Introdução a Nutrição

2.176 visualizações

Publicada em

Aula de Nutrição conceitos e histórico aplicado a alunos curso Tecnico de Enfermagem.

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.176
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
95
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Carboidratos simples são os açúcares e carboidratos complexos são os amidos e os glicogênios (encontrados nos músculos e fígado).
  • Introdução a Nutrição

    1. 1. NUTRIÇÃO E DIETÉTICA Professor :Paulo Matias Seu caminho para o mercado de trabalho CENTRO TECNOLÓGICO DE APRENDIZAGEM SENHORA SANTANA www.cetass.com.br Praça Barão do Rio Branco, nº 59—Centro, Alagoinhas/BA CEP: 48.005-135. www.facebook.com(75)3421-5106 INTRODUÇÃO Á NUTRIÇÃO :INTRODUÇÃO Á NUTRIÇÃO : HISTÓRIA E CONCEITOSHISTÓRIA E CONCEITOS CURSO: TEC. ENFERMAGEM PROFESSORA: PAULO MATIAS DISCIPLINA: NUTRIÇÃO E DIETÉTICA CARGA HORÁRIA: PROGRAMA DE CURSO
    2. 2. OBJETIVOS: Estimular no aluno a percepção da Nutrição como disciplina relacionada com as demais do curso de enfermagem, Capacitando-o a distinguir a alimentação livre e a dietoterapia para que possa compreender a importância da alimentação para a manutenção da saúde e da vida.
    3. 3. Alimentos • Uma das funções dos alimentos é fornecer “materia – prima” para a construção de células. • As células novas produzidas permitem o crescimento do organismo e a sua manutenção. • Outra função dos alimentos é atuar como “combustiveis” • alimentos fornecem todas as substâncias necessárias para a manutenção da vida minerais, vitaminas etc.. na criança, determinam o seu crescimento.
    4. 4. Conceitos importantes: Alimentação : processo voluntário e consciente pelo qual o ser humano obtém produtos para seu consumo. Alimentos: É toda substância de origem animal, vegetal e mineral que após ser ingerida tem uma função no organismo, possibilitando a manutenção da saúde para o desenvolvimento de atividades.. Nutrição: à ciência que estuda os alimentos, seus nutrientes, bem como sua ação, interação e o balanço em relação a saúde, além dos processos pelos quais o organismo ingere, absorve, transporta, utiliza e excreta os nutrientes.
    5. 5. Conceitos importantes: NUTRIENTES : São substâncias que estão inseridas nos alimentos e possuem funções variadas no organismo. São eles : Carboidratos , proteínas, lipídios,vitaminas, minerais. DIGESTÃO :Processo pelo qual os alimentos após ingeridos sofre o transformações químicas até em seus constituintes simples para absorção até sua utilização pela célula.
    6. 6. Conceitos importantes: • Dieta: Do grego ( díaita), “regime da vida”, modo de reger a vida. • Dietética: Aplicação prática da ciência da Nutrição a indivíduos sadios ou enfermos. • Dietoterapia: Aplicação de dietas especiais com finalidade terapêutica
    7. 7. HISTÓRIA DA NUTRIÇÃO Era naturalista: Relação entre alimentação e bem estar físico- Hipocrates ( 400 A.C.); “ Que teu alimento seja teu remédio e que teu remédio seja seu alimento” Era Química – Analítica: Lavosier : resultados sobre a combustão dos alimentos e a respiração celular pela descoberta do O2 . Era biológica: Século final XIX- XX. Descoberta das vitaminas e classificação. Era celular ou molecular: Papel biológico dos nutrientes
    8. 8. LEIS DA ALIMENTAÇÃO Pedro Escudero ( 1937) : Introduziu o estudo da alimentação e Nutrição nas escolas de medicina.
    9. 9. LEIS DA ALIMENTAÇÃO Princípios para uma boa AlimentaçãoPrincípios para uma boa Alimentação SuficienteSuficiente CompletaCompleta HarmônicaHarmônica AdequadaAdequada
    10. 10. LEIS DA ALIMENTAÇÃO • 1ª LEI DA QUANTIDADE A alimentação deve ser suficiente para atender a quantidade de Alimento necessitada pelo organismo. • 2ª LEI DA QUALIDADE A alimentação deve ser completa: Para fornecer todos Os nutrientes requisitados pelo organismo de acordo com as condições individuais.
    11. 11. LEIS DA ALIMENTAÇÃO 3ª LEI DA HARMÔNIA : Para haver proporcionalidade entre a quantidade e a qualidade dos alimentos. 4ª LEI DA ADEQUAÇÃO: De acordo com as necessidades alimentares do indivíduo apropriadas a diferentes fases e condições de vida.
    12. 12. Grupos de alimentos : Componentes e características De que são constituídos os alimentos? Os alimentos são compostos por micro e macronutrientes. Os micronutrientes são as vitaminas e sais minerais. Macronutrientes são as proteínas, carboidratos (açúcares) e lipídeos (gorduras). Nutrientes apresentam funções de: 1. Fornecer energia 2. Manter os músculos e ossos 3. Controlar as funções orgânicas
    13. 13. Grupos de alimentos: Cada alimento contém diversos nutrientes que o nosso organismo necessita em diferentes quantidades. Os alimentos são classificados em três grandes grupos, de acordo com sua função nutricional. São eles: CONSTRUTORES, ENERGÉTICOS e REGULADORES .
    14. 14. Grupo 1: CONSTRUTORES São os alimentos ricos em PROTEÍNA. Vão possibilitar o crescimento e desenvolvimento do organismo, além de reparar os tecidos, participam da estrutura dos nossos tecidos Os alimentos ricos em proteína são: Carnes de todos os tipos, Aves, Peixes, Leites e derivados, Ovos e Leguminosas (feijão,lentilha, soja, etc).
    15. 15. • O ser humano precisa ingerir, em média, 30 a 50g de proteínas por dia, o que corresponde a um bife de aproximadamente 150g. .......Mas e os vegetarianos? • Existe certo mito de que quanto maior a ingestão protéica, maior é hipertrofia muscular. • O importante é saber que o maior estímulo para o ganho de massa muscular é o treinamento de força e o descanso suficiente entre as sessões.
    16. 16. Grupo 2: ENERGÉTICOS São os alimentos ricos em carboidratos (complexos e simples) E Lipídios (gorduras). Pois vão fornecer energia ao organismo. Alimentos energéticos. São aqueles que atuam como “combustíveis” Os alimentos ricos em Carboidratos : Arroz, Massas em geral, Pães, Farinhas, Cereais em geral ( trigo, centeio, etc) , Tubérculos (batata-inglesa, batata-doce) , raízes (aipim/mandioca, inhame,), açúcar, Doces em geral, Refrigerantes, Os alimentos ricos em Gorduras são: Óleos, Manteigas, Creme de leite, Maionese, Toucinho, Banhas, etc.
    17. 17. • Estes alimentos são divididos em dois grupos: simples e complexos. • Os carboidratos simples, presentes no mel, leite, frutas, açúcar e doces em geral, têm gosto adocicado e são formados por um ou dois tipos de açúcar. • Glicose, frutose e galactose são exemplos de carboidratos formados por 1 tipo de açúcar. • Lactose (glicose + galactose) e a sacarose (glicose + frutose) são formados por 2 tipos de açúcar.
    18. 18. • Os carboidratos complexos (polissacarídeos), são encontrados nos cereais (arroz, aveia, milho, trigo), em farinhas e seus derivados (pães, biscoitos, massas, macarrão), na batata, cará, mandioca e no inhame. Combinam vários tipos de açúcar e não são doces. • E como os carboidratos geram energia? • Em primeiro lugar, eles devem ser convertidos em glicose, no fígado, para, posteriormente, serem transformados em energia pelas células. • Aliás, cada grama de carboidrato fornece 4 kcal.
    19. 19. • Os Lipídios mais conhecidos são representados pelos óleos e pelas gorduras. União de duas moléculas menores (ácido graxo + glicerol), basicamente função energética. • Gorduras: Também chamadas de lipídios, porque possuem ácidos graxos essenciais e vitaminas lipossolúveis (A, D, E, K). Não são ruins, mas perigosas, por isso devem ser consumidas com critério.
    20. 20. • Saturadas: são aquelas encontradas nos produtos de origem animal e na gordura do coco. • Provocam a elevação dos níveis de colesterol no sangue e se fixam nas paredes arteriais, aumentando o risco de doenças cardiovasculares.
    21. 21. • Gordura trans: Integrante do grupo das saturadas, é obtida a partir de óleos vegetais, por meio de um processo químico denominado hidrogenação. • Apresenta consistência sólida mesmo em temperatura ambiente. É mais nociva que a saturada, eleva o LDL e diminui o HDL.
    22. 22. • Insaturadas (mono e poli): líquidas à temperatura ambiente, têm papel fundamental na redução do colesterol total, principalmente o LDL (ruim), e na elevação do bom, o HDL. • Os peixes são ricos em gorduras poliinsaturadas e os óleos vegetais em monoinsaturadas
    23. 23. Grupo 3: REGULADORES São os alimentos ricos em VITAMINAS, SAIS MINERAIS FIBRAS E ÁGUA. Atuam regulando as inúmeras reações químicas que ocorrem no organismo, Os alimentos ricos em Vitaminas,Sais Minerais são: Frutas,Verduras(alface, chicória,almeirão,rúcula, escarola,etc), e Legumes (cenoura,chuchu,abobrinha,pep ino, beterraba, etc).
    24. 24. • As vitaminas são substâncias que o organismo não tem condições de produzir e, por isso, precisam fazer parte da dieta alimentar. • Não são usadas nem como energia, nem como material de reposição celular. Funcionam como aditivos – são indispensáveis ao mecanismo, mas em quantidades minúsculas. • A falta delas, porém, pode causar várias doenças, como o raquitismo (enfraquecimento dos ossos pela falta da vitamina D) ou o escorbuto (falta de vitamina C).
    25. 25. •1 O que o grupo entende sobre uma alimentação equilibrada? •2 Quais os nutrientes básicos da nossa alimentação e suas respectivas funções básicas? •3 Podemos considerar o alimento nossa principal fonte de Saúde, seria possível algum medicamento fazer seu papel no organismo em paciente desnutrido?
    26. 26. • Condições sócios econômicas; Disponibilidade local dos alimentos; Preço dos alimentos; Condição de plantar os alimentos; Condição cultural do meio em que se vive (rural/urbano); Religião, crença e tabus alimentares; • 4 FOME COMO ACABAR COM ESSA REALIDADE MUNDIAL?

    ×