SlideShare uma empresa Scribd logo
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
AULA GRÁTIS: SIMULADO CESPE. ESTUDO PRÉVIO PARA SEDF
SUMÁRIO PÁGINA
1. Apresentação 01
2. Questões 03
2. Gabarito 26
Olá Querid@ Alun@!!!
Tudo bem?
Preparamos um simulado para você ☺! Selecionamos as
melhores questões que foram cobradas pelo CESPE.
Vamos aproveitar, pois o edital pode sair a qualquer momento.
Mantenha o FOCO.
Primeiro, disponibilizamos a lista com as questões, logo em
seguida você poderá conferir todas as questões comentadas
para não ficar nenhuma dúvida. Aproveite! Vamos lá! Não
esqueça da nossa rodada de pão de queijo ☺!
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
Quem quiser nos acompanhar e ficar por dentro do mundo dos
concursos de educação, nos encontre em:
https://www.facebook.com/ProfessoraFabianaFirmino/?fref=ts
https://www.facebook.com/Proffernandaestrategia/
https://www.facebook.com/FernandaLimaConhecimentosPedagogicosParaC
oncursos/
Um grande abraço. :)
RUMO À SEDF
Fernanda Lima & Fabiana Firmino.
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
LISTA DE QUESTÕES:
01 - CESPE/SERPRO/ANALISTA DE DESENHO
INSTRUCIONAL. Julgue o item:
A Lei n.º 9.394/1996 normatiza a EaD no Brasil como modalidade
válida e equivalente em todos os níveis de ensino.
	
  
2 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - No ensino
superior, a pós-graduação compreende tanto os cursos stricto sensu
(mestrado e doutorado) como os lato sensu (especialização).
CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV
A Constituição brasileira estabelece, em seu artigo 205, que “a
educação, direito de todos e dever do Estado e da família, será
promovida e incentivada com a colaboração da sociedade, visando ao
pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da
cidadania e sua qualificação para o trabalho”.
Quanto aos princípios em que o ensino se baseia para ser ministrado,
o artigo 206 enumera: “I – igualdade de condições para o acesso e
permanência na escola; II – liberdade de aprender, ensinar,
pesquisar e divulgar o pensamento, a arte e o saber; III – pluralismo
de ideias e de concepções pedagógicas, e coexistência de instituições
públicas e privadas de ensino; IV – gratuidade do ensino público em
estabelecimentos oficiais; V – valorização dos profissionais do ensino,
garantidos, na forma da lei, planos de carreira para o magistério
público, com piso salarial profissional e ingresso exclusivamente por
concurso público de provas e títulos; VI – gestão democrática do
ensino público, na forma da lei; VII – garantia de padrão de
qualidade”.
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
Considerando esses mandamentos constitucionais e a realidade
objetiva do sistema educacional brasileiro nos dias atuais, julgue os
itens subsequentes.
3 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - Ao seguir
literalmente o que diz a legislação, nas unidades da Federação em
que foi adotada, a gestão democrática nas escolas públicas restringe-
se à eleição direta dos diretores.
4 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - O texto
constitucional indica que, a despeito de todos os avanços acerca da
concepção de educação verificados no mundo contemporâneo, o
Brasil insiste na velha ideia, que vigorou em quase todos os países
até por volta dos anos 60 do século XX, de que um bom sistema
educacional existe para fornecer mão-de-obra qualificada para um
mercado de trabalho em constante transformação.
5 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - Há consenso
entre os especialistas de que o êxito do FUNDEF, malgrado suas
limitações, entre as quais o fato de voltar-se apenas para o nível
fundamental da educação básica, deveu-se ao montante de recursos
financeiros novos, vindos do orçamento da União, com os quais pôde
contar para redistribuir aos estados e municípios.
CESPE CNJ PEDAGOGO - Com base na Lei de Diretrizes e
Bases da Educação Nacional, julgue os itens a seguir.
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
6 - CESPE CNJ PEDAGOGO - A autorização e o reconhecimento de
cursos superiores podem ser feitos a qualquer tempo, garantindo-se,
assim, o credenciamento das instituições de ensino superior pelo
Estado.
7 - CESPE CNJ PEDAGOGO - A gestão democrática é um princípio
que se aplica tanto à rede pública de ensino como à rede privada.
8 - CESPE CNJ PEDAGOGO - A educação básica pode ser
organizada em séries anuais, períodos semestrais, ciclos, grupos não
seriados, com base na idade, na competência e em outros critérios.
9 - CESPE CNJ PEDAGOGO - O calendário escolar deve adequar-se
às peculiaridades de cada sistema de ensino, podendo a carga horária
prevista para o ano letivo ser reduzida.
Julgue os itens que se seguem, considerando as bases legais
da educação nacional, notadamente as estabelecidas
previstas na Constituição Federal e na Lei de Diretrizes e
Bases da Educação Nacional (LDB).
10 - CESPE TJ PEDAGOGO - A educação básica é um direito público
subjetivo de acordo com a Constituição Federal.
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
11 - CESPE TJ PEDAGOGO - Os sistemas de ensino deverão ser
organizados em regime de colaboração entre a União, os estados, os
municípios e o DF.
12 - CESPE TJ PEDAGOGO - Os percentuais mínimos da receita
resultante de impostos, compreendida a proveniente de
transferências, para a manutenção e o desenvolvimento do ensino
são, respectivamente, de 18% e 25%.
13 - CESPE TJ PEDAGOGO - Os sistemas de ensino podem
organizar seus respectivos calendários escolares para atendimento às
peculiaridades climáticas locais, reduzindo, inclusive, o número de
horas previsto na LDB, caso necessário.
14 - CESPE TJ PEDAGOGO - A LDB prevê a obrigatoriedade do
ensino sobre história e cultura afro-brasileira nos estabelecimentos
de ensino fundamental e médio das redes públicas e privadas.
Com base na legislação educacional vigente no Brasil, julgue
os itens que se seguem.
15 - CESPE TJ/CE - De acordo com a CF vigente, a União aplicará
anualmente até 17% da receita resultante de impostos na
manutenção e desenvolvimento da educação.
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
16 - CESPE TJ/CE - A Lei de Diretrizes e Bases da Educação
Nacional define como educação básica os seguintes níveis: educação
infantil, ensino fundamental, ensino médio e educação superior.
17 - CESPE TJ/CE - O sistema federal de ensino compreende as
instituições de ensino mantidas pela União, as instituições de ensino
fundamental e médio, criadas e mantidas pela iniciativa privada, e os
órgãos federais de educação.
18 - CESPE TJ/CE - Os currículos da educação básica têm base
nacional comum, mas devem ser complementados por uma parte
diversificada de responsabilidade exclusiva de cada sistema de
ensino.
Julgue os próximos itens com relação às bases legais da
educação nacional:
19 - CESPE MPU 2013 - A classificação em qualquer série ou etapa
do ensino fundamental e médio, exceto a primeira do ensino
fundamental, pode ser feita por promoção; por transferência; ou
independentemente de escolarização anterior, mediante avaliação
feita pela escola, que defina o grau de desenvolvimento e experiência
do candidato e permita sua inscrição na série ou etapa adequada,
conforme regulamentação do respectivo sistema de ensino.
20 - CESPE MPU 2013 - São consideradas como de manutenção e
desenvolvimento do ensino as despesas realizadas com vistas à
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
consecução dos objetivos básicos das instituições educacionais de
todos os níveis, incluindo as que se destinam à concessão de bolsas
de estudo a alunos exclusivamente de escolas públicas.
	
  
	
  
CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO, CULTURA
E DESPORTO SENADO - A história recente da educação brasileira
foi marcada por importantes alterações nos rumos da política
educacional. Sobretudo a partir de 1930, com o Estado Novo e,
posteriormente, a Segunda Guerra Mundial, os educadores e a
sociedade brasileira passaram a desempenhar papel significativo no
processo de definição e organização da educação nacional. Acerca
desse assunto, julgue os itens subsequentes.
21 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO,
CULTURA E DESPORTO SENADO. Fernando de Azevedo contribuiu
para a implantação das ideias liberais na educação brasileira, não só
por meio de sua atuação profissional, como administrador e
professor, mas também por meio de pesquisas e publicações.
22 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO,
CULTURA E DESPORTO SENADO. Com a promulgação da Lei n.º
5.692/1971, que instituiu o ensino de 1.º e 2.º graus no Brasil, na
qual também pretendeu-se articular educação e mercado de trabalho,
passou a predominar a tendência pedagógica denominada
humanismo pedagógico.
23 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO,
CULTURA E DESPORTO SENADO. São expressões concretas do
escolanovismo no Brasil a experiência das escolas parque e o
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
direcionamento da educação para a formação profissional, sob a
orientação de Anísio Teixeira em seus empreendimentos
administrativos e teóricos.
24 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO,
CULTURA E DESPORTO SENADO. Nos embates ocorridos quando
da elaboração da Lei n.º 4.024/1961, estava em pauta a hegemonia
filosófico-ideológica do projeto de educação disputado, de um lado,
por educadores, comandados pelo grupo católico, defensores da
escola privada e, de outro, por educadores que defendiam a escola
pública e laica.
25 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO,
CULTURA E DESPORTO SENADO. Florestan Fernandes foi um dos
principais signatários do Manifesto dos Pioneiros da Educação de
1932.
CESPE - A Pedagogia Libertadora insistia na ideia de que todo ato
educativo é um ato político e que o educador “humanista
revolucionário”, “ombreado com os oprimidos”, deveria colocar sua
ação político-pedagógica a serviço da transformação da sociedade e
da criação do “homem novo”.
Paulo Ghiraldelli Júnior. História da educação. São Paulo: Cortez,
1990.
26 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO
DO PARÁ (TJPA). Educação bancária foi a designação dada pela
Pedagogia Libertadora, mencionada no texto, à educação
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
convencional. Entre os princípios a seguir, assinale a opção que
contraria os princípios norteadores da educação bancária.
A - O professor sabe tudo, o aluno nada sabe.
B - O professor deixa clara a diferença entre a autoridade do
conhecimento e a sua própria autoridade.
C - O professor escolhe o conteúdo e os alunos se adaptam, sem
serem consultados a respeito.
D - O professor trabalha e os alunos têm a ilusão de trabalhar, graças
à própria ação do professor.
27 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO
DO PARÁ (TJPA) Acerca da Pedagogia Libertadora, assinale a opção
correta.
A - A origem está diretamente associada ao trabalho de Demerval
Saviani.
B - Busca uma educação para os que têm voz na sociedade.
C - Entende que a educação não pode ser voltada para problemas
circunstanciais.
D - Guarda em suas formulações teóricas o pensamento social
cristão, fundamentado na atualização de doutrinas da Igreja Católica.
28 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO
DO PARÁ (TJPA) Dos passos que sintetizam o processo pedagógico
da Pedagogia Libertadora mencionada no texto, o primeiro
corresponde:
A à pesquisa.
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
B aos temas geradores.
C à problematização.
D à conscientização.
Em relação ao processo ensino-aprendizagem na visão rogeriana,
julgue os itens.
29 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO
DO PARÁ (TJPA). O professor se limita a facilitar a comunicação do
estudante consigo mesmo, a fim de que ele mesmo estruture seu
comportamento experiencial.
30 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO
DO PARÁ (TJPA). O ensino consiste em um produto de
personalidades únicas, respondendo a situações únicas, no contexto
de um tipo especial de relação professor-aluno.
QUESTÕES COMENTADAS:
01 - CESPE/SERPRO/ANALISTA DE DESENHO
INSTRUCIONAL. Julgue o item:
A Lei n.º 9.394/1996 normatiza a EaD no Brasil como modalidade
válida e equivalente em todos os níveis de ensino.
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
CERTO. O que vale é a lei que diz: A Lei n.º 9.394/1996
normatiza a EaD no Brasil como modalidade válida e
equivalente em todos os níveis de ensino. Corretíssimo! Você
só irá pensar diferente se por acaso a banca examinadora
colocar uma situação que não pertença a um contexto que
seja possível, como por exemplo uma situação que envolva a
educação infantil que tem como um dos objetivos o
relacionamento e a socialização das crianças umas com as
outras. A EAD será incentivada pelo poder público em todos os
níveis de ensino – Isso é o que diz a lei e é isso que temos que
levar em consideração.
2 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - No ensino
superior, a pós-graduação compreende tanto os cursos stricto sensu
(mestrado e doutorado) como os lato sensu (especialização).
CERTO. Está na legislação essa informação sobre o ensino
superior. A legislação atual que determina as diretrizes dos
programas Lato Sensu é a RESOLUÇÃO CNE/CES N° 1, DE 8 DE
JUNHO DE 2007 e Stricto Sensu é a RESOLUÇÃO CNE/CES Nº
1, DE 3 DE ABRIL DE 2001.
CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV
A Constituição brasileira estabelece, em seu artigo 205, que “a
educação, direito de todos e dever do Estado e da família, será
promovida e incentivada com a colaboração da sociedade, visando ao
pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da
cidadania e sua qualificação para o trabalho”.
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
Quanto aos princípios em que o ensino se baseia para ser ministrado,
o artigo 206 enumera: “I – igualdade de condições para o acesso e
permanência na escola; II – liberdade de aprender, ensinar,
pesquisar e divulgar o pensamento, a arte e o saber; III – pluralismo
de ideias e de concepções pedagógicas, e coexistência de instituições
públicas e privadas de ensino; IV – gratuidade do ensino público em
estabelecimentos oficiais; V – valorização dos profissionais do ensino,
garantidos, na forma da lei, planos de carreira para o magistério
público, com piso salarial profissional e ingresso exclusivamente por
concurso público de provas e títulos; VI – gestão democrática do
ensino público, na forma da lei; VII – garantia de padrão de
qualidade”.
Considerando esses mandamentos constitucionais e a realidade
objetiva do sistema educacional brasileiro nos dias atuais, julgue os
itens subsequentes.
3 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - Ao seguir
literalmente o que diz a legislação, nas unidades da Federação em
que foi adotada, a gestão democrática nas escolas públicas restringe-
se à eleição direta dos diretores.
ERRADO. A gestão democrática não restringe a eleição direta
para diretor. Vai além disso, promovendo a participação de
todos nas principais decisões. Esse modelo de gestão,
segundo Vieira (2005), concebe um importante desafio no
desenvolvimento das políticas de educação e no cotidiano
escolar.
4 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - O texto
constitucional indica que, a despeito de todos os avanços acerca da
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
concepção de educação verificados no mundo contemporâneo, o
Brasil insiste na velha ideia, que vigorou em quase todos os países
até por volta dos anos 60 do século XX, de que um bom sistema
educacional existe para fornecer mão-de-obra qualificada para um
mercado de trabalho em constante transformação.
ERRADO. O Brasil avançou no que diz respeito a essa ideia. O
texto da constituição apresenta um olhar diferente, não
restringindo apenas a preparação para a mão de obra e para o
mercado de trabalho: Sendo a educação dever do Estado, da
família e realidade social, com o objetivo de garantir a
realização plena do ser humano, inseri-lo no contexto do
Estado Democrático e qualificá-lo para o mundo do trabalho.
5 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - Há consenso
entre os especialistas de que o êxito do FUNDEF, malgrado suas
limitações, entre as quais o fato de voltar-se apenas para o nível
fundamental da educação básica, deveu-se ao montante de recursos
financeiros novos, vindos do orçamento da União, com os quais pôde
contar para redistribuir aos estados e municípios.
ERRADO. O FUNDEF é formado com dinheiro do ICMS e dos
fundos de participação de Estados e municípios, tem êxito por
juntar a distribuição dos recursos a um critério absolutamente
justo: o número de alunos. A maior inovação do FUNDEF
consiste na mudança da estrutura de financiamento do Ensino
Fundamental no País (1ª a 8ª séries do antigo 1º grau), ao
subvincular a esse nível de ensino uma parcela dos recursos
constitucionalmente destinados à Educação. A Constituição de
1988 vincula 25% das receitas dos Estados e Municípios à
Educação. Com a Emenda Constitucional nº 14/96, 60%
desses recursos (o que representa 15% da arrecadação global
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
de Estados e Municípios) ficam reservados ao Ensino
Fundamental.
CESPE CNJ PEDAGOGO - Com base na Lei de Diretrizes e
Bases da Educação Nacional, julgue os itens a seguir.
6 - CESPE CNJ PEDAGOGO - A autorização e o reconhecimento de
cursos superiores podem ser feitos a qualquer tempo, garantindo-se,
assim, o credenciamento das instituições de ensino superior pelo
Estado.
ERRADO. A autorização e o reconhecimento de cursos, bem
como o credenciamento de instituições de educação superior,
terão prazos limitados, sendo renovados, periodicamente,
após processo regular de avaliação.
7 - CESPE CNJ PEDAGOGO - A gestão democrática é um princípio
que se aplica tanto à rede pública de ensino como à rede privada.
ERRADO. A gestão democrática se aplica ao ensino público.
8 - CESPE CNJ PEDAGOGO - A educação básica pode ser
organizada em séries anuais, períodos semestrais, ciclos, grupos não
seriados, com base na idade, na competência e em outros critérios.
CERTO. Exatamente como está na LDB!
9 - CESPE CNJ PEDAGOGO - O calendário escolar deve adequar-se
às peculiaridades de cada sistema de ensino, podendo a carga horária
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
prevista para o ano letivo ser reduzida.
ERRADO. Sabemos que a carga horária não pode ser reduzida!
Julgue os itens que se seguem, considerando as bases legais
da educação nacional, notadamente as estabelecidas
previstas na Constituição Federal e na Lei de Diretrizes e
Bases da Educação Nacional (LDB).
10 - CESPE TJ PEDAGOGO - A educação básica é um direito público
subjetivo de acordo com a Constituição Federal.
ERRADO. Segundo a constituição o acesso ao ensino
obrigatório e gratuito é direito público subjetivo.
11 - CESPE TJ PEDAGOGO - Os sistemas de ensino deverão ser
organizados em regime de colaboração entre a União, os estados, os
municípios e o DF.
CERTO. A União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios
organizarão em regime de colaboração seus sistemas de
ensino.
12 - CESPE TJ PEDAGOGO - Os percentuais mínimos da receita
resultante de impostos, compreendida a proveniente de
transferências, para a manutenção e o desenvolvimento do ensino
são, respectivamente, de 18% e 25%.
ERRADO*. A questão foi anulada pelo cespe por apresentar
uma certa confusão em seu texto. De acordo com a LDB a
União aplicará, anualmente, nunca menos de dezoito, e os
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
Estados, o Distrito Federal e os Municípios, vinte e cinco por
cento, ou o que consta nas respectivas Constituições ou Leis
Orgânicas, da receita resultante de impostos, compreendidas
as transferências constitucionais, na manutenção e
desenvolvimento do ensino público.
13 - CESPE TJ PEDAGOGO - Os sistemas de ensino podem
organizar seus respectivos calendários escolares para atendimento às
peculiaridades climáticas locais, reduzindo, inclusive, o número de
horas previsto na LDB, caso necessário.
ERRADO. Mais uma questão sobre a carga horária. As escolas
não poderão reduzir o número de horas previsto na LDB.
14 - CESPE TJ PEDAGOGO - A LDB prevê a obrigatoriedade do
ensino sobre história e cultura afro-brasileira nos estabelecimentos
de ensino fundamental e médio das redes públicas e privadas.
CERTO. Art. 26 - Nos estabelecimentos de ensino fundamental
e de ensino médio, públicos e privados, torna-se obrigatório o
estudo da história e cultura afro-brasileira e indígena.
Com base na legislação educacional vigente no Brasil, julgue
os itens que se seguem.
15 - CESPE TJ/CE - De acordo com a CF vigente, a União aplicará
anualmente até 17% da receita resultante de impostos na
manutenção e desenvolvimento da educação.
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
ERRADO. A união aplicará anualmente nunca menos do que
25% da receita resultante.
16 - CESPE TJ/CE - A Lei de Diretrizes e Bases da Educação
Nacional define como educação básica os seguintes níveis: educação
infantil, ensino fundamental, ensino médio e educação superior.
ERRADO. A educação básica I obrigatória e gratuita dos 4
(quatro) aos 17 (dezessete) anos de idade, será organizada
da seguinte forma: a) pré-escola; b) ensino fundamental; c)
ensino médio.
17 - CESPE TJ/CE - O sistema federal de ensino compreende as
instituições de ensino mantidas pela União, as instituições de ensino
fundamental e médio, criadas e mantidas pela iniciativa privada, e os
órgãos federais de educação.
ERRADO. Está errado quando menciona instituições de ensino
fundamental e médio. Art. 16. O sistema federal de ensino
compreende:
I - as instituições de ensino mantidas pela União;
II - as instituições de educação superior criadas e mantidas
pela iniciativa privada;
III - os órgãos federais de educação.
18 - CESPE TJ/CE - Os currículos da educação básica têm base
nacional comum, mas devem ser complementados por uma parte
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
diversificada de responsabilidade exclusiva de cada sistema de
ensino.
ERRADO. Não será responsabilidade exclusiva. A LDB não cita
essa ideia.
Julgue os próximos itens com relação às bases legais da
educação nacional:
19 - CESPE MPU 2013 - A classificação em qualquer série ou etapa
do ensino fundamental e médio, exceto a primeira do ensino
fundamental, pode ser feita por promoção; por transferência; ou
independentemente de escolarização anterior, mediante avaliação
feita pela escola, que defina o grau de desenvolvimento e experiência
do candidato e permita sua inscrição na série ou etapa adequada,
conforme regulamentação do respectivo sistema de ensino.
CERTO. Exatamente como está no artigo 24 da lei de diretrizes
e bases da educação.
20 - CESPE MPU 2013 - São consideradas como de manutenção e
desenvolvimento do ensino as despesas realizadas com vistas à
consecução dos objetivos básicos das instituições educacionais de
todos os níveis, incluindo as que se destinam à concessão de bolsas
de estudo a alunos exclusivamente de escolas públicas.
ERRADO. Serão consideradas como manutenção e
desenvolvimento do ensino, as despesas realizadas com vistas
à consecução dos objetivos básicos das instituições
educacionais de todos os níveis. A questão ficou errada por
mencionar exclusivamente alunos de escolas públicas.
	
  
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
	
  
CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO, CULTURA
E DESPORTO SENADO - A história recente da educação brasileira
foi marcada por importantes alterações nos rumos da política
educacional. Sobretudo a partir de 1930, com o Estado Novo e,
posteriormente, a Segunda Guerra Mundial, os educadores e a
sociedade brasileira passaram a desempenhar papel significativo no
processo de definição e organização da educação nacional. Acerca
desse assunto, julgue os itens subsequentes.
21 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO,
CULTURA E DESPORTO SENADO. Fernando de Azevedo contribuiu
para a implantação das ideias liberais na educação brasileira, não só
por meio de sua atuação profissional, como administrador e
professor, mas também por meio de pesquisas e publicações.
CERTO. Fernando de Azevedo lutou pela educação pública de
qualidade. Participou também do movimento da escola nova e
promoveu reformas significativas dentro da educação
brasileira.
22 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO,
CULTURA E DESPORTO SENADO. Com a promulgação da Lei n.º
5.692/1971, que instituiu o ensino de 1.º e 2.º graus no Brasil, na
qual também pretendeu-se articular educação e mercado de trabalho,
passou a predominar a tendência pedagógica denominada
humanismo pedagógico.
ERRADO. A lei 5692/71 possui características tecnicistas. Não
há predominância da tendência humanista. Essa lei trouxe
para a educação brasileira a ideia de que aprender não era
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
algo simples e natural. Eram necessários especialistas e
técnicas adequadas. Houve a valorização da tecnologia.
23 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO,
CULTURA E DESPORTO SENADO. São expressões concretas do
escolanovismo no Brasil a experiência das escolas parque e o
direcionamento da educação para a formação profissional, sob a
orientação de Anísio Teixeira em seus empreendimentos
administrativos e teóricos.
CERTO. A escola parque procura a reflexão, oferecendo ao
aluno a oportunidade de conhecer e de aprender a partir das
necessidades da sociedade com perspectivas para as gerações
futuras. O nome “escola parque” veio dos estudos do
educador Anísio Teixeira que propôs o desenvolvimento
completo do aluno.
24 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO,
CULTURA E DESPORTO SENADO. Nos embates ocorridos quando
da elaboração da Lei n.º 4.024/1961, estava em pauta a hegemonia
filosófico-ideológica do projeto de educação disputado, de um lado,
por educadores, comandados pelo grupo católico, defensores da
escola privada e, de outro, por educadores que defendiam a escola
pública e laica.
CERTO. A implementação da lei 4024/61 ocorreu durante o
governo de João Goulart e trazia em seu texto a questão do
ensino religioso facultativo na escola pública, levantando a
discussão mencionada na questão, o que gerou polêmica na
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
época. Os educadores de dividiam entre os que aprovavam a
escola privada e os que defendia a escola pública laica.
Lembrando que essa lei é considerada a primeira LDB que foi
publicada em 20 de dezembro de 1961 pelo então presidente
João Goulart, em seguida veio outra versão em 1971 durante
o regime militar que vigorou até a promulgação da LDB de
1996.
25 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO,
CULTURA E DESPORTO SENADO. Florestan Fernandes foi um dos
principais signatários do Manifesto dos Pioneiros da Educação de
1932.
ERRADO. Florestan Fernandes é considerado criador dos
estudos sobre a sociologia crítica do Brasil. Foi deputado
federal e assistente de Fernando de Azevedo. Florestan
Fernandes não é considerado como um dos principais
participantes do manifesto da escola nova de 1932. Houve a
participação de Fernando de Azevedo, em meio a 26
intelectuais, entre os quais Anísio Teixeira, Afrânio Peixoto,
Lourenço Filho, Antônio F. Almeida Junior, Roquette
Pinto, Delgado de Carvalho, Hermes Lima e Cecília Meireles.
CESPE - A Pedagogia Libertadora insistia na ideia de que todo ato
educativo é um ato político e que o educador “humanista
revolucionário”, “ombreado com os oprimidos”, deveria colocar sua
ação político-pedagógica a serviço da transformação da sociedade e
da criação do “homem novo”.
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
Paulo Ghiraldelli Júnior. História da educação. São Paulo: Cortez,
1990.
26 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO
DO PARÁ (TJPA). Educação bancária foi a designação dada pela
Pedagogia Libertadora, mencionada no texto, à educação
convencional. Entre os princípios a seguir, assinale a opção que
contraria os princípios norteadores da educação bancária.
A - O professor sabe tudo, o aluno nada sabe.
B - O professor deixa clara a diferença entre a autoridade do
conhecimento e a sua própria autoridade.
C - O professor escolhe o conteúdo e os alunos se adaptam, sem
serem consultados a respeito.
D - O professor trabalha e os alunos têm a ilusão de trabalhar, graças
à própria ação do professor.
LETRA B. Na educação bancária o professor age como quem
deposita conhecimento num aluno que é apenas receptivo. Em
outras palavras, o saber é visto como uma doação dos que se
julgam seus detentores. Neste tipo de educação o professor é
visto como detentor do conhecimento. Esse conhecimento vem
de uma “mão única” ou seja, não há essa diferença entre a
autoridade e o conhecimento que vem do professor. Os outros
itens estão de acordo com a educação bancária.
27 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO
DO PARÁ (TJPA) Acerca da Pedagogia Libertadora, assinale a opção
correta.
A - A origem está diretamente associada ao trabalho de Demerval
Saviani.
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
B - Busca uma educação para os que têm voz na sociedade.
C - Entende que a educação não pode ser voltada para problemas
circunstanciais.
D - Guarda em suas formulações teóricas o pensamento social
cristão, fundamentado na atualização de doutrinas da Igreja Católica.
LETRA D. A igreja católica propôs uma ação com a intenção de
mudar a sua relação com a sociedade da época investindo na
luta libertadora dos pobres e oprimidos. A pedagogia
libertadora se inspirou no personalismo cristão. Dermeval
Saviani, não fez parte dessa tendência que buscou uma
educação para os oprimidos, não apenas para quem tinha voz
na sociedade como menciona a questão.
28 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO
DO PARÁ (TJPA) Dos passos que sintetizam o processo pedagógico
da Pedagogia Libertadora mencionada no texto, o primeiro
corresponde:
A à pesquisa.
B aos temas geradores.
C à problematização.
D à conscientização.
LETRA A. A primeira etapa é a de investigação (pesquisa), a
segunda é a tematização, a terceira é a problematização e a
quarta fase envolve a elaboração de fichas.
Em relação ao processo ensino-aprendizagem na visão rogeriana,
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
julgue os itens.
29 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO
DO PARÁ (TJPA). O professor se limita a facilitar a comunicação do
estudante consigo mesmo, a fim de que ele mesmo estruture seu
comportamento experiencial.
CERTO. De acordo com Rogers para aprender o indivíduo tem
que estar significativamente ligado com suas percepções,
modificando-as.
30 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO
DO PARÁ (TJPA). O ensino consiste em um produto de
personalidades únicas, respondendo a situações únicas, no contexto
de um tipo especial de relação professor-aluno.
CERTO. No estudo de Carl Rogers há a valorização do eu. Em
sua pesquisa o papel do professor seria semelhante ao de um
terapeuta para o aluno.
	
  
	
   	
  
Conhecimentos Pedagógicos
SIMULADO CESPE
Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino
	
  
	
  
1 - C 2 - C 3 - E 4 - E 5 - E
6 - E 7 - E 8 - C 9 - E 10 - E
11 - C 12 - E* 13 - E 14 - C 15 - E
16 - E 17 - E 18 - E 19 - C 20 - E
21.C 22.E 23. C 24.C 25.E
26.B 27.D 28.A 29.C 30.C
	
  

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Questões sobre ldb
Questões sobre ldbQuestões sobre ldb
Questões sobre ldb
ben
 
A nova-lei-das-diretrizes-e-bases-da-educação-nacional
A nova-lei-das-diretrizes-e-bases-da-educação-nacionalA nova-lei-das-diretrizes-e-bases-da-educação-nacional
A nova-lei-das-diretrizes-e-bases-da-educação-nacional
marcinhamarcelino
 
Prova de estrutura do ensino basicoa 2012 2 - com gaba
Prova de estrutura do ensino basicoa 2012 2 - com gabaProva de estrutura do ensino basicoa 2012 2 - com gaba
Prova de estrutura do ensino basicoa 2012 2 - com gaba
FAMETRO/SEDUC
 
LDB 2013 ATUALIZADA
LDB 2013 ATUALIZADALDB 2013 ATUALIZADA
LDB 2013 ATUALIZADA
ufmt
 
Leis e normas da educação
Leis e normas da educaçãoLeis e normas da educação
Leis e normas da educação
Fernando Palácios
 
Ldb 1
Ldb 1Ldb 1
Aula de ldb
Aula de ldbAula de ldb
Aula de ldb
Cintia Ronei
 
Ldb 9394
Ldb 9394Ldb 9394
LEGISLAÇÃO EDUCACIONAL - CF/88 - LDBEN - ECA - APOSTILA/SIMULADO PARA...
LEGISLAÇÃO EDUCACIONAL - CF/88  -  LDBEN  -  ECA   -   APOSTILA/SIMULADO PARA...LEGISLAÇÃO EDUCACIONAL - CF/88  -  LDBEN  -  ECA   -   APOSTILA/SIMULADO PARA...
LEGISLAÇÃO EDUCACIONAL - CF/88 - LDBEN - ECA - APOSTILA/SIMULADO PARA...
Valdeci Correia
 
Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - 5692/71
Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - 5692/71Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - 5692/71
Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - 5692/71
Clinger Cleir
 
Ldb
LdbLdb
2027753 ldb-resumaoo
2027753 ldb-resumaoo2027753 ldb-resumaoo
2027753 ldb-resumaoo
jorge luiz dos santos de souza
 
2027753 ldb-resumaoo-140304204947-phpapp02
2027753 ldb-resumaoo-140304204947-phpapp022027753 ldb-resumaoo-140304204947-phpapp02
2027753 ldb-resumaoo-140304204947-phpapp02
Somos Cristo.
 
Comparativo das alterações na LDB promovidas pela MP 746
Comparativo das alterações na LDB promovidas pela MP 746Comparativo das alterações na LDB promovidas pela MP 746
Comparativo das alterações na LDB promovidas pela MP 746
Iremar Schoba Sant'Anna
 
Ldb 9.394/96_educação especial
Ldb 9.394/96_educação especialLdb 9.394/96_educação especial
Ldb 9.394/96_educação especial
luiza
 
Apresenta ldb
Apresenta ldbApresenta ldb
Apresenta ldb
AlessandroRubens
 
Lei de diretriçes educação nacional n. 9394 96
Lei de diretriçes educação nacional n. 9394 96Lei de diretriçes educação nacional n. 9394 96
Lei de diretriçes educação nacional n. 9394 96
Español al Día
 
Ldb nascente
Ldb nascenteLdb nascente
Ldb nascente
Leonarda Macedo
 
Sistema.educacional.ensino.medio.inovador
Sistema.educacional.ensino.medio.inovadorSistema.educacional.ensino.medio.inovador
Sistema.educacional.ensino.medio.inovador
Roseli Aparecida
 
Ldb Resumo
Ldb ResumoLdb Resumo
Ldb Resumo
Karina Reimberg
 

Mais procurados (20)

Questões sobre ldb
Questões sobre ldbQuestões sobre ldb
Questões sobre ldb
 
A nova-lei-das-diretrizes-e-bases-da-educação-nacional
A nova-lei-das-diretrizes-e-bases-da-educação-nacionalA nova-lei-das-diretrizes-e-bases-da-educação-nacional
A nova-lei-das-diretrizes-e-bases-da-educação-nacional
 
Prova de estrutura do ensino basicoa 2012 2 - com gaba
Prova de estrutura do ensino basicoa 2012 2 - com gabaProva de estrutura do ensino basicoa 2012 2 - com gaba
Prova de estrutura do ensino basicoa 2012 2 - com gaba
 
LDB 2013 ATUALIZADA
LDB 2013 ATUALIZADALDB 2013 ATUALIZADA
LDB 2013 ATUALIZADA
 
Leis e normas da educação
Leis e normas da educaçãoLeis e normas da educação
Leis e normas da educação
 
Ldb 1
Ldb 1Ldb 1
Ldb 1
 
Aula de ldb
Aula de ldbAula de ldb
Aula de ldb
 
Ldb 9394
Ldb 9394Ldb 9394
Ldb 9394
 
LEGISLAÇÃO EDUCACIONAL - CF/88 - LDBEN - ECA - APOSTILA/SIMULADO PARA...
LEGISLAÇÃO EDUCACIONAL - CF/88  -  LDBEN  -  ECA   -   APOSTILA/SIMULADO PARA...LEGISLAÇÃO EDUCACIONAL - CF/88  -  LDBEN  -  ECA   -   APOSTILA/SIMULADO PARA...
LEGISLAÇÃO EDUCACIONAL - CF/88 - LDBEN - ECA - APOSTILA/SIMULADO PARA...
 
Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - 5692/71
Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - 5692/71Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - 5692/71
Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - 5692/71
 
Ldb
LdbLdb
Ldb
 
2027753 ldb-resumaoo
2027753 ldb-resumaoo2027753 ldb-resumaoo
2027753 ldb-resumaoo
 
2027753 ldb-resumaoo-140304204947-phpapp02
2027753 ldb-resumaoo-140304204947-phpapp022027753 ldb-resumaoo-140304204947-phpapp02
2027753 ldb-resumaoo-140304204947-phpapp02
 
Comparativo das alterações na LDB promovidas pela MP 746
Comparativo das alterações na LDB promovidas pela MP 746Comparativo das alterações na LDB promovidas pela MP 746
Comparativo das alterações na LDB promovidas pela MP 746
 
Ldb 9.394/96_educação especial
Ldb 9.394/96_educação especialLdb 9.394/96_educação especial
Ldb 9.394/96_educação especial
 
Apresenta ldb
Apresenta ldbApresenta ldb
Apresenta ldb
 
Lei de diretriçes educação nacional n. 9394 96
Lei de diretriçes educação nacional n. 9394 96Lei de diretriçes educação nacional n. 9394 96
Lei de diretriçes educação nacional n. 9394 96
 
Ldb nascente
Ldb nascenteLdb nascente
Ldb nascente
 
Sistema.educacional.ensino.medio.inovador
Sistema.educacional.ensino.medio.inovadorSistema.educacional.ensino.medio.inovador
Sistema.educacional.ensino.medio.inovador
 
Ldb Resumo
Ldb ResumoLdb Resumo
Ldb Resumo
 

Destaque

Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadas
  Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadas  Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadas
Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadas
Eduardo Lopes
 
LDB - ATUALIZADA - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
LDB - ATUALIZADA  - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOSLDB - ATUALIZADA  - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
LDB - ATUALIZADA - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
Valdeci Correia
 
EDUCAÇÃO INFANTIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
EDUCAÇÃO INFANTIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOSEDUCAÇÃO INFANTIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
EDUCAÇÃO INFANTIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
Valdeci Correia
 
Alteração à LDB: Lei 13.168/15
Alteração à LDB: Lei 13.168/15Alteração à LDB: Lei 13.168/15
Alteração à LDB: Lei 13.168/15
Fernanda Borges
 
Questoes com gabarito de fundamentos e metodos da educacao infantil
Questoes com gabarito de fundamentos e metodos da educacao infantilQuestoes com gabarito de fundamentos e metodos da educacao infantil
Questoes com gabarito de fundamentos e metodos da educacao infantil
Leila Bezerra
 
PEB I - PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA I - SIMULADO 2011
PEB I - PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA I  -  SIMULADO 2011PEB I - PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA I  -  SIMULADO 2011
PEB I - PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA I - SIMULADO 2011
Valdeci Correia
 
Quadro resumo conhecimentos pedagógicos excelente
Quadro resumo conhecimentos pedagógicos excelenteQuadro resumo conhecimentos pedagógicos excelente
Quadro resumo conhecimentos pedagógicos excelente
Eduardo Lopes
 
Apostila 1 conhecimentos pedagogicos
Apostila 1    conhecimentos pedagogicosApostila 1    conhecimentos pedagogicos
Apostila 1 conhecimentos pedagogicos
SYGNUS Assessoria e Consultoria em Educação
 
Aulão Solidário - Conhecimentos Pedagógicos - Realização: Miron Barbosa
Aulão Solidário - Conhecimentos Pedagógicos - Realização: Miron BarbosaAulão Solidário - Conhecimentos Pedagógicos - Realização: Miron Barbosa
Aulão Solidário - Conhecimentos Pedagógicos - Realização: Miron Barbosa
Miron Barbosa
 
Escola e Democracia - Dermeval Saviani
Escola e Democracia - Dermeval SavianiEscola e Democracia - Dermeval Saviani
Escola e Democracia - Dermeval Saviani
Camilla Follador
 
Aula sobre o eca
Aula sobre o ecaAula sobre o eca
Aula sobre o eca
Diego Alvarez
 
SUPERVISOR DE ENSINO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
SUPERVISOR DE ENSINO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOSSUPERVISOR DE ENSINO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
SUPERVISOR DE ENSINO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
Valdeci Correia
 
A pedagogia de Paulo Freire - Parte 2
A pedagogia de Paulo Freire - Parte 2A pedagogia de Paulo Freire - Parte 2
A pedagogia de Paulo Freire - Parte 2
Lucas Bernardo
 
Conhecimento Pedagógico: Tendências Pedagógicas
Conhecimento Pedagógico: Tendências PedagógicasConhecimento Pedagógico: Tendências Pedagógicas
Conhecimento Pedagógico: Tendências Pedagógicas
Leonardo Delgado
 
Plano de Aula: ECA
Plano de Aula: ECAPlano de Aula: ECA
Plano de Aula: ECA
Ines Santos
 
Eca 25 questoes
Eca 25 questoesEca 25 questoes
Eca 25 questoes
Wellington J Gomes Gomes
 
Conhecimentos Pedagógicos p/ Concurso DPU
Conhecimentos Pedagógicos p/ Concurso DPUConhecimentos Pedagógicos p/ Concurso DPU
Conhecimentos Pedagógicos p/ Concurso DPU
Estratégia Concursos
 
A Prática Pedagógica e a Construção do Conhecimento Científico!
A Prática Pedagógica e a Construção do Conhecimento Científico!A Prática Pedagógica e a Construção do Conhecimento Científico!
A Prática Pedagógica e a Construção do Conhecimento Científico!
guest21256d9
 
OS PENSADORES DA EDUCAÇÃO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
OS PENSADORES DA EDUCAÇÃO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOSOS PENSADORES DA EDUCAÇÃO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
OS PENSADORES DA EDUCAÇÃO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
Valdeci Correia
 
Apostila de-conhecimentos-pedagógicos
Apostila de-conhecimentos-pedagógicosApostila de-conhecimentos-pedagógicos
Apostila de-conhecimentos-pedagógicos
EDILENE CABRAL
 

Destaque (20)

Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadas
  Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadas  Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadas
Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadas
 
LDB - ATUALIZADA - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
LDB - ATUALIZADA  - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOSLDB - ATUALIZADA  - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
LDB - ATUALIZADA - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
 
EDUCAÇÃO INFANTIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
EDUCAÇÃO INFANTIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOSEDUCAÇÃO INFANTIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
EDUCAÇÃO INFANTIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
 
Alteração à LDB: Lei 13.168/15
Alteração à LDB: Lei 13.168/15Alteração à LDB: Lei 13.168/15
Alteração à LDB: Lei 13.168/15
 
Questoes com gabarito de fundamentos e metodos da educacao infantil
Questoes com gabarito de fundamentos e metodos da educacao infantilQuestoes com gabarito de fundamentos e metodos da educacao infantil
Questoes com gabarito de fundamentos e metodos da educacao infantil
 
PEB I - PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA I - SIMULADO 2011
PEB I - PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA I  -  SIMULADO 2011PEB I - PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA I  -  SIMULADO 2011
PEB I - PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA I - SIMULADO 2011
 
Quadro resumo conhecimentos pedagógicos excelente
Quadro resumo conhecimentos pedagógicos excelenteQuadro resumo conhecimentos pedagógicos excelente
Quadro resumo conhecimentos pedagógicos excelente
 
Apostila 1 conhecimentos pedagogicos
Apostila 1    conhecimentos pedagogicosApostila 1    conhecimentos pedagogicos
Apostila 1 conhecimentos pedagogicos
 
Aulão Solidário - Conhecimentos Pedagógicos - Realização: Miron Barbosa
Aulão Solidário - Conhecimentos Pedagógicos - Realização: Miron BarbosaAulão Solidário - Conhecimentos Pedagógicos - Realização: Miron Barbosa
Aulão Solidário - Conhecimentos Pedagógicos - Realização: Miron Barbosa
 
Escola e Democracia - Dermeval Saviani
Escola e Democracia - Dermeval SavianiEscola e Democracia - Dermeval Saviani
Escola e Democracia - Dermeval Saviani
 
Aula sobre o eca
Aula sobre o ecaAula sobre o eca
Aula sobre o eca
 
SUPERVISOR DE ENSINO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
SUPERVISOR DE ENSINO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOSSUPERVISOR DE ENSINO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
SUPERVISOR DE ENSINO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
 
A pedagogia de Paulo Freire - Parte 2
A pedagogia de Paulo Freire - Parte 2A pedagogia de Paulo Freire - Parte 2
A pedagogia de Paulo Freire - Parte 2
 
Conhecimento Pedagógico: Tendências Pedagógicas
Conhecimento Pedagógico: Tendências PedagógicasConhecimento Pedagógico: Tendências Pedagógicas
Conhecimento Pedagógico: Tendências Pedagógicas
 
Plano de Aula: ECA
Plano de Aula: ECAPlano de Aula: ECA
Plano de Aula: ECA
 
Eca 25 questoes
Eca 25 questoesEca 25 questoes
Eca 25 questoes
 
Conhecimentos Pedagógicos p/ Concurso DPU
Conhecimentos Pedagógicos p/ Concurso DPUConhecimentos Pedagógicos p/ Concurso DPU
Conhecimentos Pedagógicos p/ Concurso DPU
 
A Prática Pedagógica e a Construção do Conhecimento Científico!
A Prática Pedagógica e a Construção do Conhecimento Científico!A Prática Pedagógica e a Construção do Conhecimento Científico!
A Prática Pedagógica e a Construção do Conhecimento Científico!
 
OS PENSADORES DA EDUCAÇÃO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
OS PENSADORES DA EDUCAÇÃO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOSOS PENSADORES DA EDUCAÇÃO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
OS PENSADORES DA EDUCAÇÃO - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
 
Apostila de-conhecimentos-pedagógicos
Apostila de-conhecimentos-pedagógicosApostila de-conhecimentos-pedagógicos
Apostila de-conhecimentos-pedagógicos
 

Semelhante a Simulado 2016-cespe

Boa revisão ECA LDB CONST 205 a 214.ppt
Boa revisão ECA LDB CONST 205 a 214.pptBoa revisão ECA LDB CONST 205 a 214.ppt
Boa revisão ECA LDB CONST 205 a 214.ppt
ClipaA
 
Sebrae Ebook
Sebrae EbookSebrae Ebook
Sebrae Ebook
Siqueiras1
 
A estrutura da LDB PARA CONCURSOS PUBLICOS
A estrutura da LDB PARA CONCURSOS PUBLICOSA estrutura da LDB PARA CONCURSOS PUBLICOS
A estrutura da LDB PARA CONCURSOS PUBLICOS
fernanda de paula rodrigues
 
A estrutura da LDB para concursos públicos
A estrutura da LDB para concursos públicosA estrutura da LDB para concursos públicos
A estrutura da LDB para concursos públicos
escola310506
 
Políticas educacionais
Políticas educacionaisPolíticas educacionais
Políticas educacionais
mkbariotto
 
LDB - REVISÃO - Prof• Vinicius Reccanello de Almeida
LDB - REVISÃO - Prof• Vinicius Reccanello de Almeida LDB - REVISÃO - Prof• Vinicius Reccanello de Almeida
LDB - REVISÃO - Prof• Vinicius Reccanello de Almeida
Tarsila N
 
Dilemas_e_desafios_para_consolidao_da_educao_bsica_Slides.pptx
Dilemas_e_desafios_para_consolidao_da_educao_bsica_Slides.pptxDilemas_e_desafios_para_consolidao_da_educao_bsica_Slides.pptx
Dilemas_e_desafios_para_consolidao_da_educao_bsica_Slides.pptx
EversonLima23
 
Educacional, simulado para concurso públ
Educacional, simulado para concurso públEducacional, simulado para concurso públ
Educacional, simulado para concurso públ
gerusa14
 
Projeto especializacao
Projeto especializacaoProjeto especializacao
Projeto especializacao
EjanaDiversidade2014
 
PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...
PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...
PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...
MagnoFernando4
 
PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...
PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...
PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...
MagnoFernando4
 
Estructura
EstructuraEstructura
Estructura
kibutzzz
 
Regina crespo power anos 90
Regina crespo   power anos 90Regina crespo   power anos 90
Regina crespo power anos 90
Mariangela Santos
 
Educ especial
Educ especialEduc especial
Proposta anhanguera
Proposta anhangueraProposta anhanguera
Proposta anhanguera
telasnorte1
 
Aula 2
Aula 2Aula 2
Ensino+mé..2
Ensino+mé..2Ensino+mé..2
Ensino+mé..2
Emily Cloves Barreto
 
4. Políticas educacionais e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
4. Políticas educacionais e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima4. Políticas educacionais e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
4. Políticas educacionais e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
Paulo Lima
 
PNE e a Gestão Democrática
PNE e a Gestão DemocráticaPNE e a Gestão Democrática
PNE e a Gestão Democrática
Hudson Frota
 
Ldb sintese 9394_1996_13_09_2010_20100913152850
Ldb sintese 9394_1996_13_09_2010_20100913152850Ldb sintese 9394_1996_13_09_2010_20100913152850
Ldb sintese 9394_1996_13_09_2010_20100913152850
leidebastos01
 

Semelhante a Simulado 2016-cespe (20)

Boa revisão ECA LDB CONST 205 a 214.ppt
Boa revisão ECA LDB CONST 205 a 214.pptBoa revisão ECA LDB CONST 205 a 214.ppt
Boa revisão ECA LDB CONST 205 a 214.ppt
 
Sebrae Ebook
Sebrae EbookSebrae Ebook
Sebrae Ebook
 
A estrutura da LDB PARA CONCURSOS PUBLICOS
A estrutura da LDB PARA CONCURSOS PUBLICOSA estrutura da LDB PARA CONCURSOS PUBLICOS
A estrutura da LDB PARA CONCURSOS PUBLICOS
 
A estrutura da LDB para concursos públicos
A estrutura da LDB para concursos públicosA estrutura da LDB para concursos públicos
A estrutura da LDB para concursos públicos
 
Políticas educacionais
Políticas educacionaisPolíticas educacionais
Políticas educacionais
 
LDB - REVISÃO - Prof• Vinicius Reccanello de Almeida
LDB - REVISÃO - Prof• Vinicius Reccanello de Almeida LDB - REVISÃO - Prof• Vinicius Reccanello de Almeida
LDB - REVISÃO - Prof• Vinicius Reccanello de Almeida
 
Dilemas_e_desafios_para_consolidao_da_educao_bsica_Slides.pptx
Dilemas_e_desafios_para_consolidao_da_educao_bsica_Slides.pptxDilemas_e_desafios_para_consolidao_da_educao_bsica_Slides.pptx
Dilemas_e_desafios_para_consolidao_da_educao_bsica_Slides.pptx
 
Educacional, simulado para concurso públ
Educacional, simulado para concurso públEducacional, simulado para concurso públ
Educacional, simulado para concurso públ
 
Projeto especializacao
Projeto especializacaoProjeto especializacao
Projeto especializacao
 
PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...
PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...
PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...
 
PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...
PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...
PRÁTICA DOCENTE: OS DESAFIOS E AVANÇOS DA BNCC NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TEC...
 
Estructura
EstructuraEstructura
Estructura
 
Regina crespo power anos 90
Regina crespo   power anos 90Regina crespo   power anos 90
Regina crespo power anos 90
 
Educ especial
Educ especialEduc especial
Educ especial
 
Proposta anhanguera
Proposta anhangueraProposta anhanguera
Proposta anhanguera
 
Aula 2
Aula 2Aula 2
Aula 2
 
Ensino+mé..2
Ensino+mé..2Ensino+mé..2
Ensino+mé..2
 
4. Políticas educacionais e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
4. Políticas educacionais e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima4. Políticas educacionais e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
4. Políticas educacionais e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
 
PNE e a Gestão Democrática
PNE e a Gestão DemocráticaPNE e a Gestão Democrática
PNE e a Gestão Democrática
 
Ldb sintese 9394_1996_13_09_2010_20100913152850
Ldb sintese 9394_1996_13_09_2010_20100913152850Ldb sintese 9394_1996_13_09_2010_20100913152850
Ldb sintese 9394_1996_13_09_2010_20100913152850
 

Último

28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
SheylaAlves6
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Luzia Gabriele
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Falcão Brasil
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Bibliotecas Escolares AEIDH
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Falcão Brasil
 
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Falcão Brasil
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
Manuais Formação
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Falcão Brasil
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdfPlano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Falcão Brasil
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
Falcão Brasil
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 

Último (20)

28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
 
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdfPlano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 

Simulado 2016-cespe

  • 1. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   AULA GRÁTIS: SIMULADO CESPE. ESTUDO PRÉVIO PARA SEDF SUMÁRIO PÁGINA 1. Apresentação 01 2. Questões 03 2. Gabarito 26 Olá Querid@ Alun@!!! Tudo bem? Preparamos um simulado para você ☺! Selecionamos as melhores questões que foram cobradas pelo CESPE. Vamos aproveitar, pois o edital pode sair a qualquer momento. Mantenha o FOCO. Primeiro, disponibilizamos a lista com as questões, logo em seguida você poderá conferir todas as questões comentadas para não ficar nenhuma dúvida. Aproveite! Vamos lá! Não esqueça da nossa rodada de pão de queijo ☺!
  • 2. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   Quem quiser nos acompanhar e ficar por dentro do mundo dos concursos de educação, nos encontre em: https://www.facebook.com/ProfessoraFabianaFirmino/?fref=ts https://www.facebook.com/Proffernandaestrategia/ https://www.facebook.com/FernandaLimaConhecimentosPedagogicosParaC oncursos/ Um grande abraço. :) RUMO À SEDF Fernanda Lima & Fabiana Firmino.
  • 3. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   LISTA DE QUESTÕES: 01 - CESPE/SERPRO/ANALISTA DE DESENHO INSTRUCIONAL. Julgue o item: A Lei n.º 9.394/1996 normatiza a EaD no Brasil como modalidade válida e equivalente em todos os níveis de ensino.   2 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - No ensino superior, a pós-graduação compreende tanto os cursos stricto sensu (mestrado e doutorado) como os lato sensu (especialização). CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV A Constituição brasileira estabelece, em seu artigo 205, que “a educação, direito de todos e dever do Estado e da família, será promovida e incentivada com a colaboração da sociedade, visando ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho”. Quanto aos princípios em que o ensino se baseia para ser ministrado, o artigo 206 enumera: “I – igualdade de condições para o acesso e permanência na escola; II – liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar o pensamento, a arte e o saber; III – pluralismo de ideias e de concepções pedagógicas, e coexistência de instituições públicas e privadas de ensino; IV – gratuidade do ensino público em estabelecimentos oficiais; V – valorização dos profissionais do ensino, garantidos, na forma da lei, planos de carreira para o magistério público, com piso salarial profissional e ingresso exclusivamente por concurso público de provas e títulos; VI – gestão democrática do ensino público, na forma da lei; VII – garantia de padrão de qualidade”.
  • 4. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   Considerando esses mandamentos constitucionais e a realidade objetiva do sistema educacional brasileiro nos dias atuais, julgue os itens subsequentes. 3 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - Ao seguir literalmente o que diz a legislação, nas unidades da Federação em que foi adotada, a gestão democrática nas escolas públicas restringe- se à eleição direta dos diretores. 4 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - O texto constitucional indica que, a despeito de todos os avanços acerca da concepção de educação verificados no mundo contemporâneo, o Brasil insiste na velha ideia, que vigorou em quase todos os países até por volta dos anos 60 do século XX, de que um bom sistema educacional existe para fornecer mão-de-obra qualificada para um mercado de trabalho em constante transformação. 5 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - Há consenso entre os especialistas de que o êxito do FUNDEF, malgrado suas limitações, entre as quais o fato de voltar-se apenas para o nível fundamental da educação básica, deveu-se ao montante de recursos financeiros novos, vindos do orçamento da União, com os quais pôde contar para redistribuir aos estados e municípios. CESPE CNJ PEDAGOGO - Com base na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, julgue os itens a seguir.
  • 5. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   6 - CESPE CNJ PEDAGOGO - A autorização e o reconhecimento de cursos superiores podem ser feitos a qualquer tempo, garantindo-se, assim, o credenciamento das instituições de ensino superior pelo Estado. 7 - CESPE CNJ PEDAGOGO - A gestão democrática é um princípio que se aplica tanto à rede pública de ensino como à rede privada. 8 - CESPE CNJ PEDAGOGO - A educação básica pode ser organizada em séries anuais, períodos semestrais, ciclos, grupos não seriados, com base na idade, na competência e em outros critérios. 9 - CESPE CNJ PEDAGOGO - O calendário escolar deve adequar-se às peculiaridades de cada sistema de ensino, podendo a carga horária prevista para o ano letivo ser reduzida. Julgue os itens que se seguem, considerando as bases legais da educação nacional, notadamente as estabelecidas previstas na Constituição Federal e na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB). 10 - CESPE TJ PEDAGOGO - A educação básica é um direito público subjetivo de acordo com a Constituição Federal.
  • 6. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   11 - CESPE TJ PEDAGOGO - Os sistemas de ensino deverão ser organizados em regime de colaboração entre a União, os estados, os municípios e o DF. 12 - CESPE TJ PEDAGOGO - Os percentuais mínimos da receita resultante de impostos, compreendida a proveniente de transferências, para a manutenção e o desenvolvimento do ensino são, respectivamente, de 18% e 25%. 13 - CESPE TJ PEDAGOGO - Os sistemas de ensino podem organizar seus respectivos calendários escolares para atendimento às peculiaridades climáticas locais, reduzindo, inclusive, o número de horas previsto na LDB, caso necessário. 14 - CESPE TJ PEDAGOGO - A LDB prevê a obrigatoriedade do ensino sobre história e cultura afro-brasileira nos estabelecimentos de ensino fundamental e médio das redes públicas e privadas. Com base na legislação educacional vigente no Brasil, julgue os itens que se seguem. 15 - CESPE TJ/CE - De acordo com a CF vigente, a União aplicará anualmente até 17% da receita resultante de impostos na manutenção e desenvolvimento da educação.
  • 7. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   16 - CESPE TJ/CE - A Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional define como educação básica os seguintes níveis: educação infantil, ensino fundamental, ensino médio e educação superior. 17 - CESPE TJ/CE - O sistema federal de ensino compreende as instituições de ensino mantidas pela União, as instituições de ensino fundamental e médio, criadas e mantidas pela iniciativa privada, e os órgãos federais de educação. 18 - CESPE TJ/CE - Os currículos da educação básica têm base nacional comum, mas devem ser complementados por uma parte diversificada de responsabilidade exclusiva de cada sistema de ensino. Julgue os próximos itens com relação às bases legais da educação nacional: 19 - CESPE MPU 2013 - A classificação em qualquer série ou etapa do ensino fundamental e médio, exceto a primeira do ensino fundamental, pode ser feita por promoção; por transferência; ou independentemente de escolarização anterior, mediante avaliação feita pela escola, que defina o grau de desenvolvimento e experiência do candidato e permita sua inscrição na série ou etapa adequada, conforme regulamentação do respectivo sistema de ensino. 20 - CESPE MPU 2013 - São consideradas como de manutenção e desenvolvimento do ensino as despesas realizadas com vistas à
  • 8. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   consecução dos objetivos básicos das instituições educacionais de todos os níveis, incluindo as que se destinam à concessão de bolsas de estudo a alunos exclusivamente de escolas públicas.     CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO SENADO - A história recente da educação brasileira foi marcada por importantes alterações nos rumos da política educacional. Sobretudo a partir de 1930, com o Estado Novo e, posteriormente, a Segunda Guerra Mundial, os educadores e a sociedade brasileira passaram a desempenhar papel significativo no processo de definição e organização da educação nacional. Acerca desse assunto, julgue os itens subsequentes. 21 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO SENADO. Fernando de Azevedo contribuiu para a implantação das ideias liberais na educação brasileira, não só por meio de sua atuação profissional, como administrador e professor, mas também por meio de pesquisas e publicações. 22 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO SENADO. Com a promulgação da Lei n.º 5.692/1971, que instituiu o ensino de 1.º e 2.º graus no Brasil, na qual também pretendeu-se articular educação e mercado de trabalho, passou a predominar a tendência pedagógica denominada humanismo pedagógico. 23 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO SENADO. São expressões concretas do escolanovismo no Brasil a experiência das escolas parque e o
  • 9. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   direcionamento da educação para a formação profissional, sob a orientação de Anísio Teixeira em seus empreendimentos administrativos e teóricos. 24 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO SENADO. Nos embates ocorridos quando da elaboração da Lei n.º 4.024/1961, estava em pauta a hegemonia filosófico-ideológica do projeto de educação disputado, de um lado, por educadores, comandados pelo grupo católico, defensores da escola privada e, de outro, por educadores que defendiam a escola pública e laica. 25 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO SENADO. Florestan Fernandes foi um dos principais signatários do Manifesto dos Pioneiros da Educação de 1932. CESPE - A Pedagogia Libertadora insistia na ideia de que todo ato educativo é um ato político e que o educador “humanista revolucionário”, “ombreado com os oprimidos”, deveria colocar sua ação político-pedagógica a serviço da transformação da sociedade e da criação do “homem novo”. Paulo Ghiraldelli Júnior. História da educação. São Paulo: Cortez, 1990. 26 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ (TJPA). Educação bancária foi a designação dada pela Pedagogia Libertadora, mencionada no texto, à educação
  • 10. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   convencional. Entre os princípios a seguir, assinale a opção que contraria os princípios norteadores da educação bancária. A - O professor sabe tudo, o aluno nada sabe. B - O professor deixa clara a diferença entre a autoridade do conhecimento e a sua própria autoridade. C - O professor escolhe o conteúdo e os alunos se adaptam, sem serem consultados a respeito. D - O professor trabalha e os alunos têm a ilusão de trabalhar, graças à própria ação do professor. 27 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ (TJPA) Acerca da Pedagogia Libertadora, assinale a opção correta. A - A origem está diretamente associada ao trabalho de Demerval Saviani. B - Busca uma educação para os que têm voz na sociedade. C - Entende que a educação não pode ser voltada para problemas circunstanciais. D - Guarda em suas formulações teóricas o pensamento social cristão, fundamentado na atualização de doutrinas da Igreja Católica. 28 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ (TJPA) Dos passos que sintetizam o processo pedagógico da Pedagogia Libertadora mencionada no texto, o primeiro corresponde: A à pesquisa.
  • 11. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   B aos temas geradores. C à problematização. D à conscientização. Em relação ao processo ensino-aprendizagem na visão rogeriana, julgue os itens. 29 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ (TJPA). O professor se limita a facilitar a comunicação do estudante consigo mesmo, a fim de que ele mesmo estruture seu comportamento experiencial. 30 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ (TJPA). O ensino consiste em um produto de personalidades únicas, respondendo a situações únicas, no contexto de um tipo especial de relação professor-aluno. QUESTÕES COMENTADAS: 01 - CESPE/SERPRO/ANALISTA DE DESENHO INSTRUCIONAL. Julgue o item: A Lei n.º 9.394/1996 normatiza a EaD no Brasil como modalidade válida e equivalente em todos os níveis de ensino.
  • 12. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   CERTO. O que vale é a lei que diz: A Lei n.º 9.394/1996 normatiza a EaD no Brasil como modalidade válida e equivalente em todos os níveis de ensino. Corretíssimo! Você só irá pensar diferente se por acaso a banca examinadora colocar uma situação que não pertença a um contexto que seja possível, como por exemplo uma situação que envolva a educação infantil que tem como um dos objetivos o relacionamento e a socialização das crianças umas com as outras. A EAD será incentivada pelo poder público em todos os níveis de ensino – Isso é o que diz a lei e é isso que temos que levar em consideração. 2 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - No ensino superior, a pós-graduação compreende tanto os cursos stricto sensu (mestrado e doutorado) como os lato sensu (especialização). CERTO. Está na legislação essa informação sobre o ensino superior. A legislação atual que determina as diretrizes dos programas Lato Sensu é a RESOLUÇÃO CNE/CES N° 1, DE 8 DE JUNHO DE 2007 e Stricto Sensu é a RESOLUÇÃO CNE/CES Nº 1, DE 3 DE ABRIL DE 2001. CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV A Constituição brasileira estabelece, em seu artigo 205, que “a educação, direito de todos e dever do Estado e da família, será promovida e incentivada com a colaboração da sociedade, visando ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho”.
  • 13. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   Quanto aos princípios em que o ensino se baseia para ser ministrado, o artigo 206 enumera: “I – igualdade de condições para o acesso e permanência na escola; II – liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar o pensamento, a arte e o saber; III – pluralismo de ideias e de concepções pedagógicas, e coexistência de instituições públicas e privadas de ensino; IV – gratuidade do ensino público em estabelecimentos oficiais; V – valorização dos profissionais do ensino, garantidos, na forma da lei, planos de carreira para o magistério público, com piso salarial profissional e ingresso exclusivamente por concurso público de provas e títulos; VI – gestão democrática do ensino público, na forma da lei; VII – garantia de padrão de qualidade”. Considerando esses mandamentos constitucionais e a realidade objetiva do sistema educacional brasileiro nos dias atuais, julgue os itens subsequentes. 3 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - Ao seguir literalmente o que diz a legislação, nas unidades da Federação em que foi adotada, a gestão democrática nas escolas públicas restringe- se à eleição direta dos diretores. ERRADO. A gestão democrática não restringe a eleição direta para diretor. Vai além disso, promovendo a participação de todos nas principais decisões. Esse modelo de gestão, segundo Vieira (2005), concebe um importante desafio no desenvolvimento das políticas de educação e no cotidiano escolar. 4 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - O texto constitucional indica que, a despeito de todos os avanços acerca da
  • 14. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   concepção de educação verificados no mundo contemporâneo, o Brasil insiste na velha ideia, que vigorou em quase todos os países até por volta dos anos 60 do século XX, de que um bom sistema educacional existe para fornecer mão-de-obra qualificada para um mercado de trabalho em constante transformação. ERRADO. O Brasil avançou no que diz respeito a essa ideia. O texto da constituição apresenta um olhar diferente, não restringindo apenas a preparação para a mão de obra e para o mercado de trabalho: Sendo a educação dever do Estado, da família e realidade social, com o objetivo de garantir a realização plena do ser humano, inseri-lo no contexto do Estado Democrático e qualificá-lo para o mundo do trabalho. 5 - CESPE CONSULTOR LEGISLATIVO ÁREA XV - Há consenso entre os especialistas de que o êxito do FUNDEF, malgrado suas limitações, entre as quais o fato de voltar-se apenas para o nível fundamental da educação básica, deveu-se ao montante de recursos financeiros novos, vindos do orçamento da União, com os quais pôde contar para redistribuir aos estados e municípios. ERRADO. O FUNDEF é formado com dinheiro do ICMS e dos fundos de participação de Estados e municípios, tem êxito por juntar a distribuição dos recursos a um critério absolutamente justo: o número de alunos. A maior inovação do FUNDEF consiste na mudança da estrutura de financiamento do Ensino Fundamental no País (1ª a 8ª séries do antigo 1º grau), ao subvincular a esse nível de ensino uma parcela dos recursos constitucionalmente destinados à Educação. A Constituição de 1988 vincula 25% das receitas dos Estados e Municípios à Educação. Com a Emenda Constitucional nº 14/96, 60% desses recursos (o que representa 15% da arrecadação global
  • 15. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   de Estados e Municípios) ficam reservados ao Ensino Fundamental. CESPE CNJ PEDAGOGO - Com base na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, julgue os itens a seguir. 6 - CESPE CNJ PEDAGOGO - A autorização e o reconhecimento de cursos superiores podem ser feitos a qualquer tempo, garantindo-se, assim, o credenciamento das instituições de ensino superior pelo Estado. ERRADO. A autorização e o reconhecimento de cursos, bem como o credenciamento de instituições de educação superior, terão prazos limitados, sendo renovados, periodicamente, após processo regular de avaliação. 7 - CESPE CNJ PEDAGOGO - A gestão democrática é um princípio que se aplica tanto à rede pública de ensino como à rede privada. ERRADO. A gestão democrática se aplica ao ensino público. 8 - CESPE CNJ PEDAGOGO - A educação básica pode ser organizada em séries anuais, períodos semestrais, ciclos, grupos não seriados, com base na idade, na competência e em outros critérios. CERTO. Exatamente como está na LDB! 9 - CESPE CNJ PEDAGOGO - O calendário escolar deve adequar-se às peculiaridades de cada sistema de ensino, podendo a carga horária
  • 16. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   prevista para o ano letivo ser reduzida. ERRADO. Sabemos que a carga horária não pode ser reduzida! Julgue os itens que se seguem, considerando as bases legais da educação nacional, notadamente as estabelecidas previstas na Constituição Federal e na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB). 10 - CESPE TJ PEDAGOGO - A educação básica é um direito público subjetivo de acordo com a Constituição Federal. ERRADO. Segundo a constituição o acesso ao ensino obrigatório e gratuito é direito público subjetivo. 11 - CESPE TJ PEDAGOGO - Os sistemas de ensino deverão ser organizados em regime de colaboração entre a União, os estados, os municípios e o DF. CERTO. A União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios organizarão em regime de colaboração seus sistemas de ensino. 12 - CESPE TJ PEDAGOGO - Os percentuais mínimos da receita resultante de impostos, compreendida a proveniente de transferências, para a manutenção e o desenvolvimento do ensino são, respectivamente, de 18% e 25%. ERRADO*. A questão foi anulada pelo cespe por apresentar uma certa confusão em seu texto. De acordo com a LDB a União aplicará, anualmente, nunca menos de dezoito, e os
  • 17. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   Estados, o Distrito Federal e os Municípios, vinte e cinco por cento, ou o que consta nas respectivas Constituições ou Leis Orgânicas, da receita resultante de impostos, compreendidas as transferências constitucionais, na manutenção e desenvolvimento do ensino público. 13 - CESPE TJ PEDAGOGO - Os sistemas de ensino podem organizar seus respectivos calendários escolares para atendimento às peculiaridades climáticas locais, reduzindo, inclusive, o número de horas previsto na LDB, caso necessário. ERRADO. Mais uma questão sobre a carga horária. As escolas não poderão reduzir o número de horas previsto na LDB. 14 - CESPE TJ PEDAGOGO - A LDB prevê a obrigatoriedade do ensino sobre história e cultura afro-brasileira nos estabelecimentos de ensino fundamental e médio das redes públicas e privadas. CERTO. Art. 26 - Nos estabelecimentos de ensino fundamental e de ensino médio, públicos e privados, torna-se obrigatório o estudo da história e cultura afro-brasileira e indígena. Com base na legislação educacional vigente no Brasil, julgue os itens que se seguem. 15 - CESPE TJ/CE - De acordo com a CF vigente, a União aplicará anualmente até 17% da receita resultante de impostos na manutenção e desenvolvimento da educação.
  • 18. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   ERRADO. A união aplicará anualmente nunca menos do que 25% da receita resultante. 16 - CESPE TJ/CE - A Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional define como educação básica os seguintes níveis: educação infantil, ensino fundamental, ensino médio e educação superior. ERRADO. A educação básica I obrigatória e gratuita dos 4 (quatro) aos 17 (dezessete) anos de idade, será organizada da seguinte forma: a) pré-escola; b) ensino fundamental; c) ensino médio. 17 - CESPE TJ/CE - O sistema federal de ensino compreende as instituições de ensino mantidas pela União, as instituições de ensino fundamental e médio, criadas e mantidas pela iniciativa privada, e os órgãos federais de educação. ERRADO. Está errado quando menciona instituições de ensino fundamental e médio. Art. 16. O sistema federal de ensino compreende: I - as instituições de ensino mantidas pela União; II - as instituições de educação superior criadas e mantidas pela iniciativa privada; III - os órgãos federais de educação. 18 - CESPE TJ/CE - Os currículos da educação básica têm base nacional comum, mas devem ser complementados por uma parte
  • 19. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   diversificada de responsabilidade exclusiva de cada sistema de ensino. ERRADO. Não será responsabilidade exclusiva. A LDB não cita essa ideia. Julgue os próximos itens com relação às bases legais da educação nacional: 19 - CESPE MPU 2013 - A classificação em qualquer série ou etapa do ensino fundamental e médio, exceto a primeira do ensino fundamental, pode ser feita por promoção; por transferência; ou independentemente de escolarização anterior, mediante avaliação feita pela escola, que defina o grau de desenvolvimento e experiência do candidato e permita sua inscrição na série ou etapa adequada, conforme regulamentação do respectivo sistema de ensino. CERTO. Exatamente como está no artigo 24 da lei de diretrizes e bases da educação. 20 - CESPE MPU 2013 - São consideradas como de manutenção e desenvolvimento do ensino as despesas realizadas com vistas à consecução dos objetivos básicos das instituições educacionais de todos os níveis, incluindo as que se destinam à concessão de bolsas de estudo a alunos exclusivamente de escolas públicas. ERRADO. Serão consideradas como manutenção e desenvolvimento do ensino, as despesas realizadas com vistas à consecução dos objetivos básicos das instituições educacionais de todos os níveis. A questão ficou errada por mencionar exclusivamente alunos de escolas públicas.  
  • 20. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino     CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO SENADO - A história recente da educação brasileira foi marcada por importantes alterações nos rumos da política educacional. Sobretudo a partir de 1930, com o Estado Novo e, posteriormente, a Segunda Guerra Mundial, os educadores e a sociedade brasileira passaram a desempenhar papel significativo no processo de definição e organização da educação nacional. Acerca desse assunto, julgue os itens subsequentes. 21 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO SENADO. Fernando de Azevedo contribuiu para a implantação das ideias liberais na educação brasileira, não só por meio de sua atuação profissional, como administrador e professor, mas também por meio de pesquisas e publicações. CERTO. Fernando de Azevedo lutou pela educação pública de qualidade. Participou também do movimento da escola nova e promoveu reformas significativas dentro da educação brasileira. 22 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO SENADO. Com a promulgação da Lei n.º 5.692/1971, que instituiu o ensino de 1.º e 2.º graus no Brasil, na qual também pretendeu-se articular educação e mercado de trabalho, passou a predominar a tendência pedagógica denominada humanismo pedagógico. ERRADO. A lei 5692/71 possui características tecnicistas. Não há predominância da tendência humanista. Essa lei trouxe para a educação brasileira a ideia de que aprender não era
  • 21. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   algo simples e natural. Eram necessários especialistas e técnicas adequadas. Houve a valorização da tecnologia. 23 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO SENADO. São expressões concretas do escolanovismo no Brasil a experiência das escolas parque e o direcionamento da educação para a formação profissional, sob a orientação de Anísio Teixeira em seus empreendimentos administrativos e teóricos. CERTO. A escola parque procura a reflexão, oferecendo ao aluno a oportunidade de conhecer e de aprender a partir das necessidades da sociedade com perspectivas para as gerações futuras. O nome “escola parque” veio dos estudos do educador Anísio Teixeira que propôs o desenvolvimento completo do aluno. 24 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO SENADO. Nos embates ocorridos quando da elaboração da Lei n.º 4.024/1961, estava em pauta a hegemonia filosófico-ideológica do projeto de educação disputado, de um lado, por educadores, comandados pelo grupo católico, defensores da escola privada e, de outro, por educadores que defendiam a escola pública e laica. CERTO. A implementação da lei 4024/61 ocorreu durante o governo de João Goulart e trazia em seu texto a questão do ensino religioso facultativo na escola pública, levantando a discussão mencionada na questão, o que gerou polêmica na
  • 22. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   época. Os educadores de dividiam entre os que aprovavam a escola privada e os que defendia a escola pública laica. Lembrando que essa lei é considerada a primeira LDB que foi publicada em 20 de dezembro de 1961 pelo então presidente João Goulart, em seguida veio outra versão em 1971 durante o regime militar que vigorou até a promulgação da LDB de 1996. 25 - CONSULTOR LEGISLATIVO – ÁREA 15 – EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO SENADO. Florestan Fernandes foi um dos principais signatários do Manifesto dos Pioneiros da Educação de 1932. ERRADO. Florestan Fernandes é considerado criador dos estudos sobre a sociologia crítica do Brasil. Foi deputado federal e assistente de Fernando de Azevedo. Florestan Fernandes não é considerado como um dos principais participantes do manifesto da escola nova de 1932. Houve a participação de Fernando de Azevedo, em meio a 26 intelectuais, entre os quais Anísio Teixeira, Afrânio Peixoto, Lourenço Filho, Antônio F. Almeida Junior, Roquette Pinto, Delgado de Carvalho, Hermes Lima e Cecília Meireles. CESPE - A Pedagogia Libertadora insistia na ideia de que todo ato educativo é um ato político e que o educador “humanista revolucionário”, “ombreado com os oprimidos”, deveria colocar sua ação político-pedagógica a serviço da transformação da sociedade e da criação do “homem novo”.
  • 23. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   Paulo Ghiraldelli Júnior. História da educação. São Paulo: Cortez, 1990. 26 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ (TJPA). Educação bancária foi a designação dada pela Pedagogia Libertadora, mencionada no texto, à educação convencional. Entre os princípios a seguir, assinale a opção que contraria os princípios norteadores da educação bancária. A - O professor sabe tudo, o aluno nada sabe. B - O professor deixa clara a diferença entre a autoridade do conhecimento e a sua própria autoridade. C - O professor escolhe o conteúdo e os alunos se adaptam, sem serem consultados a respeito. D - O professor trabalha e os alunos têm a ilusão de trabalhar, graças à própria ação do professor. LETRA B. Na educação bancária o professor age como quem deposita conhecimento num aluno que é apenas receptivo. Em outras palavras, o saber é visto como uma doação dos que se julgam seus detentores. Neste tipo de educação o professor é visto como detentor do conhecimento. Esse conhecimento vem de uma “mão única” ou seja, não há essa diferença entre a autoridade e o conhecimento que vem do professor. Os outros itens estão de acordo com a educação bancária. 27 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ (TJPA) Acerca da Pedagogia Libertadora, assinale a opção correta. A - A origem está diretamente associada ao trabalho de Demerval Saviani.
  • 24. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   B - Busca uma educação para os que têm voz na sociedade. C - Entende que a educação não pode ser voltada para problemas circunstanciais. D - Guarda em suas formulações teóricas o pensamento social cristão, fundamentado na atualização de doutrinas da Igreja Católica. LETRA D. A igreja católica propôs uma ação com a intenção de mudar a sua relação com a sociedade da época investindo na luta libertadora dos pobres e oprimidos. A pedagogia libertadora se inspirou no personalismo cristão. Dermeval Saviani, não fez parte dessa tendência que buscou uma educação para os oprimidos, não apenas para quem tinha voz na sociedade como menciona a questão. 28 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ (TJPA) Dos passos que sintetizam o processo pedagógico da Pedagogia Libertadora mencionada no texto, o primeiro corresponde: A à pesquisa. B aos temas geradores. C à problematização. D à conscientização. LETRA A. A primeira etapa é a de investigação (pesquisa), a segunda é a tematização, a terceira é a problematização e a quarta fase envolve a elaboração de fichas. Em relação ao processo ensino-aprendizagem na visão rogeriana,
  • 25. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino   julgue os itens. 29 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ (TJPA). O professor se limita a facilitar a comunicação do estudante consigo mesmo, a fim de que ele mesmo estruture seu comportamento experiencial. CERTO. De acordo com Rogers para aprender o indivíduo tem que estar significativamente ligado com suas percepções, modificando-as. 30 - CESPE PEDAGOGO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ (TJPA). O ensino consiste em um produto de personalidades únicas, respondendo a situações únicas, no contexto de um tipo especial de relação professor-aluno. CERTO. No estudo de Carl Rogers há a valorização do eu. Em sua pesquisa o papel do professor seria semelhante ao de um terapeuta para o aluno.      
  • 26. Conhecimentos Pedagógicos SIMULADO CESPE Profs: Fernanda Lima e Fabiana Firmino     1 - C 2 - C 3 - E 4 - E 5 - E 6 - E 7 - E 8 - C 9 - E 10 - E 11 - C 12 - E* 13 - E 14 - C 15 - E 16 - E 17 - E 18 - E 19 - C 20 - E 21.C 22.E 23. C 24.C 25.E 26.B 27.D 28.A 29.C 30.C