SlideShare uma empresa Scribd logo

Unidade 2 - PNAIC - Planejamento

Elaine Cruz
Elaine Cruz
Elaine CruzDiretora/ PEBI em Secretaria Municipal de Educação

http://elainecruzeduc.blogspot.com.br/

Unidade 2 - PNAIC - Planejamento

1 de 62
Baixar para ler offline
Orientadora: Elaine Regina Cruz Ortega
Unidade 2 - PNAIC - Planejamento
Unidade 2 - PNAIC - Planejamento
Leitura

Produção
de texto
escrito

Ano 1

Análise
linguística
S.E.A.
Oralidade
Leitura

•
•

•
Ano 1

Envolve a aprendizagem
de diferentes habilidades:

Domínio da mecânica que implica na
transformação dos signos escritos em
informações;
Compreensão das informações explícitas e
implícitas do texto lido;
Construção de sentido.
Leitura
•
•
•

Ano 1

Cabe ao professor alfabetizador:
Atuar como mediador dos processos de leitura;
Ler diariamente para os alunos, textos de diferentes
gêneros e com diferentes objetivos (deleite, busca
de informações, etc);
Propor atividades de leitura diversificadas
(individual, compartilhada) e próximas das práticas
sociais de letramento.

Recomendados

PROJETO LEITURA E ESCRITA 2012
PROJETO LEITURA E ESCRITA 2012PROJETO LEITURA E ESCRITA 2012
PROJETO LEITURA E ESCRITA 2012Ðouglas Rocha
 
Proposta curricular para o 2º ano do ensino fundamental
Proposta curricular para o 2º ano do ensino fundamentalProposta curricular para o 2º ano do ensino fundamental
Proposta curricular para o 2º ano do ensino fundamentalRosemary Batista
 
Identificação dos níveis silábicos Emília Ferreiro
Identificação dos níveis silábicos Emília Ferreiro Identificação dos níveis silábicos Emília Ferreiro
Identificação dos níveis silábicos Emília Ferreiro augustafranca7
 
Projeto de Leitura: Minha Escola Lê
Projeto de Leitura: Minha Escola LêProjeto de Leitura: Minha Escola Lê
Projeto de Leitura: Minha Escola LêCirlei Santos
 
Pnaic unidade 3 sea - sistema de escrita alfabetica 1º encontro
Pnaic unidade 3   sea - sistema de escrita alfabetica  1º encontroPnaic unidade 3   sea - sistema de escrita alfabetica  1º encontro
Pnaic unidade 3 sea - sistema de escrita alfabetica 1º encontrotlfleite
 
Plano de ensino português corrigido
Plano de ensino português corrigidoPlano de ensino português corrigido
Plano de ensino português corrigidosimonclark
 
Sequencia didatica
Sequencia didaticaSequencia didatica
Sequencia didaticashs_oliveira
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Sequência didática " Viviana a rainha do pijama"
Sequência didática " Viviana a rainha do pijama"Sequência didática " Viviana a rainha do pijama"
Sequência didática " Viviana a rainha do pijama"Isabel Rosa
 
Unidade 3 ano 2 A compreensão do Sistema de Escrita Alfabética e a consolidaç...
Unidade 3 ano 2 A compreensão do Sistema de Escrita Alfabética e a consolidaç...Unidade 3 ano 2 A compreensão do Sistema de Escrita Alfabética e a consolidaç...
Unidade 3 ano 2 A compreensão do Sistema de Escrita Alfabética e a consolidaç...Bete Feliciano
 
Sea sistema de escrita alfabética slide
Sea   sistema de escrita alfabética  slideSea   sistema de escrita alfabética  slide
Sea sistema de escrita alfabética slidetlfleite
 
Sistema de Escrita Alfabética - PNAIC
Sistema de Escrita Alfabética - PNAICSistema de Escrita Alfabética - PNAIC
Sistema de Escrita Alfabética - PNAICVera Marlize Schröer
 
SEQUÊNCIA DIDÁTICA - ALIMENTOS SAUDÁVEIS
SEQUÊNCIA DIDÁTICA - ALIMENTOS SAUDÁVEISSEQUÊNCIA DIDÁTICA - ALIMENTOS SAUDÁVEIS
SEQUÊNCIA DIDÁTICA - ALIMENTOS SAUDÁVEISeducacaodetodos
 
2ª formação leitura e escrita
2ª formação   leitura e escrita2ª formação   leitura e escrita
2ª formação leitura e escritaPNAIC UFSCar
 
Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.Magda Marques
 
Plano intervenção
Plano intervençãoPlano intervenção
Plano intervençãojosihy
 
Projeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestreProjeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestreheliane
 
Projeto roda de leitura
Projeto roda de leituraProjeto roda de leitura
Projeto roda de leituraGrupo "FG"
 
Projeto Sala de Leitura PPT
Projeto Sala de Leitura PPTProjeto Sala de Leitura PPT
Projeto Sala de Leitura PPTLUCIA JANDER
 
O QUE É PLANO EDUCACIONAL INDIVIDUALIZADO (PEI)_ POR ONDE COMEÇAR SUA CONSTRU...
O QUE É PLANO EDUCACIONAL INDIVIDUALIZADO (PEI)_ POR ONDE COMEÇAR SUA CONSTRU...O QUE É PLANO EDUCACIONAL INDIVIDUALIZADO (PEI)_ POR ONDE COMEÇAR SUA CONSTRU...
O QUE É PLANO EDUCACIONAL INDIVIDUALIZADO (PEI)_ POR ONDE COMEÇAR SUA CONSTRU...MarlyCristinaBarbosa
 
Sequência didática meio ambiente nível i
Sequência didática meio ambiente  nível iSequência didática meio ambiente  nível i
Sequência didática meio ambiente nível ijosivaldopassos
 

Mais procurados (20)

Plano de aee
Plano de aeePlano de aee
Plano de aee
 
Produção de textos ano 2
Produção de textos ano 2Produção de textos ano 2
Produção de textos ano 2
 
Sequência didática " Viviana a rainha do pijama"
Sequência didática " Viviana a rainha do pijama"Sequência didática " Viviana a rainha do pijama"
Sequência didática " Viviana a rainha do pijama"
 
Projeto de leitura
Projeto de leitura Projeto de leitura
Projeto de leitura
 
Pnaic leitura 2016
Pnaic leitura 2016Pnaic leitura 2016
Pnaic leitura 2016
 
Níveis de escrita (1)pnaic
Níveis de escrita (1)pnaicNíveis de escrita (1)pnaic
Níveis de escrita (1)pnaic
 
Unidade 3 ano 2 A compreensão do Sistema de Escrita Alfabética e a consolidaç...
Unidade 3 ano 2 A compreensão do Sistema de Escrita Alfabética e a consolidaç...Unidade 3 ano 2 A compreensão do Sistema de Escrita Alfabética e a consolidaç...
Unidade 3 ano 2 A compreensão do Sistema de Escrita Alfabética e a consolidaç...
 
Sea sistema de escrita alfabética slide
Sea   sistema de escrita alfabética  slideSea   sistema de escrita alfabética  slide
Sea sistema de escrita alfabética slide
 
Sistema de Escrita Alfabética - PNAIC
Sistema de Escrita Alfabética - PNAICSistema de Escrita Alfabética - PNAIC
Sistema de Escrita Alfabética - PNAIC
 
SEQUÊNCIA DIDÁTICA - ALIMENTOS SAUDÁVEIS
SEQUÊNCIA DIDÁTICA - ALIMENTOS SAUDÁVEISSEQUÊNCIA DIDÁTICA - ALIMENTOS SAUDÁVEIS
SEQUÊNCIA DIDÁTICA - ALIMENTOS SAUDÁVEIS
 
2ª formação leitura e escrita
2ª formação   leitura e escrita2ª formação   leitura e escrita
2ª formação leitura e escrita
 
Rotina escolar
Rotina escolarRotina escolar
Rotina escolar
 
Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.
 
Projeto baú dos sonhos
Projeto            baú dos sonhosProjeto            baú dos sonhos
Projeto baú dos sonhos
 
Plano intervenção
Plano intervençãoPlano intervenção
Plano intervenção
 
Projeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestreProjeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestre
 
Projeto roda de leitura
Projeto roda de leituraProjeto roda de leitura
Projeto roda de leitura
 
Projeto Sala de Leitura PPT
Projeto Sala de Leitura PPTProjeto Sala de Leitura PPT
Projeto Sala de Leitura PPT
 
O QUE É PLANO EDUCACIONAL INDIVIDUALIZADO (PEI)_ POR ONDE COMEÇAR SUA CONSTRU...
O QUE É PLANO EDUCACIONAL INDIVIDUALIZADO (PEI)_ POR ONDE COMEÇAR SUA CONSTRU...O QUE É PLANO EDUCACIONAL INDIVIDUALIZADO (PEI)_ POR ONDE COMEÇAR SUA CONSTRU...
O QUE É PLANO EDUCACIONAL INDIVIDUALIZADO (PEI)_ POR ONDE COMEÇAR SUA CONSTRU...
 
Sequência didática meio ambiente nível i
Sequência didática meio ambiente  nível iSequência didática meio ambiente  nível i
Sequência didática meio ambiente nível i
 

Semelhante a Unidade 2 - PNAIC - Planejamento

Pnaic planejamento e rotina unidade 2 fechamento
Pnaic planejamento e rotina unidade 2 fechamentoPnaic planejamento e rotina unidade 2 fechamento
Pnaic planejamento e rotina unidade 2 fechamentotlfleite
 
guia de aprendizagem 8 ano A.docx
guia de aprendizagem 8 ano A.docxguia de aprendizagem 8 ano A.docx
guia de aprendizagem 8 ano A.docxJujuBaia1
 
Pnaic sintese unidade 2 from juliana arruda
Pnaic sintese unidade 2 from juliana arrudaPnaic sintese unidade 2 from juliana arruda
Pnaic sintese unidade 2 from juliana arrudatlfleite
 
PNAIC - Ano 3 unidade 2
PNAIC - Ano 3  unidade 2PNAIC - Ano 3  unidade 2
PNAIC - Ano 3 unidade 2ElieneDias
 
Slides planejamento escolar
Slides planejamento escolarSlides planejamento escolar
Slides planejamento escolarAnanda Lima
 
PNAIC - Ano 2 unidade 2
PNAIC - Ano 2   unidade 2PNAIC - Ano 2   unidade 2
PNAIC - Ano 2 unidade 2ElieneDias
 
PNAIC - Avaliação
PNAIC - AvaliaçãoPNAIC - Avaliação
PNAIC - AvaliaçãoElieneDias
 
Por que planejar o ensino
Por que planejar o ensinoPor que planejar o ensino
Por que planejar o ensinoGisele Silva
 
Segunda reunião de coordenadores
Segunda reunião de coordenadoresSegunda reunião de coordenadores
Segunda reunião de coordenadoresRosemary Batista
 
Slides unidade 2 ano 2
Slides unidade 2   ano 2Slides unidade 2   ano 2
Slides unidade 2 ano 2Lais Renata
 
Inglês-Ensino-Médio-Camila-e-Lessandra.pdf
Inglês-Ensino-Médio-Camila-e-Lessandra.pdfInglês-Ensino-Médio-Camila-e-Lessandra.pdf
Inglês-Ensino-Médio-Camila-e-Lessandra.pdfMateusSoares325300
 
Unidade 2 - ano 2 - Planejamento
Unidade 2 - ano 2 - PlanejamentoUnidade 2 - ano 2 - Planejamento
Unidade 2 - ano 2 - PlanejamentoBete Feliciano
 
Projeto desenvolvido ra.pptm enviar
Projeto desenvolvido ra.pptm enviarProjeto desenvolvido ra.pptm enviar
Projeto desenvolvido ra.pptm enviarElena Roque Almeida
 
EA_Estilos de Aprendizagem
EA_Estilos de AprendizagemEA_Estilos de Aprendizagem
EA_Estilos de Aprendizagemlarlop
 
Pnaic 2º encontro unidade 1 e 2 ano 2 - 2013-1
Pnaic 2º encontro unidade 1 e 2   ano 2 - 2013-1Pnaic 2º encontro unidade 1 e 2   ano 2 - 2013-1
Pnaic 2º encontro unidade 1 e 2 ano 2 - 2013-1miesbella
 

Semelhante a Unidade 2 - PNAIC - Planejamento (20)

Pnaic planejamento e rotina unidade 2 fechamento
Pnaic planejamento e rotina unidade 2 fechamentoPnaic planejamento e rotina unidade 2 fechamento
Pnaic planejamento e rotina unidade 2 fechamento
 
guia de aprendizagem 8 ano A.docx
guia de aprendizagem 8 ano A.docxguia de aprendizagem 8 ano A.docx
guia de aprendizagem 8 ano A.docx
 
Pnaic sintese unidade 2 from juliana arruda
Pnaic sintese unidade 2 from juliana arrudaPnaic sintese unidade 2 from juliana arruda
Pnaic sintese unidade 2 from juliana arruda
 
PNAIC - Ano 3 unidade 2
PNAIC - Ano 3  unidade 2PNAIC - Ano 3  unidade 2
PNAIC - Ano 3 unidade 2
 
Slides planejamento escolar
Slides planejamento escolarSlides planejamento escolar
Slides planejamento escolar
 
PNAIC - Ano 2 unidade 2
PNAIC - Ano 2   unidade 2PNAIC - Ano 2   unidade 2
PNAIC - Ano 2 unidade 2
 
PNAIC - Avaliação
PNAIC - AvaliaçãoPNAIC - Avaliação
PNAIC - Avaliação
 
Unidade 7
Unidade 7Unidade 7
Unidade 7
 
Por que planejar o ensino
Por que planejar o ensinoPor que planejar o ensino
Por que planejar o ensino
 
Segunda reunião de coordenadores
Segunda reunião de coordenadoresSegunda reunião de coordenadores
Segunda reunião de coordenadores
 
Apresentação unidade 5
Apresentação unidade 5Apresentação unidade 5
Apresentação unidade 5
 
Slides unidade 2 ano 2
Slides unidade 2   ano 2Slides unidade 2   ano 2
Slides unidade 2 ano 2
 
Inglês-Ensino-Médio-Camila-e-Lessandra.pdf
Inglês-Ensino-Médio-Camila-e-Lessandra.pdfInglês-Ensino-Médio-Camila-e-Lessandra.pdf
Inglês-Ensino-Médio-Camila-e-Lessandra.pdf
 
Unidade 2 - ano 2 - Planejamento
Unidade 2 - ano 2 - PlanejamentoUnidade 2 - ano 2 - Planejamento
Unidade 2 - ano 2 - Planejamento
 
Plano de aula maria dimpina (2)
Plano de aula maria dimpina (2)Plano de aula maria dimpina (2)
Plano de aula maria dimpina (2)
 
Projeto desenvolvido ra.pptm enviar
Projeto desenvolvido ra.pptm enviarProjeto desenvolvido ra.pptm enviar
Projeto desenvolvido ra.pptm enviar
 
Projeto proinfo
Projeto proinfoProjeto proinfo
Projeto proinfo
 
Caderno 3 ano lp vol 1
Caderno 3 ano lp   vol 1Caderno 3 ano lp   vol 1
Caderno 3 ano lp vol 1
 
EA_Estilos de Aprendizagem
EA_Estilos de AprendizagemEA_Estilos de Aprendizagem
EA_Estilos de Aprendizagem
 
Pnaic 2º encontro unidade 1 e 2 ano 2 - 2013-1
Pnaic 2º encontro unidade 1 e 2   ano 2 - 2013-1Pnaic 2º encontro unidade 1 e 2   ano 2 - 2013-1
Pnaic 2º encontro unidade 1 e 2 ano 2 - 2013-1
 

Mais de Elaine Cruz

U8 - PNAIC - Avaliação e Progressão Escolar
U8 - PNAIC - Avaliação e Progressão EscolarU8 - PNAIC - Avaliação e Progressão Escolar
U8 - PNAIC - Avaliação e Progressão EscolarElaine Cruz
 
Unidade 7 - PNAIC - Heterogeneidade
Unidade 7 - PNAIC - HeterogeneidadeUnidade 7 - PNAIC - Heterogeneidade
Unidade 7 - PNAIC - HeterogeneidadeElaine Cruz
 
Unidade 5 - PNAIC - Gêneros Textuais
Unidade 5 - PNAIC - Gêneros TextuaisUnidade 5 - PNAIC - Gêneros Textuais
Unidade 5 - PNAIC - Gêneros TextuaisElaine Cruz
 
Unidade 3 - PNAIC - Sistema de Escrita Alfabética
Unidade 3 - PNAIC - Sistema de Escrita AlfabéticaUnidade 3 - PNAIC - Sistema de Escrita Alfabética
Unidade 3 - PNAIC - Sistema de Escrita AlfabéticaElaine Cruz
 
Unidade1 - PNAIC - Currículo
Unidade1 - PNAIC - CurrículoUnidade1 - PNAIC - Currículo
Unidade1 - PNAIC - CurrículoElaine Cruz
 
Unidade 6 - PNAIC - Projetos e Sequências Didáticas
Unidade 6 - PNAIC - Projetos e Sequências DidáticasUnidade 6 - PNAIC - Projetos e Sequências Didáticas
Unidade 6 - PNAIC - Projetos e Sequências DidáticasElaine Cruz
 
Unidade 4 - PNAIC - Ludicidade
Unidade 4 - PNAIC - LudicidadeUnidade 4 - PNAIC - Ludicidade
Unidade 4 - PNAIC - LudicidadeElaine Cruz
 

Mais de Elaine Cruz (7)

U8 - PNAIC - Avaliação e Progressão Escolar
U8 - PNAIC - Avaliação e Progressão EscolarU8 - PNAIC - Avaliação e Progressão Escolar
U8 - PNAIC - Avaliação e Progressão Escolar
 
Unidade 7 - PNAIC - Heterogeneidade
Unidade 7 - PNAIC - HeterogeneidadeUnidade 7 - PNAIC - Heterogeneidade
Unidade 7 - PNAIC - Heterogeneidade
 
Unidade 5 - PNAIC - Gêneros Textuais
Unidade 5 - PNAIC - Gêneros TextuaisUnidade 5 - PNAIC - Gêneros Textuais
Unidade 5 - PNAIC - Gêneros Textuais
 
Unidade 3 - PNAIC - Sistema de Escrita Alfabética
Unidade 3 - PNAIC - Sistema de Escrita AlfabéticaUnidade 3 - PNAIC - Sistema de Escrita Alfabética
Unidade 3 - PNAIC - Sistema de Escrita Alfabética
 
Unidade1 - PNAIC - Currículo
Unidade1 - PNAIC - CurrículoUnidade1 - PNAIC - Currículo
Unidade1 - PNAIC - Currículo
 
Unidade 6 - PNAIC - Projetos e Sequências Didáticas
Unidade 6 - PNAIC - Projetos e Sequências DidáticasUnidade 6 - PNAIC - Projetos e Sequências Didáticas
Unidade 6 - PNAIC - Projetos e Sequências Didáticas
 
Unidade 4 - PNAIC - Ludicidade
Unidade 4 - PNAIC - LudicidadeUnidade 4 - PNAIC - Ludicidade
Unidade 4 - PNAIC - Ludicidade
 

Unidade 2 - PNAIC - Planejamento

  • 5. Leitura • • • Ano 1 Envolve a aprendizagem de diferentes habilidades: Domínio da mecânica que implica na transformação dos signos escritos em informações; Compreensão das informações explícitas e implícitas do texto lido; Construção de sentido.
  • 6. Leitura • • • Ano 1 Cabe ao professor alfabetizador: Atuar como mediador dos processos de leitura; Ler diariamente para os alunos, textos de diferentes gêneros e com diferentes objetivos (deleite, busca de informações, etc); Propor atividades de leitura diversificadas (individual, compartilhada) e próximas das práticas sociais de letramento.
  • 7. Produção de texto escrito • • • Ano 1 Dimensões da escrita a serem contempladas: Registro de um texto que se sabe de cor; Reescrita de textos, em que as crianças sabem o conteúdo do texto, mas precisam recuperá-lo e escrever de outro modo; Escrita autoral de textos, em que os estudantes precisam definir o que vão dizer e como vão dizer.
  • 8. Produção de texto escrito Cabe ao professor alfabetizador: • • • • • Ano 1 Despertar o desejo de escrever; Propor escritas espontâneas desde as primeiras semanas de aula (copiar não é sinônimo de escrever). Revisar textos quando for exibido em murais. Propor escritas de diferentes formas: coletivas, em dupla, individuais. Atuar como escriba.
  • 9. Ser competente em diferentes situações linguísticas orais engloba: • • • Ano 1 Oralidade Saber adequar sua linguagem ao contexto ou ao evento em que estamos inseridos; Saber as regras de convivência e de comportamento segundo as quais os espaços sociais estão organizados; Saber monitorar a fala e a escuta em situações formais.
  • 10. Oralidade Cabe ao professor alfabetizador: • • • Ano 1 Compreender que se ensina para que as crianças sejam sujeitos capazes de expor, argumentar, explicar, narrar, escutar atentamente e opinar, respeitando a vez e o momento de falar; Promover práticas com os usos reais da língua, sem estigmatizar a variedade dos alunos. Propor atividades sistemáticas que envolvam os gêneros orais (apresentação de trabalhos, entrevistas, debates, contação de histórias, etc)
  • 11. Envolve os seguintes conhecimentos: • • • Ano 1 Análise linguística S.E.A. Conhecer todas as letras do alfabeto, seus respectivos nomes e diferentes formas de grafá-las; Perceber as relações que existem entre som-letra, por meio do desenvolvimento da consciência fonológica; Aprender sobre ortografia.
  • 12. Análise linguística - S. E. A. Cabe ao professor alfabetizador: • • • Ano 1 Promover reflexões acerca da língua e seu funcionamento, já que o SEA é complexo e possui regras próprias; Favorecer a reflexão acerca de segmentos linguísticos menores, como as sílabas e os fonemas, através de jogos, atividades lúdicas, atividades de composição e decomposição de palavras, etc; Propor escrita de palavras, tanto para iniciantes quanto para os que precisam consolidar relações som-letra e ganhar mais agilidade na escrita;
  • 13. Ano 1
  • 14. Quando planejamos atividades a serem realizadas para cada dia sem tomarmos como referencial o ano letivo, perdemos de vista o processo mais amplo e corremos o risco de negligenciarmos conteúdos que são direitos de aprendizagem de nossos alunos e, com isso, muitas vezes nos surpreendemos com os resultados obtidos. (U2.A1.P13) Ano 1
  • 15. Ao organizarmos planos anuais, devemos:  Conhecer as orientações oficiais, para selecionar conteúdos e competências;  Ter como foco os direitos de aprendizagem e as experiências acumuladas;  Visualizar aspectos mais amplos do trabalho de alfabetização e letramento e tomar decisões gerais relacionadas ao processo ensino/aprendizagem;  Integrar diferentes instâncias e âmbitos que constituem a escola e o processo educativo. A partir do plano anual é que devem ser elaborados os planos semanais e diários, construindo assim uma rotina de trabalho.  A avaliação diagnóstica inicial deve ser o ponto de partida. Ano 1
  • 16. Ano 3
  • 17. Do ponto de vista de sua realização, o currículo pode assumir duas formas:  Concebido: currículo formal.  Vivido: efetivamente manifesta, ou não, a concretização do concebido. Deste modo, o que é efetivamente praticado na escola, constitui de fato o currículo. Ano 3
  • 18. Prática pedagógica do professor  É resultado de suas concepções sobre ensino/aprendizagem. CONCEPÇÕES CONSTRUÍDAS COM BASE EM... Documentos Curriculares Textos Estudados Situações de Formação Conhecimentos Adquiridos Experiências Vivenciadas Resultados de Avaliações Concepções influenciam os planejamentos e processos de mediação dos professores Ano 3
  • 19. PLANEJAMENTO  É regido por princípios didáticos. ...nem sempre o docente tem consciência dos princípios que regem seu trabalho. ...quanto mais consciência tiver, mais autonomia terá no processo de planejamento e realização da ação didática. Ano 3
  • 20. ESTUDO – Lima (2011) Público alvo: - 2 professoras do 5º ano do Ensino Fundamental - 51 alunos (31 em uma turma e 20 na outra) Metodologia de Pesquisa: - Análise de relatórios de aulas (anotações, gravações e filmagens). - Entrevistas com alunos para saber a opinião sobre as aulas. Sequência didática: - Desenvolvida(s) em 10/13 aulas. Atividades: - Leitura e discussão de reportagens sobre preconceito, adoção, ataques de tubarões e saneamento básico. - Produção de reportagens que compuseram o jornal mural da escola. Ano 3
  • 21. Princípios centrados na perspectiva SOCIOINTERACIONISTA de ensino: (1) ensino reflexivo: estimulavam as crianças a refletir sobre os conhecimentos, evitando situações em que estes eram simplesmente transmitidos por elas; (2) ensino centrado na problematização: planejavam atividades em que as crianças eram desafiadas a resolver problemas diversos; havia desafios que motivavam as crianças a querer aprender; (3) ensino centrado na interação em pares: priorizavam situações em que a aprendizagem se dava por meio da interação em grandes grupos, em pequenos grupos, em duplas; as atividades individuais sempre culminavam em momentos de socialização e discussão; Ano 3 ESTUDO COM DUAS PROFESSORAS – Lima (2011)
  • 22. Princípios – perspectiva SOCIOINTERACIONISTA: (4) ensino centrado na explicitação verbal: estimulavam as crianças a falar sobre o que pensavam, responder perguntas; elas não tinham medo de errar porque sabiam que podiam dizer o que pensavam sem passar por constrangimentos; entendiam que todos estavam aprendendo; (5) favorecimento da argumentação: estimulavam as crianças a expor e justificar suas opiniões; permitiam o confronto de diferentes pontos de vista; valorizavam as posturas de respeito, mas com explicitação das diferentes possibilidades de pensar sobre os conhecimentos; (6) sistematização dos saberes: realizavam atividades de sistematização dos conhecimentos ensinados; havia momentos de sínteses em relação aos conhecimentos acumulados, seja por meio de exposições breves, seja por meio de registro coletivo das aprendizagens realizadas; Ano 3 ESTUDO COM DUAS PROFESSORAS – Lima (2011)
  • 23. Princípios – perspectiva SOCIOINTERACIONISTA: (7) valorização dos conhecimentos dos alunos: estimulavam as crianças a expor seus conhecimentos valorizando o que diziam e se preocupavam em saber o que os alunos sabiam e utilizavam isso como ponto de partida para planejar as atividades; investiam também no aumento da autoestima; (8) incentivo à participação dos alunos: se dirigiam às crianças quando percebiam que elas estavam apáticas, tímidas ou sem iniciativa; (9) diversificação de estratégias didáticas: realizavam vários tipos de atividades com recursos diferentes para contemplar um determinado conteúdo; (10) ensino centrado na progressão: contemplavam um mesmo conteúdo em aulas diferentes, aumentando o grau de dificuldade. Ano 3 ESTUDO COM DUAS PROFESSORAS – Lima (2011)
  • 24. Concepção dos Estudantes • os conteúdos eram importantes para a vida; • as atividades eram boas; • havia vários tipos de atividades; • a ordem das atividades era interessante; • os assuntos trabalhados em uma aula também eram ensinados em outras aulas; • alguns assuntos eram de duas “matérias”; • as atividades não eram muito difíceis; • a professora ajudava a realizar a atividade; • a professora explicava “direito”; • os textos eram bons; • a professora percebia se a turma estava aprendendo; • conseguiam aprender. Ano 3 ENTREVISTAS COM 51 ALUNOS – Lima (2011)
  • 25. Conclusão do Estudo Quando as aulas são bem planejadas, os estudantes se envolvem mais. Além disso, é importante...     Ano 3 Postura do professor; Modos de mediação; Capacidade de explicar bem e dialogar; Modos de interagir com os alunos. ENTREVISTAS COM 51 ALUNOS – Lima (2011)
  • 26. Organização do trabalho pedagógico  Atividades permanentes: se repetem durante um determinado período de tempo (semana, mês, ano).  Sequências didáticas: atividades são dependentes umas das outras e sua ordem é importante, sendo que um mesmo conteúdo pode ser revisitado em diferentes aulas.  Projetos didáticos: diferentes atividades são resolvidas para resolver um problema, e há uma culminância com a socialização das produções. É interdisciplinar, e os alunos do planejamento das estratégias a serem utilizadas. Ano 3
  • 27. Ano 3
  • 34. Ano 1 – Pág. 17
  • 36. Revolução industrial/desenvolvimento do capitalismo: • • • Ano 1 – Pág. 17 Produção em série. Divisão do trabalho em intelectual e braçal. Perda do controle sobre o processo produtivo pelos trabalhadores.
  • 37. Educação tecnicista/comportamentalista: • • • Ano 1 – Pág. 18 Formação de mão-de-obra qualificada. Surgem os cursos profissionalizantes. Gestores e supervisores planejavam e prescreviam o que deveria ser ensinado e os métodos a serem desenvolvidos; professores apenas executavam.
  • 38.  Décadas de 60/70: Atividades repetitivas guiadas por manuais, planejadas e pré-estabelecidas para dividir o conteúdo em pequenas doses diárias com o objetivo de se fazer cumpri-las, independente do que pudesse ocorrer no decorrer do processo.  Década de 80: Com a interpretação equivocada da teoria construtivista, o professor não precisaria se programar para realizar as atividades, pois estas iriam surgir na própria prática cotidiana. Transformou a sala de aula em lugar de improvisos constantes. Ano 1 – Pág. 18-19
  • 39.  Século XXI: Defesa à volta dos “tradicionais” métodos de alfabetização.  Polarização entre correntes TRADICIONAL/ CONSTRUTIVISTA Alfabetizar não deve se resumir a trabalhar o sistema de escrita de forma repetida e com ênfase na memória, dentro de uma rotina desprovida dos encantamentos dos textos que estão presentes na vida cotidiana das pessoas e de atividades reflexivas e desafiadoras para os alunos. Ano 1 – Pág. 20
  • 40. - A interação dos alunos com os objetos do conhecimento. - A participação ativa e envolvimento no processo pedagógico. - Ano 1 – Pág. 21 Atividades diagnósticas para saber os conhecimentos que os alunos possuem sobre determinados conteúdos; Atividades de natureza diferenciadas como as atividades permanentes, sequências didáticas, projetos didáticos, trabalho com o livro didático, uso de jogos, etc;
  • 41. - Leitura deleite pela professora, para ampliar experiências de letramento e formar o gosto pela leitura. - Leitura de textos de memória (poemas, cantigas, parlendas) para desenvolver a fluência leitora e para refletir sobre o Sistema de Escrita Alfabético. - Uso do laboratório de informática para escrita de palavras trabalhadas e uso de jogos de alfabetização instalados. Ano 1 – Pág. 22
  • 42. - De duração variável (semanas, um mês ou mais), trabalhada de duas a três vezes por semana, para atingir objetivos didáticos relacionados à diferentes áreas. - Articulados aos objetivos didáticos propostos no plano anual para a classe, principalmente nas outras áreas de ensino (Ciências, História, Geografia e Artes). Ano 1 – Pág. 23-24
  • 43. - Exploração do texto da música “Jacaré”, de Newton Helliton, com atividades coletivas; Eu conheço um jacaré Que gosta de comer Esconda as suas orelhas Se não o jacaré... Come as orelhas E o dedão do pé Ano 1 – Pág. 23
  • 44. - Parlenda “Jacaré com Catapora”, com atividades de identificação de rimas e de comparação da parlenda com o estilo literário do texto anterior (cantiga); Ano 1 – Pág. 23
  • 45. - Poema “Jacaré”, do livro Alfabetário, de José de Nicola, seguida de comparação das diferentes versões sobre uma mesma temática. - Texto informativo sobre animais em extinção. Ano 1 – Pág. 23
  • 46. - Semanalmente, e quando a unidade do livro não está contextualizada dentro do que está vivenciando na semana, procura contextualizá-la na temática do livro, com o desenvolvimento de atividades complementares. Ano 1 – Pág. 24-25
  • 47. - Utilizados de duas a três vezes na semana, proporcionam desafios e reflexão sobre o SEA, utilizado em agrupamentos de acordo com o nível de compreensão da escrita. Ano 1 – Pág. 25
  • 48. Ano 1 – Pág. 26
  • 49. A organização de uma rotina que privilegia a sistematização do trabalho da alfabetização de modo a contemplar os diferentes eixos de ensino da língua, por meio de um planejamento construído com base na realidade de cada aluno e escola, pode favorecer a construção e a realização de atividades que ajudam a promover a autonomia e a criatividade dos alunos no mundo da leitura e escrita. Ano 1 – Pág. 27
  • 51. Ano 3 – Pág. 15
  • 52. Leitura Análise linguística S.E.A. Produção de textos escritos Oralidade Os diferentes eixos do ensino são interligadas, mas há especificidades a serem contempladas. Ano 3 – Pág. 15
  • 53. LEITURA Três dimensões interligadas precisam ser enfatizadas: 1. A dimensão sociodiscursiva; 2. O desenvolvimento de estratégias de leitura; 3. O domínio dos conhecimentos linguísticos. Ano 3 - Pág. 15-16
  • 54. PRODUÇÃO DE TEXTOS ESCRITOS Três dimensões interligadas precisam ser enfatizadas: 1. A dimensão sociodiscursiva; 2. O desenvolvimento de estratégias de produção de texto; 3. O domínio dos conhecimentos linguísticos. Ano 3 - Pág. 17-18
  • 55. ORALIDADE Quatro dimensões interligadas precisam ser enfatizadas: 1. Valorização dos textos de tradição oral; 2. Oralização do texto escrito; 3. Relações entre fala e escrita; 4. Produção e compreensão de gêneros orais. Ano 3 - Pág. 18-19
  • 56. ANÁLISE LINGUÍSTICA Três dimensões interligadas precisam ser enfatizadas: 1. Caracterização e reflexão sobre os gêneros e suportes textuais; 2. Reflexão sobre o uso de recursos linguísticos para constituição de efeitos de sentido em textos orais e escritos, incluindo a aprendizagem de convenções gramaticais; 3. Domínio do sistema alfabético e norma ortográfica; Ano 3 - Pág. 19
  • 57. Contribuições da Perspectiva Bakhtiniana Um trabalho centrado nos gêneros discursivos é um caminho profícuo para a ampliação do grau de letramento dos alunos. Bakhtin (1895-1975) Filósofo Russo, pesquisador da linguagem humana Ano 3 - Pág. 20-21
  • 58. Cabe à escola:  Propiciar    situações de interação mediadas por diferentes gêneros orais e escritos; Propor trabalhos com textos escolares e não escolares. Utilizar os textos didáticos, propiciando situações de interpretação e discussão com os alunos sobre as dificuldades que eles possam demonstrar. Considerar que um mesmo texto pode ser utilizado para mobilizar saberes diversos, de diferentes áreas. Ano 3 - Pág. 20-21
  • 59. Ano 3 - Pág. 21
  • 60. Ano 3 - Pág. 22
  • 61.  Promover situações variadas que contemplem os quatro eixos do ensino de modo integrado aos diferentes componentes curriculares, atendendo aos princípios didáticos baseados na perspectiva sociointeracionista.  Variar os modos de organização do trabalho pedagógico.  Criar ROTINAS escolares, cujos temas e conteúdos são definidos em função dos direitos de aprendizagem que se pretende contemplar. Ano 3 - Pág. 22
  • 62. As fronteiras de tempo e espaço podem ser rompidas em planejamentos mais flexíveis, contanto que se tenha clareza do que se deve ensinar, considerando as necessidades, conhecimentos e desejo dos estudantes. Ano 3 - Pág. 23