O Ensino de Ciências e a Proposição.

851 visualizações

Publicada em

Desde meados do século XX a educação vem sofrendo câmbios significativos
seguindo bem de perto as modificações de nossa própria sociedade. A escola tendo
como finalidade fazer com que os alunos da geração atual conheçam o que já foi
historicamente produzido pelas gerações anteriores, também foi afetada pelas
modificações sociais. Durante muitos anos esses conhecimentos, pensados como
produtos finais, foram transmitidos de uma maneira direta, pela exposição do
professor. Transmitiam-se os conceitos, as leis, as fórmulas. Os alunos replicavam as
experiências e decoravam os nomes dos cientistas.
Dois fatores vieram modificar essa ideia fundamental da passagem do
conhecimento de uma geração para outra. A primeira foi o aumento exponencial do
conhecimento produzido – ninguém hoje tem a capacidade de saber tudo, assim
passou-se a privilegiar mais o processo de obtenção do conhecimento, sem se
esquecer do próprio conteúdo, mas diminuindo a quantidade destes, optando-se pelos
conhecimentos fundamentais. Foi uma escolha pela qualidade e não pela quantidade.
O segundo fator foram os trabalhos de epistemólogos e psicólogos mostrando como
os conhecimentos eram construídos tanto em nível individual como social.
Muitos fatores e muitos campos do saber influenciaram a escola de uma
maneira geral e o ensino em particular, entretanto podemos citar, entre os trabalhos
que mais afetaram o cotidiano das salas de aula de ciências, as investigações e
teorizações feitas pelo epistemólogo Piaget e os pesquisadores que com ele
trabalharam e os conhecimentos produzidos pelo psicólogo Vigotsky e seus
seguidores. Estes autores mostraram, a partir de pontos de vistas bem diferentes,
como as crianças e jovens constroem seus conhecimentos.
Inicialmente os educadores se debateram entre esses dois referenciais teóricos
– o piagetiano e o vigotskiano – e suas possíveis influencias no ensino, entretanto,
com as pesquisas realizadas em ambientes escolares, o conflito entre as teorias se
mostrou inexistente e o que vemos hoje é, ao contrário de décadas anteriores, uma
complementaridade entre as ideias desses dois campos do saber quando aplicadas
em diferentes momentos e situações do ensino e da aprendizagem em sala de aula.
As pesquisas piagetianas ao procurarem entender como o conhecimento,
principalmente o científico, é construído pela humanidade, em uma busca de
compreender sua epistemologia, partiram de dados empíricos retirados de entrevistas
com crianças e adolescentes. Essas entrevistas realizadas com indivíduos com a
mesma idade dos alunos escolares e com conteúdos próximos aos propostos pelos
currículos de ciências trouxeram ensinamentos úteis que orientam os professores,
tanto no planejamento de suas sequências didáticas como em suas atitudes em sala
de aula (Piaget 1974(a) (b)). 2
Um dos pontos que podemos salientar, e que fica claro nas entrevistas
piagetianas, é a i

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
851
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
17
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Ensino de Ciências e a Proposição.

  1. 1. O Ensino de Ciências e a Proposição de Sequências de Ensino Investigativo Anna Maria Pessoa de Carvalho Ensino de Ciências por Investigação: Condições para Implementação em Sala de Aula Bruno Djvan Jaína Miranda Maria das Graças 1- O Ensino de Ciências e a Proposição de Sequências de Ensino Investigativo
  2. 2. Referêncial Teórico  Lev Semenovicth Vygotsky (1896-1934)  Pensador importante em sua área e época, foi pioneiro no conceito de que o desenvolvimento intelectual das crianças ocorre em função das interações sociais e condições de vida. Veio a ser descoberto pelos meios acadêmicos ocidentais muitos anos após a sua morte, que ocorreu em 1934, por tubeculose, aos 37 anos.  “As mais elevadas funções mentais do indivíduo emergem de processos sociais.”
  3. 3. Jean William Fritz Piaget (1896 - 1980)  Foi um epistemólogo suíço, considerado o um dos mais importantes pensadores do século XX. Defendeu uma abordagem interdisciplinar para a investigação epistemológica e fundou a Epistemologia Genética,  teoria do conhecimento com base no estudo da gênese psicológica do pensamento humano.  Um dos pontos que podemos salientar é a importância de um problema para o início da construção do conhecimento; o importante é que qualquer conhecimento tem origem em um conhecimento anterior.
  4. 4. Sequência de Ensino Investigativa (SEI) • Inicia-se com um problema; • Atividade de Sistematização; • Contextualização do conteúdo no dia a dia do aluno.
  5. 5. Problemas Pode ser dividido em: • Problema Experimental • Problema Não Experimental
  6. 6. Problema Experimental • O material didático; • Etapa de distribuição do material experimental e proposição do problema pelo professor; • Etapa de resolução do problema pelos alunos; • Etapa de sistematização dos conhecimentos elaborados nos grupos; • Etapa de escrever e desenhar.
  7. 7. Problema Não Experimental • São bastantes utilizados como atividade complementar visando á introdução de novos conhecimentos.
  8. 8. Demonstração Investigativas • São problemas experimentais em que a ação é realizada pelo professor; • É a etapa da sistematização do conhecimento; • Trabalho escrito e /ou desenhado.
  9. 9. Sistematização do Problema • Um texto de sistematização se torna necessário para repassar todo o processo da resolução do problema e os principais conceitos / ídeias. Atividades de Contextualização • São vários tipos de atividades, as etapas são: • Discussão em grupo pelos alunos; • Abertura da discussão com a classe; • Escrita individual pelos alunos.
  10. 10. Atividade de avaliação e/ ou aplicação finalizando uma “SEI” • Não deve ter o caráter de uma avaliação somativa, mas sim uma avaliação formativa; • Mesma característica que o ensino proposto.
  11. 11. OBRIGADO!!!

×