontos importantes...
 
Resumo livro terezinha rios - compreender e ensinar
Resumo livro   terezinha rios - compreender e ensinarResumo livro   terezinha rios - compreender e ensinar
Resumo livro terezinha rios - compreender e ensinar
 
RESUMO :declaração de Jomtien
RESUMO :declaração de JomtienRESUMO :declaração de Jomtien
RESUMO :declaração de Jomtien
 
A organização Escola
A organização EscolaA organização Escola
A organização Escola
 
Educação inclusiva
Educação inclusivaEducação inclusiva
Educação inclusiva
 
As relações interativas em sala de aula
As relações interativas em sala de aulaAs relações interativas em sala de aula
As relações interativas em sala de aula
 
Formação de professor
Formação de professorFormação de professor
Formação de professor
 
Gestão da Sala de Aula
Gestão da Sala de Aula Gestão da Sala de Aula
Gestão da Sala de Aula
 
Organização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógicoOrganização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógico
 
FORMAÇÃO CONTINUADA
FORMAÇÃO CONTINUADAFORMAÇÃO CONTINUADA
FORMAÇÃO CONTINUADA
 
ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...
ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...
ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...
 
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicasSlides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
 
Gestão democrática na escola pública
Gestão democrática na escola públicaGestão democrática na escola pública
Gestão democrática na escola pública
 
BNCC na prática
BNCC na práticaBNCC na prática
BNCC na prática
 
O Professor e a Inclusão: A Formação e os desafios à prática docente
O Professor e a Inclusão: A Formação e os desafios à prática docente O Professor e a Inclusão: A Formação e os desafios à prática docente
O Professor e a Inclusão: A Formação e os desafios à prática docente
 
Apresentação do Projeto Inclusão Eficiente
Apresentação do Projeto Inclusão EficienteApresentação do Projeto Inclusão Eficiente
Apresentação do Projeto Inclusão Eficiente
 

Destaque

Apresentação Pedagógica
Apresentação PedagógicaApresentação Pedagógica
Apresentação Pedagógica
rafaelj3d
 
O bom professor
O bom professorO bom professor
O bom professor
Consolacao
 
O que é ser professor hoje? Breve reflexão acerca da arte de ensinar
O que é ser professor hoje? Breve reflexão acerca da arte de ensinarO que é ser professor hoje? Breve reflexão acerca da arte de ensinar
O que é ser professor hoje? Breve reflexão acerca da arte de ensinar
Seduc MT
 
Treze dicas de sucesso para 2013
Treze dicas de sucesso para 2013Treze dicas de sucesso para 2013
Treze dicas de sucesso para 2013
Seduc MT
 
O FAZER DO BOM PROFESSOR
O FAZER DO BOM PROFESSORO FAZER DO BOM PROFESSOR
O FAZER DO BOM PROFESSOR
rafaelj3d
 
Bom professor
Bom professorBom professor
Bom professor
Labted UEL
 
A prática do bom professor
A prática do bom professorA prática do bom professor
A prática do bom professor
milla250206
 
Frases sobre tecnologias educacionais
Frases sobre tecnologias educacionaisFrases sobre tecnologias educacionais
Frases sobre tecnologias educacionais
MIltonalcoverneto
 
Efeitos físicos e psíquicos do uso de crack
Efeitos físicos e psíquicos do uso de crackEfeitos físicos e psíquicos do uso de crack
Efeitos físicos e psíquicos do uso de crack
Seduc MT
 
10 palavras poderosas que podem mudar o mundo
10 palavras poderosas que podem mudar o mundo10 palavras poderosas que podem mudar o mundo
10 palavras poderosas que podem mudar o mundo
Seduc MT
 
12 princípios práticos para uma boa convivência no ambiente escolar
12 princípios práticos para uma boa convivência no ambiente escolar12 princípios práticos para uma boa convivência no ambiente escolar
12 princípios práticos para uma boa convivência no ambiente escolar
Seduc MT
 
Projeto direitos humanos: construindo valores positivos no ambiente escolar
Projeto direitos humanos: construindo valores positivos no ambiente escolarProjeto direitos humanos: construindo valores positivos no ambiente escolar
Projeto direitos humanos: construindo valores positivos no ambiente escolar
Seduc MT
 
Ao melhor professor do mundo. Homenagem
Ao melhor professor do mundo. HomenagemAo melhor professor do mundo. Homenagem
Ao melhor professor do mundo. Homenagem
Seduc MT
 
Curso completo de violão. prrsoares
Curso completo de violão. prrsoaresCurso completo de violão. prrsoares
Curso completo de violão. prrsoares
Seduc MT
 
Projeto Direitos Humanos: da Sala de Aula à Convivência em Comunidade
Projeto Direitos Humanos: da Sala de Aula à Convivência em ComunidadeProjeto Direitos Humanos: da Sala de Aula à Convivência em Comunidade
Projeto Direitos Humanos: da Sala de Aula à Convivência em Comunidade
Vania Brasileiro
 
Habilidades e Competências
Habilidades e CompetênciasHabilidades e Competências
Habilidades e Competências
Alexandre Lopes
 
Para ser bom professor é preciso, sim, ter vocação
Para ser bom professor é preciso, sim, ter vocaçãoPara ser bom professor é preciso, sim, ter vocação
Para ser bom professor é preciso, sim, ter vocação
Flavio Farah
 
O Professor o Coordernador e a Importância da Formação Continuada
O Professor o Coordernador e a Importância da Formação ContinuadaO Professor o Coordernador e a Importância da Formação Continuada
O Professor o Coordernador e a Importância da Formação Continuada
Seduc MT
 
Exposição de artes plásticas “Rastros que contagiam”. Museu Rosa Bororo. Rond...
Exposição de artes plásticas “Rastros que contagiam”. Museu Rosa Bororo. Rond...Exposição de artes plásticas “Rastros que contagiam”. Museu Rosa Bororo. Rond...
Exposição de artes plásticas “Rastros que contagiam”. Museu Rosa Bororo. Rond...
Seduc MT
 
Flaubert: biografía,estilo y obras. Madame Bovary.
Flaubert: biografía,estilo y obras. Madame Bovary.Flaubert: biografía,estilo y obras. Madame Bovary.
Flaubert: biografía,estilo y obras. Madame Bovary.
IreneMorenoCuesta
 

Destaque (20)

Apresentação Pedagógica
Apresentação PedagógicaApresentação Pedagógica
Apresentação Pedagógica
 
O bom professor
O bom professorO bom professor
O bom professor
 
O que é ser professor hoje? Breve reflexão acerca da arte de ensinar
O que é ser professor hoje? Breve reflexão acerca da arte de ensinarO que é ser professor hoje? Breve reflexão acerca da arte de ensinar
O que é ser professor hoje? Breve reflexão acerca da arte de ensinar
 
Treze dicas de sucesso para 2013
Treze dicas de sucesso para 2013Treze dicas de sucesso para 2013
Treze dicas de sucesso para 2013
 
O FAZER DO BOM PROFESSOR
O FAZER DO BOM PROFESSORO FAZER DO BOM PROFESSOR
O FAZER DO BOM PROFESSOR
 
Bom professor
Bom professorBom professor
Bom professor
 
A prática do bom professor
A prática do bom professorA prática do bom professor
A prática do bom professor
 
Frases sobre tecnologias educacionais
Frases sobre tecnologias educacionaisFrases sobre tecnologias educacionais
Frases sobre tecnologias educacionais
 
Efeitos físicos e psíquicos do uso de crack
Efeitos físicos e psíquicos do uso de crackEfeitos físicos e psíquicos do uso de crack
Efeitos físicos e psíquicos do uso de crack
 
10 palavras poderosas que podem mudar o mundo
10 palavras poderosas que podem mudar o mundo10 palavras poderosas que podem mudar o mundo
10 palavras poderosas que podem mudar o mundo
 
12 princípios práticos para uma boa convivência no ambiente escolar
12 princípios práticos para uma boa convivência no ambiente escolar12 princípios práticos para uma boa convivência no ambiente escolar
12 princípios práticos para uma boa convivência no ambiente escolar
 
Projeto direitos humanos: construindo valores positivos no ambiente escolar
Projeto direitos humanos: construindo valores positivos no ambiente escolarProjeto direitos humanos: construindo valores positivos no ambiente escolar
Projeto direitos humanos: construindo valores positivos no ambiente escolar
 
Ao melhor professor do mundo. Homenagem
Ao melhor professor do mundo. HomenagemAo melhor professor do mundo. Homenagem
Ao melhor professor do mundo. Homenagem
 
Curso completo de violão. prrsoares
Curso completo de violão. prrsoaresCurso completo de violão. prrsoares
Curso completo de violão. prrsoares
 
Projeto Direitos Humanos: da Sala de Aula à Convivência em Comunidade
Projeto Direitos Humanos: da Sala de Aula à Convivência em ComunidadeProjeto Direitos Humanos: da Sala de Aula à Convivência em Comunidade
Projeto Direitos Humanos: da Sala de Aula à Convivência em Comunidade
 
Habilidades e Competências
Habilidades e CompetênciasHabilidades e Competências
Habilidades e Competências
 
Para ser bom professor é preciso, sim, ter vocação
Para ser bom professor é preciso, sim, ter vocaçãoPara ser bom professor é preciso, sim, ter vocação
Para ser bom professor é preciso, sim, ter vocação
 
O Professor o Coordernador e a Importância da Formação Continuada
O Professor o Coordernador e a Importância da Formação ContinuadaO Professor o Coordernador e a Importância da Formação Continuada
O Professor o Coordernador e a Importância da Formação Continuada
 
Exposição de artes plásticas “Rastros que contagiam”. Museu Rosa Bororo. Rond...
Exposição de artes plásticas “Rastros que contagiam”. Museu Rosa Bororo. Rond...Exposição de artes plásticas “Rastros que contagiam”. Museu Rosa Bororo. Rond...
Exposição de artes plásticas “Rastros que contagiam”. Museu Rosa Bororo. Rond...
 
Flaubert: biografía,estilo y obras. Madame Bovary.
Flaubert: biografía,estilo y obras. Madame Bovary.Flaubert: biografía,estilo y obras. Madame Bovary.
Flaubert: biografía,estilo y obras. Madame Bovary.
 

Semelhante a Cinco pontos importantes que definem um bom professor

Gadotti paulo freire
Gadotti   paulo freireGadotti   paulo freire
Gadotti paulo freire
Professora Florio
 
delivery
deliverydelivery
Apresentação sobre os pilares da educação.
Apresentação sobre os pilares da educação.Apresentação sobre os pilares da educação.
Apresentação sobre os pilares da educação.
professorjoaomoreira1
 
Paulofreire
PaulofreirePaulofreire
Paulofreire
Elaine Flores
 
3
33
Pilares da-educacao
Pilares da-educacaoPilares da-educacao
Pilares da-educacao
Samanta Maria
 
Os conceitos e os caminhos da Educação
Os conceitos e os caminhos da EducaçãoOs conceitos e os caminhos da Educação
Os conceitos e os caminhos da Educação
Priscila Pettine
 
Paulo freire e os 4 pilares da educacao
Paulo freire e os 4 pilares da educacaoPaulo freire e os 4 pilares da educacao
Paulo freire e os 4 pilares da educacao
lucasegramphonte
 
Da Espistemologia Do Professor
Da Espistemologia Do ProfessorDa Espistemologia Do Professor
Da Espistemologia Do Professor
leojusto
 
Resumodasleiturasprovaofaseefetivos 130818165310-phpapp01
Resumodasleiturasprovaofaseefetivos 130818165310-phpapp01Resumodasleiturasprovaofaseefetivos 130818165310-phpapp01
Resumodasleiturasprovaofaseefetivos 130818165310-phpapp01
Jhosyrene Oliveira
 
Socialização do fórum dialogo teórico
Socialização do fórum  dialogo teóricoSocialização do fórum  dialogo teórico
Socialização do fórum dialogo teórico
Andréia Medeiros
 
A educação como processo para emancipar os cidadãos
A educação como processo para emancipar os cidadãosA educação como processo para emancipar os cidadãos
A educação como processo para emancipar os cidadãos
cefaprodematupa
 
Transtornos globais do desenvolvimento
Transtornos globais do desenvolvimentoTranstornos globais do desenvolvimento
Transtornos globais do desenvolvimento
Sih Cintra
 
Paulo freire
Paulo freirePaulo freire
Paulo freire
Gustavo Braga
 
FUNDAMENTOS DA EDUCAÇÃO
FUNDAMENTOS DA EDUCAÇÃOFUNDAMENTOS DA EDUCAÇÃO
FUNDAMENTOS DA EDUCAÇÃO
SUPORTE EDUCACIONAL
 
Fundamentos da educação
Fundamentos da educaçãoFundamentos da educação
Fundamentos da educação
Carolina Sgrillo Ed Fisíca Licenciatura
 
O Que é EducaçãO
O Que é  EducaçãOO Que é  EducaçãO
O Que é EducaçãO
Nila Michele Bastos Santos
 
AULA FREINET
AULA FREINETAULA FREINET
AULA FREINET
duducanti
 
Grupo I
Grupo IGrupo I
Boniteza de um sonho
Boniteza de um sonhoBoniteza de um sonho
Boniteza de um sonho
Denise Vilardo
 

Semelhante a Cinco pontos importantes que definem um bom professor (20)

Gadotti paulo freire
Gadotti   paulo freireGadotti   paulo freire
Gadotti paulo freire
 
delivery
deliverydelivery
delivery
 
Apresentação sobre os pilares da educação.
Apresentação sobre os pilares da educação.Apresentação sobre os pilares da educação.
Apresentação sobre os pilares da educação.
 
Paulofreire
PaulofreirePaulofreire
Paulofreire
 
3
33
3
 
Pilares da-educacao
Pilares da-educacaoPilares da-educacao
Pilares da-educacao
 
Os conceitos e os caminhos da Educação
Os conceitos e os caminhos da EducaçãoOs conceitos e os caminhos da Educação
Os conceitos e os caminhos da Educação
 
Paulo freire e os 4 pilares da educacao
Paulo freire e os 4 pilares da educacaoPaulo freire e os 4 pilares da educacao
Paulo freire e os 4 pilares da educacao
 
Da Espistemologia Do Professor
Da Espistemologia Do ProfessorDa Espistemologia Do Professor
Da Espistemologia Do Professor
 
Resumodasleiturasprovaofaseefetivos 130818165310-phpapp01
Resumodasleiturasprovaofaseefetivos 130818165310-phpapp01Resumodasleiturasprovaofaseefetivos 130818165310-phpapp01
Resumodasleiturasprovaofaseefetivos 130818165310-phpapp01
 
Socialização do fórum dialogo teórico
Socialização do fórum  dialogo teóricoSocialização do fórum  dialogo teórico
Socialização do fórum dialogo teórico
 
A educação como processo para emancipar os cidadãos
A educação como processo para emancipar os cidadãosA educação como processo para emancipar os cidadãos
A educação como processo para emancipar os cidadãos
 
Transtornos globais do desenvolvimento
Transtornos globais do desenvolvimentoTranstornos globais do desenvolvimento
Transtornos globais do desenvolvimento
 
Paulo freire
Paulo freirePaulo freire
Paulo freire
 
FUNDAMENTOS DA EDUCAÇÃO
FUNDAMENTOS DA EDUCAÇÃOFUNDAMENTOS DA EDUCAÇÃO
FUNDAMENTOS DA EDUCAÇÃO
 
Fundamentos da educação
Fundamentos da educaçãoFundamentos da educação
Fundamentos da educação
 
O Que é EducaçãO
O Que é  EducaçãOO Que é  EducaçãO
O Que é EducaçãO
 
AULA FREINET
AULA FREINETAULA FREINET
AULA FREINET
 
Grupo I
Grupo IGrupo I
Grupo I
 
Boniteza de um sonho
Boniteza de um sonhoBoniteza de um sonho
Boniteza de um sonho
 

Mais de Seduc MT

Saudades do tempo que a igreja era IGREJA. prrsoares
Saudades do tempo que a igreja era IGREJA. prrsoaresSaudades do tempo que a igreja era IGREJA. prrsoares
Saudades do tempo que a igreja era IGREJA. prrsoares
Seduc MT
 
Fake news, fato ou boato? prrsoares
Fake news, fato ou boato? prrsoaresFake news, fato ou boato? prrsoares
Fake news, fato ou boato? prrsoares
Seduc MT
 
Poesia em movimento. Aula prática de Dança
Poesia em movimento. Aula prática de DançaPoesia em movimento. Aula prática de Dança
Poesia em movimento. Aula prática de Dança
Seduc MT
 
Exposição de telas. Pintura com giz de cera
Exposição de telas. Pintura com giz de ceraExposição de telas. Pintura com giz de cera
Exposição de telas. Pintura com giz de cera
Seduc MT
 
Exposição de pintura em telas com giz de cera. PRINART
Exposição de pintura em telas com giz de cera. PRINARTExposição de pintura em telas com giz de cera. PRINART
Exposição de pintura em telas com giz de cera. PRINART
Seduc MT
 
PRINART. Arte natalina em pet
PRINART. Arte natalina em petPRINART. Arte natalina em pet
PRINART. Arte natalina em pet
Seduc MT
 
Exposição de Brinquedos com PET. PRINART
Exposição de Brinquedos com PET. PRINARTExposição de Brinquedos com PET. PRINART
Exposição de Brinquedos com PET. PRINART
Seduc MT
 
Por amor à Gabby, no tom da vida II
Por amor à Gabby, no tom da vida IIPor amor à Gabby, no tom da vida II
Por amor à Gabby, no tom da vida II
Seduc MT
 
Ser músico. prrsoares
Ser músico. prrsoaresSer músico. prrsoares
Ser músico. prrsoares
Seduc MT
 
Doe VIDA. doe SANGUE !
Doe VIDA. doe SANGUE !  Doe VIDA. doe SANGUE !
Doe VIDA. doe SANGUE !
Seduc MT
 
Imagens e mensagens do mundo da música. Musicômico. prrsoares
Imagens e mensagens do mundo da música. Musicômico. prrsoaresImagens e mensagens do mundo da música. Musicômico. prrsoares
Imagens e mensagens do mundo da música. Musicômico. prrsoares
Seduc MT
 
Fazer o bem, faz bem!
Fazer o bem, faz bem!Fazer o bem, faz bem!
Fazer o bem, faz bem!
Seduc MT
 
A Essência do amor. prrsoares
A Essência do amor. prrsoaresA Essência do amor. prrsoares
A Essência do amor. prrsoares
Seduc MT
 
Artes gerais. Artes Visuais, Dança, Teatro e Música.
Artes gerais. Artes Visuais, Dança, Teatro e Música.Artes gerais. Artes Visuais, Dança, Teatro e Música.
Artes gerais. Artes Visuais, Dança, Teatro e Música.
Seduc MT
 
Porque a vida é feita de escolhas. prrsoares
Porque a vida é feita de escolhas. prrsoaresPorque a vida é feita de escolhas. prrsoares
Porque a vida é feita de escolhas. prrsoares
Seduc MT
 
No tom da vida. prrsoares e Gabby Marques
No tom da vida. prrsoares e Gabby MarquesNo tom da vida. prrsoares e Gabby Marques
No tom da vida. prrsoares e Gabby Marques
Seduc MT
 
A Canção da meia noite. prrsoares
A Canção da meia noite. prrsoaresA Canção da meia noite. prrsoares
A Canção da meia noite. prrsoares
Seduc MT
 
O COORDENADOR PEDAGÓGICO ENQUANTO GESTOR EDUCACIONAL “Questões relevantes ent...
O COORDENADOR PEDAGÓGICO ENQUANTO GESTOR EDUCACIONAL “Questões relevantes ent...O COORDENADOR PEDAGÓGICO ENQUANTO GESTOR EDUCACIONAL “Questões relevantes ent...
O COORDENADOR PEDAGÓGICO ENQUANTO GESTOR EDUCACIONAL “Questões relevantes ent...
Seduc MT
 
Árvore Genealógica de Raimundo Soares de Andrade e Traudi Ullmann de Andrade
Árvore Genealógica  de Raimundo Soares de Andrade e Traudi Ullmann de AndradeÁrvore Genealógica  de Raimundo Soares de Andrade e Traudi Ullmann de Andrade
Árvore Genealógica de Raimundo Soares de Andrade e Traudi Ullmann de Andrade
Seduc MT
 
A Menina que Sonhava. prrsoares
A Menina que Sonhava. prrsoaresA Menina que Sonhava. prrsoares
A Menina que Sonhava. prrsoares
Seduc MT
 

Mais de Seduc MT (20)

Saudades do tempo que a igreja era IGREJA. prrsoares
Saudades do tempo que a igreja era IGREJA. prrsoaresSaudades do tempo que a igreja era IGREJA. prrsoares
Saudades do tempo que a igreja era IGREJA. prrsoares
 
Fake news, fato ou boato? prrsoares
Fake news, fato ou boato? prrsoaresFake news, fato ou boato? prrsoares
Fake news, fato ou boato? prrsoares
 
Poesia em movimento. Aula prática de Dança
Poesia em movimento. Aula prática de DançaPoesia em movimento. Aula prática de Dança
Poesia em movimento. Aula prática de Dança
 
Exposição de telas. Pintura com giz de cera
Exposição de telas. Pintura com giz de ceraExposição de telas. Pintura com giz de cera
Exposição de telas. Pintura com giz de cera
 
Exposição de pintura em telas com giz de cera. PRINART
Exposição de pintura em telas com giz de cera. PRINARTExposição de pintura em telas com giz de cera. PRINART
Exposição de pintura em telas com giz de cera. PRINART
 
PRINART. Arte natalina em pet
PRINART. Arte natalina em petPRINART. Arte natalina em pet
PRINART. Arte natalina em pet
 
Exposição de Brinquedos com PET. PRINART
Exposição de Brinquedos com PET. PRINARTExposição de Brinquedos com PET. PRINART
Exposição de Brinquedos com PET. PRINART
 
Por amor à Gabby, no tom da vida II
Por amor à Gabby, no tom da vida IIPor amor à Gabby, no tom da vida II
Por amor à Gabby, no tom da vida II
 
Ser músico. prrsoares
Ser músico. prrsoaresSer músico. prrsoares
Ser músico. prrsoares
 
Doe VIDA. doe SANGUE !
Doe VIDA. doe SANGUE !  Doe VIDA. doe SANGUE !
Doe VIDA. doe SANGUE !
 
Imagens e mensagens do mundo da música. Musicômico. prrsoares
Imagens e mensagens do mundo da música. Musicômico. prrsoaresImagens e mensagens do mundo da música. Musicômico. prrsoares
Imagens e mensagens do mundo da música. Musicômico. prrsoares
 
Fazer o bem, faz bem!
Fazer o bem, faz bem!Fazer o bem, faz bem!
Fazer o bem, faz bem!
 
A Essência do amor. prrsoares
A Essência do amor. prrsoaresA Essência do amor. prrsoares
A Essência do amor. prrsoares
 
Artes gerais. Artes Visuais, Dança, Teatro e Música.
Artes gerais. Artes Visuais, Dança, Teatro e Música.Artes gerais. Artes Visuais, Dança, Teatro e Música.
Artes gerais. Artes Visuais, Dança, Teatro e Música.
 
Porque a vida é feita de escolhas. prrsoares
Porque a vida é feita de escolhas. prrsoaresPorque a vida é feita de escolhas. prrsoares
Porque a vida é feita de escolhas. prrsoares
 
No tom da vida. prrsoares e Gabby Marques
No tom da vida. prrsoares e Gabby MarquesNo tom da vida. prrsoares e Gabby Marques
No tom da vida. prrsoares e Gabby Marques
 
A Canção da meia noite. prrsoares
A Canção da meia noite. prrsoaresA Canção da meia noite. prrsoares
A Canção da meia noite. prrsoares
 
O COORDENADOR PEDAGÓGICO ENQUANTO GESTOR EDUCACIONAL “Questões relevantes ent...
O COORDENADOR PEDAGÓGICO ENQUANTO GESTOR EDUCACIONAL “Questões relevantes ent...O COORDENADOR PEDAGÓGICO ENQUANTO GESTOR EDUCACIONAL “Questões relevantes ent...
O COORDENADOR PEDAGÓGICO ENQUANTO GESTOR EDUCACIONAL “Questões relevantes ent...
 
Árvore Genealógica de Raimundo Soares de Andrade e Traudi Ullmann de Andrade
Árvore Genealógica  de Raimundo Soares de Andrade e Traudi Ullmann de AndradeÁrvore Genealógica  de Raimundo Soares de Andrade e Traudi Ullmann de Andrade
Árvore Genealógica de Raimundo Soares de Andrade e Traudi Ullmann de Andrade
 
A Menina que Sonhava. prrsoares
A Menina que Sonhava. prrsoaresA Menina que Sonhava. prrsoares
A Menina que Sonhava. prrsoares
 

Último

UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdfCurativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
BiancaCristina75
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
bmgrama
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
samucajaime015
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
ElinarioCosta
 
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptxTudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
IACEMCASA
 
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
MarceloMonteiro213738
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
pamellaaraujo10
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
fagnerlopes11
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
sjcelsorocha
 
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
katbrochier1
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
ARIADNEMARTINSDACRUZ
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
AlineOliveira625820
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
vinibolado86
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
SidneySilva523387
 
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdfAula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Marília Pacheco
 

Último (20)

UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdfCurativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
 
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptxTudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
 
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
 
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
 
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdfAula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
 

Cinco pontos importantes que definem um bom professor

  • 1. Se não sabes, aprende; se já sabes, ensina. Confúcio A cultura forma sábios; a educação, homens. Louis Bonald A vida deve ser uma constante educação. Gustave Flaubert Não é no silêncio que os homens se fazem, mas na palavra, no trabalho, na ação- reflexão Paulo Freire É no problema da educação que assenta o grande segredo do aperfeiçoamento da humanidade. Immanuel Kant Cinco pontos importantes que definem um bom professor Educação http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/
  • 2. Se não sabes, aprende; se já sabes, ensina. Confúcio Cinco pontos importantes que definem um bom PROFESSOR Educação http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/
  • 3. Se não sabes, aprende; se já sabes, ensina. Confúcio 1- Conhecimento Dizem-me que, para instruir, é necessário conhecer aqueles que se instruem. Talvez. Mas bem mais importante é, sem dúvida, conhecer bem aquilo que se ensina (1986, p. 55). Alain tinha razão. O trabalho do professor consiste na construção de práticas docentes que conduzam os alunos à aprendizagem. Como escreveu Gaston Bachelard, em 1934, «é preciso substituir o aborrecimento de viver pela alegria de pensar» (cf. Gil, 1993). Educação http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/
  • 4. A cultura forma sábios; a educação, homens. Louis Bonald 2- A Cultura Profissional Ser professor é compreender os sentidos da instituição escolar, integrar-se numa profissão, aprender com os colegas mais experientes. É na escola e no diálogo com os outros professores que se aprende a profissão. O registro das práticas, a reflexão sobre o trabalho e o exercício da avaliação são elementos centrais para o aperfeiçoamento e a inovação. Educação http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/
  • 5. A vida deve ser uma constante educação. Gustave Flaubert 3- O Tato Pedagógico. No tato pedagógico, cabe essa capacidade de relação e de comunicação sem a qual não se cumpre o ato de educar. E também essa serenidade de quem é capaz de se dar ao respeito, conquistando os alunos para o trabalho escolar. Saber conduzir alguém para a outra margem, o conhecimento, não está ao alcance de todos. No ensino, as dimensões profissionais cruzam-se sempre, inevitavelmente, com as dimensões pessoais. Educação http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/
  • 6. Não é no silêncio que os homens se fazem, mas na palavra, no trabalho, na ação- reflexão Paulo Freire 4- O Trabalho em Equipe. Os novos modos de profissionalidade docente implicam um reforço das dimensões coletivas e colaborativas, do trabalho em equipe, da intervenção conjunta nos projetos educativos de escola. O exercício profissional organiza-se, cada vez mais, em torno de «comunidades de prática», no interior de cada escola, mas também no contexto de movimentos pedagógicos que nos ligam a dinâmicas que vão para além das fronteiras organizacionais. Educação http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/
  • 7. É no problema da educação que assenta o grande segredo do aperfeiçoamento da humanidade. Immanuel Kant 5- O Compromisso Social. Educar é conseguir que a criança ultrapasse as fronteiras que, tantas vezes, lhe foram traçadas como destino pelo nascimento, pela família ou pela sociedade. Hoje, a realidade da escola obriga-nos a ir além da escola. Comunicar com o público, intervir no espaço público da educação, faz parte do profissional docente. Educação http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/
  • 8. "O aprender se concentra em dois pilares: a própria pessoa, como agente, e a escola, como lugar de crescimento profissional permanente" António Nóvoa Universidad de Lisboa. Lisboa. Portugal. Educação http://prrsoaresamigodedeus.blogspot.com/