SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 12
Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014
Disciplina: Comunidade De Intervenção Social
Módulo 4 – Politicas Sociais
Professora: Filomena Teixeira
As Políticas Sociais
2
ÍNDICE:
Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014
Índice……………………………………………………………………………………………………………………1
Introdução……………………………………………………………………………………………………………2
Politica Social……………….………………………………………………………………………………………3
Política da Saúde………………………………………………………………………………………………….4
Direitos e Deveres dos cidadãos na Saúde……..…………………………………………………….5
Política da Educação ………………………………...………………………………………………………...6
Segurança Social ………………………………………………………………………………………………….7
Continuação dos Princípios…………………………………………………………………………………..8
Continuação dos Princípios…………………………………………………………………………………..9
Conclusão…………………………………………………………………………………………………………….10
Bibliografia…………………………………………………………………………………………………………..11
Joana Martins 10ºP Nº19
3
Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014
No âmbito da disciplina de Comunidade de Intervenção Social foi
proposto pela professora Filomena Teixeira fazer um trabalho sobre
o módulo 4 – “Políticas Sociais” na qual já tinha sido abordado nas
aulas.
Este tema aborda de uma maneira geral tudo o que nos é permitido
conhecer da nossa sociedade, ou seja, ter conhecimento que existem
várias Politicas Sociais que contribuem para que a população tenha
direito à cidadania, e a uma vida estável.
Acho que este tema é muito interessante, pois sempre tive
curiosidade em conhecer culturas diferentes da minha, mas nunca
tive oportunidade de abordar o tema.
Joana Martins 10ºP Nº19
Introdução:
4
Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014
Política
Social
Joana Martins 10ºP Nº19
Quais são as políticas sociais existentes:
• Promover a saúde e a prevenção de doenças são das principais
prioridades no planeamento das atividades do Estado;
• São tomadas medidas especiais relativamente a grupos sujeitos a
maiores riscos, tais como as crianças, os adolescentes, as grávidas, os
idosos, os deficientes, os toxicodependentes e os trabalhadores cuja
profissão o justifique;
• Os serviços de saúde estruturam-se e funcionam de acordo com o
interesse dos utentes e articulam-se entre si e ainda com os serviços de
segurança e bem-estar social;
• É incentivada a educação das populações para a saúde, estimulando
nos indivíduos e nos grupos sociais a modificação dos comportamentos
nocivos à saúde pública ou individual;
A palavra “Política” tem origem nos tempos em que os gregos estavam organizados
em cidades-estado chamadas “polis”, nome do qual se derivavam as palavras como
“politiké” (política em geral) e “politikós” (que pertence aos cidadãos), que alargou-
se ao latim “politicus” até chegar às línguas europeias modernas através do francês
“politique” onde, em 1265 já era definida nesse idioma como sendo a ciência do
governo dos estados.
A política social é vista como uma ação governamental desenvolvida em conjunto
por meio de programas que proporcionam a garantia de direitos e condições dignas
de vida a um cidadão de forma justa.
Existem vários tipos de políticas sociais que garantem à população
o direito da cidadania, tais como:
Política da Saúde
5
Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014
Sistema de saúde:
O sistema de saúde é constituído pelo Serviço Nacional de Saúde e
por todas as entidades públicas que desenvolvam actividades de
promoção, prevenção e tratamento na área da saúde.
O Serviço Nacional de Saúde abrange todas as instituições e
serviços oficiais prestadores de cuidados de saúde dependentes do
Ministério da Saúde e dispõe de estatuto próprio.
Na Saúde, todos os cidadãos tem vários deveres e direitos,
nas quais:
• Os cidadãos são os primeiros responsáveis pela sua própria
saúde, individual e coletiva, tendo o dever de a defender e
promover.
• Os cidadãos têm direito a que os serviços públicos de saúde
se constituam e funcionem de acordo com os seus legítimos
interesses.
• É reconhecida a liberdade de prestação de cuidados de
saúde, com as limitações decorrentes
da lei, designadamente no que
respeita a exigências de qualificação
profissional.
• A liberdade de prestação de cuidados
de saúde abrange a faculdade de se
constituírem entidades sem ou com
fins lucrativos que visem aquela
prestação.
• É reconhecida a liberdade de escolha
no acesso à rede nacional de
prestação de cuidados de saúde, com as limitações
decorrentes dos recursos existentes e da organização dos
serviços.
Joana Martins 10ºP Nº19
• O Estado;
• A Educação;
• A Saúde;
• A Justiça;
• Segurança Social.
• Entre outras…
O objetivo fundamental da Politica da Saúde é obter a igualdade dos
cidadãos no acesso aos cuidados de saúde, seja qual for a sua condição
económica e onde quer que vivam, bem como garantir a equidade na
distribuição de recursos e na utilização de diversos serviços.
A política de saúde tem âmbito nacional e obedece às seguintes
normas:
6
Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014
• É reconhecida a liberdade de escolha no acesso à rede
nacional de prestação de cuidados de saúde, com as
limitações decorrentes dos recursos existentes e da
organização dos serviços
Política da Educação
A Política Educacional é o nome que se dá a uma série de medidas
anteriormente planejadas e colocadas em prática por um governo,
seja estadual ou municipal.
Ela cria acessórios importantes para elevar a educação no meio da
sociedade local, como a criação de escolas e melhorias nos
ensinos.
A política educacional processa-se onde há pessoas imbuídas da
intenção de aos poucos conduzir a criança a ser o modelo social de
adolescente e, posteriormente, de jovem e adulto idealizado pelo
grupo social em que está situado.
A política educacional é estabelecida por meio do poder de
definição do processo pedagógico, em função de um grupo, de uma
comunidade ou de setores dessa comunidade, ela tanto pode ser
resultado de um amplo processo participativo, em que todos os
membros envolvidos com a tarefa pedagógica (professores (as),
alunos (as) e seus pais) debatem e opinam sobre como ela é, como
Joana Martins 10ºP Nº19
7
Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014
deverá ser e a que fim deverá atender, como também pode ser uma
imposição de um pequeno grupo que exerce o poder sobre a
grande maioria coletiva.
Segurança Social
A Segurança Social é dirigida a todos os cidadãos.
A Segurança Social é um sistema que pretende garantir os direitos
básicos dos cidadãos e também a igualdade de oportunidades, bem
como, promover o bem-estar e a coesão social para todos os
cidadãos portugueses ou estrangeiros que exerçam atividade
profissional ou residam no território.
Assim, a Segurança Social dirige-se a todos os cidadãos da
sociedade.
Os principais objetivos da Segurança Social são:
• Garantir a concretização do direito à Segurança Social;
• Promover a melhoria sustentada das condições e dos níveis de
proteção social e o reforço da respetiva equidade;
• Promover a eficácia do sistema e a eficiência da sua gestão.
Joana Martins 10ºP Nº19
8
Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014
A Segurança Social é dividida em vários princípios gerais
do sistema, nas quais:
Princípio da universalidade: consiste no acesso de todas as
pessoas à proteção social assegurada pelo sistema, nos termos
definidos por lei.
Princípio da igualdade: consiste na não discriminação dos
beneficiários, designadamente em razão do sexo e da
nacionalidade, sem prejuízo, quanto a esta, de condições de
residência e de reciprocidade.
Princípio da solidariedade: consiste na responsabilidade coletiva3
das pessoas entre si na realização das finalidades do sistema e
envolve o concurso do Estado no seu financiamento, nos termos
definidos pela Lei n.º 4/2007, de 16 de janeiro.
Princípio da diferenciação positiva: consiste na flexibilização e
modulação das prestações em função dos rendimentos, das
eventualidades sociais e de outros fatores, nomeadamente de
natureza familiar, social, laboral e demográfica.
Princípio da subsidiariedade: assenta no reconhecimento do papel
essencial das pessoas, das famílias e de outras instituições não
públicas na prossecução dos objetivos da Segurança Social,
designadamente no desenvolvimento da ação social.
Princípio da inserção social: caracteriza-se pela natureza ativa,
preventiva e personalizada das ações desenvolvidas no âmbito do
sistema, com vista a eliminar as causas de marginalização e
exclusão social e a promover a dignificação humana.
Princípio da responsabilidade pública: consiste no dever do Estado
de criar as condições necessárias à efetivação do direito à
Joana Martins 10ºP Nº19
9
Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014
Segurança Social e de organizar, coordenar e subsidiar o sistema
de Segurança Social.
Princípio da complementaridade: consiste na articulação das várias
formas de proteção social públicas, sociais, cooperativas,
mutualistas e privadas com o objetivo de melhorar a cobertura das
situações abrangidas e promover a partilha das responsabilidades
nos diferentes patamares da proteção social.
Princípio da descentralização: manifesta-se pela autonomia das
instituições, tendo em vista uma maior aproximação às populações,
no quadro da organização e planeamento do sistema e das normas
e orientações de âmbito nacional, bem como das funções de
supervisão e fiscalização das autoridades públicas.
Princípio da participação: envolve a responsabilização dos
interessados na definição, no planeamento e gestão do sistema e
no acompanhamento e avaliação do seu funcionamento.
Princípio da eficácia: consiste na concessão oportuna das
prestações legalmente previstas, para uma adequada prevenção e
reparação das eventualidades e promoção de condições dignas de
vida.
Princípio da tutela dos direitos adquiridos e dos direitos em
formação: visa assegurar o respeito por esses direitos, nos termos
definidos pela Lei n.º 4/2007, de 16 de janeiro.
Princípio da garantia judiciária: assegura aos interessados o acesso
aos tribunais, em tempo útil, para fazer valer o seu direito às
prestações.
Joana Martins 10ºP Nº19
10
Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014
Princípio da informação: consiste na divulgação a todas as pessoas,
quer dos seus direitos e deveres, quer da sua situação perante o
sistema e no seu atendimento personalizado.
Conclusão
Ao concluir a realização deste trabalho, posso dizer que fiquei a ter
bastante conhecimento sobre as Politicas Sociais, que nunca me
tinha sido favorecido.
Percebi, que as Politicas Sociais são destinadas e estão disponíveis
para todos os cidadãos existentes, com o objetivo de ajudá-los em
tudo o que precisam, quer seja a nível educacional, quer seja a nível
da saúde, entre outros.
Assim, em conclusão, as Politicas Sociais são uma organização que
tenta zelar pelo bem de todos aqueles que pertencem as várias
sociedades existentes.
Joana Martins 10ºP Nº19
11
Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014
Bibliografia
• https://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20060715071939AASsOZO ;
• http://www.portaldasaude.pt/portal/conteudos/a+saude+em+portugal/politica+da+saude/enquadr
amento+legal/leibasessaude.html
• http://pt.wikipedia.org/wiki/Pol%C3%ADtica_educacional
• http://www4.seg-social.pt/objectivos-e-principios
• https://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20060715071939AASsOZO
• http://joaogarcia.eu/cis/modulo-4---politicas-sociais---2.--parte.html
• http://www.boaventuradesousasantos.pt/media/pdfs/Estado_Sociedade_Politi
cas_Sociais_RCCS23.PDF
Joana Martins 10ºP Nº19
12
Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014
• http://analisesocial.ics.ul.pt/documentos/1223479193I9kKF4jx8Yk14UL2.pdf
Joana Martins 10ºP Nº19

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Globalização dos estilos de vida
Globalização dos estilos de vidaGlobalização dos estilos de vida
Globalização dos estilos de vida
Alcina Barbosa
 
Socialização.
Socialização.Socialização.
Socialização.
Nuno Cunha
 
Direitos Humanos
Direitos HumanosDireitos Humanos
Direitos Humanos
MINV
 
1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedade
1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedade1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedade
1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedade
homago
 

Mais procurados (20)

Cidadania
CidadaniaCidadania
Cidadania
 
Direitos Humanos
Direitos HumanosDireitos Humanos
Direitos Humanos
 
Pobreza e exclusão social (2)
Pobreza e exclusão social (2)Pobreza e exclusão social (2)
Pobreza e exclusão social (2)
 
Globalização dos estilos de vida
Globalização dos estilos de vidaGlobalização dos estilos de vida
Globalização dos estilos de vida
 
Sociologia: Uma Ciência Social
Sociologia: Uma Ciência SocialSociologia: Uma Ciência Social
Sociologia: Uma Ciência Social
 
Surgimento da Sociologia
Surgimento da SociologiaSurgimento da Sociologia
Surgimento da Sociologia
 
Socialização.
Socialização.Socialização.
Socialização.
 
Grupos sociais
Grupos sociaisGrupos sociais
Grupos sociais
 
Família
FamíliaFamília
Família
 
3. produção do conhecimento em sociologia
3. produção do conhecimento em sociologia3. produção do conhecimento em sociologia
3. produção do conhecimento em sociologia
 
ESS - "Pobreza"
ESS - "Pobreza"ESS - "Pobreza"
ESS - "Pobreza"
 
Auguste comte
Auguste comteAuguste comte
Auguste comte
 
INTRODUÇÃO AOS DIREITOS HUMANOS
INTRODUÇÃO AOS DIREITOS HUMANOSINTRODUÇÃO AOS DIREITOS HUMANOS
INTRODUÇÃO AOS DIREITOS HUMANOS
 
DIREITOS HUMANOS E MEIO AMBIENTE
DIREITOS HUMANOS E MEIO AMBIENTEDIREITOS HUMANOS E MEIO AMBIENTE
DIREITOS HUMANOS E MEIO AMBIENTE
 
EMILE DURKHEIM EDUCAÇÃO E SOCIOLOGIA
EMILE DURKHEIM EDUCAÇÃO E SOCIOLOGIAEMILE DURKHEIM EDUCAÇÃO E SOCIOLOGIA
EMILE DURKHEIM EDUCAÇÃO E SOCIOLOGIA
 
Direitos Humanos
Direitos HumanosDireitos Humanos
Direitos Humanos
 
Cidadania no brasil
Cidadania no brasilCidadania no brasil
Cidadania no brasil
 
07 contrato social - rousseau
07  contrato social - rousseau07  contrato social - rousseau
07 contrato social - rousseau
 
1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedade
1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedade1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedade
1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedade
 
Sociologia - Direitos e Cidadania
Sociologia -  Direitos e CidadaniaSociologia -  Direitos e Cidadania
Sociologia - Direitos e Cidadania
 

Destaque

política social e políticas públicas
política social e políticas públicaspolítica social e políticas públicas
política social e políticas públicas
Leonardo Rocha
 
Politicas Sociais No Atual Contexto
Politicas Sociais No Atual ContextoPoliticas Sociais No Atual Contexto
Politicas Sociais No Atual Contexto
Formação FURB
 
Politicas sociais aula 1
Politicas sociais aula 1Politicas sociais aula 1
Politicas sociais aula 1
J M
 
política social - fundamentos e história
política social - fundamentos e históriapolítica social - fundamentos e história
política social - fundamentos e história
Rafael Dionisio
 
Politicas sociais aula 3
Politicas sociais aula 3Politicas sociais aula 3
Politicas sociais aula 3
J M
 
Politicas sociais aula 10
Politicas sociais aula 10Politicas sociais aula 10
Politicas sociais aula 10
J M
 
Políticas setoriais no brasil
Políticas setoriais no brasilPolíticas setoriais no brasil
Políticas setoriais no brasil
Elena Barros
 
Direitos, políticas públicas e participação
Direitos, políticas públicas e participaçãoDireitos, políticas públicas e participação
Direitos, políticas públicas e participação
guest116801
 
Estado e atividade económica
Estado e atividade económicaEstado e atividade económica
Estado e atividade económica
Tiago Filipe
 

Destaque (20)

política social e políticas públicas
política social e políticas públicaspolítica social e políticas públicas
política social e políticas públicas
 
Politicas Sociais No Atual Contexto
Politicas Sociais No Atual ContextoPoliticas Sociais No Atual Contexto
Politicas Sociais No Atual Contexto
 
Politicas sociais aula 1
Politicas sociais aula 1Politicas sociais aula 1
Politicas sociais aula 1
 
política social - fundamentos e história
política social - fundamentos e históriapolítica social - fundamentos e história
política social - fundamentos e história
 
Politicas sociais aula 3
Politicas sociais aula 3Politicas sociais aula 3
Politicas sociais aula 3
 
Políticas públicas no brasil
Políticas públicas no brasilPolíticas públicas no brasil
Políticas públicas no brasil
 
A construção da politica social no brasil
A construção da politica social no brasilA construção da politica social no brasil
A construção da politica social no brasil
 
A saúde como política social
A saúde como política socialA saúde como política social
A saúde como política social
 
Políticas Sociais e Educação
Políticas Sociais e EducaçãoPolíticas Sociais e Educação
Políticas Sociais e Educação
 
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAISPOLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
 
Políticas públicas educacionais aula 1
Políticas públicas educacionais   aula   1Políticas públicas educacionais   aula   1
Políticas públicas educacionais aula 1
 
Power point modulo5 economia
Power point modulo5 economiaPower point modulo5 economia
Power point modulo5 economia
 
Politicas sociais aula 10
Politicas sociais aula 10Politicas sociais aula 10
Politicas sociais aula 10
 
Políticas setoriais no brasil
Políticas setoriais no brasilPolíticas setoriais no brasil
Políticas setoriais no brasil
 
Avaliação de políticas sociais
Avaliação de políticas sociaisAvaliação de políticas sociais
Avaliação de políticas sociais
 
Direitos, políticas públicas e participação
Direitos, políticas públicas e participaçãoDireitos, políticas públicas e participação
Direitos, políticas públicas e participação
 
Políticas Públicas Setoriais
Políticas Públicas SetoriaisPolíticas Públicas Setoriais
Políticas Públicas Setoriais
 
Seguridade social no Brasil
Seguridade social no BrasilSeguridade social no Brasil
Seguridade social no Brasil
 
Politica Social e cidadania -Serviço Social
Politica Social e cidadania -Serviço SocialPolitica Social e cidadania -Serviço Social
Politica Social e cidadania -Serviço Social
 
Estado e atividade económica
Estado e atividade económicaEstado e atividade económica
Estado e atividade económica
 

Semelhante a Políticas Sociais

Resuminho de políticas publicas
Resuminho de políticas  publicasResuminho de políticas  publicas
Resuminho de políticas publicas
Regiany Viscaino
 
Aula - Curso 4 - Míriam Dias
Aula - Curso 4 - Míriam DiasAula - Curso 4 - Míriam Dias
Aula - Curso 4 - Míriam Dias
multicentrica
 
SAÚDE MENTAL CONFERÊNCIA CARAÚBAS PB.pptx
SAÚDE MENTAL CONFERÊNCIA CARAÚBAS PB.pptxSAÚDE MENTAL CONFERÊNCIA CARAÚBAS PB.pptx
SAÚDE MENTAL CONFERÊNCIA CARAÚBAS PB.pptx
KeylaMeneses4
 
Os principios do_sus
Os principios do_susOs principios do_sus
Os principios do_sus
lulia ramos
 
Projeto SASE 2004
Projeto SASE 2004 Projeto SASE 2004
Projeto SASE 2004
NandaTome
 

Semelhante a Políticas Sociais (20)

Resuminho de políticas publicas
Resuminho de políticas  publicasResuminho de políticas  publicas
Resuminho de políticas publicas
 
Aula - Curso 4 - Míriam Dias
Aula - Curso 4 - Míriam DiasAula - Curso 4 - Míriam Dias
Aula - Curso 4 - Míriam Dias
 
Apresentação semana do serviço social maringá
Apresentação semana do serviço social maringáApresentação semana do serviço social maringá
Apresentação semana do serviço social maringá
 
Políticas públicas e o profissional do serviço social
Políticas públicas e o profissional do serviço socialPolíticas públicas e o profissional do serviço social
Políticas públicas e o profissional do serviço social
 
52356417 assistencia-social
52356417 assistencia-social52356417 assistencia-social
52356417 assistencia-social
 
Eixo 2 participacao_politicas_publicas
Eixo 2 participacao_politicas_publicasEixo 2 participacao_politicas_publicas
Eixo 2 participacao_politicas_publicas
 
AULA 04 - SISTEMA UNICO DE SAÚDE.pptx
AULA 04 - SISTEMA UNICO DE SAÚDE.pptxAULA 04 - SISTEMA UNICO DE SAÚDE.pptx
AULA 04 - SISTEMA UNICO DE SAÚDE.pptx
 
Políticas de proteção_e_promoção_social_no_brasil_-_2012
Políticas de proteção_e_promoção_social_no_brasil_-_2012Políticas de proteção_e_promoção_social_no_brasil_-_2012
Políticas de proteção_e_promoção_social_no_brasil_-_2012
 
Politicas publicas atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...
Politicas publicas   atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...Politicas publicas   atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...
Politicas publicas atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...
 
Politicas publicas atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...
Politicas publicas   atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...Politicas publicas   atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...
Politicas publicas atividade interdisciplinar portugues, geografia, ensino ...
 
SAÚDE MENTAL CONFERÊNCIA CARAÚBAS PB.pptx
SAÚDE MENTAL CONFERÊNCIA CARAÚBAS PB.pptxSAÚDE MENTAL CONFERÊNCIA CARAÚBAS PB.pptx
SAÚDE MENTAL CONFERÊNCIA CARAÚBAS PB.pptx
 
Os principios do_sus
Os principios do_susOs principios do_sus
Os principios do_sus
 
ANEC-Politicas-Públicas-e-educação.pptx
ANEC-Politicas-Públicas-e-educação.pptxANEC-Politicas-Públicas-e-educação.pptx
ANEC-Politicas-Públicas-e-educação.pptx
 
Fts faculdade anhanguera
Fts   faculdade  anhangueraFts   faculdade  anhanguera
Fts faculdade anhanguera
 
Projeto SASE 2004
Projeto SASE 2004 Projeto SASE 2004
Projeto SASE 2004
 
Comunicação pública.zezé
Comunicação pública.zezéComunicação pública.zezé
Comunicação pública.zezé
 
Teste
TesteTeste
Teste
 
Russomano
RussomanoRussomano
Russomano
 
Aps estatuto da juventude
Aps estatuto da juventudeAps estatuto da juventude
Aps estatuto da juventude
 
A CONSTRUÇÃO HISTÓRICA DA PARTICIPAÇÃO POLÍTICA NO BRASIL
A CONSTRUÇÃO HISTÓRICA DA PARTICIPAÇÃO POLÍTICA NO BRASILA CONSTRUÇÃO HISTÓRICA DA PARTICIPAÇÃO POLÍTICA NO BRASIL
A CONSTRUÇÃO HISTÓRICA DA PARTICIPAÇÃO POLÍTICA NO BRASIL
 

Mais de JoanaMartins7 (8)

Resposta Social - ATL
Resposta Social - ATLResposta Social - ATL
Resposta Social - ATL
 
VIH
VIHVIH
VIH
 
Bullying em "Pessoas Diferentes"
Bullying em "Pessoas Diferentes"Bullying em "Pessoas Diferentes"
Bullying em "Pessoas Diferentes"
 
Exclusão Social e Minorias Étnicas
Exclusão Social e Minorias ÉtnicasExclusão Social e Minorias Étnicas
Exclusão Social e Minorias Étnicas
 
Cultura Oriental vs Cultura Ocidental / Integração no Espaço Europeu
Cultura Oriental vs Cultura Ocidental / Integração no Espaço EuropeuCultura Oriental vs Cultura Ocidental / Integração no Espaço Europeu
Cultura Oriental vs Cultura Ocidental / Integração no Espaço Europeu
 
Bullying, Cyberbulying, Bulicídio
Bullying, Cyberbulying, BulicídioBullying, Cyberbulying, Bulicídio
Bullying, Cyberbulying, Bulicídio
 
Capacidades motoras: condicionais e coordenativas
Capacidades motoras: condicionais e coordenativasCapacidades motoras: condicionais e coordenativas
Capacidades motoras: condicionais e coordenativas
 
Adaptações Físicas e Exercício físico
Adaptações Físicas e Exercício físico  Adaptações Físicas e Exercício físico
Adaptações Físicas e Exercício físico
 

Último

Plano de aula ensino fundamental escola pública
Plano de aula ensino fundamental escola públicaPlano de aula ensino fundamental escola pública
Plano de aula ensino fundamental escola pública
anapsuls
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
ssuserbb4ac2
 

Último (20)

Plano de aula ensino fundamental escola pública
Plano de aula ensino fundamental escola públicaPlano de aula ensino fundamental escola pública
Plano de aula ensino fundamental escola pública
 
Atividade com a música Xote da Alegria - Falamansa
Atividade com a música Xote  da  Alegria    -   FalamansaAtividade com a música Xote  da  Alegria    -   Falamansa
Atividade com a música Xote da Alegria - Falamansa
 
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.pptAula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
 
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditivaO que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdfprova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
 
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdfPlanejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdf
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
Poema - Reciclar é preciso
Poema            -        Reciclar é precisoPoema            -        Reciclar é preciso
Poema - Reciclar é preciso
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
Trabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e Senegal
Trabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e SenegalTrabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e Senegal
Trabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e Senegal
 
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdfExercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
 
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 

Políticas Sociais

  • 1. Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014 Disciplina: Comunidade De Intervenção Social Módulo 4 – Politicas Sociais Professora: Filomena Teixeira As Políticas Sociais
  • 2. 2 ÍNDICE: Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014 Índice……………………………………………………………………………………………………………………1 Introdução……………………………………………………………………………………………………………2 Politica Social……………….………………………………………………………………………………………3 Política da Saúde………………………………………………………………………………………………….4 Direitos e Deveres dos cidadãos na Saúde……..…………………………………………………….5 Política da Educação ………………………………...………………………………………………………...6 Segurança Social ………………………………………………………………………………………………….7 Continuação dos Princípios…………………………………………………………………………………..8 Continuação dos Princípios…………………………………………………………………………………..9 Conclusão…………………………………………………………………………………………………………….10 Bibliografia…………………………………………………………………………………………………………..11 Joana Martins 10ºP Nº19
  • 3. 3 Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014 No âmbito da disciplina de Comunidade de Intervenção Social foi proposto pela professora Filomena Teixeira fazer um trabalho sobre o módulo 4 – “Políticas Sociais” na qual já tinha sido abordado nas aulas. Este tema aborda de uma maneira geral tudo o que nos é permitido conhecer da nossa sociedade, ou seja, ter conhecimento que existem várias Politicas Sociais que contribuem para que a população tenha direito à cidadania, e a uma vida estável. Acho que este tema é muito interessante, pois sempre tive curiosidade em conhecer culturas diferentes da minha, mas nunca tive oportunidade de abordar o tema. Joana Martins 10ºP Nº19 Introdução:
  • 4. 4 Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014 Política Social Joana Martins 10ºP Nº19 Quais são as políticas sociais existentes: • Promover a saúde e a prevenção de doenças são das principais prioridades no planeamento das atividades do Estado; • São tomadas medidas especiais relativamente a grupos sujeitos a maiores riscos, tais como as crianças, os adolescentes, as grávidas, os idosos, os deficientes, os toxicodependentes e os trabalhadores cuja profissão o justifique; • Os serviços de saúde estruturam-se e funcionam de acordo com o interesse dos utentes e articulam-se entre si e ainda com os serviços de segurança e bem-estar social; • É incentivada a educação das populações para a saúde, estimulando nos indivíduos e nos grupos sociais a modificação dos comportamentos nocivos à saúde pública ou individual; A palavra “Política” tem origem nos tempos em que os gregos estavam organizados em cidades-estado chamadas “polis”, nome do qual se derivavam as palavras como “politiké” (política em geral) e “politikós” (que pertence aos cidadãos), que alargou- se ao latim “politicus” até chegar às línguas europeias modernas através do francês “politique” onde, em 1265 já era definida nesse idioma como sendo a ciência do governo dos estados. A política social é vista como uma ação governamental desenvolvida em conjunto por meio de programas que proporcionam a garantia de direitos e condições dignas de vida a um cidadão de forma justa. Existem vários tipos de políticas sociais que garantem à população o direito da cidadania, tais como: Política da Saúde
  • 5. 5 Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014 Sistema de saúde: O sistema de saúde é constituído pelo Serviço Nacional de Saúde e por todas as entidades públicas que desenvolvam actividades de promoção, prevenção e tratamento na área da saúde. O Serviço Nacional de Saúde abrange todas as instituições e serviços oficiais prestadores de cuidados de saúde dependentes do Ministério da Saúde e dispõe de estatuto próprio. Na Saúde, todos os cidadãos tem vários deveres e direitos, nas quais: • Os cidadãos são os primeiros responsáveis pela sua própria saúde, individual e coletiva, tendo o dever de a defender e promover. • Os cidadãos têm direito a que os serviços públicos de saúde se constituam e funcionem de acordo com os seus legítimos interesses. • É reconhecida a liberdade de prestação de cuidados de saúde, com as limitações decorrentes da lei, designadamente no que respeita a exigências de qualificação profissional. • A liberdade de prestação de cuidados de saúde abrange a faculdade de se constituírem entidades sem ou com fins lucrativos que visem aquela prestação. • É reconhecida a liberdade de escolha no acesso à rede nacional de prestação de cuidados de saúde, com as limitações decorrentes dos recursos existentes e da organização dos serviços. Joana Martins 10ºP Nº19 • O Estado; • A Educação; • A Saúde; • A Justiça; • Segurança Social. • Entre outras… O objetivo fundamental da Politica da Saúde é obter a igualdade dos cidadãos no acesso aos cuidados de saúde, seja qual for a sua condição económica e onde quer que vivam, bem como garantir a equidade na distribuição de recursos e na utilização de diversos serviços. A política de saúde tem âmbito nacional e obedece às seguintes normas:
  • 6. 6 Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014 • É reconhecida a liberdade de escolha no acesso à rede nacional de prestação de cuidados de saúde, com as limitações decorrentes dos recursos existentes e da organização dos serviços Política da Educação A Política Educacional é o nome que se dá a uma série de medidas anteriormente planejadas e colocadas em prática por um governo, seja estadual ou municipal. Ela cria acessórios importantes para elevar a educação no meio da sociedade local, como a criação de escolas e melhorias nos ensinos. A política educacional processa-se onde há pessoas imbuídas da intenção de aos poucos conduzir a criança a ser o modelo social de adolescente e, posteriormente, de jovem e adulto idealizado pelo grupo social em que está situado. A política educacional é estabelecida por meio do poder de definição do processo pedagógico, em função de um grupo, de uma comunidade ou de setores dessa comunidade, ela tanto pode ser resultado de um amplo processo participativo, em que todos os membros envolvidos com a tarefa pedagógica (professores (as), alunos (as) e seus pais) debatem e opinam sobre como ela é, como Joana Martins 10ºP Nº19
  • 7. 7 Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014 deverá ser e a que fim deverá atender, como também pode ser uma imposição de um pequeno grupo que exerce o poder sobre a grande maioria coletiva. Segurança Social A Segurança Social é dirigida a todos os cidadãos. A Segurança Social é um sistema que pretende garantir os direitos básicos dos cidadãos e também a igualdade de oportunidades, bem como, promover o bem-estar e a coesão social para todos os cidadãos portugueses ou estrangeiros que exerçam atividade profissional ou residam no território. Assim, a Segurança Social dirige-se a todos os cidadãos da sociedade. Os principais objetivos da Segurança Social são: • Garantir a concretização do direito à Segurança Social; • Promover a melhoria sustentada das condições e dos níveis de proteção social e o reforço da respetiva equidade; • Promover a eficácia do sistema e a eficiência da sua gestão. Joana Martins 10ºP Nº19
  • 8. 8 Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014 A Segurança Social é dividida em vários princípios gerais do sistema, nas quais: Princípio da universalidade: consiste no acesso de todas as pessoas à proteção social assegurada pelo sistema, nos termos definidos por lei. Princípio da igualdade: consiste na não discriminação dos beneficiários, designadamente em razão do sexo e da nacionalidade, sem prejuízo, quanto a esta, de condições de residência e de reciprocidade. Princípio da solidariedade: consiste na responsabilidade coletiva3 das pessoas entre si na realização das finalidades do sistema e envolve o concurso do Estado no seu financiamento, nos termos definidos pela Lei n.º 4/2007, de 16 de janeiro. Princípio da diferenciação positiva: consiste na flexibilização e modulação das prestações em função dos rendimentos, das eventualidades sociais e de outros fatores, nomeadamente de natureza familiar, social, laboral e demográfica. Princípio da subsidiariedade: assenta no reconhecimento do papel essencial das pessoas, das famílias e de outras instituições não públicas na prossecução dos objetivos da Segurança Social, designadamente no desenvolvimento da ação social. Princípio da inserção social: caracteriza-se pela natureza ativa, preventiva e personalizada das ações desenvolvidas no âmbito do sistema, com vista a eliminar as causas de marginalização e exclusão social e a promover a dignificação humana. Princípio da responsabilidade pública: consiste no dever do Estado de criar as condições necessárias à efetivação do direito à Joana Martins 10ºP Nº19
  • 9. 9 Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014 Segurança Social e de organizar, coordenar e subsidiar o sistema de Segurança Social. Princípio da complementaridade: consiste na articulação das várias formas de proteção social públicas, sociais, cooperativas, mutualistas e privadas com o objetivo de melhorar a cobertura das situações abrangidas e promover a partilha das responsabilidades nos diferentes patamares da proteção social. Princípio da descentralização: manifesta-se pela autonomia das instituições, tendo em vista uma maior aproximação às populações, no quadro da organização e planeamento do sistema e das normas e orientações de âmbito nacional, bem como das funções de supervisão e fiscalização das autoridades públicas. Princípio da participação: envolve a responsabilização dos interessados na definição, no planeamento e gestão do sistema e no acompanhamento e avaliação do seu funcionamento. Princípio da eficácia: consiste na concessão oportuna das prestações legalmente previstas, para uma adequada prevenção e reparação das eventualidades e promoção de condições dignas de vida. Princípio da tutela dos direitos adquiridos e dos direitos em formação: visa assegurar o respeito por esses direitos, nos termos definidos pela Lei n.º 4/2007, de 16 de janeiro. Princípio da garantia judiciária: assegura aos interessados o acesso aos tribunais, em tempo útil, para fazer valer o seu direito às prestações. Joana Martins 10ºP Nº19
  • 10. 10 Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014 Princípio da informação: consiste na divulgação a todas as pessoas, quer dos seus direitos e deveres, quer da sua situação perante o sistema e no seu atendimento personalizado. Conclusão Ao concluir a realização deste trabalho, posso dizer que fiquei a ter bastante conhecimento sobre as Politicas Sociais, que nunca me tinha sido favorecido. Percebi, que as Politicas Sociais são destinadas e estão disponíveis para todos os cidadãos existentes, com o objetivo de ajudá-los em tudo o que precisam, quer seja a nível educacional, quer seja a nível da saúde, entre outros. Assim, em conclusão, as Politicas Sociais são uma organização que tenta zelar pelo bem de todos aqueles que pertencem as várias sociedades existentes. Joana Martins 10ºP Nº19
  • 11. 11 Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014 Bibliografia • https://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20060715071939AASsOZO ; • http://www.portaldasaude.pt/portal/conteudos/a+saude+em+portugal/politica+da+saude/enquadr amento+legal/leibasessaude.html • http://pt.wikipedia.org/wiki/Pol%C3%ADtica_educacional • http://www4.seg-social.pt/objectivos-e-principios • https://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20060715071939AASsOZO • http://joaogarcia.eu/cis/modulo-4---politicas-sociais---2.--parte.html • http://www.boaventuradesousasantos.pt/media/pdfs/Estado_Sociedade_Politi cas_Sociais_RCCS23.PDF Joana Martins 10ºP Nº19
  • 12. 12 Escola Secundária de Rio Tinto Ano letivo 2013/2014 • http://analisesocial.ics.ul.pt/documentos/1223479193I9kKF4jx8Yk14UL2.pdf Joana Martins 10ºP Nº19