SlideShare uma empresa Scribd logo
BARROCO
Professora Nathielle Rodrigues
SURGIMENTO
 O Barroco procura solucionar os dilemas de um homem
que perdeu sua confiança ilimitada na razão e na
harmonia, através da volta a uma intensa religiosidade medieval
e da eliminação dos conceitos renascentistas de vida e arte. Em
parte, isso não é atingido e as contradições prosseguiram.
CONTEXTO HISTÓRICO
 Arte da Contrarreforma
- Crise do Renascimento
- Destruição da harmonia social aristocrática
- Valorização do Teocentrismo
Feudalismo Mercantilismo Crise da sociedade
Renascentista e
Contrarreforma
Arte Medieval Renascimento Barroco
Teocentrimos Humanismo Volta à religiosidade
Valorização da
vida espiritual
Valorização da vida
corpórea
Dilaceramentos
 Vida terrena
 Gozo mundano
 pecado
 Graça
 Salvação
 Vida eterna
CONFLITO ENTRE CORPO E
ALMA
CORPO ALMA
Atenção para a ideia de vida terrena associada ao Carpe Diem (aproveite o dia)
LINGUAGEM ORNAMENTAL
 Antíteses - Figura de linguagem que consiste na exposição de
ideias opostas
 Paradoxos - O contrário da opinião admitida como válida
 Metáforas – Expressão que produz sentidos figurados por
meio de comparações implícitas
 Ausência de clareza
 Estilo que traduz os conflitos interiores
 O atormentado universo
religioso representado por El
Greco, expressando o
dilaceramento da arte
maneirista e barroca
Detalhe de Santo André e São Francisco
 A piedade, do pinto r
espanhol Luis de
Morales, expressa o clima
intensamente religioso do
Barroco.
 A alcoviteira, de Gerard Van Honthorst, revela o lado sensual da alma barroca
 A morte simultaneamente
horroriza e fascina o homem
barroco.
Rapaz segurando crânio, do
holandês Franz Hals
CULTISMO E CONCEPTISMO
Cultismo: Busca da perfeição formal por meio de um estilo
excessivo e rebuscado/ é o culto da formado texto e procura enfatizar
a expressividade deste através do uso (e abuso) das figuras de linguagem.
 Conceptismo: Tentativa de dizer o máximo com o mínimo de
palavras/ enfatiza o plano das ideias do texto, e procura ressaltá-
las, evidenciando-as e as tornando o mais claras possível.
Lembrar do conceptismo associado a “concepção/conceito/ideia.
BARROCO NO BRASIL
Literatura: XVII / Nordeste / Ciclo- da-
Cana
Arquitetura: XVIII / MG / Ciclo- do-
Ouro
HISTÓRICO
 Início: Colégios Jesuíticos
 Apogeu: Século XVII, na literatura
 Decadência: Meados do século XVIII
 Localização: Bahia (Literatura), Minas Gerais (artes plásticas e
arquitetura)
 Ilustração convencional do
trabalho catequético feito pelo
padre Vieira com os indígenas
 Obra de Aleijadinho
Carregamento da Cruz (escultura
em madeira), Santuário de Bom
Jesus de Matosinhos
 Igreja São Francisco de Assis,
Ouro Preto - Aleijadinho
 Igreja de S.Francisco da
Penitência / Rio de Janeiro

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Simbolismo
SimbolismoSimbolismo
Simbolismo
Naldinho Amorim
 
Literatura - Barroco
Literatura - BarrocoLiteratura - Barroco
Literatura - Barroco
CrisBiagio
 
Barroco
BarrocoBarroco
O barroco
O barrocoO barroco
O barroco
Tiago Lott
 
Quinhentismo
QuinhentismoQuinhentismo
Quinhentismo
Ana Paula Brisolar
 
Arcadismo no Brasil
Arcadismo no BrasilArcadismo no Brasil
Arcadismo no Brasil
Bruna Wagner
 
Trovadorismo humanismo
Trovadorismo humanismoTrovadorismo humanismo
Trovadorismo humanismo
Josi Motta
 
Barroco
BarrocoBarroco
Arcadismo[1]..
Arcadismo[1]..Arcadismo[1]..
Arcadismo[1]..
guesta61019
 
Barroco no Brasil
Barroco no BrasilBarroco no Brasil
Barroco no Brasil
Diego Barcelar
 
Parnasianismo brasileiro
Parnasianismo brasileiroParnasianismo brasileiro
Parnasianismo brasileiro
Andréia Peixoto
 
Romantismo na literatura
Romantismo na literaturaRomantismo na literatura
Romantismo na literatura
Marcos Feliciano
 
Cronologia E CaracteríSticas Dos Movimentos LiteráRios
Cronologia E CaracteríSticas Dos Movimentos LiteráRiosCronologia E CaracteríSticas Dos Movimentos LiteráRios
Barroco no brasil
Barroco no brasilBarroco no brasil
Barroco no brasil
Ivana Mayrink
 
Arcadismo no Brasil
Arcadismo no BrasilArcadismo no Brasil
Arcadismo no Brasil
Rayane Anchieta
 
1ª fase do modernismo
1ª fase do modernismo1ª fase do modernismo
1ª fase do modernismo
Luciene Gomes
 
Romantismo no Brasil
Romantismo no BrasilRomantismo no Brasil
Romantismo no Brasil
CrisBiagio
 
Terceira geração modernista
Terceira geração modernista Terceira geração modernista
Terceira geração modernista
Claudio Soares
 
O que é literatura marginal
O que é literatura marginalO que é literatura marginal
O que é literatura marginal
Ilca Guimarães
 
Barroco contexto e caract
Barroco   contexto e caractBarroco   contexto e caract
Barroco contexto e caract
Helena Coutinho
 

Mais procurados (20)

Simbolismo
SimbolismoSimbolismo
Simbolismo
 
Literatura - Barroco
Literatura - BarrocoLiteratura - Barroco
Literatura - Barroco
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
 
O barroco
O barrocoO barroco
O barroco
 
Quinhentismo
QuinhentismoQuinhentismo
Quinhentismo
 
Arcadismo no Brasil
Arcadismo no BrasilArcadismo no Brasil
Arcadismo no Brasil
 
Trovadorismo humanismo
Trovadorismo humanismoTrovadorismo humanismo
Trovadorismo humanismo
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
 
Arcadismo[1]..
Arcadismo[1]..Arcadismo[1]..
Arcadismo[1]..
 
Barroco no Brasil
Barroco no BrasilBarroco no Brasil
Barroco no Brasil
 
Parnasianismo brasileiro
Parnasianismo brasileiroParnasianismo brasileiro
Parnasianismo brasileiro
 
Romantismo na literatura
Romantismo na literaturaRomantismo na literatura
Romantismo na literatura
 
Cronologia E CaracteríSticas Dos Movimentos LiteráRios
Cronologia E CaracteríSticas Dos Movimentos LiteráRiosCronologia E CaracteríSticas Dos Movimentos LiteráRios
Cronologia E CaracteríSticas Dos Movimentos LiteráRios
 
Barroco no brasil
Barroco no brasilBarroco no brasil
Barroco no brasil
 
Arcadismo no Brasil
Arcadismo no BrasilArcadismo no Brasil
Arcadismo no Brasil
 
1ª fase do modernismo
1ª fase do modernismo1ª fase do modernismo
1ª fase do modernismo
 
Romantismo no Brasil
Romantismo no BrasilRomantismo no Brasil
Romantismo no Brasil
 
Terceira geração modernista
Terceira geração modernista Terceira geração modernista
Terceira geração modernista
 
O que é literatura marginal
O que é literatura marginalO que é literatura marginal
O que é literatura marginal
 
Barroco contexto e caract
Barroco   contexto e caractBarroco   contexto e caract
Barroco contexto e caract
 

Destaque

Memórias de um sargento de milícias
Memórias de um sargento de milíciasMemórias de um sargento de milícias
Arcadismo
ArcadismoArcadismo
Aula arcadismo
Aula arcadismoAula arcadismo
Aula barroco
Aula barrocoAula barroco
Aula caminha
Aula caminhaAula caminha
A noite das mulheres cantoras
A noite das mulheres cantorasA noite das mulheres cantoras
Pe antonio vieira
Pe antonio vieiraPe antonio vieira
Dançar tango em Porto Alegre
Dançar tango em Porto AlegreDançar tango em Porto Alegre
Luís vaz de camões
Luís vaz de camõesLuís vaz de camões
Vanguardas e Modernismo
Vanguardas e ModernismoVanguardas e Modernismo
Romantismo romancistas
Romantismo romancistasRomantismo romancistas
Romantismo contexto e poetas
Romantismo contexto e poetasRomantismo contexto e poetas
O universo e tudo mais
O universo e tudo maisO universo e tudo mais
Gil vicente aula
Gil vicente aulaGil vicente aula
Gregório de matos
Gregório de matosGregório de matos
Revisão
RevisãoRevisão
Ejercicios de revisión
Ejercicios de revisiónEjercicios de revisión
Aulas 3 e 4 População
Aulas 3 e 4 PopulaçãoAulas 3 e 4 População
Botânica parte 1
Botânica parte 1Botânica parte 1
Sistemas e Fenômenos
Sistemas e FenômenosSistemas e Fenômenos

Destaque (20)

Memórias de um sargento de milícias
Memórias de um sargento de milíciasMemórias de um sargento de milícias
Memórias de um sargento de milícias
 
Arcadismo
ArcadismoArcadismo
Arcadismo
 
Aula arcadismo
Aula arcadismoAula arcadismo
Aula arcadismo
 
Aula barroco
Aula barrocoAula barroco
Aula barroco
 
Aula caminha
Aula caminhaAula caminha
Aula caminha
 
A noite das mulheres cantoras
A noite das mulheres cantorasA noite das mulheres cantoras
A noite das mulheres cantoras
 
Pe antonio vieira
Pe antonio vieiraPe antonio vieira
Pe antonio vieira
 
Dançar tango em Porto Alegre
Dançar tango em Porto AlegreDançar tango em Porto Alegre
Dançar tango em Porto Alegre
 
Luís vaz de camões
Luís vaz de camõesLuís vaz de camões
Luís vaz de camões
 
Vanguardas e Modernismo
Vanguardas e ModernismoVanguardas e Modernismo
Vanguardas e Modernismo
 
Romantismo romancistas
Romantismo romancistasRomantismo romancistas
Romantismo romancistas
 
Romantismo contexto e poetas
Romantismo contexto e poetasRomantismo contexto e poetas
Romantismo contexto e poetas
 
O universo e tudo mais
O universo e tudo maisO universo e tudo mais
O universo e tudo mais
 
Gil vicente aula
Gil vicente aulaGil vicente aula
Gil vicente aula
 
Gregório de matos
Gregório de matosGregório de matos
Gregório de matos
 
Revisão
RevisãoRevisão
Revisão
 
Ejercicios de revisión
Ejercicios de revisiónEjercicios de revisión
Ejercicios de revisión
 
Aulas 3 e 4 População
Aulas 3 e 4 PopulaçãoAulas 3 e 4 População
Aulas 3 e 4 População
 
Botânica parte 1
Botânica parte 1Botânica parte 1
Botânica parte 1
 
Sistemas e Fenômenos
Sistemas e FenômenosSistemas e Fenômenos
Sistemas e Fenômenos
 

Semelhante a Barroco

período barroco
período barrocoperíodo barroco
período barroco
MariaEduarda315423
 
Aula 05 barroco em portugal e literatura informativa
Aula 05   barroco em portugal e literatura informativaAula 05   barroco em portugal e literatura informativa
Aula 05 barroco em portugal e literatura informativa
Jonatas Carlos
 
Barroco nota de aula -
Barroco nota de aula    - Barroco nota de aula    -
Barroco nota de aula -
Péricles Penuel
 
2- Perioddo Barroco.pptx
2- Perioddo Barroco.pptx2- Perioddo Barroco.pptx
2- Perioddo Barroco.pptx
GrazielyHeloisaMorce
 
13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa
13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa
13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa
Alecio Marcelo Vaz Vaz
 
A ARTE BARROCA
A ARTE BARROCAA ARTE BARROCA
A ARTE BARROCA
Olivaldo Ferreira
 
Slides Marta
Slides MartaSlides Marta
Slides Marta
guest639f51
 
Slides Marta
Slides MartaSlides Marta
Slides Marta
Bolsista
 
Ppt barroco
Ppt barrocoPpt barroco
Ppt barroco
miovi
 
Barroque and Arcadism in Brazilian literature..pptx
Barroque and Arcadism in Brazilian literature..pptxBarroque and Arcadism in Brazilian literature..pptx
Barroque and Arcadism in Brazilian literature..pptx
LucasPereira913631
 
Barroco.pptx
Barroco.pptxBarroco.pptx
Barroco.pptx
RassaVale
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco ad
Barroco adBarroco ad
Barroco ad
Adrielle Santana
 
Literatura
LiteraturaLiteratura
Literatura
LiteraturaLiteratura
Literatura.ppt
Literatura.pptLiteratura.ppt
Literatura.ppt
preuniversitarioitab
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
BarrocoBarroco
Literatura slides
Literatura  slidesLiteratura  slides
Literatura slides
Ma Hildebrand de Araujo
 
Barroco e modernismo
Barroco e modernismoBarroco e modernismo
Barroco e modernismo
MarcosAlmeidaAlves
 

Semelhante a Barroco (20)

período barroco
período barrocoperíodo barroco
período barroco
 
Aula 05 barroco em portugal e literatura informativa
Aula 05   barroco em portugal e literatura informativaAula 05   barroco em portugal e literatura informativa
Aula 05 barroco em portugal e literatura informativa
 
Barroco nota de aula -
Barroco nota de aula    - Barroco nota de aula    -
Barroco nota de aula -
 
2- Perioddo Barroco.pptx
2- Perioddo Barroco.pptx2- Perioddo Barroco.pptx
2- Perioddo Barroco.pptx
 
13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa
13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa
13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa
 
A ARTE BARROCA
A ARTE BARROCAA ARTE BARROCA
A ARTE BARROCA
 
Slides Marta
Slides MartaSlides Marta
Slides Marta
 
Slides Marta
Slides MartaSlides Marta
Slides Marta
 
Ppt barroco
Ppt barrocoPpt barroco
Ppt barroco
 
Barroque and Arcadism in Brazilian literature..pptx
Barroque and Arcadism in Brazilian literature..pptxBarroque and Arcadism in Brazilian literature..pptx
Barroque and Arcadism in Brazilian literature..pptx
 
Barroco.pptx
Barroco.pptxBarroco.pptx
Barroco.pptx
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
 
Barroco ad
Barroco adBarroco ad
Barroco ad
 
Literatura
LiteraturaLiteratura
Literatura
 
Literatura
LiteraturaLiteratura
Literatura
 
Literatura.ppt
Literatura.pptLiteratura.ppt
Literatura.ppt
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
 
Literatura slides
Literatura  slidesLiteratura  slides
Literatura slides
 
Barroco e modernismo
Barroco e modernismoBarroco e modernismo
Barroco e modernismo
 

Mais de Centro de Educação e Cultura Pré-Vestibular Resgate Popular

Portas abertas 2014
Portas abertas 2014Portas abertas 2014
Egito antigo
Egito antigo Egito antigo
Preposiciones 05 de maio
Preposiciones 05 de maioPreposiciones 05 de maio
Transcrição e tradução
Transcrição e traduçãoTranscrição e tradução
Artigos - espanhol
Artigos - espanholArtigos - espanhol
Falsos cognatos
Falsos cognatosFalsos cognatos
Composição química da célula 2014
Composição química da célula 2014Composição química da célula 2014
As artes no renascimento
As artes no renascimentoAs artes no renascimento
Gil vicente aula resgate
Gil vicente aula resgateGil vicente aula resgate
Gil vicente aula resgate
Gil vicente aula resgateGil vicente aula resgate
Idade média oriental
Idade média orientalIdade média oriental
Portas abertas 2013
Portas abertas 2013Portas abertas 2013
Taxonomia
TaxonomiaTaxonomia
Folhetos embrionários
Folhetos embrionáriosFolhetos embrionários
Fisiologia
FisiologiaFisiologia

Mais de Centro de Educação e Cultura Pré-Vestibular Resgate Popular (16)

Portas abertas 2014
Portas abertas 2014Portas abertas 2014
Portas abertas 2014
 
Egito antigo
Egito antigo Egito antigo
Egito antigo
 
Preposiciones 05 de maio
Preposiciones 05 de maioPreposiciones 05 de maio
Preposiciones 05 de maio
 
Transcrição e tradução
Transcrição e traduçãoTranscrição e tradução
Transcrição e tradução
 
Artigos - espanhol
Artigos - espanholArtigos - espanhol
Artigos - espanhol
 
Falsos cognatos
Falsos cognatosFalsos cognatos
Falsos cognatos
 
Composição química da célula 2014
Composição química da célula 2014Composição química da célula 2014
Composição química da célula 2014
 
As artes no renascimento
As artes no renascimentoAs artes no renascimento
As artes no renascimento
 
Gil vicente aula resgate
Gil vicente aula resgateGil vicente aula resgate
Gil vicente aula resgate
 
Gil vicente aula resgate
Gil vicente aula resgateGil vicente aula resgate
Gil vicente aula resgate
 
Gabaritos 2013
Gabaritos 2013Gabaritos 2013
Gabaritos 2013
 
Idade média oriental
Idade média orientalIdade média oriental
Idade média oriental
 
Portas abertas 2013
Portas abertas 2013Portas abertas 2013
Portas abertas 2013
 
Taxonomia
TaxonomiaTaxonomia
Taxonomia
 
Folhetos embrionários
Folhetos embrionáriosFolhetos embrionários
Folhetos embrionários
 
Fisiologia
FisiologiaFisiologia
Fisiologia
 

Último

ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdfAula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
vitorreissouzasilva
 
formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
JakiraCosta
 
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdfNorma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Pastor Robson Colaço
 
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Centro Jacques Delors
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
CarlosJean21
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Mary Alvarenga
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
pamellaaraujo10
 
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
FredFringeFringeDola
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
GracinhaSantos6
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
Pr Davi Passos - Estudos Bíblicos
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
AlineOliveira625820
 
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Militao Ricardo
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
Manuais Formação
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Maurício Bratz
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdfAula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
 
formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
 
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdfNorma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
 
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
 
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
 
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 

Barroco

  • 2. SURGIMENTO  O Barroco procura solucionar os dilemas de um homem que perdeu sua confiança ilimitada na razão e na harmonia, através da volta a uma intensa religiosidade medieval e da eliminação dos conceitos renascentistas de vida e arte. Em parte, isso não é atingido e as contradições prosseguiram.
  • 3. CONTEXTO HISTÓRICO  Arte da Contrarreforma - Crise do Renascimento - Destruição da harmonia social aristocrática - Valorização do Teocentrismo
  • 4. Feudalismo Mercantilismo Crise da sociedade Renascentista e Contrarreforma Arte Medieval Renascimento Barroco Teocentrimos Humanismo Volta à religiosidade Valorização da vida espiritual Valorização da vida corpórea Dilaceramentos
  • 5.  Vida terrena  Gozo mundano  pecado  Graça  Salvação  Vida eterna CONFLITO ENTRE CORPO E ALMA CORPO ALMA Atenção para a ideia de vida terrena associada ao Carpe Diem (aproveite o dia)
  • 6. LINGUAGEM ORNAMENTAL  Antíteses - Figura de linguagem que consiste na exposição de ideias opostas  Paradoxos - O contrário da opinião admitida como válida  Metáforas – Expressão que produz sentidos figurados por meio de comparações implícitas  Ausência de clareza  Estilo que traduz os conflitos interiores
  • 7.  O atormentado universo religioso representado por El Greco, expressando o dilaceramento da arte maneirista e barroca Detalhe de Santo André e São Francisco
  • 8.  A piedade, do pinto r espanhol Luis de Morales, expressa o clima intensamente religioso do Barroco.
  • 9.  A alcoviteira, de Gerard Van Honthorst, revela o lado sensual da alma barroca
  • 10.  A morte simultaneamente horroriza e fascina o homem barroco. Rapaz segurando crânio, do holandês Franz Hals
  • 11. CULTISMO E CONCEPTISMO Cultismo: Busca da perfeição formal por meio de um estilo excessivo e rebuscado/ é o culto da formado texto e procura enfatizar a expressividade deste através do uso (e abuso) das figuras de linguagem.  Conceptismo: Tentativa de dizer o máximo com o mínimo de palavras/ enfatiza o plano das ideias do texto, e procura ressaltá- las, evidenciando-as e as tornando o mais claras possível. Lembrar do conceptismo associado a “concepção/conceito/ideia.
  • 12. BARROCO NO BRASIL Literatura: XVII / Nordeste / Ciclo- da- Cana Arquitetura: XVIII / MG / Ciclo- do- Ouro
  • 13. HISTÓRICO  Início: Colégios Jesuíticos  Apogeu: Século XVII, na literatura  Decadência: Meados do século XVIII  Localização: Bahia (Literatura), Minas Gerais (artes plásticas e arquitetura)
  • 14.  Ilustração convencional do trabalho catequético feito pelo padre Vieira com os indígenas
  • 15.  Obra de Aleijadinho Carregamento da Cruz (escultura em madeira), Santuário de Bom Jesus de Matosinhos
  • 16.  Igreja São Francisco de Assis, Ouro Preto - Aleijadinho
  • 17.  Igreja de S.Francisco da Penitência / Rio de Janeiro