SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 47
Baixar para ler offline
ALIMEN
T
AÇ
ÃO
“Que o teu alimento seja teu remédio e que o teu
remédio seja teu alimento.”
9
ALIMEN
T
AÇ
ÃO
Desde sempre que a alimentação assume umpapel
fundamental na saúde e na evolução das populações
10
Cerca de 870 milhõespessoas passam fome no mundo
11 pessoasmorrem de fome a cada minuto
ALIMENTAÇÃO
A alimentação desequilibrada causa vários problemas de
saúde seja por falta de nutrientes essenciais, seja pelo consumo
excessivo ou inadequado de algunsnutrientes
11
Cerca de 830 milhões de obesos no mundo (673milhões de adultos+
4 milhõesde mortos
ALIMEN
T
AÇ
ÃO
Estima-se que a alimentação desequilibrada tenha sido
responsável por 1 em cada 5 mortes prematuras nas últimas
décadas.
Obesidade
- Doençascrônicas precoces;
- Diabetes tipo II
- Hipertensão
- Apneia do sono.
- Doençascardíacas,
- DoençasPulmonares,
- Doençaspsicológicas
- Doençasendócrinas
- Acompanham as
pessoas durante toda a vida
Magreza Extrema
- Desnutrição
- Raquitismo
- Anemia
- Doençasdo Sistema Imunitário
- Morte precoce
4
ALIMENT
AÇÃO
A alimentação deve ser adequada a cada pessoa.
Individualizada e discutida por profissionais sempre que
necessário
5
ALIMEN
T
AÇ
ÃO
17
necessidade biológica que assegura a
A alimentação é uma
sobrevivência do ser humano.
Sobrevivência = crescer, movimentar-se, pensar, regenerar, reproduzir-se
e manter funçõesvitais.
As funções vitais são asseguradas pelos alimentos que o organismo,
mediante mecanismos mais ou menos complexos, decompõe em
nutrientes.
CONCEITODEALIMENTAÇÃO,NUTRIÇÃO,
DIET
ÉT
IC
AEH
IDRAT
AÇ
ÃO
04/10/2021
Alimentação: Éum processo que consiste em obter do nosso meio uma série
de produtos naturais ou transformados que contenham um conjunto de
substâncias químicas denominadas nutrientes.
Éum processo voluntário já que requer um conjunto de procedimentos, como
por exemplo, a selecção dos alimentos.
Neste processo influem fatores psicológicos, biológicos, socioeconómicos e
geográficos
CONCEITODEALIMENTAÇÃO,NUTRIÇÃO,
DIET
ÉT
IC
AEH
IDRAT
AÇ
ÃO
Alimentação
Oral
04/10/2021
Entérica
Parentérica
CONCEITODEALIMENTAÇÃO,NUTRIÇÃO,
DIET
ÉT
IC
AEH
IDRAT
AÇ
ÃO
Alimentação via oral
Entérica
04/10/2021
CONCEITODEALIMENTAÇÃO,NUTRIÇÃO,
DIET
ÉT
IC
AEH
IDRAT
AÇ
ÃO
Alimentação via entérica
04/10/2021
CONCEIT
ODEALIMENT
AÇÃO,NUTRIÇÃO,
DIET
ÉT
IC
AEH
IDRA
T
AÇ
ÃO
Alimentação via parentérica
04/10/2021
FUNÇÃO ENERGÉ
TICA
FUNÇÃO PLÁSTICA OU
REPARADORA
FUNÇÃO REGULADORA
ALIMENTAÇÃO
FUNÇÕE
S DA
ALIMENTAÇÃO
12
ALIMEN
T
AÇ
ÃO
Uma boa alimentação tem um papel fundamental na prevenção e no
tratamento de doenças.
Aumento da
esperança de vida
13
OQ
U
ESÃOALIMEN
T
O
S?
14
OQ
U
ESÃOALIMEN
T
O
S?
Substâncias sólidas e líquidas que, quando levadas
ao tubo digestivo, são degradadas e depois usadas
para:
🢝formar e/ou manter os tecidos do corpo;
🢝regular processos orgânicos;
🢝fornecer energia.
15
ATENÇÃO!
• Não existem alimentos perfeitos!
Não existe nenhum alimento que…
CONCEITODEALIMENTAÇÃO,NUTRIÇÃO,
DIET
ÉT
IC
AEH
IDRAT
AÇ
ÃO
Nutrição: Éumconjunto de processos mediante os quais, o organismo recebe,
transforma e incorpora nos seus próprios tecidos um certo número de
substâncias
ingeridas através da alimentação. Estas substâncias, denominadas nutrientes,
constituem
o material básico para a manutenção da vida. A nutrição é umprocesso
involuntário e,
entre outros fatores, depende, por exemplo, de uma eleição equilibrada de
alimentos.
04/10/2021
ALIMEN
T
AÇ
ÃOEN
U
T
RIÇ
ÃO
Qual a diferença entre alimentos e nutrientes??????
18
ALIMEN
T
AÇ
ÃO
Qual a diferença entre alimentos e nutrientes??????
Alimentos são substâncias
19
utilizada pelos seres vivos como fonte de
matéria e energia para poderem realizar as suas funções vitais,
incluindo o crescimento, movimento e reprodução.
ALIMEN
T
AÇ
ÃO
Qual a diferença entre alimentos e nutrientes??????
Nutrientes são substâncias presentes nos alimentos que são
importantes para o funcionamento do nosso organismo. Nosso corpo
adquire-os por meio do processo de digestão, que garante a quebra dos
alimentos em partículas menores que podem ser absorvidas pelo corpo.
Os nutrientes suprem as necessidades fisiológicas do nosso organismo.
20
ALIMEN
T
AÇ
ÃO
Qual a diferença entre alimentos e nutrientes??????
Os alimentos são compostos por tipos e quantidades de
nutrientes específicas.
É preciso variar a alimentação para obter uma combinação equilibrada de
nutrientes.
Os alimentos são a fonte dos nutrientes!!
21
ALIMEN
T
AÇ
ÃO
Qual a diferença entre alimentos e nutrientes??????
Posso alimentar-me sem me nutrir, mas não posso nutrir-me sem me
alimentar!!
22
NUTRIENTES?
23
ALIMEN
T
AÇ
ÃO
Os Nutrientes!
Macronutrientes: São aqueles que o organismo necessita
emmaior quantidade e que são encontradosemmaior
abundância nos alimentos (proteínas, hidratos de carbono, lípidos)
Micronutrientes: São encontrados em menor dose nos alimentos,
sendo que o organismo necessita deles em pequenas doses
para assegurar o seu bom funcionamento (vitaminas e sais minerais)
24
C
OMOSEOBT
ÊMOSN
U
T
RIEN
T
ES?
Sistema digestivo
Os nutrientes depois de
absorvidos pelo tubo
digestivo, especialmente no
intestino, vão assegurar o
funcionamento químico do
corpo ou metabolismo.
Metabolismo = Conjunto de
todas as reações que ocorrem
no organismo para controlar
os recursos materiais e
energéticos, de forma a suprir
as suas necessidades
estruturaise energéticas; 25
PROCESSO DE TRANSFORMAÇÃO DE
ALIMENTOS COMPLEXOS EM ELEMENTOS
MUITO SIMPLE
S– OS NUTRIENTES.
•Acção mecânica (mastigação e
peristálticos)
• Acção química (enzimas).
C
OMOSEOBT
ÊMOSN
U
T
RIEN
T
ES?
26
AIMPORT
ÂNCIADOSNUT
RIE
NT
E
S
Atendendo à função os nutrientes podem ser
classificados:
Energéticos - fornecedores de energia;
Plásticos – fornecedores de materiais necessários
à formação de células e tecidos;
Protetores/Reguladores – capazes de proteger e
regular o funcionamento do organismo.
27
AIMPORT
ÂNCIADOSNUT
RIE
NT
E
S
28
NUTRIENTES?
Todas as substâncias químicas que fazem parte dos
alimentos e que são absorvidas pelo organismo, sendo
indispensáveis para o seu funcionamento.
29
NUTRIENTES
Macronutrientes
Hidratos de
Carbono
Lípidos ou
Gorduras
Proteínas
Micronutrientes
Vitaminas
Minerais
30
31
NUTRIENTES Macronutrientes!
32
Proteínas:
• São moléculas orgânicas formadas por um conjunto de aminoácidos que
desempenha uma série de funções importantes para o corpo humano
como a defesa do organismo, a aceleração de reações químicas, o
transporte de substâncias, a movimentação, a comunicação celular e a
sustentação.
• A principal função das proteínas é plática estrutural - Elas promovem a
formação, o crescimento e reparação das células, tecidos e orgãos do
nosso corpo.
hormonas, de enzimas e de
• São indispensáveis à produção de
componentesdo sistema humanitário.
• Alimentos ricos em Proteínas: Carnes, ovos e laticínios
1gr de proteínas = 4 quilocalorias(Kcal.)
N
U
T
RIEN
T
ES
Macronutrientes!
Hidratos de Carbono:
• São a principal fonte de energia para o nosso organismo.
• São as moléculas orgânicas mais abundantes da natureza.
• São classificados, pelo número de subunidades, em
monossacarídios, dissacarídeos e polissacarídeos.
• Exemplo de alimentos ricos emhidratos de carbono: Arroz, pão,
massa, açúcar e mel.
1 gr de hidratos de carbono = 4 quilocalorias
33
NUTRIENTES
Macronutrientes!
Lipídios: São gorduras e substâncias semelhantes.
• Tal com os hidratos de carbono estão relacionados com o
armazenamento e fornecimento de energia.
• Apresentam outras funções tais como: formação das membranas
(fosfolipídios); proteção dos órgãos de impactos; e atuação na
manutenção da temperatura do corpo.
• Margarina, óleo, carne gorda, noz e azeite são alimentos ricos
em lípidios.
1 gr de gordura = 9 quilocalorias.
34
NUTRIENTES
Macronutrientes!
Água:
• E
stá presente em todos os alimentos em menor ou em maior
quantidade.
• Responsável por: transporte de substâncias; eliminação de
substâncias para fora do corpo; atuação como solvente;
lubrificação de órgãos e tecidos; participação de reações
químicas; e regulação da temperatura.
• É essencial em processos fisiológicos, desde a digestão até a
absorção e excreção de substâncias;
• São alimentos ricos em água: melancia, tomate, nabo, cenoura e
melão. 35
NUTRIENTES
Macronutrientes!
Água:
• Atua como lubrificante nos processos de mastigação, deglutição,
excreção e nas articulações, entre outros;
• Auxilia na regulação da temperatura corporal;
• É necessária para o bom funcionamento dos rins, intestino e
sistema circulatório;
• Mantém o equilíbrio dos líquidos corporais
36
NUTRIENTES Micronutrientes!
37
Sais Minerais:
• Nutrientes inorgânicos necessários em
pequenas quantidades no nosso
organismo.
• Exemplo de sais minerais necessários
ao funcionamento do nosso
organismo: cálcio, fósforo, potássio,
cloro, sódio, ferro e flúor.
• Cada sal mineral atua de forma
diferente no corpo, por exemplo: o
cálcio relaciona-se com a formação
de ossos e dentes e o ferro atua
como componente da hemoglobina.
Micronutrientes!
38
NUTRIENTES
Micronutrientes!
Vitaminas: são moléculas orgânicas extremamente importantes para
nosso organismo, embora em pequenas quantidades.
As vitaminas podem ser classificadas em hidrossolúveis e lipossolúveis.
No grupo das vitaminas hidrossolúveis estão a vitamina B e a
vitamina C. Já no grupo das vitaminas lipossolúveis encontramos
vitamina A, vitamina D, vitamina Ee vitamina K.
Elas exercem variadas funções no organismo: a vitamina A, por
exemplo, é componente de pigmentos visuais e atuam na manutenção
dos tecidos epiteliais; a vitamina K atua no processo de coagulação;
e a vitamina C é importante na síntese do colágeno. 39
NUTRIENTES Micronutrientes!
Fibras:
As fibras são importantes na alimentação, entretanto, por não serem
absorvidas, não são consideradas por alguns autores como nutrientes.
Apesar de não serem assim classificadas, é importante que elas
estejam presentes na dieta.
As fibras garantem um bom funcionamento do intestino, prevenindo,
por exemplo o carcinoma do colon.
Elas também causam sensação de saciedade e diminuem a absorção
de colesterol, gordura e açúcar.
Frutas e verduras são alimentos ricos em fibras. 40
DIET
ÉT
IC
A
41
A dietética é a disciplina que estuda os alimentos e a sua
combinação de
adequadamente
modo a que cubram suficiente e
as necessidades nutritivas dos
suas
diferentes indivíduos de acordo com as
características individuais, ambientais e culturais.
VARIEDADE
MODERAÇÃO
PRINCÍPIOS
ALIMENT
AÇÃO
SAUDÁVEL
EQUILIBRIO
ALIMENTAÇÃOSAUDÁVEL
42
ALIMENTAÇÃOSAUDÁVEL
43
Variedade
 é importante comer diferentes tipos de
alimentos pertencentes aos diversos
grupos;
 a qualidade dos alimentos tem que ser
observada.
ALIMENTAÇÃOSAUDÁVEL
44
Moderação
 não sedeve comer nemmaisnemmenos
do que o organismo precisa;
 é importante estar atento à quantidade
certa de alimentos.
ALIMENTAÇÃOSAUDÁVEL
45
 Equilíbrio
 quantidade e qualidade são importantes;
respeitando as quantidades de
 o ideal é consumir alimentos variados,
porções
recomendadas para cada grupo de
alimentos.
ALIMENTAÇÃOSAUDÁVEL– IMPORTÂNCIA DOS GRUPOS
ALIMENTARES
• O corpo humano requer o contributo de mais de 40 nutrients;
• Não há nenhum alimento capaz de fornecer todos
os nutrientes em quantidades apropriadas
Énecessário ingerir uma grande variedade de alimentos
46
ALIMENT
AÇÃOSAUDÁVEL– IMPORTÂNCIADOS GRUPOS
ALIMENT
ARES
Ilustrações gráficas que pretende ajudar a escolher e a combinar
os alimentos que deverão fazer parte de um dia alimentar
saudável
47

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a 11ºTec1_6575_Cuidados na alimentação e Hidratação04Outubro - Cópia (1) (1).pptx

Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana
Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana
Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana Isabella Neves Silva
 
Seminrio de int._a_nutrio
Seminrio de int._a_nutrioSeminrio de int._a_nutrio
Seminrio de int._a_nutriomiguel tamera
 
Alimentação saudável.pptx
Alimentação saudável.pptxAlimentação saudável.pptx
Alimentação saudável.pptxssuser51d27c1
 
Alimentação Saudável
Alimentação SaudávelAlimentação Saudável
Alimentação Saudávelcipasap
 
Alimentação humana
Alimentação humanaAlimentação humana
Alimentação humanaEdvan Araújo
 
Necessidades Nutricionais do Organismo
Necessidades Nutricionais do OrganismoNecessidades Nutricionais do Organismo
Necessidades Nutricionais do Organismoe.ferreira
 
Nutrição i e-learning
Nutrição i   e-learningNutrição i   e-learning
Nutrição i e-learninge.ferreira
 
AULA NUTRIÇÃO APLICADA A ENFERMAGEM
AULA NUTRIÇÃO APLICADA A ENFERMAGEMAULA NUTRIÇÃO APLICADA A ENFERMAGEM
AULA NUTRIÇÃO APLICADA A ENFERMAGEMAnaRaquel435561
 
4_mch9_alimentacao.pptx
4_mch9_alimentacao.pptx4_mch9_alimentacao.pptx
4_mch9_alimentacao.pptxmariagrave
 
NUTRIÇÃO LIDERANÇA.pdf
NUTRIÇÃO LIDERANÇA.pdfNUTRIÇÃO LIDERANÇA.pdf
NUTRIÇÃO LIDERANÇA.pdftuttitutti1
 
Ciencias 7o ano_18.11.2020
Ciencias 7o ano_18.11.2020Ciencias 7o ano_18.11.2020
Ciencias 7o ano_18.11.2020Washington Rocha
 
Alimentação saudável e atividade física
Alimentação saudável e atividade físicaAlimentação saudável e atividade física
Alimentação saudável e atividade físicaDaniel Carvalho
 

Semelhante a 11ºTec1_6575_Cuidados na alimentação e Hidratação04Outubro - Cópia (1) (1).pptx (20)

Alimentaao saudavel
Alimentaao saudavelAlimentaao saudavel
Alimentaao saudavel
 
Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana
Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana
Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana
 
Seminrio de int._a_nutrio
Seminrio de int._a_nutrioSeminrio de int._a_nutrio
Seminrio de int._a_nutrio
 
6a série os nutrientes
6a série   os nutrientes6a série   os nutrientes
6a série os nutrientes
 
Alimentação saudável.pptx
Alimentação saudável.pptxAlimentação saudável.pptx
Alimentação saudável.pptx
 
Alimentação Saudável
Alimentação SaudávelAlimentação Saudável
Alimentação Saudável
 
Guia alimentacao-saudavel
Guia alimentacao-saudavelGuia alimentacao-saudavel
Guia alimentacao-saudavel
 
Alimentação humana
Alimentação humanaAlimentação humana
Alimentação humana
 
Necessidades Nutricionais do Organismo
Necessidades Nutricionais do OrganismoNecessidades Nutricionais do Organismo
Necessidades Nutricionais do Organismo
 
Alimentação da vida
Alimentação da vidaAlimentação da vida
Alimentação da vida
 
Nutrição i e-learning
Nutrição i   e-learningNutrição i   e-learning
Nutrição i e-learning
 
AULA NUTRIÇÃO APLICADA A ENFERMAGEM
AULA NUTRIÇÃO APLICADA A ENFERMAGEMAULA NUTRIÇÃO APLICADA A ENFERMAGEM
AULA NUTRIÇÃO APLICADA A ENFERMAGEM
 
Apresentação dieta e nutrição
Apresentação dieta e nutriçãoApresentação dieta e nutrição
Apresentação dieta e nutrição
 
Equilíbrio Energético e Saúde
Equilíbrio Energético e SaúdeEquilíbrio Energético e Saúde
Equilíbrio Energético e Saúde
 
4_mch9_alimentacao.pptx
4_mch9_alimentacao.pptx4_mch9_alimentacao.pptx
4_mch9_alimentacao.pptx
 
NUTRIÇÃO LIDERANÇA.pdf
NUTRIÇÃO LIDERANÇA.pdfNUTRIÇÃO LIDERANÇA.pdf
NUTRIÇÃO LIDERANÇA.pdf
 
Saude - STC - DR1 NG3
Saude - STC - DR1 NG3Saude - STC - DR1 NG3
Saude - STC - DR1 NG3
 
Ciencias 7o ano_18.11.2020
Ciencias 7o ano_18.11.2020Ciencias 7o ano_18.11.2020
Ciencias 7o ano_18.11.2020
 
Nutrição (128).pptx
Nutrição (128).pptxNutrição (128).pptx
Nutrição (128).pptx
 
Alimentação saudável e atividade física
Alimentação saudável e atividade físicaAlimentação saudável e atividade física
Alimentação saudável e atividade física
 

Último

Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira partecoletivoddois
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptxpamelacastro71
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?MrciaRocha48
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLaseVasconcelos1
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
A população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoadoA população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoadodanieligomes4
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzparte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzAlexandrePereira818171
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxkarinasantiago54
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.HildegardeAngel
 

Último (20)

Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
A população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoadoA população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoado
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzparte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
 

11ºTec1_6575_Cuidados na alimentação e Hidratação04Outubro - Cópia (1) (1).pptx