SlideShare uma empresa Scribd logo
COMO ORIENTARCOMO ORIENTAR NOVOSNOVOS
FUNCIONÁRIOSFUNCIONÁRIOS
Aprenda Técnicas ParaAprenda Técnicas Para
Estimular os NovosEstimular os Novos
Funcionários a SeFuncionários a Se
IntegraremIntegrarem
Rapidamente àRapidamente à
OrganizaçãoOrganização
Uma Empresa – deUma Empresa – de
Qualquer Tamanho –Qualquer Tamanho –
Sustenta-se Sobre a SuaSustenta-se Sobre a Sua
Principal Pilastra:Principal Pilastra:
Seus FuncionáriosSeus Funcionários
Sendo Assim, é MuitoSendo Assim, é Muito
Importante Mantê-losImportante Mantê-los
Estimulados e MotivadosEstimulados e Motivados
a Alcançarem osa Alcançarem os
Objetivos EmpresariaisObjetivos Empresariais
Eles Precisam se Sentir Reconhecidos,Eles Precisam se Sentir Reconhecidos,
Valorizados e Com Oportunidade deValorizados e Com Oportunidade de
CrescimentoCrescimento
Portanto, Lembre-se QuePortanto, Lembre-se Que
Você Está Lidando ComVocê Está Lidando Com
Pessoas, Onde Estão emPessoas, Onde Estão em
JogoJogo EmoçõesEmoções Que NãoQue Não
Devem Ser DesprezadasDevem Ser Desprezadas
e, na Verdade, Elase, na Verdade, Elas
Devem Ser AproveitadasDevem Ser Aproveitadas
Sendo Assim, Você DeveSendo Assim, Você Deve
Primeiramente PrepararPrimeiramente Preparar
os Novos Funcionários,os Novos Funcionários,
Para Que Eles Possam –Para Que Eles Possam –
no Menor Tempo Possívelno Menor Tempo Possível
– Dar o “Retorno”– Dar o “Retorno”
Após Integrados àApós Integrados à
Estrutura é NecessárioEstrutura é Necessário
Avaliá-los, a Fim deAvaliá-los, a Fim de
Identificar SuasIdentificar Suas
PotencialidadesPotencialidades e Aplicá-e Aplicá-
las em Benefício dalas em Benefício da
EmpresaEmpresa
. Em seguida, Você DeveEm seguida, Você Deve
Direcioná-los Para QueDirecioná-los Para Que
Atuem de FormaAtuem de Forma
Conveniente (Para Eles eConveniente (Para Eles e
Para a Organização). E,Para a Organização). E,
Por Fim, Estimulá-los aPor Fim, Estimulá-los a
Continuarem seContinuarem se
AperfeiçoandoAperfeiçoando
ORIENTANDO COM EFICÁCIA
Um Novo Funcionário NormalmenteUm Novo Funcionário Normalmente
Leva Algum Tempo Para seLeva Algum Tempo Para se
Ambientar à Organização, NãoAmbientar à Organização, Não
Sabendo Exatamente Onde VaiSabendo Exatamente Onde Vai
Trabalhar e o Que Ele FaráTrabalhar e o Que Ele Fará
Ele Ainda Não Conhece SeusEle Ainda Não Conhece Seus
Colegas, os Costumes e asColegas, os Costumes e as
Características da OrganizaçãoCaracterísticas da Organização
Portanto, Fazer Com Que Ele se Sinta à Vontade
Não é Apenas Uma Questão de Educação, é
Também Uma Questão Estratégica
O “Processo” da Orientação:
Comunicar os “Valores” da EmpresaComunicar os “Valores” da Empresa
Todo Funcionário GostaTodo Funcionário Gosta
de Se Sentir Parte Dela,de Se Sentir Parte Dela,
Pois Com Isso, Ele SePois Com Isso, Ele Se
Sente Estimulado aSente Estimulado a
Colaborar, a Lutar PorColaborar, a Lutar Por
Objetivos Que TambémObjetivos Que Também
São Seus. Portanto,São Seus. Portanto,
Conhecer a Cultura daConhecer a Cultura da
Organização, SuasOrganização, Suas
Tradições e Sua História,Tradições e Sua História,
Leva-o a se Sentir MaisLeva-o a se Sentir Mais
Criar Um Modelo deCriar Um Modelo de
ComportamentoComportamentoAs Empresas São Conhecidas Pela Forma deAs Empresas São Conhecidas Pela Forma de
Atuarem, de Realizarem o Seu Trabalho, aAtuarem, de Realizarem o Seu Trabalho, a
Qualidade de Seus Produtos, a Forma ComoQualidade de Seus Produtos, a Forma Como
Lidam Com Seus Clientes e FornecedoresLidam Com Seus Clientes e Fornecedores
Dessa Forma, é PrecisoDessa Forma, é Preciso
Que o Novo FuncionárioQue o Novo Funcionário
Saiba o Que se EsperaSaiba o Que se Espera
Dele em Termos deDele em Termos de
Atitude Profissional,Atitude Profissional,
Para Que se EnquadrePara Que se Enquadre
aos Padrões deaos Padrões de
Qualidade JáQualidade Já
Conquistados e Atue deConquistados e Atue de
AcordoAcordo
Tornar a Adaptação Mais Rápida
Ao Conhecer as Pessoas Com as QuaisAo Conhecer as Pessoas Com as Quais
Compartilhará os Dias de Trabalho, o NovoCompartilhará os Dias de Trabalho, o Novo
Funcionário se Sente Mais SeguroFuncionário se Sente Mais Seguro ..
É Importante Que Tenha LocalÉ Importante Que Tenha Local
Previamente Preparado Para Ele ePreviamente Preparado Para Ele e
Alguma Atividade, a Qual PossaAlguma Atividade, a Qual Possa
Realizar ImediatamenteRealizar Imediatamente
Assim, Ele Vai se Sentir
Valorizado e Imediatamente
Poderá Contribuir Para a
Organização
AUMENTAR O APROVEITAMENTO DOAUMENTAR O APROVEITAMENTO DO
TEMPOTEMPO
Fornecer InformaçõesFornecer Informações
Concretas – Tais Como oConcretas – Tais Como o
Procedimento Para ConseguirProcedimento Para Conseguir
Material de Trabalho, a QuemMaterial de Trabalho, a Quem
Recorrer se Tiver Dúvidas,Recorrer se Tiver Dúvidas,
Como Usufruir dos BenefíciosComo Usufruir dos Benefícios
da Organização, Como eda Organização, Como e
Quando Receber o Salário eQuando Receber o Salário e
Coisas do Gênero –Coisas do Gênero –
Diminuem a AnsiedadeDiminuem a Ansiedade
Própria das Novas CondiçõesPrópria das Novas Condições
de Trabalho e Evitam Que Elede Trabalho e Evitam Que Ele
Perca Tempo ProdutivoPerca Tempo Produtivo
Tentando Descobri-lasTentando Descobri-las
Integrar o Funcionário à Empresa
Novos Funcionários Podem Ter BonsNovos Funcionários Podem Ter Bons
Conhecimentos Teóricos, Mas Podem Deixar aConhecimentos Teóricos, Mas Podem Deixar a
Desejar na PráticaDesejar na Prática
Sendo Assim, Eles Precisam deSendo Assim, Eles Precisam de
Orientação Específica Sobre o QueOrientação Específica Sobre o Que
e Como Fazere Como Fazer
Os Mais Antigos, Vindos de OutrasOs Mais Antigos, Vindos de Outras
Empresas, Trarão Consigo Alguns VíciosEmpresas, Trarão Consigo Alguns Vícios
Que Podem Conflitar Com a OrganizaçãoQue Podem Conflitar Com a Organização
Mas Eles Também Trazem BoaMas Eles Também Trazem Boa
Bagagem e, Certamente, IssoBagagem e, Certamente, Isso
Deve Ser Aproveitado PelaDeve Ser Aproveitado Pela
LiderançaLiderança

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Gestão de Equipes de Alta Performance
Gestão de Equipes de Alta PerformanceGestão de Equipes de Alta Performance
Gestão de Equipes de Alta Performance
Thiago Villaça
 
Liderança e Comunicação - Maurício Andrade
Liderança e Comunicação - Maurício AndradeLiderança e Comunicação - Maurício Andrade
Liderança e Comunicação - Maurício Andrade
Maurício Andrade
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocional
Josi Borges
 
O porquê da ética
O porquê da éticaO porquê da ética
O porquê da ética
Rayanne Santana
 
Áreas administrativas e suas funções
Áreas administrativas e suas funçõesÁreas administrativas e suas funções
Áreas administrativas e suas funções
Nyedson Barbosa
 
Liderança, Motivação e Trabalho em Equipe
Liderança, Motivação e Trabalho em EquipeLiderança, Motivação e Trabalho em Equipe
Liderança, Motivação e Trabalho em Equipe
Opengo,Espro,AllNet, Led Informática, Instituto Dom Bosco
 
6 comportamento e cultura trabalho em equipe
6 comportamento e cultura trabalho em equipe6 comportamento e cultura trabalho em equipe
6 comportamento e cultura trabalho em equipe
Érica Rabelo
 
Emoções e sentimentos.pptx
Emoções e sentimentos.pptxEmoções e sentimentos.pptx
Emoções e sentimentos.pptx
Rute da Conceição Machado
 
20130424 palestra motivação
20130424 palestra motivação20130424 palestra motivação
20130424 palestra motivação
Dora Machado Consultoria
 
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBRPalestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
Alessandra Gonzaga
 
Palestra motivacional
Palestra motivacionalPalestra motivacional
Palestra motivacional
João Carlos Butske da Silva
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocional
Dalila Melo
 
2Brainstorming - Liderança Humanizada e inteligencia emocional.pdf
2Brainstorming - Liderança Humanizada e inteligencia emocional.pdf2Brainstorming - Liderança Humanizada e inteligencia emocional.pdf
2Brainstorming - Liderança Humanizada e inteligencia emocional.pdf
MatildePaulo1
 
Cultura e clima organizacionais 4
Cultura e clima organizacionais 4Cultura e clima organizacionais 4
Cultura e clima organizacionais 4
Future Press, E-Press, Presentations,
 
Imagem Profissional (Comportamento)
Imagem Profissional (Comportamento)Imagem Profissional (Comportamento)
Imagem Profissional (Comportamento)
Camila Falcão
 
Texto ética e moral - leitura básica
Texto    ética e moral - leitura básicaTexto    ética e moral - leitura básica
Texto ética e moral - leitura básica
Nilia Lacerda
 
Marketing Pessoal - Por Jéssica B.
Marketing Pessoal - Por Jéssica B.Marketing Pessoal - Por Jéssica B.
Marketing Pessoal - Por Jéssica B.
Jéssica B.
 
Postura profissional
Postura profissionalPostura profissional
Postura profissional
Milena Rebouças
 
Motivação
MotivaçãoMotivação
Motivação
Camila Prada
 
Aula 4 inteligencia emocional
Aula 4   inteligencia emocionalAula 4   inteligencia emocional
Aula 4 inteligencia emocional
Saulo (cedro
 

Mais procurados (20)

Gestão de Equipes de Alta Performance
Gestão de Equipes de Alta PerformanceGestão de Equipes de Alta Performance
Gestão de Equipes de Alta Performance
 
Liderança e Comunicação - Maurício Andrade
Liderança e Comunicação - Maurício AndradeLiderança e Comunicação - Maurício Andrade
Liderança e Comunicação - Maurício Andrade
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocional
 
O porquê da ética
O porquê da éticaO porquê da ética
O porquê da ética
 
Áreas administrativas e suas funções
Áreas administrativas e suas funçõesÁreas administrativas e suas funções
Áreas administrativas e suas funções
 
Liderança, Motivação e Trabalho em Equipe
Liderança, Motivação e Trabalho em EquipeLiderança, Motivação e Trabalho em Equipe
Liderança, Motivação e Trabalho em Equipe
 
6 comportamento e cultura trabalho em equipe
6 comportamento e cultura trabalho em equipe6 comportamento e cultura trabalho em equipe
6 comportamento e cultura trabalho em equipe
 
Emoções e sentimentos.pptx
Emoções e sentimentos.pptxEmoções e sentimentos.pptx
Emoções e sentimentos.pptx
 
20130424 palestra motivação
20130424 palestra motivação20130424 palestra motivação
20130424 palestra motivação
 
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBRPalestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
 
Palestra motivacional
Palestra motivacionalPalestra motivacional
Palestra motivacional
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocional
 
2Brainstorming - Liderança Humanizada e inteligencia emocional.pdf
2Brainstorming - Liderança Humanizada e inteligencia emocional.pdf2Brainstorming - Liderança Humanizada e inteligencia emocional.pdf
2Brainstorming - Liderança Humanizada e inteligencia emocional.pdf
 
Cultura e clima organizacionais 4
Cultura e clima organizacionais 4Cultura e clima organizacionais 4
Cultura e clima organizacionais 4
 
Imagem Profissional (Comportamento)
Imagem Profissional (Comportamento)Imagem Profissional (Comportamento)
Imagem Profissional (Comportamento)
 
Texto ética e moral - leitura básica
Texto    ética e moral - leitura básicaTexto    ética e moral - leitura básica
Texto ética e moral - leitura básica
 
Marketing Pessoal - Por Jéssica B.
Marketing Pessoal - Por Jéssica B.Marketing Pessoal - Por Jéssica B.
Marketing Pessoal - Por Jéssica B.
 
Postura profissional
Postura profissionalPostura profissional
Postura profissional
 
Motivação
MotivaçãoMotivação
Motivação
 
Aula 4 inteligencia emocional
Aula 4   inteligencia emocionalAula 4   inteligencia emocional
Aula 4 inteligencia emocional
 

Semelhante a (4) como orientar novos funcionários

(7) estratégias para motivar funcionários
(7) estratégias para motivar funcionários(7) estratégias para motivar funcionários
(7) estratégias para motivar funcionários
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
Técnicas Para Motivar Equipes
Técnicas Para Motivar EquipesTécnicas Para Motivar Equipes
Aula 1
Aula 1Aula 1
A Arte de gerenciar pessoas nas organizações
A Arte de gerenciar pessoas nas organizaçõesA Arte de gerenciar pessoas nas organizações
A Arte de gerenciar pessoas nas organizações
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
Quem é o Melhor Funcionário?
Quem é o Melhor Funcionário?Quem é o Melhor Funcionário?
(5) empregabilidade
(5) empregabilidade(5) empregabilidade
16 Identidade Organizacional - Ok.pptx
16 Identidade Organizacional - Ok.pptx16 Identidade Organizacional - Ok.pptx
16 Identidade Organizacional - Ok.pptx
AntonioCandidoRodrig2
 
16 Identidade Organizacional.ppsx
16 Identidade Organizacional.ppsx16 Identidade Organizacional.ppsx
16 Identidade Organizacional.ppsx
AntonioCandidoRodrig2
 
2) empregabilidade
2) empregabilidade2) empregabilidade
Metas que trazem resultados orient1 fev11
Metas que trazem resultados orient1 fev11Metas que trazem resultados orient1 fev11
Metas que trazem resultados orient1 fev11
Luciana Velasquez
 
Cultura de marca: A tradução da estratégia para o dia-a-dia
Cultura de marca: A tradução da estratégia para o dia-a-diaCultura de marca: A tradução da estratégia para o dia-a-dia
Cultura de marca: A tradução da estratégia para o dia-a-dia
Órbita Talks
 
Habilidades gerenciais
Habilidades gerenciaisHabilidades gerenciais
Motivação como estimular os seus colaboradores
Motivação como estimular os seus colaboradoresMotivação como estimular os seus colaboradores
Motivação como estimular os seus colaboradores
marcoslutherodeoliveira
 
Motivação como estimular os seus colaboradores
Motivação como estimular os seus colaboradoresMotivação como estimular os seus colaboradores
Motivação como estimular os seus colaboradores
Marcos Luthero
 
Motivação como estimular os seus colaboradores
Motivação como estimular os seus colaboradoresMotivação como estimular os seus colaboradores
Motivação como estimular os seus colaboradores
marcoslutherodeoliveira
 
11 razões pelas quais não deve optar por uma cultura de coaching
11 razões pelas quais não deve optar por uma cultura de coaching11 razões pelas quais não deve optar por uma cultura de coaching
11 razões pelas quais não deve optar por uma cultura de coaching
Marina Ramos
 
Apresentação Redirecionamento Pessoal
Apresentação Redirecionamento PessoalApresentação Redirecionamento Pessoal
Apresentação Redirecionamento Pessoal
Geannine Bervian
 
INSTITUCIONAL - COACHING & VOCÊ
INSTITUCIONAL - COACHING & VOCÊINSTITUCIONAL - COACHING & VOCÊ
INSTITUCIONAL - COACHING & VOCÊ
MARCELLO DE SOUZA
 
Previsão Orçamentária - Palestra da Supply
Previsão Orçamentária - Palestra da SupplyPrevisão Orçamentária - Palestra da Supply
Previsão Orçamentária - Palestra da Supply
Dora Machado Consultoria
 
Como Gerenciar e Motivar Vendedores
Como Gerenciar e Motivar VendedoresComo Gerenciar e Motivar Vendedores

Semelhante a (4) como orientar novos funcionários (20)

(7) estratégias para motivar funcionários
(7) estratégias para motivar funcionários(7) estratégias para motivar funcionários
(7) estratégias para motivar funcionários
 
Técnicas Para Motivar Equipes
Técnicas Para Motivar EquipesTécnicas Para Motivar Equipes
Técnicas Para Motivar Equipes
 
Aula 1
Aula 1Aula 1
Aula 1
 
A Arte de gerenciar pessoas nas organizações
A Arte de gerenciar pessoas nas organizaçõesA Arte de gerenciar pessoas nas organizações
A Arte de gerenciar pessoas nas organizações
 
Quem é o Melhor Funcionário?
Quem é o Melhor Funcionário?Quem é o Melhor Funcionário?
Quem é o Melhor Funcionário?
 
(5) empregabilidade
(5) empregabilidade(5) empregabilidade
(5) empregabilidade
 
16 Identidade Organizacional - Ok.pptx
16 Identidade Organizacional - Ok.pptx16 Identidade Organizacional - Ok.pptx
16 Identidade Organizacional - Ok.pptx
 
16 Identidade Organizacional.ppsx
16 Identidade Organizacional.ppsx16 Identidade Organizacional.ppsx
16 Identidade Organizacional.ppsx
 
2) empregabilidade
2) empregabilidade2) empregabilidade
2) empregabilidade
 
Metas que trazem resultados orient1 fev11
Metas que trazem resultados orient1 fev11Metas que trazem resultados orient1 fev11
Metas que trazem resultados orient1 fev11
 
Cultura de marca: A tradução da estratégia para o dia-a-dia
Cultura de marca: A tradução da estratégia para o dia-a-diaCultura de marca: A tradução da estratégia para o dia-a-dia
Cultura de marca: A tradução da estratégia para o dia-a-dia
 
Habilidades gerenciais
Habilidades gerenciaisHabilidades gerenciais
Habilidades gerenciais
 
Motivação como estimular os seus colaboradores
Motivação como estimular os seus colaboradoresMotivação como estimular os seus colaboradores
Motivação como estimular os seus colaboradores
 
Motivação como estimular os seus colaboradores
Motivação como estimular os seus colaboradoresMotivação como estimular os seus colaboradores
Motivação como estimular os seus colaboradores
 
Motivação como estimular os seus colaboradores
Motivação como estimular os seus colaboradoresMotivação como estimular os seus colaboradores
Motivação como estimular os seus colaboradores
 
11 razões pelas quais não deve optar por uma cultura de coaching
11 razões pelas quais não deve optar por uma cultura de coaching11 razões pelas quais não deve optar por uma cultura de coaching
11 razões pelas quais não deve optar por uma cultura de coaching
 
Apresentação Redirecionamento Pessoal
Apresentação Redirecionamento PessoalApresentação Redirecionamento Pessoal
Apresentação Redirecionamento Pessoal
 
INSTITUCIONAL - COACHING & VOCÊ
INSTITUCIONAL - COACHING & VOCÊINSTITUCIONAL - COACHING & VOCÊ
INSTITUCIONAL - COACHING & VOCÊ
 
Previsão Orçamentária - Palestra da Supply
Previsão Orçamentária - Palestra da SupplyPrevisão Orçamentária - Palestra da Supply
Previsão Orçamentária - Palestra da Supply
 
Como Gerenciar e Motivar Vendedores
Como Gerenciar e Motivar VendedoresComo Gerenciar e Motivar Vendedores
Como Gerenciar e Motivar Vendedores
 

Mais de PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas

Comportamento em Ambientes de Trabalho
Comportamento em Ambientes de TrabalhoComportamento em Ambientes de Trabalho
Como Utilizar o Marketing nas Redes Sociais
Como Utilizar o Marketing nas Redes SociaisComo Utilizar o Marketing nas Redes Sociais
Como Utilizar o Marketing nas Redes Sociais
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
Ambiente Empreendedor nas Corporações e a Proposta de Um Modelo de Inovação P...
Ambiente Empreendedor nas Corporações e a Proposta de Um Modelo de Inovação P...Ambiente Empreendedor nas Corporações e a Proposta de Um Modelo de Inovação P...
Ambiente Empreendedor nas Corporações e a Proposta de Um Modelo de Inovação P...
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
Postura e Imagem Profissional em Ambientes Corporativos
Postura e Imagem Profissional em Ambientes CorporativosPostura e Imagem Profissional em Ambientes Corporativos
Postura e Imagem Profissional em Ambientes Corporativos
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
Psicologia do Trabalho (Uma Introdução ao Estudo do Comportamento e da Person...
Psicologia do Trabalho (Uma Introdução ao Estudo do Comportamento e da Person...Psicologia do Trabalho (Uma Introdução ao Estudo do Comportamento e da Person...
Psicologia do Trabalho (Uma Introdução ao Estudo do Comportamento e da Person...
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
O Processo de Transporte de Cargas.pptx
O Processo de Transporte de Cargas.pptxO Processo de Transporte de Cargas.pptx
O Processo de Transporte de Cargas.pptx
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
Conceitos, Evolução e Processos Logísticos.pptx
Conceitos, Evolução e Processos Logísticos.pptxConceitos, Evolução e Processos Logísticos.pptx
Conceitos, Evolução e Processos Logísticos.pptx
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
A Criatividade Como Estratégia Competitiva Nas Organizacões
A Criatividade Como Estratégia Competitiva Nas OrganizacõesA Criatividade Como Estratégia Competitiva Nas Organizacões
A Criatividade Como Estratégia Competitiva Nas Organizacões
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
A Ciência Política e as Implicações Filosóficas, Sociológicas e Jurídicas no ...
A Ciência Política e as Implicações Filosóficas, Sociológicas e Jurídicas no ...A Ciência Política e as Implicações Filosóficas, Sociológicas e Jurídicas no ...
A Ciência Política e as Implicações Filosóficas, Sociológicas e Jurídicas no ...
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
Técnicas de Relacionamentos Interpessoais.pptx
Técnicas de Relacionamentos Interpessoais.pptxTécnicas de Relacionamentos Interpessoais.pptx
Técnicas de Relacionamentos Interpessoais.pptx
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
A Identidade Visual na Criação de Uma Marca.pptx
A Identidade Visual na Criação de Uma Marca.pptxA Identidade Visual na Criação de Uma Marca.pptx
A Identidade Visual na Criação de Uma Marca.pptx
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
Gestão Financeira Para Pequenas Empresas.pptx
Gestão Financeira Para Pequenas Empresas.pptxGestão Financeira Para Pequenas Empresas.pptx
Gestão Financeira Para Pequenas Empresas.pptx
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
A Contabilidade Como Instrumento Gerencial.pptx
A Contabilidade Como Instrumento Gerencial.pptxA Contabilidade Como Instrumento Gerencial.pptx
A Contabilidade Como Instrumento Gerencial.pptx
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
Programação Neurolinguística – História, Competências e Pressupostos.pptx
Programação Neurolinguística – História, Competências e Pressupostos.pptxProgramação Neurolinguística – História, Competências e Pressupostos.pptx
Programação Neurolinguística – História, Competências e Pressupostos.pptx
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
DINÂMICA de GRUPO.pptx
DINÂMICA de GRUPO.pptxDINÂMICA de GRUPO.pptx
AUXILIAR DE ESCRITÓRIO.pptx
AUXILIAR DE ESCRITÓRIO.pptxAUXILIAR DE ESCRITÓRIO.pptx
DESENVOLVIMENTO PESSOAL no TRABALHO.pptx
DESENVOLVIMENTO PESSOAL no TRABALHO.pptxDESENVOLVIMENTO PESSOAL no TRABALHO.pptx
DESENVOLVIMENTO PESSOAL no TRABALHO.pptx
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
INTELIGÊNCIA de NEGÓCIOS.pptx
INTELIGÊNCIA de NEGÓCIOS.pptxINTELIGÊNCIA de NEGÓCIOS.pptx
A Controladoria Voltada a Avaliação de Desempenho nas Empresas.pptx
A Controladoria Voltada a Avaliação de Desempenho nas Empresas.pptxA Controladoria Voltada a Avaliação de Desempenho nas Empresas.pptx
A Controladoria Voltada a Avaliação de Desempenho nas Empresas.pptx
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
Psicologia Organizacional (Histórico, Conceitos e Clima)
Psicologia Organizacional (Histórico, Conceitos e Clima)Psicologia Organizacional (Histórico, Conceitos e Clima)
Psicologia Organizacional (Histórico, Conceitos e Clima)
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 

Mais de PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas (20)

Comportamento em Ambientes de Trabalho
Comportamento em Ambientes de TrabalhoComportamento em Ambientes de Trabalho
Comportamento em Ambientes de Trabalho
 
Como Utilizar o Marketing nas Redes Sociais
Como Utilizar o Marketing nas Redes SociaisComo Utilizar o Marketing nas Redes Sociais
Como Utilizar o Marketing nas Redes Sociais
 
Ambiente Empreendedor nas Corporações e a Proposta de Um Modelo de Inovação P...
Ambiente Empreendedor nas Corporações e a Proposta de Um Modelo de Inovação P...Ambiente Empreendedor nas Corporações e a Proposta de Um Modelo de Inovação P...
Ambiente Empreendedor nas Corporações e a Proposta de Um Modelo de Inovação P...
 
Postura e Imagem Profissional em Ambientes Corporativos
Postura e Imagem Profissional em Ambientes CorporativosPostura e Imagem Profissional em Ambientes Corporativos
Postura e Imagem Profissional em Ambientes Corporativos
 
Psicologia do Trabalho (Uma Introdução ao Estudo do Comportamento e da Person...
Psicologia do Trabalho (Uma Introdução ao Estudo do Comportamento e da Person...Psicologia do Trabalho (Uma Introdução ao Estudo do Comportamento e da Person...
Psicologia do Trabalho (Uma Introdução ao Estudo do Comportamento e da Person...
 
O Processo de Transporte de Cargas.pptx
O Processo de Transporte de Cargas.pptxO Processo de Transporte de Cargas.pptx
O Processo de Transporte de Cargas.pptx
 
Conceitos, Evolução e Processos Logísticos.pptx
Conceitos, Evolução e Processos Logísticos.pptxConceitos, Evolução e Processos Logísticos.pptx
Conceitos, Evolução e Processos Logísticos.pptx
 
A Criatividade Como Estratégia Competitiva Nas Organizacões
A Criatividade Como Estratégia Competitiva Nas OrganizacõesA Criatividade Como Estratégia Competitiva Nas Organizacões
A Criatividade Como Estratégia Competitiva Nas Organizacões
 
A Ciência Política e as Implicações Filosóficas, Sociológicas e Jurídicas no ...
A Ciência Política e as Implicações Filosóficas, Sociológicas e Jurídicas no ...A Ciência Política e as Implicações Filosóficas, Sociológicas e Jurídicas no ...
A Ciência Política e as Implicações Filosóficas, Sociológicas e Jurídicas no ...
 
Técnicas de Relacionamentos Interpessoais.pptx
Técnicas de Relacionamentos Interpessoais.pptxTécnicas de Relacionamentos Interpessoais.pptx
Técnicas de Relacionamentos Interpessoais.pptx
 
A Identidade Visual na Criação de Uma Marca.pptx
A Identidade Visual na Criação de Uma Marca.pptxA Identidade Visual na Criação de Uma Marca.pptx
A Identidade Visual na Criação de Uma Marca.pptx
 
Gestão Financeira Para Pequenas Empresas.pptx
Gestão Financeira Para Pequenas Empresas.pptxGestão Financeira Para Pequenas Empresas.pptx
Gestão Financeira Para Pequenas Empresas.pptx
 
A Contabilidade Como Instrumento Gerencial.pptx
A Contabilidade Como Instrumento Gerencial.pptxA Contabilidade Como Instrumento Gerencial.pptx
A Contabilidade Como Instrumento Gerencial.pptx
 
Programação Neurolinguística – História, Competências e Pressupostos.pptx
Programação Neurolinguística – História, Competências e Pressupostos.pptxProgramação Neurolinguística – História, Competências e Pressupostos.pptx
Programação Neurolinguística – História, Competências e Pressupostos.pptx
 
DINÂMICA de GRUPO.pptx
DINÂMICA de GRUPO.pptxDINÂMICA de GRUPO.pptx
DINÂMICA de GRUPO.pptx
 
AUXILIAR DE ESCRITÓRIO.pptx
AUXILIAR DE ESCRITÓRIO.pptxAUXILIAR DE ESCRITÓRIO.pptx
AUXILIAR DE ESCRITÓRIO.pptx
 
DESENVOLVIMENTO PESSOAL no TRABALHO.pptx
DESENVOLVIMENTO PESSOAL no TRABALHO.pptxDESENVOLVIMENTO PESSOAL no TRABALHO.pptx
DESENVOLVIMENTO PESSOAL no TRABALHO.pptx
 
INTELIGÊNCIA de NEGÓCIOS.pptx
INTELIGÊNCIA de NEGÓCIOS.pptxINTELIGÊNCIA de NEGÓCIOS.pptx
INTELIGÊNCIA de NEGÓCIOS.pptx
 
A Controladoria Voltada a Avaliação de Desempenho nas Empresas.pptx
A Controladoria Voltada a Avaliação de Desempenho nas Empresas.pptxA Controladoria Voltada a Avaliação de Desempenho nas Empresas.pptx
A Controladoria Voltada a Avaliação de Desempenho nas Empresas.pptx
 
Psicologia Organizacional (Histórico, Conceitos e Clima)
Psicologia Organizacional (Histórico, Conceitos e Clima)Psicologia Organizacional (Histórico, Conceitos e Clima)
Psicologia Organizacional (Histórico, Conceitos e Clima)
 

(4) como orientar novos funcionários

  • 1. COMO ORIENTARCOMO ORIENTAR NOVOSNOVOS FUNCIONÁRIOSFUNCIONÁRIOS Aprenda Técnicas ParaAprenda Técnicas Para Estimular os NovosEstimular os Novos Funcionários a SeFuncionários a Se IntegraremIntegrarem Rapidamente àRapidamente à OrganizaçãoOrganização
  • 2. Uma Empresa – deUma Empresa – de Qualquer Tamanho –Qualquer Tamanho – Sustenta-se Sobre a SuaSustenta-se Sobre a Sua Principal Pilastra:Principal Pilastra: Seus FuncionáriosSeus Funcionários Sendo Assim, é MuitoSendo Assim, é Muito Importante Mantê-losImportante Mantê-los Estimulados e MotivadosEstimulados e Motivados a Alcançarem osa Alcançarem os Objetivos EmpresariaisObjetivos Empresariais Eles Precisam se Sentir Reconhecidos,Eles Precisam se Sentir Reconhecidos, Valorizados e Com Oportunidade deValorizados e Com Oportunidade de CrescimentoCrescimento
  • 3. Portanto, Lembre-se QuePortanto, Lembre-se Que Você Está Lidando ComVocê Está Lidando Com Pessoas, Onde Estão emPessoas, Onde Estão em JogoJogo EmoçõesEmoções Que NãoQue Não Devem Ser DesprezadasDevem Ser Desprezadas e, na Verdade, Elase, na Verdade, Elas Devem Ser AproveitadasDevem Ser Aproveitadas Sendo Assim, Você DeveSendo Assim, Você Deve Primeiramente PrepararPrimeiramente Preparar os Novos Funcionários,os Novos Funcionários, Para Que Eles Possam –Para Que Eles Possam – no Menor Tempo Possívelno Menor Tempo Possível – Dar o “Retorno”– Dar o “Retorno”
  • 4. Após Integrados àApós Integrados à Estrutura é NecessárioEstrutura é Necessário Avaliá-los, a Fim deAvaliá-los, a Fim de Identificar SuasIdentificar Suas PotencialidadesPotencialidades e Aplicá-e Aplicá- las em Benefício dalas em Benefício da EmpresaEmpresa . Em seguida, Você DeveEm seguida, Você Deve Direcioná-los Para QueDirecioná-los Para Que Atuem de FormaAtuem de Forma Conveniente (Para Eles eConveniente (Para Eles e Para a Organização). E,Para a Organização). E, Por Fim, Estimulá-los aPor Fim, Estimulá-los a Continuarem seContinuarem se AperfeiçoandoAperfeiçoando
  • 5. ORIENTANDO COM EFICÁCIA Um Novo Funcionário NormalmenteUm Novo Funcionário Normalmente Leva Algum Tempo Para seLeva Algum Tempo Para se Ambientar à Organização, NãoAmbientar à Organização, Não Sabendo Exatamente Onde VaiSabendo Exatamente Onde Vai Trabalhar e o Que Ele FaráTrabalhar e o Que Ele Fará Ele Ainda Não Conhece SeusEle Ainda Não Conhece Seus Colegas, os Costumes e asColegas, os Costumes e as Características da OrganizaçãoCaracterísticas da Organização Portanto, Fazer Com Que Ele se Sinta à Vontade Não é Apenas Uma Questão de Educação, é Também Uma Questão Estratégica
  • 6. O “Processo” da Orientação: Comunicar os “Valores” da EmpresaComunicar os “Valores” da Empresa Todo Funcionário GostaTodo Funcionário Gosta de Se Sentir Parte Dela,de Se Sentir Parte Dela, Pois Com Isso, Ele SePois Com Isso, Ele Se Sente Estimulado aSente Estimulado a Colaborar, a Lutar PorColaborar, a Lutar Por Objetivos Que TambémObjetivos Que Também São Seus. Portanto,São Seus. Portanto, Conhecer a Cultura daConhecer a Cultura da Organização, SuasOrganização, Suas Tradições e Sua História,Tradições e Sua História, Leva-o a se Sentir MaisLeva-o a se Sentir Mais
  • 7. Criar Um Modelo deCriar Um Modelo de ComportamentoComportamentoAs Empresas São Conhecidas Pela Forma deAs Empresas São Conhecidas Pela Forma de Atuarem, de Realizarem o Seu Trabalho, aAtuarem, de Realizarem o Seu Trabalho, a Qualidade de Seus Produtos, a Forma ComoQualidade de Seus Produtos, a Forma Como Lidam Com Seus Clientes e FornecedoresLidam Com Seus Clientes e Fornecedores Dessa Forma, é PrecisoDessa Forma, é Preciso Que o Novo FuncionárioQue o Novo Funcionário Saiba o Que se EsperaSaiba o Que se Espera Dele em Termos deDele em Termos de Atitude Profissional,Atitude Profissional, Para Que se EnquadrePara Que se Enquadre aos Padrões deaos Padrões de Qualidade JáQualidade Já Conquistados e Atue deConquistados e Atue de AcordoAcordo
  • 8. Tornar a Adaptação Mais Rápida Ao Conhecer as Pessoas Com as QuaisAo Conhecer as Pessoas Com as Quais Compartilhará os Dias de Trabalho, o NovoCompartilhará os Dias de Trabalho, o Novo Funcionário se Sente Mais SeguroFuncionário se Sente Mais Seguro .. É Importante Que Tenha LocalÉ Importante Que Tenha Local Previamente Preparado Para Ele ePreviamente Preparado Para Ele e Alguma Atividade, a Qual PossaAlguma Atividade, a Qual Possa Realizar ImediatamenteRealizar Imediatamente Assim, Ele Vai se Sentir Valorizado e Imediatamente Poderá Contribuir Para a Organização
  • 9. AUMENTAR O APROVEITAMENTO DOAUMENTAR O APROVEITAMENTO DO TEMPOTEMPO Fornecer InformaçõesFornecer Informações Concretas – Tais Como oConcretas – Tais Como o Procedimento Para ConseguirProcedimento Para Conseguir Material de Trabalho, a QuemMaterial de Trabalho, a Quem Recorrer se Tiver Dúvidas,Recorrer se Tiver Dúvidas, Como Usufruir dos BenefíciosComo Usufruir dos Benefícios da Organização, Como eda Organização, Como e Quando Receber o Salário eQuando Receber o Salário e Coisas do Gênero –Coisas do Gênero – Diminuem a AnsiedadeDiminuem a Ansiedade Própria das Novas CondiçõesPrópria das Novas Condições de Trabalho e Evitam Que Elede Trabalho e Evitam Que Ele Perca Tempo ProdutivoPerca Tempo Produtivo Tentando Descobri-lasTentando Descobri-las
  • 10. Integrar o Funcionário à Empresa Novos Funcionários Podem Ter BonsNovos Funcionários Podem Ter Bons Conhecimentos Teóricos, Mas Podem Deixar aConhecimentos Teóricos, Mas Podem Deixar a Desejar na PráticaDesejar na Prática Sendo Assim, Eles Precisam deSendo Assim, Eles Precisam de Orientação Específica Sobre o QueOrientação Específica Sobre o Que e Como Fazere Como Fazer Os Mais Antigos, Vindos de OutrasOs Mais Antigos, Vindos de Outras Empresas, Trarão Consigo Alguns VíciosEmpresas, Trarão Consigo Alguns Vícios Que Podem Conflitar Com a OrganizaçãoQue Podem Conflitar Com a Organização Mas Eles Também Trazem BoaMas Eles Também Trazem Boa Bagagem e, Certamente, IssoBagagem e, Certamente, Isso Deve Ser Aproveitado PelaDeve Ser Aproveitado Pela LiderançaLiderança