Escravos e Gladiadores<br />Trabalho realizado por:<br />Rafael Baptista Nº24<br />
Índice<br />Introdução<br />Escravatura na Roma antiga<br />Escravos<br />Regras<br />Emancipação<br />Gladiadores romanos...
Introdução<br />Escravos tornavam-se os prisioneiros da guerra.<br />Estima-se que mais de 30% da população da Roma Antiga...
Escravatura na Roma Antiga<br />
Escravos<br />Os escravos eram os prisioneiros de guerra que chegavam a Roma, em grande número. Normalmente tinham cor de ...
Escravos (cont.)<br />A escravidão na Roma Antiga implicava uma quase absoluta redução nos direitos daqueles que ostentava...
Regras<br />Um escravo era um bem que era possuído, despojado de qualquer direito; o amo possuía o direito sobre a sua vid...
Os escravos trabalhavam todos os dias excepto durante as festividades das saturnais de Dezembro e os Compitalia de Janeiro...
Gladiadores Romanos<br />
Vida como gladiador<br />Os gladiadores eram escolhidos entre os prisioneiros de guerra e escravos.<br />Com o passar do t...
Vida como gladiador (cont.)<br />O Treino<br /><ul><li>Realicado em escolas especiais conhecidas como ludus.
Em Roma existiam quatro escolas, sendo a maior Ludus Magnos que era conectada com o coliseu por um túnel subterrâneo.
No intervalo das lutas eles tinham um tratamento especial que envolvia grandes cuidados médicos e treino cuidadoso.
No geral, eles não lutavam mais que três vezes por ano. </li></li></ul><li>Vida como gladiador (cont.)<br />Alimentação<br...
Combates<br />Os gladiadores lutavam entre si nas arenas (a mais famosa era o Coliseu de Roma), para entreter o público, u...
Categorias<br />Trácios: eram os mais fracos. Usavam um capacete como protecção que cobria toda cabeça, um escudo quadrado...
Curiosidades<br />Eram comuns nas lutas as participações de anões. Lutavam entre si e também em equipas contra gladiadores...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Escravos e gladiadores

4.403 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
1 comentário
3 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.403
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
68
Comentários
1
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Escravos e gladiadores

  1. 1. Escravos e Gladiadores<br />Trabalho realizado por:<br />Rafael Baptista Nº24<br />
  2. 2. Índice<br />Introdução<br />Escravatura na Roma antiga<br />Escravos<br />Regras<br />Emancipação<br />Gladiadores romanos<br />Vida como gladiador (o treino; alimentação)<br />Combates<br />Categorias<br />Curiosidades<br />Conclusão<br />Cybergrafia e Bibliografia<br />
  3. 3. Introdução<br />Escravos tornavam-se os prisioneiros da guerra.<br />Estima-se que mais de 30% da população da Roma Antiga era escrava.<br />Gladiador era um lutador escravo, treinado na Roma Antiga. <br />O nome "Gladiador" provém da espada curta usada por este lutador (gladius). <br />
  4. 4. Escravatura na Roma Antiga<br />
  5. 5. Escravos<br />Os escravos eram os prisioneiros de guerra que chegavam a Roma, em grande número. Normalmente tinham cor de pele ou língua diferentes das dos amos.<br />Trabalhavam, sobretudo, nos campos, nas minas e nas obras públicas, contribuindo, assim, para o desenvolvimento económico de Roma. <br />Alguns desses escravos, especialmente os de origem grega, eram muito cultos, tornando-se mestres e pedagogos dos romanos. <br />Alguns escravos conseguiam obter a sualiberdade, podendo mesmo ascender à ordem equestre se tivessem sucesso nos negócios.<br />
  6. 6. Escravos (cont.)<br />A escravidão na Roma Antiga implicava uma quase absoluta redução nos direitos daqueles que ostentavam essa condição, convertidos em simples propriedades dos seus donos.<br />As revoltas de escravos, tal como a de fim da década de 70 a.C foram duramente reprimidas.<br />Os romanos consideravam a escravidão como infame, e um soldado romano preferia suicidar-se antes de cair escravo de um povo bárbaro, ou seja, não romano.<br />
  7. 7. Regras<br />Um escravo era um bem que era possuído, despojado de qualquer direito; o amo possuía o direito sobre a sua vida e a sua morte. <br />O termo "manus" simbolizava o domínio do amo sobre o escravo, do mesmo modo que o domínio do marido sobre a sua esposa. <br /><ul><li>O status social de um homem era medido em função do número de escravos que possuía. Todas as crianças nascidas de mulheres escravas tornavam-se também escravas.
  8. 8. Os escravos trabalhavam todos os dias excepto durante as festividades das saturnais de Dezembro e os Compitalia de Janeiro.</li></li></ul><li>Emancipação<br />Na Roma Antiga, quando um escravo era emancipado pelo seu amo tornava-se num liberto, um homem quase livre. Não tinha todos os direitos do homem livre, mas as suas crianças seriam totalmente livres.<br />
  9. 9. Gladiadores Romanos<br />
  10. 10. Vida como gladiador<br />Os gladiadores eram escolhidos entre os prisioneiros de guerra e escravos.<br />Com o passar do tempo, se reunissem muitas vitórias, tornavam-se heróis populares.<br />Os gladiadores mais bem sucedidos ganhavam, além da popularidade, muito dinheiro e, com o tempo, podiam largar a carreira de forma honrosa. Estes privilegiados ganhavam uma pensão do império e um gládio (espada de madeira simbólica).<br />
  11. 11. Vida como gladiador (cont.)<br />O Treino<br /><ul><li>Realicado em escolas especiais conhecidas como ludus.
  12. 12. Em Roma existiam quatro escolas, sendo a maior Ludus Magnos que era conectada com o coliseu por um túnel subterrâneo.
  13. 13. No intervalo das lutas eles tinham um tratamento especial que envolvia grandes cuidados médicos e treino cuidadoso.
  14. 14. No geral, eles não lutavam mais que três vezes por ano. </li></li></ul><li>Vida como gladiador (cont.)<br />Alimentação<br />Os gladiadores eram, em grande parte, vegetarianos. Alimentavam basicamente de feijões e cevada. <br />A carne era um alimento caro, motivo pelo qual eram vegetarianos.<br />
  15. 15. Combates<br />Os gladiadores lutavam entre si nas arenas (a mais famosa era o Coliseu de Roma), para entreter o público, utilizando espadas, escudos, redes, tridentes, lanças, etc.<br />Participavam também nas lutas montados em cavalos ou usando bigas (carros romanos puxados por cavalos), e muitas vezes colocados na arena para enfrentar feras (leões, onças e outros animais selvagens).<br />Quem presidia dava a ordem para que o derrotado morresse ou não, frequentemente influenciado pela reacção dos espectadores do duelo.<br />Alguns levantavam o polegar para salvar o lutador, outros discordavam e diziam que era a mão fechada que deveria ser erguida.<br />
  16. 16. Categorias<br />Trácios: eram os mais fracos. Usavam um capacete como protecção que cobria toda cabeça, um escudo quadrado e caneleiras. Atacavam com espadas curvas (sicas).<br />Retiários: empunhavam um tridente e eram os mais desprotegidos. Carregavam também uma rede e uma faca curta. Eram os únicos aos quais era permitido recuar em combate.<br />Murmillos: eram os oponentes dos trácios e retiários. Usavam um grande escudo numa mão e na outra uma espada curta.<br />Secutores: apresentavam semelhanças com os murmillos. O seu capacete era arredondado para não prender na rede dos Retiários, seus oponentes.<br />Dimachaeri: usava duas espadas e era o elemento mais bem treinado.<br />
  17. 17. Curiosidades<br />Eram comuns nas lutas as participações de anões. Lutavam entre si e também em equipas contra gladiadores normais.<br />Existiam também gladiadoras mulheres, que lutavam com um seio exposto, pois usavam as mesmas vestimentas dos gladiadores homens.<br />O imperador Domiciano gostava de ver lutas entre anões e mulheres.<br />
  18. 18. Conclusão<br />Com este trabalho aprendi um pouco mais sobre a escravatura na Roma e como era a vida de um gladiador.<br />Não gostei de saber que as crianças filhas de escravos se tornariam também escravas, porque elas não tinham culpa dos erros dos seus pais.<br />Acho curioso que os gladiadores conseguissem conquistar o “público” ao ponto de estes influenciarem na decisão de poupar a sua vida.<br />
  19. 19. Cybergrafia<br />http://www.suapesquisa.com/imperioromano/gladiadores.htm<br />www.wikipedia.org<br />Bibliografia<br /><ul><li>Oliveira, Ana; Cantanhede, Francisco; Catarino, Isabel; Torrão, Paula - História 7 - Editora Texto 2011</li>

×