Palestra ciencias naturais. aprendendo com o cotidiano

646 visualizações

Publicada em

Perspectivas atuais sobre o Ensino de Ciências: Aspectos Teóricos e Práticos - Apresentação da obraMiguel Angelo Thompson Rios

Publicada em: Tecnologia, Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
646
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Palestra ciencias naturais. aprendendo com o cotidiano

  1. 1. Perspectivas atuais sobre o Ensino de Ciências: Aspectos Teóricos e Práticos Miguel Angelo Thompson Rios
  2. 2. Âmbitos da Produção Científica <ul><li>Pesquisa </li></ul><ul><li>Desenvolvimento </li></ul><ul><li>Difusão </li></ul><ul><li>Ensino </li></ul>
  3. 3. GLÓRIA PEREZ Barriga de Aluguel (1990) – Inseminação artificial De Corpo e Alma (1992) – Transplante de Órgãos O Clone (2002) - Clonagem
  4. 4. O Ensino de Ciências Pressupostos
  5. 5. Relevância Social Apresentar conteúdos que sejam necessários à vida em sociedade, com significação imediata para o estudante.
  6. 6. Queremos Saber Gilberto Gil Queremos saber, O que vão fazer Com as novas invenções Queremos notícia mais séria Sobre a descoberta da antimatéria e suas implicações Na emancipação do homem Das grandes populações Homens pobres das cidades Das estepes dos sertões Queremos saber, Quando vamos ter Raio laser mais barato Queremos, de fato, um relato Retrato mais sério do mistério da luz Luz do disco voador Pra iluminação do homem Tão carente, sofredor Tão perdido na distância Da morada do senhor Queremos saber, Queremos viver Confiantes no futuro Por isso se faz necessário prever Qual o itinerário da ilusão A ilusão do poder Pois se foi permitido ao homem Tantas coisas conhecer É melhor que todos saibam O que pode acontecer Queremos saber, queremos saber Queremos saber, todos queremos saber …
  7. 7. Conteúdo conceitual O aprendizado de fatos, conceitos e princípios permite ao aluno reconhecer, descrever e comparar.
  8. 8. Conteúdo procedimental Conjunto de ações ordenadas orientadas para a consecução de uma meta (De Pro Bueno, 1998). Sob essa denominação incluem-se habilidades, métodos, estratégias, rotinas (Coll et al., 1998), que foram aqui utilizados como sinônimos quando referentes às ações dos estudantes.
  9. 9. <ul><li>Observar </li></ul><ul><li>Descrever </li></ul><ul><li>Obter e Organizar dados </li></ul><ul><li>Classificar </li></ul><ul><li>Analisar </li></ul><ul><li>Representar </li></ul><ul><li>Comparar </li></ul><ul><li>Interpretar </li></ul><ul><li>Resumir </li></ul><ul><li>Levantar Hipótese </li></ul><ul><li>Reconhecer regularidades </li></ul><ul><li>Criticar </li></ul><ul><li>Projetar </li></ul><ul><li>Julgar </li></ul><ul><li>Decidir </li></ul>
  10. 10. Significativa Os conteúdos ganham força e sentido quando o aluno relaciona seus conhecimentos prévios, cientificamente corretos ou não, com o que é ensinado em sala de aula.
  11. 11. <ul><li>Desconsideração dos conteúdos prévios </li></ul><ul><ul><ul><li>Engenheiros </li></ul></ul></ul>
  12. 12. <ul><li>Incompreensão do vocabulário </li></ul><ul><ul><li>Ambiguidades </li></ul></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>Fenômeno </li></ul></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>Discussão </li></ul></ul></ul></ul></ul>
  13. 13. <ul><li>Excesso de vocabulário técnico </li></ul><ul><ul><li>Biologia – 6 termos técnicos/aula </li></ul></ul><ul><ul><li>600 palavras novas/ano = 2/3 do vocabulário básico de uma língua estrangeira </li></ul></ul>
  14. 15. <ul><li>Desconhecimento do contexto </li></ul><ul><ul><li>O que é Virgem ? </li></ul></ul><ul><ul><li>Situações problemas distantes da realidade do estudante. </li></ul></ul>
  15. 16. <ul><li>Abstrações que ultrapassam o desenvolvimento cognitivo </li></ul><ul><ul><ul><li>Modelo atômico de Rutherford na quinta série </li></ul></ul></ul>
  16. 17. <ul><li>Currículos enciclopédicas </li></ul><ul><ul><li>Guerra do Peloponeso </li></ul></ul><ul><ul><li>Gêneros Textuais </li></ul></ul><ul><ul><li>Fauvismo </li></ul></ul>
  17. 18. Compreensão do Mundo <ul><li>Desmistificação </li></ul><ul><ul><li>Horóscopos </li></ul></ul><ul><li>Racionalização </li></ul><ul><ul><li>Relações causais </li></ul></ul><ul><li>Ferramental científico </li></ul><ul><ul><li>Generalizações a partir de conceitos </li></ul></ul>Os conhecimentos científicos ajudam a compreender o mundo e a interagir melhor com ele.
  18. 21. Desafiador Desafiar o aluno com conteúdos que ainda estejam além de seu conhecimento, mas que ele seja capaz de vencer com o estímulo correto, incentiva o aprendizado.
  19. 24. Cidadania Os conhecimentos científicos contribuem para o pleno exercício da cidadania.
  20. 26. Entrevista: Jared Diamond Veja - Edição 2166 / 26 de maio de 2010 <ul><li>“ Um país tropical que queira enriquecer precisa, em primeiro lugar, pensar em saúde pública, para evitar doenças tropicais. Se as pessoas adoecem durante metade do ano, com malária, febre amarela ou dengue, elas morrem mais cedo. Pegue-se o exemplo de um engenheiro que se forme aos 28 anos. Na África, pela expectativa de vida em alguns lugares, esse engenheiro morrerá aos 36 anos. Terá oito anos de vida profissional. No Japão, o engenheiro morrerá aos 81. São 53 anos de exercício de profissão. É indiscutível a vantagem. Malásia e Singapura são países tropicais do Sudeste Asiático. Há meio século, eram paupérrimos. Hoje, Singapura tem nível de Primeiro Mundo, e a Malásia está perto. Uma das primeiras coisas que os dois fizeram foi combater doenças tropicais. Depois, perceberam que sua vocação econômica não era plantar nem criar gado e viraram países de comércio e manufatura.” </li></ul>
  21. 27. <ul><li>Petróleo ou álcool? </li></ul><ul><li>Agronegócios ou Biodiversidade? </li></ul><ul><li>Hidroelétricas ou Energia Eólica? </li></ul><ul><li>Design Inteligente ou Evolução? </li></ul><ul><li>Transgênicos ou Orgânica? </li></ul>
  22. 28. Estimular a criatividade Desenvolver no aluno a capacidade de criação e de crítica.
  23. 31. <ul><li>Estimular o questionamento </li></ul>
  24. 32. <ul><li>Vídeos </li></ul><ul><ul><ul><li>Mitose </li></ul></ul></ul>
  25. 33. Realidade Local <ul><li>Lago com esgoto de Granjas </li></ul><ul><li>Defesa de Golfinhos em Laguna </li></ul>Respeitar e valorizar a comunidade em que vive o estudante, pois dela vem a sua bagagem cultural e experiências de vida. Esse é um universo que está envolvido no processo de aprendizagem.
  26. 35. Concatenados <ul><li>Mapas conceituais </li></ul><ul><li>Conteúdos inclusores </li></ul>É fundamental relacionar as ideias trabalhadas em sala de aula. Utilize mapas conceituais como instrumentos de aprendizagem.
  27. 36. Espiral Trabalhar um mesmo tema em diferentes anos, acrescentando novos conflitos cognitivos, faz com que a aprendizagem seja progressiva e integrada.
  28. 37. Espiral <ul><li>Toda idéia ou campo de conhecimento pode ser apresentado de forma a que qualquer estudante a possa entender. A forma de conhecimento deve ser seqüenciada para auxiliar o aluno a compreender, transformar e transferir. As mesmas idéias devem aparecer em complexidade crescente nos vários níveis e ensino. (Bruner) (página 23 Kasilchik) </li></ul><ul><li>Memória é um processo de reconstrução e retificação que ocorrem de acordo com a experiência, desenvolvimento individual e análise crítica dos valores. </li></ul>
  29. 38. Eixos Temáticos <ul><li>Ser Humano e Saúde </li></ul><ul><li>Tecnologia e Sociedade </li></ul><ul><li>Vida e Ambiente </li></ul><ul><li>Terra e Universo </li></ul>Sugeridos pelos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN), atuam como grandes orientações para o ensino de Ciências Naturais.
  30. 39. Diferentes suportes de informação <ul><li>Cinema </li></ul><ul><li>Teatro </li></ul><ul><li>Jornais </li></ul><ul><li>Livros de literatura </li></ul><ul><li>Ambiente </li></ul>São excelentes fontes de referência, consulta e aprendizado. Despertam o interesse e aproximam o conteúdo ao aluno.
  31. 40. Estrutura Curso <ul><li>Disciplinar </li></ul><ul><li>Eixos </li></ul><ul><li>Projetos Temáticos </li></ul>
  32. 41. Conteúdo atitudinal Pelas atitudes percebe-se o grau de respeito e interiorização que o indivíduo tem aos valores e às normas. O termo conteúdo atitudinal engloba valores como atitudes e normas (Zabala, 1998).
  33. 42. Temas Transversais <ul><li>Meio Ambiente </li></ul><ul><li>Saúde </li></ul><ul><li>Ética </li></ul><ul><li>Trabalho </li></ul><ul><li>Consumo </li></ul>A reflexão sobre aspectos sociais, atitudes e valores contribui para a formação de alunos conscientes, devendo permear o ensino de Ciências Naturais.
  34. 43. Ética e Consumo
  35. 46. <ul><li>[email_address] </li></ul>

×