SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 12
Baixar para ler offline
50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA
DIVERSOS CARGOS
www.concurseirodasaude.com.br Página 1
Caro Leitor,
A equipe técnica do Concurseiro da Saúde empenha-se em desenvolver
apostilas e materiais atualizados de acordo com as leis recentemente publicadas a
fim de estar sempre em consonância com os editais dos diversos concursos
realizados em todo o território brasileiro. Também tem o cuidado minucioso de
compilar questões de concursos sempre com a referência da banca organizadora, o
ano e o cargo referido a fim de demonstrar ao candidato quais são os assuntos e os
tópicos mais frequentemente cobrados nos certames brasileiros e com a cautela
redobrada na digitação e revisão dos gabaritos. No entanto, apesar de todo esse
esmero, ainda assim erros eventuais podem ocorrer. Por isso, disponibilizamos o
email contato@concurseirodasaude.com.br para que você, leitor, possa contactar
nossa equipe caso tenha dúvidas ou identifique algum erro em determinado gabarito
e receba as atualizações que se fizerem necessárias.
A equipe do Concurseiro da Saúde está em permanente trabalho de
aprimoramento e sempre disponível para tentar atendê-lo em suas necessidades,
sugestões, solicitações ou dúvidas.
Que nossos materiais tenham papel relevante em seus estudos e no
aprimoramento profissional e sejam parceiros nas suas aprovações nos
concursos.
50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA
DIVERSOS CARGOS
WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 2
Gabarito no final da ApostilaGabarito no final da ApostilaGabarito no final da ApostilaGabarito no final da Apostila
MÉDICO-SANITARISTA –2010 - FUNDEP
1) Analise as seguintes afirmativas sobre a
participação da comunidade no Sistema Único
de Saúde (SUS) e assinale com V as verdadeiras
e com F as falsas.
( ) A Lei n. 8.080, de 1990, preconiza duas instâncias
colegiadas para o exercício da participação da
comunidade: as conferências e os conselhos de saúde.
( ) Os conselhos de saúde são colegiados de caráter
permanente e deliberativo, formados em cada esfera de
governo por profissionais de saúde, prestadores de
serviços e usuários.
( ) As conferências de saúde têm como objetivo principal
a definição de diretrizes gerais para a política de saúde
em determinada esfera de governo.
( ) Há, recentemente, a recomendação de que as
conferências municipais de saúde sejam bianuais e que as
estaduais, à semelhança das nacionais, sejam realizadas a
cada quatro anos.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência de letras
CORRETA.
A) (V) (F) (V) (F)
B) (F) (V) (F) (V)
C) (V) (F) (F) (V)
D) (F) (V) (V) (V)
MÉDICO-SANITARISTA– 2006 - UFMG
2) Compete ao município em Gestão Plena do
Sistema Municipal:
I - Contratar e regular a assistência à saúde pelos
prestadores públicos e privados.
II - Elaborar a programação orçamentária ambulatorial
e de internações hospitalares, definindo os preços
dos procedimentos.
III - Receber os recursos diretamente do Fundo Nacional
para o Fundo Municipal, independentemente do
Estado.
Sobre as alternativas descritas, é CORRETO afirmar que
A) todas as alternativas estão corretas.
B) as alternativas I e II estão corretas.
C) as alternativas I e III estão corretas.
D) as alternativas II e III estão corretas.
MÉDICO-SANITARISTA – 2006 - UFMG
3) Considerando-se o papel das NOB´s (Normas
Operacionais Básicas) na implementação do
Sistema Único de Saúde, analise as seguintes
afirmativas:
I - Têm permitido a implementação de princípios
organizativos do SUS, em consonância com as idéias
neoliberais fortalecidas nos anos 1990.
II - Os PAB´s têm sofrido variação substancial nos
últimos anos, em função do aumento da
produtividade no setor.
III -O mecanismo de transferência de recurso “fundo a
fundo” possibilita o rompimento com a lógica do
“pós-pagamento”, em vigor até o início da década de
1990.
Sobre as alternativas descritas, é CORRETO afirmar que
a) todas as alternativas estão corretas.
b) as alternativas I e II estão corretas.
c) as alternativas I e III estão corretas.
d) as alternativas II e III estão corretas.
MÉDICO-SANITARISTA - 2010 - FUNDEP
4) Com relação ao Sistema Único de Saúde (SUS),
assinale a afirmativa INCORRETA.
A) A Lei n. 8.142/90 apresenta as bases da
descentralização dos serviços de saúde no Brasil.
B) As atribuições de cada esfera de governo no
desenvolvimento das funções de competência do Poder
Executivo na saúde estão previstas na Lei n. 8.080/90.
50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA
DIVERSOS CARGOS
WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 3
C) O Pacto pela Saúde contempla acordo firmado entre
os gestores do SUS em suas três dimensões: pela Vida,
em Defesa do SUS e de Gestão.
D) O processo de descentralização em saúde
predominante no Brasil é do tipo político administrativo,
envolvendo a transferência da gestão de serviços, de
poder decisório, da responsabilidade sobre prestadores do
SUS e de recursos financeiros.
MÉDICO-SANITARISTA– 2011 – UFF/COSEAC
5) De acordo com a Lei nº 8.142/90, os recursos do
Fundo Nacional de Saúde, alocados como
cobertura das ações e serviços de saúde a serem
implementados pelos Municípios, Estados e
Distrito Federal, devem ter destinação mínima
aos Municípios de:
A) 55% (cinquenta e cinco por cento).
B) 65% (sessenta e cinco por cento).
C) 60% (sessenta por cento).
D) 70%(setenta por cento).
E) 50% (cinquenta por cento).
MÉDICO-SANITARISTA – 2011 – UFF/COSEAC
6) O processo de regionalização adotado pelo Sistema
Único de Saúde constitui-se em estratégia de:
A) dispersão dos serviços de saúde e de busca de sua
maior centralização.
B) horizontalização dos serviços de saúde e de busca de
sua maior eficiência.
C) unificação dos serviços de saúde e de busca de maior
participação da comunidade.
D) centralização dos serviços de saúde e de busca de
maior comprometimento por parte da comunidade.
E) hierarquização dos serviços de saúde e de busca de
maior equidade.
TÉCNICO EM SAÚDE BUCAL – 2011-
CESGRANRIO
7) Com base na Lei no 8.142/1990, afirma-se que o(s)
(A) Conselho de Saúde e a Conferência de Saúde são
instâncias colegiadas do Sistema Único de Saúde sendo
este último de caráter provisório.
(B) Conselho de Saúde é uma instância colegiada de
caráter provisório que se reúne a cada quatro anos.
(C) recursos do Fundo Nacional de Saúde serão alocados
como cobertura das ações e serviços de saúde a serem
implementados pelo Ministro da Previdência.
(D) recursos do Fundo Nacional de Saúde serão alocados
como investimentos previstos no Plano Quinquenal do
Ministério do Planejamento.
(E) recursos do Fundo Nacional de Saúde serão alocados
como despesas de custeio e de capital do Ministério da
Saúde, seus órgãos e entidades, da administração direta e
indireta.
TÉCNICO EM ENFERMAGEM – 2009 - SESA
8) Indique a alternativa que NÃO corresponde às
atribuições do Sistema Único de Saúde (SUS),
conforme a Lei 8.080, de 19 de setembro de
1990.
a) Participar da formulação da política de saneamento
básico e da execução de ações tendo em vista sua
implementação.
b) Formular a política de formação de profissionais de
nível médio e superior para a área de saúde.
c) Fiscalizar e inspecionar alimentos, água e bebidas para
consumo humano.
d) Formular a política de medicamentos e participar de
sua produção.
e) Prestar assistência à população por intermédio de
ações de promoção, proteção e recuperação da saúde,
através de ações assistenciais e de atividades preventivas.
TÉCNICO EM ENFERMAGEM – 2009 - SESA
9) O SUS determina a criação, implantação e o
funcionamento dos Conselhos de Saúde, a nível
municipal. Nos Conselhos existem
representações diversas. Assinale a alternativa
que NÃO representa a sociedade civil no
Conselho:
A) Sindicatos de classe.
B) Associações de Moradores.
C) Órgão da Secretaria de Saúde.
D) Representação de funcionários públicos da Saúde.
50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA
DIVERSOS CARGOS
WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 4
TÉCNICO DE ENFERMAGEM – 2011 –
INSTITUTO CIDADES
10) O que são os gestores do SUS?
A) São as autoridades responsáveis pela auditoria nos
nível municipal, estadual e federal.
B) São os dirigentes dos hospitais municipais,
independente de seu compromisso social.
C) São as entidades encarregadas de fazer com que o
SUS seja implantado e funcione adequadamente dentro
das diretrizes doutrinárias, da lógica organizacional e que
seja operacionalizado dentro de seus princípios.
D) São os representantes políticos das comunidades nas
câmaras federais, estaduais e municipais.
TÉCNICO DE ENFERMAGEM – 2011 –
INSTITUTO CIDADES
11) O princípio da universalidade da atenção à saúde
corresponde a(o):
A) Acesso aos serviços de saúde em todos os níveis de
assistência facultados a todas as pessoas, independentes
de sua classe, preferência, atributos, categorias ou
qualquer outra condição.
B) Prevenção da autonomia das pessoas na defesa da sua
integridade física e moral.
C) Igualdade na assistência à saúde, sem preconceitos ou
privilégios de qualquer espécie.
D) Participação da comunidade no controle do Sistema
de Saúde.
NUTRICIONISTA – 2011 - FUNCAB
12) Ao longo da década de 1990, identificou-se a
evolução de vários modelos de gestão. O avanço na
consolidação do Sistema Único de Saúde se verifica
no modelo segundo o qual:
A) a gestão do sistema permanece com o Estado.
B) a gerência das unidades é definida em parceria pelo
gestor estadual e municipal.
C) o sistema é organizado com base na hierarquia de
ações e serviços de saúde.
D) os municípios têm sua gestão fragmentada.
E) as unidades de saúde do município não têm papel
definido.
NUTRICIONISTA – 2011 - FUNCAB
13) A notificação compulsória de doenças, agravos e
eventos em saúde é obrigatória:
A) aos responsáveis por estabelecimentos de saúde,
contanto que sejam públicos.
B) apenas aos médicos e enfermeiros.
C) a todos os profissionais de saúde.
D) aos responsáveis por organizações de ensino, apenas
quando se tratar de instituição privada.
E) exclusivamente aos laboratórios de saúde pública.
NUTRICIONISTA – 2011 - FUNCAB
14) O Pacto pela Vida é o compromisso entre os
gestores do SUS em torno de prioridades que
apresentam impacto sobre a situação de saúde da
população brasileira. Entre as prioridades
pactuadas está a Saúde do Idoso. O trabalho nesta
área deve seguir as seguintes diretrizes, EXCETO:
A) promoção do envelhecimento ativo e saudável.
B) atenção integral e integrada à saúde da pessoa idosa.
C) estímulo às ações intersetoriais, visando à
integralidade da atenção.
D) a implantação de serviços de atenção domiciliar.
E) o acolhimento exclusivo à pessoa idosa em unidades
de saúde.
NUTRICIONISTA – 2011 - FUNCAB
15) Existem diversas medidas de frequência que fazem
parte das ferramentas de apoio ao estudo
epidemiológico. Dentre essas, aquela que expressa
a frequência de óbitos por uma determinada
doença, entre os indivíduos que apresentam esta
doença, denomina-se:
A) morbidade.
B) incidência.
C) prevalência.
D) letalidade.
E) mortalidade.
50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA
DIVERSOS CARGOS
WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 5
FONOAUDIÓLOGO – 2010 – MGF
16) A Lei Orgânica da Saúde, Lei Nº 8.080, é incisiva
nos seus princípios e diretrizes quando destaca:
1- A universalidade de acesso aos serviços de saúde em
todos os níveis de assistência.
2- A igualdade de assistência à saúde, sem preconceitos
ou privilégios de qualquer espécie.
3- A participação da comunidade.
4- A utilização da epidemiologia na definição de
prioridades e orientação no planejamento das ações dos
serviços de saúde.
Estão CORRETAS as afirmativas:
(A) 1, apenas
(B) 1, 2, 3 e 4.
(C) 1, 2 e 3, apenas.
(D) 1, 2 e 4, apenas.
(E) 3 e 4, apenas
FONOAUDIÓLOGO – 2010 - MGF
17) Assinale a alternativa CORRETA sobre as
conferências de saúde:
(A) A Conferência de Saúde se reúne a cada quatro anos
(B) A Conferência de Saúde tem representação paritária
de vereadores, governo, usuários e políticos em geral
(C) A Conferência de Saúde é organizada pelo poder
legislativo
(D) A Conferência de Saúde é formada pelos técnicos e
representantes do legislativo e judiciário
(E) A Conferência de Saúde é formada por trabalhadores
de saúde apenas
FONOAUDIÓLOGO – 2010 – ASPERHS
18) Sistema de Informações Ambulatoriais do SUS
(SIA/SUS) é o sistema responsável pela captação e
processamento das contas ambulatoriais do SUS. O
documento básico é o:
a) Ficha de Percentual Ambulatorial.
b) Boletim de Entrada Ambulatorial.
c) Boleto de Controle Ambulatorial.
d) Boletim de Produção Ambulatorial.
e) Boletim de Controle de Entrada Ambulatorial.
FONOAUDIÓLOGO – 2010 - ASPERHS
19) Sobre Política Nacional de Atenção Integral à
Saúde da Mulher é INCORRETO afirmar:
a) A atenção integral à saúde da mulher refere-se ao
conjunto de ações de promoção, proteção, assistência e
recuperação da saúde, executadas nos diferentes níveis de
atenção à saúde (da básica à media complexidade).
b) A atenção integral à saúde da mulher compreende o
atendimento à mulher a partir de uma percepção
ampliada de seu contexto de vida, do momento em que
apresenta determinada demanda, assim como de sua
singularidade e de suas condições enquanto sujeito capaz
e responsável por suas escolhas.
c) A atenção integral à saúde da mulher implica, para os
prestadores de serviço, no estabelecimento de relações
com pessoas singulares, seja por razões econômicas,
culturais, religiosas, raciais, de diferentes orientações
sexuais, etc.
d) O atendimento deverá nortear-se pelo respeito a todas
as diferenças, sem discriminação de qualquer espécie e
sem imposição de valores e crenças pessoais. Esse
enfoque deverá ser incorporado aos processos de
sensibilização e capacitação para humanização das
práticas em saúde.
e) No processo de elaboração, execução e avaliação da
Política de Atenção à Saúde da Mulher deverá ser
estimulada e apoiada a participação da sociedade civil
organizada, em particular do movimento de mulheres,
pelo reconhecimento de sua contribuição técnica e
política no campo dos direitos e da saúde da mulher.
FISIOTERAPEUTA – 2010 - FUNCAB
20) As instituições privadas podem participar de forma
complementar do Sistema Único de Saúde (SUS).
No que se refere a essa participação, assinale a
alternativa INCORRETA.
A) O SUS poderá recorrer aos serviços ofertados pela
iniciativa privada, quando as suas disponibilidades forem
insuficientes para garantir a cobertura assistencial à
população de uma determinada área.
50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA
DIVERSOS CARGOS
WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 6
B) A participação complementar dos serviços privados
será formalizada mediante contrato ou convênio,
observadas, a respeito, as normas de direito público.
C) As entidades filantrópicas e as sem fins lucrativos
terão preferência para participar do SUS.
D) Os serviços contratados submeter-se-ão às normas
técnicas e administrativas e aos princípios e diretrizes do
SUS, mantido o equilíbrio econômico e financeiro do
contrato.
E) Aos proprietários, administradores e dirigentes de
entidades ou serviços contratados é permitido exercer
cargo de chefia ou função de confiança no SUS.
FISIOTERAPEUTA – 2010 – FUNCAB
21) Uma característica de um sistema de informações
em saúde é:
A) fornecer resultados de natureza administrativa.
B) ser alimentado pelos prestadores de serviços.
C) ter metodologia de análise complexa.
D) ser capaz de facilitar o planejamento de ações e
serviços.
E) utilizar apenas informações quantitativas.
FISIOTERAPEUTA – 2010 – FUNCAB
22) A Conferência Estadual de Saúde tem como um de
seus objetivos:
A) controlar a execução da política de saúde no Estado.
B) disseminar as definições do Ministério da Saúde.
C) auditar os relatórios financeiros da Secretaria Estadual
de Saúde.
D) propor as diretrizes para a formulação da política de
saúde para o Estado.
E) formular estratégias para atuação da Secretaria
Estadual de Saúde.
FISIOTERAPEUTA – 2010 – FUNCAB
23) O Pacto pela Vida é o compromisso entre os
gestores do Sistema Único de Saúde em torno de
prioridades que apresentam impacto sobre a
situação de saúde da população brasileira. Estão
entre as prioridades pactuadas, EXCETO:
A) saúde do idoso.
B) controle do câncer do colo de útero e da mama.
C) fortalecimento da atenção básica.
D) promoção da saúde.
E) redução da mortalidade por acidentes de trânsito.
FISIOTERAPEUTA – 2010 – FUNCAB
24) A frequência de casos novos de uma determinada
doença, ou problema de saúde, oriundos de uma
população sob risco de adoecimento, ao longo de
um determinado período de tempo, denomina-se:
A) morbidade.
B) incidência.
C) letalidade.
D) prevalência.
E) transmissibilidade.
FISIOTERAPEUTA – 2010 - FUNCAB
25) A definição de Distritos de Saúde em municípios de
grande densidade populacional e/ou extensão
territorial é uma ferramenta que está relacionada à
que diretriz do Sistema Único de Saúde?
A) Participação social.
B) Equidade.
C) Regionalização.
D) Intersetorialidade.
E) Integração.
ASSISTENTE SOCIAL – 2009 –MOURA MELO
26) A reformulação do Sistema Nacional de Saúde
vigente a partir da institucionalização de um
sistema unificado de saúde, o atual Sistema Único
de Saúde (SUS) deu-se a partir:
a) Da Reforma Psiquiátrica.
b) Da 7ª Conferência Nacional de Saúde, em 1986.
c) Da Reforma Sanitária.
d) Da redefinição de um modelo sócioassistencial.
ASSISTENTE SOCIAL – 2009 – CAJUÍNA
27) A 8ª Conferência Nacional de Saúde representou
um marco histórico para a mudança da política
50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA
DIVERSOS CARGOS
WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 7
pública de saúde no Brasil, na década de 80. Os
ideais da Reforma Sanitária aprovados na referida
Conferência podem ser resumidos com EXCEÇÃO
da:
a) Democratização do acesso aos serviços de saúde.
b) Universalização das ações.
c) Descentralização dos serviços de saúde com controle
social.
d) Priorização de alguns usuários nos serviços de saúde
quanto à classe social.
BIÓLOGO – 2008 – FJG
28) “O Pacto pela Vida é o compromisso entre gestores
do SUS em torno de prioridades que apresentam
impacto sobre a situação de saúde da população
brasileira.” São prioridades pactuadas:
A) saúde bucal; controle do câncer do colo de útero e da
mama; fortalecimento da atenção básica
B) redução da mortalidade infantil e materna; controle da
dengue, tuberculose e malária; controle de hipertensão e
diabetes
C) promoção da saúde; fortalecimento da capacidade de
resposta às doenças emergentes e endemias; saúde do
idoso
D) aumento da produção de imunobiológicos; redução da
transmissão vertical do HIV; atenção às doenças
negligenciáveis
BIÓLOGO – 2008 – FJG
29) É diretriz para o trabalho da Educação na Saúde:
A) ampliar a compreensão dos conceitos de formação e
educação permanente para adequá-los às distintas lógicas
e especificidades
B) capacitar recursos humanos do SUS para a difusão de
informações sobre prevenção de doenças e auto-cuidado
C) considerar a Educação Continuada como a estratégia
de formação e de desenvolvimento de trabalhadores para
o setor
D) centrar o planejamento e o acompanhamento das
atividades educativas em saúde com vistas à aquisição de
conhecimentos e mudança de hábitos
BIÓLOGO – 2008 – FJG
30) Racionalizar os gastos e otimizar os recursos,
possibilitando ganho em escala nas ações e
serviços de saúde oferecidos para um
determinado território, é objetivo da:
A) descentralização
B) universalização
C) regionalização
D) hierarquização
BIÓLOGO – 2008 – FJG
31) O financiamento das ações básicas de saúde se
dá pelo Piso de Atenção Básica (PAB),
composto por uma parte fixa e outra variável.
Os investimentos aplicados por meio do PAB
variável têm por objetivo:
A) estimular a implantação de estratégias nacionais de
reorganização do modelo de atenção à saúde
B) ampliar o montante de recursos destinados à
qualificação da média e da alta complexidade
C) financiar ações de saúde em municípios de pequeno
porte
D) assegurar a autonomia dos municípios na sua
Utilização.
TERAPEUTA OCUPACIONAL – 2008 - OBJETIVA
32) Em conformidade com o Sistema Único de
Saúde – SUS –, assinalar a alternativa
INCORRETA:
a) O Sistema Único de Saúde (SUS) estabelecerá
mecanismos de incentivos à participação do setor privado
no investimento em ciência e tecnologia e estimulará a
transferência de tecnologia das universidades e institutos
de pesquisa aos serviços de saúde nos Estados, Distrito
Federal e Municípios e às empresas nacionais.
b) Os serviços de saúde de sistemas estaduais e
municipais de Previdência Social não poderão integrar-se
à direção correspondente do Sistema Único de Saúde
(SUS), conforme seu âmbito de atuação, bem como
quaisquer outros órgãos e serviços de saúde.
c) Em tempo de paz e havendo interesse recíproco, os
serviços de saúde das Forças Armadas poderão integrar-
50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA
DIVERSOS CARGOS
WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 8
se ao Sistema Único de Saúde (SUS), conforme se
dispuser em convênio que, para esse fim, for firmado.
d) Os serviços de saúde dos hospitais universitários e de
ensino integram-se ao Sistema Único de Saúde (SUS),
mediante convênio, preservada a sua autonomia
administrativa em relação ao patrimônio, aos recursos
humanos e financeiros, ensino, pesquisa e extensão nos
limites conferidos pelas instituições a que estejam
vinculados.
TERAPEUTA OCUPACIONAL – 2008 - OBJETIVA
33) “O Pacto _______________________ está
constituído por um conjunto de compromissos
sanitários, expressos em objetivos de processos e
resultados e derivados da análise da situação de
saúde do País e das prioridades definidas pelos
governos federal, estaduais e municipais.”
a) em defesa do SUS
b) de Gestão
c) pela Vida
d) da Mobilização Social
TERAPEUTA OCUPACIONAL – 2009 – FAUEL
34) De acordo com a Lei nº 8.142 de 28/12/1990, o
Sistema Único de Saúde (SUS), contará em cada
esfera do governo com as seguintes instâncias
colegiadas: Conferência de Saúde e Conselho de
Saúde. A conferência de Saúde deverá reunir-se:
a) Anualmente, contando com a participação de vários
membros da sociedade;
b) Semestralmente com a presença de Secretários de
Saúde e dos Conselhos;
c) A cada 04 anos com a representação de vários
segmentos sociais, convocada pelo Poder Executivo ou,
extraordinariamente, por esta ou pelo Conselho de Saúde;
d) A cada 02 anos contando com a representação dos
usuários nos Conselhos de Saúde e Conferências.
Área da Saúde –– 2005 – FUNDAÇÃO DOM
CINTRA
35) Um dos objetivos do Sistema Único de Saúde, de
acordo com a Lei que o regulamenta, é:
a) divulgação dos fatores condicionantes e
determinantes da saúde;
b) descentralização político-administrativa, com
direção única em cada esfera de governo;
c) integração, em nível executivo, das ações de
saúde, meio ambiente e saneamento básico;
d) hierarquização da rede de serviços de saúde;
e) promoção do direito à informação, às pessoas
assistidas, sobre sua saúde.
MÉDICO CARDIOLOGISTA – 2010 – FUNJAB
36) A Lei Orgânica do SUS estabeleceu a criação de
comissões intersetoriais de âmbito nacional,
subordinadas ao Conselho Nacional de Saúde com a
finalidade de articular políticas e programas de
interesse para a saúde. Assinale a alternativa que
apresente CORRETAMENTE três das seis atividades
das comissões intersetoriais, previstas nessa Lei.
A( ) Alimentação e nutrição; recursos humanos;
humanização
B( ) Ciência e tecnologia; humanização e alimentação;
nutrição
C( ) Alimentação e nutrição; saneamento e meio
ambiente; ciência e tecnologia
D( ) Saneamento e meio ambiente; participação da
comunidade; recursos humanos
E( ) Humanização; saneamento e meio ambiente;
participação da comunidade
MÉDICO CARDIOLOGISTA – 2010 – FUNJAB
37) O processo histórico de construção do Sistema
Único de Saúde culminou com sua
regulamentação em 1990, através da Lei
Orgânica da Saúde. Considerando os fatos da
trajetória de construção do SUS, e o ano do
acontecimento deles, numere a coluna da
direita, que trata dos fatos históricos, segundo a
coluna da esquerda, que identifica os anos
correspondentes a esses fatos. Ano Fato
histórico:
I. 1941 ( ) VIII Conferência Nacional da Saúde
II. 1953 ( ) Criação do Ministério da Saúde
50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA
DIVERSOS CARGOS
WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 9
III. 1984 ( ) Sistema Unificado e Descentralizado de
Saúde
IV. 1986 ( ) I Conferência Nacional de Saúde
V. 1987 ( ) Ações Integradas de Saúde
Assinale a alternativa que apresenta a sequência
CORRETA, de cima para baixo.
A( ) III, I, V, II, IV
B( ) IV, II, V, I, III
C( ) V, I, IV, II, III
D( ) IV, I, III, II, V
E( ) IV, I, V, II, III
MÉDICO CARDIOLOGISTA – 2010 – FUNJAB
38) O Pacto pela Vida, uma das dimensões do Pacto
pela Saúde (Portaria no 399/2006), representa o
compromisso entre os gestores do SUS em torno de
prioridades que apresentam impacto sobre a situação de
saúde da população brasileira. Assinale a alternativa
que apresenta CORRETAMENTE três prioridades
estabelecidas no Pacto pela Vida.
A( ) Saúde da criança; saúde do adolescente; saúde do
idoso
B( ) Saúde da criança, saúde da mulher, saúde indígena
C( ) Promoção da saúde; controle do câncer de colo de
útero e de mama; saúde indígena
D( ) Promoção da saúde; atenção básica à saúde; saúde
do idoso
E( ) Saúde da mulher, saúde do adolescente, saúde do
idoso
MÉDICO CARDIOLOGISTA – 2009 – FURB
39) A Lei Orgânica da Saúde, Lei nº 8.080/1990,
prevê, na Seção II, as competências de cada
esfera de governo. À direção municipal do
Sistema Único de Saúde (SUS) compete:
(A) Definir as redes integradas de assistência de alta
complexidade.
(B) Executar supletivamente ações e serviços de saúde.
(C) Formar consórcios administrativos intermunicipais.
(D) Estabelecer normas em caráter suplementar para o
controle e avaliação.
(E) Identificar estabelecimentos hospitalares de
referência.
MÉDICO CARDIOLOGISTA – 2009 - FURB
40) Conforme o regulamento dos Pactos pela Vida e
de Gestão (MINISTÉRIO DA SAÚDE, 2006), o
processo de monitoramento dos Pactos deverá
seguir diretrizes, entre elas:
(A) Desenvolver ações de apoio para a qualificação do
processo de gestão.
(B) Aprovação no Conselho Municipal de Saúde.
(C) Unificação total dos processos de pactuação de
indicadores existentes.
(D) As unidades públicas prestadoras de serviço devem
receber recursos de custeio.
(E) A transferência de recursos deve ser realizada
conforme a pactuação.
MÉDICO CARDIOLOGISTA – 2009 - FURB
41) De acordo com a Lei nº 8.142/1990, Art. 4º, os
Municípios, os Estados e o Distrito Federal,
para receberem recursos do Fundo Nacional de
Saúde, deverão contar com:
(A) Investimentos previstos em lei orçamentária de
iniciativa do poder legislativo; estabelecimento de
coberturas previstas das ações e serviços de saúde a
serem implementados.
(B) Definição das instâncias e mecanismos de controle,
avaliação e fiscalização das ações de serviços de saúde;
acompanhamento, avaliação e divulgação do nível de
saúde da população e das condições ambientais.
(C) Fundo de saúde; conselho de saúde; plano de saúde;
relatório de gestão; contrapartida de recursos para a saúde
no orçamento; comissão de elaboração do plano de
carreira, cargos e salários.
(D) Elaboração de normas técnicas e estabelecimento de
padrões de qualidade e parâmetros de custos que
caracterizam a assistência à saúde; elaboração e
atualização periódica do plano de saúde.
(E) A articulação das políticas e programas, a cargo das
comissões intersetoriais que abrangerá, em especial, as
atividades de alimentação e nutrição, saneamento e meio
ambiente.
50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA
DIVERSOS CARGOS
WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 10
AUXILIAR DE SAÚDE BUCAL – 2011 – PERSONA
42) Com relação as Diretrizes e Princípios do Sistema
Único de Saúde – SUS, que descreve: “assistência,
entendida como conjunto articulado e contínuo das
ações e serviços preventivos e curativos, individuais e
coletivos, exigidos para cada caso em todos os níveis de
complexidade do sistema”
a) autonomia.
b) integralidade.
c) promoção da saúde.
d) prevenção da doença.
e) participação comunitária.
AUXILIAR DE SAÚDE BUCAL – 2011 – PERSONA
43) Com Base no Artigo 156 da Constituição Federal e
na Emenda Constitucional no 29, analise as afirmativas
a seguir:
I- Compete aos Municípios instituir impostos sobre
propriedade predial e territorial urbana.
II- Compete aos Municípios instituir impostos sobre
transmissão "inter vivos", a qualquer título, por ato
oneroso, de bens imóveis, por natureza ou acessão física,
e de direitos reais sobre imóveis, exceto os de garantia,
bem como cessão de direitos a sua aquisição
III- Compete aos Municípios instituir impostos sobre
vendas a varejo de combustíveis líquidos e gasosos,
exceto óleo diesel.
IV- Compete aos Municípios instituir impostos com
alíquotas diferentes de acordo com a localização e o uso
do imóvel
Está correto o que se afirma em
a) I e II.
b) I e III.
c) III e IV.
d) I, II e IV.
e) II, III e IV.
AUXILIAR DE SAÚDE BUCAL – 2011 – PERSONA
44) As responsabilidades das ações em saúde no
Sistema Único de Saúde – SUS é partilhado pelas três
esferas de poderes o Federal, o Estadual e o Municipal.
As atribuições são partilhadas e não são excludentes
entre si, mas cada poder deve desenvolver,
primariamente, ações distintas de acordo com as
atribuições preconizadas pelo sistema. Das alternativas
abaixo assinale aquela que NÃO corresponde a uma
atribuição primária ao Município?
a) Realização das investigações epidemiológicas de casos
e surtos.
b) Implementação de programas especiais formulados no
âmbito estadual.
c) Participação na formulação de políticas, planos e
programas de saúde e na organização da prestação de
serviços, no âmbito municipal.
d) Elaboração e difusão de boletins epidemiológicos
(retro-alimentação) e participação em estratégias de
comunicação social no âmbito municipal.
e) Promoção de ações de comunicação social, visando à
ampliação da consciência sanitária e da participação da
população nas atividades de vigilância e controle de
doenças e agravos.
CIRURGIÃO DENTISTA – 2011 – PL
CONSULTORIA
45) Segundo o art. 2°°°° da Lei no 8.142/90, os recursos do
Fundo Nacional de Saude (FNS) serão alocados como:
I. Despesas de custeio e de capital do Ministério da
Saúde, seus órgãos e entidades, da administração direta e
indireta.
II. Investimentos previstos em lei orçamentária, de
iniciativa do Poder Legislativo e aprovados pelo
Congresso Nacional.
III. Investimentos previstos no Plano quinquenal do
Ministério da Saúde.
IV. Cobertura das ações e serviços de saúde a serem
implementados pelos Municípios, Estados e Distrito
Federal. Estão corretos:
a) somente os itens I, II e IV.
b) somente os itens I, II e III.
c) somente o item III esta incorreto.
d) somente os itens II e IV.
e) todos os itens estão corretos.
50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA
DIVERSOS CARGOS
WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 11
CIRURGIÃO DENTISTA – 2011 – PL
CONSULTORIA
46) A Lei Orgânica da Saúde estabeleceu atribuições
comuns da União, dos Estados do Distrito Federal e dos
Municípios. Analise as afirmativas abaixo e marque V
quando verdadeiro e F quando falso e assinale a
alternativa correta:
( ) A União se limita a expedir normas gerais sobre o
sistema nacional de Vigilância Sanitária, definindo-o e
coordenando-o em todo o território nacional;
( ) Os Estados tem o poder-dever de coordenar e, em
caráter complementar, executar ações e serviços da
Vigilância Sanitária e de saúde do trabalhador,
suplementando, nesses setores, a legislação sobre normas
gerais expedidas pela União;
( ) Os Municípios podem, na mesma medida dos
interesses predominantemente locais, suplementar a
legislação federal e estadual no tocante a aplicação e
execução de ações e serviços de vigilância sanitária.
a) V, V, F.
b) V, V, V.
c) F, V, V.
d) V, F, F.
e) V, F, V.
ENFERMEIRO ESPECIALISTA EM SAÚDE
MENTAL -2010 – COTEC
47) Em relação à Lei 8.080/90:
I - todos os prestadores de serviços estão subordinados a
essa lei e não só os integrantes do SUS.
II - essa dispõe sobre as condições para a promoção,
prestação e recuperação da saúde.
III - ela regula a participação da comunidade no SUS,
assegurando a existência de instâncias colegiadas como
conferências e conselhos de saúde nos três níveis de
governo.
A alternativa CORRETA é
A) Somente II está correta.
B) Somente I e II estão corretas.
C) Somente II e III estão corretas.
D) I, II e III estão corretas.
ENFERMEIRO ESPECIALISTA EM SAÚDE
MENTAL -2010 – COTEC
48) No processo de constituição do Sistema Único de
Saúde:
I - um decreto Presidencial antecedeu o mesmo e instituiu
o Sistema Único e Descentralizado de Saúde que
desconcentrou recursos e descentralizou parte do
processo decisório para o âmbito dos estados.
II - desempenhou papel importante na 8ª Conferência
Nacional de Saúde, realizada em Brasília, em 1986.
III - houve predominância da participação dos
movimentos sociais estimulados pela Lei 8.142 que
defendia a democratização da saúde.
Está(ão) CORRETA(S) a(s) afirmativa(s)
A) II, apenas.
B) I e II, apenas.
C) I e III, apenas.
D) I, II e III.
ENFERMEIRO ESPECIALISTA EM SAÚDE
MENTAL -2010 – COTEC
49) A Constituição Federal:
I - prevê que o SUS será financiado, com recursos do
orçamento da Seguridade Social, da União, dos Estados,
do Distrito Federal e dos Municípios, além de outras
fontes.
II - classifica as ações e serviços de saúde como de
relevância pública.
III - estabelece que as ações e serviços públicos de saúde
integram uma rede regionalizada e hierarquizada.
Assinale a alternativa que contém a(s) resposta(s)
CORRETA(S).
A) Somente I está correta.
B) Somente I e III estão corretas.
C) Somente III está correta.
D) I, II e III estão corretas.
ENFERMEIRO DO PSF – 2010 - CONSULPLAN
50) São atribuições da vigilância epidemiológica:
I. Auxiliar no desenvolvimento de serviços de saúde.
II. Estabelecer medidas preventivas.
50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA
DIVERSOS CARGOS
WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 12
III. Definir os modos de transmissão das doenças.
Está(ão) correta(s) apenas a(s) alternativa(s):
A) I, II, III B) II C) I, III D) III
E) II, III
GABARITO:GABARITO:GABARITO:GABARITO:
1) D1) D1) D1) D 21)21)21)21) DDDD 41)41)41)41) CCCC
2) C2) C2) C2) C 22)22)22)22) DDDD 42)42)42)42) BBBB
3)3)3)3) CCCC 23)23)23)23) EEEE 43)43)43)43) DDDD
4)4)4)4) AAAA 24)24)24)24) BBBB 44)44)44)44) EEEE
5)5)5)5) DDDD 25)25)25)25) CCCC 45)45)45)45) EEEE
6)6)6)6) EEEE 26)26)26)26) CCCC 46)46)46)46) CCCC
7)7)7)7) EEEE 27)27)27)27) DDDD 47)47)47)47) BBBB
8)8)8)8) BBBB 28)28)28)28) CCCC 48)48)48)48) BBBB
9)9)9)9) CCCC 29)29)29)29) AAAA 49)49)49)49) DDDD
10)10)10)10) CCCC 30)30)30)30) CCCC 50)50)50)50) AAAA
11)11)11)11) AAAA 31)31)31)31) AAAA
12)12)12)12) CCCC 32)32)32)32) BBBB
13)13)13)13) CCCC 33)33)33)33) CCCC
14)14)14)14) EEEE 34)34)34)34) CCCC
15)15)15)15) DDDD 35)35)35)35) AAAA
16)16)16)16) BBBB 36)36)36)36) CCCC
17)17)17)17) AAAA 37)37)37)37) BBBB
18)18)18)18) DDDD 38)38)38)38) DDDD
19)19)19)19) AAAA 39)39)39)39) CCCC
20)20)20)20) EEEE 40)40)40)40) AAAA

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Evolução histórica da organização do sistema de saúde no brasil e a construçã...
Evolução histórica da organização do sistema de saúde no brasil e a construçã...Evolução histórica da organização do sistema de saúde no brasil e a construçã...
Evolução histórica da organização do sistema de saúde no brasil e a construçã...
John Paul John Paul
 
Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )
  Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )  Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )
Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )
Samara Amaral
 
Apresentação questoes 7508
Apresentação questoes 7508Apresentação questoes 7508
Apresentação questoes 7508
Socorro Siqueira
 

Mais procurados (20)

Exercicios lei 8080/90
Exercicios lei 8080/90Exercicios lei 8080/90
Exercicios lei 8080/90
 
Evolução histórica da organização do sistema de saúde no brasil e a construçã...
Evolução histórica da organização do sistema de saúde no brasil e a construçã...Evolução histórica da organização do sistema de saúde no brasil e a construçã...
Evolução histórica da organização do sistema de saúde no brasil e a construçã...
 
SUS lei 8080 [Disposições Preliminares; Definição do Sistema Único de Saúde]
SUS lei 8080 [Disposições Preliminares; Definição do Sistema Único de Saúde]SUS lei 8080 [Disposições Preliminares; Definição do Sistema Único de Saúde]
SUS lei 8080 [Disposições Preliminares; Definição do Sistema Único de Saúde]
 
Lei nº 8.142
Lei nº 8.142Lei nº 8.142
Lei nº 8.142
 
SISTEMA UNICO DE SAUDE - RESUMAO
SISTEMA UNICO DE SAUDE - RESUMAOSISTEMA UNICO DE SAUDE - RESUMAO
SISTEMA UNICO DE SAUDE - RESUMAO
 
Resumo lei 8142
Resumo lei 8142Resumo lei 8142
Resumo lei 8142
 
Questoes da lei 8080
Questoes da lei 8080Questoes da lei 8080
Questoes da lei 8080
 
O que é o SUS?
O que é o SUS?O que é o SUS?
O que é o SUS?
 
Slides principios e diretrizes do sus-ANTONIO INACIO FERRAZ
Slides principios e diretrizes do sus-ANTONIO INACIO FERRAZSlides principios e diretrizes do sus-ANTONIO INACIO FERRAZ
Slides principios e diretrizes do sus-ANTONIO INACIO FERRAZ
 
Resumo Decreto 7508
Resumo Decreto 7508Resumo Decreto 7508
Resumo Decreto 7508
 
Lei 8080.90
Lei 8080.90Lei 8080.90
Lei 8080.90
 
Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )
  Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )  Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )
Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )
 
Sus lei 8080 - [princípios e diretrizes]
Sus   lei 8080 - [princípios e diretrizes]Sus   lei 8080 - [princípios e diretrizes]
Sus lei 8080 - [princípios e diretrizes]
 
Principios do sus
Principios do susPrincipios do sus
Principios do sus
 
Apresentação questoes 7508
Apresentação questoes 7508Apresentação questoes 7508
Apresentação questoes 7508
 
Exercícios sus lei 8080
Exercícios sus lei 8080Exercícios sus lei 8080
Exercícios sus lei 8080
 
Os modelos de Atenção à Saúde_Eugenio Vilaça
Os modelos de Atenção à Saúde_Eugenio VilaçaOs modelos de Atenção à Saúde_Eugenio Vilaça
Os modelos de Atenção à Saúde_Eugenio Vilaça
 
Apostila sus para concursos
Apostila   sus para concursosApostila   sus para concursos
Apostila sus para concursos
 
Aula 3 - SUS
Aula 3 - SUSAula 3 - SUS
Aula 3 - SUS
 
Slides sus
Slides susSlides sus
Slides sus
 

Destaque

Política de saúde 1
Política de saúde 1Política de saúde 1
Política de saúde 1
Ismael Costa
 
Exercício e gabarito da lei 8080 e 8142
Exercício e gabarito da lei 8080 e 8142Exercício e gabarito da lei 8080 e 8142
Exercício e gabarito da lei 8080 e 8142
Samara Ferreira
 
QUESTÃO COMENTADAS - CONCURSO SAÚDE PALMAS
QUESTÃO COMENTADAS - CONCURSO SAÚDE PALMASQUESTÃO COMENTADAS - CONCURSO SAÚDE PALMAS
QUESTÃO COMENTADAS - CONCURSO SAÚDE PALMAS
Jorge Gustavo
 
41 Guião de entrevistas - profissional de saúde
41   Guião de entrevistas - profissional de saúde41   Guião de entrevistas - profissional de saúde
41 Guião de entrevistas - profissional de saúde
Ricardo Alves
 
As contribuições do serviço social para a realidade escolar do brasil meu a...
As contribuições do serviço social para a realidade escolar do brasil   meu a...As contribuições do serviço social para a realidade escolar do brasil   meu a...
As contribuições do serviço social para a realidade escolar do brasil meu a...
Janiny Rocha Araujo
 
Lista de exercícios bm
Lista de exercícios   bmLista de exercícios   bm
Lista de exercícios bm
Nurpfarq
 
A política nacional de humanização e o serviço social elementos para o debat...
A política nacional de humanização e o serviço social  elementos para o debat...A política nacional de humanização e o serviço social  elementos para o debat...
A política nacional de humanização e o serviço social elementos para o debat...
Amanda Olibert
 
Desafios atuais do sistema único de saúde – sus e as exigências para os assis...
Desafios atuais do sistema único de saúde – sus e as exigências para os assis...Desafios atuais do sistema único de saúde – sus e as exigências para os assis...
Desafios atuais do sistema único de saúde – sus e as exigências para os assis...
Isabel Amaral
 
Politica de saude
Politica de saudePolitica de saude
Politica de saude
Daniel Maia
 

Destaque (20)

Questões saúde pública
Questões saúde públicaQuestões saúde pública
Questões saúde pública
 
Política de saúde 1
Política de saúde 1Política de saúde 1
Política de saúde 1
 
Guia vigilancia saude_completo
Guia vigilancia saude_completoGuia vigilancia saude_completo
Guia vigilancia saude_completo
 
Exercício e gabarito da lei 8080 e 8142
Exercício e gabarito da lei 8080 e 8142Exercício e gabarito da lei 8080 e 8142
Exercício e gabarito da lei 8080 e 8142
 
Pacto pela saúde sus
Pacto pela saúde   susPacto pela saúde   sus
Pacto pela saúde sus
 
Questoes SUS
Questoes SUSQuestoes SUS
Questoes SUS
 
Câmara - Consultor Legislativo - 2014
Câmara - Consultor Legislativo - 2014Câmara - Consultor Legislativo - 2014
Câmara - Consultor Legislativo - 2014
 
QUESTÃO COMENTADAS - CONCURSO SAÚDE PALMAS
QUESTÃO COMENTADAS - CONCURSO SAÚDE PALMASQUESTÃO COMENTADAS - CONCURSO SAÚDE PALMAS
QUESTÃO COMENTADAS - CONCURSO SAÚDE PALMAS
 
41 Guião de entrevistas - profissional de saúde
41   Guião de entrevistas - profissional de saúde41   Guião de entrevistas - profissional de saúde
41 Guião de entrevistas - profissional de saúde
 
As contribuições do serviço social para a realidade escolar do brasil meu a...
As contribuições do serviço social para a realidade escolar do brasil   meu a...As contribuições do serviço social para a realidade escolar do brasil   meu a...
As contribuições do serviço social para a realidade escolar do brasil meu a...
 
Política de saúde no brasil
Política de saúde no brasilPolítica de saúde no brasil
Política de saúde no brasil
 
Lista de exercícios bm
Lista de exercícios   bmLista de exercícios   bm
Lista de exercícios bm
 
A política nacional de humanização e o serviço social elementos para o debat...
A política nacional de humanização e o serviço social  elementos para o debat...A política nacional de humanização e o serviço social  elementos para o debat...
A política nacional de humanização e o serviço social elementos para o debat...
 
Plano de Ensino do Módulo Saúde do Adulto- I UC-III - 2011 - 1
Plano de Ensino do Módulo Saúde do Adulto- I  UC-III -  2011 - 1Plano de Ensino do Módulo Saúde do Adulto- I  UC-III -  2011 - 1
Plano de Ensino do Módulo Saúde do Adulto- I UC-III - 2011 - 1
 
Manual hipertensão 2013
Manual hipertensão 2013Manual hipertensão 2013
Manual hipertensão 2013
 
III Conferência Internacional de Promoção de Saúde de Sundvall
III Conferência Internacional de Promoção de Saúde de SundvallIII Conferência Internacional de Promoção de Saúde de Sundvall
III Conferência Internacional de Promoção de Saúde de Sundvall
 
Manual diabetes - 2013
Manual diabetes - 2013Manual diabetes - 2013
Manual diabetes - 2013
 
Desafios atuais do sistema único de saúde – sus e as exigências para os assis...
Desafios atuais do sistema único de saúde – sus e as exigências para os assis...Desafios atuais do sistema único de saúde – sus e as exigências para os assis...
Desafios atuais do sistema único de saúde – sus e as exigências para os assis...
 
Manual rede frio 4ed - 2013
Manual rede frio 4ed -  2013Manual rede frio 4ed -  2013
Manual rede frio 4ed - 2013
 
Politica de saude
Politica de saudePolitica de saude
Politica de saude
 

Semelhante a Apostila 50 questões saude publica diversoscargos

Gabarito gs2014-748 alunos
Gabarito gs2014-748 alunosGabarito gs2014-748 alunos
Gabarito gs2014-748 alunos
hamilton dias
 
Aula-1-História-da-Saúde-Pública-no-Brasil.pdf
Aula-1-História-da-Saúde-Pública-no-Brasil.pdfAula-1-História-da-Saúde-Pública-no-Brasil.pdf
Aula-1-História-da-Saúde-Pública-no-Brasil.pdf
UNEMAT
 
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ
 
Reforma sanitaria e a consolidação
Reforma sanitaria e a consolidaçãoReforma sanitaria e a consolidação
Reforma sanitaria e a consolidação
Luanapqt
 
1 sistema unico de saude
1   sistema unico de saude1   sistema unico de saude
1 sistema unico de saude
paraiba1974
 

Semelhante a Apostila 50 questões saude publica diversoscargos (20)

Apostila Saude Publica
Apostila Saude PublicaApostila Saude Publica
Apostila Saude Publica
 
Apostila50 s pdiversos
Apostila50 s pdiversosApostila50 s pdiversos
Apostila50 s pdiversos
 
Apostila50 s pdiversos
Apostila50 s pdiversosApostila50 s pdiversos
Apostila50 s pdiversos
 
Gabarito gs2014-748 alunos
Gabarito gs2014-748 alunosGabarito gs2014-748 alunos
Gabarito gs2014-748 alunos
 
Curso completo do sus 6
Curso completo do sus 6Curso completo do sus 6
Curso completo do sus 6
 
Lei n° 8142
Lei n° 8142Lei n° 8142
Lei n° 8142
 
Residencia em Farmácia
Residencia em FarmáciaResidencia em Farmácia
Residencia em Farmácia
 
Nefrologia
NefrologiaNefrologia
Nefrologia
 
prova-saude-coletiva.pdf
prova-saude-coletiva.pdfprova-saude-coletiva.pdf
prova-saude-coletiva.pdf
 
Aula-1-História-da-Saúde-Pública-no-Brasil.pdf
Aula-1-História-da-Saúde-Pública-no-Brasil.pdfAula-1-História-da-Saúde-Pública-no-Brasil.pdf
Aula-1-História-da-Saúde-Pública-no-Brasil.pdf
 
Especialização em Saúde da Família UNA - SUS
Especialização em Saúde da Família UNA - SUSEspecialização em Saúde da Família UNA - SUS
Especialização em Saúde da Família UNA - SUS
 
SUS-FARMÁCIA-ANTONIO INACIO FERRAZ
SUS-FARMÁCIA-ANTONIO INACIO FERRAZSUS-FARMÁCIA-ANTONIO INACIO FERRAZ
SUS-FARMÁCIA-ANTONIO INACIO FERRAZ
 
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
 
AULA 2 - POLÍTICAS PUBLICAS.pptx
AULA 2 - POLÍTICAS PUBLICAS.pptxAULA 2 - POLÍTICAS PUBLICAS.pptx
AULA 2 - POLÍTICAS PUBLICAS.pptx
 
Ppt0000136
Ppt0000136Ppt0000136
Ppt0000136
 
Apostilas digitais
Apostilas digitaisApostilas digitais
Apostilas digitais
 
Apres. carlão
Apres. carlãoApres. carlão
Apres. carlão
 
500 questc3b5es-biomc3a9dicas
500 questc3b5es-biomc3a9dicas500 questc3b5es-biomc3a9dicas
500 questc3b5es-biomc3a9dicas
 
Reforma sanitaria e a consolidação
Reforma sanitaria e a consolidaçãoReforma sanitaria e a consolidação
Reforma sanitaria e a consolidação
 
1 sistema unico de saude
1   sistema unico de saude1   sistema unico de saude
1 sistema unico de saude
 

Apostila 50 questões saude publica diversoscargos

  • 1. 50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA DIVERSOS CARGOS www.concurseirodasaude.com.br Página 1 Caro Leitor, A equipe técnica do Concurseiro da Saúde empenha-se em desenvolver apostilas e materiais atualizados de acordo com as leis recentemente publicadas a fim de estar sempre em consonância com os editais dos diversos concursos realizados em todo o território brasileiro. Também tem o cuidado minucioso de compilar questões de concursos sempre com a referência da banca organizadora, o ano e o cargo referido a fim de demonstrar ao candidato quais são os assuntos e os tópicos mais frequentemente cobrados nos certames brasileiros e com a cautela redobrada na digitação e revisão dos gabaritos. No entanto, apesar de todo esse esmero, ainda assim erros eventuais podem ocorrer. Por isso, disponibilizamos o email contato@concurseirodasaude.com.br para que você, leitor, possa contactar nossa equipe caso tenha dúvidas ou identifique algum erro em determinado gabarito e receba as atualizações que se fizerem necessárias. A equipe do Concurseiro da Saúde está em permanente trabalho de aprimoramento e sempre disponível para tentar atendê-lo em suas necessidades, sugestões, solicitações ou dúvidas. Que nossos materiais tenham papel relevante em seus estudos e no aprimoramento profissional e sejam parceiros nas suas aprovações nos concursos.
  • 2. 50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA DIVERSOS CARGOS WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 2 Gabarito no final da ApostilaGabarito no final da ApostilaGabarito no final da ApostilaGabarito no final da Apostila MÉDICO-SANITARISTA –2010 - FUNDEP 1) Analise as seguintes afirmativas sobre a participação da comunidade no Sistema Único de Saúde (SUS) e assinale com V as verdadeiras e com F as falsas. ( ) A Lei n. 8.080, de 1990, preconiza duas instâncias colegiadas para o exercício da participação da comunidade: as conferências e os conselhos de saúde. ( ) Os conselhos de saúde são colegiados de caráter permanente e deliberativo, formados em cada esfera de governo por profissionais de saúde, prestadores de serviços e usuários. ( ) As conferências de saúde têm como objetivo principal a definição de diretrizes gerais para a política de saúde em determinada esfera de governo. ( ) Há, recentemente, a recomendação de que as conferências municipais de saúde sejam bianuais e que as estaduais, à semelhança das nacionais, sejam realizadas a cada quatro anos. Assinale a alternativa que apresenta a sequência de letras CORRETA. A) (V) (F) (V) (F) B) (F) (V) (F) (V) C) (V) (F) (F) (V) D) (F) (V) (V) (V) MÉDICO-SANITARISTA– 2006 - UFMG 2) Compete ao município em Gestão Plena do Sistema Municipal: I - Contratar e regular a assistência à saúde pelos prestadores públicos e privados. II - Elaborar a programação orçamentária ambulatorial e de internações hospitalares, definindo os preços dos procedimentos. III - Receber os recursos diretamente do Fundo Nacional para o Fundo Municipal, independentemente do Estado. Sobre as alternativas descritas, é CORRETO afirmar que A) todas as alternativas estão corretas. B) as alternativas I e II estão corretas. C) as alternativas I e III estão corretas. D) as alternativas II e III estão corretas. MÉDICO-SANITARISTA – 2006 - UFMG 3) Considerando-se o papel das NOB´s (Normas Operacionais Básicas) na implementação do Sistema Único de Saúde, analise as seguintes afirmativas: I - Têm permitido a implementação de princípios organizativos do SUS, em consonância com as idéias neoliberais fortalecidas nos anos 1990. II - Os PAB´s têm sofrido variação substancial nos últimos anos, em função do aumento da produtividade no setor. III -O mecanismo de transferência de recurso “fundo a fundo” possibilita o rompimento com a lógica do “pós-pagamento”, em vigor até o início da década de 1990. Sobre as alternativas descritas, é CORRETO afirmar que a) todas as alternativas estão corretas. b) as alternativas I e II estão corretas. c) as alternativas I e III estão corretas. d) as alternativas II e III estão corretas. MÉDICO-SANITARISTA - 2010 - FUNDEP 4) Com relação ao Sistema Único de Saúde (SUS), assinale a afirmativa INCORRETA. A) A Lei n. 8.142/90 apresenta as bases da descentralização dos serviços de saúde no Brasil. B) As atribuições de cada esfera de governo no desenvolvimento das funções de competência do Poder Executivo na saúde estão previstas na Lei n. 8.080/90.
  • 3. 50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA DIVERSOS CARGOS WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 3 C) O Pacto pela Saúde contempla acordo firmado entre os gestores do SUS em suas três dimensões: pela Vida, em Defesa do SUS e de Gestão. D) O processo de descentralização em saúde predominante no Brasil é do tipo político administrativo, envolvendo a transferência da gestão de serviços, de poder decisório, da responsabilidade sobre prestadores do SUS e de recursos financeiros. MÉDICO-SANITARISTA– 2011 – UFF/COSEAC 5) De acordo com a Lei nº 8.142/90, os recursos do Fundo Nacional de Saúde, alocados como cobertura das ações e serviços de saúde a serem implementados pelos Municípios, Estados e Distrito Federal, devem ter destinação mínima aos Municípios de: A) 55% (cinquenta e cinco por cento). B) 65% (sessenta e cinco por cento). C) 60% (sessenta por cento). D) 70%(setenta por cento). E) 50% (cinquenta por cento). MÉDICO-SANITARISTA – 2011 – UFF/COSEAC 6) O processo de regionalização adotado pelo Sistema Único de Saúde constitui-se em estratégia de: A) dispersão dos serviços de saúde e de busca de sua maior centralização. B) horizontalização dos serviços de saúde e de busca de sua maior eficiência. C) unificação dos serviços de saúde e de busca de maior participação da comunidade. D) centralização dos serviços de saúde e de busca de maior comprometimento por parte da comunidade. E) hierarquização dos serviços de saúde e de busca de maior equidade. TÉCNICO EM SAÚDE BUCAL – 2011- CESGRANRIO 7) Com base na Lei no 8.142/1990, afirma-se que o(s) (A) Conselho de Saúde e a Conferência de Saúde são instâncias colegiadas do Sistema Único de Saúde sendo este último de caráter provisório. (B) Conselho de Saúde é uma instância colegiada de caráter provisório que se reúne a cada quatro anos. (C) recursos do Fundo Nacional de Saúde serão alocados como cobertura das ações e serviços de saúde a serem implementados pelo Ministro da Previdência. (D) recursos do Fundo Nacional de Saúde serão alocados como investimentos previstos no Plano Quinquenal do Ministério do Planejamento. (E) recursos do Fundo Nacional de Saúde serão alocados como despesas de custeio e de capital do Ministério da Saúde, seus órgãos e entidades, da administração direta e indireta. TÉCNICO EM ENFERMAGEM – 2009 - SESA 8) Indique a alternativa que NÃO corresponde às atribuições do Sistema Único de Saúde (SUS), conforme a Lei 8.080, de 19 de setembro de 1990. a) Participar da formulação da política de saneamento básico e da execução de ações tendo em vista sua implementação. b) Formular a política de formação de profissionais de nível médio e superior para a área de saúde. c) Fiscalizar e inspecionar alimentos, água e bebidas para consumo humano. d) Formular a política de medicamentos e participar de sua produção. e) Prestar assistência à população por intermédio de ações de promoção, proteção e recuperação da saúde, através de ações assistenciais e de atividades preventivas. TÉCNICO EM ENFERMAGEM – 2009 - SESA 9) O SUS determina a criação, implantação e o funcionamento dos Conselhos de Saúde, a nível municipal. Nos Conselhos existem representações diversas. Assinale a alternativa que NÃO representa a sociedade civil no Conselho: A) Sindicatos de classe. B) Associações de Moradores. C) Órgão da Secretaria de Saúde. D) Representação de funcionários públicos da Saúde.
  • 4. 50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA DIVERSOS CARGOS WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 4 TÉCNICO DE ENFERMAGEM – 2011 – INSTITUTO CIDADES 10) O que são os gestores do SUS? A) São as autoridades responsáveis pela auditoria nos nível municipal, estadual e federal. B) São os dirigentes dos hospitais municipais, independente de seu compromisso social. C) São as entidades encarregadas de fazer com que o SUS seja implantado e funcione adequadamente dentro das diretrizes doutrinárias, da lógica organizacional e que seja operacionalizado dentro de seus princípios. D) São os representantes políticos das comunidades nas câmaras federais, estaduais e municipais. TÉCNICO DE ENFERMAGEM – 2011 – INSTITUTO CIDADES 11) O princípio da universalidade da atenção à saúde corresponde a(o): A) Acesso aos serviços de saúde em todos os níveis de assistência facultados a todas as pessoas, independentes de sua classe, preferência, atributos, categorias ou qualquer outra condição. B) Prevenção da autonomia das pessoas na defesa da sua integridade física e moral. C) Igualdade na assistência à saúde, sem preconceitos ou privilégios de qualquer espécie. D) Participação da comunidade no controle do Sistema de Saúde. NUTRICIONISTA – 2011 - FUNCAB 12) Ao longo da década de 1990, identificou-se a evolução de vários modelos de gestão. O avanço na consolidação do Sistema Único de Saúde se verifica no modelo segundo o qual: A) a gestão do sistema permanece com o Estado. B) a gerência das unidades é definida em parceria pelo gestor estadual e municipal. C) o sistema é organizado com base na hierarquia de ações e serviços de saúde. D) os municípios têm sua gestão fragmentada. E) as unidades de saúde do município não têm papel definido. NUTRICIONISTA – 2011 - FUNCAB 13) A notificação compulsória de doenças, agravos e eventos em saúde é obrigatória: A) aos responsáveis por estabelecimentos de saúde, contanto que sejam públicos. B) apenas aos médicos e enfermeiros. C) a todos os profissionais de saúde. D) aos responsáveis por organizações de ensino, apenas quando se tratar de instituição privada. E) exclusivamente aos laboratórios de saúde pública. NUTRICIONISTA – 2011 - FUNCAB 14) O Pacto pela Vida é o compromisso entre os gestores do SUS em torno de prioridades que apresentam impacto sobre a situação de saúde da população brasileira. Entre as prioridades pactuadas está a Saúde do Idoso. O trabalho nesta área deve seguir as seguintes diretrizes, EXCETO: A) promoção do envelhecimento ativo e saudável. B) atenção integral e integrada à saúde da pessoa idosa. C) estímulo às ações intersetoriais, visando à integralidade da atenção. D) a implantação de serviços de atenção domiciliar. E) o acolhimento exclusivo à pessoa idosa em unidades de saúde. NUTRICIONISTA – 2011 - FUNCAB 15) Existem diversas medidas de frequência que fazem parte das ferramentas de apoio ao estudo epidemiológico. Dentre essas, aquela que expressa a frequência de óbitos por uma determinada doença, entre os indivíduos que apresentam esta doença, denomina-se: A) morbidade. B) incidência. C) prevalência. D) letalidade. E) mortalidade.
  • 5. 50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA DIVERSOS CARGOS WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 5 FONOAUDIÓLOGO – 2010 – MGF 16) A Lei Orgânica da Saúde, Lei Nº 8.080, é incisiva nos seus princípios e diretrizes quando destaca: 1- A universalidade de acesso aos serviços de saúde em todos os níveis de assistência. 2- A igualdade de assistência à saúde, sem preconceitos ou privilégios de qualquer espécie. 3- A participação da comunidade. 4- A utilização da epidemiologia na definição de prioridades e orientação no planejamento das ações dos serviços de saúde. Estão CORRETAS as afirmativas: (A) 1, apenas (B) 1, 2, 3 e 4. (C) 1, 2 e 3, apenas. (D) 1, 2 e 4, apenas. (E) 3 e 4, apenas FONOAUDIÓLOGO – 2010 - MGF 17) Assinale a alternativa CORRETA sobre as conferências de saúde: (A) A Conferência de Saúde se reúne a cada quatro anos (B) A Conferência de Saúde tem representação paritária de vereadores, governo, usuários e políticos em geral (C) A Conferência de Saúde é organizada pelo poder legislativo (D) A Conferência de Saúde é formada pelos técnicos e representantes do legislativo e judiciário (E) A Conferência de Saúde é formada por trabalhadores de saúde apenas FONOAUDIÓLOGO – 2010 – ASPERHS 18) Sistema de Informações Ambulatoriais do SUS (SIA/SUS) é o sistema responsável pela captação e processamento das contas ambulatoriais do SUS. O documento básico é o: a) Ficha de Percentual Ambulatorial. b) Boletim de Entrada Ambulatorial. c) Boleto de Controle Ambulatorial. d) Boletim de Produção Ambulatorial. e) Boletim de Controle de Entrada Ambulatorial. FONOAUDIÓLOGO – 2010 - ASPERHS 19) Sobre Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher é INCORRETO afirmar: a) A atenção integral à saúde da mulher refere-se ao conjunto de ações de promoção, proteção, assistência e recuperação da saúde, executadas nos diferentes níveis de atenção à saúde (da básica à media complexidade). b) A atenção integral à saúde da mulher compreende o atendimento à mulher a partir de uma percepção ampliada de seu contexto de vida, do momento em que apresenta determinada demanda, assim como de sua singularidade e de suas condições enquanto sujeito capaz e responsável por suas escolhas. c) A atenção integral à saúde da mulher implica, para os prestadores de serviço, no estabelecimento de relações com pessoas singulares, seja por razões econômicas, culturais, religiosas, raciais, de diferentes orientações sexuais, etc. d) O atendimento deverá nortear-se pelo respeito a todas as diferenças, sem discriminação de qualquer espécie e sem imposição de valores e crenças pessoais. Esse enfoque deverá ser incorporado aos processos de sensibilização e capacitação para humanização das práticas em saúde. e) No processo de elaboração, execução e avaliação da Política de Atenção à Saúde da Mulher deverá ser estimulada e apoiada a participação da sociedade civil organizada, em particular do movimento de mulheres, pelo reconhecimento de sua contribuição técnica e política no campo dos direitos e da saúde da mulher. FISIOTERAPEUTA – 2010 - FUNCAB 20) As instituições privadas podem participar de forma complementar do Sistema Único de Saúde (SUS). No que se refere a essa participação, assinale a alternativa INCORRETA. A) O SUS poderá recorrer aos serviços ofertados pela iniciativa privada, quando as suas disponibilidades forem insuficientes para garantir a cobertura assistencial à população de uma determinada área.
  • 6. 50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA DIVERSOS CARGOS WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 6 B) A participação complementar dos serviços privados será formalizada mediante contrato ou convênio, observadas, a respeito, as normas de direito público. C) As entidades filantrópicas e as sem fins lucrativos terão preferência para participar do SUS. D) Os serviços contratados submeter-se-ão às normas técnicas e administrativas e aos princípios e diretrizes do SUS, mantido o equilíbrio econômico e financeiro do contrato. E) Aos proprietários, administradores e dirigentes de entidades ou serviços contratados é permitido exercer cargo de chefia ou função de confiança no SUS. FISIOTERAPEUTA – 2010 – FUNCAB 21) Uma característica de um sistema de informações em saúde é: A) fornecer resultados de natureza administrativa. B) ser alimentado pelos prestadores de serviços. C) ter metodologia de análise complexa. D) ser capaz de facilitar o planejamento de ações e serviços. E) utilizar apenas informações quantitativas. FISIOTERAPEUTA – 2010 – FUNCAB 22) A Conferência Estadual de Saúde tem como um de seus objetivos: A) controlar a execução da política de saúde no Estado. B) disseminar as definições do Ministério da Saúde. C) auditar os relatórios financeiros da Secretaria Estadual de Saúde. D) propor as diretrizes para a formulação da política de saúde para o Estado. E) formular estratégias para atuação da Secretaria Estadual de Saúde. FISIOTERAPEUTA – 2010 – FUNCAB 23) O Pacto pela Vida é o compromisso entre os gestores do Sistema Único de Saúde em torno de prioridades que apresentam impacto sobre a situação de saúde da população brasileira. Estão entre as prioridades pactuadas, EXCETO: A) saúde do idoso. B) controle do câncer do colo de útero e da mama. C) fortalecimento da atenção básica. D) promoção da saúde. E) redução da mortalidade por acidentes de trânsito. FISIOTERAPEUTA – 2010 – FUNCAB 24) A frequência de casos novos de uma determinada doença, ou problema de saúde, oriundos de uma população sob risco de adoecimento, ao longo de um determinado período de tempo, denomina-se: A) morbidade. B) incidência. C) letalidade. D) prevalência. E) transmissibilidade. FISIOTERAPEUTA – 2010 - FUNCAB 25) A definição de Distritos de Saúde em municípios de grande densidade populacional e/ou extensão territorial é uma ferramenta que está relacionada à que diretriz do Sistema Único de Saúde? A) Participação social. B) Equidade. C) Regionalização. D) Intersetorialidade. E) Integração. ASSISTENTE SOCIAL – 2009 –MOURA MELO 26) A reformulação do Sistema Nacional de Saúde vigente a partir da institucionalização de um sistema unificado de saúde, o atual Sistema Único de Saúde (SUS) deu-se a partir: a) Da Reforma Psiquiátrica. b) Da 7ª Conferência Nacional de Saúde, em 1986. c) Da Reforma Sanitária. d) Da redefinição de um modelo sócioassistencial. ASSISTENTE SOCIAL – 2009 – CAJUÍNA 27) A 8ª Conferência Nacional de Saúde representou um marco histórico para a mudança da política
  • 7. 50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA DIVERSOS CARGOS WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 7 pública de saúde no Brasil, na década de 80. Os ideais da Reforma Sanitária aprovados na referida Conferência podem ser resumidos com EXCEÇÃO da: a) Democratização do acesso aos serviços de saúde. b) Universalização das ações. c) Descentralização dos serviços de saúde com controle social. d) Priorização de alguns usuários nos serviços de saúde quanto à classe social. BIÓLOGO – 2008 – FJG 28) “O Pacto pela Vida é o compromisso entre gestores do SUS em torno de prioridades que apresentam impacto sobre a situação de saúde da população brasileira.” São prioridades pactuadas: A) saúde bucal; controle do câncer do colo de útero e da mama; fortalecimento da atenção básica B) redução da mortalidade infantil e materna; controle da dengue, tuberculose e malária; controle de hipertensão e diabetes C) promoção da saúde; fortalecimento da capacidade de resposta às doenças emergentes e endemias; saúde do idoso D) aumento da produção de imunobiológicos; redução da transmissão vertical do HIV; atenção às doenças negligenciáveis BIÓLOGO – 2008 – FJG 29) É diretriz para o trabalho da Educação na Saúde: A) ampliar a compreensão dos conceitos de formação e educação permanente para adequá-los às distintas lógicas e especificidades B) capacitar recursos humanos do SUS para a difusão de informações sobre prevenção de doenças e auto-cuidado C) considerar a Educação Continuada como a estratégia de formação e de desenvolvimento de trabalhadores para o setor D) centrar o planejamento e o acompanhamento das atividades educativas em saúde com vistas à aquisição de conhecimentos e mudança de hábitos BIÓLOGO – 2008 – FJG 30) Racionalizar os gastos e otimizar os recursos, possibilitando ganho em escala nas ações e serviços de saúde oferecidos para um determinado território, é objetivo da: A) descentralização B) universalização C) regionalização D) hierarquização BIÓLOGO – 2008 – FJG 31) O financiamento das ações básicas de saúde se dá pelo Piso de Atenção Básica (PAB), composto por uma parte fixa e outra variável. Os investimentos aplicados por meio do PAB variável têm por objetivo: A) estimular a implantação de estratégias nacionais de reorganização do modelo de atenção à saúde B) ampliar o montante de recursos destinados à qualificação da média e da alta complexidade C) financiar ações de saúde em municípios de pequeno porte D) assegurar a autonomia dos municípios na sua Utilização. TERAPEUTA OCUPACIONAL – 2008 - OBJETIVA 32) Em conformidade com o Sistema Único de Saúde – SUS –, assinalar a alternativa INCORRETA: a) O Sistema Único de Saúde (SUS) estabelecerá mecanismos de incentivos à participação do setor privado no investimento em ciência e tecnologia e estimulará a transferência de tecnologia das universidades e institutos de pesquisa aos serviços de saúde nos Estados, Distrito Federal e Municípios e às empresas nacionais. b) Os serviços de saúde de sistemas estaduais e municipais de Previdência Social não poderão integrar-se à direção correspondente do Sistema Único de Saúde (SUS), conforme seu âmbito de atuação, bem como quaisquer outros órgãos e serviços de saúde. c) Em tempo de paz e havendo interesse recíproco, os serviços de saúde das Forças Armadas poderão integrar-
  • 8. 50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA DIVERSOS CARGOS WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 8 se ao Sistema Único de Saúde (SUS), conforme se dispuser em convênio que, para esse fim, for firmado. d) Os serviços de saúde dos hospitais universitários e de ensino integram-se ao Sistema Único de Saúde (SUS), mediante convênio, preservada a sua autonomia administrativa em relação ao patrimônio, aos recursos humanos e financeiros, ensino, pesquisa e extensão nos limites conferidos pelas instituições a que estejam vinculados. TERAPEUTA OCUPACIONAL – 2008 - OBJETIVA 33) “O Pacto _______________________ está constituído por um conjunto de compromissos sanitários, expressos em objetivos de processos e resultados e derivados da análise da situação de saúde do País e das prioridades definidas pelos governos federal, estaduais e municipais.” a) em defesa do SUS b) de Gestão c) pela Vida d) da Mobilização Social TERAPEUTA OCUPACIONAL – 2009 – FAUEL 34) De acordo com a Lei nº 8.142 de 28/12/1990, o Sistema Único de Saúde (SUS), contará em cada esfera do governo com as seguintes instâncias colegiadas: Conferência de Saúde e Conselho de Saúde. A conferência de Saúde deverá reunir-se: a) Anualmente, contando com a participação de vários membros da sociedade; b) Semestralmente com a presença de Secretários de Saúde e dos Conselhos; c) A cada 04 anos com a representação de vários segmentos sociais, convocada pelo Poder Executivo ou, extraordinariamente, por esta ou pelo Conselho de Saúde; d) A cada 02 anos contando com a representação dos usuários nos Conselhos de Saúde e Conferências. Área da Saúde –– 2005 – FUNDAÇÃO DOM CINTRA 35) Um dos objetivos do Sistema Único de Saúde, de acordo com a Lei que o regulamenta, é: a) divulgação dos fatores condicionantes e determinantes da saúde; b) descentralização político-administrativa, com direção única em cada esfera de governo; c) integração, em nível executivo, das ações de saúde, meio ambiente e saneamento básico; d) hierarquização da rede de serviços de saúde; e) promoção do direito à informação, às pessoas assistidas, sobre sua saúde. MÉDICO CARDIOLOGISTA – 2010 – FUNJAB 36) A Lei Orgânica do SUS estabeleceu a criação de comissões intersetoriais de âmbito nacional, subordinadas ao Conselho Nacional de Saúde com a finalidade de articular políticas e programas de interesse para a saúde. Assinale a alternativa que apresente CORRETAMENTE três das seis atividades das comissões intersetoriais, previstas nessa Lei. A( ) Alimentação e nutrição; recursos humanos; humanização B( ) Ciência e tecnologia; humanização e alimentação; nutrição C( ) Alimentação e nutrição; saneamento e meio ambiente; ciência e tecnologia D( ) Saneamento e meio ambiente; participação da comunidade; recursos humanos E( ) Humanização; saneamento e meio ambiente; participação da comunidade MÉDICO CARDIOLOGISTA – 2010 – FUNJAB 37) O processo histórico de construção do Sistema Único de Saúde culminou com sua regulamentação em 1990, através da Lei Orgânica da Saúde. Considerando os fatos da trajetória de construção do SUS, e o ano do acontecimento deles, numere a coluna da direita, que trata dos fatos históricos, segundo a coluna da esquerda, que identifica os anos correspondentes a esses fatos. Ano Fato histórico: I. 1941 ( ) VIII Conferência Nacional da Saúde II. 1953 ( ) Criação do Ministério da Saúde
  • 9. 50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA DIVERSOS CARGOS WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 9 III. 1984 ( ) Sistema Unificado e Descentralizado de Saúde IV. 1986 ( ) I Conferência Nacional de Saúde V. 1987 ( ) Ações Integradas de Saúde Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA, de cima para baixo. A( ) III, I, V, II, IV B( ) IV, II, V, I, III C( ) V, I, IV, II, III D( ) IV, I, III, II, V E( ) IV, I, V, II, III MÉDICO CARDIOLOGISTA – 2010 – FUNJAB 38) O Pacto pela Vida, uma das dimensões do Pacto pela Saúde (Portaria no 399/2006), representa o compromisso entre os gestores do SUS em torno de prioridades que apresentam impacto sobre a situação de saúde da população brasileira. Assinale a alternativa que apresenta CORRETAMENTE três prioridades estabelecidas no Pacto pela Vida. A( ) Saúde da criança; saúde do adolescente; saúde do idoso B( ) Saúde da criança, saúde da mulher, saúde indígena C( ) Promoção da saúde; controle do câncer de colo de útero e de mama; saúde indígena D( ) Promoção da saúde; atenção básica à saúde; saúde do idoso E( ) Saúde da mulher, saúde do adolescente, saúde do idoso MÉDICO CARDIOLOGISTA – 2009 – FURB 39) A Lei Orgânica da Saúde, Lei nº 8.080/1990, prevê, na Seção II, as competências de cada esfera de governo. À direção municipal do Sistema Único de Saúde (SUS) compete: (A) Definir as redes integradas de assistência de alta complexidade. (B) Executar supletivamente ações e serviços de saúde. (C) Formar consórcios administrativos intermunicipais. (D) Estabelecer normas em caráter suplementar para o controle e avaliação. (E) Identificar estabelecimentos hospitalares de referência. MÉDICO CARDIOLOGISTA – 2009 - FURB 40) Conforme o regulamento dos Pactos pela Vida e de Gestão (MINISTÉRIO DA SAÚDE, 2006), o processo de monitoramento dos Pactos deverá seguir diretrizes, entre elas: (A) Desenvolver ações de apoio para a qualificação do processo de gestão. (B) Aprovação no Conselho Municipal de Saúde. (C) Unificação total dos processos de pactuação de indicadores existentes. (D) As unidades públicas prestadoras de serviço devem receber recursos de custeio. (E) A transferência de recursos deve ser realizada conforme a pactuação. MÉDICO CARDIOLOGISTA – 2009 - FURB 41) De acordo com a Lei nº 8.142/1990, Art. 4º, os Municípios, os Estados e o Distrito Federal, para receberem recursos do Fundo Nacional de Saúde, deverão contar com: (A) Investimentos previstos em lei orçamentária de iniciativa do poder legislativo; estabelecimento de coberturas previstas das ações e serviços de saúde a serem implementados. (B) Definição das instâncias e mecanismos de controle, avaliação e fiscalização das ações de serviços de saúde; acompanhamento, avaliação e divulgação do nível de saúde da população e das condições ambientais. (C) Fundo de saúde; conselho de saúde; plano de saúde; relatório de gestão; contrapartida de recursos para a saúde no orçamento; comissão de elaboração do plano de carreira, cargos e salários. (D) Elaboração de normas técnicas e estabelecimento de padrões de qualidade e parâmetros de custos que caracterizam a assistência à saúde; elaboração e atualização periódica do plano de saúde. (E) A articulação das políticas e programas, a cargo das comissões intersetoriais que abrangerá, em especial, as atividades de alimentação e nutrição, saneamento e meio ambiente.
  • 10. 50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA DIVERSOS CARGOS WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 10 AUXILIAR DE SAÚDE BUCAL – 2011 – PERSONA 42) Com relação as Diretrizes e Princípios do Sistema Único de Saúde – SUS, que descreve: “assistência, entendida como conjunto articulado e contínuo das ações e serviços preventivos e curativos, individuais e coletivos, exigidos para cada caso em todos os níveis de complexidade do sistema” a) autonomia. b) integralidade. c) promoção da saúde. d) prevenção da doença. e) participação comunitária. AUXILIAR DE SAÚDE BUCAL – 2011 – PERSONA 43) Com Base no Artigo 156 da Constituição Federal e na Emenda Constitucional no 29, analise as afirmativas a seguir: I- Compete aos Municípios instituir impostos sobre propriedade predial e territorial urbana. II- Compete aos Municípios instituir impostos sobre transmissão "inter vivos", a qualquer título, por ato oneroso, de bens imóveis, por natureza ou acessão física, e de direitos reais sobre imóveis, exceto os de garantia, bem como cessão de direitos a sua aquisição III- Compete aos Municípios instituir impostos sobre vendas a varejo de combustíveis líquidos e gasosos, exceto óleo diesel. IV- Compete aos Municípios instituir impostos com alíquotas diferentes de acordo com a localização e o uso do imóvel Está correto o que se afirma em a) I e II. b) I e III. c) III e IV. d) I, II e IV. e) II, III e IV. AUXILIAR DE SAÚDE BUCAL – 2011 – PERSONA 44) As responsabilidades das ações em saúde no Sistema Único de Saúde – SUS é partilhado pelas três esferas de poderes o Federal, o Estadual e o Municipal. As atribuições são partilhadas e não são excludentes entre si, mas cada poder deve desenvolver, primariamente, ações distintas de acordo com as atribuições preconizadas pelo sistema. Das alternativas abaixo assinale aquela que NÃO corresponde a uma atribuição primária ao Município? a) Realização das investigações epidemiológicas de casos e surtos. b) Implementação de programas especiais formulados no âmbito estadual. c) Participação na formulação de políticas, planos e programas de saúde e na organização da prestação de serviços, no âmbito municipal. d) Elaboração e difusão de boletins epidemiológicos (retro-alimentação) e participação em estratégias de comunicação social no âmbito municipal. e) Promoção de ações de comunicação social, visando à ampliação da consciência sanitária e da participação da população nas atividades de vigilância e controle de doenças e agravos. CIRURGIÃO DENTISTA – 2011 – PL CONSULTORIA 45) Segundo o art. 2°°°° da Lei no 8.142/90, os recursos do Fundo Nacional de Saude (FNS) serão alocados como: I. Despesas de custeio e de capital do Ministério da Saúde, seus órgãos e entidades, da administração direta e indireta. II. Investimentos previstos em lei orçamentária, de iniciativa do Poder Legislativo e aprovados pelo Congresso Nacional. III. Investimentos previstos no Plano quinquenal do Ministério da Saúde. IV. Cobertura das ações e serviços de saúde a serem implementados pelos Municípios, Estados e Distrito Federal. Estão corretos: a) somente os itens I, II e IV. b) somente os itens I, II e III. c) somente o item III esta incorreto. d) somente os itens II e IV. e) todos os itens estão corretos.
  • 11. 50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA DIVERSOS CARGOS WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 11 CIRURGIÃO DENTISTA – 2011 – PL CONSULTORIA 46) A Lei Orgânica da Saúde estabeleceu atribuições comuns da União, dos Estados do Distrito Federal e dos Municípios. Analise as afirmativas abaixo e marque V quando verdadeiro e F quando falso e assinale a alternativa correta: ( ) A União se limita a expedir normas gerais sobre o sistema nacional de Vigilância Sanitária, definindo-o e coordenando-o em todo o território nacional; ( ) Os Estados tem o poder-dever de coordenar e, em caráter complementar, executar ações e serviços da Vigilância Sanitária e de saúde do trabalhador, suplementando, nesses setores, a legislação sobre normas gerais expedidas pela União; ( ) Os Municípios podem, na mesma medida dos interesses predominantemente locais, suplementar a legislação federal e estadual no tocante a aplicação e execução de ações e serviços de vigilância sanitária. a) V, V, F. b) V, V, V. c) F, V, V. d) V, F, F. e) V, F, V. ENFERMEIRO ESPECIALISTA EM SAÚDE MENTAL -2010 – COTEC 47) Em relação à Lei 8.080/90: I - todos os prestadores de serviços estão subordinados a essa lei e não só os integrantes do SUS. II - essa dispõe sobre as condições para a promoção, prestação e recuperação da saúde. III - ela regula a participação da comunidade no SUS, assegurando a existência de instâncias colegiadas como conferências e conselhos de saúde nos três níveis de governo. A alternativa CORRETA é A) Somente II está correta. B) Somente I e II estão corretas. C) Somente II e III estão corretas. D) I, II e III estão corretas. ENFERMEIRO ESPECIALISTA EM SAÚDE MENTAL -2010 – COTEC 48) No processo de constituição do Sistema Único de Saúde: I - um decreto Presidencial antecedeu o mesmo e instituiu o Sistema Único e Descentralizado de Saúde que desconcentrou recursos e descentralizou parte do processo decisório para o âmbito dos estados. II - desempenhou papel importante na 8ª Conferência Nacional de Saúde, realizada em Brasília, em 1986. III - houve predominância da participação dos movimentos sociais estimulados pela Lei 8.142 que defendia a democratização da saúde. Está(ão) CORRETA(S) a(s) afirmativa(s) A) II, apenas. B) I e II, apenas. C) I e III, apenas. D) I, II e III. ENFERMEIRO ESPECIALISTA EM SAÚDE MENTAL -2010 – COTEC 49) A Constituição Federal: I - prevê que o SUS será financiado, com recursos do orçamento da Seguridade Social, da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, além de outras fontes. II - classifica as ações e serviços de saúde como de relevância pública. III - estabelece que as ações e serviços públicos de saúde integram uma rede regionalizada e hierarquizada. Assinale a alternativa que contém a(s) resposta(s) CORRETA(S). A) Somente I está correta. B) Somente I e III estão corretas. C) Somente III está correta. D) I, II e III estão corretas. ENFERMEIRO DO PSF – 2010 - CONSULPLAN 50) São atribuições da vigilância epidemiológica: I. Auxiliar no desenvolvimento de serviços de saúde. II. Estabelecer medidas preventivas.
  • 12. 50 QUESTÕES DE SAÚDE PÚBLICA DIVERSOS CARGOS WWW.CONCURSEIRODASAUDE.COM.BR Página 12 III. Definir os modos de transmissão das doenças. Está(ão) correta(s) apenas a(s) alternativa(s): A) I, II, III B) II C) I, III D) III E) II, III GABARITO:GABARITO:GABARITO:GABARITO: 1) D1) D1) D1) D 21)21)21)21) DDDD 41)41)41)41) CCCC 2) C2) C2) C2) C 22)22)22)22) DDDD 42)42)42)42) BBBB 3)3)3)3) CCCC 23)23)23)23) EEEE 43)43)43)43) DDDD 4)4)4)4) AAAA 24)24)24)24) BBBB 44)44)44)44) EEEE 5)5)5)5) DDDD 25)25)25)25) CCCC 45)45)45)45) EEEE 6)6)6)6) EEEE 26)26)26)26) CCCC 46)46)46)46) CCCC 7)7)7)7) EEEE 27)27)27)27) DDDD 47)47)47)47) BBBB 8)8)8)8) BBBB 28)28)28)28) CCCC 48)48)48)48) BBBB 9)9)9)9) CCCC 29)29)29)29) AAAA 49)49)49)49) DDDD 10)10)10)10) CCCC 30)30)30)30) CCCC 50)50)50)50) AAAA 11)11)11)11) AAAA 31)31)31)31) AAAA 12)12)12)12) CCCC 32)32)32)32) BBBB 13)13)13)13) CCCC 33)33)33)33) CCCC 14)14)14)14) EEEE 34)34)34)34) CCCC 15)15)15)15) DDDD 35)35)35)35) AAAA 16)16)16)16) BBBB 36)36)36)36) CCCC 17)17)17)17) AAAA 37)37)37)37) BBBB 18)18)18)18) DDDD 38)38)38)38) DDDD 19)19)19)19) AAAA 39)39)39)39) CCCC 20)20)20)20) EEEE 40)40)40)40) AAAA