SlideShare uma empresa Scribd logo
OORRIIEENNTTEE MMÉÉDDIIOO
Aspectos Humanos 
• Visão Geral. 
 População superior a 280 milhões 
 Principais grupos étnicos 
- Árabes – Península Árabica 
(Religião Islâmica) 
- Turcos – Península Menor 
- Persas – Território do Irã 
- Judeus – Território de Israel 
- Curdos – Povos sem pária 
 Crescimento Vegetativo relativamente 
elevado 
 Taxa de Mortalidade Infantil 
relativamente elevada 
 Esperança de Vida baixa 
 População relativamente Jovem 
 IDH – Médio ( Exceto Israel – Elevado)
Aspectos Econômicos 
• Atividade Industrial 
Pouco expressiva na maior 
parte dos países 
Destaque nesse setor: 
- Israel ( 37% do PIB ) 
- Turquia ( 25% do PIB ) 
Petróleo 
- Fator que coloca essa região como 
sendo estratégica. 
- Região onde se encontra os principais 
membros da OPEP 
- Causa da eclosão de diversos conflitos na 
região
ORIENTE MÉDIO 
“UMA REGIÃO EM CONFLITOS” 
1º Conflito: ÉTNICO 
• Após um conflito com os Romanos no século I dC, ocorre a 
diáspora dos Judeus e os Árabes ocupam a Terra; 
• Árabes e Judeus consideram-se herdeiros de Abrão, 
portanto, detentores da promessa de Deus quanto a posse 
da “Terra Prometida”. 
• Com o advento do cristianismo, europeus também se 
inserem na disputa pelas terras (cruzadas).
ORIENTE MÉDIO 
“UMA REGIÃO EM CONFLITOS” 
2º Conflito: RELIGIOSO 
• Os Judeus instituem a religião Judaica, centrada no “Tanac” (Antigo 
Testamento Cristão) na “Terra Prometida”; 
• Jesus Cristo funda a sua Igreja e surge o cristianismo na “Terra Prometida” 
com base no “Tanac” e, posteriormente, surge o Novo Testamento (Bíblia); 
• No século VII dC, Mohamade (Maomé) unifica as tribos árabes em torno de 
um só chefe político e de um só deus (Alá), com a obrigação de venerar os 
locais sagrados do patriarca Abrão na “Terra prometida”; 
• Surge o Islamismo e o seu império, com base no “Tanac” e no “Corão”.
ORIENTE MÉDIO 
“UMA REGIÃO EM CONFLITOS” 
3º Conflito: ECONÔMICO 
• Desde a antiguidade, a “Terra Prometida” foi cobiçada e conquistada 
por vários povos e civilizações, devido, principalmente, a sua condição 
de entreposto (África, Ásia e Europa); 
• Na Contemporaneidade, o Império Britânico domina e redefini a 
geografia do Oriente Médio: Terra do Petróleo (1860) e do canal de 
Suez*.
Questão Árabe-israelense 
• Visão Geral. 
 Relação direta com a 
criação de Israel ( 1948 ) 
 Divisão da Palestina 
( árabe e judeu )
FAIXA DE GAZA 
• Território situado no Oriente Médio, limitado a norte e a leste por Israel, e a 
sul pelo Egito, foi ocupado por Israel após a “Guerra dos 6 dias”. 
• É neste território que se formam o Hamas e a Jihad islâmica. 
• Não é reconhecida internacionalmente como pertencente a um país soberano, 
já que seu espaço aéreo e seu acesso marítimo são controlados pelo estado de 
Israel (que ocupou militarmente o território entre Junho de 1967 e Agosto de 
2005). 
• Sua jurisdição, entretanto, faz parte da Autoridade Nacional Palestina, e 
espera se tornar um estado da Palestina. 
• Uma das regiões mais densamente povoadas do planeta (1,4 mi), possui hoje 
mais de 60% de sua população em caráter refugiado. A maioria é muçulmana-sunita.
CISJORDÂNIA 
• População composta por maioria árabes palestina (muçulmano-sunitas) e 
colonos judeus de Jerusalém Oriental. 
• Também chamada de Margem Ocidental, é território disputado pela 
Palestina e pela Jordânia sob ocupação de Israel. 
• Com a Guerra dos Seis Dias, que resultou na ocupação militar de Israel da 
Cisjordânia, ocorreu um êxodo de árabes para a Jordânia. 
• Possui resistência lingüística, com o árabe sendo mais falado que o 
hebraico. 
• Reúne em seu território locais que são sagrados para o judaísmo, o islã e o 
cristianismo.
Prof: Carlos Dias
O SIONISMO 
• Sião/Sion/Zion é o nome de um monte nos arredores de Jerusalém que 
deu orígem ao chamado Sionismo. 
• Sionismo é um movimento político que defende o direito à 
autodeterminação do povo judeu e à existência de um Estado Judaico, por 
isso sendo também chamado de nacionalismo judaico . 
• Originário da segunda metade do século XIX, tem como pilar judeus 
estabelecidos na Europa central e do leste, que lutaram contra o anti-semitismo 
presente em tais regiões. 
• Tem como base o livro “Der Judenstaat”, de 1896, escrito por Theodor 
Herzl, lider do movimento, que pregava que o anti-semitismo só se 
resolveria quando os judeus dispersos pelo mundo pudessem se reunir e se 
estabalecer num Estado nacional independente.
AS RAZÕES ISRAELENSES 
• A Terra foi prometida por Deus aos judeus, de forma que, na Bíblia, inúmeras 
passagens citam Israel e Jerusalém como sagrados ao povo judeu. 
• Desde o exílio judaico pelos romanos, Israel nunca foi um estado, mas colônia 
de diversos impérios, nunca retomando sua soberania. Alegam os judeus terem 
restabelecido isso. 
• O estado de Israel foi criado pela ONU em 1947 como democrático, moderno e 
soberano. 
• Todo território foi comprado ou conquistado pelos judeus em guerras de 
defesa, após o país ter sido atacado por árabes, estes que controlam 99.9% do 
território no Oriente Médio. Israel representa apenas um décimo de 1 % da 
região. 
• A história demonstrou que a segurança do povo judeu apenas pode ser 
garantida através da existência de um estado judeu forte e soberano.
AS RAZÕES PALESTINAS 
• Os árabes muçulmanos viveram no local por muitos anos. 
• O povo palestino tem o direito à independência nacional e à soberania sobre a 
terra onde viveram. 
• Jerusalém é a terceira cidade sagrada na religião muçulmana, local de 
elevação do profeta Maomé aos Céus. 
• O Oriente Médio é dominado por árabes. Outras religiões ou nacionalidades 
não pertencem à região. 
• Todos os territórios árabes que foram colonizados tornaram-se estados 
completamente independentes, exceto a Palestina. 
• Os palestinos tornaram-se refugiados. Outros países árabes nunca os aceitaram 
completamente e eles vivem freqüentemente em campos para refugiados 
tomados pela pobreza.
REAÇÃO PALESTINA - A OLP 
• 1959 – o líder palestino Yasser Arafat cria o 
organização terrorista Al-Fatah, que passou a lutar 
pela recuperação dos territórios palestinos 
• Em 1964, a Al-Fatah transformou-se na OLP 
(Organização para a Libertação da Palestina) 
• Instalada na Jordânia, a OLP passou a atacar Israel e 
também a receber ataques israelenses (apoiados 
pelos EUA) 
• Em 1970, a OLP foi expulsa da Jordânia e migrou 
para Beirute, atacando Israel a partir do sul do 
Líbano
AUTORIDADE NACIONAL PALESTINA (ANP) 
• Depois de 27 anos de exílio, Arafat voltou à 
Palestina para formar um governo autônomo 
(Autoridade Palestina), da qual seria eleito 
presidente em 1996 
• A Autoridade Palestina não foi reconhecida 
pela ONU (o seu reconhecimento seria o 
primeiro passo para a criação de um Estado 
palestino)
Principais conflitos no Oriente 
Médio 
• A questão Árabe-Israelense: 
Contexto Histórico: 
• Segundo a Bíblia, os judeus foram perseguidos e obrigados 
a promover a Diáspora. 
• No século XIX surge na Europa o movimento Sionista, que 
pregava o retorno dos judeus a sua terra natal. 
•Após a 2°Guerra Mundial, a comunidade internacional 
sensibilizada pelo Holocausto, aprova o plano da ONU de 
partilha da Palestina e criação de um estado Judeu no 
Oriente Médio. 
•Desde então a Palestina se tornou foco de inúmeros 
conflitos que veremos agora:
Principais conflitos no Oriente 
11..GGuueerrrraa ddee IInnddeeppeennddêêMnnccéiidaa iddoee IIssrraaeell –– ((11994488--11994499)) 
Países envolvidos: Israel X Egito ,Iraque, Transjordânia 
Líbano e Síria 
Causas: 
• Recusa dos países Árabes em aceitar a partilha Promovida 
pela ONU 
Consequências : 
• Israel aumenta em 50 % seu território original. 
• Milhares de Palestinos tornan-se refugiados não sendo 
reconhecidos como cidadãos nos países vizinhos. 
• Ínicio do movimento denominado Pan-arabismo.
Principais conflitos no Oriente 
22.. GGuueerrrraa ddee SSuueezz –– M((11é99d55i66o)) 
Países envolvidos: Israel, França 
e Inglaterra X Egito 
Causas: 
• Nacionalização do canal de Suez por 
Gamal Abdel Nasser. 
•Tentativa das potências européias de 
reafirmarem sua influência no norte 
da África. 
Consequências : 
•Fracasso diplomatico europeu e 
afirmação da influência Norte- 
Americana e Soviética no Oriente Médio 
. 
• Ínicio do processo de descolonização 
Afro-Ásiatico.
Principais conflitos no Oriente 
33.. GGuueerrrraa ddooss SSeeiiss DDMiiaaéssd ––io ((11996677)) 
Países envolvidos: Israel X 
Egito, Jordânia e Síria 
Causas: 
• Represália egípicia a Israel com o 
fechamento do estreito de Tiran. 
Consequências : 
• Israel passa a ocupar a Península 
do Sinai, as Colinas de Golã e a 
Faixa de Gaza, triplicando seu 
território. 
• Decandência do movimento pan-arabista. 
•Consolidação de Israel como 
potência regional.
Principais conflitos no Oriente 
44.. GGuueerrrraa ddoo YYoomm KKiippMppéuudrri o–– ((11997733)) 
Países envolvidos: Israel X Egito 
e Síria 
Causas: 
• Tentativa do Egito e da Síria de 
reconquistar os territórios perdidos 
em 1967. 
Consequências : 
• Manutenção dos territórios 
ocupados por Israel em 1967. 
• Assinatura dos acordos de Camp 
David. (Devolução da Península do 
Sinai ao Egito)
Principais conflitos no Oriente 
55.. AA qquueessttããoo PPaalleessttiiMnnaaédio 
Cronologia: 
1959 Surge a Al Fatah 
1964 Surgimento da OLP 
1970 “Setembro Negro” – Expulsão dos guerrilheiros palestinos para o sul do 
Líbano 
1972 Ocorrência do incidente de Munique (o terrorismo ganha atenção 
internacional) 
1988 Ocorrência da 1° Intifada. (revolta civil contra a ocupação Israelense). 
1993 Acordos de Oslo 
1997 Ocorrência da 2° Intifada. (revolta civil contra a ocupação Israelense) 
2000 Camp David 
2002 Muro de proteção 
2004 Morte de Yasser Arafat 
2005 Eleição do Hamas
Principais conflitos no Oriente 
Guerra Irã x Iraque M(1é9d8i0o- 
1989) 
Países envolvidos: Irã e Iraque 
Causas: 
• Revolução Islâmica no Irâ (1979). 
• Disputa pela posse do Chat-El-Arab. 
• Temor do regime sunita iraquiano de um levante xiita. 
Consequências : 
• Destruição quase completa dos Arsenais e da infraestrutura 
petrolífera da região. 
• Manutenção dos interesses geopolíticos das superpotências na 
região. 
E agora? 
Vou te pegar 
maluco!
Principais conflitos no Oriente 
Guerra do Golfo (19M9é1d) io 
Países envolvidos: Iraque, Kuwait e EUA. 
Causas: 
• Reinvindicação por parte do Iraque de territórios do Kuwait. 
• Tentativa de Saddam Hussein de recuperar parte dos gastos com a 
guerra contra o Irã. 
Consequências : 
•Intervenção militar Norte-Americana no Golfo Pérsico. 
• Consolidação da Hegemonia Americana na Região. 
•Embargo Econômico ao Iraque. 
No meu petróleo, 
ninguém põe a 
mão!
Sunitas X Xiitas 
Sunitas e Xiitas observam a crença e a organização política muçulmana de formas 
distintas.
Xiitas X Sunitas 
• os sunitas hoje representam mais de noventa por 
cento da população muçulmana. 
• os xiitas acreditam que sua vida ascética e a 
adoção de princípios mais rígidos garantiriam o 
retorno de Mahdi, o último descendente direto, 
que seria responsável pelo retorno de um 
governo mais justo e próspero. 
• Já os sunitas acreditam que os livros sagrados 
(Alcorão e Suna) e a discussão entre os irmãos 
sejam suficientes para a promoção de um bom 
governo. 
Prof: Carlos Dias
Prof: Carlos Dias

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Continente Asiático
Continente AsiáticoContinente Asiático
Continente Asiático
Cel Rufino
 
Asia
AsiaAsia
África Colonização e Descolonização
África  Colonização e DescolonizaçãoÁfrica  Colonização e Descolonização
África Colonização e Descolonização
Rodrigo Baglini
 
Modulo 12 - América Latina - a produção econômica
Modulo 12 - América Latina - a produção econômicaModulo 12 - América Latina - a produção econômica
Modulo 12 - América Latina - a produção econômica
Claudio Henrique Ramos Sales
 
Fragmentação da Iugoslavia
Fragmentação da IugoslaviaFragmentação da Iugoslavia
Fragmentação da Iugoslavia
Deto - Geografia
 
Conflitos no oriente médio
Conflitos no oriente médioConflitos no oriente médio
Conflitos no oriente médio
Rodrigo Luiz
 
Europa aspectos gerais
Europa aspectos geraisEuropa aspectos gerais
Europa aspectos gerais
Colégio Nova Geração COC
 
Tigres Asiáticos e Japão
Tigres Asiáticos e JapãoTigres Asiáticos e Japão
Tigres Asiáticos e Japão
Prof. Francesco Torres
 
África
ÁfricaÁfrica
Ásia
ÁsiaÁsia
Tigres asiáticos
Tigres asiáticosTigres asiáticos
Tigres asiáticos
Prof.Paulo/geografia
 
Economia asiática
Economia asiáticaEconomia asiática
Economia asiática
Rodrigo Baglini
 
Conflitos mundiais.
Conflitos mundiais.Conflitos mundiais.
Conflitos mundiais.
Douglas Gregorio
 
ÁFRICA
ÁFRICAÁFRICA
Urbanização brasileira
Urbanização brasileiraUrbanização brasileira
Urbanização brasileira
Abner de Paula
 
Cap. 11 - A índia
Cap. 11 - A índiaCap. 11 - A índia
Cap. 11 - A índia
Acácio Netto
 
INDUSTRIALIZAÇÃO E URBANIZAÇÃO BRASILEIRA
INDUSTRIALIZAÇÃO E URBANIZAÇÃO BRASILEIRAINDUSTRIALIZAÇÃO E URBANIZAÇÃO BRASILEIRA
INDUSTRIALIZAÇÃO E URBANIZAÇÃO BRASILEIRA
Bruno Lima
 
Oriente Médio
Oriente Médio Oriente Médio
Oriente Médio
carlosbidu
 
CONFLITOS NA EUROPA
CONFLITOS NA EUROPACONFLITOS NA EUROPA
CONFLITOS NA EUROPA
Raimund M Souza
 
Europa LocalizaçãO
Europa   LocalizaçãOEuropa   LocalizaçãO
Europa LocalizaçãO
Luciano Pessanha
 

Mais procurados (20)

Continente Asiático
Continente AsiáticoContinente Asiático
Continente Asiático
 
Asia
AsiaAsia
Asia
 
África Colonização e Descolonização
África  Colonização e DescolonizaçãoÁfrica  Colonização e Descolonização
África Colonização e Descolonização
 
Modulo 12 - América Latina - a produção econômica
Modulo 12 - América Latina - a produção econômicaModulo 12 - América Latina - a produção econômica
Modulo 12 - América Latina - a produção econômica
 
Fragmentação da Iugoslavia
Fragmentação da IugoslaviaFragmentação da Iugoslavia
Fragmentação da Iugoslavia
 
Conflitos no oriente médio
Conflitos no oriente médioConflitos no oriente médio
Conflitos no oriente médio
 
Europa aspectos gerais
Europa aspectos geraisEuropa aspectos gerais
Europa aspectos gerais
 
Tigres Asiáticos e Japão
Tigres Asiáticos e JapãoTigres Asiáticos e Japão
Tigres Asiáticos e Japão
 
África
ÁfricaÁfrica
África
 
Ásia
ÁsiaÁsia
Ásia
 
Tigres asiáticos
Tigres asiáticosTigres asiáticos
Tigres asiáticos
 
Economia asiática
Economia asiáticaEconomia asiática
Economia asiática
 
Conflitos mundiais.
Conflitos mundiais.Conflitos mundiais.
Conflitos mundiais.
 
ÁFRICA
ÁFRICAÁFRICA
ÁFRICA
 
Urbanização brasileira
Urbanização brasileiraUrbanização brasileira
Urbanização brasileira
 
Cap. 11 - A índia
Cap. 11 - A índiaCap. 11 - A índia
Cap. 11 - A índia
 
INDUSTRIALIZAÇÃO E URBANIZAÇÃO BRASILEIRA
INDUSTRIALIZAÇÃO E URBANIZAÇÃO BRASILEIRAINDUSTRIALIZAÇÃO E URBANIZAÇÃO BRASILEIRA
INDUSTRIALIZAÇÃO E URBANIZAÇÃO BRASILEIRA
 
Oriente Médio
Oriente Médio Oriente Médio
Oriente Médio
 
CONFLITOS NA EUROPA
CONFLITOS NA EUROPACONFLITOS NA EUROPA
CONFLITOS NA EUROPA
 
Europa LocalizaçãO
Europa   LocalizaçãOEuropa   LocalizaçãO
Europa LocalizaçãO
 

Semelhante a Oriente medio

Orientemedio parte1 170520101843 (2)
Orientemedio parte1 170520101843 (2)Orientemedio parte1 170520101843 (2)
Orientemedio parte1 170520101843 (2)
Norma Almeida
 
Oriente medio israel palestina prevupe
Oriente medio israel palestina prevupeOriente medio israel palestina prevupe
Oriente medio israel palestina prevupe
Italo Alan
 
Conflitos contemporâneos no oriente médio
Conflitos contemporâneos no oriente médioConflitos contemporâneos no oriente médio
Conflitos contemporâneos no oriente médio
Guilherme Lúo
 
Oriente médio
Oriente médioOriente médio
Oriente médio
Rafael Marques
 
Oriente médio
Oriente médioOriente médio
Conflitos árabe israelenses
Conflitos árabe israelensesConflitos árabe israelenses
Conflitos árabe israelenses
KarinyLobato
 
O conflito entre árabes e judeus na palestina
O conflito entre árabes e judeus na palestinaO conflito entre árabes e judeus na palestina
O conflito entre árabes e judeus na palestina
Google
 
Israelpalestina1
Israelpalestina1Israelpalestina1
Israelpalestina1
Bruno Celidonio
 
A Criação do Estado de Israel e a Questão Palestina
A Criação do Estado de Israel e a Questão PalestinaA Criação do Estado de Israel e a Questão Palestina
A Criação do Estado de Israel e a Questão Palestina
eiprofessor
 
O conflito entre árabes e judeus na palestina
O conflito entre árabes e judeus na palestinaO conflito entre árabes e judeus na palestina
O conflito entre árabes e judeus na palestina
Google
 
Csc 4 bim - geo - oriente médio - texto de apoio
Csc   4 bim - geo - oriente médio - texto de apoioCsc   4 bim - geo - oriente médio - texto de apoio
Csc 4 bim - geo - oriente médio - texto de apoio
Jakson Raphael Pereira Barbosa
 
Conflito árabe israelense
Conflito árabe israelenseConflito árabe israelense
Conflito árabe israelense
Vinícius Moisés
 
Conflitos no Oriente Médio
Conflitos no Oriente MédioConflitos no Oriente Médio
Conflitos no Oriente Médio
Arquimedes Moreira
 
Oriente médio prof chris
Oriente médio  prof chrisOriente médio  prof chris
Oriente médio prof chris
Christiane Campos
 
Palestinos judeus revisado
Palestinos judeus revisadoPalestinos judeus revisado
Palestinos judeus revisado
Moacir E Nalin
 
Conflito israelo-árabe: subsídios para a sua compreensão
Conflito israelo-árabe: subsídios para a sua compreensãoConflito israelo-árabe: subsídios para a sua compreensão
Conflito israelo-árabe: subsídios para a sua compreensão
Maria Gomes
 
Conflitos oriente
Conflitos orienteConflitos oriente
Conflitos oriente
luizmourao23
 
Palestinosjudeusrevisado aulão
Palestinosjudeusrevisado aulãoPalestinosjudeusrevisado aulão
Palestinosjudeusrevisado aulão
Jhon Lemes Dos Santos
 
Geopolítica da Ásia
Geopolítica da ÁsiaGeopolítica da Ásia
Geopolítica da Ásia
PlaylistGeogrfica
 
Palestinos x judeus revisado
Palestinos x judeus revisado Palestinos x judeus revisado
Palestinos x judeus revisado
Regis Barbosa Batista
 

Semelhante a Oriente medio (20)

Orientemedio parte1 170520101843 (2)
Orientemedio parte1 170520101843 (2)Orientemedio parte1 170520101843 (2)
Orientemedio parte1 170520101843 (2)
 
Oriente medio israel palestina prevupe
Oriente medio israel palestina prevupeOriente medio israel palestina prevupe
Oriente medio israel palestina prevupe
 
Conflitos contemporâneos no oriente médio
Conflitos contemporâneos no oriente médioConflitos contemporâneos no oriente médio
Conflitos contemporâneos no oriente médio
 
Oriente médio
Oriente médioOriente médio
Oriente médio
 
Oriente médio
Oriente médioOriente médio
Oriente médio
 
Conflitos árabe israelenses
Conflitos árabe israelensesConflitos árabe israelenses
Conflitos árabe israelenses
 
O conflito entre árabes e judeus na palestina
O conflito entre árabes e judeus na palestinaO conflito entre árabes e judeus na palestina
O conflito entre árabes e judeus na palestina
 
Israelpalestina1
Israelpalestina1Israelpalestina1
Israelpalestina1
 
A Criação do Estado de Israel e a Questão Palestina
A Criação do Estado de Israel e a Questão PalestinaA Criação do Estado de Israel e a Questão Palestina
A Criação do Estado de Israel e a Questão Palestina
 
O conflito entre árabes e judeus na palestina
O conflito entre árabes e judeus na palestinaO conflito entre árabes e judeus na palestina
O conflito entre árabes e judeus na palestina
 
Csc 4 bim - geo - oriente médio - texto de apoio
Csc   4 bim - geo - oriente médio - texto de apoioCsc   4 bim - geo - oriente médio - texto de apoio
Csc 4 bim - geo - oriente médio - texto de apoio
 
Conflito árabe israelense
Conflito árabe israelenseConflito árabe israelense
Conflito árabe israelense
 
Conflitos no Oriente Médio
Conflitos no Oriente MédioConflitos no Oriente Médio
Conflitos no Oriente Médio
 
Oriente médio prof chris
Oriente médio  prof chrisOriente médio  prof chris
Oriente médio prof chris
 
Palestinos judeus revisado
Palestinos judeus revisadoPalestinos judeus revisado
Palestinos judeus revisado
 
Conflito israelo-árabe: subsídios para a sua compreensão
Conflito israelo-árabe: subsídios para a sua compreensãoConflito israelo-árabe: subsídios para a sua compreensão
Conflito israelo-árabe: subsídios para a sua compreensão
 
Conflitos oriente
Conflitos orienteConflitos oriente
Conflitos oriente
 
Palestinosjudeusrevisado aulão
Palestinosjudeusrevisado aulãoPalestinosjudeusrevisado aulão
Palestinosjudeusrevisado aulão
 
Geopolítica da Ásia
Geopolítica da ÁsiaGeopolítica da Ásia
Geopolítica da Ásia
 
Palestinos x judeus revisado
Palestinos x judeus revisado Palestinos x judeus revisado
Palestinos x judeus revisado
 

Mais de Prof.Paulo/geografia

MINERAÇÃO NO BRASIL
MINERAÇÃO NO BRASILMINERAÇÃO NO BRASIL
MINERAÇÃO NO BRASIL
Prof.Paulo/geografia
 
ESTRUTURA GEOLÓGICA DO BRASIL
ESTRUTURA GEOLÓGICA DO BRASILESTRUTURA GEOLÓGICA DO BRASIL
ESTRUTURA GEOLÓGICA DO BRASIL
Prof.Paulo/geografia
 
Estudo Orientado
Estudo OrientadoEstudo Orientado
Estudo Orientado
Prof.Paulo/geografia
 
Mundo do Trabalho
Mundo do TrabalhoMundo do Trabalho
Mundo do Trabalho
Prof.Paulo/geografia
 
Ética e Cidadania
Ética e CidadaniaÉtica e Cidadania
Ética e Cidadania
Prof.Paulo/geografia
 
Aquecimento global
Aquecimento globalAquecimento global
Aquecimento global
Prof.Paulo/geografia
 
Estrutura fundiaria no Brasil
Estrutura fundiaria no BrasilEstrutura fundiaria no Brasil
Estrutura fundiaria no Brasil
Prof.Paulo/geografia
 
El nino
El ninoEl nino
Racismo xenofobia
Racismo xenofobiaRacismo xenofobia
Racismo xenofobia
Prof.Paulo/geografia
 
Industrializao
IndustrializaoIndustrializao
Industrializao
Prof.Paulo/geografia
 
oriente medio
oriente mediooriente medio
oriente medio
Prof.Paulo/geografia
 
Energia
EnergiaEnergia
Cidades
CidadesCidades
Guia ilustrado video criar
Guia ilustrado video criarGuia ilustrado video criar
Guia ilustrado video criar
Prof.Paulo/geografia
 
Japão
JapãoJapão
Aula jornal blog
Aula jornal blogAula jornal blog
Aula jornal blog
Prof.Paulo/geografia
 
As grandes paisagens vegetais do brasil
As grandes paisagens vegetais  do brasilAs grandes paisagens vegetais  do brasil
As grandes paisagens vegetais do brasil
Prof.Paulo/geografia
 
Clima
ClimaClima
Migraçoes
MigraçoesMigraçoes
Hidrografia do brasil
Hidrografia do brasilHidrografia do brasil
Hidrografia do brasil
Prof.Paulo/geografia
 

Mais de Prof.Paulo/geografia (20)

MINERAÇÃO NO BRASIL
MINERAÇÃO NO BRASILMINERAÇÃO NO BRASIL
MINERAÇÃO NO BRASIL
 
ESTRUTURA GEOLÓGICA DO BRASIL
ESTRUTURA GEOLÓGICA DO BRASILESTRUTURA GEOLÓGICA DO BRASIL
ESTRUTURA GEOLÓGICA DO BRASIL
 
Estudo Orientado
Estudo OrientadoEstudo Orientado
Estudo Orientado
 
Mundo do Trabalho
Mundo do TrabalhoMundo do Trabalho
Mundo do Trabalho
 
Ética e Cidadania
Ética e CidadaniaÉtica e Cidadania
Ética e Cidadania
 
Aquecimento global
Aquecimento globalAquecimento global
Aquecimento global
 
Estrutura fundiaria no Brasil
Estrutura fundiaria no BrasilEstrutura fundiaria no Brasil
Estrutura fundiaria no Brasil
 
El nino
El ninoEl nino
El nino
 
Racismo xenofobia
Racismo xenofobiaRacismo xenofobia
Racismo xenofobia
 
Industrializao
IndustrializaoIndustrializao
Industrializao
 
oriente medio
oriente mediooriente medio
oriente medio
 
Energia
EnergiaEnergia
Energia
 
Cidades
CidadesCidades
Cidades
 
Guia ilustrado video criar
Guia ilustrado video criarGuia ilustrado video criar
Guia ilustrado video criar
 
Japão
JapãoJapão
Japão
 
Aula jornal blog
Aula jornal blogAula jornal blog
Aula jornal blog
 
As grandes paisagens vegetais do brasil
As grandes paisagens vegetais  do brasilAs grandes paisagens vegetais  do brasil
As grandes paisagens vegetais do brasil
 
Clima
ClimaClima
Clima
 
Migraçoes
MigraçoesMigraçoes
Migraçoes
 
Hidrografia do brasil
Hidrografia do brasilHidrografia do brasil
Hidrografia do brasil
 

Último

Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
1000a
 
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinhaatividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
Suzy De Abreu Santana
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de CarvalhoO sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
analuisasesso
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
enpfilosofiaufu
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
profesfrancleite
 
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdfCADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
NatySousa3
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
MessiasMarianoG
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
djincognito
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Centro Jacques Delors
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
ReinaldoSouza57
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
DanielCastro80471
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
AdrianoMontagna1
 

Último (20)

Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
 
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinhaatividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de CarvalhoO sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
 
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdfCADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
 

Oriente medio

  • 2. Aspectos Humanos • Visão Geral.  População superior a 280 milhões  Principais grupos étnicos - Árabes – Península Árabica (Religião Islâmica) - Turcos – Península Menor - Persas – Território do Irã - Judeus – Território de Israel - Curdos – Povos sem pária  Crescimento Vegetativo relativamente elevado  Taxa de Mortalidade Infantil relativamente elevada  Esperança de Vida baixa  População relativamente Jovem  IDH – Médio ( Exceto Israel – Elevado)
  • 3. Aspectos Econômicos • Atividade Industrial Pouco expressiva na maior parte dos países Destaque nesse setor: - Israel ( 37% do PIB ) - Turquia ( 25% do PIB ) Petróleo - Fator que coloca essa região como sendo estratégica. - Região onde se encontra os principais membros da OPEP - Causa da eclosão de diversos conflitos na região
  • 4. ORIENTE MÉDIO “UMA REGIÃO EM CONFLITOS” 1º Conflito: ÉTNICO • Após um conflito com os Romanos no século I dC, ocorre a diáspora dos Judeus e os Árabes ocupam a Terra; • Árabes e Judeus consideram-se herdeiros de Abrão, portanto, detentores da promessa de Deus quanto a posse da “Terra Prometida”. • Com o advento do cristianismo, europeus também se inserem na disputa pelas terras (cruzadas).
  • 5. ORIENTE MÉDIO “UMA REGIÃO EM CONFLITOS” 2º Conflito: RELIGIOSO • Os Judeus instituem a religião Judaica, centrada no “Tanac” (Antigo Testamento Cristão) na “Terra Prometida”; • Jesus Cristo funda a sua Igreja e surge o cristianismo na “Terra Prometida” com base no “Tanac” e, posteriormente, surge o Novo Testamento (Bíblia); • No século VII dC, Mohamade (Maomé) unifica as tribos árabes em torno de um só chefe político e de um só deus (Alá), com a obrigação de venerar os locais sagrados do patriarca Abrão na “Terra prometida”; • Surge o Islamismo e o seu império, com base no “Tanac” e no “Corão”.
  • 6. ORIENTE MÉDIO “UMA REGIÃO EM CONFLITOS” 3º Conflito: ECONÔMICO • Desde a antiguidade, a “Terra Prometida” foi cobiçada e conquistada por vários povos e civilizações, devido, principalmente, a sua condição de entreposto (África, Ásia e Europa); • Na Contemporaneidade, o Império Britânico domina e redefini a geografia do Oriente Médio: Terra do Petróleo (1860) e do canal de Suez*.
  • 7. Questão Árabe-israelense • Visão Geral.  Relação direta com a criação de Israel ( 1948 )  Divisão da Palestina ( árabe e judeu )
  • 8.
  • 9. FAIXA DE GAZA • Território situado no Oriente Médio, limitado a norte e a leste por Israel, e a sul pelo Egito, foi ocupado por Israel após a “Guerra dos 6 dias”. • É neste território que se formam o Hamas e a Jihad islâmica. • Não é reconhecida internacionalmente como pertencente a um país soberano, já que seu espaço aéreo e seu acesso marítimo são controlados pelo estado de Israel (que ocupou militarmente o território entre Junho de 1967 e Agosto de 2005). • Sua jurisdição, entretanto, faz parte da Autoridade Nacional Palestina, e espera se tornar um estado da Palestina. • Uma das regiões mais densamente povoadas do planeta (1,4 mi), possui hoje mais de 60% de sua população em caráter refugiado. A maioria é muçulmana-sunita.
  • 10. CISJORDÂNIA • População composta por maioria árabes palestina (muçulmano-sunitas) e colonos judeus de Jerusalém Oriental. • Também chamada de Margem Ocidental, é território disputado pela Palestina e pela Jordânia sob ocupação de Israel. • Com a Guerra dos Seis Dias, que resultou na ocupação militar de Israel da Cisjordânia, ocorreu um êxodo de árabes para a Jordânia. • Possui resistência lingüística, com o árabe sendo mais falado que o hebraico. • Reúne em seu território locais que são sagrados para o judaísmo, o islã e o cristianismo.
  • 12. O SIONISMO • Sião/Sion/Zion é o nome de um monte nos arredores de Jerusalém que deu orígem ao chamado Sionismo. • Sionismo é um movimento político que defende o direito à autodeterminação do povo judeu e à existência de um Estado Judaico, por isso sendo também chamado de nacionalismo judaico . • Originário da segunda metade do século XIX, tem como pilar judeus estabelecidos na Europa central e do leste, que lutaram contra o anti-semitismo presente em tais regiões. • Tem como base o livro “Der Judenstaat”, de 1896, escrito por Theodor Herzl, lider do movimento, que pregava que o anti-semitismo só se resolveria quando os judeus dispersos pelo mundo pudessem se reunir e se estabalecer num Estado nacional independente.
  • 13. AS RAZÕES ISRAELENSES • A Terra foi prometida por Deus aos judeus, de forma que, na Bíblia, inúmeras passagens citam Israel e Jerusalém como sagrados ao povo judeu. • Desde o exílio judaico pelos romanos, Israel nunca foi um estado, mas colônia de diversos impérios, nunca retomando sua soberania. Alegam os judeus terem restabelecido isso. • O estado de Israel foi criado pela ONU em 1947 como democrático, moderno e soberano. • Todo território foi comprado ou conquistado pelos judeus em guerras de defesa, após o país ter sido atacado por árabes, estes que controlam 99.9% do território no Oriente Médio. Israel representa apenas um décimo de 1 % da região. • A história demonstrou que a segurança do povo judeu apenas pode ser garantida através da existência de um estado judeu forte e soberano.
  • 14. AS RAZÕES PALESTINAS • Os árabes muçulmanos viveram no local por muitos anos. • O povo palestino tem o direito à independência nacional e à soberania sobre a terra onde viveram. • Jerusalém é a terceira cidade sagrada na religião muçulmana, local de elevação do profeta Maomé aos Céus. • O Oriente Médio é dominado por árabes. Outras religiões ou nacionalidades não pertencem à região. • Todos os territórios árabes que foram colonizados tornaram-se estados completamente independentes, exceto a Palestina. • Os palestinos tornaram-se refugiados. Outros países árabes nunca os aceitaram completamente e eles vivem freqüentemente em campos para refugiados tomados pela pobreza.
  • 15. REAÇÃO PALESTINA - A OLP • 1959 – o líder palestino Yasser Arafat cria o organização terrorista Al-Fatah, que passou a lutar pela recuperação dos territórios palestinos • Em 1964, a Al-Fatah transformou-se na OLP (Organização para a Libertação da Palestina) • Instalada na Jordânia, a OLP passou a atacar Israel e também a receber ataques israelenses (apoiados pelos EUA) • Em 1970, a OLP foi expulsa da Jordânia e migrou para Beirute, atacando Israel a partir do sul do Líbano
  • 16. AUTORIDADE NACIONAL PALESTINA (ANP) • Depois de 27 anos de exílio, Arafat voltou à Palestina para formar um governo autônomo (Autoridade Palestina), da qual seria eleito presidente em 1996 • A Autoridade Palestina não foi reconhecida pela ONU (o seu reconhecimento seria o primeiro passo para a criação de um Estado palestino)
  • 17. Principais conflitos no Oriente Médio • A questão Árabe-Israelense: Contexto Histórico: • Segundo a Bíblia, os judeus foram perseguidos e obrigados a promover a Diáspora. • No século XIX surge na Europa o movimento Sionista, que pregava o retorno dos judeus a sua terra natal. •Após a 2°Guerra Mundial, a comunidade internacional sensibilizada pelo Holocausto, aprova o plano da ONU de partilha da Palestina e criação de um estado Judeu no Oriente Médio. •Desde então a Palestina se tornou foco de inúmeros conflitos que veremos agora:
  • 18. Principais conflitos no Oriente 11..GGuueerrrraa ddee IInnddeeppeennddêêMnnccéiidaa iddoee IIssrraaeell –– ((11994488--11994499)) Países envolvidos: Israel X Egito ,Iraque, Transjordânia Líbano e Síria Causas: • Recusa dos países Árabes em aceitar a partilha Promovida pela ONU Consequências : • Israel aumenta em 50 % seu território original. • Milhares de Palestinos tornan-se refugiados não sendo reconhecidos como cidadãos nos países vizinhos. • Ínicio do movimento denominado Pan-arabismo.
  • 19. Principais conflitos no Oriente 22.. GGuueerrrraa ddee SSuueezz –– M((11é99d55i66o)) Países envolvidos: Israel, França e Inglaterra X Egito Causas: • Nacionalização do canal de Suez por Gamal Abdel Nasser. •Tentativa das potências européias de reafirmarem sua influência no norte da África. Consequências : •Fracasso diplomatico europeu e afirmação da influência Norte- Americana e Soviética no Oriente Médio . • Ínicio do processo de descolonização Afro-Ásiatico.
  • 20. Principais conflitos no Oriente 33.. GGuueerrrraa ddooss SSeeiiss DDMiiaaéssd ––io ((11996677)) Países envolvidos: Israel X Egito, Jordânia e Síria Causas: • Represália egípicia a Israel com o fechamento do estreito de Tiran. Consequências : • Israel passa a ocupar a Península do Sinai, as Colinas de Golã e a Faixa de Gaza, triplicando seu território. • Decandência do movimento pan-arabista. •Consolidação de Israel como potência regional.
  • 21. Principais conflitos no Oriente 44.. GGuueerrrraa ddoo YYoomm KKiippMppéuudrri o–– ((11997733)) Países envolvidos: Israel X Egito e Síria Causas: • Tentativa do Egito e da Síria de reconquistar os territórios perdidos em 1967. Consequências : • Manutenção dos territórios ocupados por Israel em 1967. • Assinatura dos acordos de Camp David. (Devolução da Península do Sinai ao Egito)
  • 22. Principais conflitos no Oriente 55.. AA qquueessttããoo PPaalleessttiiMnnaaédio Cronologia: 1959 Surge a Al Fatah 1964 Surgimento da OLP 1970 “Setembro Negro” – Expulsão dos guerrilheiros palestinos para o sul do Líbano 1972 Ocorrência do incidente de Munique (o terrorismo ganha atenção internacional) 1988 Ocorrência da 1° Intifada. (revolta civil contra a ocupação Israelense). 1993 Acordos de Oslo 1997 Ocorrência da 2° Intifada. (revolta civil contra a ocupação Israelense) 2000 Camp David 2002 Muro de proteção 2004 Morte de Yasser Arafat 2005 Eleição do Hamas
  • 23. Principais conflitos no Oriente Guerra Irã x Iraque M(1é9d8i0o- 1989) Países envolvidos: Irã e Iraque Causas: • Revolução Islâmica no Irâ (1979). • Disputa pela posse do Chat-El-Arab. • Temor do regime sunita iraquiano de um levante xiita. Consequências : • Destruição quase completa dos Arsenais e da infraestrutura petrolífera da região. • Manutenção dos interesses geopolíticos das superpotências na região. E agora? Vou te pegar maluco!
  • 24. Principais conflitos no Oriente Guerra do Golfo (19M9é1d) io Países envolvidos: Iraque, Kuwait e EUA. Causas: • Reinvindicação por parte do Iraque de territórios do Kuwait. • Tentativa de Saddam Hussein de recuperar parte dos gastos com a guerra contra o Irã. Consequências : •Intervenção militar Norte-Americana no Golfo Pérsico. • Consolidação da Hegemonia Americana na Região. •Embargo Econômico ao Iraque. No meu petróleo, ninguém põe a mão!
  • 25. Sunitas X Xiitas Sunitas e Xiitas observam a crença e a organização política muçulmana de formas distintas.
  • 26. Xiitas X Sunitas • os sunitas hoje representam mais de noventa por cento da população muçulmana. • os xiitas acreditam que sua vida ascética e a adoção de princípios mais rígidos garantiriam o retorno de Mahdi, o último descendente direto, que seria responsável pelo retorno de um governo mais justo e próspero. • Já os sunitas acreditam que os livros sagrados (Alcorão e Suna) e a discussão entre os irmãos sejam suficientes para a promoção de um bom governo. Prof: Carlos Dias