SlideShare uma empresa Scribd logo
Angiosperma
s
29/4/2014
Grupo mais utilizado na nossa alimentação:
feijão, arroz, soja, milho, cana-de-açúcar, café,
verduras, frutas, raízes, etc.
É o único grupo que produz frutos proteção das
sementes
As sementes e os frutos são formações
derivados das flores
Flor
• Gineceu é o conjunto de
carpelos ou pistilos
femininos
• Androceu é o conjunto
de estames masculinos
Conjuntos:
Corola é o conjunto de
pétalas
Cálice é o conjunto de
sépalas
Perianto = cálice + corola
Polinização
• Transporte de pólen da antera até o estigma
da mesma flor ou de outra da mesma espécie
• Agentes polinizadores:
• Vento
• Água
• Animais ( insetos, pássaros, morcegos,
moluscos, etc..)
Alimentos: néctar – localizado na
base das pétalas, grãos de pólen
comestíveis
A polinização pode ocorrer de dia
ou de noite:
Dia - corola colorida e vistosa
perfume
Noite – perfume forte
corola branca ou escura
Fatores de atração de polinizadores:
Anemofilia – polinização feita pelo vento
Entomofilia – insetos
Quiropterolfilia – morcegos
Ornitofilia – aves
Hidrofilia - água
Angiosperma - Fruto /semente
• Origina-se do
desenvolvimento do
ovário.
• No fruto a parede
desenvolvida do ovário é
denominada de
Pericarpo. Este é formado
por três camadas:
Epicarpo, Mesocarpo e
Endocarpo . A maioria dos
frutos a parte comestível
é o mesocarpo.
Partenocarpia
Pseudofrutos ou falsos frutos
• Toda vez que a parte carnosa do
fruto, geralmente comestível, for
originada de outra parte da flor
que não seja o ovário, o fruto não
é verdadeiro .São então
chamados de Pseudofrutos ou
falsos frutos. Ex. a maçã ,o
morango , o caju.
Frutos carnosos:
São frutos com
pericarpo suculento,
Eles são classificados
em:
a) Baga :São frutos
que possuem uma
ou várias sementes
soltas. Ex. Goiaba,
melancia, mamão,
tomate, laranja.
Drupas: As drupas possuem um endocarpo duro,
dentro do qual há uma semente. É o caso da
manga, do pêssego, do abacate e da azeitona.
Classificação dos frutos
• Frutos secos: Os frutos secos
podem ser deiscentes ou
indeiscentes
• Frutos secos deiscentes: São
aqueles que, quando
maduros, abrem -se liberando
as
sementes(flamboyant, feijão, s
oja, ervilha).
• Frutos secos indeiscentes:
São aqueles que quando
maduros não se abrem. Ex:
Milho, arroz, trigo, avelã , noz.
Sementes
• A semente é o óvulo da flor desenvolvido
após a fecundação.
• É a semente que abriga o embrião , a
futura planta.
• A semente é composta de tegumento e
amêndoa
Disseminação de sementes e frutos.
• As espécies
ANEMÓCORAS
apresentam
sementes leves ou
frutos leves, com
pelos ou
expansões aladas
que facilitam o
transporte pelo
vento.
Disseminação das sementes
• Nas espécies
ZOÓCORAS, os frutos
são atraentes, servindo
de alimentos para os
animais. Algumas
sementes para germinar
,necessitam passar pelo
trato digestório de
animais como ocorre
com a planta parasita
erva-de-passarinho
Disseminação das sementes
• Nas espécies
HIDRÓCORAS possuem
frutos ou sementes que
retêm ar. Desta forma o
fruto pode ser
transportados flutuando
na água. É o caso do
coco-da-baía, fruto com
o mesocarpo fibroso que
retém o ar.
Raiz
Vol. 02. p.149.
Caule
Funções:
• Condução de
seivas;
• Sustentação;
• Armazenamento
de reservas
alimentares.
Folhas
Angiospermas Prof. Marcos Santos
Angiospermas Prof. Marcos Santos

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 9 fruto
Aula 9 frutoAula 9 fruto
Aula 9 fruto
Fabiano Capato
 
Gimnospermas e angiospermas
Gimnospermas e angiospermasGimnospermas e angiospermas
Gimnospermas e angiospermas
Grazi Grazi
 
V.3 Gimnospermas
V.3 GimnospermasV.3 Gimnospermas
V.3 Gimnospermas
Rebeca Vale
 
3 flor
3 flor3 flor
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Flores
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre FloresSlides da aula de Biologia (Renato) sobre Flores
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Flores
Turma Olímpica
 
Briofitas pteridofitas
Briofitas pteridofitasBriofitas pteridofitas
Briofitas pteridofitas
Iuri Fretta Wiggers
 
Hormônios Vegetais
Hormônios VegetaisHormônios Vegetais
Hormônios Vegetais
Turma Olímpica
 
Gimnospermas e angiosperma
Gimnospermas e angiospermaGimnospermas e angiosperma
Gimnospermas e angiosperma
Alpha Colégio e Vestibulares
 
Aula briofitas e pteridófitas
Aula briofitas e pteridófitasAula briofitas e pteridófitas
Aula briofitas e pteridófitas
Grupo UNIASSELVI
 
Monocotiledôneas e dicotiledôneas
Monocotiledôneas e dicotiledôneasMonocotiledôneas e dicotiledôneas
Monocotiledôneas e dicotiledôneas
Vitor Morais
 
FRUTO-ANGIOSPERMAS
FRUTO-ANGIOSPERMASFRUTO-ANGIOSPERMAS
FRUTO-ANGIOSPERMAS
DCRDANYLA
 
Flores
FloresFlores
Flores
Jézili Dias
 
Briófitas e pteridófitas
Briófitas e pteridófitasBriófitas e pteridófitas
Briófitas e pteridófitas
Simone Miranda
 
Morfologia floral
Morfologia floralMorfologia floral
Morfologia floral
David Oliveira
 
V.5 Angiospermas - flor, fruto e semente
V.5 Angiospermas - flor, fruto e sementeV.5 Angiospermas - flor, fruto e semente
V.5 Angiospermas - flor, fruto e semente
Rebeca Vale
 
Angiospermas - Renato Paiva
Angiospermas - Renato PaivaAngiospermas - Renato Paiva
Angiospermas - Renato Paiva
Turma Olímpica
 
Frutos e sementes
Frutos e sementesFrutos e sementes
Frutos e sementes
Augusto Coimbra
 
Caule
CauleCaule
Raiz
RaizRaiz
Classificação das plantas - briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiosper...
Classificação das plantas - briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiosper...Classificação das plantas - briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiosper...
Classificação das plantas - briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiosper...
Bianca Rantin
 

Mais procurados (20)

Aula 9 fruto
Aula 9 frutoAula 9 fruto
Aula 9 fruto
 
Gimnospermas e angiospermas
Gimnospermas e angiospermasGimnospermas e angiospermas
Gimnospermas e angiospermas
 
V.3 Gimnospermas
V.3 GimnospermasV.3 Gimnospermas
V.3 Gimnospermas
 
3 flor
3 flor3 flor
3 flor
 
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Flores
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre FloresSlides da aula de Biologia (Renato) sobre Flores
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Flores
 
Briofitas pteridofitas
Briofitas pteridofitasBriofitas pteridofitas
Briofitas pteridofitas
 
Hormônios Vegetais
Hormônios VegetaisHormônios Vegetais
Hormônios Vegetais
 
Gimnospermas e angiosperma
Gimnospermas e angiospermaGimnospermas e angiosperma
Gimnospermas e angiosperma
 
Aula briofitas e pteridófitas
Aula briofitas e pteridófitasAula briofitas e pteridófitas
Aula briofitas e pteridófitas
 
Monocotiledôneas e dicotiledôneas
Monocotiledôneas e dicotiledôneasMonocotiledôneas e dicotiledôneas
Monocotiledôneas e dicotiledôneas
 
FRUTO-ANGIOSPERMAS
FRUTO-ANGIOSPERMASFRUTO-ANGIOSPERMAS
FRUTO-ANGIOSPERMAS
 
Flores
FloresFlores
Flores
 
Briófitas e pteridófitas
Briófitas e pteridófitasBriófitas e pteridófitas
Briófitas e pteridófitas
 
Morfologia floral
Morfologia floralMorfologia floral
Morfologia floral
 
V.5 Angiospermas - flor, fruto e semente
V.5 Angiospermas - flor, fruto e sementeV.5 Angiospermas - flor, fruto e semente
V.5 Angiospermas - flor, fruto e semente
 
Angiospermas - Renato Paiva
Angiospermas - Renato PaivaAngiospermas - Renato Paiva
Angiospermas - Renato Paiva
 
Frutos e sementes
Frutos e sementesFrutos e sementes
Frutos e sementes
 
Caule
CauleCaule
Caule
 
Raiz
RaizRaiz
Raiz
 
Classificação das plantas - briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiosper...
Classificação das plantas - briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiosper...Classificação das plantas - briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiosper...
Classificação das plantas - briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiosper...
 

Semelhante a Angiospermas Prof. Marcos Santos

Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Sementes e Frutos
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Sementes e FrutosSlides da aula de Biologia (Renato) sobre Sementes e Frutos
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Sementes e Frutos
Turma Olímpica
 
Frutos biologia
Frutos biologiaFrutos biologia
Frutos biologia
Danielle Souza
 
Angio mono dico
Angio mono dicoAngio mono dico
Angio mono dico
caca-filho
 
Frutos & Pseudofrutos
Frutos & PseudofrutosFrutos & Pseudofrutos
Frutos & Pseudofrutos
Heronides Araújo
 
Angiosperma
AngiospermaAngiosperma
Angiosperma
Róger Fraga
 
O fruto - About The Fruits
O fruto  -  About The FruitsO fruto  -  About The Fruits
O fruto - About The Fruits
Lídia Pavan
 
Futos e sindromes de dispersão
Futos e sindromes de dispersãoFutos e sindromes de dispersão
Futos e sindromes de dispersão
CotucaAmbiental
 
Frutos e sementes
Frutos e sementesFrutos e sementes
Frutos e sementes
Vitor Morais
 
Angiosperamas
AngiosperamasAngiosperamas
Angiosperamas
Iuri Fretta Wiggers
 
Angiospermas 121009134619-phpapp01
Angiospermas 121009134619-phpapp01Angiospermas 121009134619-phpapp01
Angiospermas 121009134619-phpapp01
Cristina Lira
 
Angiospermas - Reino Plantae
Angiospermas - Reino Plantae Angiospermas - Reino Plantae
Angiospermas - Reino Plantae
Erica Cristina
 
Sementes - Morfologia Vegetal
Sementes - Morfologia VegetalSementes - Morfologia Vegetal
Sementes - Morfologia Vegetal
José Teles Monteiro
 
Angiospermas
AngiospermasAngiospermas
Angiospermas
biologando
 
Capítulo 05 - reino das plantas II
Capítulo 05 - reino das plantas IICapítulo 05 - reino das plantas II
Capítulo 05 - reino das plantas II
Igor Brant
 
Fruto
FrutoFruto
Fruto
FrutoFruto
Anatomia do Fruto e da Semente
Anatomia do Fruto e da SementeAnatomia do Fruto e da Semente
Anatomia do Fruto e da Semente
Diego Santos
 
Botânica
Botânica Botânica
Botânica
NICKSON ♥
 
FRUTOS.ppt
FRUTOS.pptFRUTOS.ppt
FRUTOS.ppt
DeividBatista7
 
Reino vegetal
Reino vegetalReino vegetal
Reino vegetal
Elizabete Costa
 

Semelhante a Angiospermas Prof. Marcos Santos (20)

Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Sementes e Frutos
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Sementes e FrutosSlides da aula de Biologia (Renato) sobre Sementes e Frutos
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Sementes e Frutos
 
Frutos biologia
Frutos biologiaFrutos biologia
Frutos biologia
 
Angio mono dico
Angio mono dicoAngio mono dico
Angio mono dico
 
Frutos & Pseudofrutos
Frutos & PseudofrutosFrutos & Pseudofrutos
Frutos & Pseudofrutos
 
Angiosperma
AngiospermaAngiosperma
Angiosperma
 
O fruto - About The Fruits
O fruto  -  About The FruitsO fruto  -  About The Fruits
O fruto - About The Fruits
 
Futos e sindromes de dispersão
Futos e sindromes de dispersãoFutos e sindromes de dispersão
Futos e sindromes de dispersão
 
Frutos e sementes
Frutos e sementesFrutos e sementes
Frutos e sementes
 
Angiosperamas
AngiosperamasAngiosperamas
Angiosperamas
 
Angiospermas 121009134619-phpapp01
Angiospermas 121009134619-phpapp01Angiospermas 121009134619-phpapp01
Angiospermas 121009134619-phpapp01
 
Angiospermas - Reino Plantae
Angiospermas - Reino Plantae Angiospermas - Reino Plantae
Angiospermas - Reino Plantae
 
Sementes - Morfologia Vegetal
Sementes - Morfologia VegetalSementes - Morfologia Vegetal
Sementes - Morfologia Vegetal
 
Angiospermas
AngiospermasAngiospermas
Angiospermas
 
Capítulo 05 - reino das plantas II
Capítulo 05 - reino das plantas IICapítulo 05 - reino das plantas II
Capítulo 05 - reino das plantas II
 
Fruto
FrutoFruto
Fruto
 
Fruto
FrutoFruto
Fruto
 
Anatomia do Fruto e da Semente
Anatomia do Fruto e da SementeAnatomia do Fruto e da Semente
Anatomia do Fruto e da Semente
 
Botânica
Botânica Botânica
Botânica
 
FRUTOS.ppt
FRUTOS.pptFRUTOS.ppt
FRUTOS.ppt
 
Reino vegetal
Reino vegetalReino vegetal
Reino vegetal
 

Mais de Marcos Santos

Orientações para trabalho científico escolar
Orientações para trabalho científico escolarOrientações para trabalho científico escolar
Orientações para trabalho científico escolar
Marcos Santos
 
Spaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambiente
Spaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambienteSpaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambiente
Spaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambiente
Marcos Santos
 
150 anos de paróquia caminhando com a juventude
150 anos de paróquia caminhando com a juventude150 anos de paróquia caminhando com a juventude
150 anos de paróquia caminhando com a juventude
Marcos Santos
 
Moluscos e anelídeos
Moluscos e anelídeosMoluscos e anelídeos
Moluscos e anelídeos
Marcos Santos
 
Conceitos em ecologia e ecossistemas
Conceitos em ecologia e ecossistemasConceitos em ecologia e ecossistemas
Conceitos em ecologia e ecossistemas
Marcos Santos
 
Principais verminoses humanas
Principais verminoses humanasPrincipais verminoses humanas
Principais verminoses humanas
Marcos Santos
 
Doenças causadas por protozoários
Doenças causadas por protozoáriosDoenças causadas por protozoários
Doenças causadas por protozoários
Marcos Santos
 
Bactérias simples
Bactérias simplesBactérias simples
Bactérias simples
Marcos Santos
 
Mamíferos 2º ano
Mamíferos 2º anoMamíferos 2º ano
Mamíferos 2º ano
Marcos Santos
 
Revisão 1º ano 2013.2
Revisão 1º ano 2013.2Revisão 1º ano 2013.2
Revisão 1º ano 2013.2
Marcos Santos
 
Revisão 2º ano - 4º PERÍODO - 2013
Revisão 2º ano - 4º PERÍODO - 2013Revisão 2º ano - 4º PERÍODO - 2013
Revisão 2º ano - 4º PERÍODO - 2013
Marcos Santos
 
Platyhelminthes
PlatyhelminthesPlatyhelminthes
Platyhelminthes
Marcos Santos
 
áLbum de fotografias 1º a
áLbum de fotografias 1º aáLbum de fotografias 1º a
áLbum de fotografias 1º a
Marcos Santos
 
Fungos 2º ano
Fungos 2º anoFungos 2º ano
Fungos 2º ano
Marcos Santos
 
Algas aula
Algas aulaAlgas aula
Algas aula
Marcos Santos
 
Biologia introdução
Biologia introduçãoBiologia introdução
Biologia introdução
Marcos Santos
 

Mais de Marcos Santos (17)

Orientações para trabalho científico escolar
Orientações para trabalho científico escolarOrientações para trabalho científico escolar
Orientações para trabalho científico escolar
 
Spaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambiente
Spaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambienteSpaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambiente
Spaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambiente
 
150 anos de paróquia caminhando com a juventude
150 anos de paróquia caminhando com a juventude150 anos de paróquia caminhando com a juventude
150 anos de paróquia caminhando com a juventude
 
Moluscos e anelídeos
Moluscos e anelídeosMoluscos e anelídeos
Moluscos e anelídeos
 
Conceitos em ecologia e ecossistemas
Conceitos em ecologia e ecossistemasConceitos em ecologia e ecossistemas
Conceitos em ecologia e ecossistemas
 
Principais verminoses humanas
Principais verminoses humanasPrincipais verminoses humanas
Principais verminoses humanas
 
Viroses
VirosesViroses
Viroses
 
Doenças causadas por protozoários
Doenças causadas por protozoáriosDoenças causadas por protozoários
Doenças causadas por protozoários
 
Bactérias simples
Bactérias simplesBactérias simples
Bactérias simples
 
Mamíferos 2º ano
Mamíferos 2º anoMamíferos 2º ano
Mamíferos 2º ano
 
Revisão 1º ano 2013.2
Revisão 1º ano 2013.2Revisão 1º ano 2013.2
Revisão 1º ano 2013.2
 
Revisão 2º ano - 4º PERÍODO - 2013
Revisão 2º ano - 4º PERÍODO - 2013Revisão 2º ano - 4º PERÍODO - 2013
Revisão 2º ano - 4º PERÍODO - 2013
 
Platyhelminthes
PlatyhelminthesPlatyhelminthes
Platyhelminthes
 
áLbum de fotografias 1º a
áLbum de fotografias 1º aáLbum de fotografias 1º a
áLbum de fotografias 1º a
 
Fungos 2º ano
Fungos 2º anoFungos 2º ano
Fungos 2º ano
 
Algas aula
Algas aulaAlgas aula
Algas aula
 
Biologia introdução
Biologia introduçãoBiologia introdução
Biologia introdução
 

Último

Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdfO Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
Falcão Brasil
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Falcão Brasil
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
ArapiracaNoticiasFat
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Bibliotecas Escolares AEIDH
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
Manuais Formação
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Falcão Brasil
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Luzia Gabriele
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
SheylaAlves6
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 

Último (20)

Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdfO Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 

Angiospermas Prof. Marcos Santos

  • 2. Grupo mais utilizado na nossa alimentação: feijão, arroz, soja, milho, cana-de-açúcar, café, verduras, frutas, raízes, etc. É o único grupo que produz frutos proteção das sementes As sementes e os frutos são formações derivados das flores
  • 3. Flor • Gineceu é o conjunto de carpelos ou pistilos femininos • Androceu é o conjunto de estames masculinos
  • 4. Conjuntos: Corola é o conjunto de pétalas Cálice é o conjunto de sépalas Perianto = cálice + corola
  • 5. Polinização • Transporte de pólen da antera até o estigma da mesma flor ou de outra da mesma espécie • Agentes polinizadores: • Vento • Água • Animais ( insetos, pássaros, morcegos, moluscos, etc..)
  • 6. Alimentos: néctar – localizado na base das pétalas, grãos de pólen comestíveis A polinização pode ocorrer de dia ou de noite: Dia - corola colorida e vistosa perfume Noite – perfume forte corola branca ou escura Fatores de atração de polinizadores:
  • 7. Anemofilia – polinização feita pelo vento Entomofilia – insetos Quiropterolfilia – morcegos Ornitofilia – aves Hidrofilia - água
  • 8. Angiosperma - Fruto /semente • Origina-se do desenvolvimento do ovário. • No fruto a parede desenvolvida do ovário é denominada de Pericarpo. Este é formado por três camadas: Epicarpo, Mesocarpo e Endocarpo . A maioria dos frutos a parte comestível é o mesocarpo.
  • 10. Pseudofrutos ou falsos frutos • Toda vez que a parte carnosa do fruto, geralmente comestível, for originada de outra parte da flor que não seja o ovário, o fruto não é verdadeiro .São então chamados de Pseudofrutos ou falsos frutos. Ex. a maçã ,o morango , o caju.
  • 11. Frutos carnosos: São frutos com pericarpo suculento, Eles são classificados em: a) Baga :São frutos que possuem uma ou várias sementes soltas. Ex. Goiaba, melancia, mamão, tomate, laranja.
  • 12. Drupas: As drupas possuem um endocarpo duro, dentro do qual há uma semente. É o caso da manga, do pêssego, do abacate e da azeitona.
  • 13. Classificação dos frutos • Frutos secos: Os frutos secos podem ser deiscentes ou indeiscentes • Frutos secos deiscentes: São aqueles que, quando maduros, abrem -se liberando as sementes(flamboyant, feijão, s oja, ervilha). • Frutos secos indeiscentes: São aqueles que quando maduros não se abrem. Ex: Milho, arroz, trigo, avelã , noz.
  • 14. Sementes • A semente é o óvulo da flor desenvolvido após a fecundação. • É a semente que abriga o embrião , a futura planta. • A semente é composta de tegumento e amêndoa
  • 15. Disseminação de sementes e frutos. • As espécies ANEMÓCORAS apresentam sementes leves ou frutos leves, com pelos ou expansões aladas que facilitam o transporte pelo vento.
  • 16. Disseminação das sementes • Nas espécies ZOÓCORAS, os frutos são atraentes, servindo de alimentos para os animais. Algumas sementes para germinar ,necessitam passar pelo trato digestório de animais como ocorre com a planta parasita erva-de-passarinho
  • 17. Disseminação das sementes • Nas espécies HIDRÓCORAS possuem frutos ou sementes que retêm ar. Desta forma o fruto pode ser transportados flutuando na água. É o caso do coco-da-baía, fruto com o mesocarpo fibroso que retém o ar.
  • 19. Caule Funções: • Condução de seivas; • Sustentação; • Armazenamento de reservas alimentares.