SlideShare uma empresa Scribd logo
PALESTRA - RENOVANDO ATITUDES
O QUE É RENOVAR?
Ação de fazer com que
(algo) fique como novo;
ato de se modificar (algo ou
alguma coisa) para melhor.
O QUE É ATITUDE?
É uma norma de procedimento
que nos leva a um determinado
comportamento.
É o impulso que nos leva a
tomar uma decisão e agir.
DE ONDE VEM?
Pode ter origens como:
CULTURAL – FAMILIAR - PESSOAL
“Trazemos múltiplos clichês mentais
arquivados no inconsciente
profundo, resultado de
VELHAS RECORDAÇÕES DANOSAS,
HERDADAS DAS MAIS VARIADAS
ÉPOCAS E EXISTÊNCIAS”
Espírito HAMMED
COMO SE PROCESSA?
PENSAMENTO – SENTIMENTO - COMPORTAMENTO
RENOVAR
ATITUDES
+
RENOVAR PENSAMENTOS
RENOVAR
RENOVARRENOVAR
RENOVAR ATITUDES
RENOVAR AÇÕES
RENOVAR SOB A INSPIRAÇÃO
DO MESTRE JESUS.
Renovai-vos, pois, no espírito do vosso entendimento.
E vesti-vos do homem novo, que foi criado segundo Deus.
(Efésios, 4:23-24)
RENOVAR edificando nossos valores
morais na renovação de verdadeiras e
ainda, muitas vezes, desconhecidas
potencialidades e capacidades.
VALORES MORAIS
O Espírito precisa renovar-se
constantemente, fugir
à rotina paralisante,
por meio da absorção de
valores novos, intelectuais e
morais, através do estudo e da
prática do bem.
Senão, cairá no desequilibrio, na
perturbação, na enfermidade.
Allan Kardec
Somos instrumentos das
forças com que nos sintonizamos
(edificantes ou perturbadoras)
Cada um emite, com os sentimentos,
raios específicos, e vive na
onda espiritual com que se identifica.
Espírito ANDRÉ LUIZ
“A cada um, segundo
suas obras”
Jesus Cristo
RENOVANDO ATITUDES
Espírito HAMMED
1 - JULGAMENTO
Tentar não julgar os outros de
forma alguma.
Antes disso, tentemos olhar
para nós mesmos e descobrir
o que temos dentro de nós.
Somente poderemos nos
reabilitar ou reformar até
onde conseguimos
nos perceber;
2 - FELICIDADE
A nossa felicidade será resultado direto de
nossas atitudes vivenciadas no nosso caminho..
A busca da felicidade é um
trabalho constante na busca
do auto-conhecimento.
Cada um de nós é
responsável somente pela
sua felicidade, e esta se
refletirá ao nosso redor.
RENOVANDO ATITUDES
Espírito HAMMED
3 - DEVERES
Nosso maior compromisso é
desenvolver nossa individualidade.
Nascemos espíritos únicos e
assim seremos sempre.
Devemos descobrir os nossos
reais deveres.
“O dever é a obrigação moral,
diante de si mesmo primeiro,
e dos outros em seguida”.
RENOVANDO ATITUDES
Espírito HAMMED
4 – RESPONSABILIDADES
Nós somos responsáveis por tudo o
que acontece em nossa vida.
Assumir nossas
responsabilidades é um passo
decisivo para a nossa
maturidade espiritual.
Somos arquitetos do nosso
destino. Nosso presente é que
determina o nosso futuro.
RENOVANDO ATITUDES
Espírito HAMMED
... E outros assuntos:
Conhecimento
Perdão e Auto perdão
Verdades e aparências
Preocupação - Tempo - Trabalho
Amor e sofrimento – Evolução
Aceitação – Crenças
Família e relacionamentos
Vícios e fraquezas – Impulsos
Desapego – Insatisfações
e etc...
RENOVANDO ATITUDES
Espírito HAMMED
PALESTRA - RENOVANDO ATITUDES
AS COISAS À NOSSA VOLTA NAO MUDAM...
O QUE MUDA É O NOSSO OLHAR SOBRE ELAS...
GERANDO EM NÓS UM NOVO PENSAMENTO, UM
NOVO SENTIMENTO E UMA NOVA ATITUDE!
PRECISAMOS
MODIFICAR A FORMA
COM QUE OLHAMOS
TUDO À NOSSA
VOLTA. VIVER MAIS,
NOS PERMITIRMOS
MAIS EXPERIÊNCIAS,
PARA APRENDERMOS
MUITO MAIS.
VAMOS NOS
RENOVAR SEMPRE!
Este ano teremos 1 segundo a
mais no nosso tempo.
O QUE PODEMOS PODE FAZER
EM 1 SEGUNDO?
UM PENSAMENTO
Que é o início de tudo!
MUDAR
Obrigado
e Boa Noite!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Dia De Finados
Dia De FinadosDia De Finados
Dia De Finados
Semente de Esperança
 
Palestra Espírita - Nossos filhos são espíritos
Palestra Espírita - Nossos filhos são espíritosPalestra Espírita - Nossos filhos são espíritos
Palestra Espírita - Nossos filhos são espíritos
Divulgador do Espiritismo
 
Dores da Alma, a psicologia das dores humanas
Dores da Alma, a psicologia das dores humanasDores da Alma, a psicologia das dores humanas
Dores da Alma, a psicologia das dores humanas
Eduardo Ottonelli Pithan
 
Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.
Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.
Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.
Denise Aguiar
 
Palestra ESE cap 8 bem aventurados puros
Palestra ESE cap 8 bem aventurados purosPalestra ESE cap 8 bem aventurados puros
Palestra ESE cap 8 bem aventurados puros
Tiburcio Santos
 
Laços familia
Laços familiaLaços familia
Laços familia
Marilice Passos
 
Ano novo, vida nova!
Ano novo, vida nova!Ano novo, vida nova!
Ano novo, vida nova!
Leonardo Pereira
 
Reencarnação
ReencarnaçãoReencarnação
Reencarnação
paikachambi
 
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
Marcos Antônio Alves
 
Principio Vital
Principio VitalPrincipio Vital
Principio Vital
contatodoutrina2013
 
Roteiro 2 a prece = importância, eficácia e ação
Roteiro 2   a prece = importância, eficácia e açãoRoteiro 2   a prece = importância, eficácia e ação
Roteiro 2 a prece = importância, eficácia e ação
Bruno Cechinel Filho
 
Buscai e Achareis - ESE Cap 25
Buscai e Achareis - ESE Cap 25Buscai e Achareis - ESE Cap 25
Buscai e Achareis - ESE Cap 25
Fábio Paiva
 
Bem-aventurados os aflitos
Bem-aventurados os aflitos Bem-aventurados os aflitos
Bem-aventurados os aflitos
Clair Bianchini
 
A lei do trabalho e do progresso!
A lei do trabalho e do progresso!A lei do trabalho e do progresso!
A lei do trabalho e do progresso!
Leonardo Pereira
 
Evangelho no lar
Evangelho no larEvangelho no lar
Evangelho no lar
Eduardo Ottonelli Pithan
 
A família na visão espírita
A família na visão espíritaA família na visão espírita
A família na visão espírita
Jerri Almeida
 
O Poder da Prece
O Poder da PreceO Poder da Prece
O Poder da Prece
Izabel Cristina Fonseca
 
O consolador prometido - n. 6
O consolador prometido - n. 6O consolador prometido - n. 6
O consolador prometido - n. 6
Graça Maciel
 
Elementos gerais do universo
Elementos gerais do universoElementos gerais do universo
Elementos gerais do universo
KATIA MARIA FARAH V DA SILVA
 
A lei de igualdade
A lei de igualdadeA lei de igualdade
A lei de igualdade
Leonardo Pereira
 

Mais procurados (20)

Dia De Finados
Dia De FinadosDia De Finados
Dia De Finados
 
Palestra Espírita - Nossos filhos são espíritos
Palestra Espírita - Nossos filhos são espíritosPalestra Espírita - Nossos filhos são espíritos
Palestra Espírita - Nossos filhos são espíritos
 
Dores da Alma, a psicologia das dores humanas
Dores da Alma, a psicologia das dores humanasDores da Alma, a psicologia das dores humanas
Dores da Alma, a psicologia das dores humanas
 
Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.
Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.
Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.
 
Palestra ESE cap 8 bem aventurados puros
Palestra ESE cap 8 bem aventurados purosPalestra ESE cap 8 bem aventurados puros
Palestra ESE cap 8 bem aventurados puros
 
Laços familia
Laços familiaLaços familia
Laços familia
 
Ano novo, vida nova!
Ano novo, vida nova!Ano novo, vida nova!
Ano novo, vida nova!
 
Reencarnação
ReencarnaçãoReencarnação
Reencarnação
 
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
 
Principio Vital
Principio VitalPrincipio Vital
Principio Vital
 
Roteiro 2 a prece = importância, eficácia e ação
Roteiro 2   a prece = importância, eficácia e açãoRoteiro 2   a prece = importância, eficácia e ação
Roteiro 2 a prece = importância, eficácia e ação
 
Buscai e Achareis - ESE Cap 25
Buscai e Achareis - ESE Cap 25Buscai e Achareis - ESE Cap 25
Buscai e Achareis - ESE Cap 25
 
Bem-aventurados os aflitos
Bem-aventurados os aflitos Bem-aventurados os aflitos
Bem-aventurados os aflitos
 
A lei do trabalho e do progresso!
A lei do trabalho e do progresso!A lei do trabalho e do progresso!
A lei do trabalho e do progresso!
 
Evangelho no lar
Evangelho no larEvangelho no lar
Evangelho no lar
 
A família na visão espírita
A família na visão espíritaA família na visão espírita
A família na visão espírita
 
O Poder da Prece
O Poder da PreceO Poder da Prece
O Poder da Prece
 
O consolador prometido - n. 6
O consolador prometido - n. 6O consolador prometido - n. 6
O consolador prometido - n. 6
 
Elementos gerais do universo
Elementos gerais do universoElementos gerais do universo
Elementos gerais do universo
 
A lei de igualdade
A lei de igualdadeA lei de igualdade
A lei de igualdade
 

Destaque

Renovando atitudes
Renovando atitudesRenovando atitudes
Renovando atitudes
Leonardo Pereira
 
Instituto Espírita de Educação - A Coragem De Mudar
Instituto Espírita de Educação - A Coragem De MudarInstituto Espírita de Educação - A Coragem De Mudar
Instituto Espírita de Educação - A Coragem De Mudar
Instituto Espírita de Educação
 
Ninguém progride sem renovar se
Ninguém progride sem renovar seNinguém progride sem renovar se
Ninguém progride sem renovar se
Júlio Cesar Serrão de Araujo
 
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
Fatima Carvalho
 
Renovando atitudes
Renovando atitudesRenovando atitudes
Renovando atitudes
grupodepais
 
APRENDENDO A LIDAR COM AS EMOÇÕES NA VISÃO ESPÍRITA
APRENDENDO A LIDAR COM AS EMOÇÕES NA VISÃO ESPÍRITAAPRENDENDO A LIDAR COM AS EMOÇÕES NA VISÃO ESPÍRITA
APRENDENDO A LIDAR COM AS EMOÇÕES NA VISÃO ESPÍRITA
ARMAZÉM DE ARTES TANIA PAUPITZ
 
A coragem de mudar
A coragem de mudarA coragem de mudar
A coragem de mudar
SlideXperience .
 
Refletindo a alma!
Refletindo a alma!Refletindo a alma!
Refletindo a alma!
Leonardo Pereira
 
O Processo De Mudança
O Processo De MudançaO Processo De Mudança
O Processo De Mudança
ALTAIR GERMANO
 
A moral evangelica do espiritismo
A moral evangelica do espiritismoA moral evangelica do espiritismo
A moral evangelica do espiritismo
Marcos Antônio Alves
 
KARDEC E O ENSINO MORAL DE JESUS
KARDEC E O ENSINO MORAL DE JESUSKARDEC E O ENSINO MORAL DE JESUS
KARDEC E O ENSINO MORAL DE JESUS
Jorge Luiz dos Santos
 
Conflitos Existenciais e Maturidade do Espírito
Conflitos Existenciais e Maturidade do EspíritoConflitos Existenciais e Maturidade do Espírito
Conflitos Existenciais e Maturidade do Espírito
igmateus
 
Reforma íntima
Reforma íntimaReforma íntima
Reforma íntima
Tatiana Cruz
 
Educação da alma - Reforma Íntima - Espiritsimo
Educação da alma - Reforma Íntima - EspiritsimoEducação da alma - Reforma Íntima - Espiritsimo
Educação da alma - Reforma Íntima - Espiritsimo
Marcio Augusto Guariente
 
Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira).
Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira). Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira).
Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira).
Leonardo Pereira
 
Como superar as dificuldades, sofrimentos e dores 2
Como superar as dificuldades, sofrimentos e dores 2Como superar as dificuldades, sofrimentos e dores 2
Como superar as dificuldades, sofrimentos e dores 2
Izabel Cristina Fonseca
 
Apresentação o espírita e a reforma íntima
Apresentação o espírita e a reforma íntimaApresentação o espírita e a reforma íntima
Apresentação o espírita e a reforma íntima
Idéias Luz
 
Vazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos Existenciais
Vazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos ExistenciaisVazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos Existenciais
Vazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos Existenciais
Fatima Carvalho
 
Renovação
RenovaçãoRenovação
Renovação
Alfredo Lopes
 
Reforma Íntima e Livre Arbítrio
Reforma Íntima e Livre ArbítrioReforma Íntima e Livre Arbítrio
Reforma Íntima e Livre Arbítrio
Idéias Luz
 

Destaque (20)

Renovando atitudes
Renovando atitudesRenovando atitudes
Renovando atitudes
 
Instituto Espírita de Educação - A Coragem De Mudar
Instituto Espírita de Educação - A Coragem De MudarInstituto Espírita de Educação - A Coragem De Mudar
Instituto Espírita de Educação - A Coragem De Mudar
 
Ninguém progride sem renovar se
Ninguém progride sem renovar seNinguém progride sem renovar se
Ninguém progride sem renovar se
 
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
 
Renovando atitudes
Renovando atitudesRenovando atitudes
Renovando atitudes
 
APRENDENDO A LIDAR COM AS EMOÇÕES NA VISÃO ESPÍRITA
APRENDENDO A LIDAR COM AS EMOÇÕES NA VISÃO ESPÍRITAAPRENDENDO A LIDAR COM AS EMOÇÕES NA VISÃO ESPÍRITA
APRENDENDO A LIDAR COM AS EMOÇÕES NA VISÃO ESPÍRITA
 
A coragem de mudar
A coragem de mudarA coragem de mudar
A coragem de mudar
 
Refletindo a alma!
Refletindo a alma!Refletindo a alma!
Refletindo a alma!
 
O Processo De Mudança
O Processo De MudançaO Processo De Mudança
O Processo De Mudança
 
A moral evangelica do espiritismo
A moral evangelica do espiritismoA moral evangelica do espiritismo
A moral evangelica do espiritismo
 
KARDEC E O ENSINO MORAL DE JESUS
KARDEC E O ENSINO MORAL DE JESUSKARDEC E O ENSINO MORAL DE JESUS
KARDEC E O ENSINO MORAL DE JESUS
 
Conflitos Existenciais e Maturidade do Espírito
Conflitos Existenciais e Maturidade do EspíritoConflitos Existenciais e Maturidade do Espírito
Conflitos Existenciais e Maturidade do Espírito
 
Reforma íntima
Reforma íntimaReforma íntima
Reforma íntima
 
Educação da alma - Reforma Íntima - Espiritsimo
Educação da alma - Reforma Íntima - EspiritsimoEducação da alma - Reforma Íntima - Espiritsimo
Educação da alma - Reforma Íntima - Espiritsimo
 
Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira).
Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira). Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira).
Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira).
 
Como superar as dificuldades, sofrimentos e dores 2
Como superar as dificuldades, sofrimentos e dores 2Como superar as dificuldades, sofrimentos e dores 2
Como superar as dificuldades, sofrimentos e dores 2
 
Apresentação o espírita e a reforma íntima
Apresentação o espírita e a reforma íntimaApresentação o espírita e a reforma íntima
Apresentação o espírita e a reforma íntima
 
Vazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos Existenciais
Vazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos ExistenciaisVazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos Existenciais
Vazio existencial (Joanna Angelis) Conflitos Existenciais
 
Renovação
RenovaçãoRenovação
Renovação
 
Reforma Íntima e Livre Arbítrio
Reforma Íntima e Livre ArbítrioReforma Íntima e Livre Arbítrio
Reforma Íntima e Livre Arbítrio
 

Semelhante a PALESTRA - RENOVANDO ATITUDES

4a Lei- A Lei do Menor Esforço
4a Lei- A Lei do Menor Esforço4a Lei- A Lei do Menor Esforço
4a Lei- A Lei do Menor Esforço
Eduardo Cesar
 
As Sete Leis Espirituais do Sucesso Deepak Chopra.pdf
As Sete Leis Espirituais do Sucesso Deepak Chopra.pdfAs Sete Leis Espirituais do Sucesso Deepak Chopra.pdf
As Sete Leis Espirituais do Sucesso Deepak Chopra.pdf
CrysCastro3
 
Resumo CURSO REFORMA INTIMA
Resumo CURSO REFORMA INTIMAResumo CURSO REFORMA INTIMA
Resumo CURSO REFORMA INTIMA
ARMAZÉM DE ARTES TANIA PAUPITZ
 
O despertar da consciência mirtzi
O despertar da consciência   mirtziO despertar da consciência   mirtzi
O despertar da consciência mirtzi
crismchmg
 
7a Lei- A Lei do Darma ou Finalidade da Vida
7a Lei- A  Lei do Darma ou Finalidade da Vida7a Lei- A  Lei do Darma ou Finalidade da Vida
7a Lei- A Lei do Darma ou Finalidade da Vida
Eduardo Cesar
 
Corpos, superação e degraus evolutivos
Corpos, superação e degraus evolutivosCorpos, superação e degraus evolutivos
Corpos, superação e degraus evolutivos
Dr. Walter Cury
 
Mudar: Caminho para a Reforma Íntima
Mudar: Caminho para a Reforma ÍntimaMudar: Caminho para a Reforma Íntima
Mudar: Caminho para a Reforma Íntima
Mensageiros de Luz IV
 
3a Lei - A Lei do Darma ou Causa Efeito
3a Lei - A Lei do Darma ou Causa Efeito3a Lei - A Lei do Darma ou Causa Efeito
3a Lei - A Lei do Darma ou Causa Efeito
Eduardo Cesar
 
Aula 105 EAE Regras para a educação. Conduta e aperfeiçoamento dos seres (III)
Aula 105 EAE Regras para a educação.  Conduta e aperfeiçoamento dos seres (III)Aula 105 EAE Regras para a educação.  Conduta e aperfeiçoamento dos seres (III)
Aula 105 EAE Regras para a educação. Conduta e aperfeiçoamento dos seres (III)
PatiSousa1
 
1a A Lei da Potencialidade Pura
1a A Lei da Potencialidade Pura1a A Lei da Potencialidade Pura
1a A Lei da Potencialidade Pura
Eduardo Cesar
 
Estudo junho reforma íntima www forumespirita net
Estudo junho  reforma íntima www forumespirita netEstudo junho  reforma íntima www forumespirita net
Estudo junho reforma íntima www forumespirita net
Fórum Espírita
 
Reforma íntima sem martírio
Reforma íntima sem martírioReforma íntima sem martírio
Reforma íntima sem martírio
grupodepaisceb
 
5a Lei- A Lei da Intenção e do Desejo
5a Lei- A Lei da Intenção e do Desejo5a Lei- A Lei da Intenção e do Desejo
5a Lei- A Lei da Intenção e do Desejo
Eduardo Cesar
 
PPT - 200822MULHER AGUIA2.0.pptx
PPT - 200822MULHER AGUIA2.0.pptxPPT - 200822MULHER AGUIA2.0.pptx
PPT - 200822MULHER AGUIA2.0.pptx
MatildePaulo1
 
Revista Projeto Inove 03
Revista Projeto Inove 03Revista Projeto Inove 03
Revista Projeto Inove 03
projetoinove
 
The Presence Process (Michael Brown) Resenha do Livro
The Presence Process (Michael Brown) Resenha do LivroThe Presence Process (Michael Brown) Resenha do Livro
The Presence Process (Michael Brown) Resenha do Livro
DaviKlein2
 
Aspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoas
Aspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoasAspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoas
Aspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoas
Turma_do_Marketing
 
Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça
Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça
Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça
PatiSousa1
 
6a Lei- A Lei do Desprendimento
6a Lei- A Lei do Desprendimento6a Lei- A Lei do Desprendimento
6a Lei- A Lei do Desprendimento
Eduardo Cesar
 
EAE 105 - REGRAS PARA EDUCAÇÃO, CONDUTA E APERFEIÇOAMENTO DOS SERES
EAE 105 - REGRAS PARA EDUCAÇÃO, CONDUTA E APERFEIÇOAMENTO DOS SERESEAE 105 - REGRAS PARA EDUCAÇÃO, CONDUTA E APERFEIÇOAMENTO DOS SERES
EAE 105 - REGRAS PARA EDUCAÇÃO, CONDUTA E APERFEIÇOAMENTO DOS SERES
Norberto Scavone Augusto
 

Semelhante a PALESTRA - RENOVANDO ATITUDES (20)

4a Lei- A Lei do Menor Esforço
4a Lei- A Lei do Menor Esforço4a Lei- A Lei do Menor Esforço
4a Lei- A Lei do Menor Esforço
 
As Sete Leis Espirituais do Sucesso Deepak Chopra.pdf
As Sete Leis Espirituais do Sucesso Deepak Chopra.pdfAs Sete Leis Espirituais do Sucesso Deepak Chopra.pdf
As Sete Leis Espirituais do Sucesso Deepak Chopra.pdf
 
Resumo CURSO REFORMA INTIMA
Resumo CURSO REFORMA INTIMAResumo CURSO REFORMA INTIMA
Resumo CURSO REFORMA INTIMA
 
O despertar da consciência mirtzi
O despertar da consciência   mirtziO despertar da consciência   mirtzi
O despertar da consciência mirtzi
 
7a Lei- A Lei do Darma ou Finalidade da Vida
7a Lei- A  Lei do Darma ou Finalidade da Vida7a Lei- A  Lei do Darma ou Finalidade da Vida
7a Lei- A Lei do Darma ou Finalidade da Vida
 
Corpos, superação e degraus evolutivos
Corpos, superação e degraus evolutivosCorpos, superação e degraus evolutivos
Corpos, superação e degraus evolutivos
 
Mudar: Caminho para a Reforma Íntima
Mudar: Caminho para a Reforma ÍntimaMudar: Caminho para a Reforma Íntima
Mudar: Caminho para a Reforma Íntima
 
3a Lei - A Lei do Darma ou Causa Efeito
3a Lei - A Lei do Darma ou Causa Efeito3a Lei - A Lei do Darma ou Causa Efeito
3a Lei - A Lei do Darma ou Causa Efeito
 
Aula 105 EAE Regras para a educação. Conduta e aperfeiçoamento dos seres (III)
Aula 105 EAE Regras para a educação.  Conduta e aperfeiçoamento dos seres (III)Aula 105 EAE Regras para a educação.  Conduta e aperfeiçoamento dos seres (III)
Aula 105 EAE Regras para a educação. Conduta e aperfeiçoamento dos seres (III)
 
1a A Lei da Potencialidade Pura
1a A Lei da Potencialidade Pura1a A Lei da Potencialidade Pura
1a A Lei da Potencialidade Pura
 
Estudo junho reforma íntima www forumespirita net
Estudo junho  reforma íntima www forumespirita netEstudo junho  reforma íntima www forumespirita net
Estudo junho reforma íntima www forumespirita net
 
Reforma íntima sem martírio
Reforma íntima sem martírioReforma íntima sem martírio
Reforma íntima sem martírio
 
5a Lei- A Lei da Intenção e do Desejo
5a Lei- A Lei da Intenção e do Desejo5a Lei- A Lei da Intenção e do Desejo
5a Lei- A Lei da Intenção e do Desejo
 
PPT - 200822MULHER AGUIA2.0.pptx
PPT - 200822MULHER AGUIA2.0.pptxPPT - 200822MULHER AGUIA2.0.pptx
PPT - 200822MULHER AGUIA2.0.pptx
 
Revista Projeto Inove 03
Revista Projeto Inove 03Revista Projeto Inove 03
Revista Projeto Inove 03
 
The Presence Process (Michael Brown) Resenha do Livro
The Presence Process (Michael Brown) Resenha do LivroThe Presence Process (Michael Brown) Resenha do Livro
The Presence Process (Michael Brown) Resenha do Livro
 
Aspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoas
Aspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoasAspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoas
Aspectos comportamentais e éticos na gestão de pessoas
 
Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça
Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça
Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça
 
6a Lei- A Lei do Desprendimento
6a Lei- A Lei do Desprendimento6a Lei- A Lei do Desprendimento
6a Lei- A Lei do Desprendimento
 
EAE 105 - REGRAS PARA EDUCAÇÃO, CONDUTA E APERFEIÇOAMENTO DOS SERES
EAE 105 - REGRAS PARA EDUCAÇÃO, CONDUTA E APERFEIÇOAMENTO DOS SERESEAE 105 - REGRAS PARA EDUCAÇÃO, CONDUTA E APERFEIÇOAMENTO DOS SERES
EAE 105 - REGRAS PARA EDUCAÇÃO, CONDUTA E APERFEIÇOAMENTO DOS SERES
 

Último

Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
GuilhermeCerqueira17
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
NEDIONOSSOMUNDO
 
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
Sammis Reachers
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
PIB Penha
 
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
PIB Penha
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
LEILANEGOUVEIA1
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 

Último (14)

Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
 
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
 
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 

PALESTRA - RENOVANDO ATITUDES

  • 2. O QUE É RENOVAR? Ação de fazer com que (algo) fique como novo; ato de se modificar (algo ou alguma coisa) para melhor.
  • 3. O QUE É ATITUDE? É uma norma de procedimento que nos leva a um determinado comportamento. É o impulso que nos leva a tomar uma decisão e agir.
  • 4. DE ONDE VEM? Pode ter origens como: CULTURAL – FAMILIAR - PESSOAL “Trazemos múltiplos clichês mentais arquivados no inconsciente profundo, resultado de VELHAS RECORDAÇÕES DANOSAS, HERDADAS DAS MAIS VARIADAS ÉPOCAS E EXISTÊNCIAS” Espírito HAMMED
  • 5. COMO SE PROCESSA? PENSAMENTO – SENTIMENTO - COMPORTAMENTO
  • 8. RENOVAR SOB A INSPIRAÇÃO DO MESTRE JESUS. Renovai-vos, pois, no espírito do vosso entendimento. E vesti-vos do homem novo, que foi criado segundo Deus. (Efésios, 4:23-24)
  • 9. RENOVAR edificando nossos valores morais na renovação de verdadeiras e ainda, muitas vezes, desconhecidas potencialidades e capacidades.
  • 10. VALORES MORAIS O Espírito precisa renovar-se constantemente, fugir à rotina paralisante, por meio da absorção de valores novos, intelectuais e morais, através do estudo e da prática do bem. Senão, cairá no desequilibrio, na perturbação, na enfermidade. Allan Kardec
  • 11. Somos instrumentos das forças com que nos sintonizamos (edificantes ou perturbadoras) Cada um emite, com os sentimentos, raios específicos, e vive na onda espiritual com que se identifica. Espírito ANDRÉ LUIZ
  • 12. “A cada um, segundo suas obras” Jesus Cristo
  • 13. RENOVANDO ATITUDES Espírito HAMMED 1 - JULGAMENTO Tentar não julgar os outros de forma alguma. Antes disso, tentemos olhar para nós mesmos e descobrir o que temos dentro de nós. Somente poderemos nos reabilitar ou reformar até onde conseguimos nos perceber;
  • 14. 2 - FELICIDADE A nossa felicidade será resultado direto de nossas atitudes vivenciadas no nosso caminho.. A busca da felicidade é um trabalho constante na busca do auto-conhecimento. Cada um de nós é responsável somente pela sua felicidade, e esta se refletirá ao nosso redor. RENOVANDO ATITUDES Espírito HAMMED
  • 15. 3 - DEVERES Nosso maior compromisso é desenvolver nossa individualidade. Nascemos espíritos únicos e assim seremos sempre. Devemos descobrir os nossos reais deveres. “O dever é a obrigação moral, diante de si mesmo primeiro, e dos outros em seguida”. RENOVANDO ATITUDES Espírito HAMMED
  • 16. 4 – RESPONSABILIDADES Nós somos responsáveis por tudo o que acontece em nossa vida. Assumir nossas responsabilidades é um passo decisivo para a nossa maturidade espiritual. Somos arquitetos do nosso destino. Nosso presente é que determina o nosso futuro. RENOVANDO ATITUDES Espírito HAMMED
  • 17. ... E outros assuntos: Conhecimento Perdão e Auto perdão Verdades e aparências Preocupação - Tempo - Trabalho Amor e sofrimento – Evolução Aceitação – Crenças Família e relacionamentos Vícios e fraquezas – Impulsos Desapego – Insatisfações e etc... RENOVANDO ATITUDES Espírito HAMMED
  • 19. AS COISAS À NOSSA VOLTA NAO MUDAM... O QUE MUDA É O NOSSO OLHAR SOBRE ELAS... GERANDO EM NÓS UM NOVO PENSAMENTO, UM NOVO SENTIMENTO E UMA NOVA ATITUDE!
  • 20. PRECISAMOS MODIFICAR A FORMA COM QUE OLHAMOS TUDO À NOSSA VOLTA. VIVER MAIS, NOS PERMITIRMOS MAIS EXPERIÊNCIAS, PARA APRENDERMOS MUITO MAIS. VAMOS NOS RENOVAR SEMPRE!
  • 21. Este ano teremos 1 segundo a mais no nosso tempo. O QUE PODEMOS PODE FAZER EM 1 SEGUNDO? UM PENSAMENTO Que é o início de tudo! MUDAR