SlideShare uma empresa Scribd logo
O que é arte ?
O Espiritismo vem abrir para a arte novas perspectivas,
horizontes sem limites.
A beleza é um dos atributos divinos.
A arte é a busca, o estudo, a manifestação dessa beleza
eterna da qual percebemos, aqui na Terra, apenas um
reflexo.
INSPIRAÇÃO
Todos somos médiuns em menor ou maior
grau
Sintonia
“Vossos grandes músicos podem, como os
outros artistas, receber a inspiração, seja do
espaço, seja como resultado de trabalhos
anteriores. É exatamente o mesmo
fenômeno que se produz com os outros
artistas.”
DANÇA
“…Cada vez que penso em dança; Meu corpo ganha
uma vida exuberante; Um brilho que nenhum ser
humano tem;
Minhas mãos falam várias línguas; Que todos
conseguem entender; Meus pés ganham vida como se
dançassem sós;
Meu corpo grita; Todas as palavras do meu espírito;
Como se eu nunca tivesse falado…”
Pouca representatividade
Preconceito
Criar um movimento sem uso da palavra
A ausência de pessoas com formação técnica na área
Qualidades Físicas, Psíquicas, espirituais
Isadora Duncan
PINTURA
Pintura mediúnica
Médium consciente/inconsciente/
Semiconsciente
Florêncio Reverendo Anton Neto
Luiz Antônio Gasparetto
Vaidade
“
”
O orgulho do homem é que faz a fonte das altas inspirações
secar. A vaidade, que é o defeito de muitos artistas, torna
o seu espirito insensível e afasta as grandes almas que
concordariam protege-los. O orgulho forma uma espécie de
barreira entre nós e as forças do além... Lembremo-nos
que a arte é a busca, o estudo a manifestação da beleza
eterna.
MÚSICA
Todos os seres são sensíveis à música. Até os
animais recebem a sua influência.
Os próprios insetos sentem as vibrações.
A música é uma impressão especial que
invade todo o nosso ser fluídico, lança-o no
êxtase, na beatitude, faz com que ele sinta
sensações de alegria, de quietude, de
angústia, de desgosto, de dor, de pena, de
remorsos.
Quase todos os célebres compositores possuem
faculdades mediúnicas que lhes possibilitam receber as
inspirações do Além, que lhes permitem traduzir, sob a
forma do seu próprio talento, as grandiosas concepções
da eterna harmonia. Entre esses compositores, os mais
notáveis nos parecem ser Beethoven
A música, melhor que a palavra, representa o
movimento, que é uma das leis da vida; eis por que a
música é a própria voz do mundo superior.
2. ─ O que é a melodia?
─ Para ti é muitas vezes uma lembrança da vida passada; teu Espírito recorda aquilo
que entreviu num mundo melhor. No planeta Júpiter, onde habito, há melodia em toda
parte: no murmúrio das águas, no ciciar das folhas, no canto do vento; as flores
rumorejam e cantam; tudo produz sons melodiosos. Sê bom e alcança este planeta por
tuas virtudes. Bem escolheste, cantando Deus. A música religiosa auxilia a elevação da
alma. Como eu gostaria de vos poder inspirar o desejo de ver este mundo onde somos
tão felizes! Aqui somos todos muito caridosos; tudo é belo! a Natureza tão admirável!
Tudo nos inspira o desejo de estar com Deus. Coragem! Coragem! Acreditai em minha
comunicação espírita. Sou eu mesmo que aqui me encontro. Desfruto do poder de vos
dizer aquilo que experimentamos. Pudesse eu inspirar-vos bastante o amor ao bem, a
fim de vos tornardes dignos dessa recompensa, que nada é em comparação com outras
a que aspiro!
3. ─ Nossa música é a mesma em outros planetas?
─ Não. Nenhuma música vos pode dar uma ideia da
que temos aqui. Ela é divina! Ó felicidade! Procura
merecer o gozo de semelhantes harmonias; luta; tem
coragem! Aqui não temos instrumentos: são as plantas e
os pássaros os coristas. O pensamento compõe e os
ouvintes gozam sem audição material, sem o concurso da
palavra, e isto a uma distância incomensurável. Nos
mundos superiores isto é ainda mais sublime.
TEATRO
“O ator deve trabalhar a vida inteira,
cultivar seu espirito, treinar
sistematicamente os seus dons, desenvolver
seu caráter; jamais devera se desesperar e
nunca renunciar a este objetivo primordial:
amar sua arte com todas as forças e amá-la
sem egoísmo.”
Na Grécia antiga, o teatro tinha o papel
divulgador das questões sociais, politicas,
religiosas etc.
Encenação favorece consideravelmente a
abstração
Boas influencias/ prece
Viver um personagem
Espíritos envolvidos em determinados
quadros espirituais
Envolver o jovem/se expressar
Tratamentos espirituais
A IMPORTÂNCIA DA ARTE PARA
O ESPIRITISMO
Divulgar o espiritismo
Vibrações/ sintonia/ harmonia
Envolvimento do jovem
Trabalho no bem
GRUPOS DE ARTE ESPIRITA

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Fixação mental slide1
Fixação mental  slide1Fixação mental  slide1
Fixação mental slide1
bonattinho
 
Visão espírita da atualidade
Visão espírita da atualidadeVisão espírita da atualidade
Visão espírita da atualidade
Izabel Cristina Fonseca
 
Escolha das provas
Escolha das provasEscolha das provas
Escolha das provas
Ponte de Luz ASEC
 
Lei de destruição
Lei de destruiçãoLei de destruição
Lei de destruição
Izabel Cristina Fonseca
 
Honrar pai e mãe
Honrar pai e mãeHonrar pai e mãe
Honrar pai e mãe
Eduardo Ottonelli Pithan
 
A família na visão espírita
A família na visão espíritaA família na visão espírita
A família na visão espírita
Jerri Almeida
 
3.2 - Lei de Adoracao.pptx
3.2 - Lei de Adoracao.pptx3.2 - Lei de Adoracao.pptx
3.2 - Lei de Adoracao.pptx
Marta Gomes
 
Espírito E Matéria
Espírito E MatériaEspírito E Matéria
Espírito E Matéria
Grupo Espírita Cristão
 
A Vontade
A VontadeA Vontade
A Vontade
Ceile Bernardo
 
Oração na ótica espírita - Baseada nos obras básicas do espiritismo
Oração na ótica espírita - Baseada nos obras básicas do espiritismoOração na ótica espírita - Baseada nos obras básicas do espiritismo
Oração na ótica espírita - Baseada nos obras básicas do espiritismo
Eduardo Ottonelli Pithan
 
Reencarnação
ReencarnaçãoReencarnação
Reencarnação
paikachambi
 
Capítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deus
Capítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deusCapítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deus
Capítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deus
Eduardo Ottonelli Pithan
 
Causas das aflições
Causas das afliçõesCausas das aflições
Causas das aflições
Eduardo Ottonelli Pithan
 
Evangeliza - Diferentes categorias de mundos habitados
Evangeliza - Diferentes categorias de mundos habitadosEvangeliza - Diferentes categorias de mundos habitados
Evangeliza - Diferentes categorias de mundos habitados
Antonino Silva
 
O Poder do Pensamento
O Poder do PensamentoO Poder do Pensamento
O Poder do Pensamento
Ricardo Azevedo
 
Palestra Espirita - Prece
Palestra Espirita - PrecePalestra Espirita - Prece
Palestra Espirita - Prece
manumino
 
A Prece
A PreceA Prece
Alegria de Viver
Alegria de Viver Alegria de Viver
Alegria de Viver
Ricardo Azevedo
 
Pai Nosso
Pai NossoPai Nosso
Pensamento E Vida
Pensamento E VidaPensamento E Vida
Pensamento E Vida
Iracema Perin
 

Mais procurados (20)

Fixação mental slide1
Fixação mental  slide1Fixação mental  slide1
Fixação mental slide1
 
Visão espírita da atualidade
Visão espírita da atualidadeVisão espírita da atualidade
Visão espírita da atualidade
 
Escolha das provas
Escolha das provasEscolha das provas
Escolha das provas
 
Lei de destruição
Lei de destruiçãoLei de destruição
Lei de destruição
 
Honrar pai e mãe
Honrar pai e mãeHonrar pai e mãe
Honrar pai e mãe
 
A família na visão espírita
A família na visão espíritaA família na visão espírita
A família na visão espírita
 
3.2 - Lei de Adoracao.pptx
3.2 - Lei de Adoracao.pptx3.2 - Lei de Adoracao.pptx
3.2 - Lei de Adoracao.pptx
 
Espírito E Matéria
Espírito E MatériaEspírito E Matéria
Espírito E Matéria
 
A Vontade
A VontadeA Vontade
A Vontade
 
Oração na ótica espírita - Baseada nos obras básicas do espiritismo
Oração na ótica espírita - Baseada nos obras básicas do espiritismoOração na ótica espírita - Baseada nos obras básicas do espiritismo
Oração na ótica espírita - Baseada nos obras básicas do espiritismo
 
Reencarnação
ReencarnaçãoReencarnação
Reencarnação
 
Capítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deus
Capítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deusCapítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deus
Capítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deus
 
Causas das aflições
Causas das afliçõesCausas das aflições
Causas das aflições
 
Evangeliza - Diferentes categorias de mundos habitados
Evangeliza - Diferentes categorias de mundos habitadosEvangeliza - Diferentes categorias de mundos habitados
Evangeliza - Diferentes categorias de mundos habitados
 
O Poder do Pensamento
O Poder do PensamentoO Poder do Pensamento
O Poder do Pensamento
 
Palestra Espirita - Prece
Palestra Espirita - PrecePalestra Espirita - Prece
Palestra Espirita - Prece
 
A Prece
A PreceA Prece
A Prece
 
Alegria de Viver
Alegria de Viver Alegria de Viver
Alegria de Viver
 
Pai Nosso
Pai NossoPai Nosso
Pai Nosso
 
Pensamento E Vida
Pensamento E VidaPensamento E Vida
Pensamento E Vida
 

Semelhante a Arte espirita

Estudo música espírita - www.forumespirita.net - web
Estudo   música espírita - www.forumespirita.net - webEstudo   música espírita - www.forumespirita.net - web
Estudo música espírita - www.forumespirita.net - web
Fórum Espírita
 
Arte
Arte Arte
Musica e Espiritismo
Musica e EspiritismoMusica e Espiritismo
Musica e Espiritismo
oficina_eae
 
Música espírita
Música espíritaMúsica espírita
Música espírita
Ronaldo Gomes
 
Leon denis o espiritismo na arte
Leon denis   o espiritismo na arteLeon denis   o espiritismo na arte
Leon denis o espiritismo na arte
Milton De Souza Oliveira
 
Arterapia
ArterapiaArterapia
Arterapia
guestc1729a
 
Arte espiritismo
Arte espiritismoArte espiritismo
Arte espiritismo
oficina_eae
 
Arte espiritismo
Arte espiritismoArte espiritismo
Arte espiritismo
oficina_eae
 
Criatividade 1
Criatividade 1Criatividade 1
Criatividade 1
Rosana Santos
 
Criatividade 1
Criatividade 1Criatividade 1
Criatividade 1
Rosana Rocha
 
Arte e espiritismo 3
Arte e espiritismo 3Arte e espiritismo 3
Arte e espiritismo 3
Alan Diniz Souza
 
Melodias Dos Mundos Superiores
Melodias Dos Mundos SuperioresMelodias Dos Mundos Superiores
Melodias Dos Mundos Superiores
HOME
 
Você é Luz...
Você é Luz...Você é Luz...
Você é Luz...
Rita Steter
 
Música e Emoção
Música e Emoção Música e Emoção
Música e Emoção
Projeto Crisálida
 
Pássaros - Emanuel
Pássaros  - EmanuelPássaros  - Emanuel
Pássaros - Emanuel
elizacouto
 
Roteiro emmanuel
Roteiro emmanuelRoteiro emmanuel
Roteiro emmanuel
Gevluz de Luz
 
1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf
1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf
1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf
SimoneDrumondIschkan
 
1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf
1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf
1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf
SimoneDrumondIschkan
 
A limitacao dos nossos sentidos
A limitacao dos nossos sentidosA limitacao dos nossos sentidos
A limitacao dos nossos sentidos
Mensagens Virtuais
 
O Teatro Da Vida Humana
O Teatro Da Vida HumanaO Teatro Da Vida Humana
O Teatro Da Vida Humana
Antonieta Perpetua
 

Semelhante a Arte espirita (20)

Estudo música espírita - www.forumespirita.net - web
Estudo   música espírita - www.forumespirita.net - webEstudo   música espírita - www.forumespirita.net - web
Estudo música espírita - www.forumespirita.net - web
 
Arte
Arte Arte
Arte
 
Musica e Espiritismo
Musica e EspiritismoMusica e Espiritismo
Musica e Espiritismo
 
Música espírita
Música espíritaMúsica espírita
Música espírita
 
Leon denis o espiritismo na arte
Leon denis   o espiritismo na arteLeon denis   o espiritismo na arte
Leon denis o espiritismo na arte
 
Arterapia
ArterapiaArterapia
Arterapia
 
Arte espiritismo
Arte espiritismoArte espiritismo
Arte espiritismo
 
Arte espiritismo
Arte espiritismoArte espiritismo
Arte espiritismo
 
Criatividade 1
Criatividade 1Criatividade 1
Criatividade 1
 
Criatividade 1
Criatividade 1Criatividade 1
Criatividade 1
 
Arte e espiritismo 3
Arte e espiritismo 3Arte e espiritismo 3
Arte e espiritismo 3
 
Melodias Dos Mundos Superiores
Melodias Dos Mundos SuperioresMelodias Dos Mundos Superiores
Melodias Dos Mundos Superiores
 
Você é Luz...
Você é Luz...Você é Luz...
Você é Luz...
 
Música e Emoção
Música e Emoção Música e Emoção
Música e Emoção
 
Pássaros - Emanuel
Pássaros  - EmanuelPássaros  - Emanuel
Pássaros - Emanuel
 
Roteiro emmanuel
Roteiro emmanuelRoteiro emmanuel
Roteiro emmanuel
 
1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf
1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf
1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf
 
1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf
1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf
1 COLEÇÃO POEMAS DE SIMONE HELEN DRUMOND ISCHKANIAN.pdf
 
A limitacao dos nossos sentidos
A limitacao dos nossos sentidosA limitacao dos nossos sentidos
A limitacao dos nossos sentidos
 
O Teatro Da Vida Humana
O Teatro Da Vida HumanaO Teatro Da Vida Humana
O Teatro Da Vida Humana
 

Mais de Adriano Alves de Souza

FATO X OPINIÃO.pptx
FATO X OPINIÃO.pptxFATO X OPINIÃO.pptx
FATO X OPINIÃO.pptx
Adriano Alves de Souza
 
Funções da linguagem.ppt
Funções da linguagem.pptFunções da linguagem.ppt
Funções da linguagem.ppt
Adriano Alves de Souza
 
REVISÃO PAS - AULA 02 .ppt
REVISÃO PAS - AULA 02 .pptREVISÃO PAS - AULA 02 .ppt
REVISÃO PAS - AULA 02 .ppt
Adriano Alves de Souza
 
DISTRIBUIÇÃO DA PONTUAÇÃO DE REDAÇÃO.doc
DISTRIBUIÇÃO DA PONTUAÇÃO DE REDAÇÃO.docDISTRIBUIÇÃO DA PONTUAÇÃO DE REDAÇÃO.doc
DISTRIBUIÇÃO DA PONTUAÇÃO DE REDAÇÃO.doc
Adriano Alves de Souza
 
COESÃO POR PRONOMES.ppt
COESÃO POR PRONOMES.pptCOESÃO POR PRONOMES.ppt
COESÃO POR PRONOMES.ppt
Adriano Alves de Souza
 
Uberização
UberizaçãoUberização
Apometria
ApometriaApometria
1906 texto do artigo-5343-1-10-20160617
1906 texto do artigo-5343-1-10-201606171906 texto do artigo-5343-1-10-20160617
1906 texto do artigo-5343-1-10-20160617
Adriano Alves de Souza
 
Figuras de linguagem 2020
Figuras de linguagem 2020 Figuras de linguagem 2020
Figuras de linguagem 2020
Adriano Alves de Souza
 
Prolegomenos
ProlegomenosProlegomenos
Qualidade na pratica mediunica (autores diversos) (1)
Qualidade na pratica mediunica (autores diversos) (1)Qualidade na pratica mediunica (autores diversos) (1)
Qualidade na pratica mediunica (autores diversos) (1)
Adriano Alves de Souza
 
4 prticamedinica-perisprito-110324150330-phpapp02 (1)
4 prticamedinica-perisprito-110324150330-phpapp02 (1)4 prticamedinica-perisprito-110324150330-phpapp02 (1)
4 prticamedinica-perisprito-110324150330-phpapp02 (1)
Adriano Alves de Souza
 
Adolescente
AdolescenteAdolescente
Aula vírus viroses_exercícios
Aula vírus viroses_exercíciosAula vírus viroses_exercícios
Aula vírus viroses_exercícios
Adriano Alves de Souza
 
Análise de poemas
Análise de poemasAnálise de poemas
Análise de poemas
Adriano Alves de Souza
 
Doc participante evt_2953_1450092056951_k-comissao-permanente-cdh-20151214_ex...
Doc participante evt_2953_1450092056951_k-comissao-permanente-cdh-20151214_ex...Doc participante evt_2953_1450092056951_k-comissao-permanente-cdh-20151214_ex...
Doc participante evt_2953_1450092056951_k-comissao-permanente-cdh-20151214_ex...
Adriano Alves de Souza
 
Apresentação paraíso
Apresentação paraíso Apresentação paraíso
Apresentação paraíso
Adriano Alves de Souza
 
Monteiro Lobato
Monteiro LobatoMonteiro Lobato
Monteiro Lobato
Adriano Alves de Souza
 

Mais de Adriano Alves de Souza (18)

FATO X OPINIÃO.pptx
FATO X OPINIÃO.pptxFATO X OPINIÃO.pptx
FATO X OPINIÃO.pptx
 
Funções da linguagem.ppt
Funções da linguagem.pptFunções da linguagem.ppt
Funções da linguagem.ppt
 
REVISÃO PAS - AULA 02 .ppt
REVISÃO PAS - AULA 02 .pptREVISÃO PAS - AULA 02 .ppt
REVISÃO PAS - AULA 02 .ppt
 
DISTRIBUIÇÃO DA PONTUAÇÃO DE REDAÇÃO.doc
DISTRIBUIÇÃO DA PONTUAÇÃO DE REDAÇÃO.docDISTRIBUIÇÃO DA PONTUAÇÃO DE REDAÇÃO.doc
DISTRIBUIÇÃO DA PONTUAÇÃO DE REDAÇÃO.doc
 
COESÃO POR PRONOMES.ppt
COESÃO POR PRONOMES.pptCOESÃO POR PRONOMES.ppt
COESÃO POR PRONOMES.ppt
 
Uberização
UberizaçãoUberização
Uberização
 
Apometria
ApometriaApometria
Apometria
 
1906 texto do artigo-5343-1-10-20160617
1906 texto do artigo-5343-1-10-201606171906 texto do artigo-5343-1-10-20160617
1906 texto do artigo-5343-1-10-20160617
 
Figuras de linguagem 2020
Figuras de linguagem 2020 Figuras de linguagem 2020
Figuras de linguagem 2020
 
Prolegomenos
ProlegomenosProlegomenos
Prolegomenos
 
Qualidade na pratica mediunica (autores diversos) (1)
Qualidade na pratica mediunica (autores diversos) (1)Qualidade na pratica mediunica (autores diversos) (1)
Qualidade na pratica mediunica (autores diversos) (1)
 
4 prticamedinica-perisprito-110324150330-phpapp02 (1)
4 prticamedinica-perisprito-110324150330-phpapp02 (1)4 prticamedinica-perisprito-110324150330-phpapp02 (1)
4 prticamedinica-perisprito-110324150330-phpapp02 (1)
 
Adolescente
AdolescenteAdolescente
Adolescente
 
Aula vírus viroses_exercícios
Aula vírus viroses_exercíciosAula vírus viroses_exercícios
Aula vírus viroses_exercícios
 
Análise de poemas
Análise de poemasAnálise de poemas
Análise de poemas
 
Doc participante evt_2953_1450092056951_k-comissao-permanente-cdh-20151214_ex...
Doc participante evt_2953_1450092056951_k-comissao-permanente-cdh-20151214_ex...Doc participante evt_2953_1450092056951_k-comissao-permanente-cdh-20151214_ex...
Doc participante evt_2953_1450092056951_k-comissao-permanente-cdh-20151214_ex...
 
Apresentação paraíso
Apresentação paraíso Apresentação paraíso
Apresentação paraíso
 
Monteiro Lobato
Monteiro LobatoMonteiro Lobato
Monteiro Lobato
 

Arte espirita

  • 1.
  • 2. O que é arte ?
  • 3. O Espiritismo vem abrir para a arte novas perspectivas, horizontes sem limites. A beleza é um dos atributos divinos. A arte é a busca, o estudo, a manifestação dessa beleza eterna da qual percebemos, aqui na Terra, apenas um reflexo.
  • 4. INSPIRAÇÃO Todos somos médiuns em menor ou maior grau Sintonia “Vossos grandes músicos podem, como os outros artistas, receber a inspiração, seja do espaço, seja como resultado de trabalhos anteriores. É exatamente o mesmo fenômeno que se produz com os outros artistas.”
  • 5. DANÇA “…Cada vez que penso em dança; Meu corpo ganha uma vida exuberante; Um brilho que nenhum ser humano tem; Minhas mãos falam várias línguas; Que todos conseguem entender; Meus pés ganham vida como se dançassem sós; Meu corpo grita; Todas as palavras do meu espírito; Como se eu nunca tivesse falado…” Pouca representatividade Preconceito Criar um movimento sem uso da palavra A ausência de pessoas com formação técnica na área Qualidades Físicas, Psíquicas, espirituais Isadora Duncan
  • 7. “ ” O orgulho do homem é que faz a fonte das altas inspirações secar. A vaidade, que é o defeito de muitos artistas, torna o seu espirito insensível e afasta as grandes almas que concordariam protege-los. O orgulho forma uma espécie de barreira entre nós e as forças do além... Lembremo-nos que a arte é a busca, o estudo a manifestação da beleza eterna.
  • 8. MÚSICA Todos os seres são sensíveis à música. Até os animais recebem a sua influência. Os próprios insetos sentem as vibrações. A música é uma impressão especial que invade todo o nosso ser fluídico, lança-o no êxtase, na beatitude, faz com que ele sinta sensações de alegria, de quietude, de angústia, de desgosto, de dor, de pena, de remorsos. Quase todos os célebres compositores possuem faculdades mediúnicas que lhes possibilitam receber as inspirações do Além, que lhes permitem traduzir, sob a forma do seu próprio talento, as grandiosas concepções da eterna harmonia. Entre esses compositores, os mais notáveis nos parecem ser Beethoven A música, melhor que a palavra, representa o movimento, que é uma das leis da vida; eis por que a música é a própria voz do mundo superior.
  • 9. 2. ─ O que é a melodia? ─ Para ti é muitas vezes uma lembrança da vida passada; teu Espírito recorda aquilo que entreviu num mundo melhor. No planeta Júpiter, onde habito, há melodia em toda parte: no murmúrio das águas, no ciciar das folhas, no canto do vento; as flores rumorejam e cantam; tudo produz sons melodiosos. Sê bom e alcança este planeta por tuas virtudes. Bem escolheste, cantando Deus. A música religiosa auxilia a elevação da alma. Como eu gostaria de vos poder inspirar o desejo de ver este mundo onde somos tão felizes! Aqui somos todos muito caridosos; tudo é belo! a Natureza tão admirável! Tudo nos inspira o desejo de estar com Deus. Coragem! Coragem! Acreditai em minha comunicação espírita. Sou eu mesmo que aqui me encontro. Desfruto do poder de vos dizer aquilo que experimentamos. Pudesse eu inspirar-vos bastante o amor ao bem, a fim de vos tornardes dignos dessa recompensa, que nada é em comparação com outras a que aspiro! 3. ─ Nossa música é a mesma em outros planetas? ─ Não. Nenhuma música vos pode dar uma ideia da que temos aqui. Ela é divina! Ó felicidade! Procura merecer o gozo de semelhantes harmonias; luta; tem coragem! Aqui não temos instrumentos: são as plantas e os pássaros os coristas. O pensamento compõe e os ouvintes gozam sem audição material, sem o concurso da palavra, e isto a uma distância incomensurável. Nos mundos superiores isto é ainda mais sublime.
  • 10. TEATRO “O ator deve trabalhar a vida inteira, cultivar seu espirito, treinar sistematicamente os seus dons, desenvolver seu caráter; jamais devera se desesperar e nunca renunciar a este objetivo primordial: amar sua arte com todas as forças e amá-la sem egoísmo.” Na Grécia antiga, o teatro tinha o papel divulgador das questões sociais, politicas, religiosas etc. Encenação favorece consideravelmente a abstração Boas influencias/ prece Viver um personagem Espíritos envolvidos em determinados quadros espirituais Envolver o jovem/se expressar Tratamentos espirituais
  • 11. A IMPORTÂNCIA DA ARTE PARA O ESPIRITISMO Divulgar o espiritismo Vibrações/ sintonia/ harmonia Envolvimento do jovem Trabalho no bem
  • 12. GRUPOS DE ARTE ESPIRITA