Comportamento de Consumo Masculino

3.280 visualizações

Publicada em

Apresentação do projeto da disciplina de Pesquisa em Publicidade e Propaganda da PUCRS.

Publicada em: Negócios
0 comentários
7 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.280
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
19
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
7
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Comportamento de Consumo Masculino

  1. 1. PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PROJETO DE PESQUISA EM PUBLICIDADE E PROPAGANDA Comportamento de Consumo Masculino
  2. 2. Quem mos? C D D G M R T amila da Rosa Travi ébora Pastro Zanatta iego Costa raciliano Marques arcella Dantas Costa afael Torres hais Rosa da Rosa
  3. 3. Cоteú 1 Apresentação 2 Síntese Metodológica 3 Considerações Finais
  4. 4. ão taç en res p A 03 35
  5. 5. blema Pro O comportamento masculino mudou. Hoje, o homem começa a mostrar-se um consumidor exigente, que espera o melhor atendimento das marcas nas quais deposita confiança. Em contrapartida, as empresas começam a mostrar-se dispostas a conhecer melhor esses homens, que passaram a representar uma importante fatia no mercado de consumo, possuindo suas próprias peculiaridades. 04 35
  6. 6. Obje vo G al Investigar o comportamento de consumo masculino de Porto Alegre e Região Metropolitana, da faixa etária de 18 a 34 anos. 05 35
  7. 7. pecíficos jetivos Es Ob Caracterizar o público de acordo com estilos de vida. Investigar relação com o dinheiro identificando focos de consumo e investimento pessoal. Verificar quais as ocasiões de uso em que marcas são utilizadas. Caracterizar o processo de compra, identificando influenciadores, fontes de informação, alternativas buscadas e elementos decisivos. Identificar segmentos de consumo; Identificar e comparar perfis em termos de hábitos de consumo, volume de investimento e frequência de consumo; Identificar marcas preferidas e rejeitadas. 06 35
  8. 8. ese Sínt gica doló eto M 07 35
  9. 9. PERFIL DO CONSUMIDOR: Senhores clássicos, jovens vaidosos, metrossexuais ou despojados. Estes são alguns tipos de consumidores masculinos que podem conviver, harmonicamente, numa única loja. Eles são racionais, ágeis e objetivos, dependendo do produto que estão procurando. Podem ter um comportamento diferente num supermercado, do que teriam diante do carro dos sonhos, do relógio ou do último modelo do celular. Fonte: http://gazetaweb.globo.com/noticia.php?c=157635 COMPORTAMENTO DE CONSUMO: Hoje, está cada vez mais comum a presença de homens “paquerando”produtos em vitrines de shopping centers ou empurrando carrinhos de supermercados conferindo, item por item de uma listinha de compras. Mas hora de encher o carrinho, no supermercado, o que vale mesmo é o PREÇO. Na maioria das vezes, o homem é mais racional na hora das compras. Fonte: http://gazetaweb.globo.com/noticia.php?c=157635 08 35
  10. 10. HOMENS E ESTÉTICA: Já se foi o tempo em que o homem não se preocupava com a aparência. Seja por necessidades profissionais, seja por pessoais, eles têm buscado cada vez mais à indústria cosmética. Constatou-se que nos últimos anos o crescente aumento na venda de produtos H&B está principalmente relacionado à procura do publico masculino, que hoje já atinge ¾ dos lares brasileiros. Das categorias, que foram analisadas na pesquisa, as mais procuradas foram: • Desodorantes; • Sabonetes; • Tinturas; • Condicionadores; • Shampoos; • Creme para pele; • Lâminas de barbear. Fonte: http://br.nielsen.com/news/Mens_Beauty.shtml 09 35
  11. 11. HOMENS MORANDO SOZINHOS: Milhares de homens entre 30 e 44 anos estão morando sós e lidando com as tristezas e alegrias de ser ao mesmo tempo dono-de-casa e único morador. Talvez o primeiro grande desafio seja lidar com tarefas que antes eram de responsabilidade da mãe ou da esposa. Vale lembrar que morar sozinho não é sinônimo de solidão ou de egoísmo. Receber os amigos em casa para festinhas e bate-papos são atividades frequentes dos homens que moram só. Fonte: http://revista-mensch.blogspot.com.br/2011/09/comportamento-enfim-so-avida-do-homem.html INTERNET: O número de internautas do sexo masculino (46,9%) ainda é um pouco maior que o número de internautas do sexo feminino (46,1%); Porém, um estudo realizado indica que, é a partir dos 40 anos que o percentual de internautas do sexo masculino supera o percentual de internautas mulheres http://www.areah.com.br/noticias/consumo/texto/44210/1/Pagina_1/ibge--homens-aindasuperam-as-mulheres-no-acesso-a-internet.aspx 10 35
  12. 12. eTAPA qUALITATIVA 18/34 ANOS E v tа em Pr u idaÞ 11 35
  13. 13. eTAPA qUALITATIVA “Faceb k, não t ho tempo p a trа co а. E qu dá tempo eu olho o j nal da cultura.” T s, 19 os Como você busca f maçõ ? 12 35
  14. 14. eTAPA qUALITATIVA “Eu s Þ m t ¾m f ma e acho imp t te, t p a sa¾r cо rs com а p а, como pr s nal e.” M co, 25 os Como você busca f maçõ ? 13 35
  15. 15. eTAPA qUALITATIVA “R pа e produ s Þ p fum ia e higi e eu compro semp , p que p c o e são produ s que Þf em quem eu u. Tu o que a g te compra pra nós smos, é uma m eira Þ faz nós s s rmos ma cоf tá .” Nikoа, 18 os Háb os Þ cоsumo 14 35
  16. 16. eTAPA qUALITATIVA “Como eu t ho mu a r n Þ t 30 os na c a e m com os pa , eu cu o semp ir ao sup compr co а pra cаa, rmal e faço o r cho sem al e dai qu falta alguma co a us pa compr .” píro, 30 os Háb os Þ cоsumo 15 35
  17. 17. eTAPA qUALITATIVA “a m ca flu cia às z t bém pela tradição em s um produ d cia . Eu nunca v compr al só pela m ca, Ma eus, 20 os ho ns x m cа 16 35
  18. 18. eTAPA qUALITATIVA “A m ca tem um val ag ga e f a , boа m cа é igual a bоs produ s. I o é fa .” píro, 30 os ho ns x m cа 17 35
  19. 19. eTAPA Qu ta va Procíi o Me lógico P ío - Iníc : 21/10 Térm o: 11/11 F r ta: og Docs 18 35
  20. 20. eTAPA qUALITATIVA PERFIL DA AMOSTRA 18-24 os - 113 25-34 os - 110 223 RESPONDENTES 19 35
  21. 21. Quanti Etapa Os homens, de ambas as idades, consideram que ler, ver filmes e jogar são as principais atividades de bem estar - 18 a 24 (32%) e 25-34 (26,9%). r Hom u bem esta ens e o se 20 35
  22. 22. Quanti Etapa 23% dos homens de 18-24 anos gastam de 20 a 30% da sua renda em consumo pessoal. Já os homens de 25-34 anos gastam de 30 a 40% da sua renda. r Hom u bem esta ens e o se 21 35
  23. 23. Quanti Etapa Os homens, de ambas as idades, preferem efetuar suas compras em lojas localizadas em shoppings centers. Sendo: 18-24 (53,9%) e 25-34 (44,5%). ais irtu s X Lojas V ca : Lojas Físi Consumo RM 22 35
  24. 24. Quanti Etapa 100% dos homens consideram que experimentar o produto é a principal vantagem de comprar em loja física. ais irtu s X Lojas V ca : Lojas Físi Consumo 23 35
  25. 25. Quanti Etapa ais irtu s X Lojas V ca : Lojas Físi 37,3% dos homens de 18-24 preferem comprar pela internet devido a praticidade. Enquanto, os homens de 25-34 preferem pelo preço e também pela praticidade - ambos empatados com 36%. Consumo RM 24 35
  26. 26. Quanti Etapa ais irtu s X Lojas V ca : Lojas Físi Os homens, de ambas as idades, acreditam que a forma de pagamento é a principal vantagem na loja virtual. Sendo: 70,8% (18-24) e 76,4% (25-34). Consumo RM 25 35
  27. 27. Quanti Etapa Homens Os homens, de ambas as idades, preferem buscar informações para compra de produtos pessoais na Internet. Sendo: 50,7% (18-24) e 47,2% (25-34). pra om cesso de C e o Pro RM 26 35
  28. 28. Quanti Etapa Homens 37,1% dos homens de 18-24 têm como referência na compra de produtos eles mesmos. 37,2% dos homens de 25-34 têm como referência na compra seus amigos. pra om cesso de C e o Pro RM 27 35
  29. 29. Quanti Etapa Homens Por ordem de relevância, os homens de 18 a 24 anos possuem a seguinte prioridade: Qualidade - 39,9% Funcionalidade - 35,4% Preço - 31,8% Marca - 5,3% Status - 2,6% pra om cesso de C e o Pro Por ordem de relevância, os homens de 25-24 anos, possuem a seguinte prioridade: Qualidade - 43,9% Funcionalidade - 39,9% Preço - 27,8% Marca - 9,4% Status - 3,5% RM RM RM RM RM 28 35
  30. 30. Quanti Etapa Por ordem de importância de marca, os homens de 18 a 24 anos consideram: Marca Equip. Eletrônico - 46,9% Marca de Higiene/Beleza - 22,1% Marca de Entretenimento - 19,4% Marca de Vestuário - 17,7% Marca de Esportes - 15,9% s e as Marca Homens Por ordem de importância de marca, os homens de 25 a 34 anos consideram: Marca Equip. Eletrônico - 50,9% Marca de Vestuário - 23,6% Marca de Esportes - 22,7% Marca de Higiene/Beleza - 20% Marca de Entretenimento - 14,5% RM RM RM RM 29 35
  31. 31. Quanti Etapa ões Home iraç s suas Asp ns e a 41,6% dos homens de 18-34 anos escolheriam um carro se pudessem escolher um produto independente do valor. 45,7% dos homens de 25-34 anos escolheriam uma viagem. RM 30 35
  32. 32. Quanti Etapa Daqui a 10 anos, os homens de 18-24 e 25-34 anos se imaginam com boas condições financeiras. Sendo: 84,1% (18-24) e 80,5% (25-34%). ões Home iraç s suas Asp ns e a RM 31 35
  33. 33. inais es F açõ er nsid Co 32 35
  34. 34. es Finais sideraçõ Con Ambas as faixas etárias são muito exigentes com os produtos que consomem em relação à qualidade dos mesmos. Todavia, não abrem mão da relação custo-benefício. Estes homens, independente da sua idade, são totalmente ligados à tecnologia, destacando-se o uso da internet como fonte de informações. Os homens tem cada vez mais buscado a indústria cosmética, seja por necessidades profissionais ou pessoais. Foi constatado que os homens, independente da idade, ainda são bem conservadores no modo de comprar. Eles preferem os shoppings, mas geralmente optam pela internet devido às suas vantagens. Ambos os grupos estudados não valorizam o uso da marca em alguma ocasião. Entretanto, pode-se perceber certa fidelidade por parte destes homens em relação às marcas que eles usam. O ponto de venda não é o local ideal para eles esclarecerem e buscarem informações. Por isso muitos optam pela internet como fonte de informações, e secundariamente, a opiniões de amigos e familiares. 33 35
  35. 35. Implicaçõ M ca lógicа $ $ 34 35
  36. 36. adológicas ções Merc ica Impl Produtos de beleza/higiene: O público masculino também se preocupa com a aparência e o bem-estar. Portanto, seria interessante uma maior comunicação voltada diretamente aos homens, buscando incentivar ainda mais a compra desses produtos. Vestuário: É importante para as empresas/marcas terem em vista a frequência de compra dos homens, que se dá cerca de uma vez por mês. Esse hábito pode servir de guia para a criação de promoções específicas mensais, potencializando o comportamento de consumo destes homens. Comidas/Alimentação: Os jovens não se importam com uma alimentação saudável, por isso é conveniente que a indústria alimentícia desenvolvesse campanhas sobre alimentos saudáveis voltadas a este público. Aspectos de diferenciação: O mais importante para o consumidor masculino é que um produto tenha qualidade acima de tudo, aliado a um preço acessível. Portanto, as marcas devem ter um cuidado especial nesses quesitos ao oferecer seus produtos para este público. 35 35
  37. 37. Obrigado!

×