Aulas 15 - 9 Normas de Auditoria - Estrutura Conceitual de Trabalhosde Asseguração

1.021 visualizações

Publicada em

Normas de Auditoria
Estrutura Conceitual de Trabalhos de Asseguração e código de ética da profissão contábil

Publicada em: Economia e finanças
3 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.021
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
13
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
76
Comentários
3
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Itens 5 e 6
  • Aulas 15 - 9 Normas de Auditoria - Estrutura Conceitual de Trabalhosde Asseguração

    1. 1. 9. Normas de Auditoria Estrutura Conceitual de Trabalhos de Asseguração – NBC TA
    2. 2. Roteiro do nosso trabalho Estrutura Conceitual Tipos de trabalhos de Asseguração Trabalhos de Asseguração - exemplos Aceitação de um trabalho de Asseguração Elementos de um trabalho de asseguração Faculdade Maurício de Nassau 1
    3. 3. NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Escopo Estrutura Conceitual I. Define e descreve os objetivos de um trabalho de asseguração II. Identifica os trabalhos para os quais são aplicadas as normas: NBC TA, NBC TR, e as NBC TO. III. Define e descreve os elementos de um trabalho de asseguração Faculdade Maurício de Nassau 2
    4. 4. NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Tipos de trabalhos de Asseguração Faculdade Maurício de Nassau 3
    5. 5. NORMAS DE AUDITORIA – AULA AUDITORIA OPERACIONAL Tipos de trabalhos de Asseguração Faculdade Maurício de Nassau 4
    6. 6. NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Trabalhos de Asseguração - exemplos Faculdade Maurício de Nassau 5
    7. 7. Trabalhos que não representam Trabalhos de Asseguração  Trabalhos cobertos pelas normas NBC TSC NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL  Elaboração de declarações de Tributos  Trabalhos de Consultoria Faculdade Maurício de Nassau 6
    8. 8. Aceitação de um trabalho de Asseguração NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Integridade Objetividade Competência e Zelo profissional Sigilo Comportamento Profissional Independência Faculdade Maurício de Nassau 7
    9. 9. Aceitação de um trabalho de Asseguração NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Condições Preliminares Propósito racional do trabalho Relatório Escrito Acesso irrestrito às informações necessárias Critérios apropriados e disponíveis Faculdade Maurício de Nassau 8 Objeto apropriado Características do Trabalho
    10. 10. Elementos de um trabalho de asseguração NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Faculdade Maurício de Nassau 9
    11. 11. Elementos de um trabalho de asseguração NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Relacionamento entre as partes Faculdade Maurício de Nassau 10
    12. 12. Elementos de um trabalho de asseguração NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Relacionamento entre as partes Faculdade Maurício de Nassau 11
    13. 13. Elementos de um trabalho de asseguração NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Usuários Previstos Faculdade Maurício de Nassau 12
    14. 14. Elementos de um trabalho de asseguração NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Objeto Apropriado Faculdade Maurício de Nassau 13
    15. 15. Elementos de um trabalho de asseguração NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Objeto Apropriado Faculdade Maurício de Nassau 14
    16. 16. Elementos de um trabalho de asseguração NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Objeto Apropriado Qualitativa x Quantitativa Objetiva X Subjetiva Histórica X Prospectiva Data base X Período Faculdade Maurício de Nassau 15 Características do Objeto
    17. 17. Elementos de um trabalho de asseguração NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Objeto Apropriado Faculdade Maurício de Nassau 16
    18. 18. Elementos de um trabalho de asseguração Critérios Adequados Integridade atendida Inclusão de pontos de NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Critérios Adequados Avaliação ou Mensuração consistente do Objeto Relevância Completude Prática Contábil no Brasil referência Faculdade Maurício de Nassau 17
    19. 19. Elementos de um trabalho de asseguração Disponivéis para outros usuários NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Critérios Adequados Entendíveis Neutros Confiáveis Completos Faculdade Maurício de Nassau 18 Relevantes
    20. 20. Elementos de um trabalho de asseguração Risco Menor NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Evidências apropriadas e Suficientes Faculdade Maurício de Nassau 19
    21. 21. Elementos de um trabalho de asseguração O auditor deve planejar e executar a auditoria com ceticismo profissional, reconhecendo que podem existir circunstâncias que causam distorção relevante nas demonstrações contábeis (Item 15 e aplicações A18 a A22 – NBC TA 200). O auditor deve exercer julgamento profissional ao planejar e executar a auditoria de demonstrações contábeis (Item 16 aplicações A23 a A27 – NCB TA 200). NORMAS DE AUDITORIA – AULA 4 AUDITORIA OPERACIONAL Evidências apropriadas e Suficientes CETICISMO PROFISSIONAL JULGAMENTO PROFISSIONAL Faculdade Maurício de Nassau 20

    ×