SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 21
SAÚDE
MENTAL
CAPS
O processo de reforma
psiquiátrica introduziu no Brasil
uma série de modificações na
assistência prestada ao portador
de transtorno mental.
CAPS
O CAPS foi inaugurado em março de 1986
na cidade de São Paulo, como serviços
substitutivos ao hospital psiquiátrico:
 CAPS (Centro de Atenção Psicossocial);
 NAPS (Núcleo de Atenção Psicossocial).
CERSAM
 Em Belo Horizonte, os serviços
substitutivos ao hospital psiquiátrico
foram criados na década de 90 e
denominados Centro de Referência à
Saúde Mental (CERSAM). Foram
concebidos para os atendimentos de
urgência e crises, privilegiando os
casos mais graves.
CERSAM
 Os CERSAMs atuam de forma
regionalizada (atendendo a uma
determinada área de abrangência) e
hierarquizada (trabalhando com toda
rede de serviços de saúde), incluindo
centros de saúde, centros de
convivência, hospitais gerais, hospitais
psiquiátricos e demais serviços.
 CAPS são instituições destinadas a
acolher os pacientes com transtornos
mentais, estimular sua integração
social e familiar, apoiá-los em suas
iniciativas de busca de autonomia,
oferecer-lhes atendimento médico e
psicológico.
CAPS
 Sua característica principal é procurar
integrá-los a um ambiente social e
cultural concreto, designado como seu
território, o espaço da cidade onde se
desenvolve a vida quotidiana de
usuários e familiares.
CAPS
 Os CAPS (Centro de Atenção
Psicossocial), NAPS (Núcleo de Apoio
Psicossocial), e CERSAMs (Centro de
Referência à Saúde Mental), são
serviços substitutivos do modelo
hospitalocêntrico, que têm surgido no
país e íntegra à rede do Sistema Único
de Saúde, o SUS.
SERVIÇOS SUBSTITUTIVOS
MISSÃO
 Os CAPS têm a missão de dar um
atendimento diuturno às pessoas que
sofrem com transtornos mentais severos e
persistentes, num dado território,
oferecendo cuidados clínicos e de
reabilitação psicossocial, com objetivo de
substituir o modelo hospitalocêntrico,
evitando internações e favorecendo o
exercício da cidadania e da inclusão social
dos usuários e de suas famílias.
 Prestar atendimento em regime de
atenção diária;
 Gerenciar os projetos terapêuticos
oferecendo cuidado clínico eficiente e
personalizado;
 Promover inserção social através de
ações intersetoriais que envolvam
educação, trabalho, esporte, cultura e
lazer;
Os CAPS visam:
Os CAPS visam :
 Dar suporte e supervisionar a atenção à
saúde mental na rede básica: PSF e PACS;
 Regular a porta de entrada da rede de
assistência em saúde mental de sua área;
 Coordenar junto com o gestor local as
atividades de supervisão de unidades
hospitalares psiquiátricas que atuem no seu
território;
 Manter atualizada a listagem dos pacientes
de sua região que utilizam medicamentos
para a saúde mental;
 Consultórios para as atividades individuais;
 Salas para as atividades grupais;
 Espaço de convivência;
 Oficinas;
 Refeitório;
 Sanitários;
 Área externa para oficinas, recreação e
esportes.
Os CAPS deverão contar com os
seguintes recursos físicos:
 Preferencialmente, aquelas com transtornos
mentais severos e/ou persistentes, incluindo
os transtornos relacionados às substâncias
psicoativas (álcool e outras drogas) e
também crianças e adolescentes com
transtornos mentais.
 Para ser atendido, basta procurar
diretamente esse serviço ou ser
encaminhado pelo PSF ou qualquer serviço
de saúde, indo preferencialmente na região
onde mora.
As pessoas que podem ser
atendidas pelo CAPS:
O CAPS oferece atendimentos:
 Intensivos – diário em situações de crise ou
dificuldades intensas no convívio social e
familiar. Pode ser feito atendimento
domiciliar se necessário;
 Semi-intensivo - O usuário pode ser
atendido em até 12 dias no mês. Quando
não está em crise e pode relacionar-se
socialmente de forma satisfatória, mas ainda
necessita de acompanhamento. Pode ser
feito atendimento domiciliar;
O CAPS oferece atendimentos:
 Não-intensivo – O usuário não precisa
de suporte contínuo para viver em seu
território para realizar atividades na
família e/ou trabalho. Pode ser
atendido até três dias no mês. Também
pode ser domiciliar.
 Atendimento individual;
 Atendimento em grupo – Oficinas,
grupos terapêuticos, atividades
esportivas, suporte social, grupos de
leitura, debate e confecções de jornal;
 Atendimento para a família;
O CAPS oferece algumas atividades
terapêuticas como:
O CAPS oferece algumas atividades
terapêuticas como:
 Atividades comunitárias – Atividades desenvolvidas
em conjunto com as associações de bairro ou
outras instituições existentes na comunidade. Por
exemplo: festas comunitárias, caminhadas com
grupos da comunidade, participação em eventos e
grupos dos centros comunitários;
 Assembléias ou reuniões de Organização do
Serviço – Feita semanalmente e reúne técnicos,
usuários, familiares e outros convidados, que
juntos discutem, avaliam e propõe
encaminhamentos para o serviço.
Oficinas terapêuticas
 São umas das principais formas de
tratamento oferecido pelo CAPS. Essas
oficinas são atividades realizadas em
grupos com a presença e orientação
de um ou mais profissionais,
monitores e/ou estagiários . Podem ser
oficinas:
Oficinas terapêuticas
Expressivas – Expressão
plástica, verbal, corporal,
musical, teatro e fotografia;
Expressão Plástica
Oficinas terapêuticas
 Oficinas geradoras de renda: culinária,
marcenaria, costura, fotocópia, venda
de livros, fabricação de velas,
artesanato em geral, cerâmica,
bijouterias, brechó, etc...
 Oficinas de alfabetização.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Política Nacional de Atenção básica
Política Nacional de Atenção básicaPolítica Nacional de Atenção básica
Política Nacional de Atenção básicaRenata Cadidé
 
Lei nº 8.142
Lei nº 8.142Lei nº 8.142
Lei nº 8.142dantispam
 
Reforma Psiquiatrica
Reforma PsiquiatricaReforma Psiquiatrica
Reforma Psiquiatricafabiolarrossa
 
5093 palestra saude_mental_(3)
5093 palestra saude_mental_(3)5093 palestra saude_mental_(3)
5093 palestra saude_mental_(3)Ana Ferraz
 
Rede de atenção em saude mental
Rede de atenção em saude mentalRede de atenção em saude mental
Rede de atenção em saude mentalAroldo Gavioli
 
Apresentacao politicanacional atencaoprimaria
Apresentacao politicanacional atencaoprimariaApresentacao politicanacional atencaoprimaria
Apresentacao politicanacional atencaoprimariaMarcos Nery
 
Enfermagem psiquiatrica
Enfermagem psiquiatricaEnfermagem psiquiatrica
Enfermagem psiquiatricaJose Roberto
 
HumanizaSUS
HumanizaSUSHumanizaSUS
HumanizaSUSLene So
 
Apresentação politica nacional do idoso
Apresentação politica nacional do idosoApresentação politica nacional do idoso
Apresentação politica nacional do idosoAlinebrauna Brauna
 
A atuação do Assistente Social no CAPS
A atuação do Assistente Social no CAPSA atuação do Assistente Social no CAPS
A atuação do Assistente Social no CAPSIsabela Ferreira
 
Saúde mental no sus os centros de atenção psicossocial
Saúde mental no sus   os centros de atenção psicossocialSaúde mental no sus   os centros de atenção psicossocial
Saúde mental no sus os centros de atenção psicossocialArley Melo
 

Mais procurados (20)

Seminário Saúde Mental na Atenção Básica: "Vínculos e Diálogos Necessários" -...
Seminário Saúde Mental na Atenção Básica: "Vínculos e Diálogos Necessários" -...Seminário Saúde Mental na Atenção Básica: "Vínculos e Diálogos Necessários" -...
Seminário Saúde Mental na Atenção Básica: "Vínculos e Diálogos Necessários" -...
 
Política Nacional de Atenção básica
Política Nacional de Atenção básicaPolítica Nacional de Atenção básica
Política Nacional de Atenção básica
 
Saúde Mental
Saúde MentalSaúde Mental
Saúde Mental
 
A rede de atenção psicossocial (raps)
A rede de atenção psicossocial (raps)A rede de atenção psicossocial (raps)
A rede de atenção psicossocial (raps)
 
Lei nº 8.142
Lei nº 8.142Lei nº 8.142
Lei nº 8.142
 
RAPS
RAPS RAPS
RAPS
 
Reforma Psiquiatrica
Reforma PsiquiatricaReforma Psiquiatrica
Reforma Psiquiatrica
 
As Políticas Nacionais em Relação à Saúde Mental
As Políticas Nacionais em Relação à Saúde MentalAs Políticas Nacionais em Relação à Saúde Mental
As Políticas Nacionais em Relação à Saúde Mental
 
5093 palestra saude_mental_(3)
5093 palestra saude_mental_(3)5093 palestra saude_mental_(3)
5093 palestra saude_mental_(3)
 
Rede de atenção em saude mental
Rede de atenção em saude mentalRede de atenção em saude mental
Rede de atenção em saude mental
 
Caps governo
Caps governoCaps governo
Caps governo
 
Apresentacao politicanacional atencaoprimaria
Apresentacao politicanacional atencaoprimariaApresentacao politicanacional atencaoprimaria
Apresentacao politicanacional atencaoprimaria
 
Enfermagem psiquiatrica
Enfermagem psiquiatricaEnfermagem psiquiatrica
Enfermagem psiquiatrica
 
HumanizaSUS
HumanizaSUSHumanizaSUS
HumanizaSUS
 
Apresentação politica nacional do idoso
Apresentação politica nacional do idosoApresentação politica nacional do idoso
Apresentação politica nacional do idoso
 
Caps slide
Caps slideCaps slide
Caps slide
 
A atuação do Assistente Social no CAPS
A atuação do Assistente Social no CAPSA atuação do Assistente Social no CAPS
A atuação do Assistente Social no CAPS
 
História da psiquiatria aula 1
História da psiquiatria   aula 1História da psiquiatria   aula 1
História da psiquiatria aula 1
 
Sistema unico de saude[1]
Sistema unico de saude[1]Sistema unico de saude[1]
Sistema unico de saude[1]
 
Saúde mental no sus os centros de atenção psicossocial
Saúde mental no sus   os centros de atenção psicossocialSaúde mental no sus   os centros de atenção psicossocial
Saúde mental no sus os centros de atenção psicossocial
 

Destaque

Dinamicas caps
Dinamicas capsDinamicas caps
Dinamicas capstiobinhopb
 
O trabalho do assistente social no caps ad
O trabalho do assistente social no caps adO trabalho do assistente social no caps ad
O trabalho do assistente social no caps adAlinebrauna Brauna
 
Política nacional de humanização
Política nacional de humanizaçãoPolítica nacional de humanização
Política nacional de humanizaçãoPriscila Tenório
 
Serviço Social e Saúde Mental
Serviço Social e Saúde MentalServiço Social e Saúde Mental
Serviço Social e Saúde MentalCarol Alves
 
10 dinâmicas divertidas e envolventes
10 dinâmicas divertidas e envolventes10 dinâmicas divertidas e envolventes
10 dinâmicas divertidas e envolventesSeduc MT
 

Destaque (6)

Dinamicas caps
Dinamicas capsDinamicas caps
Dinamicas caps
 
O trabalho do assistente social no caps ad
O trabalho do assistente social no caps adO trabalho do assistente social no caps ad
O trabalho do assistente social no caps ad
 
Política nacional de humanização
Política nacional de humanizaçãoPolítica nacional de humanização
Política nacional de humanização
 
Serviço Social e Saúde Mental
Serviço Social e Saúde MentalServiço Social e Saúde Mental
Serviço Social e Saúde Mental
 
Manual do caps
Manual do capsManual do caps
Manual do caps
 
10 dinâmicas divertidas e envolventes
10 dinâmicas divertidas e envolventes10 dinâmicas divertidas e envolventes
10 dinâmicas divertidas e envolventes
 

Semelhante a CAPS e CERSAM serviços substitutivos

SAUDE MENTAL - caps (1) EVERSON (1).pdf
SAUDE MENTAL - caps (1) EVERSON (1).pdfSAUDE MENTAL - caps (1) EVERSON (1).pdf
SAUDE MENTAL - caps (1) EVERSON (1).pdfEversonCampos3
 
Sm sus.pdf caps saude mental iraja-noite
Sm sus.pdf caps saude mental iraja-noiteSm sus.pdf caps saude mental iraja-noite
Sm sus.pdf caps saude mental iraja-noiteEdison Santos
 
Programa de saúde mental no SUS
Programa de saúde mental no SUSPrograma de saúde mental no SUS
Programa de saúde mental no SUSPatrícia Prates
 
Saúde mental folder
Saúde mental folderSaúde mental folder
Saúde mental folderTatiane
 
Na sinuca de bico a precarização do trabalho do assistente social na rede d...
Na sinuca de bico   a precarização do trabalho do assistente social na rede d...Na sinuca de bico   a precarização do trabalho do assistente social na rede d...
Na sinuca de bico a precarização do trabalho do assistente social na rede d...Rosane Domingues
 
O cuidado em saúde mental
O cuidado em saúde mentalO cuidado em saúde mental
O cuidado em saúde mentalIasmin Castro
 
Situação atual da saúde mental no sus
Situação atual da saúde mental no susSituação atual da saúde mental no sus
Situação atual da saúde mental no susArley Melo
 
AULA 1 SAUDE MENTAL.pptx
AULA 1 SAUDE MENTAL.pptxAULA 1 SAUDE MENTAL.pptx
AULA 1 SAUDE MENTAL.pptxkenia244003
 
O sentido do cuidar para familiares de pessoas com transtorno mental: um estu...
O sentido do cuidar para familiares de pessoas com transtorno mental: um estu...O sentido do cuidar para familiares de pessoas com transtorno mental: um estu...
O sentido do cuidar para familiares de pessoas com transtorno mental: um estu...Creudenia Freitas Santos
 
saúde mental e CAPS sua epistemologia e funcionamento
saúde mental e CAPS sua epistemologia e funcionamentosaúde mental e CAPS sua epistemologia e funcionamento
saúde mental e CAPS sua epistemologia e funcionamentoannekahpsico00
 
Saúde pública
Saúde públicaSaúde pública
Saúde públicaArley Melo
 

Semelhante a CAPS e CERSAM serviços substitutivos (20)

CAPS.pptx
CAPS.pptxCAPS.pptx
CAPS.pptx
 
Trabalho escrito caps
Trabalho escrito capsTrabalho escrito caps
Trabalho escrito caps
 
caps.pptx
caps.pptxcaps.pptx
caps.pptx
 
A real(idade) de saúde mental no sus
A real(idade) de saúde mental no susA real(idade) de saúde mental no sus
A real(idade) de saúde mental no sus
 
SAUDE MENTAL - caps (1) EVERSON (1).pdf
SAUDE MENTAL - caps (1) EVERSON (1).pdfSAUDE MENTAL - caps (1) EVERSON (1).pdf
SAUDE MENTAL - caps (1) EVERSON (1).pdf
 
Sm sus.pdf caps saude mental iraja-noite
Sm sus.pdf caps saude mental iraja-noiteSm sus.pdf caps saude mental iraja-noite
Sm sus.pdf caps saude mental iraja-noite
 
Programa de saúde mental no SUS
Programa de saúde mental no SUSPrograma de saúde mental no SUS
Programa de saúde mental no SUS
 
Saúde mental folder
Saúde mental folderSaúde mental folder
Saúde mental folder
 
Na sinuca de bico a precarização do trabalho do assistente social na rede d...
Na sinuca de bico   a precarização do trabalho do assistente social na rede d...Na sinuca de bico   a precarização do trabalho do assistente social na rede d...
Na sinuca de bico a precarização do trabalho do assistente social na rede d...
 
Apresentação raps aurora - copia
Apresentação raps  aurora - copiaApresentação raps  aurora - copia
Apresentação raps aurora - copia
 
apresentação saude mental.pptx
apresentação saude mental.pptxapresentação saude mental.pptx
apresentação saude mental.pptx
 
Trabalho saúde mental!
Trabalho saúde mental!Trabalho saúde mental!
Trabalho saúde mental!
 
O cuidado em saúde mental
O cuidado em saúde mentalO cuidado em saúde mental
O cuidado em saúde mental
 
Situação atual da saúde mental no sus
Situação atual da saúde mental no susSituação atual da saúde mental no sus
Situação atual da saúde mental no sus
 
AULA 1 SAUDE MENTAL.pptx
AULA 1 SAUDE MENTAL.pptxAULA 1 SAUDE MENTAL.pptx
AULA 1 SAUDE MENTAL.pptx
 
O sentido do cuidar para familiares de pessoas com transtorno mental: um estu...
O sentido do cuidar para familiares de pessoas com transtorno mental: um estu...O sentido do cuidar para familiares de pessoas com transtorno mental: um estu...
O sentido do cuidar para familiares de pessoas com transtorno mental: um estu...
 
saúde mental e CAPS sua epistemologia e funcionamento
saúde mental e CAPS sua epistemologia e funcionamentosaúde mental e CAPS sua epistemologia e funcionamento
saúde mental e CAPS sua epistemologia e funcionamento
 
Apresentação saude mental 1
Apresentação saude mental 1Apresentação saude mental 1
Apresentação saude mental 1
 
Seminário Saúde Mental na Atenção Básica: "Vínculos e Diálogos Necessários" -...
Seminário Saúde Mental na Atenção Básica: "Vínculos e Diálogos Necessários" -...Seminário Saúde Mental na Atenção Básica: "Vínculos e Diálogos Necessários" -...
Seminário Saúde Mental na Atenção Básica: "Vínculos e Diálogos Necessários" -...
 
Saúde pública
Saúde públicaSaúde pública
Saúde pública
 

Mais de Edison Santos

Atendimentoaocliente hospital-130827114618-phpapp02.pdf-enfermagem caxias edison
Atendimentoaocliente hospital-130827114618-phpapp02.pdf-enfermagem caxias edisonAtendimentoaocliente hospital-130827114618-phpapp02.pdf-enfermagem caxias edison
Atendimentoaocliente hospital-130827114618-phpapp02.pdf-enfermagem caxias edisonEdison Santos
 
Boletins ostensivos 2014 08_bol149_20ago14
Boletins ostensivos 2014 08_bol149_20ago14Boletins ostensivos 2014 08_bol149_20ago14
Boletins ostensivos 2014 08_bol149_20ago14Edison Santos
 
Traumatorax 140204060457-phpapp02.ppt-senac iraja trauma toracico
Traumatorax 140204060457-phpapp02.ppt-senac iraja trauma toracicoTraumatorax 140204060457-phpapp02.ppt-senac iraja trauma toracico
Traumatorax 140204060457-phpapp02.ppt-senac iraja trauma toracicoEdison Santos
 
Assistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-iraja
Assistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-irajaAssistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-iraja
Assistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-irajaEdison Santos
 
Avc 090616212935-phpapp01--edison iraja
Avc 090616212935-phpapp01--edison irajaAvc 090616212935-phpapp01--edison iraja
Avc 090616212935-phpapp01--edison irajaEdison Santos
 
Assistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-iraja
Assistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-irajaAssistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-iraja
Assistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-irajaEdison Santos
 
Po sondagem nasogastrica-nasoenteral_2012.pdf-edison
Po sondagem nasogastrica-nasoenteral_2012.pdf-edisonPo sondagem nasogastrica-nasoenteral_2012.pdf-edison
Po sondagem nasogastrica-nasoenteral_2012.pdf-edisonEdison Santos
 
Bietica enfermagem politecnico
Bietica enfermagem politecnicoBietica enfermagem politecnico
Bietica enfermagem politecnicoEdison Santos
 
Aula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edison
Aula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edisonAula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edison
Aula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edisonEdison Santos
 
Protocolotrauma mg.pdf iraja noite
Protocolotrauma mg.pdf iraja noiteProtocolotrauma mg.pdf iraja noite
Protocolotrauma mg.pdf iraja noiteEdison Santos
 

Mais de Edison Santos (12)

Atendimentoaocliente hospital-130827114618-phpapp02.pdf-enfermagem caxias edison
Atendimentoaocliente hospital-130827114618-phpapp02.pdf-enfermagem caxias edisonAtendimentoaocliente hospital-130827114618-phpapp02.pdf-enfermagem caxias edison
Atendimentoaocliente hospital-130827114618-phpapp02.pdf-enfermagem caxias edison
 
centro cirurgico
centro cirurgicocentro cirurgico
centro cirurgico
 
Boletins ostensivos 2014 08_bol149_20ago14
Boletins ostensivos 2014 08_bol149_20ago14Boletins ostensivos 2014 08_bol149_20ago14
Boletins ostensivos 2014 08_bol149_20ago14
 
Traumatorax 140204060457-phpapp02.ppt-senac iraja trauma toracico
Traumatorax 140204060457-phpapp02.ppt-senac iraja trauma toracicoTraumatorax 140204060457-phpapp02.ppt-senac iraja trauma toracico
Traumatorax 140204060457-phpapp02.ppt-senac iraja trauma toracico
 
Assistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-iraja
Assistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-irajaAssistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-iraja
Assistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-iraja
 
Avc 090616212935-phpapp01--edison iraja
Avc 090616212935-phpapp01--edison irajaAvc 090616212935-phpapp01--edison iraja
Avc 090616212935-phpapp01--edison iraja
 
Formulario senac
Formulario senacFormulario senac
Formulario senac
 
Assistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-iraja
Assistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-irajaAssistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-iraja
Assistenciaenfermagemicc 111031125331-phpapp02.pp-iraja
 
Po sondagem nasogastrica-nasoenteral_2012.pdf-edison
Po sondagem nasogastrica-nasoenteral_2012.pdf-edisonPo sondagem nasogastrica-nasoenteral_2012.pdf-edison
Po sondagem nasogastrica-nasoenteral_2012.pdf-edison
 
Bietica enfermagem politecnico
Bietica enfermagem politecnicoBietica enfermagem politecnico
Bietica enfermagem politecnico
 
Aula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edison
Aula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edisonAula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edison
Aula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edison
 
Protocolotrauma mg.pdf iraja noite
Protocolotrauma mg.pdf iraja noiteProtocolotrauma mg.pdf iraja noite
Protocolotrauma mg.pdf iraja noite
 

CAPS e CERSAM serviços substitutivos

  • 2. CAPS O processo de reforma psiquiátrica introduziu no Brasil uma série de modificações na assistência prestada ao portador de transtorno mental.
  • 3. CAPS O CAPS foi inaugurado em março de 1986 na cidade de São Paulo, como serviços substitutivos ao hospital psiquiátrico:  CAPS (Centro de Atenção Psicossocial);  NAPS (Núcleo de Atenção Psicossocial).
  • 4. CERSAM  Em Belo Horizonte, os serviços substitutivos ao hospital psiquiátrico foram criados na década de 90 e denominados Centro de Referência à Saúde Mental (CERSAM). Foram concebidos para os atendimentos de urgência e crises, privilegiando os casos mais graves.
  • 5. CERSAM  Os CERSAMs atuam de forma regionalizada (atendendo a uma determinada área de abrangência) e hierarquizada (trabalhando com toda rede de serviços de saúde), incluindo centros de saúde, centros de convivência, hospitais gerais, hospitais psiquiátricos e demais serviços.
  • 6.  CAPS são instituições destinadas a acolher os pacientes com transtornos mentais, estimular sua integração social e familiar, apoiá-los em suas iniciativas de busca de autonomia, oferecer-lhes atendimento médico e psicológico. CAPS
  • 7.  Sua característica principal é procurar integrá-los a um ambiente social e cultural concreto, designado como seu território, o espaço da cidade onde se desenvolve a vida quotidiana de usuários e familiares. CAPS
  • 8.  Os CAPS (Centro de Atenção Psicossocial), NAPS (Núcleo de Apoio Psicossocial), e CERSAMs (Centro de Referência à Saúde Mental), são serviços substitutivos do modelo hospitalocêntrico, que têm surgido no país e íntegra à rede do Sistema Único de Saúde, o SUS. SERVIÇOS SUBSTITUTIVOS
  • 9. MISSÃO  Os CAPS têm a missão de dar um atendimento diuturno às pessoas que sofrem com transtornos mentais severos e persistentes, num dado território, oferecendo cuidados clínicos e de reabilitação psicossocial, com objetivo de substituir o modelo hospitalocêntrico, evitando internações e favorecendo o exercício da cidadania e da inclusão social dos usuários e de suas famílias.
  • 10.  Prestar atendimento em regime de atenção diária;  Gerenciar os projetos terapêuticos oferecendo cuidado clínico eficiente e personalizado;  Promover inserção social através de ações intersetoriais que envolvam educação, trabalho, esporte, cultura e lazer; Os CAPS visam:
  • 11. Os CAPS visam :  Dar suporte e supervisionar a atenção à saúde mental na rede básica: PSF e PACS;  Regular a porta de entrada da rede de assistência em saúde mental de sua área;  Coordenar junto com o gestor local as atividades de supervisão de unidades hospitalares psiquiátricas que atuem no seu território;  Manter atualizada a listagem dos pacientes de sua região que utilizam medicamentos para a saúde mental;
  • 12.  Consultórios para as atividades individuais;  Salas para as atividades grupais;  Espaço de convivência;  Oficinas;  Refeitório;  Sanitários;  Área externa para oficinas, recreação e esportes. Os CAPS deverão contar com os seguintes recursos físicos:
  • 13.  Preferencialmente, aquelas com transtornos mentais severos e/ou persistentes, incluindo os transtornos relacionados às substâncias psicoativas (álcool e outras drogas) e também crianças e adolescentes com transtornos mentais.  Para ser atendido, basta procurar diretamente esse serviço ou ser encaminhado pelo PSF ou qualquer serviço de saúde, indo preferencialmente na região onde mora. As pessoas que podem ser atendidas pelo CAPS:
  • 14. O CAPS oferece atendimentos:  Intensivos – diário em situações de crise ou dificuldades intensas no convívio social e familiar. Pode ser feito atendimento domiciliar se necessário;  Semi-intensivo - O usuário pode ser atendido em até 12 dias no mês. Quando não está em crise e pode relacionar-se socialmente de forma satisfatória, mas ainda necessita de acompanhamento. Pode ser feito atendimento domiciliar;
  • 15. O CAPS oferece atendimentos:  Não-intensivo – O usuário não precisa de suporte contínuo para viver em seu território para realizar atividades na família e/ou trabalho. Pode ser atendido até três dias no mês. Também pode ser domiciliar.
  • 16.  Atendimento individual;  Atendimento em grupo – Oficinas, grupos terapêuticos, atividades esportivas, suporte social, grupos de leitura, debate e confecções de jornal;  Atendimento para a família; O CAPS oferece algumas atividades terapêuticas como:
  • 17. O CAPS oferece algumas atividades terapêuticas como:  Atividades comunitárias – Atividades desenvolvidas em conjunto com as associações de bairro ou outras instituições existentes na comunidade. Por exemplo: festas comunitárias, caminhadas com grupos da comunidade, participação em eventos e grupos dos centros comunitários;  Assembléias ou reuniões de Organização do Serviço – Feita semanalmente e reúne técnicos, usuários, familiares e outros convidados, que juntos discutem, avaliam e propõe encaminhamentos para o serviço.
  • 18. Oficinas terapêuticas  São umas das principais formas de tratamento oferecido pelo CAPS. Essas oficinas são atividades realizadas em grupos com a presença e orientação de um ou mais profissionais, monitores e/ou estagiários . Podem ser oficinas:
  • 19. Oficinas terapêuticas Expressivas – Expressão plástica, verbal, corporal, musical, teatro e fotografia;
  • 21. Oficinas terapêuticas  Oficinas geradoras de renda: culinária, marcenaria, costura, fotocópia, venda de livros, fabricação de velas, artesanato em geral, cerâmica, bijouterias, brechó, etc...  Oficinas de alfabetização.