SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
Baixar para ler offline
evento


                                                                                               A aprazível Casa da Fazenda, em São Paulo,            em três níveis de seleção. O primeiro pressuposto é
                                                                                            misto de restaurante e espaço para eventos, foi pal-     praticar uma agricultura de excelente nível, plantan-
                                                                                            co de mais uma grande apresentação da trupe dos          do as videiras num solo vivo, livre de pesticidas e ou-
                                                                                            Biodinâmicos, carinhosamente conhecida como “A           tros produtos químicos. Além disso, cerca de 90% dos
                                                                                            Turma do Joly”, numa referência ao grande Nico-          participantes praticam a chamada agricultura biodi-
                                                                                            las Joly, inspirador desse importante movimento          nâmica, usando as preparações preconizadas pelos
                                                                                            enológico, que já tem seu lugar garantido na his-        estritos protocolos que regem a doutrina. No segundo
                                                                                            tória da vitivinicultura mundial. Joly, devido a um      passo, ou seja, na transformação das uvas em vinho,
                                                                                            sério problema de saúde, felizmente já superado,         deve-se assegurar que nenhum tipo de ação seja exe-
                                                                                            não pôde estar presente a 2 a Mostra de Vinhos           cutada para modificar “o gosto do terroir”, como Joly
                                                                                            Biodinâmicos, sendo muito bem representado               gosta de se referir aos vinhos. Segundo ele, a viníco-
                                                                                            por sua filha e por seus vinhos espetaculares, entre     la “deve ser uma maternidade e não uma fábrica”.
                                                                                            os quais brilha o já mítico Coulée de Serrant.           O comentário é muito pertinente, especialmente nos
                                                                                               O movimento biodinâmico, trazido ao Brasil            dias de hoje, onde toda sorte de malabarismos é uti-
                                                                                            pelo incansável sommelier Ariel Perez, vem ganhan-       lizada para se elaborar certos vinhos. Da imensa lista
                                                                                            do cada vez mais adeptos em nosso país, fato plena-      de ações proibidas, talvez a mais relevante seja o veto




      Vinhos
                                                                                            mente confirmado pelo grande afluxo de profissio-        ao uso de cerca de 300 leveduras aromáticas, que po-
                                                                                            nais e enófilos ao evento, que nesta segunda edição      dem mudar radicalmente o resultado da vinificação.
                                                                                            contou com a presença de Andreas Larsson, som-           Mesmo o uso de dióxido de enxofre como conservante
                                                                                            melier sueco, campeão do mundo pela Association          sofre severas restrições, sendo permitido em mínimas




     no Mundo
                                                                                            de la Sommelerie International, que não só atendeu       quantidades e só no caso dos vinhos brancos, imedia-
68                                                                                          a todos com incrível simpatia e competência, como        tamente antes do engarrafamento. Em resumo: redu-         69
                                                                                            também conduziu uma espetacular harmonização             zir ao mínimo a manipulação do vinho.
                                                                                            de 12 vinhos biodinâmicos com 12 pratos da culi-




      da Lua
                                                                                            nária brasileira, preparados com rara maestria pelo      novos produtorEs Brilharam
                                                                                            chef Ivan Achcar, da Casa da Fazenda.                    ao lado dE EstrElas já consagradas
                                                                                               As bases da cultura biodinâmica foram farta-             Nesta 2 a edição da Renaissance des Apellattions al-
                                                                                            mente exploradas em Wine Style nº18, que dedicou         guns novos produtores, nem todos representados no
                                                                                            ampla reportagem sobre a 1 a Feira Internacional         Brasil, atraíram a atenção do público, que mesmo
                                                                                            de Vinhos Biodinâmicos realizada no Brasil. Quem         ávido pelas novidades, não deixou de lado produto-
                      Em sua sEgunda Edição no Brasil,                                      quiser se aprofundar no assunto também pode re-          res consagrados, como Nikolaihof Wachau, da Áus-
          a f E i r a R e n a i s s a n c e d e s a p p e l at i o n s t r o u x E at é ,   correr ao livro “Vinho do Céu à Terra”, escrito          tria; Domaine du Traginer, de Banyuls; Château Le
              EntrE outras novidadEs, um vinho “lunar”,                                     pelo próprio Nicolas Joly, editado no Brasil pela Vi-    Puy, de Bordeaux; Champagne Fleury; Domaine de
           p o r s i n a l d E a lta q u a l i d a d E . W i n E s t y l E E s t E v E      num Editora e disponível nas melhores livrarias. O       Villaine, de Bouzeron; Domaine Cazes, de Rivesaltes;
                       l á E c o n ta o q u E v i u ( E p r o v o u . . . )                 grupo Renaissance des Appellations, nome oficial dessa   Antyal, de Álvaro Spinoza, que esteve presente no
                                                                                            associação de produtores biodinâmicos, foi criado        evento, além é claro, do clássico Coulée de Serrant, de
                             t e x t o e fo t o A RT H U R A Z E V E D O, de S ão Pau l o   por Joly em 2001 e conta hoje com 175 produtores,        Savennières, pilotado por Joly.
                                                                                            dos quais cerca de 40 estiveram representados em            Entre as novidades da edição 2010, algumas
                                                                                            São Paulo. Seu propósito é garantir a completa e         chamaram a atenção não só pelo ineditismo como
                                                                                            fiel expressão do terroir de cada uma das apelações.     principalmente pela originalidade dos vinhos. Co-
                                                                                               Para fazer parte de tão diferenciado time de pro-     meçamos pelo Clos Puy Arnaud, um Bordeaux
                                                                                            dutores, é necessário cumprir uma série de exigências,   de Côtes du Castillon, cujo proprietário é Thierry
Vallete, ex-proprietário do Château Pavie. Interes-        Genesis foi mostrado em três diferentes safras (2005,
     sante notar que Thierry adota práticas da Borgonha         2006 e 2008), impecavelmente consistentes, com óti-
     na elaboração dos vinhos, tais como a vinificação          ma fruta, taninos muito finos, aromas mentolados e
     de parcelas diminutas em separado, além de pigéa-          balsâmicos, bom corpo e longa persistência.
     ge (manuseio das cascas que se acumulam no topo               Do Chile, a novidade foi o Rayun Premium
     dos recipientes de fermentação) à mão em pequenos          Blend 2006, uma mescla de Carmenère (50%), Ca-
     barris de madeira. O resultado desse processo pôde         bernet Sauvignon, Syrah e Cabernet Franc, plantadas em
     ser conferido nos Clos Puy 2007 e 2008, ambos              Isla de Maipo, com passagem em barricas de carva-
     com fruta exuberante, textura macia, bom corpo e           lho francês por 12 a 14 meses e assinado pelos cra-
     longa persistência.                                        ques Álvaro Spinoza e Juan Carlos Faundez. Potente
        Da Alsácia, duas novidades de peso, Martin              e complexo, exibiu aromas de frutas escuras, com
     Schaetzel e Domaine Valentin Zusslin, mostraram            notas de pimenta vermelha, chocolate, especiarias e
     a força da prática biodinâmica, na região que é hoje       fino tostado, num vinho encorpado, concentrado, de
     o principal reduto dessa notável prática. Schaetzel,       fina textura e longa persistência. Foi o escolhido por
     um pioneiro da biodinâmica na Alsácia, obtém suas          Larsson para escoltar, no jantar harmonizado, uma
     uvas de um vinhedo cultivado com a ajuda de cavalos,       suculenta picanha de Red Angus na brasa, com tutu
     num processo que remonta a tradição ancestral dos          de feijão jalo e couve manteiga. Diga-se de passa-
     franceses. Seus vinhos expressam com rara felicida-        gem, saiu-se muito bem.
     de a pureza das uvas, em particular a Gewürztraminer,         Para finalizar, um espanhol de grande caráter, o
     uma especialidade da casa. O Martin Schaetzer              excelente Mas Estela, da DO Emporda, na Catalu-
     Gewürztraminer Cuvée Reserve 2009 é uma pre-               nha, numa propriedade situada no interior do Cap
70   ciosidade, exalando delicados aromas de lichias e rosas,   Creus, um parque natural muito próximo ao Mediter-
     num vinho sutil, elegante, agradável e muito expressivo.   râneo, onde os vinhedos estão plantados nas encostas
        A outra estrela da Alsácia é o Domaine Valentin         das montanhas, em solo de ardósia. O rendimento é
     Zusslin, que elabora seus vinhos com uvas de vinhe-        de apenas 30 hectolitros por hectare, o que explica
     dos cujas origens remontam a 1691, em Orschwihr,           o caráter dos vinhos, sempre concentrados, mas pre-
     num Grand Cru denominado Pfingstberg. Biodinâ-             servando a elegância. A grande estrela da casa é o
     mico há 12 anos, produz extensa gama de vinhos             lunático (que deu título a esse artigo) Mas Estela Vi
     em diferentes estilos, dos secos aos doces. Destaque       de Lluna 2007, corte de Garnacha e Syrah. O nome se
     absoluto para o Bollemberg Gewürztraminer                  deve ao fato de que as uvas são colhidas num momen-
     Vendage Tardive 2004, delicioso, sedutor, desca-           to exato, ditado pela fase da lua, quando a seiva se
     radamente hedonístico, inesquecível. Rosas e lichias,      concentra nas uvas, de acordo com as explicações do
     mescladas a mel, com sabores doces inebriantes de          pessoal da Mas Estela. Acredite-se ou não, o que im-
     interminável persistência. Show...                         porta é o resultado na garrafa. E este é simplesmente
        Interessante também o Castagna Vineyard, que,           espetacular. O Mas Estela combina rara concentra-
     apesar do nome não indicar, representou a Austrá-          ção de frutas, boa acidez, equilíbrio impecável, tex-
     lia na mostra. Situado em Victoria, com vinhedos           tura macia e persistência muito longa, comprovando
     plantados em altitudes elevadas, em solos de granito       mais uma vez que, no reino dos vinhos biodinâmicos,
     decomposto sobre argila e com clima marcado pela           a prática é mais importante do que a teoria.
     grande amplitude térmica – calor durante o dia e frio
     à noite. Essa combinação de solo e clima dá origem a
     vinhos de Syrah em pureza, expressivos e elegantes. O      arthur@winestyle.com.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Critérios técnicos visando a escolha de variedades de café arábica para um pl...
Critérios técnicos visando a escolha de variedades de café arábica para um pl...Critérios técnicos visando a escolha de variedades de café arábica para um pl...
Critérios técnicos visando a escolha de variedades de café arábica para um pl...Revista Cafeicultura
 
Tudo da produção de vinho
Tudo da produção de vinhoTudo da produção de vinho
Tudo da produção de vinhoLuiz Avelar
 
Luiz fazuoli contribuições das cultivares bahia
Luiz fazuoli contribuições das cultivares  bahiaLuiz fazuoli contribuições das cultivares  bahia
Luiz fazuoli contribuições das cultivares bahiaRevista Cafeicultura
 
Fazuoli - Variedades de cafe arabica para regiao do cerrado mineiro patrocinio
Fazuoli - Variedades de cafe arabica para regiao do cerrado mineiro patrocinioFazuoli - Variedades de cafe arabica para regiao do cerrado mineiro patrocinio
Fazuoli - Variedades de cafe arabica para regiao do cerrado mineiro patrocinioRevista Cafeicultura
 
Gustavo Hiroshi Sera - Seleção de progênies de café arábica com resistência à...
Gustavo Hiroshi Sera - Seleção de progênies de café arábica com resistência à...Gustavo Hiroshi Sera - Seleção de progênies de café arábica com resistência à...
Gustavo Hiroshi Sera - Seleção de progênies de café arábica com resistência à...Revista Cafeicultura
 
2º Aula De Vinhos Oficial
2º Aula De Vinhos Oficial2º Aula De Vinhos Oficial
2º Aula De Vinhos OficialAnderson Silva
 
19505534 cinetica-da-fermentacao-e-balanco-de-massa-da-producao-de-cachaca-ar...
19505534 cinetica-da-fermentacao-e-balanco-de-massa-da-producao-de-cachaca-ar...19505534 cinetica-da-fermentacao-e-balanco-de-massa-da-producao-de-cachaca-ar...
19505534 cinetica-da-fermentacao-e-balanco-de-massa-da-producao-de-cachaca-ar...Andréia Anschau
 
Fenicafe 2010 - Palestra Qualidade de Bebida 26 03 2010
Fenicafe 2010 -  Palestra Qualidade de Bebida 26 03 2010Fenicafe 2010 -  Palestra Qualidade de Bebida 26 03 2010
Fenicafe 2010 - Palestra Qualidade de Bebida 26 03 2010Revista Cafeicultura
 
Cachaca bebida genuinamente_brasileira
Cachaca bebida genuinamente_brasileiraCachaca bebida genuinamente_brasileira
Cachaca bebida genuinamente_brasileiraguilhermeagm
 
Desempenho fermentativo de leveduras Saccharomyces sp. visando a produção de ...
Desempenho fermentativo de leveduras Saccharomyces sp. visando a produção de ...Desempenho fermentativo de leveduras Saccharomyces sp. visando a produção de ...
Desempenho fermentativo de leveduras Saccharomyces sp. visando a produção de ...Camila Carazzato
 
Apresentação2
Apresentação2Apresentação2
Apresentação2kaje17
 

Mais procurados (20)

Critérios técnicos visando a escolha de variedades de café arábica para um pl...
Critérios técnicos visando a escolha de variedades de café arábica para um pl...Critérios técnicos visando a escolha de variedades de café arábica para um pl...
Critérios técnicos visando a escolha de variedades de café arábica para um pl...
 
Tudo da produção de vinho
Tudo da produção de vinhoTudo da produção de vinho
Tudo da produção de vinho
 
Uísque
UísqueUísque
Uísque
 
Luiz fazuoli contribuições das cultivares bahia
Luiz fazuoli contribuições das cultivares  bahiaLuiz fazuoli contribuições das cultivares  bahia
Luiz fazuoli contribuições das cultivares bahia
 
Manual de Vinhos
Manual de VinhosManual de Vinhos
Manual de Vinhos
 
E:\Blog José L Hernandes
E:\Blog José L  HernandesE:\Blog José L  Hernandes
E:\Blog José L Hernandes
 
Vinho
VinhoVinho
Vinho
 
Fazuoli - Variedades de cafe arabica para regiao do cerrado mineiro patrocinio
Fazuoli - Variedades de cafe arabica para regiao do cerrado mineiro patrocinioFazuoli - Variedades de cafe arabica para regiao do cerrado mineiro patrocinio
Fazuoli - Variedades de cafe arabica para regiao do cerrado mineiro patrocinio
 
Produção de Vinho
Produção de VinhoProdução de Vinho
Produção de Vinho
 
Gustavo Hiroshi Sera - Seleção de progênies de café arábica com resistência à...
Gustavo Hiroshi Sera - Seleção de progênies de café arábica com resistência à...Gustavo Hiroshi Sera - Seleção de progênies de café arábica com resistência à...
Gustavo Hiroshi Sera - Seleção de progênies de café arábica com resistência à...
 
Viticultura
ViticulturaViticultura
Viticultura
 
2º Aula De Vinhos Oficial
2º Aula De Vinhos Oficial2º Aula De Vinhos Oficial
2º Aula De Vinhos Oficial
 
Enologia 2
Enologia 2Enologia 2
Enologia 2
 
Rum
RumRum
Rum
 
19505534 cinetica-da-fermentacao-e-balanco-de-massa-da-producao-de-cachaca-ar...
19505534 cinetica-da-fermentacao-e-balanco-de-massa-da-producao-de-cachaca-ar...19505534 cinetica-da-fermentacao-e-balanco-de-massa-da-producao-de-cachaca-ar...
19505534 cinetica-da-fermentacao-e-balanco-de-massa-da-producao-de-cachaca-ar...
 
Vinho
VinhoVinho
Vinho
 
Fenicafe 2010 - Palestra Qualidade de Bebida 26 03 2010
Fenicafe 2010 -  Palestra Qualidade de Bebida 26 03 2010Fenicafe 2010 -  Palestra Qualidade de Bebida 26 03 2010
Fenicafe 2010 - Palestra Qualidade de Bebida 26 03 2010
 
Cachaca bebida genuinamente_brasileira
Cachaca bebida genuinamente_brasileiraCachaca bebida genuinamente_brasileira
Cachaca bebida genuinamente_brasileira
 
Desempenho fermentativo de leveduras Saccharomyces sp. visando a produção de ...
Desempenho fermentativo de leveduras Saccharomyces sp. visando a produção de ...Desempenho fermentativo de leveduras Saccharomyces sp. visando a produção de ...
Desempenho fermentativo de leveduras Saccharomyces sp. visando a produção de ...
 
Apresentação2
Apresentação2Apresentação2
Apresentação2
 

Destaque

Poster_PUC_Rio
Poster_PUC_RioPoster_PUC_Rio
Poster_PUC_RioElisangela
 
Jota quest – v.a. – coletânea
Jota quest – v.a. – coletâneaJota quest – v.a. – coletânea
Jota quest – v.a. – coletâneacoletaneajovem
 
Folha Semanal 01/2011
Folha Semanal 01/2011Folha Semanal 01/2011
Folha Semanal 01/2011Nuno Bessa
 
O rappa – série super 3 – warner 2009
O rappa – série super 3 – warner    2009O rappa – série super 3 – warner    2009
O rappa – série super 3 – warner 2009coletaneajovem
 

Destaque (8)

Coletânea parte 01
Coletânea parte 01Coletânea parte 01
Coletânea parte 01
 
Rubrica pid debora
Rubrica pid debora  Rubrica pid debora
Rubrica pid debora
 
Reis luís
Reis luísReis luís
Reis luís
 
Poster_PUC_Rio
Poster_PUC_RioPoster_PUC_Rio
Poster_PUC_Rio
 
Jota quest – v.a. – coletânea
Jota quest – v.a. – coletâneaJota quest – v.a. – coletânea
Jota quest – v.a. – coletânea
 
Texte digital hospital
Texte digital hospitalTexte digital hospital
Texte digital hospital
 
Folha Semanal 01/2011
Folha Semanal 01/2011Folha Semanal 01/2011
Folha Semanal 01/2011
 
O rappa – série super 3 – warner 2009
O rappa – série super 3 – warner    2009O rappa – série super 3 – warner    2009
O rappa – série super 3 – warner 2009
 

Semelhante a Evento biodinamicos

A arte de garimpar os bons vinhos
A arte de garimpar os bons vinhosA arte de garimpar os bons vinhos
A arte de garimpar os bons vinhosJackson Moura
 
Filé Ao Vale Do Vinho
Filé Ao Vale Do VinhoFilé Ao Vale Do Vinho
Filé Ao Vale Do Vinhokiwidaiquiri
 
THE ART OF WINE MADE IN BRAZIL
THE ART OF WINE MADE IN BRAZILTHE ART OF WINE MADE IN BRAZIL
THE ART OF WINE MADE IN BRAZILSIMONE GALIB
 
Apresentacao Baden Baden DOM
Apresentacao Baden Baden DOMApresentacao Baden Baden DOM
Apresentacao Baden Baden DOMAdriano Valadão
 
Higienização no sector vitivinicola
Higienização no sector vitivinicolaHigienização no sector vitivinicola
Higienização no sector vitivinicolaandre7saraiva
 
Higienização no sector vitivinicola
Higienização no sector vitivinicolaHigienização no sector vitivinicola
Higienização no sector vitivinicolaandre7saraiva
 
Cerveja - Manual de Estilos
Cerveja - Manual de EstilosCerveja - Manual de Estilos
Cerveja - Manual de EstilosFernando Salles
 
RD 2015 - Cervejas Curitibanas em Ascensão
RD 2015 - Cervejas Curitibanas em AscensãoRD 2015 - Cervejas Curitibanas em Ascensão
RD 2015 - Cervejas Curitibanas em AscensãoAdri Baldini
 
slidesdeproduodevinho-141214183442-conversion-gate01 (1).pdf
slidesdeproduodevinho-141214183442-conversion-gate01 (1).pdfslidesdeproduodevinho-141214183442-conversion-gate01 (1).pdf
slidesdeproduodevinho-141214183442-conversion-gate01 (1).pdfsarahvictoriasvtgsv
 

Semelhante a Evento biodinamicos (19)

Brasilidades vinho
Brasilidades vinhoBrasilidades vinho
Brasilidades vinho
 
A arte de garimpar os bons vinhos
A arte de garimpar os bons vinhosA arte de garimpar os bons vinhos
A arte de garimpar os bons vinhos
 
Filé Ao Vale Do Vinho
Filé Ao Vale Do VinhoFilé Ao Vale Do Vinho
Filé Ao Vale Do Vinho
 
THE ART OF WINE MADE IN BRAZIL
THE ART OF WINE MADE IN BRAZILTHE ART OF WINE MADE IN BRAZIL
THE ART OF WINE MADE IN BRAZIL
 
Resumo heineken
Resumo heinekenResumo heineken
Resumo heineken
 
Artigo bioterra v19_n2_07
Artigo bioterra v19_n2_07Artigo bioterra v19_n2_07
Artigo bioterra v19_n2_07
 
Brasil
BrasilBrasil
Brasil
 
Brasilidades cachaça
Brasilidades cachaçaBrasilidades cachaça
Brasilidades cachaça
 
Receitas Cordelier
Receitas CordelierReceitas Cordelier
Receitas Cordelier
 
Apresentacao Baden Baden DOM
Apresentacao Baden Baden DOMApresentacao Baden Baden DOM
Apresentacao Baden Baden DOM
 
Cerveja
CervejaCerveja
Cerveja
 
Higienização no sector vitivinicola
Higienização no sector vitivinicolaHigienização no sector vitivinicola
Higienização no sector vitivinicola
 
Higienização no sector vitivinicola
Higienização no sector vitivinicolaHigienização no sector vitivinicola
Higienização no sector vitivinicola
 
Cerveja - Manual de Estilos
Cerveja - Manual de EstilosCerveja - Manual de Estilos
Cerveja - Manual de Estilos
 
ENOLOGIA
ENOLOGIAENOLOGIA
ENOLOGIA
 
RD 2015 - Cervejas Curitibanas em Ascensão
RD 2015 - Cervejas Curitibanas em AscensãoRD 2015 - Cervejas Curitibanas em Ascensão
RD 2015 - Cervejas Curitibanas em Ascensão
 
Enologia
EnologiaEnologia
Enologia
 
slidesdeproduodevinho-141214183442-conversion-gate01 (1).pdf
slidesdeproduodevinho-141214183442-conversion-gate01 (1).pdfslidesdeproduodevinho-141214183442-conversion-gate01 (1).pdf
slidesdeproduodevinho-141214183442-conversion-gate01 (1).pdf
 
GUIA ESPUMANTES 2018 - BRASIL
GUIA ESPUMANTES 2018 - BRASILGUIA ESPUMANTES 2018 - BRASIL
GUIA ESPUMANTES 2018 - BRASIL
 

Evento biodinamicos

  • 1. evento A aprazível Casa da Fazenda, em São Paulo, em três níveis de seleção. O primeiro pressuposto é misto de restaurante e espaço para eventos, foi pal- praticar uma agricultura de excelente nível, plantan- co de mais uma grande apresentação da trupe dos do as videiras num solo vivo, livre de pesticidas e ou- Biodinâmicos, carinhosamente conhecida como “A tros produtos químicos. Além disso, cerca de 90% dos Turma do Joly”, numa referência ao grande Nico- participantes praticam a chamada agricultura biodi- las Joly, inspirador desse importante movimento nâmica, usando as preparações preconizadas pelos enológico, que já tem seu lugar garantido na his- estritos protocolos que regem a doutrina. No segundo tória da vitivinicultura mundial. Joly, devido a um passo, ou seja, na transformação das uvas em vinho, sério problema de saúde, felizmente já superado, deve-se assegurar que nenhum tipo de ação seja exe- não pôde estar presente a 2 a Mostra de Vinhos cutada para modificar “o gosto do terroir”, como Joly Biodinâmicos, sendo muito bem representado gosta de se referir aos vinhos. Segundo ele, a viníco- por sua filha e por seus vinhos espetaculares, entre la “deve ser uma maternidade e não uma fábrica”. os quais brilha o já mítico Coulée de Serrant. O comentário é muito pertinente, especialmente nos O movimento biodinâmico, trazido ao Brasil dias de hoje, onde toda sorte de malabarismos é uti- pelo incansável sommelier Ariel Perez, vem ganhan- lizada para se elaborar certos vinhos. Da imensa lista do cada vez mais adeptos em nosso país, fato plena- de ações proibidas, talvez a mais relevante seja o veto Vinhos mente confirmado pelo grande afluxo de profissio- ao uso de cerca de 300 leveduras aromáticas, que po- nais e enófilos ao evento, que nesta segunda edição dem mudar radicalmente o resultado da vinificação. contou com a presença de Andreas Larsson, som- Mesmo o uso de dióxido de enxofre como conservante melier sueco, campeão do mundo pela Association sofre severas restrições, sendo permitido em mínimas no Mundo de la Sommelerie International, que não só atendeu quantidades e só no caso dos vinhos brancos, imedia- 68 a todos com incrível simpatia e competência, como tamente antes do engarrafamento. Em resumo: redu- 69 também conduziu uma espetacular harmonização zir ao mínimo a manipulação do vinho. de 12 vinhos biodinâmicos com 12 pratos da culi- da Lua nária brasileira, preparados com rara maestria pelo novos produtorEs Brilharam chef Ivan Achcar, da Casa da Fazenda. ao lado dE EstrElas já consagradas As bases da cultura biodinâmica foram farta- Nesta 2 a edição da Renaissance des Apellattions al- mente exploradas em Wine Style nº18, que dedicou guns novos produtores, nem todos representados no ampla reportagem sobre a 1 a Feira Internacional Brasil, atraíram a atenção do público, que mesmo de Vinhos Biodinâmicos realizada no Brasil. Quem ávido pelas novidades, não deixou de lado produto- Em sua sEgunda Edição no Brasil, quiser se aprofundar no assunto também pode re- res consagrados, como Nikolaihof Wachau, da Áus- a f E i r a R e n a i s s a n c e d e s a p p e l at i o n s t r o u x E at é , correr ao livro “Vinho do Céu à Terra”, escrito tria; Domaine du Traginer, de Banyuls; Château Le EntrE outras novidadEs, um vinho “lunar”, pelo próprio Nicolas Joly, editado no Brasil pela Vi- Puy, de Bordeaux; Champagne Fleury; Domaine de p o r s i n a l d E a lta q u a l i d a d E . W i n E s t y l E E s t E v E num Editora e disponível nas melhores livrarias. O Villaine, de Bouzeron; Domaine Cazes, de Rivesaltes; l á E c o n ta o q u E v i u ( E p r o v o u . . . ) grupo Renaissance des Appellations, nome oficial dessa Antyal, de Álvaro Spinoza, que esteve presente no associação de produtores biodinâmicos, foi criado evento, além é claro, do clássico Coulée de Serrant, de t e x t o e fo t o A RT H U R A Z E V E D O, de S ão Pau l o por Joly em 2001 e conta hoje com 175 produtores, Savennières, pilotado por Joly. dos quais cerca de 40 estiveram representados em Entre as novidades da edição 2010, algumas São Paulo. Seu propósito é garantir a completa e chamaram a atenção não só pelo ineditismo como fiel expressão do terroir de cada uma das apelações. principalmente pela originalidade dos vinhos. Co- Para fazer parte de tão diferenciado time de pro- meçamos pelo Clos Puy Arnaud, um Bordeaux dutores, é necessário cumprir uma série de exigências, de Côtes du Castillon, cujo proprietário é Thierry
  • 2. Vallete, ex-proprietário do Château Pavie. Interes- Genesis foi mostrado em três diferentes safras (2005, sante notar que Thierry adota práticas da Borgonha 2006 e 2008), impecavelmente consistentes, com óti- na elaboração dos vinhos, tais como a vinificação ma fruta, taninos muito finos, aromas mentolados e de parcelas diminutas em separado, além de pigéa- balsâmicos, bom corpo e longa persistência. ge (manuseio das cascas que se acumulam no topo Do Chile, a novidade foi o Rayun Premium dos recipientes de fermentação) à mão em pequenos Blend 2006, uma mescla de Carmenère (50%), Ca- barris de madeira. O resultado desse processo pôde bernet Sauvignon, Syrah e Cabernet Franc, plantadas em ser conferido nos Clos Puy 2007 e 2008, ambos Isla de Maipo, com passagem em barricas de carva- com fruta exuberante, textura macia, bom corpo e lho francês por 12 a 14 meses e assinado pelos cra- longa persistência. ques Álvaro Spinoza e Juan Carlos Faundez. Potente Da Alsácia, duas novidades de peso, Martin e complexo, exibiu aromas de frutas escuras, com Schaetzel e Domaine Valentin Zusslin, mostraram notas de pimenta vermelha, chocolate, especiarias e a força da prática biodinâmica, na região que é hoje fino tostado, num vinho encorpado, concentrado, de o principal reduto dessa notável prática. Schaetzel, fina textura e longa persistência. Foi o escolhido por um pioneiro da biodinâmica na Alsácia, obtém suas Larsson para escoltar, no jantar harmonizado, uma uvas de um vinhedo cultivado com a ajuda de cavalos, suculenta picanha de Red Angus na brasa, com tutu num processo que remonta a tradição ancestral dos de feijão jalo e couve manteiga. Diga-se de passa- franceses. Seus vinhos expressam com rara felicida- gem, saiu-se muito bem. de a pureza das uvas, em particular a Gewürztraminer, Para finalizar, um espanhol de grande caráter, o uma especialidade da casa. O Martin Schaetzer excelente Mas Estela, da DO Emporda, na Catalu- Gewürztraminer Cuvée Reserve 2009 é uma pre- nha, numa propriedade situada no interior do Cap 70 ciosidade, exalando delicados aromas de lichias e rosas, Creus, um parque natural muito próximo ao Mediter- num vinho sutil, elegante, agradável e muito expressivo. râneo, onde os vinhedos estão plantados nas encostas A outra estrela da Alsácia é o Domaine Valentin das montanhas, em solo de ardósia. O rendimento é Zusslin, que elabora seus vinhos com uvas de vinhe- de apenas 30 hectolitros por hectare, o que explica dos cujas origens remontam a 1691, em Orschwihr, o caráter dos vinhos, sempre concentrados, mas pre- num Grand Cru denominado Pfingstberg. Biodinâ- servando a elegância. A grande estrela da casa é o mico há 12 anos, produz extensa gama de vinhos lunático (que deu título a esse artigo) Mas Estela Vi em diferentes estilos, dos secos aos doces. Destaque de Lluna 2007, corte de Garnacha e Syrah. O nome se absoluto para o Bollemberg Gewürztraminer deve ao fato de que as uvas são colhidas num momen- Vendage Tardive 2004, delicioso, sedutor, desca- to exato, ditado pela fase da lua, quando a seiva se radamente hedonístico, inesquecível. Rosas e lichias, concentra nas uvas, de acordo com as explicações do mescladas a mel, com sabores doces inebriantes de pessoal da Mas Estela. Acredite-se ou não, o que im- interminável persistência. Show... porta é o resultado na garrafa. E este é simplesmente Interessante também o Castagna Vineyard, que, espetacular. O Mas Estela combina rara concentra- apesar do nome não indicar, representou a Austrá- ção de frutas, boa acidez, equilíbrio impecável, tex- lia na mostra. Situado em Victoria, com vinhedos tura macia e persistência muito longa, comprovando plantados em altitudes elevadas, em solos de granito mais uma vez que, no reino dos vinhos biodinâmicos, decomposto sobre argila e com clima marcado pela a prática é mais importante do que a teoria. grande amplitude térmica – calor durante o dia e frio à noite. Essa combinação de solo e clima dá origem a vinhos de Syrah em pureza, expressivos e elegantes. O arthur@winestyle.com.br