SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 4
Centro de Ensino Isaura Amorim
por Pedro Gervásio
CIDELÂNDIA
2014

O regionalismo traz para o centro do
romance romântico as paisagens e os
tipos de um Brasil desconhecido,
como os vaqueiros dos pampas e os
sertanejos do nordeste.
REGIONALISMO

O principal objetivo era revelar o Brasil para os
brasileiros, por que na metade do século XIX as pessoas
que viviam na cidade eram influenciadas pelos
modelos europeus, então alguns escritores românticos
decidiram usar suas narrativas para divulgar os
aspectos locais, ignorados pelos seus contemporâneos
OS OBJETIVOS DO
ROMANCE REGIONALISTA

 José de Alencar – O Sertanejo; O Gaúcho
 Visconde de Taunay – Inocência
 Franklin Távora – O Casamento no Arrabalde; O
Matuto; O Cabeleira
 Bernardo Guimarães – O Ermitão de Muquém
PRINCIPAIS AUTORES

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Modernismo fases
Modernismo fasesModernismo fases
Modernismo fases
 
Romantismo prosa
Romantismo prosaRomantismo prosa
Romantismo prosa
 
Literaturas africanas contemporâneas: o texto lendo o contexto.
Literaturas africanas contemporâneas: o texto lendo o contexto.Literaturas africanas contemporâneas: o texto lendo o contexto.
Literaturas africanas contemporâneas: o texto lendo o contexto.
 
Romantismo - As 3 gerações - Resumo Completo
Romantismo - As 3 gerações - Resumo CompletoRomantismo - As 3 gerações - Resumo Completo
Romantismo - As 3 gerações - Resumo Completo
 
Romantismo - aula
Romantismo - aulaRomantismo - aula
Romantismo - aula
 
Literatura: Romantismo - Prosa
Literatura: Romantismo - ProsaLiteratura: Romantismo - Prosa
Literatura: Romantismo - Prosa
 
2ª geração modenista (POESIA)
2ª geração modenista (POESIA)2ª geração modenista (POESIA)
2ª geração modenista (POESIA)
 
Prosa romântica brasileira1
Prosa romântica brasileira1Prosa romântica brasileira1
Prosa romântica brasileira1
 
Jorge Amado
Jorge AmadoJorge Amado
Jorge Amado
 
Classicismo
ClassicismoClassicismo
Classicismo
 
Texto literário e não literário
Texto literário e não literárioTexto literário e não literário
Texto literário e não literário
 
Arcadismo no Brasil
Arcadismo no BrasilArcadismo no Brasil
Arcadismo no Brasil
 
Slide introdução à literatura
Slide introdução à literaturaSlide introdução à literatura
Slide introdução à literatura
 
ROMANTISMO
ROMANTISMOROMANTISMO
ROMANTISMO
 
Romantismo - Exercícios
Romantismo - ExercíciosRomantismo - Exercícios
Romantismo - Exercícios
 
Carlos Drummond de Andrade
Carlos Drummond de AndradeCarlos Drummond de Andrade
Carlos Drummond de Andrade
 
Ultrarromantismo
UltrarromantismoUltrarromantismo
Ultrarromantismo
 
Modernismo 2 fase (geração de 30)
Modernismo 2 fase (geração de 30)Modernismo 2 fase (geração de 30)
Modernismo 2 fase (geração de 30)
 
Romantismo prosa
Romantismo prosaRomantismo prosa
Romantismo prosa
 
Romantismo no Brasil - Prosa
Romantismo no Brasil - ProsaRomantismo no Brasil - Prosa
Romantismo no Brasil - Prosa
 

Destaque

Características do romance regionalista
Características do romance regionalistaCaracterísticas do romance regionalista
Características do romance regionalistaPatrícia Viana
 
teatro romantico
teatro romanticoteatro romantico
teatro romanticowhybells
 
Positivismo de Augusto Comte
Positivismo de Augusto ComtePositivismo de Augusto Comte
Positivismo de Augusto ComteRoger Pimentel
 
Tomás antônio gonzaga
Tomás antônio gonzagaTomás antônio gonzaga
Tomás antônio gonzagaIgor Vinicius
 
2013 november combat_the_effects_of_cold_temperatures_with_amsoil_synthetic_l...
2013 november combat_the_effects_of_cold_temperatures_with_amsoil_synthetic_l...2013 november combat_the_effects_of_cold_temperatures_with_amsoil_synthetic_l...
2013 november combat_the_effects_of_cold_temperatures_with_amsoil_synthetic_l...E.A.Schaeffer Oil Company (Zoilracing)
 
Power -point processos Pedagógicos Elearning
Power -point  processos Pedagógicos ElearningPower -point  processos Pedagógicos Elearning
Power -point processos Pedagógicos ElearningRenata Duarte
 
Fernando Pessoa: informações básicas
Fernando Pessoa: informações básicasFernando Pessoa: informações básicas
Fernando Pessoa: informações básicasvinivs
 
A Geração De 30 (Prosa) - Prof. Kelly Mendes - Literatura
A Geração De 30 (Prosa) - Prof. Kelly Mendes - LiteraturaA Geração De 30 (Prosa) - Prof. Kelly Mendes - Literatura
A Geração De 30 (Prosa) - Prof. Kelly Mendes - LiteraturaHadassa Castro
 
Autores e obras da 2ª fase do modernismo brasileiro (prosa)
Autores e obras da 2ª fase do modernismo brasileiro (prosa)Autores e obras da 2ª fase do modernismo brasileiro (prosa)
Autores e obras da 2ª fase do modernismo brasileiro (prosa)Luiz1123
 
Geração ‘Orpheu’
Geração  ‘Orpheu’Geração  ‘Orpheu’
Geração ‘Orpheu’Maria Pereira
 
1 conceitos introdutórios
1 conceitos introdutórios1 conceitos introdutórios
1 conceitos introdutóriosGilson Adao
 
Iracema - Alencar
Iracema  - AlencarIracema  - Alencar
Iracema - Alencarjulykathy
 
A poesia de tomás antônio gonzaga
A poesia de tomás antônio gonzagaA poesia de tomás antônio gonzaga
A poesia de tomás antônio gonzagama.no.el.ne.ves
 

Destaque (20)

Características do romance regionalista
Características do romance regionalistaCaracterísticas do romance regionalista
Características do romance regionalista
 
teatro romantico
teatro romanticoteatro romantico
teatro romantico
 
Romance regional FB
Romance regional FBRomance regional FB
Romance regional FB
 
Romance Urbano
Romance UrbanoRomance Urbano
Romance Urbano
 
Positivismo de Augusto Comte
Positivismo de Augusto ComtePositivismo de Augusto Comte
Positivismo de Augusto Comte
 
Tomás antônio gonzaga
Tomás antônio gonzagaTomás antônio gonzaga
Tomás antônio gonzaga
 
2013 november combat_the_effects_of_cold_temperatures_with_amsoil_synthetic_l...
2013 november combat_the_effects_of_cold_temperatures_with_amsoil_synthetic_l...2013 november combat_the_effects_of_cold_temperatures_with_amsoil_synthetic_l...
2013 november combat_the_effects_of_cold_temperatures_with_amsoil_synthetic_l...
 
Power -point processos Pedagógicos Elearning
Power -point  processos Pedagógicos ElearningPower -point  processos Pedagógicos Elearning
Power -point processos Pedagógicos Elearning
 
Fernando Pessoa: informações básicas
Fernando Pessoa: informações básicasFernando Pessoa: informações básicas
Fernando Pessoa: informações básicas
 
APRESENTAÇÃO DA BBOM
APRESENTAÇÃO DA BBOMAPRESENTAÇÃO DA BBOM
APRESENTAÇÃO DA BBOM
 
A Geração De 30 (Prosa) - Prof. Kelly Mendes - Literatura
A Geração De 30 (Prosa) - Prof. Kelly Mendes - LiteraturaA Geração De 30 (Prosa) - Prof. Kelly Mendes - Literatura
A Geração De 30 (Prosa) - Prof. Kelly Mendes - Literatura
 
Autores e obras da 2ª fase do modernismo brasileiro (prosa)
Autores e obras da 2ª fase do modernismo brasileiro (prosa)Autores e obras da 2ª fase do modernismo brasileiro (prosa)
Autores e obras da 2ª fase do modernismo brasileiro (prosa)
 
Geração ‘Orpheu’
Geração  ‘Orpheu’Geração  ‘Orpheu’
Geração ‘Orpheu’
 
1 conceitos introdutórios
1 conceitos introdutórios1 conceitos introdutórios
1 conceitos introdutórios
 
Romançe urbano
Romançe urbanoRomançe urbano
Romançe urbano
 
O Gaúcho - 2ª A - 2011
O Gaúcho - 2ª A - 2011O Gaúcho - 2ª A - 2011
O Gaúcho - 2ª A - 2011
 
Iracema - Alencar
Iracema  - AlencarIracema  - Alencar
Iracema - Alencar
 
A poesia de tomás antônio gonzaga
A poesia de tomás antônio gonzagaA poesia de tomás antônio gonzaga
A poesia de tomás antônio gonzaga
 
Inocencia - slide
Inocencia - slideInocencia - slide
Inocencia - slide
 
Cotidianode ácidos, bases e sais.
Cotidianode ácidos, bases e sais.Cotidianode ácidos, bases e sais.
Cotidianode ácidos, bases e sais.
 

Semelhante a Romance regionalista

A literatura romântica.
A literatura romântica.A literatura romântica.
A literatura romântica.Vanuza Duarte
 
Romance urbano, soooocial, regional..ppt
Romance urbano, soooocial, regional..pptRomance urbano, soooocial, regional..ppt
Romance urbano, soooocial, regional..pptLuisFernando652236
 
Romance urbano, social, regional..ppt
Romance urbano, social, regional..pptRomance urbano, social, regional..ppt
Romance urbano, social, regional..pptssusercc343b1
 
A prosa romântica no Brasil..ppt
A prosa romântica no Brasil..pptA prosa romântica no Brasil..ppt
A prosa romântica no Brasil..pptaldyvip
 
3.1 Romantismo e Indicações de Leitura.pptx
3.1 Romantismo e Indicações de Leitura.pptx3.1 Romantismo e Indicações de Leitura.pptx
3.1 Romantismo e Indicações de Leitura.pptxSILVIAREGINARODRIGUE8
 
Prosa romântica brasileira
Prosa romântica brasileiraProsa romântica brasileira
Prosa romântica brasileiraWesley Silva
 
A prosa romântica brasileira
A prosa romântica brasileiraA prosa romântica brasileira
A prosa romântica brasileiraAdeildo Júnior
 
Prosa romântica brasileira
Prosa romântica brasileiraProsa romântica brasileira
Prosa romântica brasileiraSeduc/AM
 
Memórias de um sargento de milícias (Versão detalhada)
Memórias de um sargento de milícias (Versão detalhada)Memórias de um sargento de milícias (Versão detalhada)
Memórias de um sargento de milícias (Versão detalhada)Matheus Boniatti
 
A moreninha - análise
A moreninha - análiseA moreninha - análise
A moreninha - análisejasonrplima
 

Semelhante a Romance regionalista (20)

A literatura romântica.
A literatura romântica.A literatura romântica.
A literatura romântica.
 
A literatura romântica..ppt
A literatura romântica..pptA literatura romântica..ppt
A literatura romântica..ppt
 
A literatura romântica..ppt
A literatura romântica..pptA literatura romântica..ppt
A literatura romântica..ppt
 
Romantismo no brasil
Romantismo no brasilRomantismo no brasil
Romantismo no brasil
 
Romance urbano, soooocial, regional..ppt
Romance urbano, soooocial, regional..pptRomance urbano, soooocial, regional..ppt
Romance urbano, soooocial, regional..ppt
 
Romance urbano, social, regional..ppt
Romance urbano, social, regional..pptRomance urbano, social, regional..ppt
Romance urbano, social, regional..ppt
 
3.1 Romantismo.pptx
3.1 Romantismo.pptx3.1 Romantismo.pptx
3.1 Romantismo.pptx
 
A prosa romântica no Brasil..ppt
A prosa romântica no Brasil..pptA prosa romântica no Brasil..ppt
A prosa romântica no Brasil..ppt
 
3.1 Romantismo e Indicações de Leitura.pptx
3.1 Romantismo e Indicações de Leitura.pptx3.1 Romantismo e Indicações de Leitura.pptx
3.1 Romantismo e Indicações de Leitura.pptx
 
Prosa romântica brasileira
Prosa romântica brasileiraProsa romântica brasileira
Prosa romântica brasileira
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
 
Romance romântico
Romance românticoRomance romântico
Romance romântico
 
Romantismo prosa
Romantismo prosaRomantismo prosa
Romantismo prosa
 
A prosa romântica brasileira
A prosa romântica brasileiraA prosa romântica brasileira
A prosa romântica brasileira
 
Prosa romântica brasileira
Prosa romântica brasileiraProsa romântica brasileira
Prosa romântica brasileira
 
Memórias de um sargento de milícias (Versão detalhada)
Memórias de um sargento de milícias (Versão detalhada)Memórias de um sargento de milícias (Versão detalhada)
Memórias de um sargento de milícias (Versão detalhada)
 
Romantismo II
Romantismo IIRomantismo II
Romantismo II
 
A moreninha - análise
A moreninha - análiseA moreninha - análise
A moreninha - análise
 
O romance urbano
O romance urbanoO romance urbano
O romance urbano
 
Romance urbano
Romance urbanoRomance urbano
Romance urbano
 

Mais de Pedro Gervásio

Mais de Pedro Gervásio (19)

2ª geração do modernismo brasileiro
2ª geração do modernismo brasileiro2ª geração do modernismo brasileiro
2ª geração do modernismo brasileiro
 
Meu Universo
Meu UniversoMeu Universo
Meu Universo
 
Origem de Jesus Cristo
Origem de Jesus CristoOrigem de Jesus Cristo
Origem de Jesus Cristo
 
Buracos na camada de ozônio
Buracos na camada de ozônioBuracos na camada de ozônio
Buracos na camada de ozônio
 
A primeira Guerra Mundial e a Revolução Russa
A primeira Guerra Mundial e a Revolução RussaA primeira Guerra Mundial e a Revolução Russa
A primeira Guerra Mundial e a Revolução Russa
 
ÁLcool
ÁLcoolÁLcool
ÁLcool
 
Tráfico negreiro
Tráfico negreiroTráfico negreiro
Tráfico negreiro
 
População brasileira
População brasileiraPopulação brasileira
População brasileira
 
Poluição térmica
Poluição térmicaPoluição térmica
Poluição térmica
 
Ondas
OndasOndas
Ondas
 
Hemofilia
HemofiliaHemofilia
Hemofilia
 
Filo cnidaria
Filo cnidariaFilo cnidaria
Filo cnidaria
 
Feelings - sentimentos
Feelings - sentimentosFeelings - sentimentos
Feelings - sentimentos
 
Constituição histórica do nordeste
Constituição histórica do nordesteConstituição histórica do nordeste
Constituição histórica do nordeste
 
Ciências e valores
Ciências e valoresCiências e valores
Ciências e valores
 
Alimentaçõ e saúde
Alimentaçõ e saúdeAlimentaçõ e saúde
Alimentaçõ e saúde
 
Algas
AlgasAlgas
Algas
 
A síntese newtoniana
A síntese newtonianaA síntese newtoniana
A síntese newtoniana
 
A independência das treze colônias
A independência das treze colôniasA independência das treze colônias
A independência das treze colônias
 

Último

UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfManuais Formação
 
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - GeoprocessamentoDados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - GeoprocessamentoVitor Vieira Vasconcelos
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxCarolineWaitman
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfAnaAugustaLagesZuqui
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxIlda Bicacro
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfKelly Mendes
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...WelitaDiaz1
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leiteprofesfrancleite
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaHenrique Santos
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdfaulasgege
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASricardo644666
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"Ilda Bicacro
 
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docxSílvia Carneiro
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoIlda Bicacro
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisIlda Bicacro
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxprofbrunogeo95
 

Último (20)

UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
 
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - GeoprocessamentoDados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
 

Romance regionalista

  • 1. Centro de Ensino Isaura Amorim por Pedro Gervásio CIDELÂNDIA 2014
  • 2.  O regionalismo traz para o centro do romance romântico as paisagens e os tipos de um Brasil desconhecido, como os vaqueiros dos pampas e os sertanejos do nordeste. REGIONALISMO
  • 3.  O principal objetivo era revelar o Brasil para os brasileiros, por que na metade do século XIX as pessoas que viviam na cidade eram influenciadas pelos modelos europeus, então alguns escritores românticos decidiram usar suas narrativas para divulgar os aspectos locais, ignorados pelos seus contemporâneos OS OBJETIVOS DO ROMANCE REGIONALISTA
  • 4.   José de Alencar – O Sertanejo; O Gaúcho  Visconde de Taunay – Inocência  Franklin Távora – O Casamento no Arrabalde; O Matuto; O Cabeleira  Bernardo Guimarães – O Ermitão de Muquém PRINCIPAIS AUTORES