SlideShare uma empresa Scribd logo
PROJETO: CONHECER, SENTIR,
      VIVER KARDEC

                 SÉRIE:
             CONHENCENDO
                KARDEC
Obsessão e suas consequências
Vinde a mim, todos os que vos
achais cansados e oprimidos, e eu
  vos aliviarei. (Mateus 11:28)
A obsessão é a ação persistente que um espírito
       mau exerce sobre um indivíduo.



   ‎ Prece pelos obsidiados" - “ESE" – Cap. XXVIII, item 81.
   “
Apresenta caracteres muito diversos, desde a
simples influência moral, sem perceptíveis sinais
   exteriores, até a perturbação completa do
          organismo e das faculdades.


    ‎ Prece pelos obsidiados" - “ESE" – Cap. XXVIII, item 81.
    “
Ninguém exerce
ascendentes sobre                               Os Espíritos
   os Espíritos                               perversos sentem
 inferiores, senão                           que os homens de
pela superioridade                           bem os dominam.
      moral.



  ( Allan Kardec - O Livro dos Médiuns ;Capítulo XXV ; Q.279)
Se conseguirem
                                                 estabelecer domínio sobre
   Ligam-se os Espíritos
                                                  alguém, identificam-se
inferiores apenas àqueles
                                                      com o seu próprio
 que os ouvem, junto aos
                                                   Espírito, fascinam-no,
  quais têm acesso e aos
                                                 obsidiam-no, subjugam-
    quais se agarram.                            no e o conduzem como se
                                                     fosse uma criança.


    (Allan Kardec - Revista Espírita 1858, Outubro, Obsedados e subjugados).
A fascinação é uma
ilusão produzida pela                 Paralisa o                       Inspira
ação direta do Espírito               raciocínio.                  confiança cega.
 sobre o pensamento.


                           Tem como tática                       Leva- nos a
  O espírito é
                          nos afastar de quem                situações ridículas,
   ardiloso e
                           nos pode abrir os                 comprometedoras e
  hipócrita.
                                 olhos.                         até perigosas.

                 Allan Kardec - Livro dos Médiuns. “Da Obsessão”
Como não há cego pior do que aquele que não
                             quer ver, reconhecida a inutilidade de toda
                             tentativa para abrir os olhos ao fascinado.



 Ninguém pode curar um doente                       O que se tem de melhor a
que se obstina em conservar o seu                  fazer é deixá-lo com as suas
     mal e nele se compraz.                                   ilusões.

       (Allan Kardec - O Livro dos Médiuns; Segunda parte Cap. XXIII ; item 250)
909. Poderia                     Sim, e por vezes
    sempre o                                                                Ah! Quão
                                   fazendo esforços
 homem, pelos                                                              poucos dentre
                                    bem pequenos.                            vós fazem
 seus esforços,
 vencer as suas                     O que lhe falta                           esforços
más inclinações?                     é a vontade.



  ( Allan Kardec - O Livro dos Espíritos; q 909 - Parte Terceira - Das leis morais; Cap.XII)
911. Não haverá paixões tão
                           vivas e irresistíveis, que a vontade
                           seja impotente para dominá-las?


              Querem, porém muito
                                                     Há muitas pessoas que
          satisfeitas ficam que não seja
                                                           dizem:
                 como “querem”.



                           Quero, mas a vontade só lhes está
                                     nos lábios.

( Allan Kardec - O Livro dos Espíritos; q 911 - Parte Terceira - Das leis morais; Cap. XII)
Quando o
         homem crê que
         não pode vencer            Compreende a
                                                              Vencê-las é, para
        as suas paixões, é           sua natureza
                                                              ele, uma vitória
         que seu Espírito          espiritual aquele
                                                              do Espírito sobre
        se compraz nelas,           que as procura
        em consequência                                          a matéria.
                                       reprimir.
              da sua
          inferioridade.


( Allan Kardec - O Livro dos Espíritos; q 911 - Parte Terceira - Das leis morais; Cap. XII)
Os maus Espíritos somente
   procuram os lugares onde                      Para os afastar, não
encontrem possibilidades de dar                   basta pedir-lhes.
 expansão à sua perversidade.



É preciso que o homem
 elimine de si o que os                       Nem mesmo ordenar-lhes
         atrai.                                    que se vão.

              (Allan Kardec - ESE, Cap. XXVIII, Item 16)
Aproveitam-se
 Os Espíritos          de todas as
  sedutores se            nossas                                  Mas que se
 esforçam por          fraquezas,                               afastam, em se
                                             Alguns há que
nos afastar das          como de                                 reconhecendo
                                                  se nos
   veredas do         outras tantas                               impotentes
                                             aferram, como
      bem,           portas abertas,                               para lutar
                                              a uma presa.
sugerindo-nos            que lhes                               contra a nossa
     maus               facultam                                    vontade.
 pensamentos.        acesso à nossa
                          alma.

                  (Allan Kardec - ESE, Cap. XXVIII, item 11).
Toda criatura de boa vontade e               Dizemos que deve ser simpática
simpática aos bons Espíritos pode              aos bons Espíritos porque se ela
   sempre, com o auxílio deles,                  própria atrai os inferiores, é
     paralisar uma influência                  evidente que seria o mesmo que
            perniciosa.                             caçar lobo com lobo.




               (Allan Kardec - Revista Espírita 1858,Outubro)
469. Por que meio
                                                  Praticando o bem e
podemos neutralizar a
                                                 pondo em Deus toda a
 influência dos maus
                                                    vossa confiança.
      Espíritos?


         Allan Kardec - O Livro dos Espíritos, q 469 - Capítulo IX.
Guardai-vos de
   atender às
                               Que sopram a
  sugestões dos                                                Que vos insuflam
                               discórdia entre
Espíritos que vos                                               as paixões más.
                                 vós outros.
 suscitam maus
  pensamentos.


            Allan Kardec - O Livro dos Espíritos, q 469 - Capítulo IX.
Desconfiai especialmente dos que vos exaltam o orgulho, pois que
esses vos assaltam pelo lado fraco.

Essa a razão por que Jesus, na oração dominical, vos ensinou a
dizer:

“Senhor! Não nos deixes cair em tentação, mas livra-nos do
mal.”
           Allan Kardec - O Livro dos Espíritos, q 469 - Capítulo IX.
As qualidades que, de preferência
                           atraem os bons espíritos são:



 O orgulho, o egoísmo, a inveja, o ciúme, o     A bondade, a benevolência, a simplicidade
 ódio, a cupidez, a sensualidade e todas as         do coração, o amor do próximo, o
paixões que escravizam o homem à matéria.         desprendimento das coisas materiais.




                          Os defeitos que nos afastam são:

                   (O Livro dos Médiuns – Da Influência Moral do Médium)
475. Pode                       “ Sempre é
           alguém por si                     possível, a
           mesmo afastar                  quem quer que
              os maus                     seja, subtrair-se
             Espíritos e                     a um jugo,
           libertar-se da                  desde que com
            dominação                     vontade firme o
               deles?                         queira.”

(Allan Kardec - Livro dos Espíritos, q. 475 - Parte Segunda, Cap. IX)
O pensamento malévolo            O pensamento benevolente            Daí a diferença de
   dirige uma corrente           vos envolve de um eflúvio            sensações que se
fluídica cuja impressão é               agradável.                     experimenta à
         penosa.                                                    aproximação de um
                                                                  amigo ou de um inimigo.
           O Evangelho Segundo o Espiritismo – Allan Kardec – cap. XII–- Item 3.
Não lhes guardar ódio, nem rancor, nem
              desejos de vingança.

              É perdoar-lhes, sem pensamento oculto e sem
              condições, o mal que nos fazem.

              É não opor nenhum obstáculo à reconciliação
              com eles.
Allan Kardec - O Evangelho segundo o Espiritismo – Capítulo XII – Item 24
É desejar-lhes o bem e não o mal.



            E, finalmente, retribuir-lhes sempre o
            mal com o bem, sem intenção de os
            humilhar.
Allan Kardec - O Evangelho segundo o Espiritismo – Capítulo XII – Item 24
Obsessão e suas consequências

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Obsessão e influenciação espiritual
Obsessão e influenciação espiritualObsessão e influenciação espiritual
Obsessão e influenciação espiritual
grupodepaisceb
 
Palestra Instituto Espírita de Educação - Preguiça Frente à Lei do Trabalho
Palestra Instituto Espírita de Educação - Preguiça Frente à Lei do TrabalhoPalestra Instituto Espírita de Educação - Preguiça Frente à Lei do Trabalho
Palestra Instituto Espírita de Educação - Preguiça Frente à Lei do Trabalho
Instituto Espírita de Educação
 
Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...
Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...
Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...
Antonio Braga
 
Palestra 8 obsessão espiritual
Palestra 8 obsessão espiritualPalestra 8 obsessão espiritual
Palestra 8 obsessão espiritual
Jose Ferreira Almeida
 
Nao julgueis-nao-julgados
Nao julgueis-nao-julgadosNao julgueis-nao-julgados
Nao julgueis-nao-julgados
Maisa Gabriela Souto Lima
 
Centro Espírita - Farol de Luz
Centro Espírita - Farol de LuzCentro Espírita - Farol de Luz
Centro Espírita - Farol de Luz
Ricardo Azevedo
 
A vida no mundo espiritual
A vida no mundo espiritualA vida no mundo espiritual
A vida no mundo espiritual
Graça Maciel
 
Missão do homem inteligente na terra
Missão do homem inteligente na terraMissão do homem inteligente na terra
Missão do homem inteligente na terra
Graça Maciel
 
Orgulho: Pai de todos os vÍcios
Orgulho: Pai de todos os vÍciosOrgulho: Pai de todos os vÍcios
Orgulho: Pai de todos os vÍcios
Graça Maciel
 
Resiliência e espiritismo
 Resiliência e espiritismo Resiliência e espiritismo
Resiliência e espiritismo
Ana Cláudia Leal Felgueiras
 
O Perispírito
O PerispíritoO Perispírito
O Perispírito
hamletcrs
 
Não vim destruir a lei
Não vim destruir a leiNão vim destruir a lei
Não vim destruir a lei
Graça Maciel
 
Clarividencia e clariaudiencia
Clarividencia e clariaudienciaClarividencia e clariaudiencia
Clarividencia e clariaudiencia
Candice Gunther
 
principios basicos do espiritismo
principios basicos do espiritismoprincipios basicos do espiritismo
principios basicos do espiritismo
cleomarjunior
 
Possessão (posse física do encarnado)-1,5h
Possessão (posse física do encarnado)-1,5hPossessão (posse física do encarnado)-1,5h
Possessão (posse física do encarnado)-1,5h
home
 
OS MÉDIUNS
OS MÉDIUNSOS MÉDIUNS
Simpatia e antipatia
Simpatia e antipatiaSimpatia e antipatia
Simpatia e antipatia
Graça Maciel
 
Aula 2 - Deus – lili
Aula 2 - Deus – liliAula 2 - Deus – lili
Aula 2 - Deus – lili
Roseli Lemes
 
Como os espíritos influenciam nossas vidas
Como os espíritos influenciam nossas vidasComo os espíritos influenciam nossas vidas
Como os espíritos influenciam nossas vidas
Luciane Belchior
 
PALESTRA - LEI DO TRABALHO - LEI DA VIDA
PALESTRA - LEI DO TRABALHO - LEI DA VIDAPALESTRA - LEI DO TRABALHO - LEI DA VIDA
PALESTRA - LEI DO TRABALHO - LEI DA VIDA
Mauro Santos
 

Mais procurados (20)

Obsessão e influenciação espiritual
Obsessão e influenciação espiritualObsessão e influenciação espiritual
Obsessão e influenciação espiritual
 
Palestra Instituto Espírita de Educação - Preguiça Frente à Lei do Trabalho
Palestra Instituto Espírita de Educação - Preguiça Frente à Lei do TrabalhoPalestra Instituto Espírita de Educação - Preguiça Frente à Lei do Trabalho
Palestra Instituto Espírita de Educação - Preguiça Frente à Lei do Trabalho
 
Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...
Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...
Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...
 
Palestra 8 obsessão espiritual
Palestra 8 obsessão espiritualPalestra 8 obsessão espiritual
Palestra 8 obsessão espiritual
 
Nao julgueis-nao-julgados
Nao julgueis-nao-julgadosNao julgueis-nao-julgados
Nao julgueis-nao-julgados
 
Centro Espírita - Farol de Luz
Centro Espírita - Farol de LuzCentro Espírita - Farol de Luz
Centro Espírita - Farol de Luz
 
A vida no mundo espiritual
A vida no mundo espiritualA vida no mundo espiritual
A vida no mundo espiritual
 
Missão do homem inteligente na terra
Missão do homem inteligente na terraMissão do homem inteligente na terra
Missão do homem inteligente na terra
 
Orgulho: Pai de todos os vÍcios
Orgulho: Pai de todos os vÍciosOrgulho: Pai de todos os vÍcios
Orgulho: Pai de todos os vÍcios
 
Resiliência e espiritismo
 Resiliência e espiritismo Resiliência e espiritismo
Resiliência e espiritismo
 
O Perispírito
O PerispíritoO Perispírito
O Perispírito
 
Não vim destruir a lei
Não vim destruir a leiNão vim destruir a lei
Não vim destruir a lei
 
Clarividencia e clariaudiencia
Clarividencia e clariaudienciaClarividencia e clariaudiencia
Clarividencia e clariaudiencia
 
principios basicos do espiritismo
principios basicos do espiritismoprincipios basicos do espiritismo
principios basicos do espiritismo
 
Possessão (posse física do encarnado)-1,5h
Possessão (posse física do encarnado)-1,5hPossessão (posse física do encarnado)-1,5h
Possessão (posse física do encarnado)-1,5h
 
OS MÉDIUNS
OS MÉDIUNSOS MÉDIUNS
OS MÉDIUNS
 
Simpatia e antipatia
Simpatia e antipatiaSimpatia e antipatia
Simpatia e antipatia
 
Aula 2 - Deus – lili
Aula 2 - Deus – liliAula 2 - Deus – lili
Aula 2 - Deus – lili
 
Como os espíritos influenciam nossas vidas
Como os espíritos influenciam nossas vidasComo os espíritos influenciam nossas vidas
Como os espíritos influenciam nossas vidas
 
PALESTRA - LEI DO TRABALHO - LEI DA VIDA
PALESTRA - LEI DO TRABALHO - LEI DA VIDAPALESTRA - LEI DO TRABALHO - LEI DA VIDA
PALESTRA - LEI DO TRABALHO - LEI DA VIDA
 

Destaque

Obsessão doença moral
Obsessão doença moralObsessão doença moral
Obsessão doença moral
Graça Maciel
 
Evangeliza - Juventude e a Mediunidade
Evangeliza - Juventude e a MediunidadeEvangeliza - Juventude e a Mediunidade
Evangeliza - Juventude e a Mediunidade
Antonino Silva
 
Mediunidade na infancia
Mediunidade na infanciaMediunidade na infancia
Mediunidade na infancia
Lar Irmã Zarabatana
 
Conversando o Evangelho - Mediunidade o que é
Conversando o Evangelho - Mediunidade   o que éConversando o Evangelho - Mediunidade   o que é
Conversando o Evangelho - Mediunidade o que é
Fatoze
 
Mediunidade e Obsessão na Infância
Mediunidade e Obsessão na InfânciaMediunidade e Obsessão na Infância
Mediunidade e Obsessão na Infância
Arlete Laenzlinger
 
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira). Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
Leonardo Pereira
 
Mediunidade nas crianças
Mediunidade nas criançasMediunidade nas crianças
Mediunidade nas crianças
grupodepaisceb
 
Mediunidade na infancia
Mediunidade na infanciaMediunidade na infancia
Mediunidade na infancia
FEEAK
 
Mediunidade crianças (Fatima)
Mediunidade crianças (Fatima)Mediunidade crianças (Fatima)
Mediunidade crianças (Fatima)
Fatima Carvalho
 
Obsessão conceitos causas e graus
Obsessão conceitos causas e grausObsessão conceitos causas e graus
Obsessão conceitos causas e graus
Shantappa Jewur
 
Obsessão: Definição e Características
Obsessão:  Definição e CaracterísticasObsessão:  Definição e Características
Obsessão: Definição e Características
igmateus
 
13ª aula da obsessão - conceitos e causas - coem
13ª aula   da obsessão - conceitos e causas - coem13ª aula   da obsessão - conceitos e causas - coem
13ª aula da obsessão - conceitos e causas - coem
Wagner Quadros
 
Obsessão
ObsessãoObsessão
Obsessão
paikachambi
 
Transtornos mentais, obsessão e o espiritismo
Transtornos mentais, obsessão e o espiritismoTranstornos mentais, obsessão e o espiritismo
Transtornos mentais, obsessão e o espiritismo
Marlon Reikdal
 
Obsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessãoObsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessão
KATIA MARIA FARAH V DA SILVA
 

Destaque (15)

Obsessão doença moral
Obsessão doença moralObsessão doença moral
Obsessão doença moral
 
Evangeliza - Juventude e a Mediunidade
Evangeliza - Juventude e a MediunidadeEvangeliza - Juventude e a Mediunidade
Evangeliza - Juventude e a Mediunidade
 
Mediunidade na infancia
Mediunidade na infanciaMediunidade na infancia
Mediunidade na infancia
 
Conversando o Evangelho - Mediunidade o que é
Conversando o Evangelho - Mediunidade   o que éConversando o Evangelho - Mediunidade   o que é
Conversando o Evangelho - Mediunidade o que é
 
Mediunidade e Obsessão na Infância
Mediunidade e Obsessão na InfânciaMediunidade e Obsessão na Infância
Mediunidade e Obsessão na Infância
 
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira). Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
 
Mediunidade nas crianças
Mediunidade nas criançasMediunidade nas crianças
Mediunidade nas crianças
 
Mediunidade na infancia
Mediunidade na infanciaMediunidade na infancia
Mediunidade na infancia
 
Mediunidade crianças (Fatima)
Mediunidade crianças (Fatima)Mediunidade crianças (Fatima)
Mediunidade crianças (Fatima)
 
Obsessão conceitos causas e graus
Obsessão conceitos causas e grausObsessão conceitos causas e graus
Obsessão conceitos causas e graus
 
Obsessão: Definição e Características
Obsessão:  Definição e CaracterísticasObsessão:  Definição e Características
Obsessão: Definição e Características
 
13ª aula da obsessão - conceitos e causas - coem
13ª aula   da obsessão - conceitos e causas - coem13ª aula   da obsessão - conceitos e causas - coem
13ª aula da obsessão - conceitos e causas - coem
 
Obsessão
ObsessãoObsessão
Obsessão
 
Transtornos mentais, obsessão e o espiritismo
Transtornos mentais, obsessão e o espiritismoTranstornos mentais, obsessão e o espiritismo
Transtornos mentais, obsessão e o espiritismo
 
Obsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessãoObsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessão
 

Semelhante a Obsessão e suas consequências

Afastamento dos maus espíritos
Afastamento dos maus espíritosAfastamento dos maus espíritos
Afastamento dos maus espíritos
Graça Maciel
 
Os inimigos desencarnados e sua ação contra os grupos espíritas
Os inimigos desencarnados e sua ação contra os grupos espíritasOs inimigos desencarnados e sua ação contra os grupos espíritas
Os inimigos desencarnados e sua ação contra os grupos espíritas
Graça Maciel
 
Refletindo com Kardec 3
Refletindo com Kardec 3Refletindo com Kardec 3
Refletindo com Kardec 3
Graça Maciel
 
Questões de o livro dos espíritos que abordam lições referentes à obsessão.
Questões de o livro dos espíritos que  abordam lições referentes à obsessão.Questões de o livro dos espíritos que  abordam lições referentes à obsessão.
Questões de o livro dos espíritos que abordam lições referentes à obsessão.
Graça Maciel
 
Influência dos espíritos sobre os nossos pensamentos
Influência dos espíritos sobre os nossos pensamentosInfluência dos espíritos sobre os nossos pensamentos
Influência dos espíritos sobre os nossos pensamentos
Graça Maciel
 
Pelos obsidiados
Pelos obsidiadosPelos obsidiados
Pelos obsidiados
Graça Maciel
 
Obsessão por fascinação - parte 4
Obsessão por fascinação - parte 4Obsessão por fascinação - parte 4
Obsessão por fascinação - parte 4
Graça Maciel
 
Como vencer as más paixões
Como vencer as más paixõesComo vencer as más paixões
Como vencer as más paixões
Graça Maciel
 
Resumo dos Pontos Principais Doutrina Espírita
Resumo dos Pontos Principais Doutrina EspíritaResumo dos Pontos Principais Doutrina Espírita
Resumo dos Pontos Principais Doutrina Espírita
Graça Maciel
 
Obsessão do ponto de vista espírita
Obsessão do ponto de vista espíritaObsessão do ponto de vista espírita
Obsessão do ponto de vista espírita
Eduardo Ottonelli Pithan
 
Comemoração dos mortos
Comemoração dos mortosComemoração dos mortos
Comemoração dos mortos
Graça Maciel
 
Passe e Desobsessão - os estudos de Allan Kardec
Passe e Desobsessão - os estudos de Allan KardecPasse e Desobsessão - os estudos de Allan Kardec
Passe e Desobsessão - os estudos de Allan Kardec
Ponte de Luz ASEC
 
Palestra Pública Doutrina Espírita Tema Casa adornada
 Palestra Pública Doutrina Espírita Tema Casa adornada Palestra Pública Doutrina Espírita Tema Casa adornada
Palestra Pública Doutrina Espírita Tema Casa adornada
nelmarvoc
 
Palestra Espírita- Sua casa Mental "Casa adornada"
 Palestra Espírita- Sua casa Mental "Casa adornada" Palestra Espírita- Sua casa Mental "Casa adornada"
Palestra Espírita- Sua casa Mental "Casa adornada"
nelmarvoc
 
Anjos guardiães
Anjos guardiãesAnjos guardiães
Anjos guardiães
Graça Maciel
 
01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita
01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita
01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita
carlos freire
 
Escala Espírita
Escala EspíritaEscala Espírita
Escala Espírita
Graça Maciel
 
Resumo dos pontos principais da doutrina espirita
Resumo dos pontos principais da doutrina espiritaResumo dos pontos principais da doutrina espirita
Resumo dos pontos principais da doutrina espirita
Carlos Alberto Freire De Souza
 
14ª aula da obsessão - classificação - coem
14ª aula   da obsessão - classificação - coem14ª aula   da obsessão - classificação - coem
14ª aula da obsessão - classificação - coem
Wagner Quadros
 
Obsessão e desobsessao
Obsessão e desobsessaoObsessão e desobsessao
Obsessão e desobsessao
Claudio Macedo
 

Semelhante a Obsessão e suas consequências (20)

Afastamento dos maus espíritos
Afastamento dos maus espíritosAfastamento dos maus espíritos
Afastamento dos maus espíritos
 
Os inimigos desencarnados e sua ação contra os grupos espíritas
Os inimigos desencarnados e sua ação contra os grupos espíritasOs inimigos desencarnados e sua ação contra os grupos espíritas
Os inimigos desencarnados e sua ação contra os grupos espíritas
 
Refletindo com Kardec 3
Refletindo com Kardec 3Refletindo com Kardec 3
Refletindo com Kardec 3
 
Questões de o livro dos espíritos que abordam lições referentes à obsessão.
Questões de o livro dos espíritos que  abordam lições referentes à obsessão.Questões de o livro dos espíritos que  abordam lições referentes à obsessão.
Questões de o livro dos espíritos que abordam lições referentes à obsessão.
 
Influência dos espíritos sobre os nossos pensamentos
Influência dos espíritos sobre os nossos pensamentosInfluência dos espíritos sobre os nossos pensamentos
Influência dos espíritos sobre os nossos pensamentos
 
Pelos obsidiados
Pelos obsidiadosPelos obsidiados
Pelos obsidiados
 
Obsessão por fascinação - parte 4
Obsessão por fascinação - parte 4Obsessão por fascinação - parte 4
Obsessão por fascinação - parte 4
 
Como vencer as más paixões
Como vencer as más paixõesComo vencer as más paixões
Como vencer as más paixões
 
Resumo dos Pontos Principais Doutrina Espírita
Resumo dos Pontos Principais Doutrina EspíritaResumo dos Pontos Principais Doutrina Espírita
Resumo dos Pontos Principais Doutrina Espírita
 
Obsessão do ponto de vista espírita
Obsessão do ponto de vista espíritaObsessão do ponto de vista espírita
Obsessão do ponto de vista espírita
 
Comemoração dos mortos
Comemoração dos mortosComemoração dos mortos
Comemoração dos mortos
 
Passe e Desobsessão - os estudos de Allan Kardec
Passe e Desobsessão - os estudos de Allan KardecPasse e Desobsessão - os estudos de Allan Kardec
Passe e Desobsessão - os estudos de Allan Kardec
 
Palestra Pública Doutrina Espírita Tema Casa adornada
 Palestra Pública Doutrina Espírita Tema Casa adornada Palestra Pública Doutrina Espírita Tema Casa adornada
Palestra Pública Doutrina Espírita Tema Casa adornada
 
Palestra Espírita- Sua casa Mental "Casa adornada"
 Palestra Espírita- Sua casa Mental "Casa adornada" Palestra Espírita- Sua casa Mental "Casa adornada"
Palestra Espírita- Sua casa Mental "Casa adornada"
 
Anjos guardiães
Anjos guardiãesAnjos guardiães
Anjos guardiães
 
01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita
01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita
01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita
 
Escala Espírita
Escala EspíritaEscala Espírita
Escala Espírita
 
Resumo dos pontos principais da doutrina espirita
Resumo dos pontos principais da doutrina espiritaResumo dos pontos principais da doutrina espirita
Resumo dos pontos principais da doutrina espirita
 
14ª aula da obsessão - classificação - coem
14ª aula   da obsessão - classificação - coem14ª aula   da obsessão - classificação - coem
14ª aula da obsessão - classificação - coem
 
Obsessão e desobsessao
Obsessão e desobsessaoObsessão e desobsessao
Obsessão e desobsessao
 

Mais de Graça Maciel

Missao dos Espiritas
Missao dos EspiritasMissao dos Espiritas
Missao dos Espiritas
Graça Maciel
 
Regeneração da humanidade
Regeneração da humanidadeRegeneração da humanidade
Regeneração da humanidade
Graça Maciel
 
Regeneração da humanidade
Regeneração da humanidadeRegeneração da humanidade
Regeneração da humanidade
Graça Maciel
 
Obsessão por fascinação - parte 3
Obsessão por fascinação - parte 3Obsessão por fascinação - parte 3
Obsessão por fascinação - parte 3
Graça Maciel
 
Obsessão por fascinação - parte 2
Obsessão por fascinação - parte 2Obsessão por fascinação - parte 2
Obsessão por fascinação - parte 2
Graça Maciel
 
Obsessão por fascinação - parte 1
Obsessão por fascinação - parte 1Obsessão por fascinação - parte 1
Obsessão por fascinação - parte 1
Graça Maciel
 
Missão dos espíritas
Missão dos espíritasMissão dos espíritas
Missão dos espíritas
Graça Maciel
 
Pecado por pensamento
Pecado por pensamentoPecado por pensamento
Pecado por pensamento
Graça Maciel
 
Amai os vossos inimigos
Amai  os  vossos  inimigosAmai  os  vossos  inimigos
Amai os vossos inimigos
Graça Maciel
 
Ação da prece
Ação da preceAção da prece
Ação da prece
Graça Maciel
 
Pressentimentos
PressentimentosPressentimentos
Pressentimentos
Graça Maciel
 
Adoração
AdoraçãoAdoração
Adoração
Graça Maciel
 
Ajuda-te a ti mesmo que o céu te ajudará
Ajuda-te a ti mesmo que o céu te ajudaráAjuda-te a ti mesmo que o céu te ajudará
Ajuda-te a ti mesmo que o céu te ajudará
Graça Maciel
 
Pensamento benévolo
Pensamento benévoloPensamento benévolo
Pensamento benévolo
Graça Maciel
 
Missão dos Pais
Missão dos PaisMissão dos Pais
Missão dos Pais
Graça Maciel
 
Obsessão nos grupos espíritas
Obsessão nos grupos espíritasObsessão nos grupos espíritas
Obsessão nos grupos espíritas
Graça Maciel
 
Consolador prometido
Consolador prometidoConsolador prometido
Consolador prometido
Graça Maciel
 
O mau pensamento como se reconhece
O mau pensamento como se reconheceO mau pensamento como se reconhece
O mau pensamento como se reconhece
Graça Maciel
 
Não basta não fazer o mal é preciso fazer o bem.
Não basta não fazer o mal é preciso fazer o bem.Não basta não fazer o mal é preciso fazer o bem.
Não basta não fazer o mal é preciso fazer o bem.
Graça Maciel
 
O homem depois da morte
O homem depois da morte O homem depois da morte
O homem depois da morte
Graça Maciel
 

Mais de Graça Maciel (20)

Missao dos Espiritas
Missao dos EspiritasMissao dos Espiritas
Missao dos Espiritas
 
Regeneração da humanidade
Regeneração da humanidadeRegeneração da humanidade
Regeneração da humanidade
 
Regeneração da humanidade
Regeneração da humanidadeRegeneração da humanidade
Regeneração da humanidade
 
Obsessão por fascinação - parte 3
Obsessão por fascinação - parte 3Obsessão por fascinação - parte 3
Obsessão por fascinação - parte 3
 
Obsessão por fascinação - parte 2
Obsessão por fascinação - parte 2Obsessão por fascinação - parte 2
Obsessão por fascinação - parte 2
 
Obsessão por fascinação - parte 1
Obsessão por fascinação - parte 1Obsessão por fascinação - parte 1
Obsessão por fascinação - parte 1
 
Missão dos espíritas
Missão dos espíritasMissão dos espíritas
Missão dos espíritas
 
Pecado por pensamento
Pecado por pensamentoPecado por pensamento
Pecado por pensamento
 
Amai os vossos inimigos
Amai  os  vossos  inimigosAmai  os  vossos  inimigos
Amai os vossos inimigos
 
Ação da prece
Ação da preceAção da prece
Ação da prece
 
Pressentimentos
PressentimentosPressentimentos
Pressentimentos
 
Adoração
AdoraçãoAdoração
Adoração
 
Ajuda-te a ti mesmo que o céu te ajudará
Ajuda-te a ti mesmo que o céu te ajudaráAjuda-te a ti mesmo que o céu te ajudará
Ajuda-te a ti mesmo que o céu te ajudará
 
Pensamento benévolo
Pensamento benévoloPensamento benévolo
Pensamento benévolo
 
Missão dos Pais
Missão dos PaisMissão dos Pais
Missão dos Pais
 
Obsessão nos grupos espíritas
Obsessão nos grupos espíritasObsessão nos grupos espíritas
Obsessão nos grupos espíritas
 
Consolador prometido
Consolador prometidoConsolador prometido
Consolador prometido
 
O mau pensamento como se reconhece
O mau pensamento como se reconheceO mau pensamento como se reconhece
O mau pensamento como se reconhece
 
Não basta não fazer o mal é preciso fazer o bem.
Não basta não fazer o mal é preciso fazer o bem.Não basta não fazer o mal é preciso fazer o bem.
Não basta não fazer o mal é preciso fazer o bem.
 
O homem depois da morte
O homem depois da morte O homem depois da morte
O homem depois da morte
 

Último

Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf radedgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
carla983678
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
DavidBertelli3
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
Rogério Augusto Ayres de Araujo
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
Marta Gomes
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
AlailzaSoares1
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Ricardo Azevedo
 

Último (12)

Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf radedgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
 

Obsessão e suas consequências

  • 1. PROJETO: CONHECER, SENTIR, VIVER KARDEC SÉRIE: CONHENCENDO KARDEC
  • 3. Vinde a mim, todos os que vos achais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. (Mateus 11:28)
  • 4. A obsessão é a ação persistente que um espírito mau exerce sobre um indivíduo. ‎ Prece pelos obsidiados" - “ESE" – Cap. XXVIII, item 81. “
  • 5. Apresenta caracteres muito diversos, desde a simples influência moral, sem perceptíveis sinais exteriores, até a perturbação completa do organismo e das faculdades. ‎ Prece pelos obsidiados" - “ESE" – Cap. XXVIII, item 81. “
  • 6. Ninguém exerce ascendentes sobre Os Espíritos os Espíritos perversos sentem inferiores, senão que os homens de pela superioridade bem os dominam. moral. ( Allan Kardec - O Livro dos Médiuns ;Capítulo XXV ; Q.279)
  • 7. Se conseguirem estabelecer domínio sobre Ligam-se os Espíritos alguém, identificam-se inferiores apenas àqueles com o seu próprio que os ouvem, junto aos Espírito, fascinam-no, quais têm acesso e aos obsidiam-no, subjugam- quais se agarram. no e o conduzem como se fosse uma criança. (Allan Kardec - Revista Espírita 1858, Outubro, Obsedados e subjugados).
  • 8. A fascinação é uma ilusão produzida pela Paralisa o Inspira ação direta do Espírito raciocínio. confiança cega. sobre o pensamento. Tem como tática Leva- nos a O espírito é nos afastar de quem situações ridículas, ardiloso e nos pode abrir os comprometedoras e hipócrita. olhos. até perigosas. Allan Kardec - Livro dos Médiuns. “Da Obsessão”
  • 9. Como não há cego pior do que aquele que não quer ver, reconhecida a inutilidade de toda tentativa para abrir os olhos ao fascinado. Ninguém pode curar um doente O que se tem de melhor a que se obstina em conservar o seu fazer é deixá-lo com as suas mal e nele se compraz. ilusões. (Allan Kardec - O Livro dos Médiuns; Segunda parte Cap. XXIII ; item 250)
  • 10. 909. Poderia Sim, e por vezes sempre o Ah! Quão fazendo esforços homem, pelos poucos dentre bem pequenos. vós fazem seus esforços, vencer as suas O que lhe falta esforços más inclinações? é a vontade. ( Allan Kardec - O Livro dos Espíritos; q 909 - Parte Terceira - Das leis morais; Cap.XII)
  • 11. 911. Não haverá paixões tão vivas e irresistíveis, que a vontade seja impotente para dominá-las? Querem, porém muito Há muitas pessoas que satisfeitas ficam que não seja dizem: como “querem”. Quero, mas a vontade só lhes está nos lábios. ( Allan Kardec - O Livro dos Espíritos; q 911 - Parte Terceira - Das leis morais; Cap. XII)
  • 12. Quando o homem crê que não pode vencer Compreende a Vencê-las é, para as suas paixões, é sua natureza ele, uma vitória que seu Espírito espiritual aquele do Espírito sobre se compraz nelas, que as procura em consequência a matéria. reprimir. da sua inferioridade. ( Allan Kardec - O Livro dos Espíritos; q 911 - Parte Terceira - Das leis morais; Cap. XII)
  • 13. Os maus Espíritos somente procuram os lugares onde Para os afastar, não encontrem possibilidades de dar basta pedir-lhes. expansão à sua perversidade. É preciso que o homem elimine de si o que os Nem mesmo ordenar-lhes atrai. que se vão. (Allan Kardec - ESE, Cap. XXVIII, Item 16)
  • 14. Aproveitam-se Os Espíritos de todas as sedutores se nossas Mas que se esforçam por fraquezas, afastam, em se Alguns há que nos afastar das como de reconhecendo se nos veredas do outras tantas impotentes aferram, como bem, portas abertas, para lutar a uma presa. sugerindo-nos que lhes contra a nossa maus facultam vontade. pensamentos. acesso à nossa alma. (Allan Kardec - ESE, Cap. XXVIII, item 11).
  • 15. Toda criatura de boa vontade e Dizemos que deve ser simpática simpática aos bons Espíritos pode aos bons Espíritos porque se ela sempre, com o auxílio deles, própria atrai os inferiores, é paralisar uma influência evidente que seria o mesmo que perniciosa. caçar lobo com lobo. (Allan Kardec - Revista Espírita 1858,Outubro)
  • 16. 469. Por que meio Praticando o bem e podemos neutralizar a pondo em Deus toda a influência dos maus vossa confiança. Espíritos? Allan Kardec - O Livro dos Espíritos, q 469 - Capítulo IX.
  • 17. Guardai-vos de atender às Que sopram a sugestões dos Que vos insuflam discórdia entre Espíritos que vos as paixões más. vós outros. suscitam maus pensamentos. Allan Kardec - O Livro dos Espíritos, q 469 - Capítulo IX.
  • 18. Desconfiai especialmente dos que vos exaltam o orgulho, pois que esses vos assaltam pelo lado fraco. Essa a razão por que Jesus, na oração dominical, vos ensinou a dizer: “Senhor! Não nos deixes cair em tentação, mas livra-nos do mal.” Allan Kardec - O Livro dos Espíritos, q 469 - Capítulo IX.
  • 19. As qualidades que, de preferência atraem os bons espíritos são: O orgulho, o egoísmo, a inveja, o ciúme, o A bondade, a benevolência, a simplicidade ódio, a cupidez, a sensualidade e todas as do coração, o amor do próximo, o paixões que escravizam o homem à matéria. desprendimento das coisas materiais. Os defeitos que nos afastam são: (O Livro dos Médiuns – Da Influência Moral do Médium)
  • 20. 475. Pode “ Sempre é alguém por si possível, a mesmo afastar quem quer que os maus seja, subtrair-se Espíritos e a um jugo, libertar-se da desde que com dominação vontade firme o deles? queira.” (Allan Kardec - Livro dos Espíritos, q. 475 - Parte Segunda, Cap. IX)
  • 21. O pensamento malévolo O pensamento benevolente Daí a diferença de dirige uma corrente vos envolve de um eflúvio sensações que se fluídica cuja impressão é agradável. experimenta à penosa. aproximação de um amigo ou de um inimigo. O Evangelho Segundo o Espiritismo – Allan Kardec – cap. XII–- Item 3.
  • 22. Não lhes guardar ódio, nem rancor, nem desejos de vingança. É perdoar-lhes, sem pensamento oculto e sem condições, o mal que nos fazem. É não opor nenhum obstáculo à reconciliação com eles. Allan Kardec - O Evangelho segundo o Espiritismo – Capítulo XII – Item 24
  • 23. É desejar-lhes o bem e não o mal. E, finalmente, retribuir-lhes sempre o mal com o bem, sem intenção de os humilhar. Allan Kardec - O Evangelho segundo o Espiritismo – Capítulo XII – Item 24