SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 31
Espaço Natural Africano




      Breno Amarante
O espaço natural africano
 Litoral         Pouco recortado
                       Com poucos portos naturais


 A África é um grande continente, com mais de 30 milhões km²


 Nordeste da África     1869       Inaugurou-se o canal de
                                   Suez.


Une-se ao continente             Proporcionou o
 asiático através do            encurtamento das
   istmo de Suez.               distâncias por via
                                    marítima.
Apresenta 53 unidades
políticas
Imagem de satélite retratando o canal de Suez,
no nordeste da África.
Atualmente
       O canal de Suez é uma importante fonte de receita
       para a economia egípcia.

                                  Região controlada pelo
                                  Reino Unido.

Noroeste do continente       Localiza-se o estreito de
                             Gibraltar.


                               Com 12 a 14 km de
                               largura.

                         Separa o Marrocos, na África, da
                         Espanha, na Europa.
A base geológica do relevo
O relevo               africano é muito antiga.



                      Isto explica as pequenas
                      altitudes do continente, que
                      foi sendo desgastado ao
                      longo dos anos.

   A África apresenta um dos mais baixos relevos
   do mundo. Com altitude média de 350 metros.



      Sua paisagem predominam os planaltos,
    bastantes aplainados e baixos, entremeados
            de planícies sedimentares.
Linha de falhas do Rift
Valley.
Mas há algumas elevações recentes, como a
        cadeia do Atlas, os montes tibest, o planalto da
        Etiópia.


                    Situam-se os maciços vulcânicos
No Rift Valley      onde estão os pontos mais altos do
                    relevo africano.


    • Monte Kilimanjaro, com 5 895 metros de altitude;
    • Monte Quênia, com 5 195 metros;
    • Monte Ruvenzori, com 5 118 metros.
Lagos entre os vales
Cadeia do Atlas.
Porção norte         Cadeia montanhosa do Atlas


                  • Formação geológica recente;
                  • chega a 4 mil metros de altitude;
                  • ocupa terras da Argélia e do Marrocos.

  Sul        Cadeia do Cabo
                  Formação geológica bem antiga.
                        Sobressaem-se os montes
                        Drakensberg.

Planícies africanas     Próximo ao litoral ou às margens
                        de alguns rios.

   São mais povoadas em alguns trechos da Costa do
    Marfim, da Nigéria, do Togo, de Benin e de Gana.
Conversa
 Qual a forma de relevo predominante na África? De
     modo geral, onde estão localizadas as planícies?

 Na porção centro-oriental do continente, observa-se
     concentração de lagos e montes, como o Quênia e o
     Kilimanjaro. Explique a origem dos lagos e dos
     montes dessa região.
1. A forma de relevo predominante são os planaltos aplainados
   e baixos.
2. Os lagos são de origem vulcânicas e os montes são
   dobramentos recentes formados pelos encontros das placas
   tectônicas.
Hidrografia Africana


A hidrografia do continente é pobre, devido
à presença de extensas áreas com climas
            áridos e semiáridos.
• Um dos rios mais extensos do mundo;
Rio Nilo         • 6 670 km de comprimento.
                 • Nasce na área equatorial e por isso tem
                 volume suficiente para atravessar o
                 Deserto do Saara e desaguar no Mar
                 Mediterrâneo

       • Rio de grande importância histórica;
       • Desemboca no mar Mediterrâneo;
       • A sua foz é um imenso delta de grande
       proveito para a atividade agrícola.


    O Congo, rio de zona equatorial, com elevados
       volumes de água e potencial hidrelétrico
Rio Nilo e sua foz em delta.
Bacia do rio Congo

      Desenvolve-se uma intensa atividade de
      mineração, destacando-se o cobre, o petróleo, o
      manganês, o diamante e o cobalto.


   Os rios e lagos africanos têm grande importância
     para a população no fornecimento de energia
    elétrica, na irrigação e como via de locomoção.


       A África apresenta um dos maiores
         conjuntos de lagos do mundo.
O clima
                      Algumas correntes
                      marítimas interferem no
                      clima do litoral, como as
Predominantemente     de Benguela e de
quente                Agulhas.
    Os que
    abrangem
    maiores
                       Corrente de Benguela:
    extensões são
                       corrente fria que torna o
    o equatorial,
                    litoral sudoeste mais seco e
    o tropical, o
                                  frio.
    desértico e o
                        Corrente de Agulha:
    semiárido.
                     corrente quente faz o litoral
                    sudeste ficar mais quente e
                               chuvoso
Paisagem Vegetal Africana

   Costuma-se dizer que a vegetação africana é o
espelho do clima, já que as paisagens organizam-se
pelo espaço geográfico de forma muito parecida com
  os tipos climáticos. A formação predominante no
continente africano são as Savanas perfazendo 40%
                     do território.
Savanas Africana
Oásis, encontrado em regiões desérticas
Áreas desérticas

      • Chuvas, além de escassas, são bastante
      irregulares;
      • Vegetação praticamente inexistente.


Clima desértico      Marcado por grandes oscilações
                     de temperatura


   Enquanto durante o dia o forte calor faz com que a
       temperatura atinja quase 50 ºC, à noite as
     temperaturas caem bruscamente, chegando a
                   menos de 15 ºC.
Problemas Ambientais
  Africano

      Ampliação da área desértica,
principalmente na área conhecida como
                Sahel
Dois grandes desertos:
 • Saara, ao norte, o maior do mundo,
 com 9 milhões de km²;
 • Kalahari, a sudoeste, com 600 mil km².

 A área ocupada pelos desertos vem se ampliando:

       Isso porque em vez de se manter a vegetação
       ou mesmo promover o plantio de árvores nas
       regiões que os margeiam, que seria a
       maneira indicada de contornar esse avanço,
       ocorrem intensos desmatamentos.
No Sahel, localizado na borda
sul do Deserto do Saara, com o
aumento do número de
habitantes ampliou a ocupação
de terras pela pecuária. Os
animais consumiram a rala
vegetação, até sua quase
extinção, contribuindo para o
avanço da areias do deserto.
A práticas agrícolas
ultrapassadas, como as
queimadas também contribuem
para o aumento da área
desértica.
África - Sahel
Atividade

 Explique a importância do rio Nilo para o
  povo africano.
 Explique a origem do aumento do processo
  de desertificação no continente africano.
 Qual é a principal formação vegetal
  africana? E qual a principal característica da
  mesma?

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula Geopolitica
Aula GeopoliticaAula Geopolitica
Aula Geopolitica
Italo Alan
 
Europa – aspectos naturais
Europa – aspectos naturaisEuropa – aspectos naturais
Europa – aspectos naturais
Professor
 
Brasil – massas de ar e clima
Brasil – massas de ar e climaBrasil – massas de ar e clima
Brasil – massas de ar e clima
Professor
 
8º ano (cap. 4). áfrica
8º ano (cap. 4). áfrica8º ano (cap. 4). áfrica
8º ano (cap. 4). áfrica
Alexandre Alves
 
O relevo e as suas formas
O relevo e as suas formasO relevo e as suas formas
O relevo e as suas formas
profacacio
 

Mais procurados (20)

Aula Geopolitica
Aula GeopoliticaAula Geopolitica
Aula Geopolitica
 
América do sul
América do sulAmérica do sul
América do sul
 
Asia
AsiaAsia
Asia
 
oriente medio
oriente mediooriente medio
oriente medio
 
Industrialização brasileira
Industrialização brasileiraIndustrialização brasileira
Industrialização brasileira
 
A Regionalização da América
A Regionalização da AméricaA Regionalização da América
A Regionalização da América
 
7º ano unidade 5 - Região Norte
7º ano   unidade 5 - Região Norte7º ano   unidade 5 - Região Norte
7º ano unidade 5 - Região Norte
 
AMÉRICA LATINA
AMÉRICA LATINAAMÉRICA LATINA
AMÉRICA LATINA
 
Europa – aspectos naturais
Europa – aspectos naturaisEuropa – aspectos naturais
Europa – aspectos naturais
 
9 º ano asia
9 º ano asia9 º ano asia
9 º ano asia
 
Continente americano
Continente americanoContinente americano
Continente americano
 
Localização do território brasileiro
Localização do território brasileiroLocalização do território brasileiro
Localização do território brasileiro
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicos
 
Oriente Médio
Oriente MédioOriente Médio
Oriente Médio
 
America latina
America latina America latina
America latina
 
Brasil – massas de ar e clima
Brasil – massas de ar e climaBrasil – massas de ar e clima
Brasil – massas de ar e clima
 
Continente Asiático
Continente AsiáticoContinente Asiático
Continente Asiático
 
8º ano (cap. 4). áfrica
8º ano (cap. 4). áfrica8º ano (cap. 4). áfrica
8º ano (cap. 4). áfrica
 
Estado nação, território e poder
Estado nação, território e poderEstado nação, território e poder
Estado nação, território e poder
 
O relevo e as suas formas
O relevo e as suas formasO relevo e as suas formas
O relevo e as suas formas
 

Destaque (20)

Geo h e_9ano_cap14_site
Geo h e_9ano_cap14_siteGeo h e_9ano_cap14_site
Geo h e_9ano_cap14_site
 
Aorganizao poltica no planeta
Aorganizao poltica no planetaAorganizao poltica no planeta
Aorganizao poltica no planeta
 
Conceitos demográficos
Conceitos demográficosConceitos demográficos
Conceitos demográficos
 
áFrica Aspectos FíSicos
áFrica Aspectos FíSicosáFrica Aspectos FíSicos
áFrica Aspectos FíSicos
 
Orientação e coordenadas geográficas
Orientação e coordenadas geográficasOrientação e coordenadas geográficas
Orientação e coordenadas geográficas
 
Brasil – massas de ar e clima
Brasil – massas de ar e climaBrasil – massas de ar e clima
Brasil – massas de ar e clima
 
Europa sociedade
Europa   sociedadeEuropa   sociedade
Europa sociedade
 
Alterações climáticas
Alterações climáticasAlterações climáticas
Alterações climáticas
 
Atividade industrial
Atividade industrialAtividade industrial
Atividade industrial
 
Cartografia2.
Cartografia2.Cartografia2.
Cartografia2.
 
A amazônia azul cópia
A amazônia azul   cópiaA amazônia azul   cópia
A amazônia azul cópia
 
O espaço geográfico rural
O espaço geográfico ruralO espaço geográfico rural
O espaço geográfico rural
 
O uso dos solos 7 ano
O uso dos solos 7 anoO uso dos solos 7 ano
O uso dos solos 7 ano
 
As formaçoes vegetais pelo mundo
As formaçoes vegetais pelo mundoAs formaçoes vegetais pelo mundo
As formaçoes vegetais pelo mundo
 
Brasil – domínios morfoclimáticos
Brasil – domínios morfoclimáticosBrasil – domínios morfoclimáticos
Brasil – domínios morfoclimáticos
 
A regionalização e as divisões regionais no brasil
A regionalização e as divisões regionais no brasilA regionalização e as divisões regionais no brasil
A regionalização e as divisões regionais no brasil
 
Geo h e_9ano_cap15_site
Geo h e_9ano_cap15_siteGeo h e_9ano_cap15_site
Geo h e_9ano_cap15_site
 
Aspectos físicos e naturais da África
 Aspectos físicos e naturais da África Aspectos físicos e naturais da África
Aspectos físicos e naturais da África
 
Migração na áfrica
Migração na áfricaMigração na áfrica
Migração na áfrica
 
áFrica 2
áFrica 2áFrica 2
áFrica 2
 

Semelhante a Africa aspectos fisicos

AFRICA - ASPCETOS FÍSICOS E HUMANOS
AFRICA - ASPCETOS FÍSICOS E HUMANOSAFRICA - ASPCETOS FÍSICOS E HUMANOS
AFRICA - ASPCETOS FÍSICOS E HUMANOS
LUIS ABREU
 
áFrica apoliane e lorrane
áFrica apoliane e lorraneáFrica apoliane e lorrane
áFrica apoliane e lorrane
emefjardel1
 
Modulo 02 - O quadro natural africano
Modulo 02 - O quadro natural africanoModulo 02 - O quadro natural africano
Modulo 02 - O quadro natural africano
Claudio Henrique Ramos Sales
 
A produção do espaço africano
A produção do espaço africano A produção do espaço africano
A produção do espaço africano
pedrohd8
 

Semelhante a Africa aspectos fisicos (20)

Africa - Natureza
Africa - NaturezaAfrica - Natureza
Africa - Natureza
 
Africa - Natureza
Africa - NaturezaAfrica - Natureza
Africa - Natureza
 
Africa quadro natural
Africa   quadro naturalAfrica   quadro natural
Africa quadro natural
 
África - Bioma
África - BiomaÁfrica - Bioma
África - Bioma
 
O continente africano
O continente  africanoO continente  africano
O continente africano
 
O continente africano
O continente  africanoO continente  africano
O continente africano
 
O continente africano
O continente  africanoO continente  africano
O continente africano
 
AFRICA - ASPCETOS FÍSICOS E HUMANOS
AFRICA - ASPCETOS FÍSICOS E HUMANOSAFRICA - ASPCETOS FÍSICOS E HUMANOS
AFRICA - ASPCETOS FÍSICOS E HUMANOS
 
Aula 21 áfrica - quadro natural e humano
Aula 21   áfrica - quadro natural e humanoAula 21   áfrica - quadro natural e humano
Aula 21 áfrica - quadro natural e humano
 
África
África África
África
 
Africa Quadro Natural
Africa   Quadro NaturalAfrica   Quadro Natural
Africa Quadro Natural
 
áFrica apoliane e lorrane
áFrica apoliane e lorraneáFrica apoliane e lorrane
áFrica apoliane e lorrane
 
Africa 2019 champ
Africa 2019 champAfrica 2019 champ
Africa 2019 champ
 
áFrica física
áFrica físicaáFrica física
áFrica física
 
Modulo 02 - O quadro natural africano
Modulo 02 - O quadro natural africanoModulo 02 - O quadro natural africano
Modulo 02 - O quadro natural africano
 
Resumo áfrica
Resumo áfricaResumo áfrica
Resumo áfrica
 
Csc geo - áfrica aspectos físicos e naturais
Csc   geo - áfrica aspectos físicos e naturaisCsc   geo - áfrica aspectos físicos e naturais
Csc geo - áfrica aspectos físicos e naturais
 
A produção do espaço africano
A produção do espaço africano A produção do espaço africano
A produção do espaço africano
 
África: aspectos físicos e naturais RIGHETTI
África: aspectos físicos e naturais RIGHETTIÁfrica: aspectos físicos e naturais RIGHETTI
África: aspectos físicos e naturais RIGHETTI
 
África
ÁfricaÁfrica
África
 

Mais de Professor

Energia Elétrica Aula
Energia Elétrica AulaEnergia Elétrica Aula
Energia Elétrica Aula
Professor
 
A indústria no brasil
A indústria no brasilA indústria no brasil
A indústria no brasil
Professor
 
O mundo atual formas cartográficas de representação
O mundo atual   formas cartográficas de representaçãoO mundo atual   formas cartográficas de representação
O mundo atual formas cartográficas de representação
Professor
 
As origens domundo atual 8º ano.
As origens domundo atual 8º ano.As origens domundo atual 8º ano.
As origens domundo atual 8º ano.
Professor
 
Energia elétrica
Energia elétricaEnergia elétrica
Energia elétrica
Professor
 
A atividade industrial nos eua
A atividade industrial nos euaA atividade industrial nos eua
A atividade industrial nos eua
Professor
 
Estados unidos sociedade e economia
Estados unidos   sociedade e economiaEstados unidos   sociedade e economia
Estados unidos sociedade e economia
Professor
 
Atividade industrial
Atividade industrialAtividade industrial
Atividade industrial
Professor
 
Os climas e as paisagens vegetais da américa anglo saxônica
Os climas e as paisagens vegetais da américa anglo saxônicaOs climas e as paisagens vegetais da américa anglo saxônica
Os climas e as paisagens vegetais da américa anglo saxônica
Professor
 
América anglo saxônica
América anglo saxônicaAmérica anglo saxônica
América anglo saxônica
Professor
 
Alterações climáticas
Alterações climáticasAlterações climáticas
Alterações climáticas
Professor
 
Urbanização, rede urbana e metrópoles
Urbanização, rede urbana e metrópolesUrbanização, rede urbana e metrópoles
Urbanização, rede urbana e metrópoles
Professor
 
A nova china
A nova chinaA nova china
A nova china
Professor
 
A economia industrial da união europeia
A economia industrial da união europeiaA economia industrial da união europeia
A economia industrial da união europeia
Professor
 

Mais de Professor (15)

Energia Elétrica Aula
Energia Elétrica AulaEnergia Elétrica Aula
Energia Elétrica Aula
 
A indústria no brasil
A indústria no brasilA indústria no brasil
A indústria no brasil
 
O mundo atual formas cartográficas de representação
O mundo atual   formas cartográficas de representaçãoO mundo atual   formas cartográficas de representação
O mundo atual formas cartográficas de representação
 
As origens domundo atual 8º ano.
As origens domundo atual 8º ano.As origens domundo atual 8º ano.
As origens domundo atual 8º ano.
 
Energia elétrica
Energia elétricaEnergia elétrica
Energia elétrica
 
Aula japão
Aula japãoAula japão
Aula japão
 
A atividade industrial nos eua
A atividade industrial nos euaA atividade industrial nos eua
A atividade industrial nos eua
 
Estados unidos sociedade e economia
Estados unidos   sociedade e economiaEstados unidos   sociedade e economia
Estados unidos sociedade e economia
 
Atividade industrial
Atividade industrialAtividade industrial
Atividade industrial
 
Os climas e as paisagens vegetais da américa anglo saxônica
Os climas e as paisagens vegetais da américa anglo saxônicaOs climas e as paisagens vegetais da américa anglo saxônica
Os climas e as paisagens vegetais da américa anglo saxônica
 
América anglo saxônica
América anglo saxônicaAmérica anglo saxônica
América anglo saxônica
 
Alterações climáticas
Alterações climáticasAlterações climáticas
Alterações climáticas
 
Urbanização, rede urbana e metrópoles
Urbanização, rede urbana e metrópolesUrbanização, rede urbana e metrópoles
Urbanização, rede urbana e metrópoles
 
A nova china
A nova chinaA nova china
A nova china
 
A economia industrial da união europeia
A economia industrial da união europeiaA economia industrial da união europeia
A economia industrial da união europeia
 

Africa aspectos fisicos

  • 1. Espaço Natural Africano Breno Amarante
  • 2. O espaço natural africano Litoral Pouco recortado Com poucos portos naturais A África é um grande continente, com mais de 30 milhões km² Nordeste da África 1869 Inaugurou-se o canal de Suez. Une-se ao continente Proporcionou o asiático através do encurtamento das istmo de Suez. distâncias por via marítima.
  • 4. Imagem de satélite retratando o canal de Suez, no nordeste da África.
  • 5. Atualmente O canal de Suez é uma importante fonte de receita para a economia egípcia. Região controlada pelo Reino Unido. Noroeste do continente Localiza-se o estreito de Gibraltar. Com 12 a 14 km de largura. Separa o Marrocos, na África, da Espanha, na Europa.
  • 6. A base geológica do relevo O relevo africano é muito antiga. Isto explica as pequenas altitudes do continente, que foi sendo desgastado ao longo dos anos. A África apresenta um dos mais baixos relevos do mundo. Com altitude média de 350 metros. Sua paisagem predominam os planaltos, bastantes aplainados e baixos, entremeados de planícies sedimentares.
  • 7.
  • 8. Linha de falhas do Rift Valley.
  • 9. Mas há algumas elevações recentes, como a cadeia do Atlas, os montes tibest, o planalto da Etiópia. Situam-se os maciços vulcânicos No Rift Valley onde estão os pontos mais altos do relevo africano. • Monte Kilimanjaro, com 5 895 metros de altitude; • Monte Quênia, com 5 195 metros; • Monte Ruvenzori, com 5 118 metros.
  • 10. Lagos entre os vales
  • 12. Porção norte Cadeia montanhosa do Atlas • Formação geológica recente; • chega a 4 mil metros de altitude; • ocupa terras da Argélia e do Marrocos. Sul Cadeia do Cabo Formação geológica bem antiga. Sobressaem-se os montes Drakensberg. Planícies africanas Próximo ao litoral ou às margens de alguns rios. São mais povoadas em alguns trechos da Costa do Marfim, da Nigéria, do Togo, de Benin e de Gana.
  • 13. Conversa  Qual a forma de relevo predominante na África? De modo geral, onde estão localizadas as planícies?  Na porção centro-oriental do continente, observa-se concentração de lagos e montes, como o Quênia e o Kilimanjaro. Explique a origem dos lagos e dos montes dessa região. 1. A forma de relevo predominante são os planaltos aplainados e baixos. 2. Os lagos são de origem vulcânicas e os montes são dobramentos recentes formados pelos encontros das placas tectônicas.
  • 14. Hidrografia Africana A hidrografia do continente é pobre, devido à presença de extensas áreas com climas áridos e semiáridos.
  • 15. • Um dos rios mais extensos do mundo; Rio Nilo • 6 670 km de comprimento. • Nasce na área equatorial e por isso tem volume suficiente para atravessar o Deserto do Saara e desaguar no Mar Mediterrâneo • Rio de grande importância histórica; • Desemboca no mar Mediterrâneo; • A sua foz é um imenso delta de grande proveito para a atividade agrícola. O Congo, rio de zona equatorial, com elevados volumes de água e potencial hidrelétrico
  • 16. Rio Nilo e sua foz em delta.
  • 17. Bacia do rio Congo Desenvolve-se uma intensa atividade de mineração, destacando-se o cobre, o petróleo, o manganês, o diamante e o cobalto. Os rios e lagos africanos têm grande importância para a população no fornecimento de energia elétrica, na irrigação e como via de locomoção. A África apresenta um dos maiores conjuntos de lagos do mundo.
  • 18.
  • 19. O clima Algumas correntes marítimas interferem no clima do litoral, como as Predominantemente de Benguela e de quente Agulhas. Os que abrangem maiores Corrente de Benguela: extensões são corrente fria que torna o o equatorial, litoral sudoeste mais seco e o tropical, o frio. desértico e o Corrente de Agulha: semiárido. corrente quente faz o litoral sudeste ficar mais quente e chuvoso
  • 20.
  • 21. Paisagem Vegetal Africana Costuma-se dizer que a vegetação africana é o espelho do clima, já que as paisagens organizam-se pelo espaço geográfico de forma muito parecida com os tipos climáticos. A formação predominante no continente africano são as Savanas perfazendo 40% do território.
  • 22.
  • 24. Oásis, encontrado em regiões desérticas
  • 25. Áreas desérticas • Chuvas, além de escassas, são bastante irregulares; • Vegetação praticamente inexistente. Clima desértico Marcado por grandes oscilações de temperatura Enquanto durante o dia o forte calor faz com que a temperatura atinja quase 50 ºC, à noite as temperaturas caem bruscamente, chegando a menos de 15 ºC.
  • 26. Problemas Ambientais Africano Ampliação da área desértica, principalmente na área conhecida como Sahel
  • 27. Dois grandes desertos: • Saara, ao norte, o maior do mundo, com 9 milhões de km²; • Kalahari, a sudoeste, com 600 mil km². A área ocupada pelos desertos vem se ampliando: Isso porque em vez de se manter a vegetação ou mesmo promover o plantio de árvores nas regiões que os margeiam, que seria a maneira indicada de contornar esse avanço, ocorrem intensos desmatamentos.
  • 28. No Sahel, localizado na borda sul do Deserto do Saara, com o aumento do número de habitantes ampliou a ocupação de terras pela pecuária. Os animais consumiram a rala vegetação, até sua quase extinção, contribuindo para o avanço da areias do deserto. A práticas agrícolas ultrapassadas, como as queimadas também contribuem para o aumento da área desértica.
  • 29.
  • 31. Atividade  Explique a importância do rio Nilo para o povo africano.  Explique a origem do aumento do processo de desertificação no continente africano.  Qual é a principal formação vegetal africana? E qual a principal característica da mesma?