SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 38
Baixar para ler offline
BEM AVENTURADOS
BEM AVENTURADOS
O objetivo da religião é conduzir
o homem a Deus; ora, o homem
não chega a Deus senão quando
esta perfeito.
Evangelho Segundo o Espiritismo, capítulo 8, item 10.
BEM AVENTURADOS
Bem-aventurados os pobres de
espírito, porque deles é o reino
dos céus;
JESUS-MATEUS: 5,3
BEM AVENTURADOS
BEM AVENTURADOS
Uma característica daquele que é
pobre de espírito é a humildade; é a
ausência de exigências ou
formalidades.
BEM AVENTURADOS
Bem-aventurados os que choram,
porque eles serão consolados;
JESUS-MATEUS: 5,4
BEM AVENTURADOS
BEM AVENTURADOS
Deus tem prazer em consolar os que
choram. O amor do Pai é o bálsamo
que cura a alma ferida. Ele ampara o
coração contrito e purifica a alma
quebrantada, até que ela se torne Sua
morada.
http://www.devocionaldiario.com.br em 08/04/2014
BEM AVENTURADOS
Entretanto, desde que se admita Deus,
não se pode concebê-lo sem o infinito
de suas perfeições.
Evangelho Segundo o Espiritismo, Bem Aventurados os Aflitos item3
BEM AVENTURADOS
Bem-aventurados os mansos,
porque eles herdarão a terra;
Jesus, Mateus, 5,5
BEM AVENTURADOS
BEM AVENTURADOS
Jesus quer nos mostrar que chegará o
momento que, no planeta Terra, somente
reencarnarão os espíritos que, ao longo de
suas experiências, passaram a vibrar na
faixa do amor, da compreensão, da
caridade, da fraternidade e da liberdade.
(1) Xavier, Francisco Cândido. Vinha de Luz, pelo Espírito
Emmanuel
BEM AVENTURADOS
Bem-aventurados os que têm
fome e sede de justiça, porque
eles serão fartos;
Jesus-Mateus: 5,6
BEM AVENTURADOS
BEM AVENTURADOS
Entretanto, desde que se admita Deus,
não se pode concebê-lo sem o infinito
das suas perfeições. Ele deve ser todo
poder, todo justiça, todo bondade, sem
o que não seria Deus. Se Deus é
soberanamente justo e bom, não pode
agir por capricho ou com parcialidade.
Evangelho Segundo o Espiritismo, Justiça das aflições, item 3, capitulo 5, Bem
aventurados os aflitos.
BEM AVENTURADOS
Bem-aventurados os
misericordiosos, porque eles
alcançarão misericórdia;
Jesus-Mateus:5,7
BEM AVENTURADOS
BEM AVENTURADOS
Significado de Misericordioso
adj. Inclinado à misericórdia; que é
compassivo, bondoso.
http://www.dicionariodoaurelio.com/Misericordioso.html
BEM AVENTURADOS
A misericórdia é complemento da
doçura; porque aquele que não é
misericordioso não saberia ser brando e
pacifico; ela consiste no esquecimento e
no perdão das ofensas
Evangelho Segundo o Espiritismo, capítulo 10, item 4.
BEM AVENTURADOS
Bem-aventurados os limpos de
coração, porque eles verão a
Deus;
Jesus-mateus:5,8
BEM AVENTURADOS
Os espíritos não podem aspirar à
felicidade perfeita senão quando
são puros; toda mancha lhes
interdita a entrada nos mundos
felizes.
Evangelho Segundo o Espiritismo, Causas anteriores das aflições, item 10,
capitulo 5, Bem aventurados os aflitos.
BEM AVENTURADOS
BEM AVENTURADOS
Como definir a pureza de coração?
A pureza do coração é inseparável da
simplicidade e da humildade; ela exclui
todo o pensamento de egoísmo e de
orgulho; foi por isso que Jesus tomou a
infância por emblema dessa pureza, como
a tomou para o da humildade.
Evangelho Segundo o Espiritismo, capitulo 8, item 3.
BEM AVENTURADOS
Bem-aventurados os
pacificadores, porque eles serão
chamados filhos de Deus;
Jesus-mateus:5,9
BEM AVENTURADOS
BEM AVENTURADOS
Deus é a paz eterna, infinita,
absoluta. Por isso, aquele que
conquistou a paz interior é
chamado filho de Deus.
http://www.febnet.org.br/wp-content/uploads/2012/08/Mod-2-Rot-1-As-bem aventurancas.pdf
BEM AVENTURADOS
Não basta, pois, ter a aparência
da pureza, é preciso antes de
tudo ter a pureza do coração.
Evangelho Segundo o Espiritismo, capitulo 8, item 10
BEM AVENTURADOS
Bem-aventurados os que sofrem
perseguição por causa da
justiça, porque deles é o reino
dos céus;
JESUS-MATEUS:5,10
BEM AVENTURADOS
BEM AVENTURADOS
SER PERSEGUIDO É SOFRER A
OPRESSÃO, MESMO ESTANDO
EM SEU DIREITO.
BEM AVENTURADOS
Bem-aventurados sois vós,
quando vos injuriarem e
perseguirem e, mentindo,
disserem todo o mal contra vós
por minha causa.
JESUS-MATEUS:5,11
BEM AVENTURADOS
BEM AVENTURADOS
Acontece, porém, que os interessados
em ofuscar a luz acendida por Jesus, são
muitos e poderosos e, como não lhes
convém seguir a lei divina, perseguem
impiedosamente os colaboradores
sinceros do Mestre.
http://vlat1957aede.blogspot.com.br/2011/05/bem-aventurados-sois-vos-quando-vos.html
BEM AVENTURADOS
Exultai e alegrai-vos, porque é
grande o vosso galardão nos
céus; porque assim perseguiram
os profetas que foram antes de
vós.
Jesus, Mateus: 5,12
BEM AVENTURADOS
“ Com o Evangelho explicado à
luz do espiritismo, a moral de
Jesus atingirá sua finalidade, que
é rejuvenescer os homens
velhos,...
BEM AVENTURADOS
“ ... que aqui nascerão ou para
aqui virão de todos os pontos do
globo, cansados de lutas
fratricidas e sedentos de
confraternidade ”.
Mensagem de Ismael
Carvalho, Flávio Rey de, Reformador, página, 21, ano 132, nº2.221, abril 2014, revista editada
pela FEB, citando mensagem de Ismael.
BEM AVENTURADOS
BEM AVENTURADOS
CENTRO ESPÍRITA SEARA DO
MESTRE JESUS
EXPOSITOR
JOSE FERREIRA DE ALMEIDA
04/2014

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Justiça das Aflições
Justiça das AfliçõesJustiça das Aflições
Justiça das Afliçõesigmateus
 
As Bem-Aventuranças - Sermão do Monte
As Bem-Aventuranças - Sermão do MonteAs Bem-Aventuranças - Sermão do Monte
As Bem-Aventuranças - Sermão do MonteMensageiros De Luz
 
Palestra Espírita - Bem aventurados os misericordiosos
Palestra Espírita - Bem aventurados os misericordiososPalestra Espírita - Bem aventurados os misericordiosos
Palestra Espírita - Bem aventurados os misericordiososDivulgador do Espiritismo
 
Senhor, Senhor
Senhor, SenhorSenhor, Senhor
Senhor, Senhorigmateus
 
Obreiros do senhor!
Obreiros do senhor!Obreiros do senhor!
Obreiros do senhor!Dalila Melo
 
Reconhece se o cristãos pelas suas obras
Reconhece se o cristãos pelas suas obrasReconhece se o cristãos pelas suas obras
Reconhece se o cristãos pelas suas obrasIzabel Cristina Fonseca
 
Pecado por pensamento e adultério
Pecado por pensamento e adultérioPecado por pensamento e adultério
Pecado por pensamento e adultérioLorena Dias
 
Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6
Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6
Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6Nazareno Feitosa
 
A fé transporta montanhas cap 19 ese
A fé transporta montanhas cap 19 eseA fé transporta montanhas cap 19 ese
A fé transporta montanhas cap 19 esectollin
 
Palestra ESE cap 7 pobres espirito
Palestra ESE cap 7 pobres espiritoPalestra ESE cap 7 pobres espirito
Palestra ESE cap 7 pobres espiritoTiburcio Santos
 
Caracteres da perfeição
Caracteres da perfeiçãoCaracteres da perfeição
Caracteres da perfeiçãohome
 

Mais procurados (20)

Justiça das Aflições
Justiça das AfliçõesJustiça das Aflições
Justiça das Aflições
 
As bem aventuranças (jesus)
As bem aventuranças (jesus)As bem aventuranças (jesus)
As bem aventuranças (jesus)
 
O dever
O deverO dever
O dever
 
Palestra Espírita - Sede perfeitos
Palestra Espírita - Sede perfeitosPalestra Espírita - Sede perfeitos
Palestra Espírita - Sede perfeitos
 
As Bem-Aventuranças - Sermão do Monte
As Bem-Aventuranças - Sermão do MonteAs Bem-Aventuranças - Sermão do Monte
As Bem-Aventuranças - Sermão do Monte
 
Palestra Espírita - Bem aventurados os misericordiosos
Palestra Espírita - Bem aventurados os misericordiososPalestra Espírita - Bem aventurados os misericordiosos
Palestra Espírita - Bem aventurados os misericordiosos
 
Senhor, Senhor
Senhor, SenhorSenhor, Senhor
Senhor, Senhor
 
Obreiros do senhor!
Obreiros do senhor!Obreiros do senhor!
Obreiros do senhor!
 
As bem aventuranças
As bem aventuranças As bem aventuranças
As bem aventuranças
 
Os sofrimentos voluntarios
Os sofrimentos voluntariosOs sofrimentos voluntarios
Os sofrimentos voluntarios
 
Reconhece se o cristãos pelas suas obras
Reconhece se o cristãos pelas suas obrasReconhece se o cristãos pelas suas obras
Reconhece se o cristãos pelas suas obras
 
O cristo consolador
O cristo consoladorO cristo consolador
O cristo consolador
 
Pecado por pensamento e adultério
Pecado por pensamento e adultérioPecado por pensamento e adultério
Pecado por pensamento e adultério
 
Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6
Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6
Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6
 
A fé transporta montanhas cap 19 ese
A fé transporta montanhas cap 19 eseA fé transporta montanhas cap 19 ese
A fé transporta montanhas cap 19 ese
 
Paz e espada
Paz e espadaPaz e espada
Paz e espada
 
Palestra ESE cap 7 pobres espirito
Palestra ESE cap 7 pobres espiritoPalestra ESE cap 7 pobres espirito
Palestra ESE cap 7 pobres espirito
 
Caracteres da perfeição
Caracteres da perfeiçãoCaracteres da perfeição
Caracteres da perfeição
 
A Coragem da Fé
A Coragem da FéA Coragem da Fé
A Coragem da Fé
 
AMAI OS VOSSOS INIMIGOS
AMAI OS VOSSOS INIMIGOSAMAI OS VOSSOS INIMIGOS
AMAI OS VOSSOS INIMIGOS
 

Destaque

Apresentação das bem aventuranças
Apresentação das bem aventurançasApresentação das bem aventuranças
Apresentação das bem aventurançasvineta
 
AS BEM AVENTURANÇAS - Visão Espírita
AS BEM AVENTURANÇAS - Visão EspíritaAS BEM AVENTURANÇAS - Visão Espírita
AS BEM AVENTURANÇAS - Visão EspíritaAnderson Dias
 
O sermão da montanha e os valores humanos
O sermão da montanha e os valores humanosO sermão da montanha e os valores humanos
O sermão da montanha e os valores humanosDalila Melo
 
Capítulo vii – bem aventurados os pobres de espírito
Capítulo vii – bem aventurados os pobres de espíritoCapítulo vii – bem aventurados os pobres de espírito
Capítulo vii – bem aventurados os pobres de espíritoalice martins
 
O que se deve entender por pobres de espírito
O que se deve entender por pobres de espíritoO que se deve entender por pobres de espírito
O que se deve entender por pobres de espíritoHelio Cruz
 
Apresentação com estudos sobre a ética do sermão do monte
Apresentação com estudos sobre a ética do sermão do monteApresentação com estudos sobre a ética do sermão do monte
Apresentação com estudos sobre a ética do sermão do monteJoão Eduardo
 
ESE - Capítulo VII - Bem-aventurados os pobres de espírito
ESE - Capítulo VII - Bem-aventurados os pobres de espíritoESE - Capítulo VII - Bem-aventurados os pobres de espírito
ESE - Capítulo VII - Bem-aventurados os pobres de espíritogrupodepaisceb
 
O sermão da montanha ( Leonardo Pereira
O sermão da montanha ( Leonardo Pereira O sermão da montanha ( Leonardo Pereira
O sermão da montanha ( Leonardo Pereira Leonardo Pereira
 
Palestra ESE cap 8 bem aventurados puros
Palestra ESE cap 8 bem aventurados purosPalestra ESE cap 8 bem aventurados puros
Palestra ESE cap 8 bem aventurados purosTiburcio Santos
 
Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos
Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos
Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos Leonardo Pereira
 
Esboço o que se deve entender por pobres de espírito
Esboço o que se deve entender por pobres de espíritoEsboço o que se deve entender por pobres de espírito
Esboço o que se deve entender por pobres de espíritoHelio Cruz
 
Bem-aventurados os aflitos
Bem-aventurados os aflitos Bem-aventurados os aflitos
Bem-aventurados os aflitos Clair Bianchini
 
Bem aventurança sermão do monte
Bem aventurança sermão do monteBem aventurança sermão do monte
Bem aventurança sermão do monteMaxuel Alves
 
Capítulo 5 Bem aventurados os aflitos
Capítulo 5 Bem aventurados os aflitosCapítulo 5 Bem aventurados os aflitos
Capítulo 5 Bem aventurados os aflitosRoberta Andrade
 
Capítulo 7 do evangelho segundo o espiritismo - Bem-aventurados os pobres de ...
Capítulo 7 do evangelho segundo o espiritismo - Bem-aventurados os pobres de ...Capítulo 7 do evangelho segundo o espiritismo - Bem-aventurados os pobres de ...
Capítulo 7 do evangelho segundo o espiritismo - Bem-aventurados os pobres de ...Eduardo Ottonelli Pithan
 
Capítulo vii – o orgulho e a humildade
Capítulo vii – o orgulho e a humildadeCapítulo vii – o orgulho e a humildade
Capítulo vii – o orgulho e a humildadealice martins
 

Destaque (20)

Apresentação das bem aventuranças
Apresentação das bem aventurançasApresentação das bem aventuranças
Apresentação das bem aventuranças
 
AS BEM AVENTURANÇAS - Visão Espírita
AS BEM AVENTURANÇAS - Visão EspíritaAS BEM AVENTURANÇAS - Visão Espírita
AS BEM AVENTURANÇAS - Visão Espírita
 
O sermão da montanha e os valores humanos
O sermão da montanha e os valores humanosO sermão da montanha e os valores humanos
O sermão da montanha e os valores humanos
 
Capítulo vii – bem aventurados os pobres de espírito
Capítulo vii – bem aventurados os pobres de espíritoCapítulo vii – bem aventurados os pobres de espírito
Capítulo vii – bem aventurados os pobres de espírito
 
O que se deve entender por pobres de espírito
O que se deve entender por pobres de espíritoO que se deve entender por pobres de espírito
O que se deve entender por pobres de espírito
 
Sermão da montanha
Sermão da montanhaSermão da montanha
Sermão da montanha
 
Apresentação com estudos sobre a ética do sermão do monte
Apresentação com estudos sobre a ética do sermão do monteApresentação com estudos sobre a ética do sermão do monte
Apresentação com estudos sobre a ética do sermão do monte
 
Bem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coraçãoBem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coração
 
ESE - Capítulo VII - Bem-aventurados os pobres de espírito
ESE - Capítulo VII - Bem-aventurados os pobres de espíritoESE - Capítulo VII - Bem-aventurados os pobres de espírito
ESE - Capítulo VII - Bem-aventurados os pobres de espírito
 
O sermão da montanha ( Leonardo Pereira
O sermão da montanha ( Leonardo Pereira O sermão da montanha ( Leonardo Pereira
O sermão da montanha ( Leonardo Pereira
 
Palestra ESE cap 8 bem aventurados puros
Palestra ESE cap 8 bem aventurados purosPalestra ESE cap 8 bem aventurados puros
Palestra ESE cap 8 bem aventurados puros
 
Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos
Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos
Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos
 
Esboço o que se deve entender por pobres de espírito
Esboço o que se deve entender por pobres de espíritoEsboço o que se deve entender por pobres de espírito
Esboço o que se deve entender por pobres de espírito
 
Bem-aventurados os aflitos
Bem-aventurados os aflitos Bem-aventurados os aflitos
Bem-aventurados os aflitos
 
Bem aventurança sermão do monte
Bem aventurança sermão do monteBem aventurança sermão do monte
Bem aventurança sermão do monte
 
Capítulo 5 Bem aventurados os aflitos
Capítulo 5 Bem aventurados os aflitosCapítulo 5 Bem aventurados os aflitos
Capítulo 5 Bem aventurados os aflitos
 
O evangelho segundo o Espiritismo - Capítulo VIII
O evangelho segundo o Espiritismo - Capítulo VIIIO evangelho segundo o Espiritismo - Capítulo VIII
O evangelho segundo o Espiritismo - Capítulo VIII
 
Capítulo 7 do evangelho segundo o espiritismo - Bem-aventurados os pobres de ...
Capítulo 7 do evangelho segundo o espiritismo - Bem-aventurados os pobres de ...Capítulo 7 do evangelho segundo o espiritismo - Bem-aventurados os pobres de ...
Capítulo 7 do evangelho segundo o espiritismo - Bem-aventurados os pobres de ...
 
Bem aventurados os aflitos
Bem aventurados os aflitosBem aventurados os aflitos
Bem aventurados os aflitos
 
Capítulo vii – o orgulho e a humildade
Capítulo vii – o orgulho e a humildadeCapítulo vii – o orgulho e a humildade
Capítulo vii – o orgulho e a humildade
 

Semelhante a Palestra 27 bem aventurados

apresentaodasbemaventuranasematerial-121014115359-phpapp02.pptx
apresentaodasbemaventuranasematerial-121014115359-phpapp02.pptxapresentaodasbemaventuranasematerial-121014115359-phpapp02.pptx
apresentaodasbemaventuranasematerial-121014115359-phpapp02.pptxLina Miranda
 
O fruto do espírito 02 - amor, aleria. paz
O fruto do espírito   02 - amor, aleria. pazO fruto do espírito   02 - amor, aleria. paz
O fruto do espírito 02 - amor, aleria. pazCleudson Corrêa
 
Culto de jovens 11 de novembro de 2023.ppsx
Culto de jovens 11 de novembro de 2023.ppsxCulto de jovens 11 de novembro de 2023.ppsx
Culto de jovens 11 de novembro de 2023.ppsxThye Oliver
 
Estudo sobre o fruto do espírito
Estudo sobre o fruto do espíritoEstudo sobre o fruto do espírito
Estudo sobre o fruto do espíritoReginaldo Pacheco
 
Aflito, Porem Bem Aventurado
Aflito,  Porem Bem Aventurado Aflito,  Porem Bem Aventurado
Aflito, Porem Bem Aventurado Clea Alves
 
Geração das bem abenturanças
Geração das bem abenturançasGeração das bem abenturanças
Geração das bem abenturançasEid Marques
 
II Corintios cap 1,2,3. A luz da doutrina espírita
II Corintios cap 1,2,3. A luz da doutrina espíritaII Corintios cap 1,2,3. A luz da doutrina espírita
II Corintios cap 1,2,3. A luz da doutrina espíritaAndreia Quesada
 
Geração das bem abenturanças
Geração das bem abenturançasGeração das bem abenturanças
Geração das bem abenturançasEid Marques
 
CASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊ
CASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊCASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊ
CASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊSandra Dias
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 63 - O Senhor dá sempre
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 63 - O Senhor dá sempreSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 63 - O Senhor dá sempre
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 63 - O Senhor dá sempreRicardo Azevedo
 
Cristo aquele que_cura
Cristo aquele que_curaCristo aquele que_cura
Cristo aquele que_curatadslideshare
 
O Mapa da Felicidade
O Mapa da FelicidadeO Mapa da Felicidade
O Mapa da FelicidadeEid Marques
 
Oração, cura e restauração_1242014_GGR
Oração, cura e restauração_1242014_GGROração, cura e restauração_1242014_GGR
Oração, cura e restauração_1242014_GGRGerson G. Ramos
 

Semelhante a Palestra 27 bem aventurados (20)

apresentaodasbemaventuranasematerial-121014115359-phpapp02.pptx
apresentaodasbemaventuranasematerial-121014115359-phpapp02.pptxapresentaodasbemaventuranasematerial-121014115359-phpapp02.pptx
apresentaodasbemaventuranasematerial-121014115359-phpapp02.pptx
 
O fruto do espírito 02 - amor, aleria. paz
O fruto do espírito   02 - amor, aleria. pazO fruto do espírito   02 - amor, aleria. paz
O fruto do espírito 02 - amor, aleria. paz
 
Culto de jovens 11 de novembro de 2023.ppsx
Culto de jovens 11 de novembro de 2023.ppsxCulto de jovens 11 de novembro de 2023.ppsx
Culto de jovens 11 de novembro de 2023.ppsx
 
Estudo sobre o fruto do espírito
Estudo sobre o fruto do espíritoEstudo sobre o fruto do espírito
Estudo sobre o fruto do espírito
 
Ensino1 as bem_aventurancas
Ensino1 as bem_aventurancasEnsino1 as bem_aventurancas
Ensino1 as bem_aventurancas
 
Aflito, Porem Bem Aventurado
Aflito,  Porem Bem Aventurado Aflito,  Porem Bem Aventurado
Aflito, Porem Bem Aventurado
 
Geração das bem abenturanças
Geração das bem abenturançasGeração das bem abenturanças
Geração das bem abenturanças
 
As bem aventurancas.doc
As bem aventurancas.docAs bem aventurancas.doc
As bem aventurancas.doc
 
Um bom julgamento
Um bom julgamentoUm bom julgamento
Um bom julgamento
 
II Corintios cap 1,2,3. A luz da doutrina espírita
II Corintios cap 1,2,3. A luz da doutrina espíritaII Corintios cap 1,2,3. A luz da doutrina espírita
II Corintios cap 1,2,3. A luz da doutrina espírita
 
Geração das bem abenturanças
Geração das bem abenturançasGeração das bem abenturanças
Geração das bem abenturanças
 
CASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊ
CASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊCASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊ
CASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊ
 
Feridas na Alma.pdf
Feridas na Alma.pdfFeridas na Alma.pdf
Feridas na Alma.pdf
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 63 - O Senhor dá sempre
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 63 - O Senhor dá sempreSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 63 - O Senhor dá sempre
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 63 - O Senhor dá sempre
 
Cristo aquele que_cura
Cristo aquele que_curaCristo aquele que_cura
Cristo aquele que_cura
 
O Mapa da Felicidade
O Mapa da FelicidadeO Mapa da Felicidade
O Mapa da Felicidade
 
Oração, cura e restauração_1242014_GGR
Oração, cura e restauração_1242014_GGROração, cura e restauração_1242014_GGR
Oração, cura e restauração_1242014_GGR
 
A esperança que vem do alto
A esperança que vem do altoA esperança que vem do alto
A esperança que vem do alto
 
A doutrina do engano
A doutrina do enganoA doutrina do engano
A doutrina do engano
 
Alegrai vos no senhor
Alegrai vos no senhorAlegrai vos no senhor
Alegrai vos no senhor
 

Mais de Jose Ferreira Almeida Almeida (11)

Temos tempo
Temos  tempoTemos  tempo
Temos tempo
 
O capitalismo venceu
O capitalismo venceuO capitalismo venceu
O capitalismo venceu
 
O capitalismo venceu
O capitalismo venceuO capitalismo venceu
O capitalismo venceu
 
Palestra 40 o poder da palavra
Palestra 40 o poder da palavraPalestra 40 o poder da palavra
Palestra 40 o poder da palavra
 
O capitalismo venceu
O capitalismo venceuO capitalismo venceu
O capitalismo venceu
 
Palestra 39 o negro 2014
Palestra 39 o negro 2014Palestra 39 o negro 2014
Palestra 39 o negro 2014
 
Palestra 38 nosso corpo, emprétimo de deus.
Palestra 38 nosso corpo, emprétimo de deus.Palestra 38 nosso corpo, emprétimo de deus.
Palestra 38 nosso corpo, emprétimo de deus.
 
Palestra 35 nossas máscaras 1
Palestra 35 nossas máscaras 1Palestra 35 nossas máscaras 1
Palestra 35 nossas máscaras 1
 
Palestra 23 o significado do natal
Palestra 23 o significado do natalPalestra 23 o significado do natal
Palestra 23 o significado do natal
 
Palestra 25 grandes vultos feminino no espiritismo
Palestra 25 grandes vultos feminino no  espiritismoPalestra 25 grandes vultos feminino no  espiritismo
Palestra 25 grandes vultos feminino no espiritismo
 
Palestra 29 o homem de bem
Palestra 29 o homem de bemPalestra 29 o homem de bem
Palestra 29 o homem de bem
 

Palestra 27 bem aventurados

  • 2. BEM AVENTURADOS O objetivo da religião é conduzir o homem a Deus; ora, o homem não chega a Deus senão quando esta perfeito. Evangelho Segundo o Espiritismo, capítulo 8, item 10.
  • 3. BEM AVENTURADOS Bem-aventurados os pobres de espírito, porque deles é o reino dos céus; JESUS-MATEUS: 5,3
  • 5. BEM AVENTURADOS Uma característica daquele que é pobre de espírito é a humildade; é a ausência de exigências ou formalidades.
  • 6. BEM AVENTURADOS Bem-aventurados os que choram, porque eles serão consolados; JESUS-MATEUS: 5,4
  • 8. BEM AVENTURADOS Deus tem prazer em consolar os que choram. O amor do Pai é o bálsamo que cura a alma ferida. Ele ampara o coração contrito e purifica a alma quebrantada, até que ela se torne Sua morada. http://www.devocionaldiario.com.br em 08/04/2014
  • 9. BEM AVENTURADOS Entretanto, desde que se admita Deus, não se pode concebê-lo sem o infinito de suas perfeições. Evangelho Segundo o Espiritismo, Bem Aventurados os Aflitos item3
  • 10. BEM AVENTURADOS Bem-aventurados os mansos, porque eles herdarão a terra; Jesus, Mateus, 5,5
  • 12. BEM AVENTURADOS Jesus quer nos mostrar que chegará o momento que, no planeta Terra, somente reencarnarão os espíritos que, ao longo de suas experiências, passaram a vibrar na faixa do amor, da compreensão, da caridade, da fraternidade e da liberdade. (1) Xavier, Francisco Cândido. Vinha de Luz, pelo Espírito Emmanuel
  • 13. BEM AVENTURADOS Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque eles serão fartos; Jesus-Mateus: 5,6
  • 15. BEM AVENTURADOS Entretanto, desde que se admita Deus, não se pode concebê-lo sem o infinito das suas perfeições. Ele deve ser todo poder, todo justiça, todo bondade, sem o que não seria Deus. Se Deus é soberanamente justo e bom, não pode agir por capricho ou com parcialidade. Evangelho Segundo o Espiritismo, Justiça das aflições, item 3, capitulo 5, Bem aventurados os aflitos.
  • 16. BEM AVENTURADOS Bem-aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia; Jesus-Mateus:5,7
  • 18. BEM AVENTURADOS Significado de Misericordioso adj. Inclinado à misericórdia; que é compassivo, bondoso. http://www.dicionariodoaurelio.com/Misericordioso.html
  • 19. BEM AVENTURADOS A misericórdia é complemento da doçura; porque aquele que não é misericordioso não saberia ser brando e pacifico; ela consiste no esquecimento e no perdão das ofensas Evangelho Segundo o Espiritismo, capítulo 10, item 4.
  • 20. BEM AVENTURADOS Bem-aventurados os limpos de coração, porque eles verão a Deus; Jesus-mateus:5,8
  • 21. BEM AVENTURADOS Os espíritos não podem aspirar à felicidade perfeita senão quando são puros; toda mancha lhes interdita a entrada nos mundos felizes. Evangelho Segundo o Espiritismo, Causas anteriores das aflições, item 10, capitulo 5, Bem aventurados os aflitos.
  • 23. BEM AVENTURADOS Como definir a pureza de coração? A pureza do coração é inseparável da simplicidade e da humildade; ela exclui todo o pensamento de egoísmo e de orgulho; foi por isso que Jesus tomou a infância por emblema dessa pureza, como a tomou para o da humildade. Evangelho Segundo o Espiritismo, capitulo 8, item 3.
  • 24. BEM AVENTURADOS Bem-aventurados os pacificadores, porque eles serão chamados filhos de Deus; Jesus-mateus:5,9
  • 26. BEM AVENTURADOS Deus é a paz eterna, infinita, absoluta. Por isso, aquele que conquistou a paz interior é chamado filho de Deus. http://www.febnet.org.br/wp-content/uploads/2012/08/Mod-2-Rot-1-As-bem aventurancas.pdf
  • 27. BEM AVENTURADOS Não basta, pois, ter a aparência da pureza, é preciso antes de tudo ter a pureza do coração. Evangelho Segundo o Espiritismo, capitulo 8, item 10
  • 28. BEM AVENTURADOS Bem-aventurados os que sofrem perseguição por causa da justiça, porque deles é o reino dos céus; JESUS-MATEUS:5,10
  • 30. BEM AVENTURADOS SER PERSEGUIDO É SOFRER A OPRESSÃO, MESMO ESTANDO EM SEU DIREITO.
  • 31. BEM AVENTURADOS Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguirem e, mentindo, disserem todo o mal contra vós por minha causa. JESUS-MATEUS:5,11
  • 33. BEM AVENTURADOS Acontece, porém, que os interessados em ofuscar a luz acendida por Jesus, são muitos e poderosos e, como não lhes convém seguir a lei divina, perseguem impiedosamente os colaboradores sinceros do Mestre. http://vlat1957aede.blogspot.com.br/2011/05/bem-aventurados-sois-vos-quando-vos.html
  • 34. BEM AVENTURADOS Exultai e alegrai-vos, porque é grande o vosso galardão nos céus; porque assim perseguiram os profetas que foram antes de vós. Jesus, Mateus: 5,12
  • 35. BEM AVENTURADOS “ Com o Evangelho explicado à luz do espiritismo, a moral de Jesus atingirá sua finalidade, que é rejuvenescer os homens velhos,...
  • 36. BEM AVENTURADOS “ ... que aqui nascerão ou para aqui virão de todos os pontos do globo, cansados de lutas fratricidas e sedentos de confraternidade ”. Mensagem de Ismael Carvalho, Flávio Rey de, Reformador, página, 21, ano 132, nº2.221, abril 2014, revista editada pela FEB, citando mensagem de Ismael.
  • 38. BEM AVENTURADOS CENTRO ESPÍRITA SEARA DO MESTRE JESUS EXPOSITOR JOSE FERREIRA DE ALMEIDA 04/2014