SlideShare uma empresa Scribd logo
Visão A Visão da Secretaria de Educação de  Peruíbe  é ser referência na Região Metropolitana da Baixada Santista, como uma Rede Municipal  de mais elevado desempenho, que garanta a todos os alunos altos níveis de aprendizagem nas competências e habilidades fundamentais,  sustentada para uma gestão educacional inovadora e eficiente.  Missão  A Missão da Secretaria  de Educação de Peruíbe é garantir o desenvolvimento de valores, competências e habilidades de todos os alunos,  por meio da valorização  e formação  continuada dos profissionais da educação, de um ambiente integrado, em parceria com os pais e demais membros da comunidade, para formar cidadãos críticos, autônomos e participativos.  Finalidade Todos os alunos com altos níveis de aprendizagem  Metas &Medidas de Aprendizagem Nas Unidades Escolares da Rede Municipal de Peruíbe, os alunos demonstrarão níveis elevados de  desempenho ou tendências expressivas de avanço, na sua capacidade de: 3  •  Comunicar-se oralmente de forma clara e articulada adequando a fala a diferentes situações de interação oral (informar, argumentar, persuadir, etc.), de modo que os outros possam entender a mensagem naturalmente.  5  •  Calcular usando estratégias pessoais ou a forma convencional de resolução das operações, usando com agilidade os procedimentos adotados.  1  •  Ler e entender diferentes materiais impressos de uso freqüente na sociedade, compreendendo a leitura em suas diversas funções.  6  •  Interagir com seus colegas de forma cooperativa e responsável, na realização de tarefas comuns, valorizando as diversas contribuições, ajudando a resolver conflitos, buscando o consenso próprio das decisões coletivas.  Prova Brasil Provinha Brasil SARESP Ficha SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE PERUÍBE Av..São João, 365 – Centro – Peruíbe – S.P. -Tel/Fax (0xx13) 3453.7800 Site:  www.peruibe.sp.gov.br   /  E- mail: educacaoperuibe@yahoo.com.br MAPA DE METAS 2009 2  •  Produzir textos claros e coerentes, realizando análise e reflexão sobre a língua e registro adequado à situação comunicativa.  4  •  Resolver situações-problema do cotidiano, com lógica, criatividade, capacidade de análise crítica da situação e de julgamento das alternativas de solução. 7  •  Utilizar, com desen- voltura, a tecnologia da informação e comunica- ção (computadores, Internet e outros avanços), como um recurso auxiliar, versátil, de aprendizagem, especialmente na busca, seleção, organização e aplicação das informações.  Prova Brasil Provinha Brasil SARESP Ficha  Ficha Pesquisa de percepção: professores, pais, coordenadores. Prova Brasil SARESP Ficha Prova Brasil SARESP Ficha Ficha Pesquisa de percepção: professores, pais e coordenadores Ficha que contenha: a) % de professores que desenvolvem projetos de inclusão digital. b) Nº. de alunos que utilizam a TI como  ferramenta de  Aprendizagem c) % de alunos que usam o  editor de textos para  processar trabalhos  Escolares. d) % de alunos que usam a planilha de cálculo para processar trabalhos Escolares. e) % de alunos que usam  a Internet na escola para  Busca espontânea da Informação .
I  Promoção de ações Político  Pedagógicas bem definidas IV  Aplicação do Programa de Gestão Educacional 8. Atender diferentes ritmos e estilos de aprendizagem 9. Implementar a Educação Inclusiva. 10.Garantir um ambiente propício para aprendizado do aluno 11.Envolver os profissionais na melhoria dos principais processos que impactam os resultados da aprendizagem dos alunos. 14. Promover capacitação dos funcionários   15.Implantar um sistema de Avaliação que impulsione o Melhoramento Contínuo da atuação dos funcionários 16.Centrar o Programa de Educação Continuada dos professores nas Metas de Aprendizagem III Desenvolvimento profissional da equipe  de funcionários da educação II  Fortalecimento de parcerias Metas  Medidas 17. Utilizar o Programa de Gestão Educacional na condução do trabalho diário.  18. Implantação de um Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar. a) % de pais que,  pelo menos uma vez por semana, interagem com a  escola. b) Percepção dos pais sobre a importância da escola na vida dos filhos . a) Nº. de projetos de parcerias em curso, com foco direto na aprendizagem. b) % de alunos impactados diretamente.  a) Nº. de  participações dos Profissionais em capacitações  promovidas pela SME b) Nº. de  participações dos Profissionais em Capacitações  promovidas pela Escola a) Nº. de Funcionário com Plano de Ação implementado a partir da Avaliação de Desempenho. a) Número de Escolas com “ sinais vitais” do PGE, em todos os níveis,  observados por Comissão conjunta da SME/ Escola  a) Número de  Escolas com alto  Rendimento  Escolar. Metas  Medidas Metas  Medidas Metas  Medidas Educação Centrada na Aprendizagem. Visão Sistêmica. Gestão dos Fatos e Dados. Estratégias O que faremos para atingir nossa Finalidade: Valorização dos professores, funcionários e parceiros Liderança Visionária. 12. Incluir ativamente os pais no alcance das Metas de Aprendizagem 13.Estabelecer parceria com os   pais e as diversas Instituições Públicas, Privadas e ONG’s em iniciativas que impactem a Finalidade e a Missão da SME SARESP- Sistema de Avaliação de São Paulo Nº de iniciativas de capacitação focadas nas metas de aprendizagem oferecidas pela SME. b)   Nº. de iniciativas de capacitação focadas nas metas de aprendizagem oferecidas pela Escola. a) Nº. de professores que realizam atividades de recuperação paralela. b) Nº. de projetos de  recuperação paralela desenvolvidos pela Escola. c) Nº de professores que realizam atividades de Recuperação Contínua. d) Nº. de professores que desenvolvem estratégias que atendem a diferentes estilos de aprendizagem. a) Nº. de Alunos com NEE incluídos na Escola. b) Nº. de iniciativas de Atendimento aos alunos incluídos.  c) Nº de alunos com  garantias de recursos Específicos e de acesso  (transporte). a) Nº. de professores com Comparecimento integral no mês. b) Nº. de alunos com frequência total no mês. c) Nº. de Ocorrências Disciplinares graves relativa aos alunos. a) Nº. de profissionais que, na percepção da Equipe de Liderança da  Escola, tem Práticas sistemáticas de melhoramento de seus processos.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2
Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2
Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2
magdantecrato
 
3ª REUNIÃO MMR 2020
3ª REUNIÃO MMR 20203ª REUNIÃO MMR 2020
3ª REUNIÃO MMR 2020
Wilson Barbieri
 
Avaliações externas
Avaliações externasAvaliações externas
Avaliações externas
Amanda Moraes Rodrigues
 
Metodologias do Projeto Jovem de Futuro - Valor do Amanhã na Educação
Metodologias do Projeto Jovem de Futuro - Valor do Amanhã na EducaçãoMetodologias do Projeto Jovem de Futuro - Valor do Amanhã na Educação
Metodologias do Projeto Jovem de Futuro - Valor do Amanhã na Educação
Instituto Unibanco
 
Eleição
EleiçãoEleição
Apresentação Escola participativa
Apresentação Escola participativaApresentação Escola participativa
Apresentação Escola participativa
Alan Ciriaco
 
Gestão na escola
Gestão na escolaGestão na escola
Apresentação para fórum nacional de sma 2011
Apresentação para fórum nacional de sma 2011Apresentação para fórum nacional de sma 2011
Apresentação para fórum nacional de sma 2011
fonacrj
 
Projeto de aceleração
Projeto de aceleraçãoProjeto de aceleração
Projeto de aceleração
Mônix Sousa
 
Se Liga e Acelera em Itabaiana
Se Liga e Acelera em ItabaianaSe Liga e Acelera em Itabaiana
Se Liga e Acelera em Itabaiana
guest90f41f
 
COORDENADORES DE PAIS
COORDENADORES DE PAISCOORDENADORES DE PAIS
COORDENADORES DE PAIS
Wany Goes Dias
 
Metodologias do Projeto Jovem de Futuro - Curso de Gestão Escolar para Result...
Metodologias do Projeto Jovem de Futuro - Curso de Gestão Escolar para Result...Metodologias do Projeto Jovem de Futuro - Curso de Gestão Escolar para Result...
Metodologias do Projeto Jovem de Futuro - Curso de Gestão Escolar para Result...
Instituto Unibanco
 
Banner matemática
Banner matemáticaBanner matemática
Banner matemática
mosaca22
 
Plano de ação da Escola João Ferreira da Silva
Plano de ação da Escola João Ferreira da SilvaPlano de ação da Escola João Ferreira da Silva
Plano de ação da Escola João Ferreira da Silva
Lucio Lira
 
Bons Resultados no Ideb: estudo exploratório de fatores explicativos no Mato ...
Bons Resultados no Ideb: estudo exploratório de fatores explicativos no Mato ...Bons Resultados no Ideb: estudo exploratório de fatores explicativos no Mato ...
Bons Resultados no Ideb: estudo exploratório de fatores explicativos no Mato ...
Iasmin Marinho
 
Educare
EducareEducare
Projeto Político Pedagógico (PPP) da Escola Alegria do Saber (Vila Sanção)
Projeto Político Pedagógico (PPP) da Escola Alegria do Saber (Vila Sanção)Projeto Político Pedagógico (PPP) da Escola Alegria do Saber (Vila Sanção)
Projeto Político Pedagógico (PPP) da Escola Alegria do Saber (Vila Sanção)
Adilson P Motta Motta
 
1 apresentação iniciativa educadores do brasil
1 apresentação iniciativa educadores do brasil1 apresentação iniciativa educadores do brasil
1 apresentação iniciativa educadores do brasil
NTEPatrocinio
 
Sala ppp
Sala pppSala ppp
Sala ppp
ryldonjohnson
 
Manual tutor para agentes jovens
Manual tutor para agentes jovensManual tutor para agentes jovens
Manual tutor para agentes jovens
Jaque Godinho
 

Mais procurados (20)

Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2
Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2
Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2
 
3ª REUNIÃO MMR 2020
3ª REUNIÃO MMR 20203ª REUNIÃO MMR 2020
3ª REUNIÃO MMR 2020
 
Avaliações externas
Avaliações externasAvaliações externas
Avaliações externas
 
Metodologias do Projeto Jovem de Futuro - Valor do Amanhã na Educação
Metodologias do Projeto Jovem de Futuro - Valor do Amanhã na EducaçãoMetodologias do Projeto Jovem de Futuro - Valor do Amanhã na Educação
Metodologias do Projeto Jovem de Futuro - Valor do Amanhã na Educação
 
Eleição
EleiçãoEleição
Eleição
 
Apresentação Escola participativa
Apresentação Escola participativaApresentação Escola participativa
Apresentação Escola participativa
 
Gestão na escola
Gestão na escolaGestão na escola
Gestão na escola
 
Apresentação para fórum nacional de sma 2011
Apresentação para fórum nacional de sma 2011Apresentação para fórum nacional de sma 2011
Apresentação para fórum nacional de sma 2011
 
Projeto de aceleração
Projeto de aceleraçãoProjeto de aceleração
Projeto de aceleração
 
Se Liga e Acelera em Itabaiana
Se Liga e Acelera em ItabaianaSe Liga e Acelera em Itabaiana
Se Liga e Acelera em Itabaiana
 
COORDENADORES DE PAIS
COORDENADORES DE PAISCOORDENADORES DE PAIS
COORDENADORES DE PAIS
 
Metodologias do Projeto Jovem de Futuro - Curso de Gestão Escolar para Result...
Metodologias do Projeto Jovem de Futuro - Curso de Gestão Escolar para Result...Metodologias do Projeto Jovem de Futuro - Curso de Gestão Escolar para Result...
Metodologias do Projeto Jovem de Futuro - Curso de Gestão Escolar para Result...
 
Banner matemática
Banner matemáticaBanner matemática
Banner matemática
 
Plano de ação da Escola João Ferreira da Silva
Plano de ação da Escola João Ferreira da SilvaPlano de ação da Escola João Ferreira da Silva
Plano de ação da Escola João Ferreira da Silva
 
Bons Resultados no Ideb: estudo exploratório de fatores explicativos no Mato ...
Bons Resultados no Ideb: estudo exploratório de fatores explicativos no Mato ...Bons Resultados no Ideb: estudo exploratório de fatores explicativos no Mato ...
Bons Resultados no Ideb: estudo exploratório de fatores explicativos no Mato ...
 
Educare
EducareEducare
Educare
 
Projeto Político Pedagógico (PPP) da Escola Alegria do Saber (Vila Sanção)
Projeto Político Pedagógico (PPP) da Escola Alegria do Saber (Vila Sanção)Projeto Político Pedagógico (PPP) da Escola Alegria do Saber (Vila Sanção)
Projeto Político Pedagógico (PPP) da Escola Alegria do Saber (Vila Sanção)
 
1 apresentação iniciativa educadores do brasil
1 apresentação iniciativa educadores do brasil1 apresentação iniciativa educadores do brasil
1 apresentação iniciativa educadores do brasil
 
Sala ppp
Sala pppSala ppp
Sala ppp
 
Manual tutor para agentes jovens
Manual tutor para agentes jovensManual tutor para agentes jovens
Manual tutor para agentes jovens
 

Destaque

Trabajo 1
Trabajo 1Trabajo 1
Untitled.fr11.pdf 12 nov.
Untitled.fr11.pdf 12 nov.Untitled.fr11.pdf 12 nov.
Untitled.fr11.pdf 12 nov.
Elyzabeth Tarco
 
Guía 2
Guía 2Guía 2
Guía 2
Luis Torres
 
Encuadre General
Encuadre GeneralEncuadre General
Encuadre General
Ana Rosas Rosas
 
Shipping and receiving coordinator kpi
Shipping and receiving coordinator kpiShipping and receiving coordinator kpi
Shipping and receiving coordinator kpi
jommericas
 
Flyer February Venture Realty Inc 2012
Flyer February Venture Realty Inc 2012Flyer February Venture Realty Inc 2012
Flyer February Venture Realty Inc 2012
Harvey Mcclintock
 
Contaminación
ContaminaciónContaminación
Contaminación
Dulce Melissa
 
El computador portatil
El computador portatil El computador portatil
El computador portatil
Nataliamr
 
Tipos de redes y topologias
Tipos de redes y topologiasTipos de redes y topologias
Tipos de redes y topologias
jcarlosyoper978
 
Inicio del pem
Inicio del pemInicio del pem
Inicio del pem
PEMFMA
 
Como montar una lan
Como montar una lanComo montar una lan
Como montar una lan
chitopanchito
 
BOT additional report
BOT additional reportBOT additional report
BOT additional report
aqignacio
 
Animales en peligro de extincion
Animales en peligro de extincionAnimales en peligro de extincion
Animales en peligro de extincion
Dulce Melissa
 
A hel
A   helA   hel
Power funciones del lenguaje
Power funciones del lenguaje Power funciones del lenguaje
Power funciones del lenguaje
Isabel Andia
 
El software
El softwareEl software
El software
maiietchegoyen
 
colegi sudamericano
colegi sudamericanocolegi sudamericano
colegi sudamericano
Diego Muñoz Gonzalez
 
LOW CARBON ENERGY BEYOND THE GAS MAIN
 LOW CARBON ENERGY BEYOND THE GAS MAIN LOW CARBON ENERGY BEYOND THE GAS MAIN
LOW CARBON ENERGY BEYOND THE GAS MAIN
dorholli
 

Destaque (20)

Doc1
Doc1Doc1
Doc1
 
Trabajo 1
Trabajo 1Trabajo 1
Trabajo 1
 
Untitled.fr11.pdf 12 nov.
Untitled.fr11.pdf 12 nov.Untitled.fr11.pdf 12 nov.
Untitled.fr11.pdf 12 nov.
 
Meu GrAFICO
Meu GrAFICOMeu GrAFICO
Meu GrAFICO
 
Guía 2
Guía 2Guía 2
Guía 2
 
Encuadre General
Encuadre GeneralEncuadre General
Encuadre General
 
Shipping and receiving coordinator kpi
Shipping and receiving coordinator kpiShipping and receiving coordinator kpi
Shipping and receiving coordinator kpi
 
Flyer February Venture Realty Inc 2012
Flyer February Venture Realty Inc 2012Flyer February Venture Realty Inc 2012
Flyer February Venture Realty Inc 2012
 
Contaminación
ContaminaciónContaminación
Contaminación
 
El computador portatil
El computador portatil El computador portatil
El computador portatil
 
Tipos de redes y topologias
Tipos de redes y topologiasTipos de redes y topologias
Tipos de redes y topologias
 
Inicio del pem
Inicio del pemInicio del pem
Inicio del pem
 
Como montar una lan
Como montar una lanComo montar una lan
Como montar una lan
 
BOT additional report
BOT additional reportBOT additional report
BOT additional report
 
Animales en peligro de extincion
Animales en peligro de extincionAnimales en peligro de extincion
Animales en peligro de extincion
 
A hel
A   helA   hel
A hel
 
Power funciones del lenguaje
Power funciones del lenguaje Power funciones del lenguaje
Power funciones del lenguaje
 
El software
El softwareEl software
El software
 
colegi sudamericano
colegi sudamericanocolegi sudamericano
colegi sudamericano
 
LOW CARBON ENERGY BEYOND THE GAS MAIN
 LOW CARBON ENERGY BEYOND THE GAS MAIN LOW CARBON ENERGY BEYOND THE GAS MAIN
LOW CARBON ENERGY BEYOND THE GAS MAIN
 

Semelhante a C:\Documents And Settings\Administrador\Meus Documentos\Mari\Plano De Melhoramento Revisado

Mapa Estratégico
Mapa EstratégicoMapa Estratégico
Mapa Estratégico
Rafael Souza
 
Planejamento Pedagógico - EE República do Suriname 2015
Planejamento Pedagógico - EE República do Suriname 2015Planejamento Pedagógico - EE República do Suriname 2015
Planejamento Pedagógico - EE República do Suriname 2015
jeffcezanne
 
Avaliacao do Desempenho Docente e Supervisao Pedagogica
Avaliacao do Desempenho Docente e Supervisao PedagogicaAvaliacao do Desempenho Docente e Supervisao Pedagogica
Avaliacao do Desempenho Docente e Supervisao Pedagogica
Agostinho NSilva
 
Plano de gestão CHAPA 1
Plano de gestão CHAPA 1Plano de gestão CHAPA 1
Plano de gestão CHAPA 1
Andréa Otoni Sales
 
Atividade 6 gestão democrática e participativa- relatos das possibilidades
Atividade 6  gestão democrática e participativa- relatos das possibilidadesAtividade 6  gestão democrática e participativa- relatos das possibilidades
Atividade 6 gestão democrática e participativa- relatos das possibilidades
Ivana MArta da Silva
 
Cópia de Plano de Ação_EE Coronel 2023.docx
Cópia de Plano de Ação_EE Coronel 2023.docxCópia de Plano de Ação_EE Coronel 2023.docx
Cópia de Plano de Ação_EE Coronel 2023.docx
ProfLeandrodosSantos
 
Gdp Renovar (AvaliaçãO)
Gdp   Renovar (AvaliaçãO)Gdp   Renovar (AvaliaçãO)
Gdp Renovar (AvaliaçãO)
Édlon Marcus
 
GDP - RENOVAÇÃO - (AVALIAÇÃO)
GDP - RENOVAÇÃO - (AVALIAÇÃO)GDP - RENOVAÇÃO - (AVALIAÇÃO)
GDP - RENOVAÇÃO - (AVALIAÇÃO)
Édlon Marcus
 
Cinco critérios para uma formação eficaz de gestores escolares
Cinco critérios para uma formação eficaz de gestores escolaresCinco critérios para uma formação eficaz de gestores escolares
Cinco critérios para uma formação eficaz de gestores escolares
unieubra
 
PPT Planejamento 2018
PPT  Planejamento 2018PPT  Planejamento 2018
PPT Planejamento 2018
Claudia Ortolan Ortolan
 
20 pea-2013-2016
20 pea-2013-201620 pea-2013-2016
20 pea-2013-2016
Maria José Oliveira
 
Plano Educacional_Grupo Veronica Debora Paloma Joyce e Michelle.doc
Plano Educacional_Grupo Veronica Debora Paloma Joyce e    Michelle.docPlano Educacional_Grupo Veronica Debora Paloma Joyce e    Michelle.doc
Plano Educacional_Grupo Veronica Debora Paloma Joyce e Michelle.doc
micsquize
 
Organização inicial 2013
Organização inicial 2013Organização inicial 2013
Organização inicial 2013
vivianelima
 
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docx
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docxPrograma GLAUBER 2023 17-04 B.docx
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docx
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Faculdade integrada do brasil
Faculdade integrada do brasilFaculdade integrada do brasil
Faculdade integrada do brasil
cidaslide
 
Faculdade integrada do brasil
Faculdade integrada do brasilFaculdade integrada do brasil
Faculdade integrada do brasil
cidaslide
 
Faculdade integrada do brasil
Faculdade integrada do brasilFaculdade integrada do brasil
Faculdade integrada do brasil
cidaslide
 
Atualizado formação continuada dos gestores na educação infantil
Atualizado  formação continuada dos gestores na educação infantilAtualizado  formação continuada dos gestores na educação infantil
Atualizado formação continuada dos gestores na educação infantil
UAB -Polo de Primavera do Leste
 
Plano de ação - Chapa 2
Plano de ação - Chapa 2Plano de ação - Chapa 2
Plano de ação - Chapa 2
leilavss
 
Projeto Politico Pedagógico
Projeto Politico Pedagógico Projeto Politico Pedagógico
Projeto Politico Pedagógico
E.E. Prof. João Magiano Pinto
 

Semelhante a C:\Documents And Settings\Administrador\Meus Documentos\Mari\Plano De Melhoramento Revisado (20)

Mapa Estratégico
Mapa EstratégicoMapa Estratégico
Mapa Estratégico
 
Planejamento Pedagógico - EE República do Suriname 2015
Planejamento Pedagógico - EE República do Suriname 2015Planejamento Pedagógico - EE República do Suriname 2015
Planejamento Pedagógico - EE República do Suriname 2015
 
Avaliacao do Desempenho Docente e Supervisao Pedagogica
Avaliacao do Desempenho Docente e Supervisao PedagogicaAvaliacao do Desempenho Docente e Supervisao Pedagogica
Avaliacao do Desempenho Docente e Supervisao Pedagogica
 
Plano de gestão CHAPA 1
Plano de gestão CHAPA 1Plano de gestão CHAPA 1
Plano de gestão CHAPA 1
 
Atividade 6 gestão democrática e participativa- relatos das possibilidades
Atividade 6  gestão democrática e participativa- relatos das possibilidadesAtividade 6  gestão democrática e participativa- relatos das possibilidades
Atividade 6 gestão democrática e participativa- relatos das possibilidades
 
Cópia de Plano de Ação_EE Coronel 2023.docx
Cópia de Plano de Ação_EE Coronel 2023.docxCópia de Plano de Ação_EE Coronel 2023.docx
Cópia de Plano de Ação_EE Coronel 2023.docx
 
Gdp Renovar (AvaliaçãO)
Gdp   Renovar (AvaliaçãO)Gdp   Renovar (AvaliaçãO)
Gdp Renovar (AvaliaçãO)
 
GDP - RENOVAÇÃO - (AVALIAÇÃO)
GDP - RENOVAÇÃO - (AVALIAÇÃO)GDP - RENOVAÇÃO - (AVALIAÇÃO)
GDP - RENOVAÇÃO - (AVALIAÇÃO)
 
Cinco critérios para uma formação eficaz de gestores escolares
Cinco critérios para uma formação eficaz de gestores escolaresCinco critérios para uma formação eficaz de gestores escolares
Cinco critérios para uma formação eficaz de gestores escolares
 
PPT Planejamento 2018
PPT  Planejamento 2018PPT  Planejamento 2018
PPT Planejamento 2018
 
20 pea-2013-2016
20 pea-2013-201620 pea-2013-2016
20 pea-2013-2016
 
Plano Educacional_Grupo Veronica Debora Paloma Joyce e Michelle.doc
Plano Educacional_Grupo Veronica Debora Paloma Joyce e    Michelle.docPlano Educacional_Grupo Veronica Debora Paloma Joyce e    Michelle.doc
Plano Educacional_Grupo Veronica Debora Paloma Joyce e Michelle.doc
 
Organização inicial 2013
Organização inicial 2013Organização inicial 2013
Organização inicial 2013
 
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docx
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docxPrograma GLAUBER 2023 17-04 B.docx
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docx
 
Faculdade integrada do brasil
Faculdade integrada do brasilFaculdade integrada do brasil
Faculdade integrada do brasil
 
Faculdade integrada do brasil
Faculdade integrada do brasilFaculdade integrada do brasil
Faculdade integrada do brasil
 
Faculdade integrada do brasil
Faculdade integrada do brasilFaculdade integrada do brasil
Faculdade integrada do brasil
 
Atualizado formação continuada dos gestores na educação infantil
Atualizado  formação continuada dos gestores na educação infantilAtualizado  formação continuada dos gestores na educação infantil
Atualizado formação continuada dos gestores na educação infantil
 
Plano de ação - Chapa 2
Plano de ação - Chapa 2Plano de ação - Chapa 2
Plano de ação - Chapa 2
 
Projeto Politico Pedagógico
Projeto Politico Pedagógico Projeto Politico Pedagógico
Projeto Politico Pedagógico
 

Último

Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Falcão Brasil
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
marcos oliveira
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
antonio carlos
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
jetroescola
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 

Último (20)

Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 

C:\Documents And Settings\Administrador\Meus Documentos\Mari\Plano De Melhoramento Revisado

  • 1. Visão A Visão da Secretaria de Educação de Peruíbe é ser referência na Região Metropolitana da Baixada Santista, como uma Rede Municipal de mais elevado desempenho, que garanta a todos os alunos altos níveis de aprendizagem nas competências e habilidades fundamentais, sustentada para uma gestão educacional inovadora e eficiente. Missão A Missão da Secretaria de Educação de Peruíbe é garantir o desenvolvimento de valores, competências e habilidades de todos os alunos, por meio da valorização e formação continuada dos profissionais da educação, de um ambiente integrado, em parceria com os pais e demais membros da comunidade, para formar cidadãos críticos, autônomos e participativos. Finalidade Todos os alunos com altos níveis de aprendizagem Metas &Medidas de Aprendizagem Nas Unidades Escolares da Rede Municipal de Peruíbe, os alunos demonstrarão níveis elevados de desempenho ou tendências expressivas de avanço, na sua capacidade de: 3 • Comunicar-se oralmente de forma clara e articulada adequando a fala a diferentes situações de interação oral (informar, argumentar, persuadir, etc.), de modo que os outros possam entender a mensagem naturalmente. 5 • Calcular usando estratégias pessoais ou a forma convencional de resolução das operações, usando com agilidade os procedimentos adotados. 1 • Ler e entender diferentes materiais impressos de uso freqüente na sociedade, compreendendo a leitura em suas diversas funções. 6 • Interagir com seus colegas de forma cooperativa e responsável, na realização de tarefas comuns, valorizando as diversas contribuições, ajudando a resolver conflitos, buscando o consenso próprio das decisões coletivas. Prova Brasil Provinha Brasil SARESP Ficha SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE PERUÍBE Av..São João, 365 – Centro – Peruíbe – S.P. -Tel/Fax (0xx13) 3453.7800 Site: www.peruibe.sp.gov.br / E- mail: educacaoperuibe@yahoo.com.br MAPA DE METAS 2009 2 • Produzir textos claros e coerentes, realizando análise e reflexão sobre a língua e registro adequado à situação comunicativa. 4 • Resolver situações-problema do cotidiano, com lógica, criatividade, capacidade de análise crítica da situação e de julgamento das alternativas de solução. 7 • Utilizar, com desen- voltura, a tecnologia da informação e comunica- ção (computadores, Internet e outros avanços), como um recurso auxiliar, versátil, de aprendizagem, especialmente na busca, seleção, organização e aplicação das informações. Prova Brasil Provinha Brasil SARESP Ficha Ficha Pesquisa de percepção: professores, pais, coordenadores. Prova Brasil SARESP Ficha Prova Brasil SARESP Ficha Ficha Pesquisa de percepção: professores, pais e coordenadores Ficha que contenha: a) % de professores que desenvolvem projetos de inclusão digital. b) Nº. de alunos que utilizam a TI como ferramenta de Aprendizagem c) % de alunos que usam o editor de textos para processar trabalhos Escolares. d) % de alunos que usam a planilha de cálculo para processar trabalhos Escolares. e) % de alunos que usam a Internet na escola para Busca espontânea da Informação .
  • 2. I Promoção de ações Político Pedagógicas bem definidas IV Aplicação do Programa de Gestão Educacional 8. Atender diferentes ritmos e estilos de aprendizagem 9. Implementar a Educação Inclusiva. 10.Garantir um ambiente propício para aprendizado do aluno 11.Envolver os profissionais na melhoria dos principais processos que impactam os resultados da aprendizagem dos alunos. 14. Promover capacitação dos funcionários 15.Implantar um sistema de Avaliação que impulsione o Melhoramento Contínuo da atuação dos funcionários 16.Centrar o Programa de Educação Continuada dos professores nas Metas de Aprendizagem III Desenvolvimento profissional da equipe de funcionários da educação II Fortalecimento de parcerias Metas Medidas 17. Utilizar o Programa de Gestão Educacional na condução do trabalho diário. 18. Implantação de um Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar. a) % de pais que, pelo menos uma vez por semana, interagem com a escola. b) Percepção dos pais sobre a importância da escola na vida dos filhos . a) Nº. de projetos de parcerias em curso, com foco direto na aprendizagem. b) % de alunos impactados diretamente. a) Nº. de participações dos Profissionais em capacitações promovidas pela SME b) Nº. de participações dos Profissionais em Capacitações promovidas pela Escola a) Nº. de Funcionário com Plano de Ação implementado a partir da Avaliação de Desempenho. a) Número de Escolas com “ sinais vitais” do PGE, em todos os níveis, observados por Comissão conjunta da SME/ Escola a) Número de Escolas com alto Rendimento Escolar. Metas Medidas Metas Medidas Metas Medidas Educação Centrada na Aprendizagem. Visão Sistêmica. Gestão dos Fatos e Dados. Estratégias O que faremos para atingir nossa Finalidade: Valorização dos professores, funcionários e parceiros Liderança Visionária. 12. Incluir ativamente os pais no alcance das Metas de Aprendizagem 13.Estabelecer parceria com os pais e as diversas Instituições Públicas, Privadas e ONG’s em iniciativas que impactem a Finalidade e a Missão da SME SARESP- Sistema de Avaliação de São Paulo Nº de iniciativas de capacitação focadas nas metas de aprendizagem oferecidas pela SME. b) Nº. de iniciativas de capacitação focadas nas metas de aprendizagem oferecidas pela Escola. a) Nº. de professores que realizam atividades de recuperação paralela. b) Nº. de projetos de recuperação paralela desenvolvidos pela Escola. c) Nº de professores que realizam atividades de Recuperação Contínua. d) Nº. de professores que desenvolvem estratégias que atendem a diferentes estilos de aprendizagem. a) Nº. de Alunos com NEE incluídos na Escola. b) Nº. de iniciativas de Atendimento aos alunos incluídos. c) Nº de alunos com garantias de recursos Específicos e de acesso (transporte). a) Nº. de professores com Comparecimento integral no mês. b) Nº. de alunos com frequência total no mês. c) Nº. de Ocorrências Disciplinares graves relativa aos alunos. a) Nº. de profissionais que, na percepção da Equipe de Liderança da Escola, tem Práticas sistemáticas de melhoramento de seus processos.