JOGOS DE TRILHA NA ED INFANTIL

45.037 visualizações

Publicada em

JOGOS DE TRILHA NA EDUCAÇÃO INFANTIL RELATO DE EXPERIENCIA

Publicada em: Educação
3 comentários
12 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
45.037
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.465
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
202
Comentários
3
Gostaram
12
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

JOGOS DE TRILHA NA ED INFANTIL

  1. 1. RELATO DE EXPERIÊNCIA <ul><li>ESCOLA: EM PROF. LUIZ MARTINS RODRIGUES FILHO </li></ul><ul><li>CLASSE: INFANTIL II </li></ul><ul><li>IDADE: 5 E 6 ANOS </li></ul><ul><li>PROFESSORA: THAIS HELENA J.B. FERRI </li></ul>
  2. 2. JOGOS DE TRILHA NA EDUCAÇÃO INFANTIL
  3. 3. O presente trabalho aborda as possibilidades de articulação de jogos em conjunto com a aprendizagem na Educação Infantil. Para Kamii, “o jogo pode ser definido, de uma maneira geral, como o conjunto de actividades as quais o organismo se entrega, principalmente pelo prazer da própria actividade” (1996, p. 27).
  4. 4. JUSTIFICATIVA DO PROJETO: O trabalho com jogos de trilha surgiu como idéia dentro de um projeto maior da escola intitulado; Jogos e Brincadeiras para ser desenvolvido durante o segundo semestre de2011. Sendo assim optamos por trabalhar com jogos de trilha com o intuito de estimular de forma divertida a aprendizagem na área da matemática.
  5. 5. <ul><li>OBJETIVO </li></ul><ul><li>Explicitar e explorar as possibilidades de diálogo entre as diferentes áreas do saber; </li></ul><ul><li>Articular a linguagem verbal, visual, corporal ; </li></ul><ul><li>Estimular a linguagem oral e escrita numérica; </li></ul><ul><li>Trabalhar a seqüência numérica, ordem crescente e decrescente contagem e quantificação; </li></ul><ul><li>Desenvolver o raciocínio lógico matemático; </li></ul><ul><li>Propiciar momentos de trabalho coletivo; </li></ul><ul><li>Aumentar a capacidade de concentração. </li></ul>
  6. 6. DESENVOLVIMENTO <ul><li>1ª ETAPA: </li></ul><ul><li>RODA DA CONVERSA. </li></ul><ul><li>JOGO DE TRILHA NO PATIO COM A EXPOSIÇÃO DE REGRAS. </li></ul><ul><li>JOGO DE TRILHA NO PAPEL. </li></ul>
  7. 7. JOGO DE TRILHA NO PATIO !
  8. 8. JOGO DE TRILHA NO PAPEL !
  9. 9. 2ª ETAPA <ul><li>DISTRIBUIÇÃO DE TRÊS TIPOS DE TRILHA, COM NUMERAÇÃO VARIADA. </li></ul><ul><li>ILUSTRAÇÃO DAS TRILHAS. </li></ul><ul><li>JOGAR AS TRILHAS EM DUPLA. </li></ul>
  10. 10. ILUSTRAÇÃO DAS TRILHAS
  11. 11. JOGO DA TRILHA 1 AO 20
  12. 12. JOGO DA TRILHA 1 AO 30.
  13. 13. JOGO DA TRILHA 1 AO 40.
  14. 14. 3ª ETAPA <ul><li>CONSTRUÇÃO DA TRILHA DOS TRÊS PORQUINHOS. </li></ul><ul><li>JOGAR A TRILHA EM GRUPO. </li></ul>
  15. 15. A ESCRITA DOS NÚMEROS NA TRILHA.
  16. 16. A ESCRITA DOS NÚMEROS NA TRILHA.
  17. 17. A ESCRITA DOS NÚMEROS NA TRILHA.
  18. 18. JOGO DA TRILHA DOS TRÊS PORQUINHOS EM GRUPO.
  19. 19. 4ª ETAPA <ul><li>CONSTRUÇÃO DA TRILHA DO MAR (1 AO 40). </li></ul><ul><li>CONSTRUÇÃO DA TRILHA DAS CORES. </li></ul><ul><li>JOGAR O JOGO DAS TRILHAS EM GRUPO. </li></ul>
  20. 20. CONSTRUÇÃO DA TRILHA DO MAR (1 AO 40).
  21. 21. JOGO DA TRILHA DO MAR EM GRUPO.
  22. 22. CONSTRUÇÃO DA TRILHA DAS CORES.
  23. 23. JOGO DA TRILHA DAS CORES.
  24. 24. JOGO DA TRILHA DAS CORES.
  25. 25. Segundo SILVA (2006): “A elaboração e a utilização de jogos e situações-problema em sala de aula podem ser importante aliadas no processo de construção de conhecimentos, pois ao ser pensado e elaborado o jogo como instrumento pedagógico e de aprendizagem, pode contribuir para que o professor diagnostique os processos e dificuldades apresentados pelas crianças durante a sua resolução” (p. 143).
  26. 26. REFERENCIAS BIBLIOGRAFICAS <ul><li>KAMII, C. A Teoria de Piaget e a educação pré-escolar . Lisboa: Instituto Piaget, 1996. </li></ul><ul><li>LOPES, M. G. Jogos na educação; confecção, modelos, objectivos, regras . Brasil: Hemus, 1996. </li></ul><ul><li>Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil Vol. 1, 2, 3. Brasília, 1998. </li></ul><ul><li>SANTOS, F.L. A matemática lúdica, o jogo e a criatividade. Educare/Educere, 14 , 105-116, 2003. </li></ul><ul><li>SILVA, L. G. Jogos e situações-problema na construção das noções de lateralidade, referências e localização espacial . In : CASTELLAR, S. (org.). Educação geográfica : teorias e práticas docentes. São Paulo: Contexto, 2006, p. 137-156. </li></ul>
  27. 27. OBRIGADO!!!!

×