SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 25
Alysson Ramos Artuso
 Livro como artefato da cultura escolar
 Contexto do PNLD/PNLEM
 Crescimento no número de pesquisas sobre o
papel do livro didático
 Falta de pesquisas sobre livros didáticos
 Falta de pesquisas quantitativas
 Parte de um projeto maior
 Pesquisa em andamento
 Identificar a frequência de uso do livro
didático pelos alunos em sala de aula
 Analisar os usos que o livro didático assume
na sala de aula
 Compreender a importância do livro didático
para a preparação da aula do professor
 “Os grandes levantamentos, apesar de sua
natureza quantitativa, não podem prescindir
de estreita articulação com a pesquisa
qualitativa. Parte da definição do que deve ser
medido e de quais fatores são importantes
em avaliação educacional advém de
conhecimento gerado a partir de estudos
qualitativos” (SZTAJN, BONAMINO e FRANCO;
2003).
 BAGANHA, Denise E,; GARCIA, Nilson M.D.
Estudos sobre o uso e o papel do livro
didático de ciências no ensino fundamental,
2009.
 CARNEIRO, Maria H. S.; SANTOS, Wildson L.
P.; MÓL, G. S. Livro didático inovador e
professores... 2005
 CHOPPIN, Alain. História dos livros e das
edições didáticas... 2004.
 GARCIA, Tânia M. F. B. Relações de
professores e alunos com os livros didáticos
de Física, 2009.
 GARCIA, Tânia M. F. B.; GARCIA, Nilson M. D.;
PIVOVAR, Luiz E. O uso do livro didático de
Física: estudo sobre a relação dos professores
com as orientações metodológicas, 2007.
 SILVA, Eder F.; GARCIA, Tânia M. F. B. O livro
didático de física e seu uso nas aulas... 2010.
 WUO, Wagner. O ensino de física: saber
científico, livro e prática docente, 2002.
 Survey
 Articulado a estudos qualitativos anteriores
 Piloto
 145 professores
 Estatística descritiva
 Inferência estatística (α = 5%)
◦ Teste de Mann-Whitney
◦ Teste de Kruskal-Wallis
 Categorias:
◦ Formação
◦ Sexo
◦ Atuação na rede
pública/privada
◦ Região
◦ Capital/Interior
◦ Anos de magistério
◦ Iniciante não iniciante
 Usos do livro para o
professor:
◦ Para própria
aprendizagem
◦ LA para preparação de
aulas
◦ MP para preparação
de aulas
 Frequência de uso do livro pelos alunos
 Usos do livro em sala de aula:
◦ Passar tarefa
◦ Fazer exercícios
◦ Fazer experimentos, debates, pesquisas, atividades
em grupo
◦ Para o professor seguir a sequência de conteúdo
◦ Para os alunos acompanharem as explicações
◦ Para os alunos não copiarem do quadro
◦ Para lerem durante a aula
77%
23%
Sexo
Masculin
o
39%
44%
17%
Atuação em escola
Pública
Particular
Ambas
23%
59%
4%
10%
3%
Região
59%
41%
Cidade
Capital
Interior
33%
67%
Iniciante
≤ 5 anos
> 5 anos
48
29 28
40
0-6 anos 6-12 anos 12-18 anos + 18 anos
Anos de magistério
0 20 40 60 80 100
Não formado
Graduado em outra área
Licenciatura curta em Física
Licenciado em Física
Licenciado e bacharel em Física
Bacharel em Física
Pós-graduado em…
Mestre em Educação/Ensino
Doutor em Educação/Ensino
Formação
Média 12,6 anos
Nunca (0%) Sempre (100%)
LA (72%) 7 10 33 36 59
PA (56%) 20 29 34 20 42
MP (41%) 37 39 30 15 24
0
10
20
30
40
50
60
70
Frequência de uso pelo professor
 Resultados estatisticamente significativos:
◦ O principal uso é a consulta do livro-texto para a
preparação de aulas
◦ O uso menos frequente é o da consulta do manual
do professor para a preparação de aulas
0
10
20
30
40
50
60
Nunca (0%) Sempre
(100%)
Com que frequência os alunos
usam o livro de física em sala
de aula? (68%)
0
10
20
30
40
50
60
70
80
Nunca (0%) Sempre (100%)
Com que frequência o livro é utilizado para
Exercícios em sala (73%)
Tarefa de casa (71%)
Ensinar na sequência
(66%)
Alunos lerem (58%)
Acompanharem (51%)
Outras atividades (48%)
Não copiarem (34%)
 Resultados estatisticamente significativos:
◦ Grupo 1: exercícios em sala (73%), tarefas de casa
(71%), ensinar na sequência (66%)
◦ Grupo 2: alunos lerem (58%), acompanharem pelo
livro (51%)
◦ Grupo 3: outras atividades (48%), não copiarem
(34%)
 Formação: sem diferença significativa
 Sexo: uso do manual para preparar aula;
outras atividades
 Atuação na rede público/privada: frequência
de tarefas para casa; exercícios em sala
 Região: sem diferença significativa
 Capital/Interior: livro-texto para preparar
aula
 Anos de magistério: sem diferença
significativa
 Iniciante ou não: sem diferença significativa
 Professoras mulheres
◦ Usam o manual do professor para preparar aulas
com mais frequência do que homens
◦ Realizam experimentos, pesquisas, debates e
atividades em grupo com mais frequência do que
homens
53.8%
58.7%
37.7%
45.0%
Usam MP para
preparar aulas
Realizam outras
atividades
Frequência com que
Mulheres
Homens
 Professores que atuam na rede privada
◦ passam tarefa para casa com mais frequência do
que os que atuam na rede pública ou em ambas
◦ fazem exercícios em sala com mais frequência do
que os que atuam na rede pública ou em ambas
78.0%
67.3% 69.5%
81.1%
66.8%
76.5%
Particular Pública Ambas
Frequência com que
Passa
tarefa
Faz
exercícios
 Professores que atuam no interior
◦ Usam o livro-texto para preparar aulas com mais
frequência do que os que atuam na capital
64.3%
80.5%
o livro-texto de física é utilizado para
preparar a aula
Frequência com que
Capital
Interior
 As situações do livro podem ser elementos
problematizadores. O uso dos exercícios para fixação é
bem vinda. Os exemplos explorados no livro também são
abordados em sala. Como os alunos não costumas trazer
o livro para a escola, repasso atividades usando o material
para que sejam feitas em casa e corrigidas na sala de aula.
 O livro é basicamente utilizado para a realização de
exercícios. Quando surge alguma dúvida recorro ao texto
para que o aluno tenha alguma fonte para tentar
responder as questões.
 Apenas na hora de fazer os exercícios. A teoria eu sigo
com os títulos dos capítulos do livro, mas o conteúdo é de
meu próprio jeito de ensinar
 Faço a conexão do livro didático com outros suportes
didáticos como mapas conceituais, filmes, notícias de
revistas e jornais, experimentos, etc. [...] O que está
no livro geralmente não exponho no quadro. No
quadro dou outros exemplos, exercícios e conceitos
que não estão no livro.
 Exponho o contexto histórico em que a teoria física
se desenvolve, evoluindo com seus impactos na
sociedade até os dias de hoje. Depois invisto no fazer
técnico do tópico abordado, destacando o uso da
ferramenta, finalizando com alguns exemplos. Uso o
livro apenas para exercícios. Não faço sua leitura em
sala, mas alerto para os erros que o mesmo
apresenta em cada tópico.
 Mais respostas, especialmente de(o):
◦ Centro-Oeste e Norte
◦ Não formados, doutores e licenciatura curta
 Emprego de mais técnicas estatísticas
 Análise dos dados por mais teorias
 Análise de outros pontos do questionário – o que um
professor julga interessante num livro didático
 Análise do questionário dos alunos (327 respostas)
 Análise cruzada
http://bit.ly/pprof11
http://bit.ly/alunos2011
 Uso mais difundido do livro didático se dá para
se resolver exercícios em sala e passar tarefas
para casa
 Como fonte de outras atividades
(debates, pesquisas, experimentos ou atividades
em grupo) e para servirem de alternativa à cópia
da matéria do quadro pelo aluno são ações
raras, tomadas com frequência por menos da
metade dos professores.
 Manual do professor só é consultado
frequentemente com essa intenção por 27% dos
docentes.
 Não foram observadas diferenças
estatisticamente significativas do uso do livro
didático em razão da atuação do professor em
escola pública ou particular, dois casos de
exceção foram a frequência com que se passa
tarefa para casa e se faz exercícios em
aula, maiores na escola particular.
 Sem diferenças significativas quanto à
formação, região, anos de magistério e iniciante
ou não
alysson.artuso@gmail.com

Mais conteúdo relacionado

Destaque (7)

Educação física 1ºperiodo (atletismo - 4 exercícios)
Educação física   1ºperiodo (atletismo - 4 exercícios)Educação física   1ºperiodo (atletismo - 4 exercícios)
Educação física 1ºperiodo (atletismo - 4 exercícios)
 
Ed fisica 5ª série vol 1
Ed fisica 5ª série vol 1Ed fisica 5ª série vol 1
Ed fisica 5ª série vol 1
 
Pnaic caderno 4
Pnaic caderno 4Pnaic caderno 4
Pnaic caderno 4
 
Aula de educação fisica
Aula de educação fisicaAula de educação fisica
Aula de educação fisica
 
Slide história da educação física-blog
Slide história da educação física-blogSlide história da educação física-blog
Slide história da educação física-blog
 
Conteúdos das aulas de educação física
Conteúdos das aulas de educação físicaConteúdos das aulas de educação física
Conteúdos das aulas de educação física
 
Conteúdos de educação física
Conteúdos de educação físicaConteúdos de educação física
Conteúdos de educação física
 

Semelhante a 2012 - Iartem - usos do livro didatico de física segundo professores

Apresentação rondinelle
Apresentação rondinelleApresentação rondinelle
Apresentação rondinelle
familiaestagio
 
Conhecimento didatico-a-base-da-sala-de-aulapdf
Conhecimento didatico-a-base-da-sala-de-aulapdfConhecimento didatico-a-base-da-sala-de-aulapdf
Conhecimento didatico-a-base-da-sala-de-aulapdf
IagoNieri
 
Instrumentos
InstrumentosInstrumentos
Instrumentos
aegm2013
 
Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)
Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)
Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)
Adriana Sales Zardini
 
Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)
Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)
Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)
Adriana Sales Zardini
 
Eneq avaliação de curso concluintes
Eneq  avaliação de curso concluintesEneq  avaliação de curso concluintes
Eneq avaliação de curso concluintes
Romulo Coco
 
Ativ 7-2 projetodeportugues
Ativ 7-2 projetodeportuguesAtiv 7-2 projetodeportugues
Ativ 7-2 projetodeportugues
Elisazucoloto
 
Apresentação questionário final
Apresentação questionário finalApresentação questionário final
Apresentação questionário final
kecasoares
 

Semelhante a 2012 - Iartem - usos do livro didatico de física segundo professores (20)

2013 - ENPEC - Usos do livro didático de física segundo alunos
2013 - ENPEC - Usos do livro didático de física segundo alunos2013 - ENPEC - Usos do livro didático de física segundo alunos
2013 - ENPEC - Usos do livro didático de física segundo alunos
 
Apresentação rondinelle
Apresentação rondinelleApresentação rondinelle
Apresentação rondinelle
 
Conhecimento didatico-a-base-da-sala-de-aulapdf
Conhecimento didatico-a-base-da-sala-de-aulapdfConhecimento didatico-a-base-da-sala-de-aulapdf
Conhecimento didatico-a-base-da-sala-de-aulapdf
 
O professor reflexivo (em parceria com Cristiane Oliveira, Kátia Henriques, L...
O professor reflexivo (em parceria com Cristiane Oliveira, Kátia Henriques, L...O professor reflexivo (em parceria com Cristiane Oliveira, Kátia Henriques, L...
O professor reflexivo (em parceria com Cristiane Oliveira, Kátia Henriques, L...
 
O Professor Reflexivo
O Professor ReflexivoO Professor Reflexivo
O Professor Reflexivo
 
Metodologia de Ensino-Aprendizagem pela Pesquisa.
Metodologia de Ensino-Aprendizagem pela Pesquisa.Metodologia de Ensino-Aprendizagem pela Pesquisa.
Metodologia de Ensino-Aprendizagem pela Pesquisa.
 
PROFESSOR-LEITOR, COMPREENSÃO LEITORA E AVALIAÇÃO DA LEITURA:​ Indicativos da...
PROFESSOR-LEITOR, COMPREENSÃO LEITORA E AVALIAÇÃO DA LEITURA:​ Indicativos da...PROFESSOR-LEITOR, COMPREENSÃO LEITORA E AVALIAÇÃO DA LEITURA:​ Indicativos da...
PROFESSOR-LEITOR, COMPREENSÃO LEITORA E AVALIAÇÃO DA LEITURA:​ Indicativos da...
 
Professor, o que fazer quando os alunos não demonstram interesse de ler e esc...
Professor, o que fazer quando os alunos não demonstram interesse de ler e esc...Professor, o que fazer quando os alunos não demonstram interesse de ler e esc...
Professor, o que fazer quando os alunos não demonstram interesse de ler e esc...
 
Sandra Márcia Giaretta.pdf é sobre história
Sandra Márcia Giaretta.pdf é sobre históriaSandra Márcia Giaretta.pdf é sobre história
Sandra Márcia Giaretta.pdf é sobre história
 
Apresentação metodologia da pesquisa
Apresentação   metodologia da pesquisaApresentação   metodologia da pesquisa
Apresentação metodologia da pesquisa
 
Instrumentos
InstrumentosInstrumentos
Instrumentos
 
Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)
Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)
Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)
 
Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)
Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)
Tarefa 9 – metodologias de pesquisa (levantamento)
 
ENSINO DE LÍNGUA INGLESA PARA JOVENS E ADULTOS NA ESCOLA PÚBLICA: DESAFIOS PA...
ENSINO DE LÍNGUA INGLESA PARA JOVENS E ADULTOS NA ESCOLA PÚBLICA: DESAFIOS PA...ENSINO DE LÍNGUA INGLESA PARA JOVENS E ADULTOS NA ESCOLA PÚBLICA: DESAFIOS PA...
ENSINO DE LÍNGUA INGLESA PARA JOVENS E ADULTOS NA ESCOLA PÚBLICA: DESAFIOS PA...
 
Eneq avaliação de curso concluintes
Eneq  avaliação de curso concluintesEneq  avaliação de curso concluintes
Eneq avaliação de curso concluintes
 
Inovações no ensino das Dimensões Psicossociais da Escola na formação de Peda...
Inovações no ensino das Dimensões Psicossociais da Escola na formação de Peda...Inovações no ensino das Dimensões Psicossociais da Escola na formação de Peda...
Inovações no ensino das Dimensões Psicossociais da Escola na formação de Peda...
 
Ativ 7-2 projetodeportugues
Ativ 7-2 projetodeportuguesAtiv 7-2 projetodeportugues
Ativ 7-2 projetodeportugues
 
guia-de-disciplina-de-pratica-pedagogica-geral.pdf
guia-de-disciplina-de-pratica-pedagogica-geral.pdfguia-de-disciplina-de-pratica-pedagogica-geral.pdf
guia-de-disciplina-de-pratica-pedagogica-geral.pdf
 
Apresentação questionário final
Apresentação questionário finalApresentação questionário final
Apresentação questionário final
 
Castella 2009 tese
Castella 2009 teseCastella 2009 tese
Castella 2009 tese
 

Mais de Alysson Ramos Artuso

Mais de Alysson Ramos Artuso (16)

2016 - Produção de materiais didáticos - exemplos de física
2016 - Produção de materiais didáticos - exemplos de física2016 - Produção de materiais didáticos - exemplos de física
2016 - Produção de materiais didáticos - exemplos de física
 
2016 - Seminário UFPR - Livro didático - uma visão do autor e do editor
2016 - Seminário UFPR - Livro didático - uma visão do autor e do editor2016 - Seminário UFPR - Livro didático - uma visão do autor e do editor
2016 - Seminário UFPR - Livro didático - uma visão do autor e do editor
 
2015 - Semana de Física da UFU - Produção de materiais didáticos
2015 - Semana de Física da UFU - Produção de materiais didáticos2015 - Semana de Física da UFU - Produção de materiais didáticos
2015 - Semana de Física da UFU - Produção de materiais didáticos
 
2015 - SNEF - A dinâmica de aula e sua relação com o livro didático de física...
2015 - SNEF - A dinâmica de aula e sua relação com o livro didático de física...2015 - SNEF - A dinâmica de aula e sua relação com o livro didático de física...
2015 - SNEF - A dinâmica de aula e sua relação com o livro didático de física...
 
2014 - Minicurso ministrado na UFTM - Inovação, a escola do século xxi e o li...
2014 - Minicurso ministrado na UFTM - Inovação, a escola do século xxi e o li...2014 - Minicurso ministrado na UFTM - Inovação, a escola do século xxi e o li...
2014 - Minicurso ministrado na UFTM - Inovação, a escola do século xxi e o li...
 
2013 - Seminário graduação UFPR - mundo editorial para um físico
2013 - Seminário graduação UFPR - mundo editorial para um físico2013 - Seminário graduação UFPR - mundo editorial para um físico
2013 - Seminário graduação UFPR - mundo editorial para um físico
 
2013 - Canadian English Centre - The role of the textbook
2013 - Canadian English Centre - The role of the textbook2013 - Canadian English Centre - The role of the textbook
2013 - Canadian English Centre - The role of the textbook
 
2013 - Canadian English Centre - Digital textbooks
2013 - Canadian English Centre - Digital textbooks2013 - Canadian English Centre - Digital textbooks
2013 - Canadian English Centre - Digital textbooks
 
2012 - Tese - Análise multivariada e filtros de graham
2012 - Tese - Análise multivariada e filtros de graham2012 - Tese - Análise multivariada e filtros de graham
2012 - Tese - Análise multivariada e filtros de graham
 
2009 - Seminário pós-graduação UFPR - Modelo black & scholes
2009 - Seminário pós-graduação UFPR - Modelo black & scholes2009 - Seminário pós-graduação UFPR - Modelo black & scholes
2009 - Seminário pós-graduação UFPR - Modelo black & scholes
 
2009 - Seminário pós-graduação UFPR - Arch e garch
2009 - Seminário pós-graduação UFPR - Arch e garch2009 - Seminário pós-graduação UFPR - Arch e garch
2009 - Seminário pós-graduação UFPR - Arch e garch
 
2009 - Semana de estatística UFPR - A estatística e o mercado de ações
2009 - Semana de estatística UFPR - A estatística e o mercado de ações2009 - Semana de estatística UFPR - A estatística e o mercado de ações
2009 - Semana de estatística UFPR - A estatística e o mercado de ações
 
2008 - SBPO - Filtros de Graham aplicados ao mercado acionário brasileiro
2008 - SBPO - Filtros de Graham aplicados ao mercado acionário brasileiro2008 - SBPO - Filtros de Graham aplicados ao mercado acionário brasileiro
2008 - SBPO - Filtros de Graham aplicados ao mercado acionário brasileiro
 
2008 - Semana acadêmica UFPR - Internet e ensino de física
2008 - Semana acadêmica UFPR - Internet e ensino de física2008 - Semana acadêmica UFPR - Internet e ensino de física
2008 - Semana acadêmica UFPR - Internet e ensino de física
 
2007 - Virtual Educa - Internet e o ensino de física
2007 - Virtual Educa - Internet e o ensino de física2007 - Virtual Educa - Internet e o ensino de física
2007 - Virtual Educa - Internet e o ensino de física
 
2014 - Seminário pós-graduação UTFPR - Tecnologias, livro didático e a escola...
2014 - Seminário pós-graduação UTFPR - Tecnologias, livro didático e a escola...2014 - Seminário pós-graduação UTFPR - Tecnologias, livro didático e a escola...
2014 - Seminário pós-graduação UTFPR - Tecnologias, livro didático e a escola...
 

Último

1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
aulasgege
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
profbrunogeo95
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
GisellySobral
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Eró Cunha
 

Último (20)

1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.pptAs teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 

2012 - Iartem - usos do livro didatico de física segundo professores

  • 2.  Livro como artefato da cultura escolar  Contexto do PNLD/PNLEM  Crescimento no número de pesquisas sobre o papel do livro didático
  • 3.  Falta de pesquisas sobre livros didáticos  Falta de pesquisas quantitativas  Parte de um projeto maior  Pesquisa em andamento
  • 4.  Identificar a frequência de uso do livro didático pelos alunos em sala de aula  Analisar os usos que o livro didático assume na sala de aula  Compreender a importância do livro didático para a preparação da aula do professor
  • 5.  “Os grandes levantamentos, apesar de sua natureza quantitativa, não podem prescindir de estreita articulação com a pesquisa qualitativa. Parte da definição do que deve ser medido e de quais fatores são importantes em avaliação educacional advém de conhecimento gerado a partir de estudos qualitativos” (SZTAJN, BONAMINO e FRANCO; 2003).
  • 6.  BAGANHA, Denise E,; GARCIA, Nilson M.D. Estudos sobre o uso e o papel do livro didático de ciências no ensino fundamental, 2009.  CARNEIRO, Maria H. S.; SANTOS, Wildson L. P.; MÓL, G. S. Livro didático inovador e professores... 2005  CHOPPIN, Alain. História dos livros e das edições didáticas... 2004.
  • 7.  GARCIA, Tânia M. F. B. Relações de professores e alunos com os livros didáticos de Física, 2009.  GARCIA, Tânia M. F. B.; GARCIA, Nilson M. D.; PIVOVAR, Luiz E. O uso do livro didático de Física: estudo sobre a relação dos professores com as orientações metodológicas, 2007.  SILVA, Eder F.; GARCIA, Tânia M. F. B. O livro didático de física e seu uso nas aulas... 2010.  WUO, Wagner. O ensino de física: saber científico, livro e prática docente, 2002.
  • 8.  Survey  Articulado a estudos qualitativos anteriores  Piloto  145 professores  Estatística descritiva  Inferência estatística (α = 5%) ◦ Teste de Mann-Whitney ◦ Teste de Kruskal-Wallis
  • 9.  Categorias: ◦ Formação ◦ Sexo ◦ Atuação na rede pública/privada ◦ Região ◦ Capital/Interior ◦ Anos de magistério ◦ Iniciante não iniciante  Usos do livro para o professor: ◦ Para própria aprendizagem ◦ LA para preparação de aulas ◦ MP para preparação de aulas
  • 10.  Frequência de uso do livro pelos alunos  Usos do livro em sala de aula: ◦ Passar tarefa ◦ Fazer exercícios ◦ Fazer experimentos, debates, pesquisas, atividades em grupo ◦ Para o professor seguir a sequência de conteúdo ◦ Para os alunos acompanharem as explicações ◦ Para os alunos não copiarem do quadro ◦ Para lerem durante a aula
  • 12. 33% 67% Iniciante ≤ 5 anos > 5 anos 48 29 28 40 0-6 anos 6-12 anos 12-18 anos + 18 anos Anos de magistério 0 20 40 60 80 100 Não formado Graduado em outra área Licenciatura curta em Física Licenciado em Física Licenciado e bacharel em Física Bacharel em Física Pós-graduado em… Mestre em Educação/Ensino Doutor em Educação/Ensino Formação Média 12,6 anos
  • 13. Nunca (0%) Sempre (100%) LA (72%) 7 10 33 36 59 PA (56%) 20 29 34 20 42 MP (41%) 37 39 30 15 24 0 10 20 30 40 50 60 70 Frequência de uso pelo professor
  • 14.  Resultados estatisticamente significativos: ◦ O principal uso é a consulta do livro-texto para a preparação de aulas ◦ O uso menos frequente é o da consulta do manual do professor para a preparação de aulas 0 10 20 30 40 50 60 Nunca (0%) Sempre (100%) Com que frequência os alunos usam o livro de física em sala de aula? (68%)
  • 15. 0 10 20 30 40 50 60 70 80 Nunca (0%) Sempre (100%) Com que frequência o livro é utilizado para Exercícios em sala (73%) Tarefa de casa (71%) Ensinar na sequência (66%) Alunos lerem (58%) Acompanharem (51%) Outras atividades (48%) Não copiarem (34%)
  • 16.  Resultados estatisticamente significativos: ◦ Grupo 1: exercícios em sala (73%), tarefas de casa (71%), ensinar na sequência (66%) ◦ Grupo 2: alunos lerem (58%), acompanharem pelo livro (51%) ◦ Grupo 3: outras atividades (48%), não copiarem (34%)
  • 17.  Formação: sem diferença significativa  Sexo: uso do manual para preparar aula; outras atividades  Atuação na rede público/privada: frequência de tarefas para casa; exercícios em sala  Região: sem diferença significativa  Capital/Interior: livro-texto para preparar aula  Anos de magistério: sem diferença significativa  Iniciante ou não: sem diferença significativa
  • 18.  Professoras mulheres ◦ Usam o manual do professor para preparar aulas com mais frequência do que homens ◦ Realizam experimentos, pesquisas, debates e atividades em grupo com mais frequência do que homens 53.8% 58.7% 37.7% 45.0% Usam MP para preparar aulas Realizam outras atividades Frequência com que Mulheres Homens
  • 19.  Professores que atuam na rede privada ◦ passam tarefa para casa com mais frequência do que os que atuam na rede pública ou em ambas ◦ fazem exercícios em sala com mais frequência do que os que atuam na rede pública ou em ambas 78.0% 67.3% 69.5% 81.1% 66.8% 76.5% Particular Pública Ambas Frequência com que Passa tarefa Faz exercícios
  • 20.  Professores que atuam no interior ◦ Usam o livro-texto para preparar aulas com mais frequência do que os que atuam na capital 64.3% 80.5% o livro-texto de física é utilizado para preparar a aula Frequência com que Capital Interior
  • 21.  As situações do livro podem ser elementos problematizadores. O uso dos exercícios para fixação é bem vinda. Os exemplos explorados no livro também são abordados em sala. Como os alunos não costumas trazer o livro para a escola, repasso atividades usando o material para que sejam feitas em casa e corrigidas na sala de aula.  O livro é basicamente utilizado para a realização de exercícios. Quando surge alguma dúvida recorro ao texto para que o aluno tenha alguma fonte para tentar responder as questões.  Apenas na hora de fazer os exercícios. A teoria eu sigo com os títulos dos capítulos do livro, mas o conteúdo é de meu próprio jeito de ensinar
  • 22.  Faço a conexão do livro didático com outros suportes didáticos como mapas conceituais, filmes, notícias de revistas e jornais, experimentos, etc. [...] O que está no livro geralmente não exponho no quadro. No quadro dou outros exemplos, exercícios e conceitos que não estão no livro.  Exponho o contexto histórico em que a teoria física se desenvolve, evoluindo com seus impactos na sociedade até os dias de hoje. Depois invisto no fazer técnico do tópico abordado, destacando o uso da ferramenta, finalizando com alguns exemplos. Uso o livro apenas para exercícios. Não faço sua leitura em sala, mas alerto para os erros que o mesmo apresenta em cada tópico.
  • 23.  Mais respostas, especialmente de(o): ◦ Centro-Oeste e Norte ◦ Não formados, doutores e licenciatura curta  Emprego de mais técnicas estatísticas  Análise dos dados por mais teorias  Análise de outros pontos do questionário – o que um professor julga interessante num livro didático  Análise do questionário dos alunos (327 respostas)  Análise cruzada http://bit.ly/pprof11 http://bit.ly/alunos2011
  • 24.  Uso mais difundido do livro didático se dá para se resolver exercícios em sala e passar tarefas para casa  Como fonte de outras atividades (debates, pesquisas, experimentos ou atividades em grupo) e para servirem de alternativa à cópia da matéria do quadro pelo aluno são ações raras, tomadas com frequência por menos da metade dos professores.  Manual do professor só é consultado frequentemente com essa intenção por 27% dos docentes.
  • 25.  Não foram observadas diferenças estatisticamente significativas do uso do livro didático em razão da atuação do professor em escola pública ou particular, dois casos de exceção foram a frequência com que se passa tarefa para casa e se faz exercícios em aula, maiores na escola particular.  Sem diferenças significativas quanto à formação, região, anos de magistério e iniciante ou não alysson.artuso@gmail.com